Sedi1V3

489 visualizações

Publicada em

Serviço Estadual de Diagnóstico por Imagem - estudo de caso

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
489
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sedi1V3

  1. 1. É possível implantar e sustentar serviços públicos de qualidade!<br />SEDI1<br />“ ... nós éramos as freirinhas ricas da Avenida Paulista.<br />Uma entidade religiosa, muito conservadora, com 450 anos de fundação que a partir de uma parceria tornou-se uma inovação ... <br />Tivemos a cara e a coragem de irmos em frente e a parceria deu certo.“<br /> Irmã Lia Gregorine23/11/2011<br />( Associação Congregação de Santa Catarina ).<br />
  2. 2.
  3. 3. SEDI 1 <br />Inaugurado em outubro de 2009<br />Primeira Central de Laudos Digitais <br />Da América Latina <br />Atende a população do SUS<br />
  4. 4.
  5. 5.
  6. 6.
  7. 7.
  8. 8.
  9. 9.
  10. 10. A mais nova unidade do SEDI1<br />
  11. 11.
  12. 12. Tecnologia e Procedimentos<br />Há 5 anos atrás eu vi um serviço semelhante na Espanha e achei que nunca seria possível ter um igual por aqui. Hoje o SEDI está pronto e muito melhor do que imaginei.<br /> (Barradas, 2009 na inauguração do SEDI)<br />
  13. 13. Recepção<br />
  14. 14.
  15. 15. Entrevista Inicial<br />Confirmação de protocolos de preparação para exames.<br />
  16. 16.
  17. 17.
  18. 18.
  19. 19.
  20. 20. Antenas<br />
  21. 21. Central de Laudos<br />Democratização do acesso à inteligência!<br />
  22. 22.
  23. 23.
  24. 24.
  25. 25. Tempo máximo de emissão do laudo = 4 horas<br />75.000 laudos por mês<br />
  26. 26. Como é possível?<br />
  27. 27. INOVAÇÃO<br />TECNOLÓGICA – infraestrutura e processos<br />GOVERNANÇA CORPORATIVA - sistema segundo o qual as corporações de negócio são dirigidas e controladas. A estrutura da governança corporativa especifica a distribuição dos direitos e responsabilidades entre os diferentes participantes da corporação, tais como o conselho de administração, os diretores executivos, os acionistas e outros interessados, além de definir as regras e procedimentos para a tomada de decisão em relação a questões corporativas. E oferece também bases através das quais os objetivos da empresa são estabelecidos, definindo os meios para se alcançarem tais objetivos e os instrumentos para se acompanhar o desempenho”<br />COLABORAÇÃO E COPARTICIPAÇÃO<br />ANÁLISE – Se você pode medir, você pode melhorar! - Benefícios sobre investimentos públicos<br />
  28. 28. Participam da construção deste trabalho:Miriam Blom- Diretoria SEDIDaisy Grisolia – pesquisa e organizaçãoAdriana Baraldi – estudo de caso - FGV Luis Carlos Di Serio – estudo de caso - FGVFlorência Ferrer –análise BSIPTrendphoto – produção de imagens<br />Edição e apresentação preparada por Daisy GrisoliaPara o Fórum de Inovação da FGVsetembro 2011<br />

×