Artigo horta

322 visualizações

Publicada em

Artigo

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
322
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
107
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Artigo horta

  1. 1. ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL DALVINHA MARTINS PÁBOLA DALPRAI RESUMO Na atualidade, com as crianças envolvidas diariamente com alimentos não saudáveis no seu dia a dia, a instituição de ensino por sua vez passa a ter o papel de orientar e influencia-los a ingerir alimentos saudáveis. Desta forma, nada mais correto do que apresenta-los de forma lúdica para estes novos gostos a serem descobertos, envolvendo-os em uma vida mais saudável e repleta de significados. Palavras - Chave: Alimentação saudável. Escola. Atualidade. ABSTRC Today, with the children directly involved with unhealthy foods in your daily life, the educational institution in turn is replaced by the role to guide and influence them to eat healthy foods. Thus, nothing more accurate than present them in a playful way for these new tastes to be discovered by involving them in a healthier life and full of meanings. Key - Words: Healthy eating. School. Today. JUSTIFICATIVA A alimentação é uma característica marcante entre as culturas existentes, em uma determinada região. A permanência dos hábitos alimentares é cultural, aprendida e transmitida nas famílias. Esse padrão alimentar este vinculado diretamente aos recursos ambientais e econômicos. A escola é um local primordial para a promoção da saúde, e esta, possui papel fundamental na formação de valores, hábitos e estilos de vida. Busca-se então, que as
  2. 2. crianças passem a interessarem menos por alimentos industrializados, sendo estes, tão prejudiciais para a nossa saúde. De contrapartida, se espera que os educandos passem a apreciar e consumir alimentos saudáveis. Com isso, irão valorizar os hábitos alimentares saudáveis e também levar essas informações para o dia a dia familiar. REFERENCIAL TEÓRICO Uma boa alimentação promove a consciência dos educando em relação aos seus hábitos alimentares saudáveis. A escola, nesse sentido, cumpre papel de destaque na formação dos cidadãos para uma vida mais saudável, na medida em que ao lidar com a alimentação e saúde a escola inclui no seu cotidiano, ações e discussões permanentes e sistematizadas sobre o tema. Marques (2009) a partir de Vygotsky enfatiza que: O aluno é considerado, acima de tudo, um ser ativo, capaz de pleno desenvolvimento, desde que lhe sejam dadas condições para tal. Assim, a educação deve ser encarada como um quefazer humano, que ocorre num tempo/espaço específico e principalmente entre homens em suas relações uns com os outros (p.150). Pois a alimentação é parte importante na vida do ser humano, além de contribuir para a adaptação socialização e o desenvolvimento psicomotor, sócio afetivo, cognitivo e linguístico, é facilitadora do processo de construção das características próprias de cada individuo esta também favorece o desenvolvimento da sensibilidade, da criatividade, da imaginação, da memória, da concentração e da atenção. CONCLUSÃO Portanto, percebe-se a importância de se trabalhar o tema com os educandos nas instituições de ensino, pois desta forma, percebe-se a interação da família com a iniciativa da escola, auxiliando de todas as formas possíveis às
  3. 3. atividades desenvolvidas com os educandos, a interação mutua dos funcionários com as atividades didáticas pedagógicas desenvolvidas no decorrer da iniciativa, também apresenta-se de forma importantíssima para envolver a comunidade escolar nas ações escolares. REFERENCIAL BIBLIOGRÁFICO MARQUES, Carlos Alberto. Rompendo paradgmas: as contribuições de Vygotsky, Paulo Freire e Foucault. In: Inclusão, práticas pedagógicas e trajetória de pesquisa/ Organização: Denise Meyrelles de Jesus, Cláudio Roberto Baptista e Maria Aparecida Santos Correa Barreto, Sonia Lopes Victor.- Porto Alegre: Meditação, 2009 PEREZ, Carmem Lucia Vidal. Revisando a pré-escola. 2.ed. São Paulo: Cortez, 1993. PALANGANA, Islda Campaner. Desenvolvimento e aprendizagem em Piaget e Vygotsky: A relevância social. 3.ed. São Paulo:Summus, 2001. FARIA, Maria Alice. Como usar a literatura infantil na sala de aula. 3.ed. São Paulo: Contexto, 2006. RODRIGUES, Carolina Araújo. Problemas de aprendizagem: enfoque multidisciplinar. 2.ed. Campinas: Alínea, 2005.

×