Daniel Mota - ISO 25000 - SQuaRE

5.431 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.431
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
134
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Daniel Mota - ISO 25000 - SQuaRE

  1. 1. Trabalho solicitado pela professora Eneida Rios, sendoutilizado como atividade avaliativa da disciplina de Qualidadede Software no curso Tecnólogo em Análise eDesenvolvimento de Sistemas do IFBaiano Campus Catu.Realizado por Americo Penna, Daniel Mota, Joubert Santos eMaurício Cayres.www.danielmota.com.br
  2. 2. SQuaRE - Software Quality Requirements and Evaluation“Requisitos e Avaliação da Qualidade de Software”A definição da arquitetura de normas SQuaRE teve início em1999 e vem orientando a revisão das normas ISO/IEC 9126 eISO/IEC 14.598. Foi desenvolvido pelo grupo de trabalhoWG6 do Subcomitê de Sistemas e Software (SC7) da ISO/IEC.ISO/IEC 25.000 | Modelo SQuaREwww.danielmota.com.br
  3. 3. O modelo SQuaRE surgiu devido a uma necessidade deconstruir um conjunto harmônico de documentos, visto quefaltava clareza na utilização das normas de qualidade deproduto.Suas normas visam obter uma série logicamente organizada eunificada com abrangência de dois processos principais:especificação de requisitos e avaliação da qualidade desoftware, apoiados por um processo de medição.www.danielmota.com.br
  4. 4. ISO/IEC 14598 | Qualidade dos produtosO padrão ISO/IEC 14598 fornece métodos para medida, coletae avaliação da qualidade de produtos de software. A normadefine processos para:● Desenvolvedores: organizações que estão planejando odesenvolvimento de um novo produto de software;● Compradores: organizações que estão planejando a comprade um pacote de software que será desenvolvido ou já prontono mercado;● Avaliadores de software: organizações que executamavaliações independentes de produtos de software disponíveisno mercado.www.danielmota.com.br
  5. 5. www.danielmota.com.br
  6. 6. ISO/IEC 14598-1 - Trata da visão geral do processo deavaliação da qualidade dos produtos de software e define toda aestrutura de funcionamento da série de normas ISO/IEC 14598.Define, também, os termos técnicos utilizados nesse modelo efornece os conceitos e o funcionamento do processo deavaliação da qualidade de qualquer tipo de software, parautilização por desenvolvedores, por adquirentes e poravaliadores de software independente.www.danielmota.com.br
  7. 7. ISO/IEC 14598-2 - Refere-se ao planejamento e gestão doprocesso de avaliação apresentando requisitos, recomendaçõese orientações para uma função de suporte ao processo. Osuporte refere-se ao planejamento e gerenciamento de umprocesso de avaliação de software e a tecnologia necessáriadentro deste processo.www.danielmota.com.br
  8. 8. ISO/IEC 14598-3 - Define o processo para desenvolvedores.Destina-se ao uso durante o processo de desenvolvimento emanutenção de software. Enfocando a seleção e registro deindicadores que possam ser medidos e avaliados, a partir dosprodutos intermediários, obtidos nas fases de desenvolvimentode sistema, com o objetivo de prever a qualidade do produtofinal a ser desenvolvido.www.danielmota.com.br
  9. 9. ISO/IEC 14598-4 - Define o processo para adquirentes,estabelecendo um processo sistemático para avaliação de:produtos de software tipo pacote (com equivalência à NBRISO/IEC 12119), produtos de software sob encomenda, ouainda modificações em produtos já existentes. O objetivo daavaliação pode ser a comparação entre diversos produtosexistentes no mercado, ou a tentativa de garantir que umproduto desenvolvido ou modificado sobre encomenda atendaaos requisitos inicialmente especificados.www.danielmota.com.br
  10. 10. ISO/IEC 14598-5 - Define o processo para avaliadores,fornecendo orientações para a implantação prática de avaliaçãode produtos de software (quando diversas partes necessitamentender, aceitar e confiar em resultados da avaliação) e defineas atividades necessárias para:www.danielmota.com.br
  11. 11. Estabelecer Requisitos de Avaliação - O objetivo é estabelecero que se quer avaliar e o que se quer como resultado daavaliação. O Requisitante da Avaliação e o Coordenador daAvaliação juntos podem consolidar os requisitos da avaliação eesclarecer o resultado da avaliação a ser obtido. Nesta faseestão previstas as seguintes atividades: Estabelecer o propósitoda avaliação; Identificar tipos de produtos a serem avaliados eEspecificar modelo de qualidade.www.danielmota.com.br
  12. 12. Especificar a Avaliação - O objetivo é definir as medidas aserem utilizadas na avaliação e estabelecer suas respectivaspontuações para serem representadas como resultado daavaliação. O coordenador da avaliação e o profissional comconhecimentos estatísticos têm atuação essencial nesta fase,pois será necessário converter as medidas obtidas numa escalanumérica normalizada. Nesta fase do processo de avaliaçãoestão previstas as seguintes atividades: selecionar métricas;estabelecer níveis de pontuação para as métricas e estabelecercritérios para julgamento.www.danielmota.com.brwww.danielmota.com.br
  13. 13. Projetar a Avaliação - O objetivo é produzir o Plano deAvaliação. Este Plano contém o Método de Avaliação cominstruções de como utilizá-lo e especificar os recursosnecessários juntamente com o cronograma das ações paraCoordenador e Avaliador. O Plano de Avaliação deve conter,explicar e definir o Método de Avaliação para o Avaliadorexecutar a avaliação completamente e o coordenador deve fazerestimativas de recursos e cronograma.www.danielmota.com.br
  14. 14. Executar a Avaliação - Neste Processo de Avaliação oAvaliador utilizará tudo o que foi preparado anteriormente eestão previstas as seguintes atividades: obter as medidas;comparar com critérios e julgar os resultados.Conclusão da Avaliação - Seu objetivo é disponibilizar oresultado da avaliação para o Requisitante da Avaliação.Contendo: Relatório de Avaliação do produto de software;Lista de Verificação; Declaração do resultado da avaliação.www.danielmota.com.br
  15. 15. www.danielmota.com.br
  16. 16. ISO/IEC 14598-6 - Explica como desenvolver módulos deavaliação e avaliá-los. As características esperadas do Processode Avaliação são:● Repetitividade: os resultados de uma nova avaliação domesmo produto, com a mesma especificação de avaliação erealizada pelo mesmo avaliador, deve produzir resultadosque podem ser ditos como idênticos;www.danielmota.com.br
  17. 17. ● Imparcialidade: nenhum resultado particular deveinfluenciar a avaliação;● Objetividade: os resultados da avaliação devem ser factuais,ou seja, os sentimentos ou opiniões do avaliador não podeminfluenciá-la.Esse modelo serve de referência para criação de novosprocessos e métodos de verificação de qualidade de produtosde software, podendo os usuários melhor avaliar os seusprodutos de software.www.danielmota.com.br
  18. 18. Relação entre ISO 9126 e ISO 14.598www.danielmota.com.br
  19. 19. Modelo SQuaRE: Arquiteturawww.danielmota.com.br
  20. 20. O SQuaRE contempla extensões:●ISO/IEC 2500n – Divisão Gestão da Qualidade;●ISO/IEC 2501n – Divisão Modelo de Qualidade;●ISO/IEC 2502n – Divisão Medição da Qualidade;●ISO/IEC 2503n – Divisão Requisitos de Qualidade;●ISO/IEC 2504n – Divisão Avaliação da Qualidade.www.danielmota.com.br
  21. 21. A divisão SQuaRE ISO/IEC 2500n – Gestão da Qualidade – forneceorientações sobre o uso da série SQuaRE, dando uma visão geral do seuconteúdo, de seus modelos de referência, definições, o relacionamentoentre todos os documentos da série, como também orientações paraplanejamento e gestão para especificação de requisitos e avaliação deproduto. As normas que compõem a divisão Gestão da Qualidade definemtodos os modelos e termos referidos por todas as outras normas da série25000. Tal divisão fornece requisitos e orientações para uma função deapoio que é responsável pela gestão da especificação de requisitos eavaliação de produto de software.www.danielmota.com.br
  22. 22. A divisão SQuaRE ISO/IEC 2501n – Modelo de Qualidade –propõe dois modelos de Qualidade. Um modelo que incluicaracterísticas para qualidade interna e externa de software equalidade em uso, além disso, as características internas eexternas de software são decompostas em subcaracterísticas. Ooutro modelo define qualidade para os dados pertencentes a umsistema computacional, num formato estruturado. Também sãofornecidas orientações práticas para o uso de modelos dequalidade.www.danielmota.com.br
  23. 23. A divisão SQuaRE ISO/IEC 2502n – Medição de Qualidade –contêm um modelo de referência para medição da qualidade doproduto de software, algumas definições analíticas paramedidas da qualidade de software e orientações práticas paraaplicação.www.danielmota.com.br
  24. 24. A divisão SQuaRE ISO/IEC 2503n – Requisitos de Qualidade– auxilia na especificação de requisitos de qualidade, os quaispodem ser utilizados no processo de elicitação de requisitospara um produto que será desenvolvido, isto é, no início do seuciclo de vida ou posteriormente, como entrada para umprocesso de avaliação.www.danielmota.com.br
  25. 25. A divisão SQuaRE ISO/IEC 2504n – Avaliação da Qualidade –fornecem requisitos, recomendações e orientações para oprocesso de avaliação de produto de software. Apresentatambém uma maneira formal de documentar uma medida,utilizando um módulo de avaliação. Além disso, ela apresentauma estrutura para a avaliação da qualidade de produto desoftware. Essas estruturas são provenientes das normasISO/IEC 9126-1 e 14598-1, 14598-3, 14598-4, 14598-5 e14598-6.www.danielmota.com.br
  26. 26. Como as séries ISO/IEC 9126, ISO/IEC 14598 e SQuaRE sãointimamente ligadas é importante citar onde elas diferem:● Introdução do novo modelo de referência geral;● Introdução de guias detalhados e direcionados para cadadivisão da norma;● Introdução de elementos de medidas de qualidade dentroda divisão Medição da Qualidade;● Introdução da divisão Requisitos de Qualidade;● Incorporação e revisão dos processos de avaliação;● Introdução de orientações para uso prático em forma deexemplos.www.danielmota.com.br
  27. 27. Obrigado pela atenção!Fim..www.danielmota.com.br
  28. 28. Referências:ZUBROW, Dave. Software Quality Requirements and Evaluation, the ISO 25000 Series. PSMTechnical Working Group. Carnegie Mellon University. February 2004.ISO/IEC 9126, International Standard. Information Technology – Software product quality; Jun /1998.ISO/IEC 14598, International Standard Information Technology – Software product evaluation;Mar/1998www.danielmota.com.br

×