Nutricão e Digestão

3.971 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.971
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
192
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Nutricão e Digestão

  1. 1. Professora: Edilene biologolena@yahoo.com.br O SISTEMA DIGESTÓRIO
  2. 2. O SISTEMA DIGESTÓRIO
  3. 3. A DIGESTÃOA digestão é o conjunto das transformações, químicos,mecânicos e químicos, que os alimentos orgânicossofrem ao longo de um sistema digestório,transformando os alimentos em formas possíveisde serem absorvidas pelo organismo. organismo. O sistema digestório, que realiza esta tarefa, écomposto pelo canal alimentar ou tubo digestório anexas.e por várias glândulas anexas.
  4. 4. O SISTEMA DIGESTÓRIOBoca ou cavidade bucalFaringeEsôfagoEstômago - duodenoIntestino delgado jejuno- - jejuno-íleo - cecoIntestino grosso - cólon - retoÂnus
  5. 5. A BOCAA boca também referida comocavidade oral ou bucal é formadapelas bochechas (formam as paredeslaterais da face e são constituídasexternamente por pele einternamente por mucosa), pelospalatos duro (parede superior) emole (parede posterior) e pelalíngua (importante para otransporte de alimentos, sentido dogosto e fala). O palato mole se fala).estende posteriormente na cavidadebucal como a úvula, que é umaestrutura com forma de letra V eque está suspensa na regiãosuperior e posterior da cavidadebucal.bucal.
  6. 6. OS DENTES Os dentes são estruturas cônicas, duras, fixadas nos alvéolos da mandíbula e maxila que são usados na mastigação e na assistência à fala. fala. Crianças têm 20 dentes leite). decíduos (primários ou de leite). Adultos normalmente possuem secundários. 32 dentes secundários.
  7. 7. OS TIPOS DE DENTES
  8. 8. DENTIÇÃO DE LEITE
  9. 9. DENTIÇÃO PERMANENTE
  10. 10. ANATOMIA DO DENTE
  11. 11. A LÍNGUA A língua é o principal órgão do sentido do gosto e um importante órgão da fala, além de auxiliar na mastigação e deglutição dos alimentos. Localiza- alimentos. Localiza-se no soalho da boca, dentro da curva do corpo da mandíbula. mandíbula.
  12. 12. A FARINGEA faringe é um tubo que seestende da boca até o esôfago. esôfago.A faringe apresenta suasparedes muito espessas devidoao volume dos músculos que arevestem externamente, pordentro, o órgão é forrado pelamucosa faríngea, um epitélioliso, que facilita a rápida alimento.passagem do alimento.
  13. 13. ESÔFAGO fibro-músculo-O esôfago é um tubo fibro-músculo-mucoso que se estende entre afaringe e o estômago. Se localizaposteriomente à traquéia começandona altura da 7ª vértebra cervical.Perfura o diafragma pela aberturachamada hiato esofágico e terminana parte superior do estômago.Mede cerca de 25 centímetros decomprimento.
  14. 14. ESÔFAGO
  15. 15. ESÔFAGO – PERISTALTISMO
  16. 16. ESTÔMAGOO estômago está situado noabdome, logo abaixo dodiafragma, anteriomente aopâncreas, superiormente ao fígado.duodeno e a esquerda do fígado. Éparcialmente coberto pelascostelas.costelas. O estômago estálocalizado no quadrante superioresquerdo do abdome (Verquadrantes abdominais no menuprincipal), entre o fígado e o baço. baço.
  17. 17. ESTÔMAGO
  18. 18. ENDOSCÓPIA
  19. 19. DOENÇAS NO ESTÔMAGO
  20. 20. INTESTINO DELGADO delgado,A principal parte da digestão ocorre no intestino delgado, que seestende do piloro até a junção iliocólica (ileocecal), que se reúne com o grosso.intestino grosso.Os principais eventos da digestão e absorção ocorrem no intestinodelgado, portanto sua estrutura é especialmente adaptada para essafunção.função.Sua extensão fornece grande área de superfície para a digestão eabsorção, sendo ainda muito aumentada pelas pregas circulares,vilosidades e microvilosidades. microvilosidades.O intestino delgado retirado numa é de cerca de 7 metros de metros.comprimento, podendo variar entre 5 e 8 metros.
  21. 21. VILOSIDADES E MICROVILOSIDADES
  22. 22. AS PARTES DO INTESTINO DELGADODuodeno:Duodeno: é a primeira porção do intestino delgado. Recebe este delgado.nome por ter seu comprimento aproximadamente igual à largura dedoze dedos (25 centímetros). É a única porção do intestino delgado centímetros).que é fixa. fixa. Apresenta 4 partes: partes:Jejuno:Jejuno: é a parte do intestino delgado que faz continuação aoduodeno, recebe este nome porque sempre que é aberto se apresentavazio.vazio. É mais largo (aproximadamente 4 centímetros), sua parede émais espessa, mais vascular e de cor mais forte que o íleo. íleo.Íleo:Íleo: é o último segmento do intestino delgado que faz continuaçãoao jejuno. Recebe este nome por relação com osso ilíaco. É mais jejuno. ilíaco.estreito e suas túnicas são mais finas e menos vascularizadas que ojejuno.jejuno. O íleo desemboca no intestino grosso num orifício que recebeo nome de óstio ileocecal. ileocecal.
  23. 23. INTESTINO GROSSOO intestino grosso pode ser comparado com uma ferradura, aberta parabaixo, mede cerca de 6,5 centímetros de diâmetro e 1,5 metros decomprimento. ânus.comprimento. Ele se estende do íleo até o ânus.O intestino grosso absorve a água com tanta rapidez que, em cerca de 14 fecal.horas, o material alimentar toma a consistência típica do bolo fecal.O intestino grosso é mais calibroso que o intestino delgado, por issorecebe o nome de intestino grosso. A calibre vai gradativamente anal.afinando conforme vai chegando no canal anal.
  24. 24. INTESTINO GROSSO
  25. 25. grosso.Colo Ascendente – é a segunda parte do intestino grosso. Colo Transverso – é a parte mais larga e mais móvel do intestino grosso.Colo Descendente – ele é contínuo com o colo sigmóide. Colo Sigmóide – sigmóide.é caracterizado pela sua alça em forma de “S”, de comprimento variável. O colo sigmóide – une o colo descendente ao reto.
  26. 26. Ceco – é a porção inicial do intestino grosso. Possui uma ponta chamadaapêndice cecóide ou vermicular.Reto – é a região final do intestino grosso e que termina num orifíciochamado ânus pelo qual as fezes são eliminadas. Entre o colo descente eo reto, o intestino apresenta uma curva chamada S ilíaco.O canal anal apesar de bastante curto (3 centímetros de comprimento) éimportante por apresentar algumas formações essenciais para ofuncionamento intestinal.
  27. 27. APENDICECTOMIA
  28. 28. APÊNDICE
  29. 29. APÊNDICE CECAL
  30. 30. GLÂNDULAS SALIVARES
  31. 31. GLÂNDULAS SALIVARES
  32. 32. GLÂNDULAS SALIVARESAs Glândulas Salivares – São três pares de glândulas que produzem a canais. são:saliva, lançada por meio de canais. Esses três pares são:• Parótidas: Situam-se adiante do ouvido e são as maiores. Situam- Localizam-• Sublinguais: Localizam-se sob a língua.• Submaxilares: Ficam sob o osso maxilar.
  33. 33. GLÂNDULAS SALIVARES chama- caxumba,A inflamação das glândulas salivares chama-se caxumba, caracterizadapor rosto inchado e dolorido.A saliva é um líquido principalmente constituído de água. Serve paraformar o bolo alimentar e inicia o processo digestivo, transformando oamido.
  34. 34. FÍGADO
  35. 35. FÍGADOÉ a maior glândula do corpo humano e situa-se à direita do estômago. situa- estômago.Produz a bile, que é lançada do duodeno. duodeno. amarelo-A bile é um líquido amarelo-esverdeado que se acumula num órgãosituado sob o fígado, chamado vesícula biliar. biliar.Transforma a glicose em glicogênio. glicogênio.
  36. 36. VESÍCULA BILIAR
  37. 37. CÁLCULOSBILIARES
  38. 38. PÂNCREASÉ uma glândula situada atrás do estômago que produz o sucopancreático, lançado no duodeno . O pâncreas produz também ainsulina, sangue.insulina, que é lançada diretamente no sangue. A insulina é produzida pâncreas.por grupos especiais de células do pâncreas. Ela controla a concentraçãoe o aproveitamento do açúcar no sangue. sangue.
  39. 39. PÂNCREAS
  40. 40. PÂNCREAS
  41. 41. PIRÂMIDE ALIMENTAR
  42. 42. Na maioria dos casos, a falta de vitamina causa graves problemas. A listaa seguir mostra as doenças associadas à falta de diferentes vitaminas: Falta de vitamina A: cegueira noturna Falta de vitamina B1: beribéri Falta de vitamina B2: problemas com lábios, língua e pele . Falta de vitamina B3: pelagra 12: Falta de vitamina B12: anemia perniciosa Falta de vitamina C: escorbuto Falta de vitamina D: raquitismo Falta de vitamina E: mal absorção de gorduras, anemia Falta de vitamina K: má coagulação sangüínea, hemorragia interna
  43. 43. Por agora ACABOU....... Volto depois...Com o Sistema Circulatório ... Estudem muito por aqui!!!

×