Guia do Congressista
Guia do Congressista
VI CNA - Congresso Nacional de
Arquivologia
Tema:
- Arquivologia,
sustentabilidade e inovação -
20 a ...
Comissão Organizadora do VI CNA
Presidente
Débora Flores - Mestrado
Membros
Andrea Gonçalves dos Santos - Mestrado
Camila ...
Comissão de Pareceristas - Avaliadores
Alicia Casas de Barran (EUBCA) - MERCOSUL
Ana Celeste Indolfo (Arquivo Nacional) - ...
Rita de Cassia Portela da Silva - UFRGS
Rosa Zuleide Lima de Brito - UFPB
Rosane Suely Alvares Lunardelli - UEL
Sérgio Ren...
Associação dos Arquivistas do RS - AARS
Biênio 2013 - 2015
Diretoria
PRESIDENTE: Débora Flores
VICE-PRESIDENTE: Andrea Gon...
APRESENTAÇÃO
A Comissão organizadora do VI Congresso Nacional de
Arquivologia sente-se orgulhosa de recebê-los em Santa Ma...
PREZADOS CONGRESSISTAS
SEJAM BEM-VINDOS AO
VI CONGRESSO NACIONAL DE ARQUIVOLOGIA
INFORMAÇÕES GERAIS
1. Secretaria: A equip...
a) Normas para apresentação dos pôsteres: Todos os
apresentadores deverão estar no espaço de exposição às
13h30min., com s...
5. Gastronomia:
Buffet e Alacarte
Nomes: Endereço: Telefones:
Astro verde
(vegetariano)
Tuiti,2261 (55)3223-1855
Babete* P...
Pizzarias
Bella Trentto Av. João L. Pozzobom,1599 (55)3223-9229
Cantina Di Torriani Venâncio Aires,2067 (55)3223-1722
La P...
Shoppings
Shopping Monet / Big Av. Fernando Ferrari,1483 (55)3220-3200
Royal Plaza Shopping Av.N.S.das Dores,305 (55)3225-...
7. Telefones Úteis
Aeroporto (55)3226-6729
Auto Locadora Albatroz (55)3222-9444
Auto Locadora Localiza (55)3219-1640
Bombe...
8. Transporte para Congressistas: A comissão organizadora do VI
CNA está colocando, gratuitamente, um itinerário de ônibus...
 DIA 22/10
SAÍDA DOS HOTÉIS PARA O EVENTO
o 8:30 – ROTA 1 – PARK HOTEL MOROTIN
o 8:30 – ROTA 2 – PARK HOTEL MOROTIN
IDA P...
o 18:00 – PARK HOTEL MOROTIN – HOTÉIS
ROTA 1
PARTIDA → Hotel Dom Rafael → Hotel Morotin do Centro →
Hotel Itaimbé → Hotel ...
11.Horários de ônibus urbano:
LINHA Centro → UFSM LINHA UFSM → Centro
07:08 Faixa nova 06:45 Faixa nova
07:20 Faixa nova 0...
A AARS
A Associação dos Arquivistas do Estado do Rio Grande do
Sul (AARS), criada em 1999, surgiu a partir da extinção dos...
O EVENTO
A realização do Congresso Nacional de Arquivologia é o
resultado do envolvimento e da cooperação das associações
...
A realização deste evento é a grande oportunidade de
atualização dos profissionais, explorando novas tendências na
gestão ...
impacto das novas tecnologias da informação”.
O V CNA se realizou na encantadora e musical cidade de
Salvador em 2012, ten...
OFICINAS
Preservação Digital: Conceitos, Técnicas e
Políticas para a Preservação de Objetos Digitais
Esta oficina tem como...
O documento arquivístico digital: a gestão com o
e ARQ Brasil e a preservação e acesso com as
recomendações de repositório...
"El marco MSS serie ISO 30300: Sistema de
gestión de documentos de archivo"
Las organizaciones interesadas en demostrar co...
Guia do congressista do VI CNA - Congresso Nacional de Arquivologia - 2014 - Santa Maria - RS
Guia do congressista do VI CNA - Congresso Nacional de Arquivologia - 2014 - Santa Maria - RS
Guia do congressista do VI CNA - Congresso Nacional de Arquivologia - 2014 - Santa Maria - RS
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Guia do congressista do VI CNA - Congresso Nacional de Arquivologia - 2014 - Santa Maria - RS

677 visualizações

Publicada em

Guia do congressista do VI CNA - Congresso Nacional de Arquivologia - 2014 - Santa Maria - RS

http://www.aargs.com.br/cna

VI CNA - Congresso Nacional de Arquivologia
Tema: - Arquivologia, sustentabilidade e inovação -
20 a 23 de Outubro de 2014
Centro de Eventos do Park Hotel Morotin
Santa Maria - Rio Grande do Sul

Publicação da Comissão Científica do VI CNA
Prof. Dr. Daniel Flores (Presidente da Comissão Científica)

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
677
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
13
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Guia do congressista do VI CNA - Congresso Nacional de Arquivologia - 2014 - Santa Maria - RS

  1. 1. Guia do Congressista
  2. 2. Guia do Congressista VI CNA - Congresso Nacional de Arquivologia Tema: - Arquivologia, sustentabilidade e inovação - 20 a 23 de Outubro de 2014 Centro de Eventos do Park Hotel Morotin Santa Maria - Rio Grande do Sul
  3. 3. Comissão Organizadora do VI CNA Presidente Débora Flores - Mestrado Membros Andrea Gonçalves dos Santos - Mestrado Camila Lacerda Couto - Especialização Cléo Belicio Lopes - Especialização Daniel Flores - Pós-Doutorado Denize Brum Camargo - Graduação Flavia Helena Conrado - Mestrado Jorge Alberto Soares Cruz - Mestrado Maria Cristina Kneipp Fernandes - Especialização Mateus de Moura Rodrigues - Mestrando Raquel Miranda da Silva - Especialização Rita de Cássia Portela da Silva - Mestrado Rosani Gorete Feron - Especialização Valéria Raquel Bertotti - Mestrado Viviane Portella de Portella - Mestrado Comissão Científica Presidente Prof. Dr. Daniel Flores (UFSM) Membros Prof. Dr. André Zanki Cordenonsi (UFSM) Prof. Me. Jorge Alberto Soares Cruz (UFSM) Prof. Dr. José Maria Jardim (UNIRIO) Prof. Dr. Rafael Port da Rocha (UFRGS) Profa. Ma. Valéria Raquel Bertotti (UFRGS) Secretaria da Comissão Científica Arquivista Ma. Andrea Gonçalves dos Santos (FURG) Arquivista Mnda. Daiane Regina Segabinazzi Pradebon (UFSM) Arquivista Ma. Flavia Helena Conrado (IFRS/ POA) Arquivista Ma. Neiva Pavezi (UFSM)
  4. 4. Comissão de Pareceristas - Avaliadores Alicia Casas de Barran (EUBCA) - MERCOSUL Ana Celeste Indolfo (Arquivo Nacional) - Inst. Arquivísticas Ana Célia Rodrigues - UFF André Malverdes - UFES Angelica Alves da Cunha Marques - UnB Anna Carla Almeida Mariz - UNIRIO Anna Szlecher (UnC) - MERCOSUL Aurora Leonor Freixo - UFBA Beatriz Kushnir (AGCRJ) - Inst. Arquivísticas Carla Mara da Silva Silva- UFAM Carlos Augusto Silva Ditadi - Conarq Carlos Blaya Perez - UFSM Cíntia das Chagas Arreguy - UFMG Dhion Carlos Hedlund - FURG Eliana Maria dos Santos Bahia - UFSC Eliandro dos Santos Costa - UEL Eliezer Pires da Silva - UNIRIO Fernanda Kieling Pedrazzi - UFSM Flávio Leal da Silva - UNIRIO Francisco José Aragão Pedroza Cunha - UFBA Hamilton Vieira de Oliveira - UFPA Heloísa Liberalli Bellotto - USP Janilton Fernandes Nunes - UFAM João Eurípedes Franklin Leal - Conarq Jorge Eduardo Enriquez Vivar - UFRGS José Augusto Chaves Guimarães - UNESP Josemar Henrique de Melo - UEPB Julianne Teixeira e Silva - UFPB Katia Isabelli de Bethânia Melo de Souza - UnB Leandro Ribeiro Negreiros - UFMG Marcieli Brondani de Souza - UFAM Margarete Farias de Moraes - UFES Maria Do Rocio Fontoura Teixeira - UFRGS Maria Laura Rosas (EUBCA) - MERCOSUL Maria Leandra Bizello - UNESP Maria Teresa Navarro de Britto Matos - UFBA Maria Virginia Moraes de Arana - UFES Mateus de Moura Rodrigues - FURG Paulo Roberto Elian dos Santos (Fiocruz) - Inst. Arquivísticas Lucivaldo Vasconcelos Barros - UFPA Luiz Eduardo Ferreira da Silva - UFPA Renato Tarciso Barbosa de Sousa - UnB
  5. 5. Rita de Cassia Portela da Silva - UFRGS Rosa Zuleide Lima de Brito - UFPB Rosane Suely Alvares Lunardelli - UEL Sérgio Renato Lampert - FURG Sônia Elisabete Constante - UFSM Telma Campanha de Carvalho Madio - UNESP Úrsula Blattmann - UFSC Welder Antônio Silva - UFMG Comissão de Apoio Secretária Melina Pereira Comissão de Divulgação Everton Tolves Pâmela Menezes Flores André Grendene Azevedo Maria Eduarda Flores Comissão de Transportes Daiane Regina Segabinazzi Pradebon Comissão Artística Arion Pilla Comissão de Projetos Jonas Ferrigolo Melo Juliana Kirchhof Sérgio Renato Rodrigues Comissão de Inscrições, Credenciamento e Certificados Camila Medeiros Tamiris Carvalho Catiana Ramiro Comissão de Infraestrutura Adriéli Mello Douglas Duarte
  6. 6. Associação dos Arquivistas do RS - AARS Biênio 2013 - 2015 Diretoria PRESIDENTE: Débora Flores VICE-PRESIDENTE: Andrea Gonçalves dos Santos 1ª SECRETÁRIA: Camila Lacerda Couto 2ª SECRETÁRIA: Maria Cristina Kneipp Fernandes 1ª TESOUREIRA: Raquel Miranda da Silva 2º TESOUREIRO: Cléo Belício Lopes CONSELHO FISCAL - TITULARES Denize Brum Camargo Rosani Gorete Feron Viviane Portela de Portela CONSELHO FISCAL - SUPLENTES Daniel Flores Flávia Helena Conrado Jorge Alberto Soares Cruz
  7. 7. APRESENTAÇÃO A Comissão organizadora do VI Congresso Nacional de Arquivologia sente-se orgulhosa de recebê-los em Santa Maria/RS. Ao cumprimentá-los, apresentamos este manual do congressista e caderno de resumos que contém informações que visam facilitar a participação nas atividades do congresso e sua estadia em nossa cidade. Este evento é promovido e realizado pela Associação dos Arquivistas do Estado do Rio Grande do Sul - AARS, tendo a Universidade Federal de Santa Maria - UFSM, a Universidade Federal do Rio Grande - FURG, e a Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS como apoiadoras. “Arquivologia, sustentabilidade e inovação” é o tema central. Através de conferências, oficinas, eventos paralelos e apresentações de trabalhos pretende-se que sejam discutidas problemáticas atuais, reafirmando a importância da transferência de conhecimento cientifico para a gestão, preservação e acesso do patrimônio documental arquivístico. Teremos quatro conferências com destacados palestrantes sobre temas relevantes, quatro oficinas, 15 eventos paralelos. De um total de 110 trabalhos, 77 serão apresentados oralmente em plenária e 33 na forma de pôsteres. A Comissão Organizadora agradece a todos que colaboraram para a realização deste evento, dentre eles palestrantes, oficineiros, coordenadores de mesa, avaliadores, apresentadores de trabalhos, as instituições como UFSM, FURG, UFRGS, Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul – APERS, Prefeitura Municipal de Santa Maria, e o financiamento da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES. Agradecemos ainda a todos os congressistas, desejando uma feliz estadia em Santa Maria e um ótimo congresso a todos.
  8. 8. PREZADOS CONGRESSISTAS SEJAM BEM-VINDOS AO VI CONGRESSO NACIONAL DE ARQUIVOLOGIA INFORMAÇÕES GERAIS 1. Secretaria: A equipe responsável pela organização do VI Congresso Nacional de Arquivologia estará à disposição para informações e inscrições na secretaria do evento, no centro de eventos do Park Hotel Morotin, nos seguintes horários: Segunda-feira (20/10) 7h30min às 19h Terça-feira (21/10) 8h às 12h - 13h30min às 19h Quarta-feira (22/10) 8h às 12h - 13h30min às 19h Quinta-feira (23/10) 8h às 12h - 13h30min às 19h 2. Identificação dos congressistas: o crachá será de uso obrigatório em todas as atividades do Congresso. Esta obrigatoriedade se aplica a todos os participantes, convidados, palestrantes, expositores e equipe de apoio. 3. Apresentação de pôsteres: foram aceitos 110 trabalhos técnico-científicos para o VI Congresso Nacional de Arquivologia. Destes, 33 serão apresentados em forma de pôster. Para tanto, solicitamos aos Senhores Congressistas especial atenção quanto ao número do trabalho, uma vez que os pôsteres devem ser fixados em ordem numérica e corretamente nas suas respectivas sessões. A data e horário de apresentação dos pôsteres também devem ser cuidadosamente observados, pois no horário previsto o apresentador deverá estar à disposição dos Congressistas e Avaliadores para dúvidas e explicações.
  9. 9. a) Normas para apresentação dos pôsteres: Todos os apresentadores deverão estar no espaço de exposição às 13h30min., com seu pôster devidamente fixado. b) Após a avaliação e registro de sua presença, por parte do coordenador de cada eixo, deverá permanecer ainda 30 mi- nutos adicionais junto ao pôster. c) Ao menos um dos autores deverá estar presente durante a apresentação dos trabalhos, módulo pôster/banner, nos horários estipulados pela Comissão Científica para a avalia- ção. 4. Trabalhos em plenária: De todos os trabalhos, 77 serão apresentados de forma oral, em plenária. Solicitamos atenção aos senhores congressistas para a data e horário das apresentações em plenária que estão detalhadas na programação, no caderno de resumos. a) Apresentação em plenária: o apresentador do trabalho deverá levar em pendrive, a sua apresentação na sala indicada, com 30 minutos de antecedência do inicio das plenárias (a organização não se responsabilizará por problemas técnicos) para gravação definitiva no computador que será conectado ao equipamento Datashow. Cada apresentador terá um tempo máximo de 10 minutos para a apresentação e nos 30 minutos finais destinados ao debate, poderá receber questionamentos da plateia. b) Programação: o programa será respeitado rigorosamente, portanto, o não comparecimento do apresentador de trabalho na sessão plenária não modificará a ordem de apresentação dos outros trabalhos, permanecendo desta forma o horário vago, sendo que o coordenador de mesa fará uma pausa até o horário do próximo apresentador.
  10. 10. 5. Gastronomia: Buffet e Alacarte Nomes: Endereço: Telefones: Astro verde (vegetariano) Tuiti,2261 (55)3223-1855 Babete* Pres. Vargas,2081 (55)3222-1716 Cantina di Torriani Venâncio Aires,2067 (55)3223-1722 Chicken-In Venâncio Aires,1578 (55)3223-2720 Costa Dourada (Cozinha Oriental) Andradas,1273 (55)3027-3600 Dom Pierre Av. Rio Branco,732 (55)3221-0052 Etnias Restaurantes* RST 287 (55)3226-2642 Iguarias Restaurante Av. Medianeira,110 (55)3028-4334 Parrilada Las Leñas Av. Fernando Ferrari,1718 (55)3217-9536 Augusto Floriano Peixoto,1354 (55)3222-0212 Restaurante Clube Comercial* Venâncio Aires,1972 (55)3217-1105 Vera Cruz Av. Medianeira,1600 (55)3222-0606 Santa Brasa Floriano Peixoto,1989 (55)3028-7707 Sushi By San Alameda Buenos Aires,372 (55)3025-1151 Maccherone Trattoria Monet Plaza Shopping (55)3221-0375 Churrascarias Churrascaria Boi Bom Av. Fernando Ferrari,1430 (55)3222-6281 Churrascaria Bovinus Venâncio Aires,1596 (55)3225-1790 Churrascaria Camobi RS 509 (55)3226-1311 Churrascaria Tertúlia Pinto Bandeira,22 (55)3222-0330
  11. 11. Pizzarias Bella Trentto Av. João L. Pozzobom,1599 (55)3223-9229 Cantina Di Torriani Venâncio Aires,2067 (55)3223-1722 La Pizzaria Av. N.S.das Dores,1799 (55)3221-0117 Restaurante Multi Pizza RST 287 (55)3226-6148 Santa Mania Pizzas Duque de Caxias,936 (55)3028-5800 Oficial Pizza Club Av.Pres. Vargas,1842 (55)3026-5101 Pastelarias Pastelão Barão do Triunfo,275 (55)3222-5435 Casa do Pastel Cel.Niederauer,1575 (55)3217-4037 Lancherias Disk Sabor Visconde de Pelotas (55)3221-1679 Lucão Lanches Venâncio Aires,2290 (55)3027-5957 Paulo Lanches Venâncio Aires,2093 (55)3223-1381 Santa Fé Lanches Fernando Ferrari,1460 (55)3223-2200 Bares Água Doce Cachaçaria Visconde de Pelotas,2259 (55)3223-2155 Bar do Pingo Floriano Peixoto,1234 (55)3028-7887 Boteco do Rosário R. do Rosário,400 (55)3025-3043 Chopperia Alemanhã R. Dr. Bozzano,1333 (55)3225-2211 Moinho Bar e Petiscaria Av. Angêlo Bolson,380 (55)3222-1166 Paiol Av.Pres. Vargas,2067 (55)3222-9606 Ponto de Cinema Angelo Uglione,1567 (55)3221-8800 Tako e Beer R. do Rosário,380 (55)3217-5322 Zepellin Visconde de Pelotas,909 (55)3026-9608
  12. 12. Shoppings Shopping Monet / Big Av. Fernando Ferrari,1483 (55)3220-3200 Royal Plaza Shopping Av.N.S.das Dores,305 (55)3225-3030 Santa Maria Shopping Calçadão Central,1263 (55)3225-2003 6. Hotéis Nome: Endereço : Telefone : Hotel Appel R. Appel,509 (55)3225-4040 Hotel Chave de Ouro RS 287,Bairro Camobi,s/n (55)3226-3320 Continental Santa Maria Benjamin Constant,1209 (55)3028-7070 Dom Rafael Av. Rio Branco,192 (55)2101-1919 Dom Rafael Executivo Av. Rio Branco,228 (55)2101-1212 Hotel Morotin Ângelo Uglione,1629 (55)3220-5200 Hotel Nino Benjamin Constant,1350 (55)3225-1603 Hotel Paraíso Venâncio Aires,1585 (55)3223-2337 Hotel Ravas Av.N.S das Dores,399 (55)3221-1589 Hotel Santa Maria Tuiuti,1940 (55)3223-2211 Hotel Umberto Pinheiro Machado,2310 (55)3223-1210 Itaimbé Palace Hotel R.Venâncio Aires,2741 (55)3220-144 Palladium Executivo Flat Alameda Buenos Aires,322 (55)3222-4682 Park Hotel Morotin RS 287 Km 6,bairro Camobi (55)3220-1600
  13. 13. 7. Telefones Úteis Aeroporto (55)3226-6729 Auto Locadora Albatroz (55)3222-9444 Auto Locadora Localiza (55)3219-1640 Bombeiros 193 ou (55)3221-2463 Chaveiro 24 horas (55)3027-7181 / (55) 8120-0750 Farmácia 24 horas (tele entrega) São João (55)3222-8244 Policia Brigada Militar 190 ou (55)3222-6300 Policia Civil 197 ou (55)3222-0380 Policia Federal (55)3222-8066 Policia Rodoviária Federal (55)191 ou (55)3221-8277 Policia Rodoviária Estadual 198 ou (55)3222-7811 Procon 151 ou (55)3222-7971 Pronto Atendimento Municipal (55)3223-9927 Pronto Atend. Universitário (55)3220-8500 Pronto Socorro de Fraturas (55)3222-6666 Pronto Socorro Dentário (55)3221-5628 Rodoviária (55)3222-4747 SOS Docs Roubados 0800-111522 SAMU 192 Rádio Táxi Coopaver 08006001304 / (55)3221 - 1304 Tele-Moto Pontual (55)3223-4828 Duas Rodas (55)3223-0954 Cia das Teles (55)3221-8241 Unimed (55)3028-0001
  14. 14. 8. Transporte para Congressistas: A comissão organizadora do VI CNA está colocando, gratuitamente, um itinerário de ônibus para translado de congressistas dos hotéis até o local do evento, e também ao meio dia para algumas opções de restaurantes. a) Os ônibus seguirão rigoosamente os horários estabelecidos, não sendo permitido a espera de pessageiros que não estejam no local no horário da rota.  DIA 20/10 IDA PARA O CHURRASCO DE CONFRATERNIZAÇÃO o 21h – PARK HOTEL MOROTIN / CTG SENTINELA VOLTA DO CHURRASCO PARA OS HOTÉIS o 23:30 – CTG SENTINELA – CENTRO o 00:30 (21/10) – CTG SENTINELA – CENTRO o 01:30 (21/10) – CTG SENTINELA – CENTRO  DIA 21/10 SAÍDA DOS HOTÉIS PARA O EVENTO o 8:30 – ROTA 1 – PARK HOTEL MOROTIN o 8:30 – ROTA 2 – PARK HOTEL MOROTIN IDA PARA ALMOÇO o 12:00 – PARK HOTEL MOROTIN – SHOPPING BIG/ROYAL o 12:00 – PARK HOTEL MOROTIN – RESTAURANTE DUE FRATELI (CAMOBI) RETORNO DO ALMOÇO PARA EVENTO o 13:10 – SHOPPING ROYAL/BIG – PARK HOTEL MOROTIN o 13:10 – RESTAURANTE DUE FRATELI (CAMOBI) – PARK HOTEL MOROTIN RETORNO DO EVENTO PARA OS HOTÉIS o 18:00 – PARK HOTEL MOROTIN – ROTA 1 o 18:00 – PARK HOTEL MOROTIN – ROTA 2
  15. 15.  DIA 22/10 SAÍDA DOS HOTÉIS PARA O EVENTO o 8:30 – ROTA 1 – PARK HOTEL MOROTIN o 8:30 – ROTA 2 – PARK HOTEL MOROTIN IDA PARA ALMOÇO o 12:00 – PARK HOTEL MOROTIN – SHOPPING BIG/ROYAL o 12:00 – PARK HOTEL MOROTIN – RESTAURANTE DUE FRATELI (CAMOBI) RETORNO DO ALMOÇO PARA EVENTO o 13:10 – SHOPPING ROYAL/BIG – PARK HOTEL MOROTIN o 13:10 – RESTAURANTE DUE FRATELI (CAMOBI) – PARK HOTEL MOROTIN RETORNO DO EVENTO PARA OS HOTÉIS o 18:00 – PARK HOTEL MOROTIN – ROTA 1 o 18:00 – PARK HOTEL MOROTIN – ROTA 2  DIA 23/10 SAÍDA DOS HOTÉIS PARA O EVENTO o 8:30 – ROTA 1 – PARK HOTEL MOROTIN o 8:30 – ROTA 2 – PARK HOTEL MOROTIN IDA PARA ALMOÇO o 12:00 – PARK HOTEL MOROTIN – SHOPPING BIG/ROYAL o 12:00 – PARK HOTEL MOROTIN – RESTAURANTE DUE FRATELI (CAMOBI) RETORNO DO ALMOÇO PARA EVENTO o 13:10 – SHOPPING ROYAL/BIG – PARK HOTEL MOROTIN o 13:10 – RESTAURANTE DUE FRATELI (CAMOBI) – PARK HOTEL MOROTIN RETORNO DO EVENTO PARA OS HOTÉIS
  16. 16. o 18:00 – PARK HOTEL MOROTIN – HOTÉIS ROTA 1 PARTIDA → Hotel Dom Rafael → Hotel Morotin do Centro → Hotel Itaimbé → Hotel Continental → Hotel Nino (esperar junto ao Hotel Continental) → HotelRavas → Hotel Dom Rafael Cer- rito → Park Hotel Morotin. ROTA 2 PARTIDA → Hotel de Trânsito → Hotel Appel → Hotel Paraí- so (da Venâncio Aires) → Hotel Humberto (esperar na es- quina da Rua Floriano Peixoto) → Pousada Dom Alcides e Hotel Cura (esperar na frente do estacionamento da Rodoviária) → Park Hotel Morotin. 10. Mapa do local do evento ( Park Hotel Morotin)
  17. 17. 11.Horários de ônibus urbano: LINHA Centro → UFSM LINHA UFSM → Centro 07:08 Faixa nova 06:45 Faixa nova 07:20 Faixa nova 07:48 Faixa nova 07:40 Faixa nova 08:20 Faixa nova 07:45 Faixa nova 09:25 Faixa nova 07:52 Faixa nova 10:10 Faixa nova 08:07 Faixa nova 11:01 Faixa nova 08:43 Faixa nova 11:35 Faixa nova 09:13 Faixa nova 12:00 Faixa nova 10:18 Faixa nova 12:48 Faixa nova 11:47 Faixa nova 13:32 Faixa nova 12:48 Faixa nova 14:38 Faixa nova 13:20 Faixa nova 15:00 Faixa nova 13:47 Faixa nova 15:14 Faixa nova 14:08 Faixa nova 16:15 Faixa nova 15:17 Faixa nova 16:46 Faixa nova 17:12 Faixa nova 17:15 Faixa nova 18:05 Faixa nova 17:33 Faixa nova 18:24 Faixa nova 17:47 Faixa nova 19:00 Faixa nova 18:06 Faixa nova 20:00 Faixa nova 18:30 Faixa nova 18:42 Faixa nova 18:55 Faixa nova 19:10 Faixa nova 20:50 Faixa nova 21:40 Faixa nova 22:25 Faixa nova
  18. 18. A AARS A Associação dos Arquivistas do Estado do Rio Grande do Sul (AARS), criada em 1999, surgiu a partir da extinção dos Núcleos da Associação dos Arquivistas Brasileiros em julho de 1998, quando os associados do Núcleo Regional do RS se reuniram e, após muita discussão, aprovaram a constituição de uma associação estadual. Na ata de fundação, constavam 32 associados, que, com muita disposição, conseguiram criar uma entidade forte e reconhecida nacionalmente. A Associação é dirigida por uma diretoria eleita por dois anos. Atualmente, a AARS conta com mais de 200 associados, já foi representante das associações de classe no Conselho Nacional de Arquivos e Coordena a atual gestão da Executiva Nacional de Associações de Arquivologia do país. Em 2006, a Associação promoveu o II Congresso Nacional de Arquivologia, e hoje, mais uma vez reafirma sua dedicação em prol dos profissionais arquivistas. A Associação dos Arquivistas do Estado do Rio Grande do Sul tem por objetivos promover a defesa dos interesses dos profissionais que atuam na área da arquivologia; incrementar estudos para melhorar o nível técnico e cultural dos profissionais de arquivo; cooperar com os órgãos governamentais e entidades nacionais e internacionais; públicas e privadas, em tudo que se relacione com arquivos; promover a valorização, o aperfeiçoamento e a difusão do trabalho arquivístico, por meio de estudos, congressos, conferências, exposições, cursos, seminários, mesas redondas, e outras atividades; estabelecer e manter intercâmbio com associações congêneres; participar dos eventos que se relacionem com as atividades da área; colaborar com o Arquivo Nacional, os arquivos estaduais e municipais, no desenvolvimento de políticas de arquivo; a representação judicial ou extrajudicial dos associados mediante autorização da Assembleia Geral. A atual diretoria da AARS tomou posse em 29 de julho de 2013, e tem seu mandato até julho de 2015. Além das atividades de defesa profissional, como divulgação da regulamentação da profissão, intervenções em concursos irregulares com vagas para arquivista, cursos de capacitação e treinamentos, a AARS enfrenta em 2014 um novo desafio, sediar a VI edição do Congresso Nacional de Arquivologia na cidade de Santa Maria.
  19. 19. O EVENTO A realização do Congresso Nacional de Arquivologia é o resultado do envolvimento e da cooperação das associações regionais de arquivistas que unem esforços com a Executiva Nacional de Associações Regionais de Arquivologia – ENARA – criada em 2006 durante o II CNA ocorrido em Porto Alegre –, ademais da comunidade arquivística, atuante nas discussões em prol do desenvolvimento da Arquivologia. Realizar um congresso grandioso e importante como este, para os profissionais arquivistas, é um trabalho árduo, mas também prazeroso, pois é ele um marco para o avanço teórico arquivístico e de suas tecnologias para a comunidade brasileira. Uma comunidade cada vez mais exigente e consciente da importância da gestão documental, considerando-se não somente a atividade fim da arquivística, mas ainda, sob um olhar da sustentabilidade e das inovações que contribuem para o desenvolvimento da área, resultando em uma melhor aplicabilidade da gestão de documentos nas empresas e demais espaços de atuação do profissional arquivista. Assim, em um congresso nacional como este, as discussões geradas neste grandioso evento, espaço do conhecimento e de grandes debates teóricos e filosóficos, enriquecem ainda mais a comunidade científica ampliando, consequentemente, as discussões acerca da Arquivologia e sua teoria no Brasil. Como contribuição para os profissionais envolvidos, o evento busca a união e a valorização nacional do profissional, o que enriquece a articulação entre ensino, pesquisa e extensão, representando, portanto, um elemento importante no desenvolvimento da comunidade científica no âmbito da educação superior contemporânea. Os congressos nacionais de arquivologia, que acontecem desde 2004, têm contribuído significativamente às discussões de classe. Cada evento traz consigo ideias e visões, apresentados pela comunidade arquivística, que resulta em novos conceitos, novos conhecimentos, potencializando o papel do arquivista na sociedade contemporânea, sendo o cerne do desenvolvimento de políticas e diretrizes que se tornaram referência em outras áreas do conhecimento.
  20. 20. A realização deste evento é a grande oportunidade de atualização dos profissionais, explorando novas tendências na gestão documental, novos temas de abordagem contemporânea, oportunizando, ainda, a presença de palestrantes de renome nacionais e internacionais. As comissões organizadora e científica somam esforços para apresentar uma programação que venha fomentar um amplo debate sobre as questões da atualidade na gestão arquivística, com vista a construir uma perspectiva para evidenciar as discussões acadêmica e científica, considerando-se as diferentes dimensões: educação superior e vida profissional. Isso significa fortalecer os princípios da arquivística, propiciando uma formação acadêmica e uma atuação profissional que articule organicamente com o conhecimento científico, técnico, político e, ainda, com uma postura ética. A interação existente entre as diversas formações e campos de atuação do profissional, proporciona troca e difusão de conhecimento, o que pressupõe sujeitos comprometidos com a evolução teórica e tecnológica da sua área de atuação. Desta forma, o evento visa divulgar, refletir e discutir as novas tendências da gestão arquivística, integrando seus diversos atores: docentes, discentes, gestores, técnicos, profissionais e comunidade em geral. Desde a década de 70 o Brasil tem por tradição realizar congressos nacionais de arquivologia. Mas o ano de 2004 ficou marcado pela mudança da sequência dos congressos. Assim, o I Congresso Nacional de Arquivologia – CNA se realizou na cidade sede do governo federal, Brasília em 2004, tendo como tema: “Os arquivos no século XXI”. O II CNA, se realizou na acolhedora cidade de Porto Alegre em 2006, tendo como tema: “Os desafios do arquivista na sociedade do conhecimento”. Este encontro foi um marco para o arquivologia nacional pois foi neste congresso que se criou a Executiva Nacional de Associações Regionais de Arquivologia, a ENARA, que desde então, passou a organizar os CNAs juntamente com a associação regional do estado sede do congresso. O III CNA se realizou na cidade maravilhosa do Rio de Janeiro em 2008, tendo como tema: “A Arquivologia e suas múltiplas interfaces”. O IV CNA se realizou na linda cidade de Vitória em 2010, tendo como tema: “A gestão de documentos arquivísticos e o
  21. 21. impacto das novas tecnologias da informação”. O V CNA se realizou na encantadora e musical cidade de Salvador em 2012, tendo como tema: “Arquivologia e internet”. E agora, o VI CNA em 2014, se realiza no coração do Rio Grande do Sul, na cidade de Santa Maria. Trata-se do primeiro congresso nacional que ocorre em uma cidade do interior, e não de uma grande capital, o que nos enche de orgulho. Para finalizar, desejamos a todos os congressistas um ótimo evento, pleno de debates, teorizações, troca de conhecimentos, valorização da Arquivologia e do profissional, mas também de calor humano, de harmonia, pertencimento, compreensão e que todos estejam unidos por um mesmo ideal.
  22. 22. OFICINAS Preservação Digital: Conceitos, Técnicas e Políticas para a Preservação de Objetos Digitais Esta oficina tem como objetivo dotar os formandos de conceitos e técnicas relevantes para a implementação de estratégias de preservação digital.O formando será capaz de reconhecer a importância da preservação digital e identificar técnicas adequadas para mitigar o problema da obsolescência tecnológica.No final da oficina, o formando estará apto para definir e implementar planos de preservação digital na sua organização. DATA E HORÁRIO : 20/10/2014 Das 8 h ás 17 h A realização da oficina estará a cargo dos seguintes ministrantes: Miguel Ferreira, PhD. e Luís Faria, Eng. A Diplomática aplicada aos documentos de arquivo: da perspectiva clássica aos documentos digitais A oficina introduz os aspectos históricos e teórico-metodológicos da Diplomática, apresenta a abordagem de identificação de tipologias documentais e os conceitos de documento digital e documento arquivístico digital, demonstrando a aplicação da análise diplomática a documentos convencionais e digitais. DATA E HORÁRIO: 21/10/2014 Das 14h às 17h A realização da oficina estará a cargo dos seguintes ministrantes: Natália Tognoli; Ana Célia Rodrigues e Roselly Rondineli
  23. 23. O documento arquivístico digital: a gestão com o e ARQ Brasil e a preservação e acesso com as recomendações de repositórios arquivísticos digitais confiáveis A produção crescente de documentos arquivísticos em formato digital desafia as organizações produtoras e as instituições de preservação na busca de soluções para a preservação e o acesso de longo prazo.Nas fases corrente e intermediária os documentos devem, preferencialmente, ser gerenciados por meio de um Sistema Informatizado de Gestão Arquivística de Documentos – SIGAD, a fim de garantir o controle do ciclo de vida, o cumprimento da destinação prevista e a manutenção da autenticidade e da relação orgânica. Na fase permanente os documentos digitais são dependentes de um bom sistema informatizado que apoie o tratamento técnico adequado, incluindo arranjo, descrição e acesso, de forma a assegurar a manutenção da autenticidade e da relação orgânica desses documentos.Ao longo de todo o ciclo de vida, nas fases corrente, intermediária e permanente, a preservação dos documentos arquivísticos digitais, deve estar associada a um repositório digital confiável.Nesta oficina serão apesentados requisitos para a implantação de repositórios digitais confiáveis de documentos arquivísticos, com base nas principais normas internacionais e nas diretrizes publicadas pelo Conarq. Serão também discutidos diferentes modelos de aplicação de repositórios digitais confiáveis e sua relação com sistemas que gerenciam documentos arquivísticos nas fases correntes, intermediária e os sistemas que apoiam a preservação e o acesso aos documentos na fase permanente. DATA E HORÁRIO: 22/10/2014 Das 14h ás 17h A realização da oficina estará a cargo do seguinte ministrante: Ma. Claudia Masset Lacombe Rocha – CTDE/CONARQ
  24. 24. "El marco MSS serie ISO 30300: Sistema de gestión de documentos de archivo" Las organizaciones interesadas en demostrar competitividad, transparencia, responsabilidad social, en gestionar todo tipo de riesgos, incluidos los vinculados a los documentos, en asegurar su información, en implementar programas de continuidad digital y en preservar sus activos informativos y documentales electrónicos comienzan a implementar modelos de gestión normalizados. La normalización en la gestión de documentos representa cada vez más una constante en todo sistema de archivos que pretenda ser calificado de eficaz, eficiente y, por ende, de sostenible para cualquier organización competitiva. En este contexto se comprende el origen y expansión del código MSS ISO 30300 y su normativa complementaria. Ante su desarrollo surgen diversos interrogantes vinculados a su relación con el código ISO 15489, a su composición y estructura básica, a sus fundamentos y principios diferenciadores, a su desarrollo normativo, entre otros. Además, de aquellas cuestiones derivadas de su diseño, implementación, evaluación y certificación. En este taller se pretenden resolver algunas de estas incertidumbres y adelantar proyectos activos de trabajo y consolidación del marco MSS y principales tendencias en los sistemas de gestión normalizada de documentos. DATA E HORÁRIO: 23/10/2014 Das 14 h ás 17 h A realização da oficina estará a cargo da ministrante: María Manuela Moro Cabero. Universidad de Salamanca (Espanha)

×