Sala de educador

1.555 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.555
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sala de educador

  1. 1. SALA DE EDUCADOR
  2. 2. O que é ser educador?
  3. 3. O_Olhar_do_Educador.flv
  4. 4. Sala de Educador OBJETIVO: Fortalecer a escola como lócus de formação continuada. A Formação no Projeto Sala de Educador deve ter como foco a melhoria do ensino e aprendizagem .
  5. 5. EIXOS DO PROJETO SALA DE EDUCADOR ENSINO melhoria da prática pedagógica APRENDIZAGEM Melhoria do “desempenho” dos alunos Ação-reflexão –ação= Práxis
  6. 6. Desafios - elaborar projetos que atendam as necessidades didático-pedagógicas dos professores e gestores, em sua área de atuação, pois é preciso avançar no sentido de que os resultados sejam visíveis na aprendizagem dos alunos.
  7. 7. Avanços: 2009 e 2010 - empenho demonstrado pelas escolas em fortalecer o processo de formação continuada dos professores. - preocupação com o pedagógico.
  8. 8. Sugestão de roteiro para elaboração do Projeto Sala de Educador
  9. 9. CAPA <ul><li>Deve conter: </li></ul><ul><li>Nome do orgão responsável pela manutenção da instituição </li></ul><ul><li>Nome da escola </li></ul><ul><li>TÍTULO ( deve dar uma idéia clara e concisa do(s) objetivo(s) do projeto). </li></ul><ul><li>Local e data </li></ul>
  10. 10. Folha de rosto <ul><li>Deve conter: </li></ul><ul><li>Nome do orgão responsável pela manutenção da instituição </li></ul><ul><li>Nome da escola </li></ul><ul><li>Título </li></ul><ul><li>Identificação( projeto apresentado a…) </li></ul><ul><li>Local e data </li></ul>
  11. 11. DIAGNÓSTICO <ul><li>Deve descrever com detalhes a região (escola e entorno) onde vai ser implantado o projeto, o diagnóstico do problema pedagógico que o projeto se propõe a solucionar, a descrição dos antecedentes históricos e pedagógicos do problema, relatando os esforços já realizados ou em curso para resolvê-lo. </li></ul><ul><li>Leitura de dados: Prova Brasil, ENEM </li></ul>
  12. 12. Justificativa A justificativa deve apresentar respostas a questão POR QUÊ? <ul><li>Caracterização do problema </li></ul><ul><li>A elaboração de um projeto se dá introduzindo o que pretendemos resolver, ou transformar. </li></ul><ul><li>Aqui deve ficar claro que o projeto é uma resposta a um determinado problema percebido e identificado pela comunidade </li></ul><ul><li>Algumas perguntas que podem ajudar a responder esta questão: </li></ul><ul><li>-         Qual a importância desse projeto para a melhoria do processo de ensino aprendizagem? </li></ul><ul><li>-         Quais os benefícios pedagógicos a serem alcançados pela comunidade e os resultados esperados? </li></ul>
  13. 13. OBJETIVO A especificação do objetivo responde as questões: PARA QUE? e PARA QUEM? <ul><li>OBJETIVO GERAL: </li></ul><ul><li>Corresponde ao produto final que o projeto quer atingir interligado ao tema central. </li></ul><ul><li>Deve expressar o que se quer alcançar pedagogicamente , ultrapassando inclusive o tempo de duração do projeto. </li></ul><ul><li>O projeto não pode ser visto como fim em si mesmo, mas como um meio para alcançar um fim maior. </li></ul><ul><li>Iniciam com verbos no infinitivo: (Contribuir, Identificar, Reconhecer...) </li></ul>
  14. 14. Referencial Teórico <ul><li>Embasamento em autores que servem de referência para o desenvolvimento do projeto. </li></ul><ul><li>Fundamentação. </li></ul><ul><li>Pode-se propor um trabalho coletivo: por área, por disciplina, por ciclo, por projetos = subprojetos. </li></ul>
  15. 15. <ul><li>Como essa teoria vai auxiliar na melhoria do processo de ensino aprendizagem desse lócus. Deve-se sendo estudado nos encontros. Fazer um link entre referencial e prática nos encontros. </li></ul>
  16. 16. METAS Perguntar: O que queremos? Para que o queremos? Quando o queremos? <ul><li>São os resultados parciais a serem atingidos e neste caso podem e devem ser bastante concretos expressando quantidades e qualidades dos objetivos, ou QUANTO será feito. </li></ul>
  17. 17. <ul><li>Cada objetivo específico deve ter uma ou mais metas. Quanto melhor dimensionada estiver uma meta , mais fácil será definir os indicadores que permitirão evidenciar seu alcance. </li></ul>
  18. 18. O que pretendemos atingir em 80 horas de estudo?
  19. 19. Metodologia responde, a um só tempo, as questões COMO? COM QUE? ONDE? QUANTO?
  20. 20. A Metodologia deve corresponder às seguintes questões: a)      Como o projeto vai atingir seus objetivos? b)      Como começarão as atividades? c)      Como serão coordenadas e gerenciadas as atividades?
  21. 21. d)      Como e em que momentos haverá a participação e envolvimento direto do grupo? ( ciclo ou em área de conhecimento e o todo) Deve se descrever o tipo de atuação a ser desenvolvida; diagnóstico, intervenção. Um projeto pode ser considerado bem elaborado quando tem metodologia bem definida e clara.
  22. 22. É a metodologia que vai dar aos professores, a certeza de que os objetivos do projeto realmente tem condições de serem alcançados. Portanto este item deve merecer atenção especial por parte das instituições que elaborarem projetos.
  23. 23. Uma boa metodologia prevê três pontos fundamentais: a gestão participativa, o acompanhamento técnico sistemático e continuado e o desenvolvimento dos projetos de intervenção .
  24. 24. Avaliação <ul><li>Como será feito esse processo avaliativo na escola pelos professores participantes do projeto? </li></ul><ul><li>Avaliar o progresso dos projetos de intervenção. </li></ul>
  25. 25. Cronograma responde a pergunta QUANDO? <ul><li>Os projetos, como já foi comentado, são temporalmente bem definidos quando possuem datas de início e término preestabelecidas. As atividades que serão desenvolvidas devem se inserir neste espaço de tempo. </li></ul>
  26. 26. Como pode ser? Datas Previstas Atividades 21/05/2010 Sequência didática. Elaboração de projeto de intervenção para 7º e 8º ano 4hs 17:30 às 19:30 Solicitação da presença do CEFAPRO Ministrantes: Professora Leila da Cunha Souza
  27. 27. O cronograma é a disposição gráfica das épocas em que as atividades vão se dar e permite uma rápida visualização da sequência em que devem acontecer. Especificar quanto a necessidade de orientação e intervenção dos formadores do CEFAPRO , com data e assunto a ser explanado.
  28. 28. Revisão bibliográfica <ul><li>Referências bibliográficas que possam conceituar o problema, ou servir de base para a ação, podem e devem ser apresentadas. </li></ul><ul><li>Cada subprojeto terá uma bibliografia específica: por área, por disciplina, por ciclo, por projetos (subprojetos). </li></ul>
  29. 29. ELEMENTOS ESSENCIAIS: Autor, título da obra, local, editora, ano de publicação. Como fazer referências? Livros SOBRENOME, Prenome. Título: subtítulo. Local: Editora, ano da publicação. WEISS, D. Como escrever com facilidade. São Paulo: Círculo do livro, 2002. Teses e Dissertações SOBRENOME, Prenome. Título: subtítulo. Local: Instituição, ano. Indicação de Tese ou dissertação, Orientador. Nome do curso ou programa . OTT, M. Tendências Ideológicas no Ensino. Porto Alegre: UFRGS, 2003. Orientador: Dr. Hilário Bohn. Tese – Programa de Pós-Graduação em Educação, UFRGS.
  30. 30. DOCUMENTOS EM MEIO ELETRÔNICO (SITES) Para a referência de qualquer tipo de documento, deve-se proceder da mesma forma como indicado nas obras convencionais, acrescentando o URL completo do documento na Internet, entre os sinais < >, antecedido da expressão: Disponível em: e seguido da informação: Acesso em: data Assim... GUNCHO, M. R. A educação a distância e a biblioteca universitária. Anais eletrônicos. Recife: UFPe, 2001. Disponível em <http://propesp.ufpe.br/anais.htm> Acesso em: 21 fev, 2008.
  31. 31. CD-Rom O mesmo procedimento... AUTOR, Título. Local: Editora, data. Tipo de mídia SILVA, J. Histórias Infantis. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.  CD-ROM . Indicação do tipo de mídia
  32. 32. anexos <ul><li>Sub-projetos </li></ul>

×