História da arte

224 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
224
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
54
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

História da arte

  1. 1. Pré História
  2. 2. Esse período não foi registrado por nenhum documento escrito, pois é exatamente a época anterior à escrita. 
  3. 3.  Pinturas nas cavernas  Pintura Rupestre
  4. 4. Antiguidade
  5. 5.      ARTE EGÍPCIA ARTE EGÍPCIA ARTE EGÍPCIA ARTE EGÍPCIA ARTE EGÍPCIA
  6. 6.   Uma das principais civilizações da Antigüidade foi a que se desenvolveu no Egito. O fundamento ideológico da arte egípcia é a glorificação dos deuses e do rei defunto divinizado, para o qual se erguiam templos funerários e túmulos grandiosos.
  7. 7.  Enquanto a arte egípcia é uma arte ligada ao espírito, a arte grega liga-se à inteligência
  8. 8.   Idade Média Arte Românica
  9. 9.  Na Idade Média a arte tem suas raízes na época conhecida como Paleocristã, trazendo modificações no comportamento humano, com o Cristianismo a arte se voltou para a valorização do espírito.
  10. 10. Arte Gótica
  11. 11. Idade Moderna
  12. 12.  O termo Renascimento é aplicado à civilização européia que se desenvolveu entre 1300 e 1650. Além de reviver a antiga cultura greco-romana, ocorreram nesse período muitos progressos e incontáveis realizações no campo das artes, da literatura e das ciências, que superaram a herança clássica.
  13. 13.  Características gerais: • • • • • Racionalidade Dignidade do Ser Humano Rigor Científico Ideal Humanista Reutilização das artes greco-romana
  14. 14. Arte Contemporânea
  15. 15.        ● ● ● ● ● ● ● Romantismo Impressionismo Expressionismo Cubismo Surrealismo Pop Art Entre outros...
  16. 16.    Romantismo O século XIX foi agitado por fortes mudanças sociais, políticas e culturais Características gerais:
  17. 17.  Características gerais: • a valorização dos sentimentos e da imaginação; • o nacionalismo; • a valorização da natureza como princípios da criação artística; e • os sentimentos do presente tais como: Liberdade, Igualdade e Fraternidade.
  18. 18.       Impressionismo Principais características da pintura: • A pintura deve registrar as tonalidades que os objetos adquirem ao refletir a luz solar num determinado momento . • As figuras não devem ter contornos nítidos, pois a linha é uma abstração do ser humano para representar imagens. • As sombras devem ser luminosas e coloridas. • Os contrastes de luz e sombra devem ser obtidos de acordo com a lei das cores complementares. Assim, um amarelo próximo a um violeta produz uma impressão de luz e de sombra muito mais real do que o claro-escuro tão valorizado pelos pintores barrocos. • As cores e tonalidades não devem ser obtidas pela mistura das tintas na paleta do pintor. Pelo contrário, devem ser puras e dissociadas nos quadros em pequenas pinceladas.
  19. 19.  Principais características: • pesquisa no domínio psicológico; • cores resplandecentes, vibrantes, fundidas ou separadas; • dinamismo improvisado, abrupto, inesperado; • pasta grossa, martelada, áspera; • técnica violenta: o pincel ou espátula vai e vem, fazendo e refazendo, empastando ou provocando explosões; • preferência pelo patético, trágico e sombrio
  20. 20.  Principais características: • geometrização das formas e volumes • renúncia à perspectiva • o claro-escuro perde sua função • representação do volume colorido sobre superfícies planas • sensação de pintura escultórica • cores austeras, do branco ao negro passando pelo cinza, por um ocre apagado ou um castanho suave
  21. 21.  Nas duas primeiras décadas do século XX, os estudos psicanalíticos de Freud e as incertezas políticas criaram um clima favorável para o desenvolvimento de uma arte que criticava a cultura européia e a frágil condição humana diante de um mundo cada vez mais complexo. Surgem movimentos estéticos que interferem de maneira fantasiosa na realidade.
  22. 22.  Movimento principalmente americano e britânico, sua denominação foi empregada pela primeira vez em 1954, pelo crítico inglês Lawrence Alloway, para designar os produtos da cultura popular da civilização ocidental, sobretudo os que eram provenientes dos Estados Unidos.
  23. 23.    Cristiane Reis www.yahoo.com.br http://www.historiadaarte.com.br

×