Produção de Conteúdos de Vídeoem Contexto EducativoSamuel MartinsGabinete de Novas Tecnologias na EducaçãoUniversidade do ...
Programa da Sessão de Formação1. EDUcast: o que é, como se faz e como se   disponibiliza                                  ...
1. EDUcast:   o que é, como se faz e como se disponibiliza?                 ● http://educast.fccn.pt                      ...
1. EDUcast:      o que é, como se faz e como se disponibiliza?● Produção e partilha de conteúdos audiovisuais;● Poucos mei...
1. EDUcast:     o que é, como se faz e como se disponibiliza?● Captura de vídeo e powerpoints;● Canais temáticos;● Brandin...
1. EDUcast:   o que é, como se faz e como se disponibiliza?               ● Eleger um membro do grupo para realizar a     ...
2. Estruturação Básica dos Conteúdos                                [Planeamento]● Utilização de vídeo em contexto educati...
2. Estruturação Básica dos Conteúdos                                                                    [Planeamento]● Fer...
2. Estruturação Básica dos Conteúdos                                 [Planeamento]● Ferramentas para um planeamento e exec...
2. Estruturação Básica dos Conteúdos                                [Planeamento]● Ferramentas para um planeamento e execu...
2. Estruturação Básica dos Conteúdos   [Planeamento]Composição da Imagem EDUCast● Tipos de planos a  utilizar● Planos apro...
2. Estruturação Básica dos Conteúdos                                          [Planeamento]● Ferramentas para um planeamen...
2. Estruturação Básica dos Conteúdos   [Planeamento] ● Exemplos:                                                13
2. Estruturação Básica dos Conteúdos                        ● Cada grupo deve criar um Video Shot-List                    ...
3. Produção de Vídeo   [Kit Audiovisual/Hardware]                                                    15
3. Produção de Vídeo   [Kit Audiovisual/Hardware]                                                    16
3. Produção de Vídeo   [Software]                                    17
3. Produção de Vídeo     [Interface Web]● Criação de canais● Permissões devisualização:         - Produtor         - Feder...
3. Produção de Vídeo   [Workflow EDUCast]                                            19
3. Produção de Vídeo               ● Eleger dois membros do grupo para realizar a               atividade:                ...
4. Disponibilização do Vídeo   [Formatos Finais]                                                   21
4. Disponibilização do Vídeo   [Integração LMS /Websites]                                                     22
4. Disponibilização do Vídeo   [Integração LMS /Websites]                                                     23
4. Disponibilização do Vídeo               ● Eleger membro do grupo para realizar a               atividade:              ...
4. Referências e Dicas Fraser,P. and oram, B. (2003) Teaching Digital Video Production BFI Education Millerson, G. and Owe...
Produção de Conteúdos de Vídeoem Contexto EducativoSamuel MartinsGabinete de Novas Tecnologias na EducaçãoUniversidade do ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Workshop "Produção de Conteúdos Vídeo em Contexto Educativo – EDUCast"

2.060 visualizações

Publicada em

Integrado no Colabora 2012 - Fórum de práticas e-learning na UMinho. Neste workshop apresentou-se os conceitos básicos de produção de um vídeo educacional com o recurso à plataforma EDUCast e o foco na necessidade de conhecer e acompanhar o processo de planificação de um vídeo educativo, como algo fundamental para a sua criação.

Depois de uma breve exposição das principais questões envolvidas na construção de um guião de produção de vídeo, os participantes foram convidados a ver alguns modelos e a produzir um pequeno vídeo (em trabalho de grupo) e posterior apresentação.

Assim, a sessão dividiu-se em várias fases: exposição, exemplificação, discussão aberta, negociação e atividade hands-on de grupo.

Publicada em: Educação
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.060
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
514
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Workshop "Produção de Conteúdos Vídeo em Contexto Educativo – EDUCast"

  1. 1. Produção de Conteúdos de Vídeoem Contexto EducativoSamuel MartinsGabinete de Novas Tecnologias na EducaçãoUniversidade do Porto 1
  2. 2. Programa da Sessão de Formação1. EDUcast: o que é, como se faz e como se disponibiliza Exercícios2. Estruturação básica dos conteúdos práticos Planeamento hands-on : ● Gravar;3. Produção de vídeo ● Editar; Hardware e software Interface web Kit audiovisual ● Publicar.4. Disponibilização do vídeo Formatos finais Integração com LMS ou websites 2
  3. 3. 1. EDUcast: o que é, como se faz e como se disponibiliza? ● http://educast.fccn.pt 3
  4. 4. 1. EDUcast: o que é, como se faz e como se disponibiliza?● Produção e partilha de conteúdos audiovisuais;● Poucos meios técnicos necessários à produção de conteúdosaudiovisuais;● Repositório de vídeo partilhado;● Solução de baixo custo;● Fácil, simples e intuitiva de usar;● Integração dos conteúdos em plataformas digitais e-Learning(LMS, CMS); 4
  5. 5. 1. EDUcast: o que é, como se faz e como se disponibiliza?● Captura de vídeo e powerpoints;● Canais temáticos;● Branding personalizado;● Autenticação Federada RCTS (AAI);● Publicação de vídeos em vários formatos; Flash, Quicktime, iPod 5
  6. 6. 1. EDUcast: o que é, como se faz e como se disponibiliza? ● Eleger um membro do grupo para realizar a atividade; ● Aceder a http://educast.fccn.pt; Atividade(5minutos) ● Selecionar “Entrar”; ● Realizar a autenticação federada AAI; ● Criar um novo canal 6
  7. 7. 2. Estruturação Básica dos Conteúdos [Planeamento]● Utilização de vídeo em contexto educativo:Vídeos com um efeito educativo:Entretenimento, aprendizagem informal (ex: documentários, notícias, etc)Vídeos instrutivos:Vídeo ou sequência televisiva, que com a demonstração de um exemplo espera-se queexista uma réplica por parte de alguém (ex: experiências laboratoriais, receitasculinárias, equações matemáticas, etc).Ex: Videos da Academia Khan;Vídeos educacionais:Relacionado com um curso específico ou objetivos de aprendizagem; Ensino formal; Junçãode conhecimentos de produção audiovisual/estética com os conhecimentos pedagógicos;Skills de produtores e docentes: desafio de conjungar a Estética e o Conteúdo.Ex: Episódios da Rua Sésamo IDEIA ↓ Planeamento da Produção & Objetivos Educacionais ou de Aprendizagem ↓ VÍDEO FINAL 7
  8. 8. 2. Estruturação Básica dos Conteúdos [Planeamento]● Ferramentas para um planeamento e execução adequados:Video Pitch:Documento que permite sensibilizar outras pessoas para o processo de criação do vídeo.Título: Ex: Introdução ao e-learning na U.MinhoTítulo para a produção de vídeoTema ou Ideia: Ex: Este vídeo vai ilustrar alguns aspetos da adoção do e-learning no ensino. Vai comparar umResumo do tema ou da ideia do docente no método clássico de ensino passivo e um estudante. O estudante vai parecervídeo aborrecido na aula. A situação vai demonstrar que os docentes nem sempre pensam que têm de interagir na aula.Público: Ex: O vídeo é destinado à comunidade académica, nomeadamente os docentes. O vídeoIndicar o público-alvo do vídeo: também é aplicável aos estudantes para verificar se consideram que os docentes não estão a utilizar os recursos de e-learning nas suas atividades.Objetivos Educacionais: Ex: Estimular a discussão entre docentes e o uso que fazem do e-learning na sua atividade;Indicar os objetivos educacionais ou Agir como uma ferramenta prática de reflexão para os docentes refletirem como ensinam;de aprendizagem para este vídeo Estimular a discussão entre estudantes no que diz respeito à visão que têm do e-learning na U.Minho.Motivação: Ex: Penso que os docentes ignoram as possibilidades e as oportunidades oferecidas pelosIndicar resumidamente as razões recursos de e-learning para melhorar a motivação dos estudantes e a aprendizagem. Por isso,porque pretende criar este vídeo quero criar um vídeo curto e emotivo que coloque os docentes a pensar nesta questão. Ex: Será um vídeo em aberto para estimular a discussão. Penso utilizar o vídeo como umDesign Educacional: suplemento, precedido por uma breve introdução num evento da comunidade académica eIndicar resumidamente o desenho seguido de discussão. A estética do vídeo relacionar-se-á com o início do séc. XX para mostrareducacional e a estrutura do vídeo a abordagem antiquada que é utilizada normalmente. O estilo será do género clássico, com uma imagem que remete para esta época e com uma abordagem que provoque uma discussão pós-visualização. Ex: Acesso a uma sala de aula tem de ser confirmado;Implementação: Encontrar alguém adequado para desempenhar o papel de docente e de estudante pode serIndicar como pretende produzir este difícil, mas desempenharei eu se for preciso;vídeo e que problemas espera Necessário pesquisar algumas técnicas de filmagem do início do séc. XX para maiorencontrar no processo de produção. autenticidade; Adquirir uma banda sonora e confirmar qual o tipo de copyright mais adequado; Esforço de design, na medida em que deve ser provocador mas não insultuoso. Este facto requer uma atenção redobrada na edição; 8
  9. 9. 2. Estruturação Básica dos Conteúdos [Planeamento]● Ferramentas para um planeamento e execução adequados:Video Treatment ou Video Shot-List:Consiste em colocar num quadro em papel (sobre a forma de notas) toda a informaçãoescrita e oral que se pretende colocar no vídeo, geralmente com uma descriçãográfica, uma indicação do tipo de som, e a duração do plano. Ajuda-nos a pensar aquiloque queremos gravar e a forma como queremos que o som resulte com essas imagens. 9
  10. 10. 2. Estruturação Básica dos Conteúdos [Planeamento]● Ferramentas para um planeamento e execução adequados:Storyboard:É uma sequência de desenhos e imagens que são utilizados para representar os planos quese pretendem filmar para o vídeo. Idealmente, o storyboard deve ser a versão em papel dovídeo. Ao contrário da Shot List, o Storyboard mostra-nos efetivamente para onde devemosapontar a câmara durante uma filmagem. Os storyboards dão muito trabalho e são quaseimpraticáveis para vídeos longos. Quanto mais se pratica na sua construção, melhor setornará. Não precisa de ser uma grande artista. A ideia é comunicar o que se pretendee mostrar os planos de filmagem que pretendemos incluir na sequência do vídeo. 10
  11. 11. 2. Estruturação Básica dos Conteúdos [Planeamento]Composição da Imagem EDUCast● Tipos de planos a utilizar● Planos aproximados de púlpito● Planos gerais em auditório 11
  12. 12. 2. Estruturação Básica dos Conteúdos [Planeamento]● Ferramentas para um planeamento e execução adequados:Storyboard EDUCast:Permite-nos adequar as características típicas de um storyboard, com as característicastípicas da tecnologia EDUCast. Imagem Vídeo Imagem Computador Som Duração 1 e-learning Orador: “Bem-vindos à apresentação do programa de e-learning da U.Minho” 00:05 Máquina XPTO Pontos-chave do funcionamento: Orador: “E agora podem ver em 2 Azul pormenor este pequeno exemplo do 01:00 Amarelo equipamento (…) em funcionamento” Branco Exemplo: (Vídeo Web) Orador: “Com o auxílio de outra pessoa 3 passamos para a etapa complementar 00:35 que consiste (…) até finalizar”. 5 …. …. …. …. 6 …. …. …. …. 7 …. …. …. …. 12 8 …. …. …. ….
  13. 13. 2. Estruturação Básica dos Conteúdos [Planeamento] ● Exemplos: 13
  14. 14. 2. Estruturação Básica dos Conteúdos ● Cada grupo deve criar um Video Shot-List EDUCast para um vídeo com as seguintes características: ● 3 minutos de duração máxima; Atividade(20minutos) ● Tema à escolha do grupo; ● Pode incluir apresentação de computador (ex: PowerPoint, Prezi, Website, etc) Imagem Vídeo Imagem Computador Som Duração 1 Plano geral do orador Slide do título da apresentação. - 00:02 2 Apresentação do tema Mostrar o slide 1 do PowerPoint; Voz do orador 00:10 com imagem do orador 3 Apresentação do Abrir website Google e mostrar a Voz do orador 00:20 conteúdo principal com pesquisa “E-learning U.minho”; imagem do orador 4 Apresentação do Voltar à apresentação Voz do orador 00:10 conteúdo principal com PowerPoint e ao slide 2. Exemplo imagem de um objeto. EDUCast 5 Volta a imagem para o Passar para o slide 3 do Voz do orador 01:30 orador apresentando o PowerPoint; conteúdo. 6 Realizar um plano Manter o slide 3 do PowerPoint, Voz do orador 00:15 apertado do orador. 7 Terminar com um zoom- Passar para o slide 4 do Voz do orador 00:10 out do orador. PowerPoint; 8 …. …. …. 9 …. …. …. 10 …. …. … 14 11 …. …. ….
  15. 15. 3. Produção de Vídeo [Kit Audiovisual/Hardware] 15
  16. 16. 3. Produção de Vídeo [Kit Audiovisual/Hardware] 16
  17. 17. 3. Produção de Vídeo [Software] 17
  18. 18. 3. Produção de Vídeo [Interface Web]● Criação de canais● Permissões devisualização: - Produtor - Federação - Instituição - Público● Criação do canal - Testes - Produção● Edição online 18
  19. 19. 3. Produção de Vídeo [Workflow EDUCast] 19
  20. 20. 3. Produção de Vídeo ● Eleger dois membros do grupo para realizar a atividade: ● Docente; ● Apoio à produção; Atividade ● Confirmar a disposição correta do equipamento(30 minutos) EDUCast; ● Gravar a sessão; ● Realizar o upload do vídeo para o servidor EDUCast; 20
  21. 21. 4. Disponibilização do Vídeo [Formatos Finais] 21
  22. 22. 4. Disponibilização do Vídeo [Integração LMS /Websites] 22
  23. 23. 4. Disponibilização do Vídeo [Integração LMS /Websites] 23
  24. 24. 4. Disponibilização do Vídeo ● Eleger membro do grupo para realizar a atividade: ● Aceder ao backoffice EDUCast (http://educast.fccn.pt) ● Aceder ao vídeo recentemente colocado no servidor EDUCast; Atividade(20 minutos) ● Adicionar a informação básica sobre o vídeo (título, subtítulo, data e orador); ● Editar o vídeo: cortar o momento inicial e o momento final, se tal for necessário; ● Guardar e Exportar o vídeo; 24
  25. 25. 4. Referências e Dicas Fraser,P. and oram, B. (2003) Teaching Digital Video Production BFI Education Millerson, G. and Owen, J. (2008) Video Production Handbook Fourth Edition, Focal Press Watts, H.(1997) On Camera: Essential Know-how for programme makers AAVO Publishing Telg, R.(1995) The “mindset evolution” of television production specialists in distance education Journal of Distance Education, vol. 10, nº 2, 1995, pp.57-72 •Escolher uma câmara de vídeo: (Portabilidade, mobilidade, qualidade de imagem, zoom, som, visualização, controlo) VÍDEO: https://vimeo.com/17853047 • Técnicas básicas de filmagem: (Baterias, memória, cuidados com lentes, rotação vertical e horizontal, iluminação, planeamento dos planos de imagem, movimentos, composição, etc) VÍDEO: https://vimeo.com/17853099 • Técnicas básicas de edição: (Transferência de ficheiros, organização, salvaguarda, programas de edição básicos e gratuitos, layout geral dos programas de edição, texto, som, transições e exportação) VÍDEO: https://vimeo.com/17853140 25
  26. 26. Produção de Conteúdos de Vídeoem Contexto EducativoSamuel MartinsGabinete de Novas Tecnologias na EducaçãoUniversidade do Portogatiup@reit.up.pt 26

×