Absolutismo monárquico

1.408 visualizações

Publicada em

absolutismo monarquico, teóricos absolutistas, maquiavel, jacques bossuet, thomas hobbes, jean bodin.

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.408
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Absolutismo monárquico

  1. 1. ABSOLUTISMOMONÁRQUICO
  2. 2. SÍMBOLOS DO ESTADOE DO PODER ABSOLUTODOS REIS
  3. 3. LUÍS XIV:(REI SOL)REI DA FRANÇASÍMBOLO DEABSOLUTISMODE DIREITODIVINO
  4. 4. Entende –se por ABSOLUTISMOo sistema em que o rei,ao encarnar o ideal nacional,assume (por direito e de fato)os atributos da soberania:Poder de DECRETAR LEIS,de FAZER JUSTIÇA,de ARRECADAR IMPOSTOS,de MANTER EXÉRCITOS,de NOMEAR FUNCIONÁRIOS,de GOVERNAR ABSOLUTAMENTE.MAURICECROUZET
  5. 5. 1. Conceito:o Forma típica de governo dasMonarquias Nacionais.o Todos os poderes concentradosno Rei, que acumulava funções deExecutivo, Legislativo, Judiciário.o O rei governava absolutamentecom poderes de criar leis e julgare fiscalizar o seu cumprimento.
  6. 6. 2. Características:A – Política:o Autocracia.o Repressão.o Despotismo.o Tirania.o Absolutismo.
  7. 7. B – Economia:Mercantilismoo Regras adotadas pelo Estadopara intervenção na economia.o Monopólios, protecionismos,balança comercial favorável.o Objetivo: acúmulo de metaispreciosos.
  8. 8. C – Sociedade:o Burguesia aliou – se ao rei nacentralização política.o No Estado absolutista evoluiupara uma sociedade de classes ouordens (estamental).o Nobreza e Clero privilegiados.o Povo (burguesia, camponeses)era explorado.
  9. 9. CleroAlto e BaixoNobrezaPovo:burguesiacamponeses
  10. 10. 3. Fatores motivadores:A – Socioeconômicoso Aliança rei e burguesia.o Ao rei as terras, à burguesia o fimdo individualismo feudal.B – Políticoso Reforma abalou o poder da Igrejae fortaleceu reis e Estados.
  11. 11. C – Culturaiso O Renascimento estimulou oestudo das leis (direito).o O Direito Consuetudinário foisubstituído por teorias e leis quelegitimavam o Absolutismo comodireito divino.
  12. 12. D – Outros:o Guerras, fome e revoltas queabalaram a Europa transformaramo rei num herói ou salvador.o O Estado mantinha um Exércitopermanente como base de apoio.o Criou – se uma identidade nacionalvinculada ao rei.
  13. 13. 4. Teoria do Direito Divino:o Defendia que a origem do poderreal seria divina.o O Rei, considerado Deus ou seurepresentante, não prestava contasa nenhum mortal.o Somente Deus seria capaz dejulgar o rei e seus atos.
  14. 14. 5. Teóricos absolutistasA – Maquiavel (1469/1527)o Pai da teoria política.o Defesa de um Estado forte e livreda Igreja Católica.o Isolou a moral individual da moralpública.o Obra: O Príncipe.
  15. 15. “Os fins justificam os meios.”“O Príncipe deve ser antestemido, depois amado.”
  16. 16. B – Jean Bodin (1530/1596)o Rei seria um soberano perpétuo.o Defendeu o direito divino do rei.o O inimigo do rei seria inimigo daordem e do progresso.o O respeito ao rei seria como orespeito ao pai.o Obra: A República.
  17. 17. C – Jacques Bossuet (1627/1704):o Defendeu o direito divino do rei.o O rei seria predestinado por Deuspara governar.o Só Deus seria capaz de julgar orei e seus atos.o O rei possuía todos os poderes:Absolutismo.
  18. 18. “Um rei, uma fé, uma lei.”“O trono real não é o de um homemé o trono de Deus.”o O pensamento de Bossuet.
  19. 19. D – Thomas Hobbes (1588/1679):o No princípio era a guerra de todoscontra todos.o Em busca de paz o homem abriumão de sua liberdade em troca desegurança que só o Estado poderialhe oferecer.o Pretexto para a concentração depoderes (Absolutismo).
  20. 20. Obra: O Leviatã“O homem é lobo do homem.”“O homem é egoísta pornatureza.”A luta humana consisteem buscar maior prazer,menor dor.”o O pensamento de Hobbes.

×