PROJETO SÉCULO                      XVIIIEducadora: Lourdes RobaloAssistente Operacional: Ludovina Ferreira
Contexto do projetoJardim-de-infância – EB1/JI Manuel Beça MúriasLocalização – OeirasGrupo – 20 crianças com 4 - 5 e 6Fomo...
Situação desencadeadora     O projeto surgiu a partir da história da Cinderela. Conversamos sobre o modo     como as pesso...
Áreas de conteúdo com maior incidência           Através deste projeto foram abordadas todas as Áreas de Conteúdo         ...
Para pesquisar e encontrarem as respostas para “como?” e “onde?”           surgiram algumas sugestões:                    ...
ExecuçãoEscrita:Elaboramos uma carta para os pais e fizemos odesenhoPesquisa:A procura de respostas para as questões foi r...
Outros Domínios envolvidos            Linguagem Oral e Abordagem à Escrita
Expressão Plástica                     (Modelagem)(Pintura)
(Desenho)(Motricidade)
(Dramatização)      Menina da sala da professora Áurea do 3º B      Representação da peça “A Cinderela “sala 1 da Educador...
A Avó Lili que nos ajudou na                                confeção dos fatos.As mães assistiram à peça          A sala d...
(Dobragem)(Matemática)Padrão         Conjuntos
Elaboramos as perguntas que iriamos fazer aos alunos da professoraRutília do 4º A para nos tirar algumas dúvidas que tínha...
No final tivemos direito a um lanchinho oferecido pela professora ealunos do 4º A.
A professora Alice do 5º e 6º ano, veio esclarecer algumas dúvidas           referentes ao século XVIII                   ...
Adereços:Lareira        Coche                RelógioComunicação:                       A comunicação e o                  ...
O Baile da CinderelaO Francisco, como está aprender a tocar violino, tocou o minuete na hora dobaile da Cinderela.        ...
Fizemos uma reunião para avaliarmos o que aprendemos:Este projeto serviu para aprendermos mais sobre este século:      As...
   Aprendi que se fosse uma mulher a mandar na orquestra, chamava-se       maestrina. F.      Aprendi que os príncipes c...
   Eu gostei do teatro, porque fizemos todos e foi giro fazermos em           conjunto. Aprendi que o chapéu de 3 bicos c...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Projeto séc. xviii

876 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
876
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto séc. xviii

  1. 1. PROJETO SÉCULO XVIIIEducadora: Lourdes RobaloAssistente Operacional: Ludovina Ferreira
  2. 2. Contexto do projetoJardim-de-infância – EB1/JI Manuel Beça MúriasLocalização – OeirasGrupo – 20 crianças com 4 - 5 e 6Fomos convidados, pela Diretora do nosso Agrupamento, a participar numprojeto intitulado “Na rota das artes”, que culminará com uma ópera daCinderela, no início do próximo ano letivo.A nossa participação neste projeto foi também o mote para o Carnaval.Como estávamos próximos desta época festiva, fiz uma reunião de pais, paraqual convidei também as avós, com o fim de pedir ajuda para a confeção dosfatos que as crianças iriam usar no dia do desfile. Nessa reunião ficouacordado que as roupas seriam posteriormente guardadas para seremusadas na festa do final do ano letivo, a realizar na escola sede doAgrupamento.Partindo do conto “A Cinderela” de Charles Perrault, propus ao grupo quetrabalhássemos o Séc. XVIIIAs crianças trouxeram histórias da Cinderela, em livros e filmes.Vimos que a mesma história tinha outro nome “A Gata Borralheira”. Fomosfazer a pesquisa para ver o que significava este título. Vimos que queriadizer: os gatos gostam de dormir junto ao lume “borralho” e a Cinderelapassava muito tempo junto à lareira para se aquecer.Pedi ajuda à avó Lili (esta Sra. recebe as crianças no horário da manhã noA.T.L.). Foi ela que confecionou a maior parte dos fatos. E assim começou oprojeto com o nome de ”Século XVIII”.
  3. 3. Situação desencadeadora O projeto surgiu a partir da história da Cinderela. Conversamos sobre o modo como as pessoas se vestiam, os transportes que utilizavam. A partir daí falamos do século em que a história foi escrita (Séc. XVIII). Como as crianças gostam de princesas e de príncipes foi fácil motiva-los para o tema. Surgiram algumas dúvidas: Porque é que os palácios tinham as portas grandes? Naquele tempo não havia estradas? Com a curiosidade e a motivação das crianças estavam criadas as condições para iniciarmos o projeto Havia penicos e loiças antigas. (L.) Havia carros mais antigos. (G.) As danças eram diferentes As malas eram diferentes. (M.V.) das nossas e os chapéus. (L.V.)Nos castelos havia soldados. (R.P.) Havia príncipes e As roupas eram princesas. (J.P.)diferentes. (M.V.) Os camponesesAs portas eram O que pensamos quando não saber…maiores. (R.P.) queriam andar a pé, tinham de andar de carroça. (F.)Os príncipes casavamcom as princesas que ospais escolhiam. (V.) Carroças Havia palácios com antigas. (Leon) empregados. (M.) Havia muitos campos. (L.) Havia reis. (G.) Havia palácios antigos. (L.)
  4. 4. Áreas de conteúdo com maior incidência Através deste projeto foram abordadas todas as Áreas de Conteúdo contempladas nas Orientações Curriculares para a Educação Pré-Escolar. Grandes intenções do projeto Criar hábitos de pesquisa a partir do estudo do Século XVIII Explorar diferentes técnicas de expressão, plástica, dramática e musical; Proporcionar a vivência de um clima democrático baseado no diálogo, na partilha, na cooperação, na interajuda e na solidariedade; Saber que há um tempo cronológico e que existe uma evolução temporal. Envolver toda a comunidade educativa, pais, avós, professores. Ao questionar as crianças sobre o que queriam saber surgiram perguntas que sustentaram este projeto: Porque usavam perucas? (M. C.) Ao questionar as Como eram os transportes? F. Porque é que os professores O que queremos iam aos palácios? (G.) saber… Porque é que as portas dos palácios eram tão grandes?Como viviam os pobres? (R.P.) (Maf) Os colares das princesas eram de diamantes? (G.) Porque é que os príncipes casavam com as princesas? (G.)
  5. 5. Para pesquisar e encontrarem as respostas para “como?” e “onde?” surgiram algumas sugestões: “Ir à internet” “Perguntar à professora de história do 5º e 6º ano” Onde vamos pesquisar? “Procurar na biblioteca” “Fazer perguntas aos avós” “Fazer uma carta aos pais ” “Ver filmes” “Perguntar aos meninos do 4º ano” “Visitar um palácio” Sugeri que pedissem ajuda aos pais, estes poderiam colaborar na procura nos livros e propor outras ideias. Elaboramos em conjunto uma carta que foi ilustrada pelas crianças, a anunciar o início do projeto e a pedir a ajuda necessária. Depois de terem decidido onde iriam pesquisar, sugeri-lhes que explicitassem como gostariam de explorar o tema do século XVIII. Aqui fica a sugestão das crianças: Pintura (R. P.)e desenho (J.P.) Fazer uma aldeia. (R.P.) Bolinhas em pasta de papel para fazer colares e pulceiras. (F.)Ouvir, Recontar e Construir Construir umuma história . Maf. O que queremos fazer… castelo com caixas de cerelac. (Leo.) Fazer sapatos. (M.) Fazer perucas com rolos de papel higiénico e algodão. (V.) Fazer leques. (F.) Fazer dramatização. M.
  6. 6. ExecuçãoEscrita:Elaboramos uma carta para os pais e fizemos odesenhoPesquisa:A procura de respostas para as questões foi realizada em pequenos gruposou individualmente conforme os seus interesses. Também houve respostasde casa.
  7. 7. Outros Domínios envolvidos Linguagem Oral e Abordagem à Escrita
  8. 8. Expressão Plástica (Modelagem)(Pintura)
  9. 9. (Desenho)(Motricidade)
  10. 10. (Dramatização) Menina da sala da professora Áurea do 3º B Representação da peça “A Cinderela “sala 1 da Educadora Lourdes nodia da mãe.
  11. 11. A Avó Lili que nos ajudou na confeção dos fatos.As mães assistiram à peça A sala decorada a Século XVIII, com a ajuda da mãe Joaquina
  12. 12. (Dobragem)(Matemática)Padrão Conjuntos
  13. 13. Elaboramos as perguntas que iriamos fazer aos alunos da professoraRutília do 4º A para nos tirar algumas dúvidas que tínhamos.1º- Os colares das princesas eram de diamantes? G.2º Porque é que as princesas tinham que usar ancas? Maf.3º Havia carrosséis nesse tempo? R.P.4ºPorque é que as roupas eram diferentes? Mª.5ºComo é que as princesas aprendiam se não havia computadores? F.6º Como é que as princesas aprendiam se não havia escolas?7º Havia carochas? V.8º Como é que os camponeses comiam se eram pobres? Maf.9º Porque é que os pais é que escolhiam, com quem as princesas e ospríncipes se casavam? Mª.10º Porque é que as portas eram tão grandes? R.F.11º Porque é que os castelos eram tão grandes? Maf.12º Porque é que os castelos têm bandeira? Lu.13º Como é que os camponeses dormiam? B.14º Como é que as princesas brincavam? G.
  14. 14. No final tivemos direito a um lanchinho oferecido pela professora ealunos do 4º A.
  15. 15. A professora Alice do 5º e 6º ano, veio esclarecer algumas dúvidas referentes ao século XVIII Aprendemos um jogo da época “O Pé lele”Aprendemos como os nobres ornamentavam ascadeiras Visita de estudo ao Palácio de Queluz
  16. 16. Adereços:Lareira Coche RelógioComunicação: A comunicação e o teatro foram realizados para os meninos da sala 2 da educadora Sandra e sala 3 da educadora Ana. Para o 3º B da professora Áurea e 4ºB da professora Rutília.
  17. 17. O Baile da CinderelaO Francisco, como está aprender a tocar violino, tocou o minuete na hora dobaile da Cinderela. Registo de avaliação da comunicação do projeto Tema: Data: Como foi a organização do projecto: Melhorar Bom Fraco Tinha imagens suficientes Na comunicação falaram cada um de sua vez A comunicação serviu para os colegas aprenderem Sala:
  18. 18. Fizemos uma reunião para avaliarmos o que aprendemos:Este projeto serviu para aprendermos mais sobre este século:  As meninas usavam ancas. R.P.  Os professores iam aos palácios. B.  Havia coches. F.  Aprendi sobre 3 compositores, Mozart, Beethoven e Rossini. R.P.  Aprendi que havia jesuítas. B.  O Marquês de Pombal não gostava dos Jesuítas. Leo.  Nós aprendemos a história do Marquês de Pombal. M.  As princesas não podiam amostrar as pernas. J.P.  Os príncipes usavam um chapéu que se chamava tricórnio. J.P. e Maf.  Os príncipes usavam Jabô. J.P.  Aprendi que as princesas usavam saias compridas. I.  Aprendi que o Beethoven chamava-se assim porque os pais nasceram numa terra chamada Beethenover. Lucas  Aprendi que as princesas e os príncipes usavam perucas brancas e dançavam aos saltinhos. M.V.  Aprendi que as chaves e as fechaduras eram muito grandes. F. e I.  Aprendi que os príncipes e as princesas não tomavam banho. M. C.  O que mandava na orquestra tinha uma batuta na mão. R.P.
  19. 19.  Aprendi que se fosse uma mulher a mandar na orquestra, chamava-se maestrina. F.  Aprendi que os príncipes caçavam. J.P.  O que usavam no pescoço era o jabô. J.S. e M.V.  O fato do Marquês de Pombal era pesado porque tinha uns círculos de prata nas mangas. R.P.  Os Srs. tinham de descer as escadas devagar porque usavam salto alto. F.Avaliação final:  Gostei de fazer o teatro, porque eu fui a madrasta e consegui falar. Aprendi que existia jabô. Leo.  Gostei de fazer o teatro porque fiz de cavalo. J.P.  Gostei de fazer o teatro porque não me enganei nas falas. J.S.  Eu gostei porque vieram cá visitas. Não gostava de viver naquele tempo porque as perucas fazem comichão. M.  Eu gostei de dançar no baile. Aprendi que no séc. XVIII não havia máquina fotográfica e para ficar com as fotos tinham que pintar. Aprendi que os camponeses andavam de carroça e os príncipes andavam de coche. F.  Eu gostei da dança que nós fizemos. Uma parte era parecida com o ballet. Não queria viver no séc. XVIII porque queria tomar banho para tomar banho. I.
  20. 20.  Eu gostei do teatro, porque fizemos todos e foi giro fazermos em conjunto. Aprendi que o chapéu de 3 bicos chamava-se tricórnio. B.  Gostei da dança e do teatro. Não gostava de viver naquela época porque não gosto das roupas. V.  Gostei que o F. da professora Áurea viesse tocar o minuete e o violino na ponta parecia do século XVIII. Maf.  Gostei que fizéssemos todos o teatro e porque as roupas eram giras. Aprendi que antigamente não havia eletricidade e que havia liteira. Não gostava de viver naquele tempo porque se fosse rei, tinha de mandar no país e era muito novo. G.  Eu gostava de viver naquele tempo porque não tomava banho. Lu.  Eu não gostava de viver naquele tempo porque tinham muitos piolhos. Mart.  Achei giro porque aprendi coisas, aprendi a numeração romana. R.P.  Gostei porque as princesas e príncipes usavam perucas. M.V.  Gostei de fazer de princesa. Gostava de andar de carroça. Lua. Bibliografia:Ministério da Educação, (1997). Orientações Curriculares para a Educação Pré-Escolar.Vasconcelos, T. (coord.), (2011). Trabalho de Projectos na Educação de Infância: MapearAprendizagens Integrar Metodologias.

×