Jn

494 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
494
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
29
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jn

  1. 1. Asmatériaspublicadas são de responsabilidades dos editores, conforme o artigo 28, Inciso 1 da Lei 5. 250/67. Os artigos assinados não expressam, necessariamente, a opinião do jornal e são de responsabilidades de seus autores. Geral: (38) 3213-3761 Redação - (38) 3221-1404 Comercial - 3221-1090 / 3213-3761 Site: www.jnnoticias.com EDITOR: GEORGE NANDE JN Artes Gráficas Ltda - ADI - Associação dos Diários do Interior Email: comercialjn@yahoo.com.br / redacaojn@hotmail.com Telefone s: (38) 3221-8516 - Assinatura: 3222-2731 FAX - (038) 3221.4592 Assinaturas Trimestral: (primeira parcela em 15 dias). 01 entrada + 01 parcela de R$ 51,00 (total R$ 102,00). Ou à vista R$ 95,00 (pagamento em até 15 dias). Assinatura Semestral: (primeira parcela em 15 dias). 01 entrada + 03 parcelas de R$ 45,00 (total de R$ 180,00). Ou 01 entrada + 4 parcelas de R$ 36,00 (total R$ 180,00). Ou à vista R$ 159,00 (pagamento em até 15 dias). Assinatura Anual: (primeira parcela em 15 dias). 01 entrada + 03 parcelas de R$ 86,25 (total de R$ 345,00). Ou 01 entrada + 4 parcelas de R$ 69,00 (total R$ 345,00). Ou à vista R$ 307,00 (pagamento em até 15 dias). JORNAL DE NOTÍCIASMONTESCLAROS,SÁBADO,10 DEJANEIRODE20152 OPINIÃO OmeutextopessoalsobreHaroldoLívio,quenosdeixounoprimeirodiade 2015,ficaparadepois.Agora,asopiniõesdecolegasecompanheirosdaimpren- sa,quetambémsãominhas.DePauloNarciso:Aplicado,devotado,talentoso,o menino/jovemHaroldoLívio,logoquesemudouparaMontesClaros,entrounuma bibliotecaenãosaiudeláenquantonãoacaboudeleroúltimovolume.Tornou- se,éclaro,omaiorsábioentrenós,umaenciclopédiapermanente,paraqualquer consulta,ornadadegenerosidade,comedimentoepaciência.OnossoSócrates, noJardimdeAcademusqueescolheu.Porconcurso,assumiuoCartóriode ImóveisdePorteirinhaeacrescentouàquelacidadeostraçosdeseudesprendi- mentoedesuacultura. DeLuizRibeiro:Escritornato,donodeumtextoincomparável,comrara capacidadedeser,aomesmotemposimpleseerudito,Haroldosemprefoiuma espéciedebibliotecaambulante,conhecedorprofundodanossagenteedanossa história.Aprendemosmuitocomele.Pramim,particularmente,elesemprefoiuma espéciedeconsultor.Emqualquerdúvidaounecessidadedealgumainformação sobrefatoshistóricosarespeitodahistóriadeMontesClarosedoNortede Minas,erasóligarparaoHaroldoLivioquerespondiacomgentilezaedisposição. Umagrandeperdaparaaculturadacidade,daregiãoedoestado. DeAlbertoSennaBatista:HaroldoLívio,historiador,escritor,cronista,jornalis- ta.Umintelectualque enriquecemaisaindao cenáriocelestial. DeMariaLuíza SilveiraTeles:Acredito queohomemtemduas asas:aasadoconhe- cimentoeaasado amor,queimplica, também,aética. Entretanto,poucosde nósdesenvolvem,com equilíbrio,essasduas asas.Meuamigo, HaroldoLívio,que partiunoprimeirodia donovoano,eraum homemquesoube desenvolverambas. DeJoséPonciano Neto:HaroldoLívioera pessoadasmais educadaseinteligen- tesquejáconvivi.Sem dúvidaseráumadas perdasmaissignificati- vasnasociedade literáriadoBrasil.Eracompletamentedespojadodasvaidades,nuncavisavalucro comonotárioemuitomenoscomoescritor,historiadorejornalista;paraeleservir eraumcompromissocomasociedadeecomDeus.AmizadeparaHaroldoLívioera tudo,sempredestacavaosamigoscomo:ItamauryTeles,JoséLuiz,Wanderlino Arruda,PauloNarciso,RonaldoAlmeida,PetrônioBrás,YvonneSilveira,Prof. Juvenal,LúcioBemquerer,AlbertoeWaldirSennaemuitosoutros,nãofazia distinçãoentreeles. DeItamauryTelesdeOliveira:Atencioso,afávelnotrato,umaenciclopédia ambulante,seguroeprecisoemsuasintervenções,eraanossareferência,nosso paradigma,comoarticulista,cronista,historiador,escritor,umoperadordasletras, enfim.Commemóriaprodigiosa,versavasobreassuntosdiversificados,com fluênciaehumildade,sempompaoucircunstância.Conheciafatosepersonagens danossahistóriaeosrelatavaaquemoconsultavacomosetivesseacabadode relersinopsesobreotema. (*)DosInstitutosHistóricoseGeográficosdeMinasGeraisedeMontesClaros Aindanãoultrapasseiabarreirados “enta” e já me sinto no dever de cultivar certanostalgia.Nascinazonarural, estudeiavidainteiraemescolaspúblicas, em uma época em que as pessoas corriam atrás dos seus propósitos. Lutavam por seus ideais. Simples, admito. Mas havia algo a ser buscado alémdohorizonte. Caçávamos pequi,coquinho azedo,manga, jabuticaba,pitomba. Tudo de graça e ofertado,em abundância,pela sempre generosa mãenatureza. Cultivávamoshábitos virtuosos.Ninguém maisestáfazendo isso! Os alimentos estãoseperdendo em nosso cerrado, sem qualquer colheita.Nãoandamosmaisalgumas léguas,comooutrora,embuscadaquilo que saciaria a nossa fome. Preferimos, hoje, comprar os nossos mantimentos em embalagens a vácuo ou descartá- veis, nos mesmos moldes em que temos tratadoaspessoas.Oqueestáaconte- cendo com o ser humano? Caroleitor,queninguémaleguefalta detempo.Seriaumagrandebravata. Vejo,durantetodoodia,pessoas embaixodeárvores,jogandobaralho, bebendocervejas,apenasesperandoo tempo passar.Alguns, parecem demons- trarincapacidadeparaandar,emboranão acometidosporqualquerformade paraplegia.Háaquelesqueseescoram nos cotovelos, com o queixo ou a cabeça apoiadanapalmada mão,detalmaneira que nos faz crer que o braço já não quer mais voltaràsuaposição natural.Istoéterrível! Temos que repensar o que estamosfazendocom o nosso país e com as pessoas.Nãofaçoaqui críticaalgumaa qualquerpartidopolítico ou governos de ocasião.Apenas quero chamaraatençãoparaoapodrecimento daesperança.Sim!Estamosaniquilando sonhos!Antesdelesacontecerem!Há umapseudo-sensaçãodejúbilo,quando em verdade as pessoas estão entorpeci- das,anestesiadas.Estamoscultivando zumbis, incapazes de externarem sentimentoselementares.Ainsatisfaçãoé um desses. É nosso dever pensar o mundo e os ideários que devem nortear a condutahumana.Énossaobrigação repensaroBrasil!Ahistóriaregistrará estemomento! É certo que, na vida, as coisas mais simples são as mais fundamentais. Mas como ensina Clarice Lispector: “Que ninguém se engane, só se consegue a simplicidadeatravésdemuitotrabalho”. Programas ou benefícios sociais, sem a inserção das pessoas no ambiente de trabalho,emumacadeiadeproduçãoe utilidade,paraalémdedestruiroser humano,representaadecretaçãode falência da nação. Como diria Marco TúlioCícero,filósofoepolíticoromano, assassinado em 07 de dezembro de 43 a.C., “o orçamento nacional deve ser equilibrado.Asdívidasdevemser reduzidas,aarrogânciadasautoridades deve ser moderada e controlada. Os pagamentosagovernosestrangeiros devem ser reduzidos se a nação não quiser ir à falência.As pessoas devem, novamente,aprenderatrabalhar,emvez de viver por conta pública”. Não posso deixar de concluir senão com as inesquecíveis palavras de Cora Coralina,poetisabrasileiraqueteveseu primeirolivropublicadoemjunhode 1965,quandojátinhaquase76anosde idade: “Mesmo quando tudo parece desabar, cabe a mim decidir entre rir ou chorar,irouficar,desistiroulutar;porque descobri,nocaminhoincertodavida,que omaisimportanteéodecidir.”Aescolha é sua! Sempre foi! (*) Delegado de Polícia Federal e ProfessordaAcademiaNacionalde Polícia OVALORDAS PEQUENAS COISAS 10 DE JANEIRO 1839 - Joaquim Pereira Vasconceslos pede licença à Camara Municipal para edificar "hua Entêndencia na frente das casas de comercio que tem na rua Direita desta Villa", a rua do comercio hoje é a rua Justino Camara. 1895 - O "Minas Gerais" noticia a nomeação do Cel. Ce- lestino Soares Cruz para o cargo de Inspetor Escolar . 1926 - É inaugurada a primeira agência bancária da cida- de, à rua Dr. Velloso n. 490, o Banco da Lavoura, tendo como presidente o Cicero Pereira. 1938 - Cria-se o cargo de Mestre de obras, Inspetor de Veículos, Jardineiro e Engenheiro da Prefeitura Municipal. 1959 - Inaugura-se oficialmente os serviços telefônicos na cidade. ACONTECE EM POLÍTICA HÉLIO MACHADO - heliomacho@bol.com.br MARCELO EDUARDO FREITAS HAROLDOLÍVIO, NOSSOINTELECTUALMAIOR WANDERLINO ARRUDA "Temos que repensar o que estamos fazendo com o nosso país e com as pessoas. Não faço aqui crítica alguma a qualquer partido político ou gover- nos de ocasião.Apenas quero chamar a atenção para o apodrecimento da esperança. Sim! Estamos aniquilando sonhos!.” CASSAÇÃO – A Procuradoria Regio- nalEleitoraldeMinasGeraisnãodesistede cassaromandatodogovernadorFernan- doPimentel,doPT,alegandoirregularida- desnaprestaçãodecontasdecampanha. APGRapresentounessaquinta-feira,ose- gundopedidodecassaçãodopetista,com os mesmos argumentos do primeiro. O pedidoseráanalisadopeloTribunalRegi- onalEleitoral(TRE).Pimentel,porseulado, afirma que as irregularidades apontadas pelo órgão técnico do Tribunal foram sa- nadas.Tudoindicaqueofatoaindavaidar muitopanoparamanga. PROGRAMA–QuemparticipadoProgra- ma“NaCordaBamba”naTVGeraes,aovivo, nestesábado,dasonzehorasaomeiodia,éo vereadorMarcosNem,doPSD,presidenteda Câmara Municipal. Na pauta, a relação do ExecutivocomoLegislativo,alémdoexercício domandatodepresidentedeformademocráti- ca,ouvindooscolegasparatomardecisões. Trata-sedeadministraçãocompartilhada.Opre- sidentevaicolocartodososprojetosnapauta, masaaprovaçãoourejeiçãodependedosve- readores.Perguntaspelostelefones3221-9498 e3216-6385. SECA – Sem chover a um bom tempo, asecaseagravanoNortedeMinas,como registro do veranico de janeiro, temido pelos produtores rurais. A falta de água para consumo humano se agrava, princi- palmentenascomunidadesrurais,comrios ecórregossecando.Comoreconhecimen- todosdecretosdesituaçãodeemergência em municípios da região, pela Coordena- Prejuízos à região OgovernadorFernandoPimentelparecemeioperdido,semnorte,nesteiníciodeman- dato.Afaltadedirecionamentoficaevidenteapartirdomomentoqueentraemcontradição. Aomesmotempoemquealegadificuldadesfinanceiras,quecolocouemriscoatéopaga- mento dos servidores, pretende reajustar os salários dos secretários. Projeto com este objetivo,quedeuentradanaAssembleiaLegislativa,enfrentaresistênciaerecebecríticasda oposição. E não é para menos. De uma hora para outra, sem aviso prévio, o governo suspendeconvênioscommunicípiosecontratosfirmadosnagestãodoantecessor.Esem explicaçãoconvincente.Aoquetudoindica,trata-sedemedidaeminentementedecaráter político,paracolocarosgovernostucanossobsuspeição.Mas,atéqueseproveemcontrá- rio, não há irregularidades nos convênios. E se houver a auditoria vai apontá-las e pedir providênciasaquemdedireito. Amedidapegouatodosdesurpresa.Prefeitosestãosementendê-la,omesmoocorren- docomabancadadeoposiçãonaAssembleia.Estanãoperdoouonovogoverno.Intensifi- couascríticasquesetornamrecorrentes.AbasedesustentaçãodePimentel,porseulado, saiemdefesadaadministraçãoestadual,oqueénormal,emsetratandodedemocracia.A suspensão dos convênios prejudica o Norte de Minas. Isto porque o DER publicou nessa quarta, a ordem de paralisação dos serviços de apoio ao gerenciamento dos programas ProacessoeCaminhosdeMinas,carros-chefesdosgovernostucanos.Equecontemplama região.Comestainiciativa,quenãoparecebempensada,opetistadesagradaàmaioriados norte-mineiros,queosufragounasurnasegarantiusuavitórianoprimeiroturno.Asensa- çãoédeque,nestecasoespecífico,Pimenteljoga,literalmente,contraopatrimônio. doriaNacionaldeDefesaCivil,prefeitoses- peramreceberajudasubstancialdogover- no para atender as famílias atingidas. Se não chover logo, a situação pode ficar in- sustentável. EXPOSIÇÃO – Com a devida antecedên- cia,aSociedadeRuraldeMontesClaroscome- çaasemobilizarparaarealizaçãoda41ªExpo- montes,queacontecerádodia2a12dejulhode 2014,noParqueJoãoAlencarAthayde.Adireto- riadaentidade,presididapelopecuaristaOsmani BarbosaNeto,trabalhaparaqueamostraseja melhor que a do ano passado em termos de públicoedetambémemvolumedenegócios.A Expomontesseconsolidoudehámuito,como umadasmaisimportantesfestasdogênerodo Paíseatraiexpositoresdediferentesregiões. AMAMS–Seránestaterçapelamanhã, com chapa única, a eleição para a escolha danovadiretoriadaAssociaçãodosMuni- cípiosdaÁreaMineiradaSudene(Ama- ms), na sede da entidade. A chapa de consensoéencabeçadapeloprefeitode CapitãoEnéas,CésarEmílio,doPT,ten- docomoprimeiroesegundovice-presi- dentes, respectivamente, o prefeito de São Francisco, Luiz Rocha, do PMDB e o de Matias Cardoso, Edmárcio Moura, do PSC. A nova diretoria vai discutir as prioridades da região com os associa- doseapresentá-lasaogovernoestadual efederal. POSSE – Participação do prefeito Ruy Muniz,doPRBedadeputadafederaleleita, Raquel Muniz, do PSC, na posse da presi- denteDilmaRousseff,doPT,emBrasília,na tardedodiaprimeirodejaneiro,continuadan- do o que falar na cidade. E os comentários sãoosmaisdiversos,inclusivecomcríticas dealgunssetores,pelofatodeoprefeitoter apoiadoacandidaturadosenadorAécioNe- ves,doPSDBepedidovotoabertamente,no primeiroesegundoturnoparaotucano.Ruy temtodoodireitodeaproximar-sedogoverno embuscadeajuda. PLANTÃO – Embora a presença de populares na Câmara Municipal tenha reduzidoemfunçãodorecesso,opresi- dente Marcos Nem, do PSD, editou por- taria em que designou três vereadores pararesponderempeloplantão,nestepe- ríodo.Alémdele,tambémestãonestacon- dição, os vereadores Valcir daAdemoc, do PTB, também porta-voz da adminis- traçãomunicipaleDiuAndrade,doPSC. Quemtiverqueresolveralgumapendên- cia que necessitar da intervenção dos vereadoresésóprocurá-losdiariamente, emseusgabinetes,noLegislativo. TARIFA–Usuáriosdotransportecoletivo urbanotememqueasempresasvoltemapedir aoExecutivooreajustedatarifa,comoargu- mentodequesetornanecessárioparaequili- brarasfinanças.Estãoatentosemfunçãoda majoração em Belo Horizonte e em outras cidades do País em que o povo foi às ruas protestar.Poraqui,areclamaçãoégeralde queosserviçosnãosão,definitivamente,de boaqualidade.Seatarifaforreajustada,mais umavez,oatentoevigilanteMinistérioPúbli- co,naqualidadededefensordosinteresses coletivos,vaicontestá-lanaJustiça. Osmane Barbosa Neto trabalha para mais uma edição da Expomontes Valcir da Ademoc cumpre plantão durante o recesso da Câmara
  2. 2. Montes Claros, sábado, 10 de janeiro de 2015 POLÍTICA - 3JORNALDENOTÍCIAS Sem abrir mão da independên- cia dos poderes, preconizada pela Constituição Federal, além de criar maiscondiçõesparaaadministração atender às demandas de obras da população, a Câmara Municipal pre- tende tornar mais ágil a tramitação dos projetos, para que sejam colo- cados em pauta e votados em Ple- nário. Quem reafirma esta disposi- ção é o vereador Marcos Nem, do PSD, presidente do Legislativo, que não abre mão de fazer um mandato democrático, com o propósito de aju- dar a construir o desenvolvimento de Montes Claros e consolidá-lo em menor espaço de tempo. Comefetivadisposiçãoparaotra- balho, o novo presidente, eleito há poucos dias e cujo mandato iniciou- se a partir de dois de janeiro, garante que a independência do Legislativo em relação ao Executivo é uma reali- O governador Fernando Pi- mentel, do PT, participou, nessa quarta-feira, de reunião com o mi- nistro da Justiça, José Eduardo Cardozo, em Brasília. O encontro, que contou com a presença de to- dos os governadores da região su- deste, iniciou a discussão sobre o processo de integração permanen- te entre as forças de segurança dos estados e da União. O Ministério do Desenvolvimento SocialeCombateàFome(MDS)assi- nou dois novos convênios e ampliou metascomtrêsconsórciosparaacons- truçãodetecnologiasdeacessoàágua em56municípiosdosEstadosdeMinas GeraisedaBahia.Serãoinvestidosmais de R$ 143 milhões com o objetivo de garantiroacessoàáguaparaoconsu- mo das famílias, para a produção de alimentosenasescolasruraisdoSemi- árido.Ametaéconstruir16.781cister- nas de placas de 16 mil litros, 8.086 tecnologiasparaaproduçãodealimen- tose810cisternasescolares. “Queremos garantir água, por no mínimooitomeses,paraasfamíliasdo Semiárido que sofrem com a seca”, destaca a diretora do Departamento de Fomento à Produção e à Estrutu- raçãoFamiliardoMDS,FranciscaRo- cicleide Ferreira da Silva. “O progra- ma Cisternas garante melhores con- A Prefeitura de Montes Claros já possuifrentesdetrabalhoemruasde maisde10bairrosdacidade.Asobras estãosendofeitascomrecursosoriun- dos do tesouro municipal, no valor de R$50 milhões, e através de convêni- os. No bairro Universitário, está sen- do realizado o rebaixamento de água e esgoto para início das obras nas duasúltimasruassempavimentação. No Universitário, já foram conclu- ídasasruasdaEcologia,daTecnolo- gia, da Arquitetura, 18, da Biologia, daAgronomia, da Medicina, 23 e 19. Obairrocontahojecom95%dasruas asfaltadas,restadosomenteduasem que as obras já foram iniciadas. Os moradores do bairro Carmelo também já sentiram uma grande mu- Se depender do Ministério Públi- co Eleitoral (MPE), o governador Fer- nando Pimentel, do PT, terá o man- dato cassado. É que a Procuradoria Regional Eleitoral de Minas Gerais (PRE-MG) entrou com a segunda re- presentação contra o governador e seuvice,AntônioAndrade,doPMDB, porirregularidadesnacampanhaelei- toralconsistentesnacaptaçãoouuso ilícitos de recursos.AnovaAção e In- vestigação Judicial Eleitoral (AIJE) fundamenta-se no artigo 30-A da Lei 9.504/97. De acordo com a PRE, Pimentel e Antônio Andrade teriam utilizado “contabilidade de conveniência na prestação de contas, extrapolando o limite de gastos fixado pelo partido em R$ 10.170.808,34; omissão de despesas realizadas por outros can- didatos, partidos ou comitês que fa- voreceram a campanha dos repre- sentados; emissão extemporânea de recibos eleitorais, após a prestação de contas final; e não lançamento de Câmaranãovaisegurarprojetos Presidente garante celeridade para apreciação e votação em Plenário dade, até porque a Constituição Fe- deral assim determina, mas isso não quer dizer que os poderes não pos- sam viver em harmonia. Para Marcos Nem, a união de forças dos poderes com a bancada do Norte de Minas na AssembleiaLegislativaeCâmarados Deputados,comotambémcomaAma- ms e da Avams, é fundamental para se conseguir obras físicas e sociais quemelhoremaqualidadedevidana cidade e em todo o Norte de Minas. A maturidade política, sustenta, é indispensável para se atingir metas específicas. E neste particular, afirma que as lideranças devem deixar de lado as diferenças políticas e partidá- rias, com a finalidade de unir esfor- ços em defesa dos interesses coleti- vos. “Somente assim, teremos con- dições de avançar, no sentido de consolidar o desenvolvimento regio- nal e abrir perspectivas reais de melhorar a qualidade de vida dos norte-mineiros”, garante Marcos Nem, ao externar a disposição de somar esforços, nestes dois anos, para que as demandas regionais sejam atendidas pelo governo esta- dual e federal. Ele está otimista de que os objetivos serão alcançados, desde que haja compromisso e em- penho das lideranças políticas dire- tamente interessadas. DEMOCRÁTICO – O vereador deixouclaro,maisumavez,queexer- cerá um mandato compartilhado na Câmara, ouvindo seus colegas de mesa diretora, para que a democra- ciasejaexercitadaem suaplenitude. Além disso, quer ouvir também os demais vereadores, em busca da união, que considera fundamental para o bom êxito dos trabalhos. Mar- cos Nem acredita que a Câmara terá produção expressiva ao longo deste ano. “Enquanto verdadeiros repre- sentantes do povo, temos que produ- zir boas leis, que tenham impacto na qualidade de vida do cidadão, no co- tidiano”,frisa. PROJETOS – Os projetos do Executivo ou dos vereadores, que derem entrada na Câmara, serão repassados às comissões para que tenham trâmite normal. Logo que re- cebam pareceres das comissões, serão colocados em pauta para apreciação e votação em Plenário. Quanto à aprovação dos projetos do Executivo, entende que cabe ao prefeito Ruy Muniz articular junto aos vereadores, mostrando a im- portância destes para se garantir novos benefícios à população. “Não vamos engavetar projetos. Vamos colocar todos em pauta. A aprova- ção ou rejeição depende dos vere- adores”, conclui Marcos Nem. Riscodeperderomandato Marcos Nem não abre mão de defender os interesses coletivos MPE entra com outra ação para cassar Pimentel doação na segunda prestação de contas”. Aaçãosustentaque“ocandidato, tendorecebidovultososrecursospara a realização da campanha, ao invés derealizarosgastosdiretamentepre- feriutransferi-losaoComitêFinancei- ro correndo ainda assim o risco de ultrapassar o limite de gastos”. Segundo a Procuradoria Eleito- ral, “o candidato doou ao Comitê Fi- nanceiro ao longo de toda a sua cam- panha R$ 13.754.500,00 para que este realizasse despesas em seu fa- vor,tendosidomaisdametadedoada após as eleições. O Comitê Financei- ro, por sua vez, transferiu ao candi- dato R$ 24.169.199,03 em doações estimadas,realizadasdemaneiracon- venientemente atípica. Ademais, no caso de todos os demais candidatos, as doações do Comitê Financeiro se deram somente durante o período de campanha, enquanto no presente casoestassederamemsuaabsoluta maioria no período pós-eleitoral”. Outra irregularidade apontada pelo Ministério Público Eleitoral con- siste na realização de despesas em favor da campanha de outros candi- datos, que deveriam ter sido regis- tradas como doações estimadas e não foram, resultando numa “subes- timação artificial do já exorbitante valor da campanha”. Para a PRE-MG, teria ocorrido “uma falha grave, a qual provoca de- sequilíbrionadisputaeleitoralemface dosdemaiscandidatos,que,emtese, observaram as regras impostas pela legislação eleitoral”. Se a representa- ção for julgada procedente, Pimentel e Antônio Andrade podem ter os di- plomas cassados pelo (TRE). Fernando Pimentel enfrenta mais uma ação de perda de mandato Pavimentação Prefeitura destaca avanços das obras dançacomapavimentaçãoconcluída nas ruas São Luís, Lagoa baixa, La- goa dos Mares, Lagoa Santa Hele- na, LagoaAbaeté e Lagoa do Cedro. No bairro Planalto I, o motorista Fernando Maia acompanha o traba- lho das máquinas na rua Castro Al- ves,onderesidehá26anos.Deacor- do com o morador, este é um antigo sonho que está sendo realizado. “Lu- tamosmuitoporesteasfaltoehojeele chegou. Agora a qualidade de vida de todos os moradores será outra”, conta.BempertodacasadoSeuFer- nando, no Planalto II, os moradores das ruas J e H também estão felizes comachegadadasmáquinas.Asduas ruas são importantes vias de ligação no bairro. Semiárido Governo aplica R$ 143 milhões em cisternas dições a essas populações que po- demteráguapotávelporquaseoano inteiro”, emendou. As cisternas são soluçõessimplesparacaptarearma- zenar água da chuva, tanto para con- sumohumano,amenizandoosefeitos da seca prolongada. Com a tecnologia é possível que uma família de cinco pessoas possa conviver com a estiagem por até oito meses. Já a cisterna escolar é cons- truída com placas de cimento e tem capacidade para armazenar 52 mil li- tros.Alémdascisternas,tambémestá previstaaconstruçãodebarreirostrin- cheiras e barragens subterrâneas, tecnologiasutilizadasparaacaptação e armazenamento de água para a produção de alimentos e a criação animal.Entretanto,osnomesdosmu- nicípios do Norte de Minas que serão contempladoscomosrecursosainda não foram divulgados. Integração Governador defende segurança de qualidade Fernando Pimentel disse, em entrevista, que a integração per- manente contribuirá para a melho- ria da qualidade da segurança nos estados envolvidos. “Não é só uma operação, mais do que isso, é o início de um trabalho permanente de integração, que vai dar um salto de qualidade na segurança no Su- deste”, afirmou. O ministro José Eduardo Cardozo disse que o objetivo do governo fe- deral é integrar a área de seguran- ça, tendo como exemplo a experiên- cia da Copa do Mundo. Na época, foram criados Centros Integrados de Comando e Controle, articulando as ações das polícias militar e civil dos estados, Corpo de Bombeiros, das ForçasArmadas e das polícias fede- ral e rodoviária federal. “Houve consenso para criarmos uma estrutura permanente para unir as forças policiais. Segurança não deve ser política de governos, mas política de Estado. Creio que até o final de 2015 teremos estrutura devi- damenteformadaeambiêncianeces- sária para essa integração”, afirmou. Participaram também os governado- res Paulo Hartung (Espírito Santo), Luiz Fernando Pezão (Rio de Janei- ro) e GeraldoAlckmin (São Paulo). O reajuste de 13% do piso salarial dos professores, anun- ciado pelo governo federal, atra- vés do Mnistério da Educação, gerou, mais uma vez, preocu- pação para os prefeitos e ges- tores públicos municipais. O fato deve-se ao não acompanha- mento, nos mesmos índices de reajustes, dos repasses referen- tes ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), que atingiu valores menores, ou seja, 12,7 %, o que faz com que os entes federados arquem com as de- mais despesas relativas ao com- plemento dos salários. Não bas- tasse a situação, as verbas des- tinadas ao transporte e meren- da escolar estão congeladas há cerca de três anos e potenci- alizam, assim, o desfalque nas contas municipais, impedindo melhoramentos no setor. O presidente da Associação Mineira de Municípios (AMM) e prefeito de Barbacena, Antônio Carlos Andrada, destaca que o governo prioriza o reajuste do pisodomagistério,masseesque- ce ou não leva em consideração asdificuldadesdosmunicípios.“Os Reajuste de salário arrochaprefeituras professoresmerecemeprecisam desse reajuste, digo ainda maior do que o oferecido. Mas, com os recursos que temos, pagamos com muitas dificuldades as des- pesas fixas e não conseguimos dar as condições adequadas para que o profissional possa tra- balharbem.Oambienteeducaci- onalperdemuito.Portantoosres- ponsáveispeladistribuiçãodore- ajustedeveriamarcarcomatota- lidadedasdemaisquestõesrefe- rentesaumplenodesenvolvimen- to da educação, além do salário, a merenda, o transporte e o am- biente escolar”, argumenta. PISO - O valor do piso sala- rial dos docentes passará de R$ 1.697,39 para R$ R$ 1.917,78, de acordo com o Ministério da Educação (MEC). Conforme a legislação vigente, a correção do piso reflete a variação ocorrida no valor anual mínimo por aluno definidonacionalmentepeloFun- deb. O cálculo está previsto na Lei do Piso (nº 11.738/2008), que vincula o aumento ao per- centual de crescimento do valor anual mínimo por aluno, referen- teaosanosiniciaisdoensinofun- damental urbano.
  3. 3. JORNALDENOTÍCIASMontes Claros, sábado, 10 de janeiro de 20154 - MONTES CLAROS ALINEAPARECIDA SILVA SANTOS com 21 Nasceu1212deOutubrode1993 emRiacho dosMachados.FiliaçãoVaneteRosadaSilvae OtacílioAlvesdosSantos.Faleceunoúltimo05 deJaneirode2015 emMontesClaros-MG. CREANALVES DE JESUS com 24 anos. Nasceu em 08 de Junho de 1990 emOtinolândia .FiliaçãoCleoniceAlvesdeJesus .Faleceu noúltimodia07de Janeiro de 1943 em Montes Claros MG. LUCASDESOUZALOPES com19 anos .Nasceuem04deOutubrode1995 em Capitão Enéas .FiliaçãoAdriana Ferreira Souza Lopes e Fausto Ferreira SouzaLopes .Faleceu noúltimodia08 deJaneirode2015emMontesClaros MG MARIAALAVES DACRUZ com92 anos.Nasceu08deOutubrode1922 em Brasilia de Minas . FiliaçãoAnaAlves da Cunha e Paulino Ferreira da Cruz . Faleceunoúltimo08deJaneirode2015 emMontesClaros-MG. MARIAANTUNES MACEDO OLIVEIRA com 47 anos . Nasceu em07 de Agostode1967 emMonteAzul.FiliaçãoSenhorinhaAntunesMacedoeMinel- vinoAntunesMacedo. Faleceunoúltimodia08deJaneiro de2015emMontes Claros MG MARIADE LOURDES PEREIRA com 82 anos. Nasceu13 deAbril de 1932 emMontesClaros .FiliaçãoMaria dasDoresdosSantoseArgemiroPereirados Santos .Faleceunoúltimo28deDezembrode2014 emMontesClaros-MG. MARIAGERALDADEMOURA com 78 anos.Nasceuem08deJunhode1936 emGrãoMogol .FiliaçãoMariaVieiradeMouraeVicenteCardosodeMoura . Faleceu noúltimodia30deNovembrode1914 emMontesClarosMG. RODRIGUESPEREIRAROSA com75 anos.Nasceuem14deMarçode1939 emSãoFrancisco.FiliaçãoEjidiaPereiraRosaeDomingosPereiradosSantos . Faleceu noúltimodia26dedezembrode2014 emMontesClarosMG A PUBLICAÇÃO NESTE ESPAÇO É GRATUITA. BASTA ENVIAR OS DADOS – INCLUSIVE FOTO – PARA A PORTARIA DO JORNAL DE NOTICIAS - FONTE: CARTÓRIO DE REGISTRO CIVIL 08deJaneiro de2015 OFICIAL DO REGISTRO CIVIL Vende-se uma casa em estilo colonial, situada no bairro Todos os Santos: Rua Santa Mônica, com três (3) quartos – todos com guarda-roupa –, sendo uma suíte, três (3) salas, cozinha, área de serviço, barra- cão , garagem com vaga para dois carros (virada para o nascente); toda documentada. OBS: pode-se fazer prédio até 10 andares VALOR A COMBINAR VENDE-SE URGENTE Tratarfones:3221-9261e8825-2507-8825-2506 FRACIONAMENTO Procon começa fiscalizar os estacionamentos na semana que vem O diretor do Procon Municipal, LeandroAguiar,informouontemque o órgão iniciará, na semana que vem, a fiscalização nos estaciona- mentosparticularesdeMontesCla- ros para exigir o cumprimento da Lei Municipal 4.542, que dispõe sobreofracionamentodotemponas tarifas cobradas por esses presta- dores de serviço na cidade. “Esta- mos nos inteirando do teor da lei para tomarmos as providências ne- cessárias ao seu cumprimento”, confirmou, na manhã de sexta-fei- ra. A lei, sancionada pelo prefeito RuyMuniz,atendeaosreclamesdos usuários dos serviços, que não são de hoje, mas que repercutem ago- ra porque os preços em ascensão começamapesarnobolso.Osiste- ma de hora cheia – a forma de co- brança que valia antes da lei – pe- nalizava quem não completava 60 minutosnoestacionamento.Mesmo quando o usuário demorava pouco mais de 15 minutos, por exemplo, muitos estabelecimentos não abri- am mão da cobrança equivalente a uma hora. PARCELAS DE 15 MINUTOS Agora, a lei obriga os estaciona- mentos particulares a adotarem o sis- temadecobrançaportempofraciona- do, em parcelas de 15 minutos, du- rante o período de permanência dos veículos. Por ter a parcela como base de cobrança, o cálculo do valor, dora- vante,seráfeitomultiplicandoonúme- ro de parcelas pelo valor cobrado por horacheia.Oarredondamentosóserá permitido quando o período de per- manência não inteire a parcela de 15 minutos. Mas atenção: o arredonda- mentoéparafechar15minutos,nãoa hora. Exemplo: tempo superior a 30 minutos e inferior a 44 minutos e 59 segundos será considerado três par- celasde15minutos–portanto,45mi- nutos. A lei exige que os estacionamen- tosafixememlocaisvisíveisaosmoto- ristas,comigualdestaque,tantoova- lor cobrado por hora quanto o valor a ser atribuído a cada 15 minutos de permanência. O descumprimento da lei sujeita os empresários do setor às seguintessanções:1–notificaçãopor descumprimentodalei;11–aplicação demulta;111–cassaçãodoalvaráde funcionamento. REPRODUÇÃO TRABALHO DO PROCON será para adequar os estacionamentos à Lei 4.542, que dispõe sobre o fracionamento do tempo nas tarifas cobradas Recadastramento domeiopasse estudantil começadia26 A Diretoria de Juventude da Se- cretaria Municipal de Esporte, Juven- tude e Cultura convoca os beneficiári- os do Cartão Meio Passe Estudantil para a atualização de dados, entre o dias 26 de janeiro e 27 de fevereiro. Atualmente,4.148estudantesutilizam obenefícioemMontesClaros. No final de cada semestre os car- tões são bloqueados, pois são dispo- nibilizados para uso exclusivo durante o período letivo. E para que possam ser utilizados no semestre seguinte, é necessária a atualização das informa- ções dos usuários. O recadastramento é feito na Dire- toriadeJuventude,localizadanoCen- tro Cultural Hermes de Paula, na Pra- ça da Matriz, entre 8 e 18 horas, de segunda à sexta-feira. O estudante deve apresentar originais de carteira de identidade, CPF, Cartão Meio Pas- se, declaração de frequência da insti- tuição de ensino onde está matricula- do e comprovante de residência.Alu- nos menores de 15 anos devem estar acompanhados dos pais ou respon- sáveis, para o recadastramento. Mais informações pelo telefone 3229-¬3457. ACIDENTE 5ª FEIRA FCA diz que procedimentos foram todos adotados Sobre o acidente registrado quin- ta-feira à noite (8), quando uma com- posição da Ferrovia Centro-Atlântica (FCA) destruiu um veículo na passa- gem de nível entre as avenidas Go- vernador Magalhães Pinto e Geraldo Athayde, ao lado do parque de expo- sições, no BairroAlto São João, a em- presa informou ontem que “o maqui- nistadotremexecutoutodososproce- dimentos recomendados durante a passagem pelo trecho de área urba- na, reduzindo a velocidade e acionan- do a buzina e os faróis da locomotiva para alertar sobre a aproximação da composição.Além disso, um vigilante daempresaestavanocruzamento,no momento da ocorrência, indicando a parada obrigatória aos motoristas. AFCAressaltaqueapassagemde nívelésinalizadacomplacasquealer- tammotoristasepedestressobreacir- culação de trens. Conforme indica o Código de Trânsito Brasileiro (art. 29), acomposiçãoferroviáriatempreferên- ciadepassagemnessescruzamentos. Ao avistar o carro na linha férrea, o maquinista acionou os freios de emer- gência, mas não houve tempo hábil para parar. Devido ao seu peso, após acionamentodosfreios,umtrempode percorrer até um quilômetro antes de pararcompletamente. CAMPANHAS AFCAmantémcampanhascons- tantesaolongodoanocomoobjetivo deorientarcomunidadessobreaim- portância de manter um comporta- mentoseguroemrelaçãoaostrilhos.” HEPATITE C Brasilaprova primeiro remédiopara tratamentooral Uma boa notícia para quem sofre com hepatite C: a biofarmacêutica global Bris- tol-Myers Squibb foi autoriza- da pelo Ministério da Saúde a comercializar o medicamen- to Daklinza (daclatasvir) no Brasil. Da-clatasvir é o primei- ro inibidor pan-genotípico do complexo NS5A aprovado no país que permite o uso em combinação com outros me- dicamentos para o tratamen- to de infecção crônica pelos genótipos 1, 2, 3 e 4 do vírus da hepatite C (HCV) em adul- tos, possibilitando um período de tratamento menor (12 ou 24 semanas) em comparação ao período de 48 semanas de tratamento com regimes à base de interferon e ribavirina. TOTALMENTE ORAL Adotado em combinação com sofosbuvir, consiste em um regime totalmente oral, li- vre de inter-feron, que propor- cionou taxas de cura de até 100% em estudos clínicos, in- cluindo pacientes com doen- ça hepática avançada, ge- nótipo 3 e aqueles com falha do tratamento com inibidores da protease. Esta aprovação está em li- nha com a necessidade de o governo disponibilizar rapida- mente aos pacientes medica- mentos mais modernos para combater a doença em terri- tório nacional. "A entrada em nosso país de mais uma op- ção para o tratamento da he- patite C desenvolvida pela Bristol reforça o compromis- so que temos, junto ao go- verno, em apoiar a saúde dos cidadãos brasileiros através de uma política de acesso universal para o tra- tamento desta doença gra- ve", afirma Gae-tano Crupi, presidente da Bristol-Myers Squibb no Brasil. Cuidado com o dólar O dólar vem passando por um período de alta de preços, o que tem animado muita gente a com- prar ‘verdinhas’ como forma de investimento. Com a forte alta da moedaamericana,osreflexosem nossaeconomiasãodiretose,por isso, os consumidores devem to- mar cuidado com as compras e viagens, mesmo as que já esta- vam programadas. Paraasempresaseindústrias nacionais, principalmente as ex- portadoras, a alta pode ser positi- va,poisfavoreceacompetitividade das vendas externas, tornando- as mais baratas. Porém, para quemimporta,ocustosóaumenta e a consequência disso é o re- passe para os produtos, com os consumidores pagando a conta. Assim, o reflexo para a popu- lação é grande. Os preços que já estavamsubindopeloaumentoda inflação, acabam sendo influenci- ados também pelo aumento do dólar,impulsionandoaindamaisa alta. Caso tenha planejado com- prar algum produto importado, a recomendação é ficar atento e acompanhar a variação dos pre- ços; caso a compra não seja de urgência, é interessante esperar, até que a moeda estabilize m pa- tamaresmaiscivilizados. Outro cuidado é com as com- pras externas com cartão de cré- dito, que, além do custo do IOF (ImpostosobreOperaçõesFinan- ceiras),tambémcustarãomaisem funçãodoaumentonacotaçãodo dólar. O caminho é evitar a com- pra a prazo com variação em dó- lare,sepossível,comprarsomen- teàvista. Quemjáplanejoufériasnoex- terior precisa ter muita atenção.A orientação é a aquisição de um cartão pré-pago internacional, o qual já carregará em dólar aqui no Brasil para utilização na via- gem.Estaatitude,certamente,evi- tará surpresas após o retorno das férias, além da segurança que o mesmo proporciona. Também é recomendado levar dinheiro em espécie, de 20% a 30% do total previsto de gastos. Nada de exa- geros. Nada de pânico e desespero. É preciso elaborar um orçamento financeiro que contemple os gas- tos da viagem e, para não ter sur- presa, tenha sempre 40% a mais de reserva para as férias. Caso não tenha planejado a viagem in- ternacional, evitar fazê-la nesse momentopodeseramelhorsolu- ção. Combater este problema é dever sim do governo, mas pas- sa também pela mudança de há- bitos e costumes dos consumido- res. Tudo começa em casa, por- tanto é hora da faxina financeira, de tentar trocar produtos que au- mentam com a alta do dólar e eli- minar o que não agrega valor em prol de uma saúde financeira que contribua na realização de nos- sos sonhos. Fonte: Reinaldo Domingos, educador financeiro, presidente daAssociação Brasileira de Edu- cadores Financeiros (Abefin). REPÚBLICA FEDERATIVADO BRASIL ESTADO DE MINAS GERAIS MARIADE LOURDES CHAVES Oficial do Registro Civil Faz saber que pretendem casar-se: 15793 - ROBSON GRACIANO DA SILVA, solteiro, maior, ENTREGA- DOR, natural de VARZELANDIA-MG, residência RUA ARACAJU, N° 361, Montes Claros-MG, filho de ANTENOR GRACIANO DA SILVA e VALDIVA CHAVES DA SILVA; e LAÍS STHEFANE BOAVENTURA BRANDÃO, soltei- ra, maior,_ ESTUDANTE, natural de Montes Claros-MG, residência RUASÃO PEDRO SÃO PAULO, N° 98, Montes Claros-MG, filha de EDMAR BRAN- DÃO e TELMA BOAVENTURA BRANDÃO; 15794 - JOSÉ LUIZ DURÃES, divorciado, maior, MOTORISTA, natural de ENEÁPOLIS-MG, residência R. MÁRMORE, 322, MONTES CLAROS-MG, filho de RAMIRO DOS SANTOS DURÃES e BENEDICTA MARTINS DU- RÃES; e MARIA CAROLINA FILOCRE SARAIVA, solteira, maior, APOSEN- TADA, natural de Montes Claros-MG,residência R. MÁRMORE, 322, Montes Claros-MG, filha de PAULO CARNEIRO SARAIVA e CARLOTA FILOCRE SARAIVA; 15795 - EDMAR ROCHALESSANETO, solteiro, maior, empresário, natural de Montes Claros-MG, residência RUA ENG.JOÃO ANTONIO PIMENTA, 255, Montes Claros-MG, filho de EDMAR ROCHA LESSA JUNIOR e ROSA- NA FARIA LINS; e ANA CAROLINA AMARAL PEREIRA, solteira, maior, DENTISTA, natural de Montes Claros-MG, residência RUA ENG. JOÃO AN- TONIO PIMENTA, 255, Montes Claros-MG, filha de LUCIANO GUIMARÃES PEREIRA e LUCIANA AMARAL DE FREITAS PEREIRA; 15796 - ODILON CANGUSSU NETO, solteiro, maior, LAVRADOR, natural de PORTEIRINHA-MG, residência ZONA RURAL -KM 21-BR 135, Montes Claros-MG, filho de TIBURTINO FERREIRA DE OLIVEIRA e ANA CANGUS- SU; e ALETICIA SANTANA CAMPOS, divorciada, maior, TRABALHADORA RURAL, natural de AGUAS VERMELHAS-MG, residência PLANALTO RU- RAL- KM:21 - BR 135, Montes Claros-MG, filha de ARCILEU FERREIRA CAMPOS e JÚLIA SANTANA DOS REIS; 15797 - JÚNEO FÁBIO VELOSO DA SILVA, solteiro, maior, PEDREIRO, natural de Montes Claros-MG, residência RUA RENE CALDEIRA, N° 262, Montes Claros-MG, filho de JOÃO JOSÉ DA SILVA e MARIA JOSÉ VELOSO DA SILVA; e VANUSA PEREIRA DOS SANTOS, divorciada, maior, SUPOR- TE DE PRODUÇÃO, natural de DISTRITO DE GLAUCILÂNDIA-MG, residên- cia RUA SALVADOR, N°755, MONTES CLAROS-MG, filha de GERALDO PEREIRA DUARTE e MARIA DE SOUZA DUARTE; 15798 - HÉLIO PRATES LEITE, solteiro, maior, CABELEIREIRO, natural de Distrito Montes Claros-MG, residência RUA DEZESSEIS, 51, Montes Cla- ros-MG,filho de DIONÍSIO LEITE FONSECA e MARIA ARABELA PRATES LEITE; e ELISABETH BATISTARODRIGUES, divorciada, maior,ASSISTEN- TE ADMINISTRATIVO, natural de MONTES CLAROS-MG, residência RUA SETE, N° 96. Montes Claros-MG, filha de e ELVIRA DIAS BATISTA; 15799 - THIAGO LOPES BRANT, solteiro, maior,ADVOGADO, natural de MONTES CLAROS-MG, residência RUA DR. JOSÉ MARREY JÚNIOR, N° 107, Montes Claros-MG, filho de IVAN CALDEIRA BRANT e MARLENE DE JESUS LOPES BRANT; e LAYLA FABIANNA GUIMARÃES CARIBÉ, sol- teira, maior, PSICÓLOGA, natural de Montes Claros-MG, residência RUAGE- RALDINA SARMENTO MOURÃO, N° 31, Montes Claros-MG, filha de MA- NOEL CARIBÉ FILHO e MARIA ESTEVAN GUIMARÃES; 15800 - GERALDO ALVES COSTA FILHO, divorciado, maior, MOTORIS- TA, natural de MONTES CLAROS-MG, residência R. CAMPO BELO, 1105, Montes Claros-MG, filho de GERALDOALVES COSTAe DOMINGAS MARIA DE JESUS; e KENIA MARTA TEIXEIRA, solteira, maior, PROFESSORA, natural de GLAUCILÂNDIA-MG, residência R. GERALDO ANTUNES, 395, Montes Claros-MG, filha de JOSÉ ALMIR TEIXEIRA e MARIA LUIZA VELO- SO TEIXEIRA; Apresentaram os documentos exigidos pelo artigo 1.525 do Código Civil Brasileiro. Se alguém souber de algum impedimento, oponha-o na forma da Lei. Lavra o presente para ser afixado em cartório e publicado pela imprensa. Montes Claros, 09 de janeiro de 2015 OFICIAL DO REGISTRO CIVIL
  4. 4. JornaldeNotícias MONTES CLAROS - 5Montes Claros, sábado, 10 de janeiro de 2015 Automóveis O setor automobilístico está em alerta. A luz vermelha da crise acendeu no setor que é o termômetro da economia. Quando ele começa a desace- lerar a tendência é de que o mesmoaconteceránosoutros setores. As vendas de veícu- los caíram no ano passado e a previsão é de que continue o mesmo cenário no mercado automobilístico este ano. Di- ferentedosoutrosanos,oseg- mentonãoestáprevendogran- deslançamentosdenovosmo- delosnesteiníciodeanoecon- sideraque,seocenárioseman- tiver igual a 2014, será lucro. O termômetrodissoseráoprimei- rotrimestre de 2015. . A campanha “SOS Sapu- caia” que visa à preservação da Serra da Sapucaia, considerada o pulmão da cidade, continua a todo vapor.Acesse o blog “sos- sapucaia”, através do Google e confira. Você ainda pode assi- nar a campanha pela preserva- ção da nossa serra. . Está marcada para segun- da-feira, em BH, a posse do pre- sidente da Fiemg, Olavo Macha- do Júnior, como presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae- MG. Vai acumular as duas fun- ções. . Em parceria com a PUC-Mi- nas,aUnimontesestáoferecen- docursodepós-graduaçãoLato sensu em “Novos paradigmas do Direito Privado”. São 40 va- gas e as aulas começam em fe- vereiro. Informações: (38) 3229- 8288. . ASociedade Rural de Montes Claros divulgou a data de realiza- ção da 41ª Expomontes 2015. A maior feira agropecuária do Norte de Minas será promovida de 02 a 12 de julho no Parque de Exposi- ções JoãoAlencarAthayde. . Na agenda da coluna, con- vite do superintendente da Co- devasf, Dimas Rodrigues, para a confraternização com a im- prensa. Na próxima quarta-fei- ra, dia 14. . Também na agenda, convite do casal Denise e Renato Godi- nho para a formatura em Direito, pela Universidade Federal de Mi- nasGerais,dafilhaLuanaVeloso Gonçalves Godinho. A Colação de Grau será no dia 22 de janei- ro, na Serraria Souza Pinto em BH. . Abraços da coluna para a fervilhante Maria Lúcia Sar- mento. Sopra velas de aniver- sárionestasegunda-feiraeco- memoraadatacomamigosem sua mansão no Portal das Aro- eiras. Parabéns, amiga! .Abraço também para o vete- rano radialista Gelson Dias, o “GD”, aniversariante deste sába- do. Parabéns, colega!!!! Água Apesardasecaedafaltadechu- va,aCopasagarantequeoabaste- cimentodeáguaemMontesClaros está garantido por, pelo menos, 15 meses sem racionamento. Porém, se a população continuar a gastar águacomoseoprodutofosseinfini- to,oracionamentoseráinevitável.A consciênciatemqueserdecadaum evitando, por exemplo, lavar calça- das e carros com mangueiras.Até agorachoveuapenas81milímetros na barragem que abastece a cida- de. E não há nem sombra de chu- va. Portanto, a responsabilidade é de cada um. BNB Boa notícia: o Banco do Nor- deste está anunciando que Mi- nas Gerais terá, ainda este ano, mais quatro agências. O Con- selho de Administração da ins- tituição autorizou a criação de novas unidades em Bocaiúva e Jaíba, no Norte de Minas, em Araçuaí, no Vale do Jequitinho- nha, e em Nanuque, no Vale do Mucuri. Com essa expansão, o Banco terá 21 agências em ter- ritório mineiro. Enquanto isso, Montes Claros continua aguar- dando a anunciada instalação de mais duas agências da Caixa Econômica Federal. Anuncio feito no ano passado. Reis Alto Belo, distrito de Bocaiúva, se transforma neste final de sema- na na capital nacional da música de raiz, com a realização da Festa da Folia de Reis deAlto Belo, que já está em sua 33ª edição. Desde 2013 o evento é patrimônio imate- rial de seu povo. O distrito é um celeiro de artistas populares, vio- leiros, rabequeiros, cantadores e poetas. Notabiliza-se, igualmente, por fabricar instrumentos musicais de cordas, confeccionados por ar- tesõeslocais.Afestafoicriadapelo músico, compositor, pesquisador e historiador TéoAzevedo, ganha- dor do Grammy Latino “Melhor Álbum de Música Brasileira de Raiz” em 2013. Posse Em concorrida e bem organi- zada festa, na noite de ontem, o Sicoob Credimontes e a Câma- ra de Dirigentes Lojistas home- nagearam a imprensa e deram posse à nova diretoria da CDL. Os profissionais da imprensa homenageados foram: Giu Mar- tins, Hélio Machado e esta jor- nalista. O empresário Gilberto Eleutério tomou posse para mais um mandato à frente da CDL prometendo fortalecer ain- da mais o segmento comercial. Saúde A notícia não é boa: Minas Ge- rais é o segundo Estado brasileiro que mais perdeu leitos de interna- ção do Sistema Único de Saúde (SUS) entre julho de 2010 e julho de 2014, ficando atrás apenas do Rio de Janeiro. Levantamento do Conselho Federal de Medicina apontaque2.132leitosdaredepú- A FOTO DO FATO “ Gilberto Eleutério (centro), na foto com Adauto Marques e Edilson Torquato, tomou posse ontem para mais um mandato à frente da CDL. (RS) “ AgradecemosàdiretoriadaValléeS.A,napessoadomeuami- goRenandeFreitasPereira,peloenviodebelíssimoCD“Para Márcio & Lô Borges” produzido pela indústria e distribuído paraamigos,colaboradoreseclientesnofinal/iníciodeano.O CD tem ainda participação do pianista Túlio Mourão e apre- senta à cena musical do Brasil os talentos de Marcos Danilo, GladsonBragaePabloBarata,trêsjovensdestacadosnamu- sicalidade dos filhos de Montes Claros. Uma delícia de ouvir. blica foram desativados no Estado – o que corresponde a 14,5% dos 14.671leitosquedeixaramdeexis- tir em todo o país. Isso representa umaperdadeoitoleitospordianos últimos cinco anos. Saúde II A especialidade mais atingida foi a pediatria.Ao todo, 6.980 leitos pediátricos deixaram de existir nesse período em todo o país e 889 em Minas Gerais. O presiden- te do Conselho Regional de Medi- cina do Estado de Minas Gerais (CRM-MG), Itagiba de Castro Fi- lho, explicou que um dos fatores para a diminuição dos espaços é a remuneração insatisfatória para cobertura das despesas hospita- lares. A Secretaria Estadual de Saúde informou que, apesar da re- dução, Minas Gerais manteve constante a relação de internações por cem habitantes por ano. “ São Sebastião Começa hoje e vai até o dia20dejaneiro,aFestade São Sebastião que é cele- brada pela paróquia que levaonomedosanto.Este ano,aparóquiaestácome- morando 55 anos de insta- laçãoeasatividadesdafes- taacontecerãonaMatrizde São Sebastião. Despertar o interesse do jo- vem empreendedor para forta- lecer o comércio, através da participação ativa e uma posi- ção mais crítica no tocante aos temas que interessam ao setor e ao Município. Estão são os objetivos da CDL Jovem, que reiniciou suas atividades com força total, sob a coordenação do empresário Felipe Santos. A entidade também está aten- ta às questões sociais e inicia ações com o propósito de ame- nizá-las. Com esta finalidade, em dezembro, realizou a “Cam- panha Natal da CDL Jovem”, beneficiando 180 crianças do Cemei Solar de Jesus, no bair- ro São Geraldo. Animado com o início dos trabalhos, Felipe Santos inten- sifica os contatos para estimu- lar os jovens empresários a participarem concretamente da CDL Jovem. Entende que é o caminho natural para a prepa- CDLJovemquerfortalecerocomércioração dos sucessores nas em- presas de suas famílias e dos futuros líderes do comércio. Disse que resolveu topar o de- safio de fortalecer a entidade e tem encontrado respaldo dos colegas, como também da di- retoria da CDL, presidida pelo empresário Gilberto Eleutério. Com isso, acredita que os re- sultados serão altamente posi- tivos em curto intervalo de tem- po. “Precisamos estar mais fo- cados no comércio. Sentar à mesa para discutir seus proble- mas e ver, dentro das nossas possibilidades, como podere- mos encaminhar soluções”, fri- sa o novo coordenador da CDL Jovem, entusiasmado com a resposta que vem tendo neste início de ações. Para Felipe Santos, os jovens precisam ter uma posição mais crítica no to- cante às questões do Municí- pio, inclusive política. Entretan- to, descarta qualquer envolvi- mento com a política partidária. “O que pretendemos mesmo é contribuir para fortalecer o mo- vimento lojista”, esclarece. Campanha O coordenador da CDL Jo- vem externou satisfação com o resultado positivo da campanha de Natal, que contou com a par- ticipação do comércio e tam- bém da Nestlé e de seus funci- onários. Todos fizeram doa- ções para a compra de brin- quedos às crianças do Cemei Solar de Jesus. A entrega ocor- reu dia 18 de dezembro, com a presença do Papai Noel e a dis- tribuição de salgados e refrige- rantes. Felipe Santos se emo- cionou com a satisfação e ale- gria das crianças, que os agra- deceram pelas doações. “É gratificante ver o sorriso no rosto de uma criança ao rece- ber um brinquedo, por mais simples que seja”, concluiu. DURANTE A CAMPANHA, funcionários e empresários arrecadaram brinquedos que foram doados para as crianças do Cemei Solar de Jesus OBJETIVO DO CDL JOVEM é despertar o interesse do jovem empreendedor para fortalecer o comércio AcolôniadefériaspopulardoMon- tesClarosTênisClube(MCTC),popu- larmenteconhecidocomoPraçadeEs- portes,serárealizada entreosdias20 e24destemês.Asinscrições,gratuitas, podem ser feitas até sexta-feira próxi- ma,dia16dejaneiro,nasecretariado clube, pela manhã e à tarde. Podem participarcriançasejovenscomidade entre07e14anos. Haverá atividades esportivas e recreativas, pela manhã e à tarde, visando dar oportunidades de la- PRAÇA DE ESPORTES zer e entretenimento a crianças e jovens moradores de todas as regi- ões de Montes Claros, principal- mente aqueles cujasfamíliaspossu- embaixarendae quenãotêmcondi- ções de participar de atividades se- melhantes,emclubesparticulares. Durante a colônia, estão previs- tos,ainda,passeiosturísticos.Todaa programação é apoiada pela Prefei- turadeMontesClaros,atravésdaSe- cretaria Municipal de Esportes.Aco- ordenação está por conta do profes- sor Rogério Santana. Entreasatividadesesportivas,es- tão previstas disputas nas modalida- des de basquete, futsal, handebol, voleibol,caratê,judôenatação.Apre- visão é de o evento atraia grande número de participantes, a exemplo das versões anteriores, tendo em vis- ta que a colônia já está se tornando uma tradição do clube, que possui localização estratégica e com exten- sa área para a práticas as atividades, tanto esportivas quanto recreativas. A colônia de férias da Praça de Esportes será realizada entre os dias 20 e 24 deste mês
  5. 5. 6 - ECONOMIA Montes Claros, sábado, 10 de janeiro de 2015 JORNAL DE NOTÍCIAS AGENDA ECONÔMICA Comércio mineiro prevê que 2015 será ainda pior Se2014jáfoiumanodifícilparaa economia brasileira e representou baixocrescimentoparaovarejonaci- onal, de apenas 3,7%, o pior desem- penho do setor nos últimos 11 anos, 2015 promete ser ainda pior. Representantes de entidades do comércioemMinasGeraisnãoestão nada otimistas com o ano que vem pelafrente,emboraacreditemqueas primeirasmudançasanunciadaspelo governofederalpossamtrazeralgum fôlego para a economia. Enquanto nada se confirma, a palavra de or- demécautela. De acordo com o economista da Federação do Comércio do Estado de Minas Gerais (Fecomércio-MG), CaioGonçalves,acombinaçãodefa- toreseconômicosnacionaiseinterna- cionais deverá inibir ainda mais o de- sempenho dos setores brasileiros, sejam eles da indústria, do comércio ou de serviços. Entreasquestõesexternas,oeco- nomista cita a política monetária dos EstadosUnidos,aquedadopreçodo petróleo e a crise na Rússia. “Comoocenáriointernacionalnão está propício, precisamos cada vez mais ter o foco no mercado interno, quetambémnãoédosmelhores.Será um período difícil, de ajustes. Mas é preciso que os ajustes sejam feitos com cautela”, pondera. Ele cita as medidas que já vêm sendoadotadaspelapresidenteDil- maRousseffemseusegundoman- dato, principalmente as que dizem respeito ao campo econômico. “Há indíciosdeque,pelomenos,ascoi- sasnocampopolíticopodemmelho- rar. Mas, ainda assim, teremos a continuidadedapressãonainflação e o conseqüente aumento da taxa de juros, que acaba inibindo o con- sumo, Àsalvação” da economia na- cionalnosúltimosanos”,justifica. Por isso, a expectativa de Gon- çalves é que o primeiro mês deste exercício ou até mesmo o primeiro trimestre dite os rumos do que será 2015. No entanto, segundo o eco- nomista, ao que tudo indica, o prin- cipal desafio para o varejo especifi- camente será “sobreviver ao con- turbado cenário”. “Diante destas mudanças inicialmente propostas, teremos um cenário mais transpa- renteparaoscomerciantes.Pormais que haja elevação dos juros e limi- tação do crédito e redução do con- sumodasfamílias,haveráumame- lhoria no cenário para tomada de decisões. O ambiente se tornará mais seguro”, avalia. Cautela O vice-presidente da Câmara de DirigentesLojistasdeBeloHorizonte (CDL-BH), Marco Antônio Gaspar, acredita que este será um ano de crescimentomenorparaosetor,mas aindaassim,positivo. Isso porque, conforme ele, será umexercíciodemudançasecautela. Aapostasedevesobretudoàstaxas de desemprego ainda baixas, o que em sua opinião, poderá manter o ní- vel do consumo. “Desde o ano passado que o co- mérciovemassumindoasperdasda indústria e segurando o desempe- nho econômico do país. Daqui para frente já não sabemos se isso será possível. Por isso, a recomendação é de cautela. Os empresários preci- sam estar atentos ao cenário e dei- xarinvestimentosecontrataçõespara outromomento”,afirma. Destamaneira,ovice-presidente da entidade acredita que o principal desafiopara2015seráocrescimen- to dos negócios, já que as adversi- dadessurgirammesmoantesdoano iniciar. “Se o setor registrar cresci- mento ao fim deste exercício, já terá valido a pena. Empate já estará mui- to bom, mas o desafio será crescer”, sugere. Governomodificaregradoauxílio-doença A presidente Dilma Rousseff, por meiodaMedidaProvisória664/2014, publicada no dia 30 de dezembro de 2014,modificouasistemáticadorece- bimentodoauxílio-doença.Apartirdo dia 1º de março de 2015 o benefício de auxílio-doença será devido ao se- gurado que atender aos requisitos le- gais exigidos, a partir do 31º dia do afastamento da atividade ou a partir da data de entrada do requerimen- to, se entre o afastamento e a data de entrada do requerimento decor- rerem mais de 45 dias. Com a respectiva mudança, ca- berá a empresa custear os valores devidos, salário integral, durante os primeiros 30 dias consecutivos ao afastamentodaatividadepormotivo de doença ou de acidente de traba- lho ou de qualquer natureza. Foidefinidoaindaqueaempresa quedispuserdeserviçomédico,pró- prio ou em convênio, terá a seu car- go o exame médico e o abono das faltascorrespondentesaos30diase somente deverá encaminhar o se- gurado à perícia médica da Previ- dência Social quando a incapacida- de ultrapassar o respectivo prazo. Desaceleração O presidente do Conselho Em- presarial de Economia da Associa- ção Comercial e Empresarial de Mi- nas (ACMinas), Manuel Raimundo deMatos,émaispessimista.Paraele, o Brasil não deverá apresentar cres- cimentoeconômiconesteexercícioe o setor deverá acompanhar o ritmo comdesaceleração. “Até então o Brasil somente ado- toumodelosequivocadosdeamplia- ção do consumo das famílias. Sem reformas, de maneira artificial, per- dendo credibilidade no mercado ex- terno, com a indústria em franca de- cadência e sem sustentação do va- rejo.Agora, momento em que as cir- cunstânciassãoruins,ficacomplica- do manter resultados crescentes”, avalia.Aredução da oferta de crédi- to, em decorrência do aumento das taxasdejuros,deveráafetartambém oconsumo.“Vaiserumanodeaper- to de cintos e de crescimento baixo para o setor. A classe C, inclusive, vaireclamarbastante,jáquevaiper- der muitos privilégios que até então tinha conquistado. Pode ser que 2016 seja um pouco melhor. Vai de- penderdacontinuidadedapolíticade ajustes que dizem estar sendo ado- tada”,ressalta. SETORPREGACAUTELA MAIS MUDANÇAS Unimontesvaioferecer pósemDireitoPrivado AUniversidadeEstadualdeMon- tes Claros (Unimontes), em parceria com a Universidade Católica de Mi- nas Gerais (PUC Minas), está com inscrições abertas para o novo cur- so de pós-graduação lato sensu - “Novos paradigmas do Direito Pri- vado”. No total, são 40 vagas dispo- níveis. Asinscriçõesdevemserfeitasna coordenação de Pesquisa e Pós- Graduação em Direito da Unimon- tes,quefuncionanasala220dopré- dio1,nocampus-sede,nobairroVila Mauricéia, em Montes Claros. O ho- rário de funcionamento é das 8h às 12h,desegundaasexta-feira.Opra- zo permanecerá em aberto até o fe- chamento do número de vagas. O curso, ofertado na modalidade presencial,comcargahoráriade390 horas, tem duração de 14 meses. Paracontrolarainflaçãoeiniciaruma trajetóriarumoaocentrodameta,ataxade jurosbásicadaeconomiabrasileira(Selic) estarámaisaltaem2015. Com o fechamento de 11,75% a.a. em2014,ataxapoderáalcançaronível de12,75%atéofinalde2015,dependen- do,principalmente,dascondiçõeseconô- micasnoprimeirosemestredoano. Naúltimareuniãode2014,oCopom elevouem0,5p.p.ataxadejurosbásica. Estaelevaçãofoiasegundaseguidajusti- ficadaparacontrolaraspressõesinflacio- nárias. Conformeilustraográficoacima,ain- flação,calculadapeloIPCAacumulado12 meses,nãosóapresentou-seacimada meta de 4,5%, mas também sempre estevepróximoousuperioraotetomá- ximopermitido(6,5%). Aquestãoobservadaéqueataxa ficoumantidaa11%,mesmocomain- formaçãodequeainflaçãoacumulada iniciavaumatrajetóriaascendente. Ajustificativa,naépoca,eradeque haviaapossibilidadedainflaçãovoltara diminuircomataxadejurosaonívelde 11%,fatoquerealmentenãoaconteceu. Noentanto,fatorespolíticosestão maisrelacionadosamanutençãodesta taxaaessenível,sendoquelogoapós aseleições,nareuniãododia29deou- tubro,ataxafoielevadaem0,25p.p.O “efeitoeleições”causouumainflaçãoalta nosegundosemestrede2014. Portanto,houveumatrasodarespos- tadoBancoCentraldoBrasilemrelação aomovimentodepressãoinflacionária,o quepressionouumaumentode0,5p.p. naúltimareuniãodoanoequetambém pressionaráparamaisumaumentode 0,5 p.p. no início de janeiro, dado que aindaemnovembrode2014,ainflação acumuladafoide6,56%. Abuscadainflaçãoparapróximoda meta(5%)éalmejadapeloBancoCen- tralpara2016sendoqueprojetam6,1% para o final de 2015 com o cenário de jurosa11,75%.AáreadeEstudosEco- nômicosdaFecomércioMGprevê6,38% para a inflação de 2014 e 6,25% para 2015. Asprevisõesdomercadoemdezem- brode2014apontamqueametadataxa Selicem2015podefecharem12,5por centoaoano. A área de Estudos Econômicos da FecomércioMGconcordacomestataxa sendoquedependendodaspressõesin- flacionáriasprincipalmenterelacionadas aosreajustesdospreçosadministradose oscilaçõesdocâmbio,podemfazerataxa alcançar o nível de 12,75 por cento no finalde2015. Taxa básica de Juros estará mais alta neste ano A presidente alterou, através de Medida Provisória, a sistemática para receber o auxílio-doença Os representantes das entidades do comércio em Minas Gerais não estão nada otimistas com o ano que o setor terá pela frente SAFRA RECORDE O Brasil colheu 192,8 milhões de toneladasdegrãosem2014,segun- doestimativadivulgadapeloIBGE.O volume é recorde, ficando 2,4% aci- ma do obtido em 2013 – mas é 0,9% menor que a estimativa feita em no- vembro para a safra do ano passa- do.Dentreos26principaisprodutos, 15 apresentaram alta na estimativa de produção em relação ao ano an- terior: algodão herbáceo em caroço (26%), amendoim em casca 2ª safra (35,9%), arroz em casca (3,3%), batata-inglesa 3ª safra (24,6%), ca- cau em amêndoa (7,3%), café em grão - canephora (22,2%), cebola (6,4%), feijão em grão 1ª safra (29,1%), feijão em grão 2ª safra (1,3%),mamonaembaga(203,8%), mandioca (8,8%), milho em grão 2ª safra (3,9%), soja em grão (5,8%), sorgoemgrão(3,9%)etrigoemgrão (8%). CONTAS DE LUZ PODEM TER REAJUSTE EXTRA EM 2015 O ministro de Minas e Ener- gia, Eduardo Braga, disse que o governo poderá autorizar a Agên- cia Nacional de Energia Elétrica (Aneel) a promover um reajuste extra nas contas de luz em 2015. A medida, se vier a ser adotada, servirá para socorrer as distribui- doras de energia, que devem pre- cisar de recursos para conseguir cobrir as despesas com compra de energia, mais cara devido à queda nos reservatórios das hi- drelétricaseusomaisintensodas termelétricas. “Essa é uma alter- nativa [revisão extraordinária]. Isso não está descartado, mas ainda não está decidido”, disse Braga a jornalistas, após uma reunião com a presidente Dilma Rousseff, em Brasília. PREÇO DA CONSTRUÇÃO ENCARECEU 6,2% Obrasileiropagoumaiscaropara construiremdezembro.Nomêspas- sado, a inflação da construção ficou em 0,65%, segundo dados divulga- dos pelo Instituto Brasileiro de Geo- grafia e Estatística (IBGE).Ataxa é superior à registrada em novembro, de 0,2%. Com isso, o ano de 2014 fechou em 6,2%.Aparcela de mate- riais, com variação de 0,49%, regis- trou aceleração de 0,56 ponto per- centual comparada com o mês ante- rior.Amão de obra ficou em 0,84%, oquesignificaumcrescimentode0,32 ponto percentual em comparação a novembro (0,52%). Por metro qua- drado, o custo nacional passou de R$ 907,43 (novembro) para R$ 913,32 (dezembro), sendo R$ 497,37 relativos às despesas com materiaiseR$415,95comamãode obra. MEDODODESEMPREGO APRESENTOUQUEDA O medo do desemprego, que crescia desde março de 2013 en- tre a população brasileira, mostrou queda no fim de 2014. O índice do medo do de- semprego, divulgado ontem pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), caiu de 77 pontos em setembro para 75 em dezembro de 2014. A pes- quisa é divulgada a cada três meses. A queda em relação ao trimestre imediatamente ante- rior, de 2,6%, é a primeira veri- ficada depois de seis trimes- tres consecutivos de alta. Na comparação com o mesmo pe- ríodo do ano anterior, entre- tanto, o índice mostra uma alta de2,7%.Emdezembrode2013, estava em 73 pontos. GOVERNOVAISENTAR COM SINDICALISTAS Apósanunciarmedidasqueal- teram o acesso a benefícios tra- balhistas e previdenciários como o seguro-desemprego, abono sa- larial e auxílio-doença, o governo pretende se reunir com lideran- ças do movimento sindical para debater as mudanças. De acordo com nota divulgada à imprensa pela Secretaria-Geral, a reunião servirá para o governo “esclare- cer e discutir com os dirigentes” as medidas.Ainda segundo a as- sessoria da pasta, o ministro Mi- guelRossettoafirmouquenãoha- verá redução dos direitos dos tra- balhadores e as medidas visam a corrigirdistorçõesegarantirama- nutençãodepolíticasdeproteção social. No dia 30 de dezembro, duas medidas provisórias foram enviadas ao Congresso Nacional definindoalgumasmudançasnos benefícios. Para solicitar o segu- ro-desempregopelaprimeiravez, por exemplo, o trabalhador preci- sa ter vínculo com a empresa por pelo menos 18 meses. Antes o prazo era de seis meses. O obje- tivo é incentivar que as pessoas busquem se inserir no mercado, diz o governo. ALIMENTAÇÃO E BEBIDAS ACELERAMALTA DA INFLAÇÃO As despesas com Alimen- tação e Bebidas aceleraram o ritmo de alta na passagem de novembro para dezembro, dentro do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo divulgado pelo o Instituto Brasileiro de Geografia e Es- tatística. A taxa do grupo pas- sou de 0,77% para 1,08% no período. Vários itens ficaram maiscaros,comdestaquepara as carnes. A alta de 3,73% em dezembro fez o item ter o se- gundo maior impacto sobre o IPCA do mês, uma contribui- çãode0,10%,atrásapenasdas passagens aéreas. A refeição fora de casa subiu 1,41%, ter- ceira maior contribuição para a inflação de dezembro, o equi- valente a 0,07%.
  6. 6. CIDADE - 7JORNALDENOTICIAS Montes Claros, sábado, 10 de janeiro de 2015 Expomontes será realizada noperíodode2a12dejulho Amaiormostraagropecuáriade MinasGeraisjátemdataparaocor- rer.A41ª ExposiçãoAgropecuária de Montes Claros (Expomontes) será realizada entre os dias 2 e 12 dejulho,noParquedeExposições JoãoAlencarAthayde,quesedes- tacapelafacilidadedeacessoeofer- ta dos melhores e maiores espa- ços para eventos no Norte de Mi- nas. Promoção da Sociedade Ru- ral de Montes Claros, a Expomon- tes é uma das maiores Mostras do Brasil, que compreende o agrone- gócio,aagriculturafamiliar,negóci- os, lazer, entretenimento, leilões, produçãodeconhecimento,forma- ção, visibilidade e visitas técnicas, entreoutrasatividades. “A seca tem sido nosso grande desafiador.Masasecatambémtem sido nosso ponto de partida. Não podemos nos abater. Temos que serfortesefazeraExpomontes.Se numano,lutamos,fizemosaExpo- sição “na raça”, no outro colhemos osfrutoseevoluímos.Éassim,ano aano,caminhamosjuntos,nóspro- dutoresrurais,paraquepossamos trazer para o povo o que fazemos no campo. O norte mineiro é guer- reiro e encontra nas adversidades asoluçãoparaavançar,paracres- cer.Aquiestamos,nessemomento de transição, momento desafiador parafazermosumaediçãorechea- da de novas conquistas. Que ve- nhaa41ªExpomontes”,afirmaoti- mista, o Presidente da Sociedade Rural,OsmaniBarbosaNeto. A festa conta ainda com dia de campo, inclusão social, parque de diversão,mini-fazenda,julgamento de animais, expressivo número de bovídeos e equídeos inscritos, tu- rismoeimpulsodaeconomia–nos seus três setores prioritários. Em- presas e produtores expõem a ex- celência genética da pecuária, no- vas tecnologias em má-quinas e equipamentos,implementosagríco- las,automotivo,laboratórioeindús- triafarmacêutica,instituiçõesbancá- rias, vestuário e acessórios e insti- tuiçõesgovernamentais. “Aolongodosanospercebe-se um grande aumento em todos os aspectos da Mostra, afirma o Dire- tor Financeiro, Moacyr Basso. Ele ainda descreve que neste ano há previsão de que as transações co- merciais cheguem à casa dos R$ 350 milhões, movimentados nos dez dias do evento. “Fomentamos a economia como um todo. Impul- sionamos o comércio, a prestação de serviços, geramos emprego. Essa vitrine que se torna o Parque de Exposições é, sobretudo, um medidor econômico dos mais po- tentes. Faremos uma Mostra dife- rente,quecadavezmaisvalorizeo homem do campo e abra novas fronteiras e comercialização, gere mais divisas e crie novas oportuni- dades”, afirma Moacyr. SHOWS Para a mostra deste ano já es- tão confirmados os seguintes sho- ws: Luan Santana abre a Expo- montes, dia 2/7; no Dia 3 é aniver- sário de Montes Claros e a progra- mação fica a cargo da Prefeitura; Dia4,BrunoeMarrone;Dia5,Hen- riqueeJuliano;Segunda(6)eterça nãohaveráshows;Dia8,aindanão foramdefinidas;Dia9,showgospel ainda por definir; 10 (a definir); Dia 11,Cabaré,comLeonardoeEduar- do Costa; e o encerramento no dia 12 comAviões do Forró. GEORGE NANDE DE BUTUCA NAZARENO DIAS debutuca@ig.com.br - nazadiaz@yahoo.com.br IMÓVEL ABANDONADO Pordiversasvezesfizemos comentáriossobreasituação daantigaIndústriaIrmãosPe- reira,noBairroEdgarPereira. Oimóvelpertenceàfamíliado ex-deputado Wilson Cunha. Parte do imóvel existente na Avenida Presidente Kennedy foi tomada pela sujeira e ani- maispeçonhentosestãoinva- dindo as residências devido ao caos no interior do terre- no.Umcaminhãoderrubouum padrão trifásico e ele está se- guroporumgalhodeárvores, queestáprestesaceder,por- que está podre e pode acon- tecerumgraveacidente. PERIGO NAAVENIDA Água mole em pedra dura tantobateatéquefura.Apersis- tênciafoiaprincipalarmadosvi- toriosos.Atéporqueasconquis- tas são alcançadas com luta e perseverança.Assim é a situa- ção de perigo que está aconte- cendo na Avenida João XXIII. EmfrenteaoSupermercadoBH háumpontodeônibusreserva- do ao transporte coletivo para embarque e desembarque de passageiros.Sóqueesteespa- çovirouestacionamentoparticu- lar,complicadooserviçodoslo- tações.Alertamosmaisumavez: a qualquer momento um grave acidentepodeacontecer. UNIMONTES SOLIDÁRIA Minas Novas, no Vale do Jequitinhonha,eSãoJoãodo Pacuí, no Norte de Minas, re- ceberão as ações da 21ª edi- ção consecutiva do Unimon- tesSolidária,queexistehá11 anoscomoformadeaplicaro conhecimento adquirido. O cronograma estabelecido é o seguinte. De 11 a 19 de janei- ro,emMinasNovas,de24a31 de janeiro em São João do Pacuí.Osmunicípiosescolhi- dos apresentam ainda IDH abaixo da média do restante do Estado. Para o Coordena- dor da CAE e supervisor do projeto, professor Gilson Fróes, as atividades são im- portantes e benéficas. FESTADE REIS AtradicionalfestadeSantos Reisestámovimentandotodaa regiãoNortedacidade,Todosos dias, a Praça 6 de Janeiro está movimentada. Após a celebra- ção da missa, os participantes da festa têm a oportunidade de degustar as deliciosas gulosei- mas, que são feitas na hora, comopastel,pãodequeijo,beiju eoutrasdelicias.Outrosatrativos sãoosshowsmusicaisdasban- das,tambémtemapresentação de pastorinhas e foliões.Afesta teráoseufinalnestedomingo(11) comotradicionalbingo. IPTU2015 Apartirdesegunda-feira(12), aPrefeituradeMontesClarosco- meçaaenviaroscarnêsparapa- gamento do Imposto Predial e TerritorialUrbano(IPTU).Sebas- tião Prates, diretor de receita e de Finanças da Prefeitura, des- taca que neste ano haverá um aumentodataxade6,145%para casa,comércio,indústria,como territorial (lotes vagos). Os ven- cimentos para pagamento da cota única com desconto de 4% têmprazoatédia12defevereiro. Paraesclarecerqualquerdúvida ocontribuintedeveráprocurara SecretariadeFazendadaPrefei- tura de Montes Claros. EXÉRCITO BRASILEIRO Será lançado, no dia 21 de ja- neiro(quarta-feira),olivro“Batalhão Dionísio Cerqueira, Sua História, Seus Guerreiros”, de autoria de ValerianoWandeick,diretordaRe- vistaVida.Oautorfazumrelatoda história do 55° Batalhão Dionísio Cerqueiradesde1976,datadafun- daçãoemMontesClaros.Olança- mentovaiacontecernasdependên- ciasdo55°BatalhãodoExército,a partir das 20 horas. COISA RARA Todomundotemumaparelho móveldetelefone.Podemosuti- lizarainternet,trocarmensagens instantâneas, jogar, tirar fotos online, ler e editar textos, criar vídeos e personalizar o smart- phone a nosso gosto e vontade. Aevoluçãodocelularnãopárae causaumaverdadeirarevolução na vida dos adeptos da tecno- logia. Através do WattsZap as notícias chegam com rapidez e todosficamescravosdessamo- dernidade,eesquecemdeoutras coisas. Em qualquer lugar, é co- mum ver crianças, jovens e até mesmoadultos,queseentregam à tecnologia. Coisa rara aconte- ceunaquarta-feira(7),dentrodo ônibus:umajovemestavatecen- do crochê, enquanto os outros jovens estavam ao celular. Sinal dostempos! ABRAÇO DA SEMANA Oabraçodasemanavaiparao produtor rural João dos Reis Silva (João Ribeiro), da Fazenda Mocambo Firme, aniversariante deste sábado. Ele recebe os cum- primentosdos11filhos,netosebis- netos.Abraço especial da sua es- posa Luzia Pereira da Silva, com- panheiradetodososmomentosde sua vida. Abraços também de to- dos os seus irmãos. Parabéns. PARAREFLETIR A ingratidão é uma prerroga- tiva dos ignorantes e egoístas. Estes nunca agradecem ou pe- dem perdão. Nunca serão capa- zes de olhar pelos outros e mor- rerãosentidopenadesimesmos. (Fábio Rocha Pina) ASSIM COMO aconteceu em 2014, a Expomontes deverá atrair um grande número de pessoas ao Parque de Exposições JOÃO dos Reis Silva, aniversariante deste sábado, ladeado pela esposa Luzia Pereira Silva e da neta Maria Gabriela Fonseca Silva CARTORIO DE PROTESTOS JORGE ANTONIO DOS SANTOS EDITAIS 09/01/2015 Pca. Dr. Carlos 19, Lj 2 OCORRENDO AS HIPOTESES DO ART. 15 DA LEI 9.492 DE 10/09/97, FICAM AS PESSOAS FISICAS E JURIDICAS ABAIXO RELACIONADAS NOTIFICADAS PARA, NO PRAZO DE 3(TRES) DIAS, A CONTAR DA DATA DA PUBLICACAO DESTE, VIREM A ESTE TABELIONATO, A FIM DE PAGAR, ACEITAR OU DEVOLVER OS DOCUMENTOS QUE SEGUEM, OU DAR RAZOES PORQUE NAO O FAZEM, FICANDO, DESDE JA INTIMADAS DE SEU PROTESTO, CASO NAO O FACAM. PRAZO FINAL PARAPAGAMENTO: 14/01/2015 QTDE TITULOS : 31 HORARIO DE FUNCIONAMENTO: 09:00 AS 12:00 / 13:00 AS 17:00 JB IND. E COM. DE COALHOS E COAG.LTDA DOC.NUM. 05483001000158ROD. BR 135 KM 01 S/NR ZONA RURAL39400349 MONTESCLAROS(MG)DATAAPRESENTACAO15/12/2014PROTOCOLO 1430883 FERNANDO SOARES LIMA(RUACINCO DOC.NUM. 11801389616 RUA CINCO149 JARDIM PRIMA 39404136 MONTES CLAROS (MG) DATA APRESENTACAO 05/01/2015 PROTOCOLO 1433158 FERNANDOMOACIRANDRADEATAIDEDOC.NUM.10577459600R:EDEZIO FERREIRADASILVA, 267 CRISTO REI 39400000 MONTES CLAROS (MG) DATAAPRESENTACAO 05/01/2015 PROTOCOLO 1433299 MARIAROSAAPARECIDADOC.NUM. 19676087000140AV. LAURO DIAS DE SA, 911 STO ANTONIO 39402260 MONTES CLAROS (MG) DATA APRESENTACAO 06/01/2015 PROTOCOLO 1433709 PASSOS&ALVESATACADISTAEREPRESENTDOC.NUM.10461355000131 R. DOSADVENTIDAS, 326 DELFINO MAGA39402180 MONTES CLAROS (MG)DATAAPRESENTACAO 06/01/2015 PROTOCOLO 1433745 PAMPAV COMERCIALLTDADOC.NUM. 08386085000108 RUACINCO 48 VILASION 39402469 MONTES CLAROS (MG) DATAAPRESENTACAO 06/ 01/2015 PROTOCOLO 1433858 GOLDPRIMICOM.LTDADOC.NUM.13734919000150AVENIDAC,76JARDIM PRIMAVER39404151MONTESCLAROS(MG)DATAAPRESENTACAO06/ 01/2015 PROTOCOLO 1433886 GOLDPRIMICOM.LTDADOC.NUM.13734919000150AVENIDAC,76JARDIM PRIMAVER39404151MONTESCLAROS(MG)DATAAPRESENTACAO06/ 01/2015 PROTOCOLO 1433890 WEBERTH DE MATOS 01901416623 DOC.NUM. 20295117000157 RUA IMPERATRIZ LEOPOLDINA448 39404287 MONTES CLAROS (MG) DATA APRESENTACAO 06/01/2015 PROTOCOLO 1433927 JOSE TARCISIO DE SOUZA DOC.NUM. 32248563604 RUA ERNESTO NEVES, 53 EDGAR PEREIRA 39400184 MONTES CLAROS (MG) DATA APRESENTACAO 06/01/2015 PROTOCOLO 1433954 DHERYKAALVES RODRIGUES DOC.NUM. 13278199618 LUIZ RUAS 51 SANTOS REIS 39401165MONTESCLAROS(MG)DATAAPRESENTACAO 06/01/2015 PROTOCOLO 1433977 CLEIAMARIAOLIVEIRADOC.NUM. 56926502668 RUAANTONIO COSTA 175 CINTRA39400394 MONTES CLAROS (MG) DATAAPRESENTACAO 06/01/2015 PROTOCOLO 1433981 ANDREIAPEREIRADEOLIVEIRADOC.NUM.07358805658RUAJAMAICA 185 INDEPENDENCIA 39404302 MONTES CLAROS (MG) DATA APRESENTACAO 06/01/2015 PROTOCOLO 1433986 KATIAVANESSARIBEIRO DOC.NUM. 07978393640AV CORONEL LUIZ MAIA 1973 JD PALMEIRAS 39402667 MONTES CLAROS (MG) DATA APRESENTACAO 06/01/2015 PROTOCOLO 1433987 ADRIANA APARECIDA ALVES DOC.NUM. 07230058694 AV DAS PALMEIRAS 835 DELFINO 39400000 MONTES CLAROS (MG) DATA APRESENTACAO 06/01/2015 PROTOCOLO 1433997 THIAGO ALFREDO OLIVEIRA FONSECA DOC.NUM. 08006963606AV BRASILIA 404 MARACANA 39403070 MONTES CLAROS (MG) DATA APRESENTACAO 07/01/2015 PROTOCOLO 1434176 VANIADOS ANJOS COSTA DOC.NUM. 26835614668 AV VALDOMIRO MARCONDESDEOLIVEIRA281IBITURUNA39400000MONTESCLAROS (MG)DATAAPRESENTACAO 07/01/2015 PROTOCOLO 1434180 PEDRO RAIMUNDO DASILVADOC.NUM. 37711695772 R PROFESSOR RAIMUNDONETO575MAJORPRATES39403213MONTESCLAROS(MG) DATAAPRESENTACAO 07/01/2015 PROTOCOLO 1434219 JOAO BATISTAGOMES DOC.NUM. 01032994673 R DO BOTAFOGO 372 MARACANA39403073 MONTES CLAROS (MG) DATAAPRESENTACAO 07/01/2015 PROTOCOLO 1434271 MARCOSSOARESSOUZADOC.NUM.01846392632RJUSTILIANONUNES 357 NOSSASENHORADAS G 39403035 MONTES CLAROS (MG) DATA APRESENTACAO 07/01/2015 PROTOCOLO 1434279 GENILSONRIBEIROGOMESDOC.NUM.01831622696RJUSTINONUNES 357 NOSSASENHORADAS G 39403025 MONTES CLAROS (MG) DATA APRESENTACAO 07/01/2015 PROTOCOLO 1434280 GILSON RIBEIRO SANTOS DOC.NUM. 01889993611 R I 152 NOSSASENHORA DAS GR 39403035 MONTES CLAROS (MG) DATA APRESENTACAO 07/01/2015 PROTOCOLO 1434281 MONICA GONCALVES DE BRITO SOUZADOC.NUM. 07818603697AV OLIMPIOPRATES49FMAJORPRATES39403261MONTESCLAROS(MG) DATAAPRESENTACAO 07/01/2015 PROTOCOLO 1434283 SEBASTIAO ROMILDO SOARES FONSECA DOC.NUM. 06680622581 R ALAMEDAJUNDIAI46SAOGERALDO39403171MONTESCLAROS(MG) DATAAPRESENTACAO 07/01/2015 PROTOCOLO 1434304 FABIOLAKARINENOGUEIRATEAGOCAMPOSDOC.NUM.06289575643 JOSIAS SISNANDO 897 102 MORADA DO SOL 39401971 MONTES CLAROS(MG)DATAAPRESENTACAO07/01/2015PROTOCOLO1434306 JOSIAS FERREIRA DE SOUZA DOC.NUM. 02700041577 R ANTONIO FIGUEREDOALVES119VILAOLIVEIRA39402402MONTESCLAROS(MG) DATAAPRESENTACAO 07/01/2015 PROTOCOLO 1434308 REGINALDO RIBEIRO DE CASTRO DOC.NUM. 05364938638 R E 183 JARDIM SAO GERALDO 39403123 MONTES CLAROS (MG) DATA APRESENTACAO 07/01/2015 PROTOCOLO 1434312 SIDNEY GONCALVES DOS SANTOS DOC.NUM. 04172513603 R E 36 VILAITATIAIA39403242 MONTES CLAROS (MG) DATAAPRESENTACAO 07/01/2015 PROTOCOLO 1434321 JOSIANEFERREIRASIMOESDOC.NUM.09041970690RMARCOSVINICIUS 496 SAO JUDAS TADEU 1 39410000 MONTES CLAROS (MG) DATA APRESENTACAO 07/01/2015 PROTOCOLO 1434341 LIVIO CESAR SANTOS CRUZ DOC.NUM. 40468240500 RUAANTONIO M SANTOS 80 MAJOR PRATES 39403214 MONTES CLAROS (MG) DATA APRESENTACAO 07/01/2015 PROTOCOLO 1434367 JOSEANTONIODESOUZADOC.NUM.56199449649RUADASPAINEIRAS, 180 39525000 ZONARURAL (MG) DATAAPRESENTACAO 11/12/2014 PROTOCOLO 1429640_01 ———————————— JORGE ANTONIO DOS SANTOS
  7. 7. Montes Claros, sábado, 10 de janeiro de 2015JornaldeNotícias08 - Variedades A Empresa Manoel Marcos dos Santos -ME , inscrita no CNPJ sob o nº 06.641.386/0001-05 , torna público que requereu através do proces- so nº FB2 B00007,a Secretaria Adjunta do Meio Ambiente do Município de Montes Claros -MG, a Licença de Operação -( LO), para a atividade Usinagem, na Rua Maceió nº 181 - Bairro Santo Antônio- Nesta Cidade . LICENÇA DE OPERAÇÃO VENDEM-SE ÁREAS 20.000 MT2, PRÓXIMIDADES CEANORTE, PONTE BRANCA - ANEL RODOVIÁRIO SUL. PRÓPRIASPARA LOTEAMENTO; CONSTRUÇÃO DE CASAS, CONDOMÍ- NIOS. TRATAR 038 - 8401-5039 -038- 9961-8459 ÁREAS FONES: 3221 1201 / 3221-1202 CONTATO: FERNANDO VENDE-SELOJA MONTADA VENDE-SELOJA MONTADA VENDE-SE LOJA MONTADA DE CONFECÇÕES COM MERCADORIA, MONTAGEM,OU LOGOMARCA. TUDO JUNTO OU PARTES. PREÇO Á COMBINAR. ACEITA-SE CARRO / MOTO OU LOTE(terreno). RUA DR. VELOSO, 345 - CENTRO - MONTES CLAROS Aluga-se um galpão com 840 m2, com piso e escritório com banheiro, situado à rua Nossa Senhora das Vitórias, 46 Vera Cruz, próximo ao trevo da cowam. Interessados ligar fones (038) 99042624 ou 98208241. AUXILIAR DE ESCRITÓRIO Imperial Contábil, admite funcioário (a) com experiência em setor pessoal. IMPACTO GRAN FINALE Cretininha& RAPIDINHA MANCHETE DO DIA:` Site:www.geraisnews.com.br ABRAÇOS PEREGRINOGOSTOU PEREGRINO NÃO GOSTOU SEPARADOS NO NASCIMENTO. MUSAS D O KAROBASONO - Sou desses que volta a dormir para tentar resgatar um sonho. Pois é, pois é, pois é... ÁLCOOL - Todo mundo diz que o álcool mata, mas não dizem que por sua causa também nasce muita gente. Portanto... CRIANCICE - Meninas de 12 anos postando “Vou beber para esquecer os meus problemas”. O que foi querida? Seu CD das Chiquititas riscou? Tiske, tiske, tiske... BLÁ blá blá abobrístico feito dia desses aí, pela amiga Neidinha Oliveira e que merece registro; “Karoba, quando eu te olhei, eu te vi”. Catabrum! OPINIÕES – Sabe o que eu acho?, que as opiniões são como as axilas: todos têm, mas a maioria cheira mal. Humpft! DESACOSTUMADO - Não me acostumo com esse mundo de coisas caras, pessoas baratas e sentimentos em liquidação. #pronto falei ADVERTÊNCIA - O Ministério da Saúde adverte: Para curar o sentimento não correspondido tome uma dose de distância. #fica a dica. A toda boa PATRÍCIA JORDANE QUEMLÊACOLUNADOKAROBA O secretário de Cultura CARLINHOS MUNIZ é leitor assíduo da coluna, karobano de carteirinha e presença garantida na edição 2015 de NOS TEMPOS DA BRILHANTINA. Êba!! “2015 pode ser um ano de mudança... pra quem não pagar o aluguel” Durante o exa- me geral o mé- dico pergunta para o caipira: — Você sabe qual o seu tipo sanguíneo? O caipira responde meio hesitante: — Oia dotô, eu acho que é do tipo ver- meio! DAS lideranças que sempre são parceiros dos confrades e confreiras no eventos sociais. DOS autores de novelas que acham que terra de Figueira é uma roça toda rosa shocking. Humpft! FINALIZANDO A COLUNA deste sabadão de meu Deus, abraços para Rose Fray, Xana, Mariazinha Freitas, Kenedy Moraes, Sil Stúdio, Viviane Araújo e Cristiano Drosta. Terça-feira que vem tem mais. Bye! “O que você não cuida, a vida te tira.” “Deus é amor, mas sobretudo é justiça” ENQUANTO isso, lá na Garagem do Espetinho, os coleguinhas Marcelo Walmor e Arthur Júnior EM pose para coluna, os capas de revista Fernando Macedo, Paulinho Abreu e Decão Silveira GALPÃO Interessados enviar curriculum vitae para imperial@viamoc.com.br. (038) 3222-1314 Telefones para contato: APTO NOVO , 02 QUARTOS 01 VAGA NA GARAGEM 1º ANDAR - 66 m² PRIVATIVA 89m² CONSTRUÇÃO (38)3222-0119(38)8808-6199 VENDE-SE BAIRRO: AUGUSTA MOTA Perdeu-se dia 08/01/15 às 22:00 hs nas proximidades da r. Rio de Janeiro, Ibituruna; cadela Preta commanchasmarrons,Raça Pincher não pura, que atende pelo nome de NINA. Quem tiver algumainformação,favoravisar pelos fones: 38 91170381; 91253636; 32121867. Gratifica-se. PROCURA-SE
  8. 8. VARIEDADES-9Montes Claros, sábado, 10 de janeiro de 2015JORNALDENOTÍCIAS Receita “Boogie Oogie” Globo - 18:00 Império - Globo 21:00 AltoAstral Globo - 19:00 Florinda Meza proíbe visitas a túmulo de Roberto Bolanõs e instalacâmerasnocemitério Viúva de Roberto Bolaños, Florinda Meza proi- biu o acesso de qualquer pessoa ao túmulo do intérprete de Chaves e Chapolin - falecido em novembro -, no cemitério Panteón Francés, na Ci- dade do México. A atriz ordenou que ninguém se aproxime do local e instalou câmeras por lá, segundo o jornal “El Universal”. Qualquer aproximação será impe- dida pelos seguranças a mando da famosa. O papa Francisco recebeu na última quinta-fei- ra no Vaticano a atriz Angelina Jolie, que, antes da reunião, exibiu na Villa Pia, situada nos jardins do Vaticano, seu segundo filme como diretora, "Invencível". O filme conta a história verídica do jovem atleta Louis Zamperini (Jack O'Connell), que participou nos Jogos Olímpicos de 1936 e depois se alistou no Exército dos Estados Unidos, onde virou piloto e sofreu um acidente no Pacífico, se vendo obrigado a sobreviver em uma situação limite, sem água e comida durante 47 dias, até que os japoneses o capturaram. Jolie assistiu à saudação do Papa na sala do Tronetto, ao lado da biblioteca papal, acompanha- da por dois de seus filhos e um irmão. Como é tradição, Francisco presenteou a atriz com um rosário. Segundo a revista US Weekly, Jolie e seu mari- do, Brad Pitt, solicitaram um encontro com o Papa por admirar suas mensagens de abertura e defesa dos pobres. Está quase tudo pronto para o lançamento da biografia “Valéria Valenssa, uma vida de sonhos”, sobre a primeira e mais famosa mulata Globeleza. O livro, com cerca de 200 páginas, narrará, entre outros assuntos, a depressão enfrentada por Va- léria após deixar o posto de símbolo do carnaval da Globo, depois de 14 anos aparecendo sam- bando na tela da TV, com o corpo coberto com purpurina. A obra será lançada pela Editora Escrita Fina, na primeira semana de fevereiro, antes do carna- val. O livro trará na capa uma foto atual da mula- ta, feita nesta quinta-feira. Além de contar detalhes desconhecidos do público, como a vida humilde antes da fama até a conversão de Valéria à igreja evangélica, as auto- ras Laura Bergallo e Josiane Duarte vão abordar a relação de amor da mulata com o marido, o designer da TV Globo Hans Donner, pai dos dois filhos da ex-Globeleza. Hans Donner narrará história de amor O último capítulo do livro, inclusive, terá um depoimento escrito pelo próprio Hans Donner, contando em detalhes como os dois se conhece- ram e iniciaram o romance que resultou num ca- samento. Valéria também abrirá o coração ao ad- mitir que ficou traumatizada quando passou a vi- ver longe dos holofotes. “Ela passou por todas as expectativas de uma menina vinda do subúrbio, que conseguiu chegar à fama com rapidez, até que um belo dia foi subs- tituída. Isso, para ela, foi um momento muito difí- cil. Valéria sofreu depressão e nem saía de casa. Embora soubesse que aquilo não era para sem- pre, que depende da forma física, da juventude.., ela sofreu um baque muito violento”, contou Laura Bergallo, em recente entrevista à Retratos da Vida. Toda o drama da ex-Globeleza, atualmente com 43 anos, será contado de maneira delicada. “O que aconteceu com ela acontece com quase todas as pessoas que têm um sucesso muito grande. A biografia será um livro que fala sobre superação. A história fala de um conto de fadas que teve seus momentos difíceis e se tornou um exemplo de superação”, completou a autora. Biografia de Valéria Valenssa abordará sua profunda depressão após deixar o posto de Globeleza Fãs e crianças estariam tentando deixar car- tas e objetos no cemitério. No entanto, as home- nagens estão sendo recolhidas e entregues di- retamente a Florinda quando ela comparece ao local. A viúva, inclusive, contratou coveiros e ze- ladores exclusivos. Vale lembrar que a história de Bolaños e sua família é cercada de polêmicas. Relembre algu- mas delas envolvendo o ator e o elenco de "Cha- ves" nas próximas páginas. Um advogado dirigia distraído quando, num sinal PARE, na via de trânsito, passa sem parar, mesmo em frente a uma viatura do BOPE. Ao ser mandado parar, toma uma ati- tude de espertalhão. Policial - Boa tarde! Habilitação e o docu- mento do veículo, por favor, cidadão! Advogado - Mas por que, policial? Policial - Não parou no sinal de PARE ali atrás. Advogado - Eu diminuí, e como não vinha ninguém... Policial - Exato! Habilitação e o documen- to do veículo. Advogado - Você sabe qual é a diferença jurídica entre diminuir e parar? Policial - A diferença é que a lei diz que num sinal de PARE, deve parar completa- mente. Documento e habilitação. Advogado - Ouça policial, eu sou Advoga- do e sei de suas limitações na interpretação de texto da lei, proponho-lhe o seguinte: se você conseguir me explicar a diferença legal entre diminuir e parar eu lhe dou os documentos e você pode me multar. Se- não, vou embora sem multa. Policial - Muito bem, aceito! Pode fazer o favor de sair do veículo, Sr. Advogado! O Advogado desce e é então que os inte- grantes do BOPE baixam o cacete, é porra- da pra tudo quanto é lado, tapa, botinada, cassetete,cotovelada,cabodevassoura,saco plástico e etc. O Advogado grita por socorro, e pede pra pararem pelo amor de DEUS. E o Policial pergunta: Quer que a gente PARE ou só DIMINUA? Paparecebe Angelina Jolie Sandra conversa com o gerente da boate Vo- gue. Dani vai fazer ultrassom, mas Rodrigo não quer ir junto. Serginho vai morar com Rafa na casa de Inês, que passa a dividir o quarto com Tadeu. Susana chega à agência e não gosta de ver Beatriz trabalhando ali. Dani desabafa com Vitória so- bre sua relação com Rodrigo. Carlota e Beto ten- tam colocar em prática o plano de tirar Fernando da presidência da VIP Turismo. Gustavo interroga Vitória sobre Susana, mas também faz perguntas sobre Homero. Sandra conversa com Luisa sobre o seu encontro com Carlos, e conta que o ex-ge- rente da boate Vogue indicou Corvo para que ob- tenha mais informações. Carlota tenta convencer a família de que Fernando precisa descansar do trabalho. Sandra coloca Carlota contra parede e a questiona sobre Corvo. A médica volta atrás e finge não reconhecer Laura. Fernando declara seu amor para Itália. Caíque aceita cumprir o pacto que tinha com Castilho em sua vida passada para receber aju- da e sair da clínica. Tina avisa a Manuel que terá que visitar a tia em São Paulo e fala misteriosa- mente ao celular. Marcos pensa em um plano para que Sueli seja presa fora do Brasil. Sueli diz a Nildes que não vai viajar. Scarlet avisa a Adriana que o pai morreu. Castilho incorpora em Ivani e avisa ao enfermeiro que Caíque está curado Danielle conversa com Maurílio. Xênia convi- da Manoel para sambar com ela. Pietro aprovei- ta a ausência de Manoel e coloca um purgante na feijoada. José Pedro conversa com Kleber. A polícia chega ao restaurante de Vicente. José Pedro e Kleber são presos. Vicente conta para Maria Clara que José Pedro foi levado pelos po- liciais. Danielle vibra com Maurílio a prisão de José Pedro. Cristina conversa com José Alfredo. Maria Marta desconfia que Maurílio denunciou José Pedro. Magnólia e Severo vão a joalheria Império. Enrico começa a colocar em prática mais um plano para sabotar o restaurante de Vicente. Jonas marca um encontro com Érika. Cristina con- versa com Merival sobre a situação de José Pedro. Téo Pereira vai ao apartamento do Comendador para conversar com Maria Marta. Xênia se enfu- rece quando fica sabendo que Juliane não co- meu a feijoada. Elivaldo desmaia ao ver José Alfredo. Cora implica com Jurema. José Alfredo conversa com Elivaldo sobre a sua falsa morte. Merival pede um valor alto para soltar José Pedro e Maurílio diz que pode pagar com a condição de Maria Marta se casar com ele. ARIES – Continue atento a respeito do seu trabalho e das suas obrigações profissionais. Nada de comprar ou- tras coisas a mais. No amor, não espere muita solidari- edade e simpatia de seu par. Evite provocar ciúmes no outro. TOURO – Vocêcontinua liderando e assumindo tam- bém as responsabilidades que lhe cabem, de forma na- tural e sem reclamar, o que já é quase um hábito na sua vida. Pode usufruir tudo o que fez por merecer. Desconsidere o negativo. GÊMEOS – Talvez tenha que trabalhar dobrado para cumprirseusdevereseajudaralguémqueestáemgran- desapurosfinanceiros.Lembre-se,porém,queumamão lava a outra, diz o velho ditado popular. Faça o bem agora e agradeça o que já recebeu também. CARANGUEJO – O dia é animado, festivo, de vida social intensa, mas também de muita fofoca, intriga e conversa sem proveito. Você terá rendimentos extras em atividades comissionadas. No amor, interferência de terceiros. LEÃO – O momento está bom para ganhar dinheiro extra e engrossar o seu orçamento. Os recursos virão num momento necessário. Por outro lado, desfrute de prestigio e vida social intensa, de muitos prazeres no amor também. VIRGEM – Seus caminhos estão abertos para a rea- lizaçãodeviagemouparamudançadecasa.Aospoucos seu progresso estará se consolidando. Mas as questões e conflitos de família podem aumentar. A felicidade é possível. LIBRA – Talvez tenha que se isolar um pouco, para reconquistar alguma forma de poder. Ouça, cale-se e tire suas conclusões. Só depois, à noite, forme opinião e discuta o assunto que lhe intriga. Deixe de ciúme. ESCORPIÃO – Um dia de novidades positivas, pela manhã. Depois desse horário a situação pode ser me- lhorainda.Masnãodêcréditoaboatos,intrigas,fofocas e ações de invejosos. Resguarde-se um pouco que é melhor. SAGITÁRIO – A saúde deve ser hoje a prioridade. Mas por outro lado, você terá oportunidade de sair ga- nhando com negócios e vendas de um modo geral. O dinheiro virá mais farto e fácil. Não confie muito nos outros. CAPRICORNIO – Sua autoridade, decisão e liderança serão de grande poder e você deve confiar naquilo que está fazendo. Confie também na pessoa que ama. . Con- serve seu crédito se não fizer novas dívidas. Prestigio social e profissional. Amor feliz. AQUÁRIO – Os mais velhos, os pais, os idosos e as pessoas mais experientes, vão dar palpite em tudo. Te- nha paciência e valorize a sabedoria que está recebendo de alguém. Questões de casa e de família que lhe preo- cupam vão desaparecer. PEIXES – Você vai receber de amigos e colegas, ir- mãos e parentes, as melhores provas de estima. Retri- bua gentilezas, visitas e gestos de atenção. Sua popula- ridade está em alta. As proteções divinas estão lhe ins- pirando em tudo. Ingredientes 1 tablete de MAGGI® Caldo de Galinha 4 colheres (sopa) de Leite Lí- quido MOLICO® 5 ovos 1 xícara (chá) de milho verde em conserva meia xícara (chá) de queijo mi- nas fresco picado 1 colher (sopa) de salsa pica- da 1 colher (sopa) de manteiga Omelete Caipira Modo de Preparo Em um recipiente, dissolva o Caldo de galinha ou carne no leite quente e reserve. Em outro recipiente bata os ovos com o auxílio de um garfo e acrescente o Caldo de galinha ou carne dissolvido. Misture o milho verde, o queijo e a salsa. Em uma frigideira grande, aqueça a manteiga e despeje a mistura. Doure até que a parte de cima esteja cozida. Dobre a omelete ao meio ou vire- a com o auxílio de um prato. Deixe dourar e sirva a seguir. DICA - Sirva acompanhada de salada.
  9. 9. Montes Claros, sábado, 10 de janeiro de 2015 JornaldeNotícias10-Esporte Prezado (a) (ANTONIO JORGE TRANCOSO) ou responsável Gentileza entrar em contato com a Unimed Norte de Minas até o dia 14/01/2015, para tratar de assunto de seu inte- resse. (38) 2101-1544. AVISO www.jnnoticias.com NOVO TELEFONE 3221-1404 Avenida Flammarion Wanderley, 101, Bairro São José JN na versão on-line MóduloIIsemoFunorteECO “quase sim” vira um não e a Federação Mineira de Futebol rejeita oficialmente a substituição do Nacional para a disputa 2015 A possibilidade existia dian- te da autonomia que a entida- depossuieocomandodaFede- raçãoMineiradeFutebolvetou a entrada do Funorte no próxi- mo Campeonato do Módulo II/ 2015 como substituto do desis- tente Nacional Esporte Clube, de Muriaé. A decisão oficial, que era esperada na tarde da última quinta-feira, foi divulga- da no início da noite de ontem, às 18h20, por meio da resolu- ção 001/2015 assinada pelo presidente da casa, Castellar Carvalho Neto, pelo represen- tante do departamento técni- co, Bernardo Fiorini, e pelo di- retor executivo da FMF, Paulo Bracks. DeacordocomaFederação, aChaveAdoMóduloIInãoterá nenhumnovointegranteeserá mantida com cinco clubes. O pior deles será rebaixado para a Segunda Divisão 2016. A decisão cai como uma du- cha de água fria sobre as pre- tensões do Formigão, até por- que, em outros casos similares, a entidade adotou o critério técnico para preencher a vaga emaberto.Em2009,oRioBran- co de Andradas desistiu de dis- putar a 1ª Divisão do Mineiro e foi substituído pelo América de Teófilo Otoni, que ficou com a terceira colocação do Módulo II. O regulamento só previa o acessodireitodocampeãoedo vice-campeão. OcomandodoFunortedava com certa sua inclusão na dis- puta, tanto que, desde o últi- mo dia 20, o clube trabalha na renovaçãodecontratodejoga- dores e da comissão técnica. Nesta semana, deu início à pré- temporada com nove reforços contratados. O QUE DIZ A RESOLUÇÃO O documento de três laudas destaca que o pedido de desis- tência do Nacional foi oficiali- zado no dia 5 de janeiro, exatos dois meses depois do Conselho Arbitral que definiu o regula- mento do Módulo II – do qual o próprioNECparticipou.Naava- liação da FMF, o campeonato já estava em curso a partir daí, principalmente pelo fato de a tabela, em formato regionali- zado, já estar definida. “Qual- querinclusãoousubstituiçãode clubes, implicaria necessário e indevido remanejamento, com inevitávelmudançaemtodata- bela, já definida e divulgada e, ainda, no cronograma do pla- nejamento dos clubes”. E vai além ao reiterar que nãohá“qualquerdispositivole- gal (regional ou nacional) que defina e exija substituição de clubes (...) em hipóteses de abandono,desistênciaouexclu- são”. Aindaconformearesolução, o Nacional EC será multado em R$ 100 mil por desistência de competição e está automatica- mente rebaixado para a Segun- Os trabalhos do Montes Cla- ros Futebol Clube em 2015 co- meçarão nesta segunda-feira. Antes da série de exames e tes- tes, a diretoria fará a apresen- taçãodacomissãotécnicaedos atletas, num encontro reserva- do à imprensa, às 9 horas, num restaurante da cidade. Pelo menos sete deles virão de em- préstimo gratuito do Cruzeiro, inclusive o goleiro Kayke, que até o ano passado estava no Funorte. A programação dos primei- ros dias de trabalho do Montes Claros foram antecipadas pelo técnico Allan Kardeck ao JN. Na tardedasegunda-feiraenater- ça pela manhã avaliações fisio- terapeutas, clínicas e antropo- métricas. Já na quarta-feira, pela manhã, trabalho de aca- demia e folga à tarde. Na quinta-feira, acontecem asprimeirasavaliaçõesfísicase, de acordo com estes resulta- dos, à tarde haverá treino físi- co. Na sexta-feira pela manhã, trabalho físico e à tarde folga. Até a estreia no dia 15 de feve- reiro, em casa, contra o Tricor- diano, o comando do Bicho es- pera realizar pelo menos três jogostreinos/amistosos. Apropostadeumacomissão técnica local foi seguida à risca peloMontesClarosFutebolClu- be, que confirmou nessa sexta- feira os nomes dos dois prepa- radores para a disputa do Cam- peonato Mineiro do Módulo II. OexperienteMarinho,queéda cidade e há vários anos traba- lha na base do Cruzeiro, assu- mirá o trabalho com os golei- ros. Já a parte física ficará com o preparador Wagner Meira, o Waguinho, que já trabalhou no próprio MCFC, na equipe júnior do Cassimiro de Abreu e esteve no Funorte nos dois primeiros meses da disputa da Segundo- na do ano passado. Bicho apresenta grupo na 2ª e adianta programação para a primeira semana dona de 2016. Todos os seus jo- gos relacionados na tabela do Módulo II perdem seus efeitos de pontuação. AFMFevidenciou,ainda,que tanto Funorte como Nacional de Uberaba, como o JN publi- cou repetidas vezes, pleitea- vamavagadoNEC.OFECcomo terceiro colocado da última Se- gundonaeoNaçacomomelhor time entre nos rebaixados do Módulo II de 2014. Novo técnico, Allan KardeckO Funorte havia mantido o técnico e 14 atletas do ano passado CID BRUNO CH JIL VANN

×