Curiosidades Lingüíticas IV PontuaçãO

3.601 visualizações

Publicada em

Aula da Prof.Dra.Cibele Mara Dugaich - Curiosidades Linguísticas IV - Pontuação

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.601
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
14
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
353
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Curiosidades Lingüíticas IV PontuaçãO

  1. 1. ESCOLA NACIONAL DE SEGUROS <ul><li>Curiosidades Lingüísticas IV </li></ul><ul><li>Pontuação </li></ul><ul><li>Profa. Dra. Cibele Mara Dugaich </li></ul><ul><li>[email_address] </li></ul>
  2. 2. Curiosidades Lingüísticas Pontuação <ul><li>Para que serve a Pontuação? </li></ul><ul><li>No início, a pontuação era indispensável à leitura dos textos em voz alta porque era comum esse tipo de leitura . </li></ul>
  3. 3. Curiosidades Lingüísticas - Pontuação <ul><li>A partir do Renascimento, com a invenção da imprensa, os hábitos do leitor mudaram e ele passou a ler mais com os olhos. </li></ul><ul><li>O treinamento escolar passou a dar ênfase absoluta para a leitura internalizada. </li></ul>
  4. 4. Curiosidades Lingüísticas - Pontuação <ul><li>É equivocada a idéia que defende que as pausas da fala são assinaladas, na escrita, pelos sinais de pontuação. </li></ul><ul><li>Honaiss define o ponto-e-vírgula como “sinal de pontuação que indica pausa mais forte que a da vírgula e menos que a do ponto”. </li></ul>
  5. 5. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li> A verdadeira função da pontuação é indicar como você quer que o leitor leia o texto . </li></ul>
  6. 6. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Ponto Final </li></ul><ul><li>Assinala a conclusão de um pensamento, sobretudo na linguagem forense. </li></ul><ul><li>Em geral, marca o fim de um período. </li></ul>
  7. 7. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Vírgula </li></ul><ul><li>Na busca de favorecer as pausas que seriam possíveis nos textos orais, os textos escritos acabam ficando cheios de vírgulas inadequadas. </li></ul><ul><li>Ex: NÃO há espaço para a VÍRGULA entre sujeito e predicado. </li></ul>
  8. 8. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Ex: VÍRGULA ERRADO </li></ul><ul><li>O interdito proibitório interposto pela empresa , foi acolhido pelo juiz . </li></ul><ul><li>Quem precisa de crédito na praça , não pode ter seu nome inscrito no Serasa. </li></ul>
  9. 9. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>CORRETO </li></ul><ul><li>Os dois representantes da Associação dos Fiscais Tributários fizeram a entrega do manifesto da categoria ao atual ministro da Fazenda logo após a cerimônia. </li></ul>
  10. 10. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Sujeito + Verbo + </li></ul><ul><li>objeto direto + objeto indireto + </li></ul><ul><li>adjunto adverbial . </li></ul><ul><li>Não há pontuação interna entre esses elementos </li></ul><ul><li>da oração. </li></ul>
  11. 11. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>USA-SE VÍRGULA antes de: </li></ul><ul><ul><li>1. CONJUNÇÕES COORDENADAS e suas divisões: </li></ul></ul>
  12. 12. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Adversativas – mas, porém, todavia </li></ul><ul><li>Conclusivas – logo, portanto, pois </li></ul><ul><li>Alternativas – quer, quer; agora, agora </li></ul><ul><li>Explicativa – isto é, a saber, outrossim </li></ul><ul><li>Exclui-se da regra das alternativas: OU e NEM </li></ul>
  13. 13. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Vírgula </li></ul><ul><li>Na busca de favorecer as pausas que seriam possíveis nos textos orais, os textos escritos acabam ficando cheios de vírgulas inadequadas. </li></ul><ul><li>Ex: NÃO há espaço para a VÍRGULA entre sujeito e predicado. </li></ul>
  14. 14. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Contudo, podemos trazer conjunções no meio dos termos da oração. Nesses casos, a conjunção deverá estar entre vírgulas. </li></ul><ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>Os dois representantes da Associação dos Fiscais Tributários , entretanto, fizeram a entrega do manifesto da categoria ao atual ministro da Fazenda logo após a cerimônia . </li></ul>
  15. 15. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>Os dois representantes da Associação dos Fiscais Tributários , conforme poderá ser confirmado pelos depoimentos, fizeram a entrega do manifesto da categoria ao atual ministro da Fazenda logo após a cerimônia. </li></ul>
  16. 16. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>Os dois representantes da Associação dos Fiscais Tributários fizeram , logo após a cerimônia, a entrega do manifesto da categoria ao atual ministro da Fazenda. </li></ul>
  17. 17. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>Os dois representantes da Associação dos Fiscais Tributários , contudo, fizeram a entrega do manifesto da categoria ao atual ministro da Fazenda logo após a cerimônia. </li></ul>
  18. 18. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>Os dois representantes da Associação dos Fiscais Tributários , ao que consta, fizeram a entrega do manifesto da categoria ao atual ministro da Fazenda logo após a cerimônia. </li></ul>
  19. 19. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>2. CONJUNÇÕES SUBORDINATIVAS </li></ul><ul><li>temporais – quando, enquanto </li></ul><ul><li>condicionais – salvo, exceto se </li></ul><ul><li>causais – porque, visto que, a menos que </li></ul><ul><li>finais – para que, a fim de que, porque </li></ul><ul><li>concessivas – embora, mesmo que, posto que </li></ul><ul><li>proporcionais – à medida que, quanto mais, quanto menos </li></ul><ul><li>conformativas – conforme, consante, de forma que </li></ul><ul><li>consecutivas – que (exigido por advérbio que denote conseqüência) De tal maneira insistiu, que lhe deram o perdão </li></ul>
  20. 20. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>3. Com RELATIVOS – QUE e QUEM </li></ul><ul><li>a) orações explicativas </li></ul><ul><li>b) orações restritivas – para evitar ambiguidade </li></ul><ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>O pasto da propriedade , que fica junto do rio . </li></ul><ul><li>O pasto da propriedade que fica junto do rio . </li></ul><ul><li>Os pastos da propriedade que ficam junto do rio. </li></ul><ul><li>sem (,) - há clareza no sentido – pastos está no plural e o verbo ficar concorda com pastos e não com propriedade. </li></ul>
  21. 21. <ul><li>4. De modo geral – antes de </li></ul><ul><li>QUE e QUEM precedido por preposição </li></ul><ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>Estavam no local , em que se deram os fatos. </li></ul>Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação
  22. 22. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>5. Inversão de oração </li></ul><ul><li>Ex: A Carlos , coube a guarda dos irmãos. </li></ul><ul><li>6. Realçar palavras ou expressões . </li></ul><ul><li>Ex: Rodrigo sentou na sala e ficou , só , perdido em suas lembranças. </li></ul>
  23. 23. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Ex: Rodrigo sentou na sala e ficou , só , perdido em suas lembranças. </li></ul><ul><li>Ênfase: a condição de ter ficado absolutamente SÓ </li></ul><ul><li>Rodrigo sentou, na sala, e ficou só perdido em suas lembranças. </li></ul><ul><li>Ênfase: o local - SALA </li></ul>
  24. 24. <ul><li>7. No caso de orações gerundiais </li></ul><ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>Se não deixarem o local ao toque de recolher , atende ndo às instruções, o prédio será fechado de qualquer forma. </li></ul>Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação
  25. 25. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>8. No caso de zeugma – para indicar supressão de palavras – no caso, geralmente, de um verbo. </li></ul><ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>Ao Pedro coube o dever de sustentar os irmãos; à irmã mais velha, o de fazer deles homens de bem. </li></ul>
  26. 26. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>Várias testemunhas presenciaram a fuga dos assaltantes, em horário de expediente ; o gerente da loja, que estava avaliando o estoque ; a diretora de eventos, que entrava naquele momento. </li></ul>
  27. 27. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Várias testemunhas presenciaram a fuga dos assaltantes, em horário de expediente : o gerente da loja e a diretora de eventos , que entrava naquele momento. </li></ul><ul><li>Quem entrava naquele momento? </li></ul><ul><li>R: O gerente. </li></ul>
  28. 28. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Várias testemunhas presenciaram a fuga dos assaltantes, em horário de expediente: o gerente da loja e a diretora de eventos que entravam naqueles momento. </li></ul><ul><li>Quem entrava naquele momento? </li></ul><ul><li>R: O gerente da loja e a diretora de eventos. </li></ul>
  29. 29. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Várias testemunhas presenciaram a fuga dos assaltantes, em horário de expediente: o gerente da loja e a diretora de eventos que entrava naquele momento . </li></ul><ul><li>Quem entrava naquele momento? </li></ul><ul><li>R: A diretora de eventos. </li></ul>
  30. 30. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>NÃO SE USA VÍRGULA </li></ul><ul><li>Entre: </li></ul><ul><li>Sujeito – Verbo e Complemento </li></ul><ul><li>Orações substantivas integrantes da oração principal </li></ul><ul><li>Ex: Esperamos que eles venham </li></ul>
  31. 31. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>NÃO SE USA VÍRGULA </li></ul><ul><li>ENTRE: </li></ul><ul><li>Orações comparativas: </li></ul><ul><li>Ex: Ela é tão bela quanto a irmã </li></ul><ul><li>E - OU – NEM </li></ul><ul><li>Ex: Ele vai ou fica. Não saiu nem entrou </li></ul><ul><li>Conjunção entre dois verbos: </li></ul><ul><li>Ex: Ligou logo que recebeu o recado. </li></ul>
  32. 32. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>NÃO SE USA VÍRGULA </li></ul><ul><li>ENTRE: </li></ul><ul><li>Orações substantivas </li></ul><ul><li>Ex: Espero que eles tenham lido o processo. </li></ul><ul><li>Orações Comparativas </li></ul><ul><li>Como, quanto, quanta, tal qual, tal , qual </li></ul><ul><li>Ex: Tão suave como uma seda. </li></ul>
  33. 33. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Ponto-e-vírgula </li></ul><ul><li> Para uma relação de itens relativamente simples  vírgulas serão suficientes para separá-los. </li></ul><ul><li>Para frases complexas ou elementos simples misturados com opostos  ponto-e-vírgula. </li></ul>
  34. 34. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Usamos também outras formas para organizar o texto: Enumeração </li></ul><ul><li>Ex: </li></ul><ul><li> A Constituição da República estabelece que as finanças o são de públicas são de iniciativa do Poder Executivo: (1) o plano plurianual; (2) as diretrizes orçamentárias; (3) or orçamentos anuais. </li></ul>
  35. 35. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>O estudo deverá observar: </li></ul><ul><li>a) o histórico do caso; </li></ul><ul><li>b) as defesas </li></ul><ul><li>c) a senteça. </li></ul>
  36. 36. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Usa-se o ponto-e-vírgula quando uma proposição apresenta partes que já estão subdividas por vírgulas e encerra um pensamento que não deve ser dividido por um ponto final. </li></ul>
  37. 37. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>Este tipo de medicamento difere de um outro qualquer vendido sem receita ; porque requer receituário azul e identificação do paciente ou daquele que efetiva a compra. </li></ul>
  38. 38. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>“ Contudo , quem alega a escusa é que deve prová-la ; assim , se a coisa depositada vem a ser destruída por um incêndio , não basta ao depositário comprovar tal ocorrência , que , por si só , não constitui caso fortuito , ou força maior ; é-lhe necessário evidenciar para subtrair a responsabilidade civil que o sinistro se deveu a uma daquelas causas de isenção , por exemplo , uma faísca elétrica” (W. Barros Monteiro , Curso de direito civil , V.5 , p.241) </li></ul>
  39. 39. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Usa-se TRAVESSÃO </li></ul><ul><li>Além do uso comum que é indicativo da mudança de interlocutor, o TRAVESSÃO substitui a vírgula, os dois pontos e o parêntesis quando se deseja dar maior ênfase ao que lhes segue. </li></ul>
  40. 40. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>Usa-se DOIS-PONTOS: </li></ul><ul><li>1. Citação de um trecho </li></ul><ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>Disse a testemunha : “Eu cheguei na hora que ele dizia que ia acabar com a vida dela.” </li></ul>
  41. 41. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>2. Exemplificação </li></ul><ul><li>Ex: </li></ul><ul><li>Palavras variáveis : substantivo, adjetivos, verbo, pronome. </li></ul>
  42. 42. Curiosidades Lingüísticas IV Pontuação <ul><li>3. Para ênfase </li></ul><ul><li>Os dois pontos prenunciam uma idéia ou pensamento. Provocam uma espera, uma curiosidade do leitor. Muitas vezes, a frase ou palavras que lhes seguem estão na condição de ênfase. </li></ul>

×