Jornal digital 4788_qua_04112015

292 visualizações

Publicada em

Correio do Sul

Publicada em: Notícias e política
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
292
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal digital 4788_qua_04112015

  1. 1. www.grupocorreiodosul.com.br ANO XXv EDIÇÃO Nº 4.788 quarta-feira, 4 de novembro de 2015 R$ 2,00 Grupo 20º 17º Chuvoso durante o dia e a noite Previsão para hoje Extremo Sul Catarinense Geral Geral Geral Moradoresaindadevem recuperaçãodaestrada EspetáculoFrozenserá apresentadoemSombrio Mulherseassusta comaranhaebatecarro Rocinha Beleza São João 4 9 11Página Página Página 4 e 11 3Página Araranguá Operação faz pente fino em ferros-velhos
  2. 2. Política Jarbas Vieira Correio do Sul Quarta-feira, 4 de novembro de 2015 jarbas@grupocorreiodosul.com.br (48) 9966.5326 CHARGEPor:CAZO “Homens decentes não assistem a vídeo pornô em plena sessão plenária. Homens decentes não são condenados por improbidade administrativa por roubar dinheiro público, como o deputado foi. Portanto, quem não tem moral para representar o povo brasileiro é ladrão”. Ele disse: ‘ ‘Deputado federal Jean Wyllys (PSOL) na réplica ao catarinense João Rodrigues (PSD). Nelson passa prefeitura para Nelmo V ice-prefeito de Santa Rosa do Sul, Nelmo Emerim (PP), irá con- duzir o Município nestes primeiros quinze dias de novembro, período em que o prefeito Nelson Cardoso estará de férias. A transmissão de cargoocorreujuntocomacerimônia de inauguração da pavimentação com lajotas sextavadas na comuni- dade de Caramujo e contou com a presençadodeputadoestadualJosé Milton Scheffer, vereadores, secre- tários, diretores de departamentos e servidores municipais, além da comunidadequeestevepresenteno evento. Para Nelson a transferência acontece de maneira natural e de- ProjetodeLei(PL)260/2015, que transforma as Secretarias de Desenvolvimento Regional (SDRs) em Agências de Desen- volvimento Regional (ADRs), recebeu na manhã de ontem pa- recer favorável da Comissão de Trabalho,AdministraçãoeServi- ço Público. O encaminhamento abre a possibilidade para que a matériasejavotadaemplenário. O relator, deputado Jean Kuhl- mann(PSD),apresentouparecer favorável à aprovação do texto em seu teor original, conforme o enviado pelo Governo do Estado, que também extingue 108 dos 455 cargos comissio- (48) 3522-3777 Transformação das SDRs avança na ALUm brinde a vida! Prefeito de São João do Sul, João Rubens (PMDB) e o vice Moacir Teixeira (PTB) acompanharam os membros do Grupo da Melhor Idade do Município em um passeio na cidade gaúcha de Bento Gonçalves. Como bem salientou o prefeito, apesar dos anos de vida, o grupo demonstrou vitalidade e disposição invejáveis durante o roteiro. Nomes Beto Coan (PTB), Vado Zilli (PSDB), Rodrigo Turatti (PDT) e Giancarlo (PSD). Pelo menos dois destes nomes devem figurar como candidatos a vice nas três chapas que devem ser montadas para a disputa da prefeitura de Araranguá em 2016. Quem sabe até três, se o PMDB não repetir a chapa pura de 2012. monstra a sintonia que tem com o viceaolongodessestrêsanos.“Estou passando o cargo a Nelmo Emerim com muita tranquilidade, pois sei da sua competência e responsabili- dade. Tenho certeza que fará uma excelentegestãonestesquinzedias em que estarei de férias. Desejo a elemuitosucesso”,concluiu.Nelmo retorna ao cargo de chefe do Poder Executivo onze anos depois que encerrou sua gestão. nados e 136 das 468 funções de chefia ocupadas por servidores de carreira, além de acabar com a regional da Grande Florianópo- lis. O entendimento foi seguido pelos deputados Serafim Ven- zon (PSDB), Ismael dos Santos (PSD) e Manoel Mota (PMDB). Já o deputado Rodrigo Minotto (PDT), que não estava presente na hora da apresentação do pa- recer, registrou posteriormente sua abstenção. “De acordo com o Tribunal de Contas do Estado, em 2014 o governo destinou R$ 418 milhões às SDRs, recursos que poderiam ser empregados em outras áreas, melhorando os serviços públicos prestados pelo Estado à população. Por isso, entendemos que não há adequaçãopossívelàsestruturas, quedeveriamsertodasextintas”, argumentou.
  3. 3. dação. Ele lembra que a questãoalémdeambiental é também de saúde públi- ca, por conta dos focos do mosquitodadengue.Existe uma normativa estadual exigindo a cobertura de todos os estabelecimentos quearmazenamsucatasde forma geral, e um decreto municipal que normatiza a forma dessa cobertura.A fiscalizaçãoestásendofeita mediante uma solicitação do Ministério Público para saber se a legislação está sendo obedecida e verificar aregularizaçãodetodasas atividades de ferros-velhos e armazenamento de auto- móveisapreendidos.“Fize- mosumaaçãoemconjunto com várias secretarias e com a Polícia Militar para verificar a regularidade destasatividadesdentrodo município”, revelou Souza. Segundo o engenheiro químico, todos os locais visitados na manhã de on- tem apresentaram algum tipo de irregularidade e as 11h30min, passando porcincoestabelecimentos. Aproximadamente dez pontos serão vistoriados até o fim da operação, com ointuitodeverificararegu- laridadedosferros-velhose locais de armazenamento deautomóveisapreendidos no município. Aloísio de Jesus Sou- za, engenheiro químico da Fama, revelou que as atividadesdeferros-velhos são passíveis de fiscaliza- ção por serem poluidoras. ConformeSouza,amaioria desse tipo de comércio não é licenciada junto à Fun- > ArArAnguá APolícia Militar (PM), Fundação Ambiental do Município deAraranguá(Fama),Vigi- lânciaSanitária,Programa de Controle e Combate a Dengue e Departamento de Fiscalização de Obras e Posturas desencadearam na manhã de ontem,uma mega operação de fiscali- zação dos ferros-velhos de Araranguá. A operação iniciou às 8h30min e se estendeu até Geral 3Correio do Sul Quarta-feira, 4 de novembro de 2015 Gislaine Fontoura ³Fiscais e policiais fizeram uma varredura nos estabelecimentos comerciais ³Operação reuniu diversos órgãos fiscalizadores Ferros-velhos são fiscalizados Controle Operação entre PM, Fama, Vigilância Sanitária, Programa de Combate a Dengue e Departamento de Obras foi desencadeada ontem nicipal do Programa de Combate da Dengue, Joélcio Anastacio. O prefeito Sandro Maciel prestigiou a ex- posição e parabenizou o artista pela iniciativa. “É um trabalho muito bonito de combate a dengue com um visual surpreenden- te”, enaltece o prefeito. Denominada de Arte & Sustentabilidade, a ex- posição ficará por 30 dias no hall de entrada da prefeitura. ³Lucimar mostra algumas das suas criações > ArArAnguá Ao entrar na pre- feitura de Araranguá, o visitante irá se deparar com uma exposição iné- dita no local. Trata-se da mostra de objetos con- feccionados pelo artista plástico Lucimar Correia Consoni de maneira bas- tante peculiar. Pneus que seriam jogados fora são transformados em vasos no formato de cis- nes, canecos e decoração de mesa. Borracheiro, Con- soni afirma que a ideia surgiu há pouco mais de um mês. “Fiz algumas pesquisas na internet e percebi que era possível reaproveitar os pneus que seriam descartados. Assim, comecei a criar as peças”, comenta o artista ao demonstrar preocupação em encon- trar alternativas sus- tentáveis para evitar a proliferação da dengue. Ainiciativa faz parte das ações do Programa Municipal de Combate da Dengue, da Secreta- ria de Saúde, que promove campanha de conscien- tização até novembro, e realizado em parceria com a Subsecretaria de Cul- tura. “Como a gente faz um trabalho de conscien- tização nas borracharias do município, acabamos encontrando o Lucimar e propomos que ele expu- sesse os objetos durante a nossa campanha. Desta forma ajuda o programa e divulga o trabalho dele”, declara o coordenador mu- Borracheiro transforma pneu em arte receberam prazo para se adequar à lei. Joélcio Anastácio, co- ordenador do Programa de ControleeCombateaDen- gue,informouquenenhum foco do mosquito aedes aegypti foi encontrado na primeira manhã da ope- ração. O fiscal de Obras e PosturasPedroMartinsde Souza, orientou os proprie- táriosdosestabelecimentos quanto às edificações. A PM de Araranguá atuou no sentido de dar segurança aos profissio- nais e também inspecio- nando veículos suspeitos. Segundo o sargento Luis Fernando, nove policiais e trêsviaturasparticiparam da operação. O coman- dante da 1ª Companhia de Polícia Militar, capitão Alberto Cichella, também atuounaforça-tarefa.“Es- tamos dando segurança aos locais vistoriados e ve- rificando se há irregulari- dades e registros de furto, através do nosso sistema. Se tiver algum veículo suspeito a gente verifica e se for comprovada alguma irregularidade faz o proce- dimento correto”, afirmou Luis Fernando. Conforme o sargento, nenhuma ir- regularidade policial foi encontrada na manhã de ontem.
  4. 4. Geral4 Correio do Sul Quarta-feira, 4 de novembro de 2015 Moradores ainda devem recuperação Marivânia Farias Serra da Rocinha Famílias e empresários gastaram quase R$ 55 mil do próprio bolso para melhorar a estrada e ficaram devendo ³Moradores e empresários entraram com trabalho braçal, ajudaram a comprar material, pagaram pelas máquinas e depois de tudo ainda ficaram com uma dívida realização de atividades orientadas, sob respon- sabilidade da unidade de saúde do bairro. A visita contou com a presença da equipe das Secretarias de Saúde e Governo, além do pre- sidente da Associação de Moradores de Morro dos Conventos, Vanio Faraco. > ArArAnguá O prefeito Sandro Maciel esteve na última terça-feira no Balneário Morro dos Conventos, vistoriando o início das obras de construção da Academia de Saúde, no Loteamento Enge- nho. O espaço coberto será utilizado para a Começa obra no Morro dos Conventos ³Vídeo está sendo exibido nos espaços públicos da comunidade também foram entrevistadas. “Mui- tas pessoas questionam o que está sendo feito com o dinheiro público, desta formaficamaisfácilprestar contas e manter a popula- ção informada”, justifica o prefeito Zênio Cardoso.Os > Sombrio Desde ontem, televi- soresdospostosdesaúde, da Secretaria de Assis- tência Social, do Hospital Dom Joaquim e do hall de entrada da prefeitura, veiculam um vídeo infor- mativoproduzidopelaAs- sessoria de Comunicação daprefeituradeSombrio. O material possui 16 minutos e mostra um pouco das obras e me- lhorias que foram e estão sendo realizadas pela ad- ministração municipal. Para a produção a equipe visitou escolas, creches, ruas, avenidas, postos de saúde, e diversos locais do município. Pessoas Vídeo divulga obras públicas exemplos são três postos desaúdeetrêsescolasem construção. O curta metragem também está disponível na fanpage da prefeitura deSombrio,naopçãovíde- os e título Documentário de Obras. A academia deverá ser finalizada e entre- gue aos moradores em seis meses. “Esta aca- demia vai proporcionar aos moradores mais um espaço de lazer de ativi- dades orientadas. Com isso, visamos promover prevenção e saúde à população”, destaca o prefeito Sandro Maciel. nada aconteceu. “Nenhum governo, nenhum órgão, nenhum político apareceu ou deu qualquer tipo de ajuda pra gente”, recla- ma o mecânico Charles de Carvalho dos Passos, morador do Pé da Serra e um dos organizadores das mobilizações. Desesperados, eles se organizaram e começa- ram a fazer a melhoria. Segundo Charles, foram adquiridos 90 caçambas de pedra, vários drenos e utilizadas 29 horas de trabalho de uma retroes- cavadeira, além de trator deesteira,cincocaminhões e uma patrola. O custo total ultrapassou R$ 54 mil. A patrola foi empres- tada pela prefeitura de Timbé do Sul e o restante do maquinário foi pago. De acordo com Charles, a Câmara de Vereadores de Timbé doou mil reais e boa parte do recurso foi bancado por empresários do município, de Turvo e de São José dos Ausentes, cidade gaúcha localizada em cima da serra. Só que faltou dinheiro e o grupo formado por cerca de dez homens que trabalhou na recuperação da BR, abrindo valas e fazendo outros serviços pesados, ficou com uma dívida de quase R$ 5 mil. Um dos voluntáriosnaempreitada foi Isac Fonseca, que agora auxilia a arrecadação para quitar a dívida. Para dis- cutir formas de conseguir o dinheiro e outras ideias de condição de tráfego, moradores e empresários se uniram e pagaram eles mesmos pela recuperação de sete quilômetros da rodovia de chão. Antes, tentaram chamar a aten- ção do governo federal ou estadualparaoseudrama mantendooacessofechado por quase dez dias. A estrada da Serra da Rocinha, que pelos diver- sos anúncios do governo federaldeveriaestarsendo asfaltada há pelo menos dois anos, foi interditada pelos descontentes dia 15 de outubro. Era a segunda vez somente este ano que acontecia o fechamento devido a precariedade. Nove dias se passaram e > Timbé do Sul No Brasil, não bas- ta pagar impos- tos, é preciso ainda pagar pessoalmente pelas obras públicas. E ficar devendo. Foioqueaconteceucomos moradores da localidade de Pé da Serra, em Timbé do Sul, e empresários que dependem do trecho da estrada que pertence a BR 285 para transportar sua produção. A mesma produçãopelaqualpagam imposto e em troca deve- riam ter uma boa estrada. No mundo real, bem distante do ideal, cansa- dos de sofrer pela falta de mobilização eles se co- municam por um grupo criado no aplicativo de celularWhatsApp chama- do Amigos da Serra. Eles sabem bem quem são os seus amigos, e estão des- cobrindo também quem são os ‘inimigos da serra’.
  5. 5. “No começo duvidei que daria certo, mas eles me surpreenderam. Fico feliz por meu trabalho estar dando resultado e eles gostarem tanto”, informa a professora. Ainda de acordo com ela, mesmo com as limitações de cada um, os alunos procuram fazertodososmovimentos em cada equipamento. Ainda há problemas de acessibilidade para cadei- rantes,masElizabeteacha que esse projeto é muito importante para outras escolas. “É algo que seria de grande valor, mas com a assistência de um pro- fessor capacitado, pois se forem usados de forma er- rada, os aparelhos podem causar males ao invés de benefícios”, conscientiza. A academia foi ins- talada com repasse de recursos do governo do estado através do Fundo Social.Adiretora daApae, Andrea Faedrich, se quei- xadafaltadedinheiropara outros projetos. “Ainda há outrasmelhorias,masnão podem ser feitas agora. O problema é que a Apae nãoétratadacomoescola”, critica. Política Rolando Christian Coelho Geral 5Correio do Sul Quarta-feira, 4 de novembro de 2015 Brasil: Sofremos porque queremos E conomistas estão prevendo que Brasil deverá entrar em sua pior recessão desde 1930, época em que o país se resu- mia a criar gado e a plantar café. Isto, por óbvio, não está prestes a acontecer por acaso. Desde o segundo mandato do ex- -presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), no final da década de 1990, o Governo Federal tem se esforçado para aca- bar com a economia do país. Finalmente deverá atingir seu objetivo. Há uma centena de ações governa- mentais que contribuíram para chegarmos aonde chegamos, mas a principal delas, sem dúvidas, está ligada ao excessivo in- vestimento nos programas sociais sem ne- nhum tipo de retorno produtivo. Só no ano passado foram investidos R$ 21 bilhões no pagamento de benefícios do Bolsa Família. Afora a circulação de moeda corrente junto ao mercado consumidor, o Brasil não pro- duziu um prego em troca deste dinheiro. No ano passado eram cerca de seis mil beneficiados com o Bolsa Família só nos 15 municípios da Amesc. Mas afinal de contas, onde estão estas seis mil pessoas que vivem abaixo da linha da pobreza em nossa região? Gente que, literalmente, não teria nem onde cair morta! Observe que para reivindicar o benefício a pessoa não pode ter qualquer tipo de renda, nem ter alguém que possa socorrê-la, o que remete a um contingente de pelo menos 20 mil pessoas na miséria em nossa região, nada menos do que 10% da população! É claro que não temos tanta gente extremamente necessitada assim. O que temos é uma grande quantidade de gente sem vergonha, vadia, mau caráter, que se aproveita das brechas abertas por um governo mais sem vergonha ainda, afim de se beneficiar. A tal da aposentadoria pela pesca é outra farra. Gente que nunca viu uma tarrafa na vida é aposentada pela pesca. Os processos encaminhados pelas Colônias de Pesca são uma piada. O cidadão coloca uma placa na frente de casa dizendo que vende tainha, bate uma foto, anexa no processo e com isto abre a possibilidade de se aposentar. O governo não sabe disto? Se não sabe é burro, incompetente, e como tal não deveria governar. Essa espécie de corrupção velada é acompanhada por dezenas e dezenas de outros esquemas noticiados todos os dias pelos meios de comunicação. Não há dinheiro que chegue para sustentar tanto ladrão. No fim das contas, a única diferen- ça que temos do período colonial é que se antes nossa riqueza ia para Portugal, agora vai para a Suíça. O acumulado desta evasão de divisa deveria estar sendo investido na produção, de forma a colaborar para que o mercado se tornasse autossustentável, e, por conse- guinte, melhor regulado. Com uma melhor regulação a economia brasileira estaria mais protegida das crises, que são cíclicas e inevitáveis, mas totalmente passiveis de amenização. Tudo isto se dá porque somos uma República, mas estamos longe de sermos um país republicano. Muito acima dos in- teresses nacionais, da coletividade, estão os interesses pessoais, algo que não vemos em Repúblicas de verdade. Países repu- blicanos de verdade nascem do desejo de suas populações, que em geral derrubam um monarca para que o governo seja de todos. No Brasil todas as tentativas de se implantar uma república pela mudança efetiva da forma de governo nunca deram certo. A nossa Revolução Farroupilha é um exemplo clássico desse fracasso político. O que acabou prevalecendo foram os acertos, os conchavos, as concessões em troca da manutenção, ou tomada de poder, que perduram até hoje. O sindicalista Lula da Silva (PT), maior expoente do que poderia representar uma mudança no status quo da sociedade brasileira tinha como vice-presi- dente José Alencar, um mega-empresário mineiro. Seu presidente do Banco Central era Henrique Meirelles, que havia sido eleito senador pelo PSDB. Na tradição da política brasileira o que prevalece são os conchavos, os acer- tos, as artimanhas. Enfim, prevalece tudo aquilo que não é recomendável para a saúde social e econômica de um país. É justamente por conta desta tradição que vivemos patinando, subindo um degrau e descendo dois. Subir um degrau é recolher R$ 21 bilhões em impostos. Descer dois é investir este dinheiro em benefícios sociais desnecessários, ao invés de investir na produção, visando justamente o fim da miserabilidade pelo trabalho, pela pro- dução. Tivéssemos investido na produção de riqueza continuaríamos subindo, até atingirmos o patamar ideal, como fizeram as grandes potências mundiais. ADVOCACIA EMPRESARIAL FONE: (48) 3533-0145 Academia e boa saúde Em Alta > Sombrio Os alunos da Apae de Sombrio têm umaacademiaderuades- de o início do ano. Empol- gados, eles usam o espaço duas vezes por semana, nas aulas de educação física, e falam o quanto gostam de se exercitar ao ar livre. “Eu sempre quis fazer academia. A gente sente o corpo muito me- lhor quando vai dormir à noite. Ajuda a fortalecer osmúsculos”,dizMariléia de Melo Caetano, aluna da classe de oficinas. Ma- rizete da Silva Pereira informa que frequenta há pouco tempo, mas já sente o efeito das atividades físicas. “Eu gosto muito”, conclui ela. Para Janete Pacheco, que é aluna da classe Centro de Convi- vência,osbenefíciosforam ainda maiores. “Melhorei de dores e até emagreci”, conta sorridente. Segundo a professo- ra Elizabete Barbosa, o conjunto de aparelhos foi instalado na Apae no início do ano, e atraiu a atençãodetodososalunos. Aline Bauer ³Alunos se exercitam em academia no pátio da Apae > ArArAnguá O mês de novembro deve ser animado para os clientes do comércio de Araranguá. Já neste primeirosábadoiniciamos sorteiosdacampanhapro- mocionaldeNatal,quando os clientes concorrerão a dez vales compras de R$ 100,00, chance que segui- rá até o último sábado de dezembro, com valores cada vez maiores a serem sorteados. No dia 14, além de mais 10 clientes premia- dos, o comércio atenderá até às 17 horas com o Dia + Alegria. A CDL Araranguá mantém o ritmo de ca- pacitação oferecida aos lojistas associados desde o início do ano e realiza no dia 17 de novembro Dia + vai movimentar comércio maisumapalestra.Otema ‘Bomdia,hojeacordeipara vencer’seráministradopor Adalberto Siqueira e, em seguida, os participantes irão desfrutar da noite das massas. "Os ingressos já estão sendo vendidos. Lembramos que as vagas sãolimitadase,estemolde de evento tem grande pro- cura", informa a gestora da CDL Luciana Cardoso Daitx.
  6. 6. Fundado em 5 de Junho de 1990 - Dia Mundial do Meio Ambiente Jornalista Rolando Christian Sant’ Helena Coelho - Fundador Jornal Correio do Sul Publicações legais: Tomaz Fonseca Selau l48l 9985.8573 tomaz@grupocorreiodosul.com.br Financeiro l48l 3533.0870 financeiro@grupocorreiodosul.com.br Comercial: l48l 3533.0870 comercial@grupocorreiodosul.com.br Diretor Geral Jabson Muller l48l 9955.5313 jabsonmuller@grupocorreiodosul.com.br Diagramação/Arte: Cristian Mello l48l 3533-0870 correiodosul@grupocorreiodosul.com.br Sul Gráfica Junior Muller l48l 9931.4716 sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br Redação: Marivânia Farias l48l 9995.9290 editor@grupocorreiodosul.com.br Política: Jarbas Vieira l48l 9966.5326 jarbas@grupocorreiodosul.com.br Radio 93FM Cássia Pacheco l48l 9912.9588 radio93fm@grupocorreiodosul.com.br Circulação/Assinatura l48l 3533.0870 assinaturas@grupocorreiodosul.com.br Rua João José Guimarães,176, Centro - Sombrio/SC - Fone: (48) 3533 0870 Editora: J. R. Pereira - ME CNPJ 17.467.695/0001-19 C.S. Empresa Jornalística LTDA. Geral6 Correio do Sul Quarta-feira, 4 de novembro de 2015 Crise deve aumentar procura por vaga nas escolas públicas estaduais PeloEstado D evido à crise financeira, a expectativa da Secretaria de Estado da Educação é que 20 mil novos alunos migrem das escolas particula- res para a rede pública catarinense. Para atender à demanda na rede estadual, obras de reforma e ampliação estão sendo realizadas em dezenas de escolas. O objetivo é que todas estejam prontas até o início do ano letivo 2016. O período de rematrícula nas 1.091 unidades escolares iniciou nessa terça-feira (3) e já se encerra na sexta-feira (6). Os novos alunos poderão se matricular entre os dias 30 de novembro e 4 de dezembro. Já os alunos que forem realizar a matrícula pela primeira vez terão de 30 de novembro a 12 de dezembro para fazer a inscrição. Caso não consigam neste período, terão uma nova oportunidade no período de 1º a 5 de fevereiro de 2016. Como do- cumentação, além da certidão de nascimento ou documento de identidade e histórico escolar, a secretaria da escola deve solicitar atestado de vacina ou declaração dos pais/responsáveis do aluno, assegurando estar em dia com a vacinação, para todos os níveis de escolaridade. Para alunos do Ensino Mé- dio, técnicos EMIEP, Técnicos Subsequente e Concomitante e Educação de Jovens e Adultos, será necessário também uma cópia do CPF. Entre os prin- cipais critérios para a matrícula está o zoneamento, ou seja, os pais devem procurar a escola mais próxima da sua casa ou do seu trabalho. ANTT em SC A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) vai ter uma sede exclusiva em Santa Catarina. Decisão foi comunicada ao deputado Jorginho Mello (PR-SC), que vinha lu- tando para que todas as decisões sobre as rodovias no estado sejam tomadas em um órgão descentralizado. Os coor- denadores da agência de Santa Catarina vão ter um canal direto com Brasília e vão cuidar da infraestrutura rodoviária e da fiscalização de cargas e passageiros. Atualmente, o órgão é regional e fica centralizado no Rio Grande do Sul. Desabafo “Éestesujeitoqueestápedindo a cabeça da presidenta Dilma? Não pode- mosnosorientarpelaIstoÉ,MiriamLeitão e Veja. Precisamos ter uma literatura mais séria,maisadequadaeresponsável.Nossa massa crítica merece isso.” Deputada Lu- ciane Carminatti, líder da bancada do PT na Assembleia, em manifestação contra o ministro Augusto Nardes, do Tribunal de Contas da União. O desabafo aconteceu na sessão plenária de ontem. Comércio no azul O movimento lojis- ta catarinense, por meio da Federação das CDLs de SC (FCDL/SC), também apoia a campanha Novembro Azul, a exemplo do que foi feito com o Ou- tubro Rosa. A entidade incentiva a decoração dos comércios, ambientes, vitrines e fachadas com motivos de cor azul ao longo de todo o mês, com a meta de conscientizar sobre a impor- tância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata e de ou- tras doenças masculinas. Para prefeitos Os problemas e as pers- pectivas de solução para o financiamen- to da saúde pública estarão em pauta, no dia 26, no auditório do Tribunal de Contas de Santa Catarina (TCE-SC), em Florianópolis. O tema central do evento, voltado aos prefeitos das 295 cidades ca- tarinenses, é o “Descompasso federativo no financiamento da saúde pública”. As inscrições já estão abertas e poderão ser feitas no portal do Tribunal (http:// www.tce.sc.gov.br/) até o dia 20. Andréa Leonora �lorian�polis ���lorian�polis �� 04Nov15 /sebraesc @Sebrae_SC Para melhorar a gestão e a produtividade e trazer mais inovação para seu negócio, conte conosco. SUA VIDA É SE SUPERAR A CADA DIA? ESTAMOS JUNTOS. RelaçõesInternacionais Começa amanhã, em Florianópolis, a 1ª Conferência Nacional de Relações Internacionais, promovida pela Secretaria de Estado de Assuntos Internacio- nais. O objetivo é discutir e fortalecer a paradiploma- cia, que são as atividades internacionais realizadas pelos entes subnacionais, como estados. O secretário Carlos Adauto Virmond afirma que será uma gran- de oportunidade para discutir o papel dos estados federados nas relações internacionais, cenário em que Santa Catarina sempre se destacou. “Exemplos disso estão na atração da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, da BWM e a recente realização do Encontro Econômico Brasil- Alemanha.” As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site www. sai.sc.gov.br/conferencia. Professores, pesquisadores, estudantes universi- tários e interessados nas áreas de Relações Internacionais, Direito Interna- cional, Economia e Comércio Exterior estão entre o público-alvo. RafaelPaulo/SAI
  7. 7. Educação 7Correio do Sul Quarta-feira, 4 de novembro de 2015 Secretaria de Educação está, desde o início do ano, discutindo propostas que formam documento importante para as escolas jamentoescolar,deformaà indicaroscaminhos,metas, funcionamento da escola como instituição de ensino, entre outros aspectos.“É o documentomaisimportan- te na rede de ensino, onde contempla qual a missão, o relacionamento com as famílias, como serão apli- cados os recursos e todo o plano de ação das escolas”, frisou Esadir. Asecretária de Educa- ção RosinéaAlves Ferreira pretende até dezembro fi- nalizar a revisão e inclusão das novas propostas. “ É um trabalho bem extenso, estamos desde o início do anonosreunindo,masvale o esforço” comentou. Entre as propostas in- cluídas no PPP, estão as > Balneário Gaivota Profissionaisdarede de ensino de Bal- neário Gaivota realizaram mais uma reunião de tra- balho para revisão e nova redação do Projeto Político Pedagógico. O PPT é o documento que reflete a proposta educacional da escola e que vai nortear as ações da comunidade escolar, pais, professores e colaboradores. De acordo com a orien- tadora educacional da Secretaria Municipal de Educação Esadir Gomes Machado, o Projeto serve para dar direção ao plane- novasestruturasescolares, já que o governo municipal ampliou com salas e giná- sio, bem como as ações das oficinas, que são aulas de dança, artes, laboratórios de ciência, informática e reforço escolar. “Estamos atualizando para garantir ainda mais qualidade no ensino municipal, norte- ando os próximos passos paraquesejamaindamais firmes em prol do ensino em nosso município”, disse Rosinéa. Após o documento ser concluídoseráapresentado em assembleia aos pais e professores da rede de en- sino municipal. Balneário Gaivotapossuiduasescolas municipaiseseiscentrosde educação infantil. ³Equipe da Secretaria de Educação coordena a discussão sobre o novo projeto ³Alunos do Iemes que participaram da campanha ³Programação do Circuito Artístico do dia 14 Acadêmicospromovemaçãocultural Alunosdescobremdoçuradapartilha > SantaroSadoSul Alunos da última fase do curso de Artes Visuais da Unesc reali- zamnodia14umevento cultural em Santa Rosa do Sul. O Circuito Artís- tico,épartedoprograma de estágio do grupo e resultado de um pro- jeto que teve início em setembro, quando eles estiveram no município pelaprimeiravez.Nesta ocasião,diversaspessoas foramouvidassobreose- tor cultural local e sobre atraçõeseoportunidades oferecidas.Combasenas respostaseoutrasobser- vações, foi formulada a programação do Circui- to, que alia oficinas a exposição de artes. No dia 14, um sá- bado, as atividades te- rão início às 10horas com dois mini cursos de teatro e desenho con- > SomBrio Uma ação para en- fatizar a importância do ato de dividir foi reali- zada pelo colégio Iemes na última sexta-feira. A professora Rosilene Go- mes,quelecionareligião, sugeriuquefossemguar- dadosdocesparadoá-los a outras crianças. “Já é a terceira vez que faze- mos isso, e é um modo de trabalhar valores, solidariedade e divisão”, conta a professora. As criançasconfeccionaram cestinhas, guardaram parte de seus próprios doces e doaram a alunos da Escola Municipal Al- cides de Souza Pereira, do bairro Raizeira. “Foi temporâneo. Estão sendo oferecidas 20 vagas para cada um e a inscrição deve serfeitaatéestasexta-feira pelo e-mail leonardonais@ hotmail.com. A tarde está sendo organizada uma ex- posição reunindo artistas plásticos de fora e de Santa Rosa,alémdediversasapre- sentações artísticas. Toda a programação é gratuita e muitogratificanteemedeu muita alegria participar disso”, comentou Rosilene. Bianca Porto Lindermann, aluna da classe que doou os doces, conta o que sentiu ao fazeraboaação.“Euadorei. Fiquei muito feliz em parti- lhar com outras crianças”. A diretora da escola que recebeu a doação, Ana MariadaSilvaClaudino,foi buscar os doces, e descre- aberta a comunidade em geral, explicam os acadê- micos Mikael Miziescki e Leonardo Pinheiro, que ontem mais uma estive- ram no município. O pri- meiroémoradordeMorro Grande e o segundo de Içara, mas como arte não tem fronteiras, Santa Rosa do Sul os recebe de braços abertos. ve a reação mais que compreensível dos seus alunos. “Ficaram muito felizes. Quem não gosta de ganhar doces, não é?”. Aação, que se repetiu na páscoa com chocolates e durante o ano em uma doação de livros, é parte do projeto do aniversário de 50 anos do Instituto EducacionalMadreElisa Savoldi. Educaçãodebate ProjetoPedagógico Reformulação Da redação
  8. 8. Entretenimento Novelas - Horóscopo - Diversão Novelas Além do Tempo -18h I love Paraisópolis -19h A Regra do Jogo -21h A ntepenúltimo capítulo de I Love Paraisópolis. Fique liga- do no Gshow e acompanhe as emoções finais de ‘I Love Paraisópolis’! V itória admira uma foto de Emília ainda criança e prepara a casa para receber a empresária e o prefeito para jantar. Zilda comenta com Felipe que acredita que o sofrimento de Alex venha de outras vidas. Lívia e Anita estranham o comportamento deEmília.LíviaeFelipeficamconstrangidosquandoseencontrame Melissapercebe.Semsaber,LíviacompraumantigoaneldeVitória para presentear Emília. Queiroz contrata Bento para trabalhar na agênciadeturismoeGemareprova. J uliano encontra um bilhete de Zé Maria o aconselhando a deixaracidade.DantequestionaOrlandosobresuafamília. ÚrsulaeMeldesconfiamdocomportamentodeVavácom Duda.Merlôdecideseapresentarnaboateimprovisadade Ninfa e Alisson, e Adisabeba se entristece com o filho. Juliano revela a Merlô a verdade sobre Zé Maria. Romero se declara paraTóiaeapedeemnamoro.AbnereAdisabebadiscutem.Zé MariaimploraajudaaAdisabeba,eosdoisacabamsebeijando. Rapidinhas Correio do Sul Quarta-feira, 4 de novembro de 2015 Áries 21/03 a 20/04 Dia de mudança de fase lunar --minguando em Leão, signo irmão do seu-- denota sete dias propícios para tratar com carinho de seus desafios pessoais. Prove até onde pode ir. Leão 21/07 a 20/08 Sagitário 21/11 a 20/12 Vocêsabequaléosentidodeficaràmargem,esquecido eisolado?Senãosabe,aproveiteoembalodaminguante emLeãoparasonharcomsaídashonrosasedivertidas. Gêmeos 21/05 a 20/06 Não se perca em um oceano de e-mails, mensagens, notícias e informações desencontradas! Seria péssimo paraseudesempenhoprofissional.Valeporumasemana. Libra 21/09 a 20/10 Alguns planos precisarão ser alterados, especialmente se foram elaborados com amigos. Com a Lua minguante de hoje,muitagenteirárepensarprojetos.Vocêeelestambém. Aquário 21/01 a 18/02 Touro 21/04 a 20/05 Mercúrio em Escorpião movimenta a casa astral dos relacio- namentosporalgumassemanas,eaLuaminguantedehoje reforçaaimportânciadeterumportoseguroaquerecorrer. Virgem 21/08a20/09 Que tal reservar os próximos dias para uma boa revisão dasemoções?ALuaminguantefavoreceumolharmais profundo sobre suas mazelas emocionais. Revelações à vista. Capricórnio 21/12 a 20/01 O ritmo vai mudar de novo com a mudança lunar, a en- trada de Mercúrio em Escorpião e a conjunção deVênus e Marte em Virgem --novas ideias, revisões, percepções. Centre-senasvitórias. Câncer 21/06 a 20/07 Altosebaixosemocionaisàvista,canceriano!ALuamudade fase, minguando seus rendimentos. Tempo bom para rever as atividades que você sabe fazer e que geram segurança. Escorpião 21/10 a 20/11 Não basta ser intenso na busca por transformação nem rigoroso no descarte do que não é essencial. Também tem de haver alegria nesse processo e uma boa dose de cálculo para decisões certas. Essa é a mensagem da Lua minguanteparavocê. Peixes 19/02 a 20/03 Refazimentos,aperfeiçoamentos,reelaboraçãodeprojetosde trabalho e de estudo --lá vem a Lua minguante para ajudar você nisso. E com a intuição de Mercúrio em Escorpião! É no seu signo que ocorre a minguante lunar deste mês! Sinalclaroparaquevocêseempenheemmelhorarasaú- de.Épocadedesapegodosmaushábitos.Boaparadietas. A partir das 11h30 da próxima segunda-feira (9), o estado civil de Joelma e Chimbinha passa a ser “divorciado”. De acordo com o jornal O Dia, acontecerá no Fórum de Recife a assinatura dos papéis que formalizará o fim da união de 17 anos entre o ex-casal. A publicação ainda destaca que Joelma deve abrir uma ação contra o ex-marido, uma vez que a advogadadacantorajáestariareunindoprovaspara proibir judicialmente o ex a usar a marca Banda Calypso, que está registrada no contrato social da JC Shows, do qual Joelma tem 60%. Chimbinha pode usar o termo Calypso acres- cido de qualquer palavra, até porque trata-se do nomedeumritmomusical,excetoBandaCalypso. De acordo com o jornal O Dia, esta semana Joelmagravadoisvídeo-clipes,emRecife,dasduas músicasemespanholquegravouequevirãocomo faixas bônus de seu novo CD. ThammyMirandaaproveitouoferiadoparacurtir a praia ao lado da namorada, Andressa Ferreira, e exibiu o resultado do tratamento hormonal que está fazendo, com os pelos na perna e no rosto. Oatorcompartilhouomomentodediversãopor meiodoSnapchat,usandoumasungatodadecorada com palmeiras. Nos vídeos gravados pelo aplicativo, ele ficou imitando as poses que a namorada faz para tirar fotos, enquanto ela ficava elogiando sua sunga. “Olha essa sunguinha, cheia de estilo”, disse. Thammyrecentementeposousemcamisapara uma revista e mostrou o peitoral. Se você se sentir menos ousado hoje, siga a tendência --éhoraderevercomportamentossociaiseprofissionais, escolhendomelhorsuascompanhiasnasbatalhas.
  9. 9. Geral 9Correio do Sul Quarta-feira, 4 de novembro de 2015 Um dos maiores sucessos do cinema ganha uma adaptação para os palcos no espetáculo musical FROZEN 2 no Aniversário de Ana - A História de Congelados continua...”, baseada e inspirada na animação Frozen, uma aventura congelante. Apeça conta a história das irmãs Elsa eAna filhas do rei e da rainha de Arendelle. Elsa nasceu com um dom especial de criar gelo e neve. Quando tinha oito anos, enquanto brincava com a irmã Ana de cinco anos, ela acidentalmente acerta-lhe com um raio gelado. Então o rei esconde Elsa de todos para que ela possa aprender a controlar seus poderes até o dia de sua coroação como rainha. Após acidentalmente condenar o reino a um inverno eterno, ela foge e se esconde num castelo de gelo. Agora cabe a Ana e Kristoff, um destemido homem da montanha, partirem numa jornada para trazerem Elsa de volta e salvarem A História de Congelados continua O maior espetáculo teatral do gênero infantil dos últimos tempos chega à Sombrio nesta quinta-feira, a partir das 20h no Sombrio TênisClubeemúnicaapresentação.“Frozen 2,noAniversáriodeAna”quejáfoiassistidopormaisde100 milpessoasemtodooBrasil,prometeencantaropúblicode Sombrioeregião.Cenárioencantador,figurinoespetacular, efeitos especiais de neve e gelo são algumas das grandes atrações do espetáculo que já foi apresentado em cidades como Fortaleza, Salvador, Campo Grande, Florianópolis, Curitiba, PortoAlegre, São Paulo, entre tantas outras. Os ingressos podem ser adquiridos na secretaria do TênisClube,nalojaMaluBaby,queficanaGaleriadoCen- trão, e no Correio do Sul. Crianças, idosos e estudantes R$ 25,00.Adulto na compra antecipada paga R$ 25,00.Adulto na hora R$ 50,00. Informações poder ser adquiridas através dos telefones (51) 8216.9805 Tim e (48) 3533.1157 ou no Tênis Clube. EspetáculoFrozen2chegaaSombrio Imperdível Arendelle de um terrível inverno... Depois de tudo resolvido, chega o aniversário deAna. Elsa e Kristoff trabalham na preparação da maior festa de todos os tempos, mas a ansiedade da Rainha descontrola seus gelados poderes e coloca a celebração e todo o reinado em risco. Será que eles vão conseguir trazer o verão de volta? Um espetáculo com diversos fatores lúdicos, e cenário elaborado que ajudam a compor o ambiente gelado e alegre que a história precisa, isso faz com que todos se sintam dentro da encenação. A montagem conta com ótimos atores e interpretação comovente, levando crianças e adultos, para o mundo encantado dos contos de fadas modernos. Um grande sucesso visto por mais de 120 mil pessoas, retorna agora em uma nova versão. Imperdível! FICHA TÉCNICA: Adaptação: Rony Valchese Direção: Wellington Casarão e Thi Fugikawa Elenco Personagens: Rainha Elsa, Princesa Ana, Olaf, Sven, Principe Hans, Kristoff e os Trolls. Som e Luz: Erick Vinicius Produção: Teatro é 1 Barato e Little World Produtor Executivo: Regis Santos Produção RS/SC: Cleber Nunes Produções SERVIÇO: FROZEN 2 noAniversário deAna -A História de Congelados continua... Classificação: Livre Gênero: infantil Duração: 60 minutos
  10. 10. 10 Correio do Sul Quarta-feira, 4 de novembro de 2015 Publicidade
  11. 11. aposta no crescimento do setor de hortifrutigran- jeiro, atividade ligada a plantação de hortali- ças, legumes e frutas. “É uma ótima fonte de renda principalmente para pe- quenas propriedades por não exigir tanta área de cultivo”, afirmou. “Investir nas famílias do campo é enxergar que o município possui muitas potencialidades. Com a nossa própria mão de obra surge grandes possibili- dades e oportunidades de novos negócios”, apoiou Zênio. E destacou con- quistas da administração municipal para o setor. Foram adquiridos três tratores cabinados, traça- dos e com ar condicionado; Fiat Strada e um Fiat Uno para uso do médico veterinário em visitas no Geral 11Correio do Sul Quarta-feira, 4 de novembro de 2015 Palio foi entregue na tarde de ontem ao representante do escritório municipal para agilizar srrviços junto a famílias rurais ³Automóvel ficou virado ao bater em árvore ³Mulheres associadas a Ceprag ladeiam o gerente da cooperativa Patrique ³Daminelli e Zênio (frente) e Reginaldo e Sandoval, receberam chave do carro > São João do Sul A Polícia Militar, no finaldatardedeterça-feira, foiinformadoporpopulares que um veículo suspeito se encontravanasproximida- des da comunidade de Três Coqueiros, no município de São João do Sul. Era um Fiat Uno de pla- casLEZ8329deTorreseapós averiguar no seu sistema, a Polícia Militar viu que o PM recupera carro furtado mesmo estava com registro de furto. O automóvel foi guin- chado e o proprietário in- formadoqueseucarrotinha sido encontrado. O ladrão não foi pego. Da redação > Sombrio AEpagri de Som- brio recebeu on- tem um carro, um Palio Essence 1.6, adquirido através do Governo do Estado e entregue ao ge- rente regional da Epagri, Reginaldo Ghellere e ao técnico agrícola Sando- val Miguel Ferreira. O prefeito Zênio Cardoso e o vice Valmir Daminelli estiveram presentes na entrega, De acordo com San- doval, o município possui 615 agricultores e a prin- cipal atividade agrícola é o fumo, seguida de mara- cujá, arroz e banana. Ou- tra atividade que vem se destacando é a plantação de hortaliças. Reginaldo Epagri recebe novo veículo Agricultura > PraiaGrande ‘Cooperação, equi- líbrio e bem-estar’, foi o tema do 13º Encontro Estadual de Mulheres Cooperativistas, que aconteceu no final de ou- tubro, no Centro de Con- venções Oceania Center, napraiadosIngleses,em Florianópolis. O evento promovido pelo Serviço Nacional de Aprendi- zagem do Cooperativis- mo de Santa Catarina (Sescoop) contou com a > SãoJoãodoSul Por muito pouco uma pequena aranha não provoca uma tragé- dia no município de São João do Sul, na tarde de ontem. Osana de Qua- dros Gross, de 36 anos, conduzia seu veículo próximo a comunidade de Encruzo quando se deparou com uma ara- nha dentro do carro. Com o susto ela perdeu o controle do Celta e colidiu contra um pé de eucalipto existente às margens da estrada, capotando em seguida. Segundo a Polícia Militar a mulher ficou presa no carro em esta- do de choque. Moradores da localidade acionaram Ceprag apoia mulheres cooperativistas Aranha provoca acidente de carro presença de aproximada- mente mil mulheres de 30 cooperativas de diferentes ramos do estado. Com o slogan ‘Um en- contro para mulheres que têm iniciativa’, o evento foi marcado por palestras com o objetivo de estimu- lar e fortalecer práticas de cooperação e liderança no cooperativismo, aliadas às atividades de lazer, reali- zadasanualmente,sempre cominovações.Foramdois diasdeinformação,intera- tividade e entretenimento com atrações focadas para asustentabilidade,família a PM e o Samu, que foram ao local e encontraram Osana somente com feri- mentos leves. A aranha não foi encontrada. Dona Maria Gorete, que mora próximo ao local do acidente, disse que ti- nha acabado de chegar em casa quando ouviu um ba- rulho muito forte e achou que tinha caído alguma e qualidade de vida, além de palestra show motivacional, espetá- culo teatral, jantar de confraternização, entre outras atividades. A Ceprag partici- pou com uma delegação de 11 mulheres acom- panhadas do gerente geral Patrique lencar Homem. Patrique des- taca que a iniciativa fortalece as ações que contribuem para o cres- cimentodaparticipação feminina incentivando lideranças no sistema cooperativista. coisa em cima do seu telhado. Mas quando saiu na rua viu o car- ro virado e a mulher pedindo socorro. Go- rete e seus familiares correram e auxiliaram no socorro da mulher. “Foi um grande susto, mas por sorte a moça ficou bem”, comentou a moradora. campo. Além disso, são cedidas 10 horas máqui- nas grátis por agricultor familiar. Desde o início de 2013 uma série de cursos pre- paratórios para agricul- tores tem sido realizada para a diversificação da cultura agrícola. Cursos de cultivo de amora preta, maracujá, de produção de leite e cuidados com o gado leiteiro, mandioca, dentre outras variedades. E o incentivo ao Turis- mo Rural, realizado em parceria com o Institu- to Federal Catarinense, com o Governo Federal e com outros municípios da região, formando 31 agricultores para que recebam turistas em suas propriedades e obtenham ganho extra na renda da família.
  12. 12. ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE ARARANGUÁ SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL E HABITAÇÃO 12 Correio do Sul Quarta-feira, 4 de novembro de 2015 Publicações Legais ESTADO DE SANTA CATARINA FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE PRAIA GRANDE Aviso de Licitação Processo Adm. N. 13/2015 Edital: Pregão Presencial n. 03/2015 Tipo: Menor Preço Por Item Objeto: AQUISIÇÃO DE BIBICLETAS NOVAS PARA SEREM UTILIZADAS PELAS AGENTES DE SAÚDE DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE PRAIA GRANDE, de acordo com o anexo a este edital. Entrega dos Envelopes:14:00 horas do dia 16 de Novembro de 2015. Abertura dos Envelopes:14:00 horas do dia 16 de Novembro de 2015. O Edital e esclarecimentos poderão ser obtidos no seguinte endereço e horário: Rua Irineu Bornhausen, 320, nos dias úteis, de segunda à sexta, das 13:00 às 19:00 ou pelo telefone 048 3532- 0132. Praia Grande-SC, 03 de Novembro de 2015. Valcir Daros Prefeito Municipal ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO AVISO DE LICITAÇÃO TOMADA DE PREÇO PARA OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA N.º 056/2015 A PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO torna público para conhecimento dos interessados que no dia 23/11/2015, às 09:00 horas estará realizando a reunião de recebimento das propostas referente a TOMADADE PREÇO PARAOBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA N.º 056/2015, que tem como objeto a Prestação de serviço de Pavimentação com Lajota Sextavada e Drenagem Pluvial na Estrada Municipal MEL 354, Bairro Barra do Cedro – Meleiro/SC, com fornecimento de material e mão de obra, conforme planilha orçamentária e projeto básico em anexo ao processo. A integra do Edital e maiores informações poderão ser obtidas na Prefeitura Municipal de Meleiro, sito a Rua Sete de Setembro, nº 371 – Meleiro/SC, no horário das 7:30 às 11:30 e das 13:00 as 17:00 horas, de Segunda a Sexta-Feira ou pelo fone 048-3537-8400. Meleiro/SC, 03 de novembro de 2015. JONNEI ZANETTE Prefeito Municipal ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL N.º 057/2015 A PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO torna público para conhecimento dos interessados que no dia 17/11/2015, às 09:00 horas estará realizando a reunião de recebimento das propostas de PREGÃO PRESENCIAL N.º 057/2015, objetivando a AQUISIÇÃO DE AREIA GROSSA LAVADA E SAIBRO GRANUMETRIA MÉDIA PARA COLOCAÇÃO NO CAMPO E NA PISTA DE ATLETISMO DO ESTÁDIO BAIXADA DA GLÓRIA, CONFORME SOLICITAÇÃO DA SECRETARIA MUNICIPAL DE OBRAS E SERVIÇOS URBANOS. A integra do Edital e maiores informações poderão ser obtidas na Prefeitura Municipal de Meleiro, sito a Rua Sete de Setembro, nº 371 – Meleiro/SC, no horário das 7:30 às 11:30 e das 13:00 as 17:00 horas, de Segunda a Sexta-Feira ou pelo fone 048-3537-8400. Meleiro/SC, 03 de novembro de 2015. JONNEI ZANETTE Prefeito Municipal EDITAL DE INTIMAÇÃO ARLINDO EDÍLIO DA ROSA, Titular do TABELIONATO DE NOTAS E PROTESTOS DE TÍTULOS desta Comarca de Sombrio, situado na Av. Nereu Ramos, 1300 - Fone (48) 3533-0318 - CEP 88960-000, atendimento das 08:00h - 12:00h e 14:00h - 18:00h, faz saber na forma da Lei aos que o presente EDITAL virem, que se encontram nesse tabelionato para serem protestados, decorrido o prazo legal de 03 (três) dias úteis, por não terem sido encontrados nos endereços fornecidos, ou por se recusarem a tomar conhecimento, os títulos cujos responsáveis estão abaixo discriminados. Ficam esclarecidos, também, de que nesse mesmo prazo poderão apresentar resposta escrita, que não impedirá a lavratura do protesto. PROT. APRESENTANTE / CNPJ DEVEDOR / CNPJ Prot: 140301; Devedor(es): FRANQUE DOS REIS PAULO - PORTAL MOVEIS - 23.034.091/0001-81, End: Rua Pedro José Soares, 256, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: BANCO COOPERATIVO DO BRASIL S.A.; Sac: MADE MAIS COMERCIO AT; Tit: 382 1 ; Apr: BANCO DO BRASIL SA; VEN: 25/10/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 323,95 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 46,96. Apontamento R$ 13,75 - Selo R$ 1,55 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 27,50 - Condução R$ 5,71 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 46,96. Prot: 140201; Devedor(es): MOMA.RO IND E COM DE CONFECÇÕES - 18.129.059/0001-40, End: Lateral BR-101, Prefeito Santelmo Borba, sn, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: TECIDOS TOTAL LTDA; Sac: TECIDOS TOTAL LTDA; Tit: 3872/03 ; Apr: BANCO DO BRASIL SA; VEN: 10/10/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 508,73 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 46,96. Apontamento R$ 13,75 - Selo R$ 1,55 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 27,50 - Condução R$ 5,71 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 46,96. Prot: 140202; Devedor(es): MOMA.RO IND E COM DE CONFECÇÕES - 18.129.059/0001-40, End: Lateral BR-101, Prefeito Santelmo Borba, sn, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: TECIDOS TOTAL LTDA; Sac: TECIDOS TOTAL LTDA; Tit: 3704/03 ; Apr: BANCO DO BRASIL SA; VEN: 06/10/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 2.084,10 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 46,96. AVISO DE LICITAÇÃO EDITAL Nº 32/2015 MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL EXCLUSIVO PARA MPE’S OBJETO: REGISTRO DE PREÇOS para aquisição de materiais permanentes diversos objetivando a manutenção das entidades, Sociedade Irmã Carmem e Lar Beneficente São Vicente de Paula, aquisição com recursos de investimento do termo de adesão para manutenção das ações continuadas definidas na NOB/SUAS, através da Secretaria do Estado da Assistência Social, Trabalho e Habitação/Fundo Estadual de Assistência Social - FEAS, e o município de Araranguá/Fundo Municipal de Assistência Social - FMAS referente a proteção social. TIPO DA LICITAÇÃO: Menor Preço por Item ENTREGA DOS ENVELOPES: Até às 13h45min do dia 13 de novembro de 2015, no Serviço de Protocolo Geral da Prefeitura, sito à Rua Dr. Virgulino de Queiróz, 200, centro. ABERTURA DOS ENVELOPES: As 14h00min do dia 13 de novembro de 2015, na sala de reuniões do Departamento de Licitações da Prefeitura. REGIMENTO: Leis Federais 8.666/93 e 10.520/02, Lei Complementar 123/2006, Lei Complementar 147/2014 e Decreto Municipal nº 2.676/05. EDITAL COMPLETO E INFORMAÇÕES: Está à disposição dos interessados no horário de expediente da Prefeitura, no endereço eletrônico; www.ararangua.sc.gov.br, e afixado no mural, localizado no hall de entrada da sala do Departamento de Licitações da Prefeitura. Maiores informações poderão ser obtidas pelo telefone (fax) 0XX48 3521.0929 ou pelo e-mail: licitacao@ ararangua.sc.gov.br Araranguá, SC, 03 de novembro de 2015. Sandro Roberto Maciel Prefeito Municipal Liliane Silva de Souza Pregoeira Apontamento R$ 13,75 - Selo R$ 1,55 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 27,50 - Condução R$ 5,71 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 46,96. Certifico, para os devidos fins, que o presente edital foi afixado no mural da serventia em: 04/11/2015. Sombrio - SC, 04/11/2015 ARLINDO EDÍLIO DA ROSA
  13. 13. Polícia 13Correio do Sul Quarta-feira, 4 de novembro de 2015 ³Durante palestra capitão Cichela chama a atenção dos estudantes para a ilusão que as drogas oferecem estão se evadindo, pulan- do o muro, ou consumindo drogas na escola. “Esta- mos observando dentro da escola muitos grupos que talvez sejam usuários de drogas. Soube deste projeto através do cabo Oliveira, do Proerd (Pro- grama de Erradicação às Drogas), que conhece bastante a realidade do Arroio do Silva. Ele nos indicou este atendimento feito pela Polícia Militar”, revelou Sandra. A diretora defende a importância de falar com os adolescentes sobre a realidade das drogas. “Al- guns professores sentiram a necessidade de conver- sar sobre o assunto. Os jovenstêmcuriosida- de em saber como é a droga, porque tem gente que diz pra eles que é bom. Pode ser bom até no começo, mas depois nós sabemos que não é as- > Arroio do SilvA AEscola de Educa- ção Básica Apo- lônio Ireno Cardoso, de BalneárioArroio do Silva, atende aproximadamen- te mil alunos, do 1º ano das séries iniciais ao 3º ano do Ensino Médio. Na manhã e tarde de ontem, uma palestra do coman- dante da 1ª Companhia (CIA) do 19º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Araranguá, capitão Al- berto Cichella, alertou os alunos sobre o perigo das drogas, além de abordar temas como disciplina e Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Na parte da manhã, cerca de 110 alunos, do 8º anodoEnsinoFundamen- tal até o 2º ano do Ensino Médio, participaram da apresentação e outros 100, do 8º ano do Ensino Fundamental até o 1º ano do Ensino Médio, à tarde. Conforme contou a diretora Sandra S. C. Cristiano, alguns alunos Uniãocontraasdrogas Na Escola Gislaine Fontoura Professores preocupados sim.Apalestra foi um pe- dido nosso para orientá- -los, para que não entrem nesse mundo”, explicou. Para a professoraAli- ne Soares, que leciona Ciências e Biologia, a pre- sença da Polícia Militar orientando sobre o perigo das drogas é importante. “Temos que trazer a so- ciedade para dentro da escola”, diz Aline. A palestra intitulada ‘Adiferença entre o otário e o esperto’, tratou da importância da discipli- na para conseguir o que se quer na vida, do uso de drogas, atos infracionais e suas penalidades. Os alunos participaramativamente, respondendo e fazendo perguntas. Cichella ainda contou a história de dois amigos que se perderam no mundo das drogas. “Na minha escola tinha alunos que usavam dro- gas - maconha, cocaína e pedra, mas eu busquei o meu caminho e cada um de vocês pode buscar o melhor para suas vidas”, aconselhou. A palestra terminou com um vídeo. Conforme o capitão, a prevenção será con- tinuado na escola com os programas Proerd e Ronda Escolar, com mini palestras e com uma pa- lestra para os pais, dentro do projeto Gestão de Segurança Pública nas Escolas.A Apo- lônio é a pri- meira do Bal- neárioareceber a palestra. ³-Namadrugadadesábado,porvoltadas3h30min, uma guarnição da Polícia Militar de Araranguá rea- lizava uma abordagem de rotina no Centro, quando um homem parou seu veículo em visível estado de embriaguez e desacatou os policiais. Em seguida ele desceudocarro,agrediufisicamenteospoliciaiseain- da quebrou a viatura com chutes. O valentão aceitou fazerotestedoetilômetro,queapresentoucomoresul- tado0,55mg/L,confirmandoaembriaguez.Osujeito recebeu voz de prisão e foi conduzido à delegacia. ³- Na noite de sexta-feira, por volta das 23h30min, uma guarnição da Polícia Militar recebeu denúncia de cárcere privado e lesão corporal, cometido por um homem de 36 anos, contra sua companheira, residente na Praia da Caçamba, em Balneário Arroio do Silva. No local, foi conversado com a mulher que apresentava diversas lesões e confirmou a denúncia. Os policiais ainda encontraram na casa 6,2 gramas demaconhaquepertenciamaohomem.Elefoidetido e conduzido à delegacia. ³-Umamotofoiencontradaabandonada,namanhã desábado,emAraranguá.APolíciaMilitarfoiavisada e recolheu a moto que estava às margens da Rodovia SC 447, no bairro Cidade Alta. No local os policiais militares constataram que tratava-se de veículo com registro de furto. ³- Na tarde de sábado, por volta das 14h30min, a PolíciaMilitardeAraranguárecebeuumadenúnciade que na localidade de Itoupava dois homens jogaram pedras em um veículo e em seguida tentaram entrar portandoumafaca,sendoqueavítimaconseguiufugir atempo. Nolocal,ospoliciaismilitaresabordaramum rapaz de 19 anos e um adolescente, que foram reco- nhecidoscomoosculpadoseconduzidosàdelegacia. ³- O Corpo de Bombeiros de Sombrio atendeu na noitedesegunda-feiraumaocorrêncianapartesuldo BalneárioGaivota,ondeumacasaestavaemchamas. UsandoocaminhãoeaambulânciaAsu,osbombeiros chegaram ao local e iniciaram o combate ao fogo em uma pequena casa. Em poucos minutos a situação foi controlada. RondaPolicial EmAraranguá e Maraca- já outras escolas já foram atendidas. Participaramtambém da atividade o sargento Ferreira, comandante interino do destacamen- to de Polícia Militar de Balneário Arroio do Sil- va, o soldado Marcon e o instrutor do Proerd, cabo Oliveira.
  14. 14. 14 Correio do Sul Quarta-feira, 4 de novembro de 2015 Publicidade
  15. 15. Preparação eNitosubstituiuUesley. A mexida surtiu efeito e a Casa-Lar partiu para cimaeaos25minutosde falta Marcos Nicolletti bateu no ângulo, sem chances para o goleiro, e empatou a partida 1 x 1. Com esse resulta- do os dois times man- tiveram o ritmo sem grandes jogadas. O jogo encerrou em 1 x 1, e as duas equipes somaram mais um ponto na com- petição. O próximo adversá- rio da Casa-Lar será o Irineu. Em principio o jogo está marcado para domingo,dia8,emJoin- ville. MunicípioquertítulogeraldoJerva > sombrio Os Jogos Escolares doValedoAraran- guá (Jerva) podem ser con- siderados a Olimpíada da região, tamanha dedicação dosatletasparaasdisputas eoempenhodosmunicípios em levá-los depois de um ano de treinamento para conquistar títulos e meda- Quarta-feira, 4 de novembro de 2015 ³ 10-24-31-42-48CONCURSO 3.924 QUINA 03/11 ³ 07-15-24-30-32-39 ³ 06-08-22-26-29-36 CONCURSO 1.434 DUPLA SENA 03/11 ³ 01-03-04-07-08 ³ 09-11-12-13-14 ³ 16-18-19-21-23 CONCURSO 1.279 LOTO FÁCIL 03/11 Casa-Lar e Brusque empatam em jogo morno > ArArAnguá A equipe sub-15 da AsA equipe sub-15 da Associação Irmã Car- men(Casa-Lar)jogouna última sexta-feira com o Brusque pela segunda rodada do returno do Campeonato Catarinen- se Infantil – Etapa Lito- ral. O jogo sem muitas emoções acabou empa- tado em 1 x 1. O time ararangua- ense entrou em campo meio perdido, sem se encontrar na marcação, cometendo erros de pas- ses e não conseguiu re- alizar jogadas ofensivas que levassem perigo ao gol adversário. O mau rendimento deu-se pelo cansaço da viagem – cer- cade5horas–etambém pelo campo, que estava bem úmido devido às chuvas que atingiram o Estado nas últimas semanas. “Não conse- guimos desenvolver um bomfutebol,nãocriamos oportunidades, assim como nosso adversário, quepoucochegouaonos- so gol. Assim, o jogo encer- rou empatado no primeiro tempo”, disse o técnico da Casa-Lar, Deivid Fernan- des, mais conhecido por Bolinho. No retorno para o se- gundo tempo a Casa-Lar entrou um pouco mais concentrada e conseguiu fazer boas jogadas. Mesmo melhor,logoaos10minutos o Brusque roubou a bola no meio de campo e de contra-ataque, pelo lado esquerdo, cruzou a bola e de cabeça abriu o placar, 1 x 0 para o Brusque. OtécnicodeAraranguá fez algumas mudanças. Entrou Weuller Silveira no lugar de Bruno Nagel, Para Departamento de Esportes, crescimento nos esportes olímpicos e aumento de projetos potencializam competitividade sombriense lhas, em busca do título geral, no fim da semana de jogos. Sombrio, dono de dois títulos gerais em sua história, busca, em 2015, recuperar a hegemonia, treinando diariamente nos mais variados ginásios e praças desportivas, com professores de educação físicaespecialistasemseus esportes e sob a supervisão doDepartamentoMunicipal de Esportes, que realiza reuniões constantes com os professores em busca de relatórios de seus treinos e de organização burocrática, evitando problemas na reta final que atrapalhem os treinos. Na última semana, os professores se reuniram no DME com o gerente de EsportesFernandoFerreira e trataram de inscrições, convocações de atletas, do- cumentações e uniformes, além da logística que será definida assim que a tabela dos Jerva estiver pronta. Sombrio participará em todas as modalidades e nai- pes,ecomchancesdemeda- lha.“Achoquepoucasvezes estivemos tão fortes. Será umacompetiçãomaisdifícil, temmenosparticipantesem 2015,sim,masestesquevão estãomuitobempreparados e sedentos pela conquista do troféu geral assim como nós”, lembrou Fernando. Paraconquistarotroféu geral o município deve con- quistar o maior número de pontos, que são somados a cada conquista de medalha por modalidade e naipe. Fernando afirma que a competiçãoserácommenos participantes porque até o momento, dos 15 municí- pios do Vale, apenas oito garantiram presença em Balneário Arroio do Silva, cidadequesediaráoevento. “Acorreriadodiaadia, de obras, atendimento aos cidadãos, de percorrer os projetosemandamentonos tira um pouco da possibili- dade de acompanhar mais de perto os treinamentos, mas o Fernando me passa sempre o relatório do an- damento de cada esporte e estamos confiantes que vamos ao Arroio do Silva fazer bonito, não neces- sariamente conquistando troféus e medalhas, mas mostrando espírito compe- titivo e de equipe, de uma cidade unida através da prática das mais variadas modalidades esportivas”, afirma o prefeito, Zênio Cardoso, que completa: “A cidade que sediará o reve- zamentodaTochadosJogos Olímpicos do Rio2016 não pode fazer por menos e o apoio ao esporte é cada vez mais forte em Sombrio.” Time sub-15 vence Copa Mattric > sAntArosAdosul Na noite da última sexta-feira aconteceu em Balneário Gaivota à final do campeonato municipal Sub-15 de futsal.Afinalfoirealiza- da no ginásio de espor- tes da Escola Darcy Ri- beiro.AequipedeSanta Rosa do Sul disputou a final contra o forte time do Villages Dunas e em um jogo emocionante venceu com o placar de 2 a 0. Além de levantar à disputada taça a equipe também revelou outros destaques como o artilhei- ro do campeonato Wesley Daboitt e o goleiro menos vazado Felipe Lummertz. Para o diretor de espor- tes, Elton Melo Teixeira a vitoria foi resultado de investimento pesado no esporte Sul Santaros- sense “Todos os atletas participam do projeto tigrinhos.AAdministra- ção Municipal não tem medidoesforçosparaque possamosdisputartodas as competições. Todo esse esforço só pode re- sultar em vitorias como essa.” Enfatizou Elton
  16. 16. quarta-feira, 4 de novembro de 2015

×