Revolução soviética

6.962 visualizações

Publicada em

Trabalho realizado pelos alunos do 9º 5ª da Escola Básica 2,3 Roque Gameiro no ano lectivo 2011/12

Publicada em: Educação
0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.962
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.856
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Revolução soviética

  1. 1. Revolução SoviéticaCarlos Jorge Canto VieiraTrabalho realizado pelos alunos do 9º 5ª da EB 2,3 RoqueGameiro, Amadora
  2. 2. AS VÉSPERAS DA REVOLUÇÃOANDREIA COSTA, ANDREIA FERREIRA, MÓNICA DE MENDONÇA E SELMA CARVALHO 2
  3. 3. Nas vésperas da Revolução …
  4. 4. A Rússia czarista Antecedentes na Rússia:  Era um grande império ;  Governada pelo czar (o poder autocrático) ;  Era a quinta potência mundial embora a sua industrialização fosse muito frágil;  Existiam apenas cerca de 3 milhões de operários, concentrados, maioritariamente nas grandes cidades como Moscovo e São Petersburgo.  Cerca de 75 % da população era formada por camponeses.  Até 1861, manteve-se um regime servil no qual os camponeses russos, mujiques, eram servos dos grandes proprietários aristocratas, os boiardos, e, mesmo depois da servidão ter sido abolida, o campesinato russo continuava a viver miseravelmente. 4
  5. 5. As sementes da Revolução Muitos camponeses emigravam para as cidades. Operariado estava sujeito a condições de trabalho e de vida muito duras . Reivindicações e greves frequentes Esta situação social era favorável à difusão das ideias socialistas. Não foi apenas entre o operariado que as ideias socialistas tiveram grande aceitação. Uma parte da pequena e média burguesia também aderiu às propostas socialistas, mas a maior parte dos sectores burgueses defendia a implantação de um regime liberal, parlamentar. 5
  6. 6. 1905 : a revolução falhadaPrimeira tentativa revolucionária foi reprimida; O czar sentiu-se ameaçado; Criou a Duma-> assembleia constituída pela nobreza fundiária e funcionários dependentes do Estado czarista. Apesar do fracasso, este movimento constituiu uma espécie de “ensaio geral” para o que estaria para vir mais tarde, em 1917. 6
  7. 7. Fevereiro : a revolução burguesa A Grande Guerra agravou as dificuldades económicas e as tensões sociais na Rússia. As derrotas militares ; Condições favoráveis Fome ; à revolução: As deserções de tropas . Realizaram-se greves e manifestações populares que exigiam o fim do Czarismo e da guerra. 23 de Fevereiro de 1917 iniciou-se uma grande revolução em São Petersburgo. O Czar Nicolau II foi forçado a abdicar tendo-se formado um governo provisório, apoiado por liberais e socialistas moderados. A Rússia passou a ter um Regime Liberal Parlamentar. 7
  8. 8. Outubro : a revolução bolchevique Após a revolução burguesa multiplicaram-se por toda a Rússia os Sovietes isto é , “conselhos” de operários, camponeses e soldados, que intervinham activamente na vida local. O Soviete de São Petersburgo, era contra o governo provisório. Entre os revolucionários que agitavam o Soviete de São Petersburgo contavam- se os bolcheviques que se oponham à democracia liberal inspirando-se no marxismo. Os principais chefes bolcheviques eram Lenine e Trotsky. 8
  9. 9. A revolução bolchevique (cont.) O marxismo-leninismo iria constituir a base ideológica da revolução. Lenine dirigiu a oposição ao governo provisório acusando-o da desastrosa situação a que a guerra tinha conduzido a Rússia. Os bolcheviques exigiam a revolução social e a retirada da Guerra. 25 de Outubro de 1917 os bolcheviques desencadearam uma revolução armada e tomaram o poder do governo provisório liderado por Kerenksy. 9
  10. 10. SOVIETES AO PODERBENEDITA MVEMBA, CLÁUDIO MARAVILHA, JOANA CAEIRO E RUTE KITTLER 10
  11. 11. Os sovietes no poder Lenine  chefe do Conselho dos Comissários do Povo (órgão máximo da revolução)  Objectivo  retirar a Rússia da guerra  foi assinado o tratado de Brest-Litovsk 1917  os bolcheviques realizaram eleições para a Assembleia Constituinte;  obtiveram 25% dos votos;  a assembleia acabou;  Lenine transferiu para o congresso dos sovietes o poder legislativo Rússia Passou a ser uma republica soviética, não parlamentar 11 Objectivo
  12. 12. Ditadura Comunista Iniciou-se a contra – revolução  formaram-se dois grupos:  Exército Vermelho(formado pelos revolucionários);  Exército Branco (formado por Inglaterra, França, E.U.A e Japão)  Começou a Guerra Civil Tornou-se uma ditadura  partido politico proibido - excepção do partido PC  criação de uma policia politica  Censura  perseguições 12
  13. 13. A consolidação da1920 Revolução Vitória do exército Vermelho (chefiado por Trotsky) País estava arruinado, a fome e a miséria ameaçavam a maioria da população.Construção da sociedade socialista Lenine exigia um recuo táctico 1921 Nova politica económica governo continua a aceitar a existência temporária de um sector privado restabelecida a liberdade de comercio e autorizado a existência de pequenas unidades de produção agrícola e industrial deterioração da situação económica 131927
  14. 14. Soviéticas Os comunistas procuraram resolver alguns dos problemas herdados do antigo Império Russo O território da Rússia era duma vastidão e de uma diversidade extraordinária tinha povos de diferentes etnias, línguas e religiões o poder czarista nunca permitira qualquer tipo de autonomia fosse administrativa ou cultural 1922 Foi criada a URSS Federação de estados, a mais extensa era a republica da Rússia A língua oficial era o Russo 14
  15. 15. A sucessão de Lenine 1924 - Morte de Lenine  Principais dirigentes do partido comunista  Trotsky  conduziu o exército vermelho, que levou a vitória na guerra civil  defensor da Revolução permanente  Estaline  tornou-se secretário-geral (antes da morte de Lenine)  achava indispensável assegurar primeiro a consolidação da revolução na URSS e só depois promover a revolução mundial 15
  16. 16. A tomada do poder por Estaline Graças à sua vitória Estaline foi eliminando todos os seus opositores (líderes comunistas meus prestigiados);  1927 - excluído do partido, Trotsky seria expulso da União Soviética exilado no México, seria assassinado às ordens de Estaline  Estaline acabaria por estabelecer uma violenta ditadura 16
  17. 17. A 2ª REVOLUÇÃO SOVIÉTICA CAROLINA CAEIRO, LUMENA TAVARES E MIGUEL ALMEIDA 17
  18. 18. Em 1928, Estaline decidiu pôr fim á NEP, implantando o Socialismo.Estaline aplicou na URSS dois princípios:→ Nacionalização dos meios de produção  Estaline defende: → A propriedade da terra e do subsolo. → A propriedade das instalações fabris. → Principais meios de transporte.  Conclusão → A propriedade privada foi praticamente eliminada.→ Planificação económica  A economia passou a ser dirigida pelo Estado de acordo com os planos quinquenais . →Planos de 5 anos que definia os objectivos gerais da economia e as metas de produção a atingir pelas empresas nesse período. 18
  19. 19. Planos Quinquenais 1º Plano Quinquenal (1928-1932)  teve como principal objectivo criar as bases da economia socialista;  Assim , a agricultura foi colectivizada, criando-se os Kolkhozes, os Sovkhozes e as MTS (estações de maquinaria para apoio aos agricultores. Na indústria, a prioridade foi dada a industria pesada, siderurgia e electrização. 19
  20. 20. Planos Quinquenais 2º Plano Quinquenal (1993-1937)  privilegiou ainda a indústria pesada;  deu também atenção às indústria ligeiras produtoras de bens de consumo.  No mundo rural, constituíram-se Pequenas Privadas. 20
  21. 21. Planos Quinquenais 3º Plano Quinquenal (1938-1941)  Interrompido pela II Guerra Mundial. Os resultados dos Planos quinquenais foram, de um modo geral, Positivo. 21
  22. 22. A colectivização da agricultura Objectivo:  Colectivização dos campos  Mecanização intensiva para produzir o suficiente para abastecer a população  A classe dos kulaks foi extinta e as suas terras foram conquistadas e agrupadas em sovkhozes 22
  23. 23. A colectivização da agricultura Consequências:  Aumento da área dos kolkhozes de 1,4 para 92 milhões de hectares  Terrível baixa de produção entre 1932 e 1934  A repressão e a fome levaram á morte de milhões de camponeses 23
  24. 24. A colectivização da agricultura Conclusão:  Aniquilação da classe dos kulaks;  Aparecimento das sovkhozes:  propriedades agrícolas do estado cujos os trabalhadores eram assalariados;  Aparecimento das Kolkhozes:  cooperativas de camponeses que exploravam em comum a terra. 24
  25. 25. O estado e o partido 1936 - Constituição da URSS  define a organização do estado soviético com base na ditadura do proletariado.  Ditadura de proletariado - o Estado devia estar ao serviço da única classe, o proletariado.  Uso de poder ilimitado para levar avante a construção do socialismo. 25
  26. 26. O poder pessoal de Estaline Partido comunista (PCUS)  Constituído por:  Funcionários obediente e subordinado ao poder ilimitado de Estaline. 26
  27. 27. O poder pessoal de Estaline Estaline  Funções  Chefe de Governo.  Secretário – geral do partido  Poder pessoal.  Aparelhos políticos e partidários.  Consequências  Vigilância constante por uma policía partidária.  Repreensão do mais ligeiro sinal de suspeita de desvio da linha oficial. 27
  28. 28. Violência repressiva Apartir de 1934  Estaline desencadeou uma sistemática perseguição contra os seus opositores, alguns protagonistas da 1ª fase da Revolução Soviética.  Consequências  Instalação de um clima de terror.  centenas de milhares de pessoas condenadas à morte injustamente, tendo que reconhecer crime inacreditáveis dos quais eram acusados.  Milhões de pessoas deportadas para campos de trabalho correctivo na Sibéria. 28
  29. 29. Mapas que mostram onde haviamcampos de trabalhos correctivos naSibéria onde as pessoas eramreportadas. 29
  30. 30. O poder pessoal de Estaline Início dos anos 40  Reforço da ditadura estalinista  Exclusão do organismo ou instituição nos quadros políticos e partidários (depuração).  Aumento da propaganda oficial alimentou o culto da personalidade do chefe Soviético.  O seu nome, estátuas e retratos encontravam-se espalhados pelo país.  Eram-lhe atribuidas capacidades geniais e sobre-humanas e as suas palavras eram impostas sem qualquer oposição. 30
  31. 31. CZAR NICOLAU II E OS ROMANOV ANA BRÁS, ANDRÉ PEREIRA, JOÃO FERREIRA E SÍLVIA RIBEIRO 31
  32. 32. Czar Nicolau II e a sua família 32
  33. 33. Quem foi Nicolau II ? Czar Nicolau II (Nikolái Alieksándrovich Románov)  foi o último Imperador da Rússia, rei da Polónia e grão- duque da Finlândia.  Nasceu no Palácio de Catarina, em Tsarskoye Selo, próximo de São Petersburgo, em 18 de Maio (6 de Maio no calendário juliano) de 1868.  Quanto ao seu título oficial, era chamado Nicolau II, Imperador e Autocrata de Todas as Rússias. 33
  34. 34. Dinastia Romanov 34
  35. 35. Família Nicolau e Alix tornaram-se noivos no dia 8 de Abril de 1894. Alix converteu-se para a Ortodoxia em Novembro de 1894 e passou-se chamar Alexandra Feodorovna. Alexandra deu à Nicolau quatro filhas, Olga em 1895, Tatiana em 1897, Maria em 1899 e Anastácia em 1901, e um filho, Alexei em 1904. 35
  36. 36. Família 36
  37. 37. 37
  38. 38. Problemas durante o seu reinado Tragédia de Khodynka Guerra Russo-Japonesa A Revolução de 1905 38
  39. 39. A Tragédia de Khodynka Após a coroação de Nicolau foi preparado um banquete para o povo do Campo de Khodynka. Haveria teatros, 150 buffets distribuiriam presentes e 20 pubs foram construídos para a celebração. Na noite de 17 de Maio, algumas pessoas ouviram a notícia dos presentes que seriam distribuídos e começaram a chegar antecipadamente. Repentinamente um rumor propagou-se entre a multidão de 39 que não teria cerveja e presentes para todos.
  40. 40. Guerra Russo-Japonesa A guerra russo-japonesa foi uma guerra entre o Império do Japão e o Império Russo que, em 1904 e 1905, disputavam os territórios da Coreia e da Manchúria. A guerra ocorreu no nordeste asiático do país, agravou- se, e o regime político do czar Nicolau II da Rússia foi abalado por uma série de revoltas em 1905, envolvendo operários, camponeses, marinheiros 40
  41. 41. a Revolução de 1905 A Revolução Russa de 1905 foi um movimento espontâneo, antigovernamental, que se espalhou por todo o Império Russo, aparentemente sem liderança, direcção, controle ou objectivos muito precisos. Geralmente é considerada como o marco inicial das mudanças sociais que culminaram com a Revolução de 1917. 41
  42. 42. O Domingo SangrentoO Domingo Sangrento foi um massacre que aconteceu em 22 de Janeiro de 1905, em São Petersburgo na Rússia, onde manifestantes pacíficos marcharam para apresentar uma petição ao czar Nicolau II e foram baleados pela Guarda Imperial. 42
  43. 43. O FIM DO REINADO DE NICOLAU II O seu reinado terminou com a Revolução Russa de 1917; Nicolau II e a sua família foram presos e executados pelos bolcheviques na noite de 16 para 17 de Julho de 1918; Nicolau recebeu o cognome de Nicolau, o Sangrento devido aos trágicos acontecimentos durante a sua coroação, ao episódio do Domingo Sangrento e a subsequente repressão do seu governo ao 43 movimento socialista.
  44. 44. LENINE, TROSTKY E ESTALINE INÊS SANTOS, MARGARIDA CARVALHO E VERÓNICA GONÇALVES 44
  45. 45. LENINE Nasceu em 22 de Abril de 1870 e morreu em 21 de Janeiro de 1924. 1887- Participou num atentado ao Czar 1895- Foi preso por participar num movimento que propagava ideias marxistas entre trabalhadores de fábricas. Foi enviado para cumprir pena na Sibéria ( norte da Rússia) 1900- exilou-se em Londres, Munique e Genebra. 1906- voltou a exilar-se na Europa Ocidental 1912, separou-se do Partido Operário Social-Democrata Russo, fundando um comité central bolchevique. 1917- Assumiu o governo da Rússia e implantou o Socialismo. Regressou à Rússia com a ajuda do Exército alemão. 1918-1921- Resistiu com força ao movimento contra-revolucionário .Nacionalizou indústrias e bancos, controlou as terras agrícolas e estabeleceu um forte controle político e económico. 45
  46. 46. ESTALINE Nasceu em Geórgia numa pequena cabana a 21 de Dezembro de 1878 e faleceu em 5 de Dezembro 1953. Filho de uma costureira e de um sapateiro. Estudou em Tiflis (colégio religioso) Foi preso por organizar assaltos dos quais 40 pessoas morreram. Aliou-se a Vladimir Lenine que juntos planejavam a Revolução Russa. Entre 1922 e 1953 foi o secretario geral do partido comunista da União soviética. Estaline antes da Revolução Russa era editor do jornal “Pravda” (a verdade) Após a morte Lenine tornou-se figura dominante da politica soviética Em 1928 iniciou um programa de industrialização intensiva e de colectivização da agricultura soviética provocando a fome teve como 46 consequência 7.5 milhões de mortos.
  47. 47. Leon Trostky Nasceu em 7 Novembro de 1879 na Ucrânia e morreu a 21 Agosto 1940. Revolucionário foi preso pela primeira vez aos 18 anos pelo o envolvimento com grupos revolucionários 1902-Foge para Londres onde conhece Lenine 1905-Regresso á Rússia e no ano seguinte é preso. 1917-Chega aos E.U.A onde recebeu a noticia da revolução de Fevereiro. Os bolcheviques deram o golpe de estado liderados por Lenine e Trostky dando inicio á ditadura do proletariado. De 1918 a 1921 exerceu o cargo de comissário do povo. 1924- Morre Lenine começa a corrida pelo o sucesso no comité central do partido comunista. Trostki é difamado por Estaline. 1925- proibido de falar em publico 1929-saiu da União Soviética. 1933-exilio na Turquia 1935-exilio na França. 47

×