Parasitologia (Nutrição) – Aula 2 (12/03) – Artrópodes – Profa. Adriana Pittella Sudré

Artrópodes
• Conceito
– Metazoário...
Parasitologia (Nutrição) – Aula 2 (12/03) – Artrópodes – Profa. Adriana Pittella Sudré

Ordem Mallophaga – piolhos mastiga...
Parasitologia (Nutrição) – Aula 2 (12/03) – Artrópodes – Profa. Adriana Pittella Sudré

Insetos – Classe Insecta ou Hexapo...
Parasitologia (Nutrição) – Aula 2 (12/03) – Artrópodes – Profa. Adriana Pittella Sudré

FAMÍLIA SIMULIDAE (“borrachudos”)
...
Parasitologia (Nutrição) – Aula 2 (12/03) – Artrópodes – Profa. Adriana Pittella Sudré

– Dermatobia hominis – miíase furu...
Parasitologia (Nutrição) – Aula 2 (12/03) – Artrópodes – Profa. Adriana Pittella Sudré

•
•

Agressão mecânica, química, e...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Artrpodes

498 visualizações

Publicada em

biology

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
498
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Artrpodes

  1. 1. Parasitologia (Nutrição) – Aula 2 (12/03) – Artrópodes – Profa. Adriana Pittella Sudré Artrópodes • Conceito – Metazoários formados por anéis e com patas articuladas • Cefalotórax e abdome (ácaros, aracnídeos) • Cabeça, tórax e abdome (insetos) 2 Classes: • Aracnida – aracnídeos – ácaros, escorpiões e aranhas • Insecta – insetos (mosquitos, moscas, pulgas, piolhos) Filo Arthropoda Classe Arachinida Ordem Acari Subordem Ixodides Família Ixodidae – carrapatos duros Família Argasidae – carrapatos moles Subordem Sarcopitiformes – ácaros de sarna Ordem Araneida Ordem Scorpiones Classe Insecta Ordem Diptera (moscas e mosquitos) Subordem Nematocera Família Culicidae - pernilongos Família Simuliidae - simulídeos Família Psychodidae - flebotomíneos Subordem Brachycera – mutucas Subordem Cyclorrhapha - moscas Ordem Hemiptera – triatomíneos e percevejos Ordem Anoplura – piolho picadores sugadores
  2. 2. Parasitologia (Nutrição) – Aula 2 (12/03) – Artrópodes – Profa. Adriana Pittella Sudré Ordem Mallophaga – piolhos mastigadores Ordem Siphonaptera - pulgas Importância • Causadores de doença – Parasitos – Parasitos – ácaros, pulgas, piolhos, larvas de mosca (miíase) – Dano tecidual por saliva ou peçonha • Carrapato – alergia por saliva • Escorpião e aranha – peçonha • Abelhas - alergia • Acidentes – peçonha • Transmissão de doenças – – • Agentes mecânicos Vetores (Triatomíneos – doença de Chagas; Flebotomíneo – leishmaniose; Mosquitos – malária, dengue) Alergia Mecanismos (Formas) de agressão • Agressão traumática – – • Rostro sugador Penetração nos tecidos Agressão lítica (enzimática) – Saliva ou enzima – degradação – Ação anestésica – Histamina - vasodilatação • Traumática + Lítica • Estresse – lesões e presença física do agente • Espoliação – sangue, fluidos teciduais
  3. 3. Parasitologia (Nutrição) – Aula 2 (12/03) – Artrópodes – Profa. Adriana Pittella Sudré Insetos – Classe Insecta ou Hexapoda • Características: – 3 pares de patas, exoesqueleto de quitina e corpo em 3 segmentos – Mosquitos, triatomíneos, simulídeos e flebotomíneos • Insetos com asas, ambos hematófagos (triatomíneos) ou apenas a fêmea • Transmissores de doenças ( dengue, malária, filarioses, doença de chagas) • Agressão traumática, lítica, estresse e espoliação SUB-ORDEM NEMATOCERA  Larvas e pupas geralmente são aquáticas  Holometábolos FAMÍLIA CULICIDAE SUB-FAMÍLIA CULICINAE Classificação: Habitat (domiciliar, peri-domiciliar e silvestre) Período de maior atividade (diurnos, crepusculares e noturnos) FAMÍLIA PSYCHODIDAE Probóscide curta, adaptada para picar e sugar Asas são cobertas por pelos longos SUB-FAMÍLIA PHLEBOTOMINAE (“mosquito-palha”) Medem de 2 a 3 mm de comprimento, tem coloração amarelo claro a cinza. Os olhos são grandes e escuros contrastando com a cor clara da cabeça. As antenas são longas e pilosas. Tórax coberto com pelos. Hábito noturno, podendo estar ativos em locais escuros durante o dia. Há espécies domiciliares, peri-domiciliares e silvestres. Gêneros Lutzomyia e Phlebotomus . Transmissores de leishmaniose.
  4. 4. Parasitologia (Nutrição) – Aula 2 (12/03) – Artrópodes – Profa. Adriana Pittella Sudré FAMÍLIA SIMULIDAE (“borrachudos”) Gênero Simulium - sua picada é dolorosa, causando irritação, prurido e edema. Podem atacar em massa. Tem importância na transmissão de Onchocerca sp e Mansonella sp. Os ataques maciços podem levar a hemorragias petequiais principalmente em áreas de pele fina. ORDEM HEMIPTERA FAMÍLIA REDUVIIDAE SUB-FAMÍLIA TRIATOMINAE Apresentam hemiélitros Trypanosoma cruzi. bem desenvolvidos. Têm importância pela transmissão de PULGAS • Pulam, não voam, corpo achatado latero -lateralmente • Hematófago estrito • Agressão traumática, lítica, estresse e espoliação • Ovo, larva, pupa (solo) e adulto - ciclo holometabólico • Pulex irritans - Agressão traumática, lítica, estresse e espoliação • Tunga penetrans - Agressão traumática, lítica e prurido – fêmea penetra nos tecidos do hospedeiro – bicho do pé. • Xenopsylla cheopis – peste bubônica. MUSCÍDEOS – Ovo, larva, pupa(solo) e adulto - ciclo holometabólico – Asas – Estresse – presença e vôo – Parasitos – míiase: “afecção causada pela presença de larvas de moscas em órgaos e tecidos do homem ou animais vertebrados (de sangue quente), onde elas se nutrem e desenvolvem como parasitos. Pode ser facultativa ou obrigatória”. • Tecidos vivos – biontófaga – Cochliomyia hominivorax – escavação de galeria – miíase ou bicheira. Cutânea ou cavitária – várias larvas com vários orifícios
  5. 5. Parasitologia (Nutrição) – Aula 2 (12/03) – Artrópodes – Profa. Adriana Pittella Sudré – Dermatobia hominis – miíase furunculóide ou berne – 1 larva por orifício. • Tecidos mortos – necrobiontófaga – Cochliomyia macellaria PIOLHOS - ANOPLURA – Ovo, ninfa e adulto - ciclo hemimetabólico – Não voam e são achatados dorso-ventralmente – Aparelhos bucais picadores sugadores – Agressão traumática, lítica, estresse e espoliação – Podem transmitir doenças – febre recorrente, tifo exantemático – Pediculus humanus • P. h. captis – cabeça – Nuca e orelhas – Ovos aderidos nos pêlos – lêndeas • P.h. humanus – corpo – Partes cobertas – axilas, cinturas, coxas – Ovos aderidos as roupas – Pthirus pubis – região pubiana. Em crianças pode ser encontrado nos cílios – chato – PROFILAXIA : Evitar contato físico com indivíduos infestados e com objetos de uso pessoal. Inspeção periódica dos cabelos de indivíduos em escolas e outras instituições, realizando tratamento dos pacientes infestados. Aracnídeos • Características: – Ordem Acari – Subordem Ixodides e Sarcoptiformes – Adulto com 4 pares de patas e corpo em 2 segmentos – Carrapatos (Família Ixodidae) • Corpo fundido e presença de gnatossoma – falsa cabeça • Parasitas de animais domésticos e raramente do homem
  6. 6. Parasitologia (Nutrição) – Aula 2 (12/03) – Artrópodes – Profa. Adriana Pittella Sudré • • Agressão mecânica, química, estresse e espoliação • Dermatite • Transmissão de doenças – babesiose • – Larvas podem parasitar o homem – “micuins” Saliva – Hipersensibilidade e raramente paralisia flácida Ácaros (Subordem Sarcoptiformes) • Alergia respiratória • Parasitismo cutâneo – sarna ou escabiose • • Agressão traumática, lítica, estresse, espoliação • Escavam galerias profundas na pele – prurido, exantema, pápulas, crostas • Ampla distribuição geográfica • Transmissão por contato com pessoas infestadas ou meio ambiente • Regiões de dobras – axila, seios, interdigitais, cotovelos, pés • Diagnóstico – raspados cutâneos clarificados com lactofenol ou potassa a 10% • Tratamento com piretrina, lindane • – Sarcoptes scabiei Profilaxia: diagnosticar e tratar indivíduos infestados, medidas higiênicas individuais e coletivas, desinfecção de roupas. Parasitos de folículo piloso e glândulas sebáceas • Demodex folliculorum - DIAGNÓSTICO  Raspado de pele de lesões recentes  Biópsia da pele e histopatologia

×