Na contramão do confessional:

Jogo de cena (Eduardo Coutinho, 2007) e Santiago (João Moreira Salles, 2007)
Ilana Feldman
...
Introdução:
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchôa
Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF)
Tese de Doutorado de Ilana Fe...
Apresentação:
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchôa
Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF)
O documentário brasileiro c...
Apresentação:
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchôa
Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF)
Filmes que elencam tal cara...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Na contramão do confessional: Jogo de Cena
(Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles)
Daniel Brandi do Couto
Sara Uchô...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Na contramão do confessional: Jogo Cena (Coutinho, 2007) e Santiago (Salles, 2007)

130 visualizações

Publicada em



Seminário apresentado a disciplina "Estudos Avançados da Imagem e do Som". Capítulo 1 da tese de doutorado da Profa. Dra. Ilana Feldman. Aborda a insurgência do documentário ensaístico contra os produtos midiáticos que buscam o efeito de verdade em suas obras. Explica as "metodologias sem método" de "Santiago" e "Jogo de Cena" para construir significação a partir das sobras, impertinências, "não-ditos" e vazios dos filmes analisados.

Publicada em: Arte e fotografia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
130
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Na contramão do confessional: Jogo Cena (Coutinho, 2007) e Santiago (Salles, 2007)

  1. 1. Na contramão do confessional:
 Jogo de cena (Eduardo Coutinho, 2007) e Santiago (João Moreira Salles, 2007) Ilana Feldman Universidade Federal de Juiz de Fora Mestrado em Artes, Cultura e Linguagens Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF)
  2. 2. Introdução: Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Tese de Doutorado de Ilana Feldman, sob orientação de Ismail Xavier. ECA-USP. 2012 Atualmente pós-doutoranda em Teoria Literária (Unicamp).
  3. 3. Apresentação: Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) O documentário brasileiro contemporâneo, em especial os produzidos a partir de 2007, é marcado pela forte presença do risco e da experimentação enquanto ensaio. Insurgindo contra o apelo realista dos produtos midiáticos, o documentário nacional vai de encontro a impossibilidade de se chegar ao real ou de se falar em nome dele. Aceita seus limites, usa a linguagem como subtração e defasagem, a cena como espaço incompleto. Distância como condição de mediação, fracasso como possibilidade de criação. Protocolos documentais atravessados por recursos de ficção e vice-versa, nos levando a questionar a verdade.
  4. 4. Apresentação: Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Filmes que elencam tal característica: Jogo de Cena, Santiago, Pan-cinema permanente, Juízo, Filmefobia, Moscou, Sábado à noite, o céu sobre os ombros, Pacific, Avenida brasilia Formosa etc. Tendem a escolher práticas e procedimentos diversos: ensaísmo, confissão, autoficção, apropriação de imagens amadoras, valorização do processo de construção fílmica, emergência do fracasso etc. Cada filme pode ser analisado por uma metodologia diferente. Para Feldman, uma “metodologia herege”, já que “o que importa não são as obras em si mesmas, mas as relações críticas e afetivas que podemos estabelecer com elas”.
  5. 5. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF)
  6. 6. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Metódicamente sem método: ensaísmo e mediação (ou o ensaio como método Em uma cultura audiovisual colonizada por estratégias que visam intensificar os efeitos de verdade tem no ensaísmo, nas práticas confessionais e na autoficção do documentário uma insurgência a esta dominância. Documentários investem na problematização de suas próprias prerrogativas para colocar dúvidas sobre a imagem documental, colocar em suspeita os procedimentos, extrapolando os “limites” que demarcam o gênero.
  7. 7. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Metódicamente sem método: ensaísmo e mediação (ou o ensaio como método Pautados no ideal de transparência, os filmes, mesmo sendo de ordens distintas, comungam traços semelhantes: - Preferência pelo parcial - Preferência pelo inconclusível - Escolha do fragmentário do não dito - Impossibilidade de exaustão da relação com o objeto Negação de todo método, sem excluir a possibilidade de um discurso sobre o método.
  8. 8. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Metódicamente sem método: ensaísmo e mediação (ou o ensaio como método Só é possível discutir o método através da explicitação da mediação. Em Santiago a mediação é enunciada em voz off. Em Jogo de Cena é enunciada pela montagem. “Não se trata dizer que a verdade e a autenticidade não existam, ou que elas sejam uma farsa. Devemos compreender a verdade e a autenticidade no âmbito da linguagem audiovisual, como um efeito de uma construção que se dá em relação em a reação a câmera”
  9. 9. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Metódicamente sem método: ensaísmo e mediação (ou o ensaio como método “A ficção é o único caminho para penetrar a realidade”. (Jean Rouch) Jogo de Cena e Santiago partem de caminhos ensaísticos distintos: Jogo de Cena => “Teatro da entrevista” Santiago => “Discurso autobiográfico mediado pela entrevista” Ambos documentários demonstram que a “posição de controle” são insustentáveis tanto no cinema, quanto na vida.
  10. 10. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Por dentro dos filmes e suas metodologias. Santiago: Trata-se do filme dentro do filme. Uma reflexão sobre o material bruto gravado em 1992. Método explicitamente auto-reflexivo. Opções estéticas e estilísticas torna o filme o próprio tema, suspeitando dos procedimentos empregados no filme fracassado (1992), dando agora (2007) nova significação ao filme que se conta.
  11. 11. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Por dentro dos filmes e suas metodologias. Linhas Narrativas distintas (porém justapostas): 1. Filme sobre o processo equivocado de um documentário abortado. 2. Filme sobre a memória prodigiosa do mordomo 3. Filme sobre a memória da família M.S, acessada através de J.M.S e Santiago 4. Filme sobre a suspeita de J.M.S sobre seu material filmado, sobre si mesmo e sobre sua própria vida. 5. Filme no qual o tema é o tempo e o desaparecimento, mas que crê na imagem como forma de reverter tal questão.
  12. 12. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Por dentro dos filmes e suas metodologias. Desenvolvimento do ensaísmo em Santiago: Se desenvolve no “olhar para as próprias escolhas”. Debruçar-se sobre os materiais brutos, construindo a metalinguagem através da articulação da narração em off. Voz off carrega certeza sobre o que narra e suspeita. Filme organizado a partir do questionamento do seu próprio métodos (Santiago em P.A, D.O.P, sempre com um anteparo entre a câmera e o corpo do mordomo, ausência de close-up).
  13. 13. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Por dentro dos filmes e suas metodologias. Jogo de Cena: No filme o método é radicalizado. Eduardo Coutinho, então conhecido pela valorização da entrevista e da capacidade expressiva de seus personagens, subverte o próprio método. Diferente de Santiago, o método não prescinde de um discurso explicativo. Cabe a montagem explicitá-lo pelo seguinte encadeamento:
  14. 14. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Por dentro dos filmes e suas metodologias. Jogo de Cena: Apresentação do método pelo encadeamento: Anúncio Jornal - Primeira Narradora - Segunda sequência onde o filme “começa” (depoimento de Gisele, desenrolado por atriz famosa). Atrizes famosas como possíveis âncoras fincadas na realidade, mas que não permitem certeza de sua suposta encenação. Indistinção entre representação, vida e cena.
  15. 15. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Por dentro dos filmes e suas metodologias. Jogo de Cena: Apresentação do método pelo encadeamento: Montagem explicita o método até não sabermos mais quem fala. Segundo Jean Claude Bernadet “Jogo de cena coloca em dúvida a relação de propriedade entre o corpo falante e a fala pessoal (…) quebrando a noção de sujeito”.
  16. 16. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Por dentro dos filmes e suas metodologias. Em Jogo de Cena, o ensaísmo nos leva a repensar toda obra pregressa de Eduardo Coutinho. Em uma estrutura lacunar, errante, ao duplicar falas femininas, não aponta nenhum sentido para fora do filme. Apenas a verdade da cena.
  17. 17. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Conclusões: Impossibilidade de acesso ao real “Em Santiago assistimos o resultado de um processo, em Jogo de Cena acompanhamos o processo de um resultado”. Ambos os filmes giram em torno do eixo perda e superação da perda: => Santiago: Perda do tempo, de pessoas, de uma promessa modernista para o país. => Jogo de cena: Perda ou abandono dos filhos, pais, maridos
  18. 18. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Conclusões: Impossibilidade de acesso ao real Em ambos os documentários a inovação e atualidade vem de uma radical impossibilidade: a de dizer, de nomear, de se adequar. Em Santiago temos um vazio construtivo. Em Jogo de cena, nenhuma palavra ou lágrima é capaz de dizer algo. Para Feldman, enquanto os diretores se libertam na autoconstrução estética, se aprisionam no paradoxo de não atingir o real. Pensar o próprio filme gera “afetos de verdade” ao invés de “efeitos de verdade”, já que não julga os personagens em nome uma instância superior (a verdade), mas os avalia em relação a vida e a intensidade que suas presenças evocam.
  19. 19. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Conclusões: Impossibilidade de acesso ao real Santiago: Narrador expressa o mal estar durante as filmagens, devida a uma relação de classes. Jogo de Cena: Nenhuma personagem fala sobre questões de ordem pública ou que ultrapassem o mundo privado de suas famílias e sentimentos. Assim, o documentário brasileiro recente vai de encontro as contradições e paradoxos esvaziados de sentido de autores de outrora (Opinião Pública, Viramundo, Maioria Absolta). O faz atraves da autocrítica social e capacidade fabulatória (Santiago) ou por meio da desestabilização entre sujeito e fala (Jogo de Cena).
  20. 20. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Conclusões: Impossibilidade de acesso ao real Devemos compreender como método “um conjunto de regras diegéticas e procedimentos sobre o qual trabalha o documentarista”. No caso dos filmes, o método se encarrega a levar ao erro sobre o mundo e suspeitar dele. O falso é compreendido, operando como potência que ultrapassa a alternativa real/ficção, tornando o que é verdadeiro indecidível. Ambos os filmes libertam-se do “eus já acabados”, escovando a contrapelo a eloquência do confessional midiático presente nos tempos de reality show
  21. 21. Na contramão do confessional: Jogo de Cena (Eduardo Coutinho) e Santiago (João M. Salles) Daniel Brandi do Couto Sara Uchôa Mestrado em Cinema e Audiovisual (PPGACL/UFJF) Conclusões: Impossibilidade de acesso ao real “Filmar é filmar relações, inclusive as que faltam” (J. L. Comolli) “O ensaio fílmico termina onde sente ter chegado ao fim, não onde nada mais resta a dizer. Só é dado ao ensaio a possibilidade de começar pelo erro, pois este sempre parte e sempre chega a uma negativa fundadora” (Ilana Feldman)

×