Brasil revoltas nativistas

1.579 visualizações

Publicada em

Revoltas nativistas, aclamação de Amador Bueno, emboabas, Beckman, mascates, Filipe dos Santos.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.579
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
57
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Brasil revoltas nativistas

  1. 1. REVOLTAS NATIVISTAS ( SÉCS. XVII – XVIII )
  2. 2. 1. Por que revoltas nativistas? o Nativo = da terra. o Revoltas regionais/localizadas por razões particularizadas. o Em nenhuma delas houve a proposta de independência ou de ruptura do Pacto Colonial.
  3. 3. 2. Origens: o A Insurreição Pernambucana uniu os nordestinos na luta contra os holandeses (1654). o O fato estimulou o nativismo já que os nordestinos defenderam seus interesses regionais contra a política da Metrópole.
  4. 4. 3. A – Aclamação de Amador Bueno da Ribeira (1641) o Fim da União Ibérica (1640). o Garcias(portugueses) e Camargos (espanhóis) entram em atrito. o Jesuítas e bandeirantes divergem sobre a questão indígena. o Amador Bueno eleito rei de S.P.
  5. 5. B – Revolta de Beckman (1684) o Maranhão – Irmãos Beckman. Fatores: o Falta de suprimentos e escravos. o Igreja protegia os índios. o Atritos entre colonos e jesuítas. o Colonos exigiram providências.
  6. 6. Manuel Beckman (1684)
  7. 7. Cia. Geral de Comércio do Maranhão: o Prometeu escravos/suprimentos para desenvolver a região. o O não cumprimento das metas gerou atritos com os colonos. o A má administração na crise opôs os colonos contra a empresa.
  8. 8. C – Revolta dos Emboabas o Minas Gerais – 1708/1709. o Bandeirantes Paulistas entraram em atrito com os Emboabas, que eram os forasteiros. Causas: o Disputa pela posse das minas. o Controle do comércio na região.
  9. 9. Violência e crise: o Após lutas violentas os paulistas foram derrotados e fugiram para o Mato Grosso onde abriram outra frente de garimpo. o O Rei fez uso da repressão. o O rei uniu duas Capitanias: São Paulo e Minas Gerais.
  10. 10. D – Guerra dos Mascates: o Pernambuco – 1710/1712. o Mascates (comerciantes): Recife. o Senhores de engenho: Olinda. Causas: o Endividamento da nobreza. o Recife exigia o status de Vila.
  11. 11. Desfecho do movimento: o Os mascates portugueses de Recife, apoiados pelo governador Sebastião de Castro Caldas, foram beneficiados com o “status” de Vila e entraram em choque com a nobreza de Olinda. o Recife tornou – se Vila e capital de Pernambuco.
  12. 12. E – Revolta de Vila Rica (MG): Filipe dos Santos – 1720. Causas: o Contra o quinto e as Casas de fundição. o Filipe dos Santos foi enforcado. o Separação das Capitanias de São Paulo e Minas Gerais.

×