ASMA: CONTEXTO GLOBAL
E AFRICANO
CARLOS AMADE
LARA SAMUEL
O QUE É ASMA?
A asma é uma doença causada por inflamação crónica e
estreitamento das vias aéreas dos pulmões, causando
dif...
PREVALÊNCIA DA ASMA
Segundo dados da OMS 2012, estima que:
 A asma afecta as crianças e os adultos.
 Estima-se que 300 m...
 A prevalência ainda se eleva em algumas
populações e permanece alta em países em
desenvolvimento.
 Globalmente, 250 000...
EPIDEMIOLOGIA: PREVALENCIA MUNDIAL
EPIDEMIOLOGIA
 O risco na infância está relacionado à presença da
doença nos pais.
EPIDEMIOLOGIA
Em muitos pacientes, principalmente de inicio antes dos
16 anos, pode ocorrer regressão espontânea.
Faixa et...
EPIDEMIOLOGIA
 A prevalência é 50% maior e a mortalidade de 2 a
10 vezes maior nas crianças de raça negra do que
em branc...
ASMA EM MOÇAMBIQUE
 Nas crianças de 6-14 Anos: 13,3% (Maputo)
 Asma na vida em Moçambique: 26.5%
Factores de risco
(CRIANÇAS)
Hereditarios
predisposição
genetica sexo
ambientais
exposição a
alergenos
poluição
do ar infe...
FACTORES HEREDITARIOS
 IgE geneticamente transmitida (atopia)
 A prevalência da atopia em pacientes com asma varia de
23...
FACTORES AMBIENTAIS
 Urbanizacao
 Com o aumento projectado da proporção da população
mundial urbana ocorrerá aumento de ...
FACTORES AMBIENTAIS
 Infeccoes pulmonares na infancia (atencao ao virus
sincilial respiratorio)
 Baixa funçao pulmonar
...
FACTORES DE RISCO (ADULTOS)
 Ocupação (30% dos casos)
 Sal na dieta
 Ambientais
 Infecções
FACTORES DESENCADEADORES
 Animais
 Poeira
 Mudanças climáticas
 Produtos químicos no ar ou nos alimentos
 Exercícios ...
SINTOMAS E SINAIS
 Tosse
 Dificuldade respiratória
 Deficiência respiratória
 Palpitações
 Sibilãncia
TRATAMENTO (FASE AGUDA)-CRISE
 Salbutamol
(oral, aerossol), aminofilina, prednisolona
(casos graves)
COMPLICAÇÕES
 Redução da capacidade de exercícios físicos e
tomar parte em outras atividades
 Insónia
 Alterações perma...
PREVENÇÃO DA ASMA
 Evitar factores de risco e os desencadeadores:
 Individuais e colectivos
 Remover os tapetes dos dor...
 Manter a casa limpa e os alimento em recipientes e fora
dos dormitórios (evita baratas)
 Se uma pessoa for alérgica a u...
RECOMENDAÇÃO
 Asma é um importante problema de saúde pública em
Moçambique, programas de prevenção e planos de
acção conc...
Obrigado
Asma no contexto mundial, africano e mocambicano
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Asma no contexto mundial, africano e mocambicano

1.646 visualizações

Publicada em

A asma como problema de saude publica. Como se comporta na Africa e no mundo? E em Mocambique?

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.646
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
43
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Asma no contexto mundial, africano e mocambicano

  1. 1. ASMA: CONTEXTO GLOBAL E AFRICANO CARLOS AMADE LARA SAMUEL
  2. 2. O QUE É ASMA? A asma é uma doença causada por inflamação crónica e estreitamento das vias aéreas dos pulmões, causando dificuldade respiratória, falta de ar, aperto no peito e tosse.
  3. 3. PREVALÊNCIA DA ASMA Segundo dados da OMS 2012, estima que:  A asma afecta as crianças e os adultos.  Estima-se que 300 milhões de pessoas de todas as idades e etnias sofram de asma.  70% também são alérgicas  60% são crianças.  A prevalência de asma aumentou após a mudança para um estilo de vida moderno e urbano.
  4. 4.  A prevalência ainda se eleva em algumas populações e permanece alta em países em desenvolvimento.  Globalmente, 250 000 pessoas morrem de asma anualmente.  As mortes devidas à asma estão relacionadas com a falta de tratamento adequado.  O tratamento da asma não está ao alcance de todas as pessoas com asma.
  5. 5. EPIDEMIOLOGIA: PREVALENCIA MUNDIAL
  6. 6. EPIDEMIOLOGIA  O risco na infância está relacionado à presença da doença nos pais.
  7. 7. EPIDEMIOLOGIA Em muitos pacientes, principalmente de inicio antes dos 16 anos, pode ocorrer regressão espontânea. Faixa etária de início Percentagem Variação sexo Masc/Fem <10 anos 50% +Masc (3:2 a 2:1) 10-40 anos 25% 1:1 > 40 anos 25% + Fem
  8. 8. EPIDEMIOLOGIA  A prevalência é 50% maior e a mortalidade de 2 a 10 vezes maior nas crianças de raça negra do que em brancos. Faixa etária Prevalência Infância 8 a 10% Adultos jovens 5 a 6% Velhos 7 a 9%
  9. 9. ASMA EM MOÇAMBIQUE  Nas crianças de 6-14 Anos: 13,3% (Maputo)  Asma na vida em Moçambique: 26.5%
  10. 10. Factores de risco (CRIANÇAS) Hereditarios predisposição genetica sexo ambientais exposição a alergenos poluição do ar infecções estado socio- economico lugar de residencia
  11. 11. FACTORES HEREDITARIOS  IgE geneticamente transmitida (atopia)  A prevalência da atopia em pacientes com asma varia de 23 a 80%  Mais comum no sexo masculino na infancia (possivel atopia maior em homems)
  12. 12. FACTORES AMBIENTAIS  Urbanizacao  Com o aumento projectado da proporção da população mundial urbana ocorrerá aumento de mais de 100 milhões ate 2025.  Alta morbidade/mortalidade em lugares e pessoas pobres  Fumo (activo e passivo)
  13. 13. FACTORES AMBIENTAIS  Infeccoes pulmonares na infancia (atencao ao virus sincilial respiratorio)  Baixa funçao pulmonar  Comer peixe protege (óleo)  Poluição aerea
  14. 14. FACTORES DE RISCO (ADULTOS)  Ocupação (30% dos casos)  Sal na dieta  Ambientais  Infecções
  15. 15. FACTORES DESENCADEADORES  Animais  Poeira  Mudanças climáticas  Produtos químicos no ar ou nos alimentos  Exercícios intensos  Mofo  Pólen  Infecções respiratórias como o resfriado comum  Emoções fortes (stress)  Fumo
  16. 16. SINTOMAS E SINAIS  Tosse  Dificuldade respiratória  Deficiência respiratória  Palpitações  Sibilãncia
  17. 17. TRATAMENTO (FASE AGUDA)-CRISE  Salbutamol (oral, aerossol), aminofilina, prednisolona (casos graves)
  18. 18. COMPLICAÇÕES  Redução da capacidade de exercícios físicos e tomar parte em outras atividades  Insónia  Alterações permanentes no funcionamento dos pulmões  Tosse persistente  Dificuldade para respirar que requer ajuda na respiração (ventilação)  Óbito
  19. 19. PREVENÇÃO DA ASMA  Evitar factores de risco e os desencadeadores:  Individuais e colectivos  Remover os tapetes dos dormitórios e passar aspirador de pó regularmente.  Usar somente detergentes e materiais de limpeza inodoros na casa.  Manter os níveis de humidade baixos e consertar vazamentos para reduzir o desenvolvimento de organismos como o mofo.
  20. 20.  Manter a casa limpa e os alimento em recipientes e fora dos dormitórios (evita baratas)  Se uma pessoa for alérgica a um animal que não pode ser removido da casa, o animal deve ser mantido fora do dormitório.  Evitar poluição do ar, poeiras industriais e outras fumaças irritantes o máximo possível.  Eliminar a fumaça de cigarro da casa.  Consumo de óleo de peixe
  21. 21. RECOMENDAÇÃO  Asma é um importante problema de saúde pública em Moçambique, programas de prevenção e planos de acção concernentes a esta doença devem ser desenvolvidos e implementados.  Envolvimento das comunidades e líderes
  22. 22. Obrigado

×