Guia verde politicamente incorreto

437 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
437
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Guia verde politicamente incorreto

  1. 1. INTRODUÇÃO Não existem verdades absolutas na sustentabilidade. Há sempre alguma sujeiraescondida debaixo do tapete - e soluções em lugares que ninguém esperava
  2. 2. ECOCHATOS X ECOCÉTICOS O mundo agora se divide.Os ambientalistas radicais. Paraeles, o aquecimento global éresponsável por todos os desastresnaturais de que se tem notícia.É o caso da onda de calor de 2003,que matou 40 mil pessoas naEuropa, e do derretimento da nevedo Kilimanjaro, por exemplo. (Naverdade, a onda foi causada poruma anomalia na circulação de ar, eo Kilimanjaro já estava degelandodesde 1953, graças a raios solares.)
  3. 3. ECOCHATOS X ECOCÉTICOSDo outro lado, ecocéticos querem limpar a barrados seres. Argumentam, por exemplo, que aatividade vulcânica é mais decisiva para oaquecimento global do que as nossas ações -enquanto estudos avaliam que humanos emitem135 vezes mais CO2 do que vulcões.Neste nosso Guia Verde Politicamente Incorretonão queremos destruir boas intenções.Queremos apenas mostrar que não existemvilões ou mocinhos na sustentabilidade - e quetodas as atividades têm um lado sujo por trás.Ou limpo. Ou sujo. Ou...
  4. 4. FALSOS VILÕES Cortar árvores, eliminar carbono, sacos plásticos: tudo isso faz mal para o planeta. Mas a história não acaba por aqui 21 milhões de toneladas de CO2 é o que emite a indústria de papel.A INDÚSTRIA DO PAPEL 64 milhões de toneladas de CO2 é quanto absorvem as árvores da mesma indústria.
  5. 5. Estados que mais produzem papel no Brasil: O papel produzido na região norte é usado em embalagens e papel higiênico para consumo local.
  6. 6. “Cortar árvores é ruim. Masreplantá-las o tempo todolimpa a atmosfera.” Fonte Morissons UK; Cucumber Growers Association
  7. 7. Falsos Mocinhos Bill Gates não gosta de energia solar•Boa parte dos US$36 bilhões que Bill Gates doa para entidadefilantrópicas vai para tecnologias relacionadas à energia.• Excesso de atenção e subsídio por parte do Governo em relação a energiasolar.• Energia de tecnologia cara e pouco disponível (Bom para países ricos).• Na China e na Índia corre o risco de liberar 2,4 milhões toneladas de metalde chumbo. Estudo de CHRIS CHERRY Professor de engenharia daUniversidade de Tennessee.• Em 2012 EPE (Empresa de pesquisa e energia) enviou Para aneel (AgênciaNacional de Energia Elétrica) Projeto de incentivo de energia em residências.
  8. 8. O que faz a diferença? • Mobilizou 27 cidades • O evento teria economizado 10 toneladas de CO2.
  9. 9. Mas isso é a metadedas emissões anuaisde um único cidadão americano.
  10. 10. Economia burra - 1 tonelada de CO2 1. Pedir que 10 amigos desliguem a TV de LCD durante 3 horas todos os dias - A televisão tem uma pegada de carbono surpreendentemente baixa: são 88 g de CO2 por hora. 2. Deixar de imprimir mil livros - A produção de um livro emite 1 kg de CO2. 3. Mandar 57 amigos desligarem seus laptops 4 horas por dia - São 12 g de CO2 por hora.
  11. 11. Economia inteligente - 1 tonelada de CO2 1. Usar lâmpadas econômicas no lugar de incandescentes em duas casas - Cada troca de lâmpada economiza 410 g de CO2 por ano. 2. Comprar dois laptops em vez de dois desktops - Produzir um desktop emite 4 vezes mais carbono do que um laptop. 3. Reciclar 10 latinhas de alumínio por semana Fonte How Bad Are Bananas?, Mike Berners-Lee

×