Sistema de tratamento_para_dejetos_suinos

2.021 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.021
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
47
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
79
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Sugiro que todos os títulos dos slides nro 2 em diante estejam centralizados. A propósito, em algum momento do trabalho vc tratou a questão do consumo de gás (que deve ser relevante)? Caso negativo, este já deve ser um primeiro ajuste a incluir no trabalho e ficarmos preparados para a banca...
  • Relacionar os principais momentos/tópicos da apresentação que devem coincidir com os principais tópicos do trabalho escrito.
  • Durante a apresentação vc deverá dizer muito brevemente o que vc discutiu em cada tópico. Por exemplo, em terminologias, vc deve dizer quais foram as terminologias que vc abordou.
  • Penso que este slide deve ser dividido em três. No primeiro vc coloca as principais características da entidade estudada. No segundo, vc coloca os objetos de custeio e as características deles (cardápios, quantos dias de cardápios, quantos cardápios diferentes etc). No terceiro vc coloca um quadro com as classificações dizendo que tipos de itens entraram em cada classificação (custo, despesa, cf, cv, cd, ci). Não precisa citar todos, mas alguns que a platéia possa identificar que tipos de custos entram em cada categoria.
  • Vc não acha que antes deste slide deveria ter um com as principais características da composição da receita?
  • Sistema de tratamento_para_dejetos_suinos

    1. 1. SISTEMA DE TRATAMENTO PARA DEJETOS SUÍNOS Célia Martelli Biazebete Angela Cristina Aguiar Setembro/2010
    2. 2. Estrutura da Apresentação <ul><li>Objetivo da pesquisa; </li></ul><ul><li>Referencial Teórico; </li></ul><ul><li>Sistema UMAC </li></ul><ul><li>Conclusões . </li></ul>
    3. 3. Objetivo Geral <ul><li>Apontar soluções para o problema causado ao meio ambiente, quanto aos dejetos suínos, que possuem um alto índice poluidor devido a sua composição química. </li></ul>
    4. 4. Referencial Teórico <ul><li>Suinocultura: </li></ul><ul><ul><ul><li>Brasil </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Paraná </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Santa Catarina </li></ul></ul></ul><ul><li>Quantidade produzida de dejetos </li></ul>
    5. 5. Referencial Teórico <ul><li>Preocupação com os dejetos </li></ul><ul><li>Impacto ambiental causado pelos dejetos suinos: </li></ul><ul><ul><ul><li>Saúde do homem e animais; </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Corroem equipamentos e edificações </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Elevados níveis de matéria orgânica, nitrogênio, fósforo, sais e bactérias. </li></ul></ul></ul>
    6. 6. Referencial Teórico Método Tradicional de Tratamento dos Dejetos <ul><li>Aplicação direta no solo; </li></ul><ul><li>Tratamento através de esterqueiras </li></ul><ul><li>Problemas causados </li></ul>
    7. 7. Sistema UMAC <ul><li>O que é o Sistema UMAC? </li></ul><ul><li>Funcionamento do sistema; </li></ul><ul><li>Instalação </li></ul>
    8. 8. Sistema UMAC Máquina utilizada no tratamento dos dejetos
    9. 9. Sistema UMAC <ul><li>Matéria-prima para a produção do substrato; </li></ul><ul><li>Utilização dos dejetos suinos como adubo orgânico; </li></ul><ul><li>Vantagens da utilização do adubo orgânico </li></ul>
    10. 10. Sistema UMAC Adubo orgânico obtido a partir do processo UMAC
    11. 11. Conclusão <ul><li>Cumprimento do objetivo da pesquisa; </li></ul><ul><li>Vantagens do processo apresentado; </li></ul><ul><li>Vantagens para o suinocultor . </li></ul>
    12. 12. Contato <ul><li>Célia Martelli Biazebete: </li></ul><ul><li>e-mail: [email_address] </li></ul><ul><li> [email_address] </li></ul><ul><li>Angela Cristina de Aguiar: </li></ul><ul><li>e-mail: [email_address] </li></ul>

    ×