Brasil mineração séc. XVIII

2.384 visualizações

Publicada em

Brasil: Mineração séc. XVIII.

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.384
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
19
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
45
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Brasil mineração séc. XVIII

  1. 1. BRASIL COLONIAL MINERAÇÃO (SÉC. XVIII)
  2. 2. 1 – Introdução:o Crise no açúcar.o Crise no Mercantilismo.o Capitalismo Industrial em expansão.o A mineração dinamizou a economia colonial.
  3. 3. 2. Ouro de Aluvião:o Encontrado no leito dos rios.o Baixo nível técnico.o Esgotamento rápido.Formas de exploração:Faiscaçãoo Garimpo no leito dos rios.
  4. 4. Lavras:o Barranco ou subsolo.o Alta tecnologia.o Mão – de – obra escrava.o Baixa produtividade.o Somente com concessão.o Monopólio real.
  5. 5. 3. Administração:A – ÓrgãosIntendência das Minaso Controle, arrecadação, fiscalização.Casas de Fundiçãoo Fundir, quintar, fiscalizar.
  6. 6. B – Impostos:Quintoo 1/5 do ouro era do Rei para a Cota de 100arrobas/ano.Fintao Cobrado por estimativa para a meta de 100 arrobas/ano.
  7. 7. Capitação:o Cobrava – se 17 gr/ escravo.Derrama:o Cobrança forçada dos quintos atrasados.o Os Fiscais do Rei invadiam as casas confiscando coisas de valor até atingir 100 arrobas.
  8. 8. 4. Consequências:o Surto demográfico.o Urbanização.o Dinamizou comércio interno.o Sociedade diversificada e flexível ( mobilidade social ).o Trabalho livre.
  9. 9. o Mudança da Capital para o Rio de Janeiro em 1763.o Barroco mineiro: Aleijadinho e Mestre Valentim.o Aumentou a intervenção do Estado na economia colonial.o O ouro se esgotou, deixando a região de Minas em crise.
  10. 10. Tratado de Methuen (1703)o Portugal se obrigava a vender azeite, vinho e pescado da Inglaterra e a comprar seus tecidos, bem mais caros.o O ouro brasileiro cobria os “déficits” comerciais apoiando a Revolução Industrial inglesa.

×