MISSÃO DE DEUS  NOSSA PAIXÃO Texto-base para o  Plano de Ação Missionária da IECLB 2008-2012
Sumário <ul><li>1 -  INTRODUÇÃO </li></ul><ul><li>1ª Parte:  CONTEXTOS </li></ul><ul><li>2 -  Contextos em Transformação <...
Introdução <ul><li>Missão de Deus. Nossa Paixão: </li></ul><ul><ul><li>A missão é de Deus. </li></ul></ul><ul><ul><li>A mi...
Introdução <ul><ul><li>A missão acontece num contexto sócio-histórico definido. </li></ul></ul><ul><ul><li>Articula-se sob...
O Texto Base do PAMI <ul><li>Três partes: </li></ul><ul><ul><li>1ª Parte:  CONTEXTOS </li></ul></ul><ul><ul><li>2ª Parte: ...
O Texto Base do PAMI <ul><li>Introdução  – mostra a dimensão apaixonante da missão. </li></ul><ul><li>Conclusão  – afirma ...
1ª Parte: CONTEXTOS <ul><li>Contextos em Transformação : </li></ul><ul><ul><li>Contexto sócio-econômico-político </li></ul...
2ª Parte: RENOVANDO A AÇÃO MISSIONÁRIA DA IECLB <ul><li>Fundamentação e quatro eixos </li></ul><ul><ul><li>Teologia e Visã...
3ª Parte: COMPARTILHAR  A BOA NOTÍCIA <ul><li>Formação e Sacerdócio Cristão   - Educando pessoas para a vivência missionár...
1ª Parte: CONTEXTOS <ul><li>Aborda os  contextos em transformação   sócio-econômico, cultural e religioso, nos quais a IEC...
Contextos em Transformação <ul><li>Descreve as principais características do contexto brasileiro e suas transformações soc...
Contexto sócio-econômico-político <ul><li>Economia de mercado </li></ul><ul><li>Crescimento urbano </li></ul><ul><li>Desig...
Contexto cultural <ul><li>Desaparecimento de limites </li></ul><ul><li>Liberdade de escolha  </li></ul><ul><li>Crise de re...
Contexto religioso <ul><li>A religião passa a ser uma escolha </li></ul><ul><li>As instituições tradicionais perdem força ...
Contexto religioso  <ul><li>Novas espiritualidades procuram divinizar o “eu”.  </li></ul><ul><li>Estas espiritualidades pr...
A IECLB e a Missão <ul><li>Reflete sobre os processos históricos e eclesiásticos da missão da IECLB desde a imigração até ...
Herança histórica e eclesiológica  <ul><li>Processo histórico iniciado com a imigração protestante do século XIX </li></ul...
Ser Igreja no Brasil <ul><li>Meados do Século XX, assume-se como Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil </li></...
Vocação e compromisso <ul><li>Desafio histórico: tornar-se igreja missionária em áreas urbanas, modernas e extremamente di...
PAMI 2000-2007 <ul><li>Situa o PAMI 2000-2007 no seu contexto e o avalia segundo seus objetivos.  </li></ul><ul><ul><li>Pr...
PAMI 2000-2007 <ul><li>Avaliação apontou: </li></ul><ul><ul><li>Crescimento quantitativo não alcançou o projetado </li></u...
PAMI 2000-2007 <ul><li>Avaliação apontou: </li></ul><ul><ul><li>Com o incentivo do PAMI, foram implementados projetos miss...
2ª Parte: RENOVANDO A AÇÃO MISSIONÁRIA DA IECLB <ul><li>Nessa parte se estabelece a fundamentação teológica do PAMI 2008-2...
Teologia e Visão Missionária A paixão de Deus pelo mundo <ul><li>A Paixão de Deus na Criação </li></ul><ul><li>A Paixão de...
Evangelização <ul><li>Evangelização origina-se no desejo de Deus em ter um relacionamento integral e harmonioso com o ser ...
Evangelização <ul><li>Forma e estilo da evangelização devem estar em conformidade com seu conteúdo e com seu objetivo. Há ...
Comunhão <ul><li>A igreja que brota da ação missionária e redentora de Deus tem a comunhão na sua essência. Ela é a comunh...
Comunhão <ul><li>A linguagem corporal que a comunidade expressa em sua comunhão revela como ela pensa acerca de si própria...
Diaconia <ul><li>A missão de Jesus é a vivência do amor na forma do serviço humilde, amoroso, acolhedor e inclusivo.  </li...
Diaconia <ul><li>Diaconia é a ação de serviço, a partir da identidade cristã, que se dá num contexto de sofrimento e injus...
Liturgia <ul><li>Por detrás do culto, há um Deus amoroso querendo nos encontrar.  </li></ul><ul><li>O amor de Deus perpass...
Liturgia <ul><li>No culto somos renovados por um amor que nos liberta para ver o futuro com outros olhos e a servir em amo...
3ª Parte:  Compartilhar a Boa Notícia <ul><li>Nessa parte se fala dos três temas que são transversais à missão da Igreja e...
Formação  e sacerdócio cristão <ul><li>A experiência vivida pelo povo de Deus tem como característica aprender e ensinar. ...
Formação  e sacerdócio cristão <ul><li>A educação faz parte da vida e acontece em diferentes espaços e de diferentes manei...
Formação  e sacerdócio cristão <ul><li>A educação cristã abre espaços, tanto em casa quanto na comunidade, para que as pes...
Administração  criativa dos recursos <ul><li>A missão não somente necessita de recursos como de sua correta administração ...
Administração  criativa dos recursos <ul><li>A sustentabilidade da igreja vincula-se à ação do Espírito Santo que cria fé ...
Administração  criativa dos recursos <ul><li>O planejamento estratégico impõe-se como ferramenta útil e necessária na cons...
Missão e Comunicação compartilhando a Boa Notícia <ul><li>Comunicar não é problema para a igreja </li></ul><ul><li>Somos f...
Missão e Comunicação compartilhando a Boa Notícia <ul><li>Toda ação missionária implica em uma ação comunicativa.  </li></...
Missão e Comunicação compartilhando a Boa Notícia <ul><li>Meios de comunicação diferentes pedem estratégias diferentes </l...
Criação de  novas comunidades <ul><li>A missão implica em criar comunidades cristãs firmadas em Cristo, e, ao mesmo tempo,...
Criação de  novas comunidades <ul><li>A missão implica em criar comunidades cristãs firmadas em Cristo, e, ao mesmo tempo,...
Criação de  novas comunidades <ul><li>O evangelho é o instrumento “essencial” para a edificação de uma nova comunidade. </...
Conclusão <ul><li>As tarefas missionárias da IECLB não terminam nem começam nesse documento. </li></ul><ul><li>É a partir ...
Desafio <ul><li>A tarefa para a qual toda a IECLB é chamada nesse momento histórico é a de que, no período de 2008 a 2012,...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Pami 2008 2012 #2008 = texto-base apresentacao

1.011 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.011
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
21
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pami 2008 2012 #2008 = texto-base apresentacao

  1. 1. MISSÃO DE DEUS NOSSA PAIXÃO Texto-base para o Plano de Ação Missionária da IECLB 2008-2012
  2. 2. Sumário <ul><li>1 - INTRODUÇÃO </li></ul><ul><li>1ª Parte: CONTEXTOS </li></ul><ul><li>2 - Contextos em Transformação </li></ul><ul><li>3 - A IECLB e a Missão </li></ul><ul><li>2ª Parte: RENOVANDO A AÇÃO MISSIONÁRIA DA IECLB </li></ul><ul><li>4. Teologia e Visão Missionária - A Paixão de Deus pelo Mundo </li></ul><ul><li>5. Evangelização - O testemunho missionário da fé </li></ul><ul><li>6. Comunhão - A vivência do corpo de Cristo </li></ul><ul><li>7. Diaconia - O agir restaurador e curador da comunidade </li></ul><ul><li>8. Liturgia - A celebração do amor de Deus </li></ul><ul><li>3ª Parte: COMPARTILHAR A BOA NOTÍCIA </li></ul><ul><li>9. Formação e Sacerdócio Cristão - Educando pessoas para a vivência missionária </li></ul><ul><li>11. Administração Criativa dos Recursos - Planejamento sustentável da Igreja </li></ul><ul><li>12. Missão e Comunicação - Compartilhando a Boa Notícia </li></ul><ul><li>13. Criação de novas comunidades </li></ul><ul><li>14. CONCLUSÃO </li></ul>
  3. 3. Introdução <ul><li>Missão de Deus. Nossa Paixão: </li></ul><ul><ul><li>A missão é de Deus. </li></ul></ul><ul><ul><li>A missão de Deus é a paixão da sua igreja </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Paixão como um amor ardente, entusiasmado. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Paixão como sofrimento, sacrifício. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>“Pai-Chão”: o amor de Deus feito gente em cada contexto de nossa vida. </li></ul></ul></ul>índice – anterior – próximo
  4. 4. Introdução <ul><ul><li>A missão acontece num contexto sócio-histórico definido. </li></ul></ul><ul><ul><li>Articula-se sobre quatro dimensões principais: evangelização, comunhão, diaconia e liturgia. </li></ul></ul><ul><ul><li>Envolve três temas transversais a essas quatro dimensões: educação cristã, sustentabilidade e comunicação. </li></ul></ul><ul><ul><li>Visa a criar e recriar comunidades. </li></ul></ul>índice – anterior – próximo
  5. 5. O Texto Base do PAMI <ul><li>Três partes: </li></ul><ul><ul><li>1ª Parte: CONTEXTOS </li></ul></ul><ul><ul><li>2ª Parte: RENOVANDO A AÇÃO MISSIONÁRIA DA IECLB </li></ul></ul><ul><ul><li>3ª Parte: COMPARTILHAR A BOA NOTÍCIA </li></ul></ul>índice – anterior – próximo
  6. 6. O Texto Base do PAMI <ul><li>Introdução – mostra a dimensão apaixonante da missão. </li></ul><ul><li>Conclusão – afirma a necessidade de que cada comunidade assuma a tarefa de planejamento e que isso é um processo no qual toda a Igreja está implicada. </li></ul>índice – anterior – próximo
  7. 7. 1ª Parte: CONTEXTOS <ul><li>Contextos em Transformação : </li></ul><ul><ul><li>Contexto sócio-econômico-político </li></ul></ul><ul><ul><li>Contexto cultural </li></ul></ul><ul><ul><li>Contexto religioso </li></ul></ul><ul><li>A IECLB e a Missão </li></ul><ul><ul><li>Herança eclesial e teológica </li></ul></ul><ul><ul><li>Decisão histórica: ser igreja de Cristo no Brasil </li></ul></ul><ul><ul><li>Vocação e Compromisso: participar na missão de Deus </li></ul></ul><ul><ul><li>Planejamento missionário: o PAMI </li></ul></ul>índice – anterior – próximo
  8. 8. 2ª Parte: RENOVANDO A AÇÃO MISSIONÁRIA DA IECLB <ul><li>Fundamentação e quatro eixos </li></ul><ul><ul><li>Teologia e Visão Missionária - A Paixão de Deus pelo Mundo </li></ul></ul><ul><ul><li>Evangelização - O testemunho missionário da fé </li></ul></ul><ul><ul><li>Comunhão - A vivência do corpo de Cristo </li></ul></ul><ul><ul><li>Diaconia - O agir restaurador e curador da comunidade </li></ul></ul><ul><ul><li>Liturgia - A celebração do amor de Deus </li></ul></ul>índice – anterior – próximo
  9. 9. 3ª Parte: COMPARTILHAR A BOA NOTÍCIA <ul><li>Formação e Sacerdócio Cristão - Educando pessoas para a vivência missionária </li></ul><ul><li>Administração Criativa dos Recursos - Planejamento sustentável da Igreja </li></ul><ul><li>Missão e Comunicação - Compartilhando a Boa Notícia </li></ul><ul><li>Criação de novas comunidades – Desafio missionário </li></ul>índice – anterior – próximo
  10. 10. 1ª Parte: CONTEXTOS <ul><li>Aborda os contextos em transformação sócio-econômico, cultural e religioso, nos quais a IECLB atua, bem como recobre os aspectos históricos da missão da IECLB desde a Imigração até o PAMI 2000-2007, apontando para pontos críticos e positivos. </li></ul>índice – anterior – próximo
  11. 11. Contextos em Transformação <ul><li>Descreve as principais características do contexto brasileiro e suas transformações sociais, econômicas, políticas, culturais e religiosas: </li></ul><ul><ul><li>Contexto sócio-econômico-político </li></ul></ul><ul><ul><li>Contexto cultural </li></ul></ul><ul><ul><li>Contexto religioso </li></ul></ul>índice – anterior – próximo CONTEXTOS
  12. 12. Contexto sócio-econômico-político <ul><li>Economia de mercado </li></ul><ul><li>Crescimento urbano </li></ul><ul><li>Desigualdades sociais </li></ul><ul><li>Efeitos ambientais </li></ul><ul><li>Ações e programas governamentais de distribuição de renda </li></ul><ul><li>Ampliação dos espaços de participação da sociedade civil </li></ul>índice – anterior – próximo CONTEXTOS
  13. 13. Contexto cultural <ul><li>Desaparecimento de limites </li></ul><ul><li>Liberdade de escolha </li></ul><ul><li>Crise de referências que produz um sujeito frágil e deprimido </li></ul><ul><li>Modelo familiar tradicional convive com novas formas de relacionamento entre casais e entre pais e filhos. </li></ul><ul><li>Tecnologias modificam as interações sociais </li></ul>índice – anterior – próximo CONTEXTOS
  14. 14. Contexto religioso <ul><li>A religião passa a ser uma escolha </li></ul><ul><li>As instituições tradicionais perdem força </li></ul><ul><li>Novas igrejas instituem novos modos de ser religioso a partir da mídia, onde ser cristão é participar do mercado de produtos religiosos </li></ul><ul><li>Fragilização dos meios de reprodução da tradição, especialmente em contextos urbanos </li></ul>índice – anterior – próximo CONTEXTOS Continua ...
  15. 15. Contexto religioso <ul><li>Novas espiritualidades procuram divinizar o “eu”. </li></ul><ul><li>Estas espiritualidades prendem-se ao aqui e agora </li></ul><ul><li>Cresce o número de pessoas que se declara sem religião </li></ul><ul><li>A IECLB deve olhar para a sua história no país, reconhecer o seu potencial eclesiológico e teológico e traduzi-los para o seu contexto </li></ul>índice – anterior – próximo CONTEXTOS
  16. 16. A IECLB e a Missão <ul><li>Reflete sobre os processos históricos e eclesiásticos da missão da IECLB desde a imigração até o PAMI 2000-2007 </li></ul><ul><ul><li>Herança eclesial e teológica </li></ul></ul><ul><ul><li>Decisão histórica : ser igreja de Cristo no Brasil </li></ul></ul><ul><ul><li>Vocação e Compromisso : participar na missão de Deus </li></ul></ul><ul><ul><li>Planejamento missionário : o PAMI 2000-2007 </li></ul></ul>índice – anterior – próximo CONTEXTOS
  17. 17. Herança histórica e eclesiológica <ul><li>Processo histórico iniciado com a imigração protestante do século XIX </li></ul><ul><li>Igreja com fortes bases comunitárias, associativas e formação democrática </li></ul><ul><li>Reconhecimento de que certo sentimento de superioridade cultural afastou a IECLB da maioria da população brasileira </li></ul><ul><li>Sentimento de gueto, que inviabilizou uma presença missionária conseqüente na sociedade brasileira </li></ul>índice – anterior – próximo IECLB E A MISSÃO
  18. 18. Ser Igreja no Brasil <ul><li>Meados do Século XX, assume-se como Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil </li></ul><ul><li>Igreja é bem mais que uma associação para atender demandas religiosas de seus membros </li></ul><ul><li>Compreensão de que a igreja de Cristo é essencialmente missionária. </li></ul>índice – anterior – próximo IECLB E A MISSÃO
  19. 19. Vocação e compromisso <ul><li>Desafio histórico: tornar-se igreja missionária em áreas urbanas, modernas e extremamente dinâmicas </li></ul><ul><li>Renovar a vocação e reafirmar seu compromisso de participar da missão de Deus a partir de comunidades e projetos diaconais e sociais </li></ul><ul><li>As contribuições teológicas de igrejas irmãs do exterior e de movimentos eclesiais e missionários forjaram um dinamismo novo em termos de evangelização, projetos missionários e inserção na ação social transformadora. </li></ul>índice – anterior – próximo IECLB E A MISSÃO
  20. 20. PAMI 2000-2007 <ul><li>Situa o PAMI 2000-2007 no seu contexto e o avalia segundo seus objetivos. </li></ul><ul><ul><li>Primeiro esforço sistemático de planejar a ação missionária da IECLB </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Objetivo : recriar e criar comunidades. “Nenhuma comunidade sem missão. Nenhuma missão sem comunidade ” </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Profunda fundamentação teológica, com a proposição de estratégias de ação e com a projeção de conseqüências práticas </li></ul></ul>índice – anterior – próximo IECLB E A MISSÃO Continua ...
  21. 21. PAMI 2000-2007 <ul><li>Avaliação apontou: </li></ul><ul><ul><li>Crescimento quantitativo não alcançou o projetado </li></ul></ul><ul><ul><li>Houve crescimento qualitativo, mas precisa avançar em planejamento e gestão </li></ul></ul><ul><ul><li>Questão financeira foi um limitador </li></ul></ul><ul><ul><li>Aumento de novas frentes de missão foi pequeno </li></ul></ul>índice – anterior – próximo IECLB E A MISSÃO Continua ...
  22. 22. PAMI 2000-2007 <ul><li>Avaliação apontou: </li></ul><ul><ul><li>Com o incentivo do PAMI, foram implementados projetos missionários em todos os sínodos. </li></ul></ul><ul><ul><li>O auxílio de igrejas e organizações parceiras para projetos missionários e diaconais ajudou o PAMI. </li></ul></ul><ul><ul><li>O PAMI 2000 trouxe avanços evidentes em diversos níveis e áreas geográficas </li></ul></ul><ul><ul><li>Fez surgir uma consciência maior acerca do desafio missionário da igreja </li></ul></ul>índice – anterior – próximo IECLB E A MISSÃO
  23. 23. 2ª Parte: RENOVANDO A AÇÃO MISSIONÁRIA DA IECLB <ul><li>Nessa parte se estabelece a fundamentação teológica do PAMI 2008-2012 a partir do conceito de “Paixão de Deus pelo Mundo”. </li></ul><ul><li>Articula quatro dimensões principais de vivência missionária: evangelização, comunhão, diaconia e liturgia. </li></ul>índice – anterior – próximo
  24. 24. Teologia e Visão Missionária A paixão de Deus pelo mundo <ul><li>A Paixão de Deus na Criação </li></ul><ul><li>A Paixão de Deus em Cristo </li></ul><ul><li>O Espírito Santo e a Paixão de Deus </li></ul><ul><li>A Paixão de Deus na solidariedade </li></ul><ul><li>As dimensões da Igreja Missionária: </li></ul><ul><ul><li>Evangelização </li></ul></ul><ul><ul><li>Comunhão </li></ul></ul><ul><ul><li>Diaconia </li></ul></ul><ul><ul><li>Liturgia </li></ul></ul>índice – anterior – próximo
  25. 25. Evangelização <ul><li>Evangelização origina-se no desejo de Deus em ter um relacionamento integral e harmonioso com o ser humano. </li></ul><ul><li>Evangelização é a exposição explícita e intencional do Evangelho, visando a uma resposta pessoal de fé e o ingresso no discipulado cristão vivido em comunidade. </li></ul>índice – anterior – próximo TEOLOGIA DA MISSÃO Continua ...
  26. 26. Evangelização <ul><li>Forma e estilo da evangelização devem estar em conformidade com seu conteúdo e com seu objetivo. Há formas específicas e pontuais de evangelização. </li></ul><ul><li>Cabe à comunidade local redescobrir a dimensão evangelística de todos seus programas e eventos. Tudo o que a igreja é ou faz deve ser evangelização. </li></ul><ul><li>A capacidade evangelística de uma comunidade depende da efetividade com que seus membros testemunham sua fé em seus relacionamentos. </li></ul>índice – anterior – próximo TEOLOGIA DA MISSÃO
  27. 27. Comunhão <ul><li>A igreja que brota da ação missionária e redentora de Deus tem a comunhão na sua essência. Ela é a comunhão solidária que renasce e se renova em cada celebração da Santa Ceia. </li></ul><ul><li>Comunhão é vivência concreta do sacerdócio cristão onde mutuamente nos tornamos servos uns dos outros, especialmente dos mais necessitados. </li></ul><ul><li>A clareza do testemunho verbal do Evangelho deve encontrar correspondência na qualidade da comunhão comunitária . </li></ul>índice – anterior – próximo TEOLOGIA DA MISSÃO Continua ...
  28. 28. Comunhão <ul><li>A linguagem corporal que a comunidade expressa em sua comunhão revela como ela pensa acerca de si própria e acerca do mundo. </li></ul><ul><li>A elaboração de uma teologia da hospitalidade e a consideração de suas conseqüências práticas na vida comunitária deveria ser uma das prioridades da IECLB nos próximos anos. </li></ul><ul><li>O grande desafio é o de proporcionar espaços de convivência, aceitação e valorização mútuas em nossa vida comunitária. </li></ul>índice – anterior – próximo TEOLOGIA DA MISSÃO
  29. 29. Diaconia <ul><li>A missão de Jesus é a vivência do amor na forma do serviço humilde, amoroso, acolhedor e inclusivo. </li></ul><ul><li>Comunidade missionária que serve é aquela que se aproxima das pessoas, que luta pela vida digna, não só a de sua comunidade, mas também a do mundo. É aquela que questiona as situações de injustiça, de opressão e exclusão. </li></ul><ul><li>A visitação é uma dimensão da diaconia. </li></ul>índice – anterior – próximo TEOLOGIA DA MISSÃO Continua ...
  30. 30. Diaconia <ul><li>Diaconia é a ação de serviço, a partir da identidade cristã, que se dá num contexto de sofrimento e injustiça, com a finalidade de transformar. </li></ul><ul><li>A Diaconia é uma dimensão estratégica da missão e tem papel fundamental em processos de reconciliação e cura na comunidade. </li></ul><ul><li>Importa desenvolver sensibilidade para as necessidades e dores da sociedade e adquirir competência solidária. </li></ul>índice – anterior – próximo TEOLOGIA DA MISSÃO
  31. 31. Liturgia <ul><li>Por detrás do culto, há um Deus amoroso querendo nos encontrar. </li></ul><ul><li>O amor de Deus perpassa os principais eixos do culto. </li></ul><ul><li>Compreender e viver o culto é sentir-se contagiado pelo Deus que ama a igreja – que ama o mundo. </li></ul>índice – anterior – próximo TEOLOGIA DA MISSÃO Continua ...
  32. 32. Liturgia <ul><li>No culto somos renovados por um amor que nos liberta para ver o futuro com outros olhos e a servir em amor. </li></ul><ul><li>O culto é uma oportunidade de evangelização e missão. </li></ul><ul><li>O culto, em sua liturgia, simbologia, música e sacramentos, deve proporcionar a experiência de que ali o Deus amoroso está querendo nos encontrar. </li></ul>índice – anterior – próximo TEOLOGIA DA MISSÃO
  33. 33. 3ª Parte: Compartilhar a Boa Notícia <ul><li>Nessa parte se fala dos três temas que são transversais à missão da Igreja e que culminam com o propósito de formar comunidades. </li></ul><ul><li>Desenvolve aspectos fundamentais sobre </li></ul><ul><ul><li>educação cristã contínua ; </li></ul></ul><ul><ul><li>administração criativa de recursos com vistas à sustentabilidade da missão; </li></ul></ul><ul><ul><li>comunicação como dimensão da igreja; </li></ul></ul><ul><ul><li>formação de comunidades . </li></ul></ul>índice – anterior – próximo
  34. 34. Formação e sacerdócio cristão <ul><li>A experiência vivida pelo povo de Deus tem como característica aprender e ensinar. Jesus educava através de gestos e de palavras. </li></ul><ul><li>Educação cristã visa a capacitar as pessoas para cooperar com a missão de Deus no mundo e para exercer plenamente o sacerdócio geral. </li></ul><ul><li>A exemplo de Lutero, que nutria diariamente sua fé através do estudo da palavra de Deus, a educação na igreja é permanente e contínua. </li></ul>índice – anterior – próximo COMPARTILHAR Continua ...
  35. 35. Formação e sacerdócio cristão <ul><li>A educação faz parte da vida e acontece em diferentes espaços e de diferentes maneiras. </li></ul><ul><li>Educação cristã envolve todo o ser e passa por todos os sentidos. </li></ul><ul><li>A educação cristã desperta a criatividade das pessoas quando trabalhada a partir de diferentes linguagens. </li></ul>índice – anterior – próximo COMPARTILHAR Continua ...
  36. 36. Formação e sacerdócio cristão <ul><li>A educação cristã abre espaços, tanto em casa quanto na comunidade, para que as pessoas possam expressar suas dúvidas, conversar sobre elas e buscar orientação. </li></ul><ul><li>O estudo da Palavra de Deus fundamenta a prática do servir ao próximo. </li></ul><ul><li>Não há missão sem educação cristã nem educação cristã sem missão. </li></ul>índice – anterior – próximo COMPARTILHAR
  37. 37. Administração criativa dos recursos <ul><li>A missão não somente necessita de recursos como de sua correta administração para ser sustentável. </li></ul><ul><li>Sustentabilidade é a capacidade de um sistema de criar as condições favoráveis para sua sobrevivência e para seu desenvolvimento no presente e no futuro, evitando o esgotamento ou a sobrecarga dos recursos que o mantêm. </li></ul>índice – anterior – próximo COMPARTILHAR Continua ...
  38. 38. Administração criativa dos recursos <ul><li>A sustentabilidade da igreja vincula-se à ação do Espírito Santo que cria fé e comunidade ali onde a palavra é pregada e os sacramentos são administrados de acordo com o Evangelho. </li></ul><ul><li>O Fórum Fé, Gratidão e Compromisso vincula-se a esse eixo da sustentabilidade. </li></ul><ul><li>Onde existe planejamento, existe a concentração e a aplicação eficaz de todas as possibilidades de que a paróquia ou comunidade dispõe. </li></ul>índice – anterior – próximo COMPARTILHAR Continua ...
  39. 39. Administração criativa dos recursos <ul><li>O planejamento estratégico impõe-se como ferramenta útil e necessária na construção de um novo futuro. </li></ul><ul><li>Importantíssimo fator pedagógico é conectar a disposição de doar e de contribuir com o apoio a projetos missionários e diaconais. </li></ul><ul><li>O programa de mordomia cristã baseia-se na convicção de que os dons individuais, os bens materiais e o tempo nada mais são do que propriedade de Deus confiada aos seres humanos. </li></ul>índice – anterior – próximo COMPARTILHAR
  40. 40. Missão e Comunicação compartilhando a Boa Notícia <ul><li>Comunicar não é problema para a igreja </li></ul><ul><li>Somos feitos de comunicação, desde quando ainda estamos na barriga de nossa mãe e por toda a nossa vida. </li></ul><ul><li>Os meios de comunicação mudam o modo de interagirmos com outras pessoas. Muda no tempo e no espaço. E aí é começam nossos problemas </li></ul>índice – anterior – próximo COMPARTILHAR Continua ...
  41. 41. Missão e Comunicação compartilhando a Boa Notícia <ul><li>Toda ação missionária implica em uma ação comunicativa. </li></ul><ul><li>A ação comunicativa pode ser mediada pela mídia. </li></ul><ul><li>Tanto a comunicação comunitária como a comunicação midiática devem fazer parte das estratégias de ação missionária. </li></ul><ul><li>Públicos diferentes pedem estratégias de comunicação diferentes. </li></ul>índice – anterior – próximo COMPARTILHAR Continua ...
  42. 42. Missão e Comunicação compartilhando a Boa Notícia <ul><li>Meios de comunicação diferentes pedem estratégias diferentes </li></ul><ul><li>Amadorismo e voluntariado têm limites </li></ul><ul><li>Comunicação midiática é uma relação de parcerias em torno de interesses. </li></ul><ul><li>Ter uma rubrica no orçamento para investimento em comunicação é melhor que depender só de boas idéias. </li></ul>índice – anterior – próximo COMPARTILHAR
  43. 43. Criação de novas comunidades <ul><li>A missão implica em criar comunidades cristãs firmadas em Cristo, e, ao mesmo tempo, flexíveis em relação à diversidade de costumes e culturas à sua volta. </li></ul><ul><li>O objetivo das atividades missionárias é difundir o evangelho e formar igrejas. </li></ul><ul><li>A comunidade cristã é a presença de Jesus neste mundo. </li></ul><ul><li>A liderança se desenvolve em pequenos grupos. </li></ul>índice – anterior – próximo COMPARTILHAR Continua ...
  44. 44. Criação de novas comunidades <ul><li>A missão implica em criar comunidades cristãs firmadas em Cristo, e, ao mesmo tempo, flexíveis em relação à diversidade de costumes e culturas à sua volta. </li></ul><ul><li>O objetivo das atividades missionárias é difundir o evangelho e formar igrejas. </li></ul><ul><li>As convicções que levaram Paulo a formar comunidades cristãs podem inspirar-nos e motivar-nos hoje. </li></ul>índice – anterior – próximo COMPARTILHAR Continua ...
  45. 45. Criação de novas comunidades <ul><li>O evangelho é o instrumento “essencial” para a edificação de uma nova comunidade. </li></ul><ul><li>Permanece atual o desafio de a IECLB se fazer presente em todas as capitais brasileiras, nas cidades com mais de 200 mil habitantes, mas também nos bairros e vilas de nossas cidades, pequenas e médias e nas zonas rurais. </li></ul>índice – anterior – próximo COMPARTILHAR
  46. 46. Conclusão <ul><li>As tarefas missionárias da IECLB não terminam nem começam nesse documento. </li></ul><ul><li>É a partir dele que elas devem ter seguimento. </li></ul><ul><li>Afinal, se a missão de Deus é a nossa paixão, então, que a vivamos plenamente em todas as nossas ações.  </li></ul>índice – anterior – próximo
  47. 47. Desafio <ul><li>A tarefa para a qual toda a IECLB é chamada nesse momento histórico é a de que, no período de 2008 a 2012, todas as instâncias da igreja, em seus diversos níveis, estabeleçam seus planos de ação missionária a partir dos fundamentos bíblico-teológicos apresentados nesse texto-base e de seus contextos específicos. </li></ul>

×