Avaliação e Monitoramento de Projetos              Públicos                Maria Helena Guimarães Castro                  ...
Gestão baseada em evidências                 • Quantas crianças estão fora da escola? Taxas de Diagnóstico       repetênci...
DesafiosAvaliação e monitoramento• Timing político• Alternância de profissionais• Inconstância de regras e procedimentos• ...
Fundação SEADESistemas de indicadores• Sistema IMP: banco de informações municipais.• Indicadores multidimencionais:  • IP...
IPRS – Índice Paulista de            Responsabilidade Social• Indicador reflete o desenvolvimento humano local.• Dimensões...
Tipologia dos município          Riqueza elevada;Grupo 1          Longevidade e escolaridade médias ou altas          Riqu...
Mapa dos municípios paulistas (IPRS 2008)             53º Fórum Nacional de Secretários                                   ...
IPRS nas políticas públicasSecretaria Estadual de Saúde• Diretorias Regionais de Saúde usam o IPRS no  planejamento de açõ...
IPVS – Índice Paulista de            Vulnerabilidade Social• Fornecer visão mais detalhada das condições de vida  dentro d...
Tipologia das áreas (IPVS 2000)               Nenhuma vulnerabilidade:Grupo 1        Dimensão socioeconômica alta         ...
IPVS 2000 – município de São Paulo                                                               Distribuição da População...
IPVS nas políticas públicasSabesp• Tarifas diferenciadas para áreas vulneráveis (IPVS 5 e 6).Secretaria Estadual de Educaç...
Avaliação de impacto• Parceria com a SPDR• Apoio do Banco Mundial• Projeto pretende avaliar diferentes desenhos  de implem...
MUITO OBRIGADA! mhcastro@seade.gov.br
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Avaliação e monitoramento de projetos públicos maria helena guimarães castro

849 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
849
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Avaliação e monitoramento de projetos públicos maria helena guimarães castro

  1. 1. Avaliação e Monitoramento de Projetos Públicos Maria Helena Guimarães Castro Fundação Seade53º Fórum Nacional de Secretários Estaduais do Planejamento
  2. 2. Gestão baseada em evidências • Quantas crianças estão fora da escola? Taxas de Diagnóstico repetência e atraso escolar? • Qual o perfil das famílias? • As crianças estão sendo atendidas?Monitoramento • Com que qualidade? • Em que medida a frequência à escola melhorou o Avaliação aprendizado das crianças? Tomada de • Considerando-se os fatores associados ao aprendizado, quais as prioridades de investimento decisão no ensino fundamental? 53º Fórum Nacional de Secretários 2 Estaduais do Planejamento
  3. 3. DesafiosAvaliação e monitoramento• Timing político• Alternância de profissionais• Inconstância de regras e procedimentos• Dúvidas sobre a pertinência dos indicadores• Instabilidade dos sistemas de informação 53º Fórum Nacional de Secretários 3 Estaduais do Planejamento
  4. 4. Fundação SEADESistemas de indicadores• Sistema IMP: banco de informações municipais.• Indicadores multidimencionais: • IPRS: perfil dos municípios. • IPVS: identificação de áreas vulneráveis.Avaliação de impacto• Parceria com Banco Mundial• Avaliação em sintonia com política pública 53º Fórum Nacional de Secretários 4 Estaduais do Planejamento
  5. 5. IPRS – Índice Paulista de Responsabilidade Social• Indicador reflete o desenvolvimento humano local.• Dimensões: 1. Riqueza: consumo de energia elétrica; remuneração média dos empregados; valor adicionado per capita. 2. Longevidade: mortalidade infantil; mortalidade de 15 a 39 anos; mortalidade de 60 a 69 anos. 3. Escolaridade: alunos em nível adequado na Prova Brasil; atendimento escolar de 4 a 5 anos; distorção idade-série.• Atualização bienal: capta mudanças de curto prazo.• Tipologia de municípios. 53º Fórum Nacional de Secretários 5 Estaduais do Planejamento
  6. 6. Tipologia dos município Riqueza elevada;Grupo 1 Longevidade e escolaridade médias ou altas Riqueza elevada;Grupo 2 Longevidade e escolaridade baixas Riqueza baixa;Grupo 3 Longevidade e escolaridade médias ou altas Riqueza baixa;Grupo 4 Longevidade e escolaridade médias Riqueza baixa;Grupo 5 Longevidade e escolaridade baixas 53º Fórum Nacional de Secretários 6 Estaduais do Planejamento
  7. 7. Mapa dos municípios paulistas (IPRS 2008) 53º Fórum Nacional de Secretários 7 Estaduais do Planejamento
  8. 8. IPRS nas políticas públicasSecretaria Estadual de Saúde• Diretorias Regionais de Saúde usam o IPRS no planejamento de ações e identificação de prioridades locais.Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social• Mapa da ação social: diagnósticos para direcionamento de investimentos na área social. 53º Fórum Nacional de Secretários 8 Estaduais do Planejamento
  9. 9. IPVS – Índice Paulista de Vulnerabilidade Social• Fornecer visão mais detalhada das condições de vida dentro dos municípios.• Componentes: – Socioeconômico: escolaridade e rendimento médio dos chefes de domicílio. – Ciclo de vida familiar: idade dos chefes de domicílio; composição das famílias (crianças, idosos etc.).• Unidade de Área: setores censitários. 53º Fórum Nacional de Secretários 9 Estaduais do Planejamento
  10. 10. Tipologia das áreas (IPVS 2000) Nenhuma vulnerabilidade:Grupo 1 Dimensão socioeconômica alta Vulnerabilidade muito baixa:Grupo 2 Dimensão socioeconômica média ou alta; famílias idosas Vulnerabilidade baixa:Grupo 3 Dimensão socioeconômica média ou alta; famílias jovens ou adultas Vulnerabilidade média:Grupo 4 Dimensão socioeconômica média; famílias jovens Vulnerabilidade alta:Grupo 5 Dimensão socioeconômica baixa; famílias adultas ou idosas Vulnerabilidade muito alta:Grupo 6 Dimensão socioeconômica baixa; famílias jovens 53º Fórum Nacional de Secretários 10 Estaduais do Planejamento
  11. 11. IPVS 2000 – município de São Paulo Distribuição da População (2000) População IPVS % (em mil hab.) 1 - Nenhuma vulnerabilidade 13,9 1.448 2 - Muito baixa 26,8 2.792 3 - Baixa 24,1 2.511 4 - Média 22,3 2.323 5 - Alta 3,4 354 6 - Muito alta 9,5 990 Total 100,0 10.417 53º Fórum Nacional de SecretáriosFonte: IBGE. Censo Demográfico 2000; Fundação Seade. do Planejamento 11 Estaduais
  12. 12. IPVS nas políticas públicasSabesp• Tarifas diferenciadas para áreas vulneráveis (IPVS 5 e 6).Secretaria Estadual de Educação• Concessão do Adicional de Local de Exercício para professores de escolas em áreas vulneráveis.Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social• Planejamento da construção de CRAS e outros equipamentos em áreas de maior vulnerabilidade. 53º Fórum Nacional de Secretários 12 Estaduais do Planejamento
  13. 13. Avaliação de impacto• Parceria com a SPDR• Apoio do Banco Mundial• Projeto pretende avaliar diferentes desenhos de implementação das políticas• Forte engajamento dos gestores das políticas: – Modelo distinto do chamado “top-down” 53º Fórum Nacional de Secretários 13 Estaduais do Planejamento
  14. 14. MUITO OBRIGADA! mhcastro@seade.gov.br

×