Java script aula 07 - j-query

1.564 visualizações

Publicada em

Java script aula 07 - j-query

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.564
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
112
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Java script aula 07 - j-query

  1. 1. Adaptação: Cristiano Pires Martins Fonte: Tutorial do site http://www.escolacriatividade.com http://vinteum.com/ajax-facil-com-jquery/
  2. 2. Introdução • Lema: “Escrever menos e fazer mais” • Biblioteca de funções de Javascript • A sua aparição remonta a Janeiro de 2006, tendo sido anunciado no BarCampNYC • Objetivos do JQuery: • ajudar a resolver problemas de incompatibilidades entre os navegadores • reduzir o tamanho de código • introduzir a reutilização de código através de plugins • Permite a implementação de recursos de CSS1, CSS2 e CSS3 • Trabalha com AJAX e DOM
  3. 3. O QUE É JQUERY? • Contém os seguintes recursos: • Seleções de elementos HTML • Manipulação de elementos HTML • Manipulação CSS • Eventos HTML • Efeitos e animações Javascript • HTML DOM • AJAX
  4. 4. COMO ADICIONAR A BIBLIOTECA JQUERY • A biblioteca jQuery é guardada num arquivo Javascript, que contém as funções jQuery. • Para adicionar a uma página web, utilize o seguinte código: <head> <script type="text/javascript" src="jquery.js"></script> </head>
  5. 5. COMO ADICIONAR A BIBLIOTECA JQUERY • Existem 2 versões disponíveis para download, uma simplificada, e outra descomprimida, para correcção de erros ou leitura. Ambas podem ser baixadas em jQuery.com • Alternativamente, se não pretender baixar os arquivos, poderá utilizar os ficheiros alojados nos servidores da Google ou da Microsoft Google <head> <script type="text/javascript" src="http://ajax.googleapis.com/ajax/libs/jquery/1.4.2/ jquery.min.js"></script> </head> Microsoft <head> <script type="text/javascript" src="http://ajax.microsoft.com/ajax/jquery/ jquery-­‐1.4.2.min.js"></script> </head>
  6. 6. SINTAXE JQUERY • A sintaxe jQuery é orientada para selecionar elementos HTML e em seguida efetuar ações nos mesmos. • A sintaxe básica é $(seletorHTML).ação() • Trocando por palavras: • $ é para definir jQuery • (seletorHTML) é onde se introduz o elemento • ação() é onde irão ser introduzidas as ações a efetuar nos elementos.
  7. 7. Exemplos: $(this).hide() // Esconde o elemento atual $("p").hide() // Esconde todos os parágrafos $("p.teste").hide() // Esconde todos os parágrafos com a classe="teste" $("#test").hide() // Esconde o elemento com o id="teste"
  8. 8. SELETORES JQUERY • Os seletores permitem-lhe selecionar e manipular elementos HTML. • É possível selecionar por nome, nome de atributo ou conteúdo.
  9. 9. 1 – Seletores de elementos • jQuery utiliza selectores CSS para selecionar elementos HTML $("p") seleciona os elementos <p> $("p.intro") seleciona todos os elementos <p> com class="intro". $("p#demo") seleciona o primeito elemento <p> com id="demo".
  10. 10. 2 – Seletores de Atributos • jQuery utiliza expressões XPath para selecionar elementos com dados atributos. $("[href]") // Selecciona todos os elementos com um atributo href $("[href='#']") // Seleccionar todos os elementos com um valor href igual a "#" $("[href!='#']") // Selecciona todos os elementos com um valor href não igual a "#" $("[href$='.jpg']") // Selecciona todos os elementos com um atributo href que acabe em .jpg
  11. 11. 3 – Seletores CSS • Os seletores CSS podem ser utilizados para alterar propriedades CSS de elementos HTML • No exemplo a seguir mostra como alterar a cor de fundo de todos os elementos “p” para amarelo: $("p").css("background-­‐color","yellow");
  12. 12. EVENTOS JQUERY • Os eventos jQuery são peça chave. • As funções que lidam com os eventos são chamados quando “algo acontece” no HTML. • Quando isto acontece, o termo “acionado por um evento” é muito conhecido e frequentemente utilizado.
  13. 13. Conflitos de nomes jQuery • jQuery usa o símbolo $ como atalho para jQuery. • Outras bibliotecas Javascript também utilizam este símbolo para as funções. • Para evitar conflitos com jQuery, o método noconflict() permite atribuir um nome alternativo, por exemplo “jq”, em vez de utilizar o simbolo $.
  14. 14. DICAS • Função Documento Pronto • Esta função permite garantir que o conteúdo jQuery só seja executado depois que a página for completamente carregada. • Isto evita que o jQuery tente acessar elementos da página que ainda não tenham sido baixados. $(document).ready(function(){ // Funções jQuery entram aqui });
  15. 15. Exemplo <html> <head> <script type="text/javascript" src="jquery.js"></script> <script type="text/javascript"> $(document).ready ( function() { $("button").click ( function() { $("p").hide(); } ); } ); </script> </head> <body> <h2>Isto é um titulo</h2> <p>Isto é um parágrafo.</p> <p>Isto é mais um parágrafo.</p> <button>Clica-­‐me</button> </body> </html> No exemplo acima, uma função é chamada quando o evento de clique no botão é acionado: $(“botão”).click(função() {código}); E esta função esconde todos os elementos <p>: $(“p”).hide();
  16. 16. Utilizar funções em arquivo separado • Se a sua página web contém inúmeras páginas, e pretende que as suas funções jQuery tenham fácil acesso para manutenção, pode introduzi-las num arquivo .js separado. • É possível colocar as funções jQuery na secção <head>. No entanto, algumas vezes é preferível introduzir as funções num arquivo, e chamá-las através do atributo “src”: <head> <script type="text/javascript" src="jquery.js"></script> <script type="text/javascript" src="a_minha_funçao.js"></script> </head>
  17. 17. EFEITOS JQUERY • Exemplos de efeitos jQuery • $(selector).hide() • $(selector).show() • $(selector).toggle() • $(selector).slideDown() • $(selector).slideUp() • $(selector).slideToggle() • $(selector).fadeIn() • $(selector).fadeOut() • $(selector).fadeTo() • $(selector).animate()
  18. 18. Mostrar e Esconder ( hide(), show() ) • Com jQuery é possível mostrar, esconder elementos HTML com estas funções. $("#hide").click(function(){ $("p").hide(); }); $("#show").click(function(){ $("p").show(); });
  19. 19. Mostrar e Esconder ( hide(), show() ) • Ambos podem funcionar em conjunto com parâmetros opcionais: “speed” e “callback”. $(selector).hide(speed,callback) $(selector).show(speed,callback)
  20. 20. Mostrar e Esconder ( hide(), show() ) • O parâmetro “speed” especifica a velocidade de mostrar/esconder, e pode ter os valores “slow”, “normal”, “fast” ou em milisegundos: $("#botao").click(function(){ $("p").hide(800); )); O parâmetro “callback” é o nome de uma função a ser executada depois da função hide/show estar completa.
  21. 21. Alternar ( toggle() ) • O método toggle() permite alterar a visibilidade de elementos HTML que usam a função show/ hide. • Os elementos escondidos são mostrados, e os elementos visíveis são escondidos. $(selector).toggle(speed,callback) • Tal como referido anteriormente, o parâmetro “speed” aceita valores “slow”, “normal”, “fast” ou em milisegundos. $("#botao").click(function(){ $("p").toggle(850); ));
  22. 22. Deslizar (slideDown(), slideUp(), slideToggle()) • Os métodos de deslizamento do jQuery alteram gradualmente a altura dos elementos selecionados, através dos seguintes métodos $(selector).slideDown(speed,callback) $(selector).slideUp(speed,callback) $(selector).slideToggle(speed,callback) O parâmetro “callback” é o nome de uma função a ser executada depois da função hide/show estar completa.
  23. 23. Exemplos Práticos slideDown() $("#flip").click(function(){ $(".panel").slideDown(); )); $("#flip").click(function(){ $(".panel").slideUp(); )); $("#flip").click(function(){ $(".panel").slideToggle(); )); slideUp() slideToggle()
  24. 24. Desvanecer (fadeIn(), fadeOut(), fadeTo()) • Os métodos de desvanecer alteram gradualmente a opacidade dos elementos selecionados • jQuery tem os seguintes métodos de desvanecimento: $(selector).fadeIn(speed,callback) $(selector).fadeOut(speed,callback) $(selector).fadeTo(speed,opacity,callback) Os parâmetros de “speed” e “callback” são os mesmos de anteriormente, e o parâmetro “opacity” permite desvanecer para uma opacidade escolhida.
  25. 25. Exemplos práticos fadeIn() $("#botao").click(funçao(){ $("div").fadeIn(2000); }); $("#botao").click(funçao(){ $("div").fadeOut(2000); }); $("#botao").click(funçao(){ $("div").fadeTo("slow",0.30); }); fadeOut() fadeTo()
  26. 26. Animações jQuery • As animações são introduzidas através do seguinte código • O parâmetro chave é “parametros” onde serão introduzidas propriedades CSS que serão animadas. Podem ser animadas várias propriedades ao mesmo tempo. $(selector).animate({parametros},[duracao],[e asing],[callback]) animate({width:"60%",opacity:0.3,marginTop:"0.3in",fontsize:"2em"}) O segundo parâmetro é a duração, que define o tempo da animação. Aceita valores “slow”, “fast”, “normal” e em milisegundos.
  27. 27. Exemplo: <script type="text/javascript"> $(document).ready(function(){ $("button").click(function(){ $("div").animate({left:"29px"},"slow"); $("div").animate({fontSize:"4em"},"slow"); }); }); </script>
  28. 28. FUNÇÃO CALLBACK • A função callback é executada depois de a animação estar concluída. • As declarações Javascript são executadas linha-a-linha. No entanto, com as animações, a próxima linha de código pode ser executada mesmo que a animação não esteja concluída, o que pode levar a erros. • Para prevenir estas situações, cria-se a função callback. Esta não será chamada antes da animação terminar. $("p").hide(1000,function(){ alert("O parágrafo foi escondido"); }); Exemplo:
  29. 29. MANIPULAÇÃO HTML • jQuery tem ferramentas muito poderosas que permitem alterar e manipular atributos e elementos HTML.
  30. 30. Alterar conteúdo HTML • Utilizando esta sintaxe $(selector).html(content) • Altera o conteúdo de um dado parâmetro. Exemplo: $("p").html("Escola de Criatividade");
  31. 31. Adicionar conteúdo HTML • Utilizando a sintaxe $(selector).append(content) • pode-se anexar informação aos elementos selecionados. • Utilizando a sintaxe $(selector).prepend(content) • pode-se “desanexar” informação dos elementos selecionados.
  32. 32. Exemplo: $("p").append("Escola de Criatividade"); $("p").prepend("Escola de Criatividade");
  33. 33. Inserir conteúdo antes e depois de elementos HTML • Utilizando a sintaxe $(selector).before/after(content) • pode ser introduzido conteúdo depois do elemento escolhido. $("p").after(" Escola de Criatividade."); $("p").before("Escola de Criatividade.");
  34. 34. MÉTODOS CSS • jQuery tem um método bastante importante para manipulação CSS que é css(). • Tem três sintaxes diferentes: • css(nome) – Devolve o valor de uma propriedade CSS • css(nome,valor) – Define um valor numa propriedade CSS • css({propriedades}) – Define múltiplos valores em múltiplas propriedades
  35. 35. Devolver propriedade CSS • Utilize o método css(nome) para devolver uma propriedade CSS escolhida, que será extraída do primeiro elemento encontrado que tenha a propriedade. $(this).css("background-­‐color");
  36. 36. Definir propriedade e valor CSS • Utilize css(nome,valor) para definir as propriedades de uma propriedade CSS para todos os elementos que combinam com o introduzido. function(){$("p").css("background-­‐ color","yellow");}
  37. 37. Definir múltplas propriedades e valores CSS • Utilize css({propriedades}) para definir uma ou mais proriedades/valores para os elementos seleccionados $("p").css({"background-­‐color":"yellow","font-­‐size":"200%"});
  38. 38. Métodos de Altura e Largura ( height () e width() ) • Altera a largura e altura para os elementos selecionados $("#div1").height("200px"); // altura $("#div1").width("200px"); // largura
  39. 39. JQUERY E FUNÇÕES AJAX • AJAX significa “Asynchronous JavaScript and XML”. É uma técnica para criar páginas rápidas e dinâmicas. • AJAX permite que páginas sejam atualizadas de forma assincronizada alterando pequenas quantidades de dados com o servidor a fazer o trabalho. • Isto significa que é possível atualizar partes da página sem atualizar toda a página.
  40. 40. Escreva menos, faça mais • A função jQuery load() é uma função AJAX simples, mas muito poderosa, que pode ser utilizada com a seguinte sintaxe: $(selector).load(url,data,callback) • Utilize o selector para definir os elementos HTML a alterar e o parâmetro url para especificar o endereço web para os dados.
  41. 41. AJAX de baixo nível • A sintaxe para o baixo nível das funções AJAX é: $.ajax(opçoes) • Que oferece mais funcionalidade do que as funções de alto nível, como “load”,”get” entre outros, mas é também um pouco mais difícil de utilizar. • O parâmetro opções aceita nomes/valor que definam dados url, passwords, tipos de dados, filtros, funções de erro, entre outros.
  42. 42. Exemplo de método ajax sem utilizar jQuery function handler() { if(this.readyState == 4 && this.status == 200){ if(this.responseXML!=null && this.responseXML.getElementById('test').firstChild.data) //successo alert(this.responseXML.getElementById('test').firstChild.data); else return false } else if (this.readyState == 4 && this.status != 200) { //página não encontrada ou erro na conexão return false } } var client = new XMLHttpRequest(); client.onreadystatechange = handler; client.open("GET", "arquivo.html"); client.send();
  43. 43. Método ajax utilizando jQuery $.ajax({ url:'arquivo.html', success:function(data) { alert(data); } });
  44. 44. Botão para acionar a função ajax e um elemento div html> <head> <title>Ajax fácil com jQuery</title> <meta http-­‐equiv="Content-­‐Type" content="text/html; charset=UTF-­‐8"> <style type="text/css"> div { width: 600px; height: 600px; } .loader { display: none; float: left; } </style> </head> <body> <img src="loader.gif" class="loader" alt="loader" /> <input type="button" value="AJAX!"> <div>&nbsp;</div> </body> <script type="text/javascript" src="http://code.jquery.com/ jquery-­‐1.4.3.min.js"></script> </html
  45. 45. arquivo.html <!doctype html> <html> <head> <meta charset="UTF-­‐8"> <title>Untitled Document</title> </head> <body> <h1>Ajax!</h1> <p>Duis in turpis in arcu blandit pretium at sed metus. Sed tortor sapien, cursus vitae facilisis ac, tempor non eros. Donec at velit velit, cursus tristique justo?Nullam commodo sapien sit amet sapien porttitor eu rutrum arcu mollis. Nullam sagittis tempor risus, et convallis dolor eleifend vitae.In ac lacus libero; ut aliquam turpis.Quisque placerat blandit libero; eget orttitor nunc eleifend vel. In hac habitasse platea dictumst. Aliquam dapibus fermentum fringilla.Integer mi erat, porta at aliquet a, consectetur in est.<br><img src="http://images.vinteum.com/img/logo.png" /> </p> </body> </html>
  46. 46. script ajax $.ajax({ url: 'arquivo.html', //URL solicitada success: function(data) { //O HTML é retornado em 'data' alert(data); //Se sucesso um alert com o conteúdo retornado pela URL solicitada será exibido. } });
  47. 47. usando gif $.ajax({ url: 'arquivo.html', success: function(data) { $('div').html(data); }, beforeSend: function(){ $('.loader').css({display:"block"}); }, complete: function(){ $('.loader').css({display:"none"}); } });
  48. 48. html> código completo <head> <title>Ajax fácil com jQuery</title> <meta http-­‐equiv="Content-­‐Type" content="text/html; charset=UTF-­‐8"> <style type="text/css"> div { width: 600px; height: 600px; } .loader { display: none; float: left; } </style> </head> <body> <img src="loader.gif" class="loader" alt="loading" /> <input type="button" value="AJAX!"> <div>&nbsp;</div> </body> <script type="text/javascript" src="http://code.jquery.com/jquery-­‐1.4.3.min.js"></script> <script type="text/javascript"> $('input').click(function(){ //Quando clicado no elemento input $.ajax({ url: 'arquivo.html', success: function(data) { $('div').html(data); //alert(data); }, beforeSend: function(){ $('.loader').css({display:"block"}); }, complete: function(){ $('.loader').css({display:"none"}); } }); }); </script> </html
  49. 49. exemplo online • http://vinteum.com/estudos/jquery/ ajax.html

×