Educação Permanente em Enfermagem

4.852 visualizações

Publicada em

Auditoria assistencial
CRÉDITOS: EEUFRGS Prof. Êrica Duarte

Publicada em: Saúde e medicina, Negócios
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.852
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
78
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
111
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Educação Permanente em Enfermagem

  1. 1. Auditoria Assistencial <ul><li>Como a Enfermagem pode melhorar a Receita e diminuir Custos dos Processos Assistenciais ? </li></ul>EDUCAÇÃO PERMANENTE EM ENFERMAGEM
  2. 2. O que é Auditoria? <ul><li>“ Exame analítico e pericial que segue o desenvolvimento das operações contábeis, desde o início até o balanço.” </li></ul><ul><li>( Aurélio). </li></ul>
  3. 3. Auditoria Médica <ul><li>“ É um processo segundo o qual o controle de qualidade é exercido num estabelecimento de saúde, podendo envolver um grupo de fora da instituição.” </li></ul><ul><li>(Prof. Álvaro Escrivão Júnior) </li></ul>
  4. 4. Auditor <ul><li>“ Aquele que ouve, ouvidor - perito - contador encarregado de auditoria” </li></ul><ul><li>( Aurélio) </li></ul>
  5. 5. Perfil do auditor <ul><li>Conhecimento das leis </li></ul><ul><li>vigilância </li></ul><ul><li>capacidade de ouvir </li></ul><ul><li>processar e ter discernimento para retroalimentar </li></ul><ul><li>postura pessoal </li></ul><ul><li>mediador de conflito </li></ul><ul><li>praticar burocracia básica. </li></ul>
  6. 6. Tipos de Auditoria <ul><li>Regular ou Ordinária. </li></ul><ul><li>Analítica. </li></ul><ul><li>Operacional. </li></ul>
  7. 7. Regular ou Ordinária <ul><li>Programada objetivando exame de produtividade e gastos </li></ul>
  8. 8. Analítica <ul><li>Planejada e realizada a partir de relatórios de alerta. É comparativa com série histórica, parâmetros nacionais, regionais, locais e com outros prestadores. </li></ul>
  9. 9. Operacional <ul><li>Realizada in loco com análise dos documentos e visita aos pacientes durante o processo assistencial. </li></ul>
  10. 10. Histórico <ul><li>Ação pós-fato ( auditoria da conta hospitalar). </li></ul><ul><li>Caráter contábil-financeiro. </li></ul>
  11. 11. Tendência atual <ul><li>Apuração da qualidade dos Serviços e Gerenciamento de custos. </li></ul><ul><li>Aspectos contábeis-financeiros X Qualidade </li></ul><ul><li>Enfoque preventivo p/ planejamento de novas ações. </li></ul><ul><li>Aperfeiçoamento e satisfação do cliente </li></ul><ul><li>( pagador X prestador X usuário). </li></ul><ul><li>Auditoria prospectiva. </li></ul>
  12. 12. Influenciadores dos Custos em Saúde <ul><li>A decisão do tratamento nédico </li></ul><ul><li>Associação de Classe e Especialidades </li></ul><ul><li>Meios de comunicação (ex.: Viagra) </li></ul><ul><li>Meio Científico ( Estudos experimentais) </li></ul><ul><li>Fabricante </li></ul>
  13. 13. Distribuição dos Custos Assistenciais em Saúde ( Fundação Getulio Vargas / PROHASA)
  14. 14. SADT’s ( Fundação Getulio Vargas / PROHASA)
  15. 15. Impactantes no custo em Saúde <ul><li>Internações prolongadas </li></ul><ul><li>Materiais de Alto Custo </li></ul><ul><li>Transplantes </li></ul>
  16. 16. Sinais de alerta para situação que representam 90% dos custos hospitalares <ul><li>Urgências e emergências </li></ul><ul><li>Complicações do quadro inicial </li></ul><ul><li>Intervalo curto entre os eventos </li></ul><ul><li>Evento anterior prolongado </li></ul><ul><li>Solicitação inicial de alta permanência </li></ul><ul><li>Doença crônicas concomitantes </li></ul>
  17. 17. Aspectos Éticos <ul><li>É vetado ao auditor: </li></ul><ul><li>Artigo 81 - Alterar prescrição médica de outro profissional; </li></ul><ul><li>Artigo 118 - Deixar de atuar com absoluta isenção . </li></ul>
  18. 18. Ao Auditado <ul><li>Artigo 39 - Receitar ou atestar de forma ilegível ou assinar formulários em branco. </li></ul><ul><li>Artigo 42 - Praticar ou indicar atos médicos desnecessários ou proibidos pela legislação do país. </li></ul><ul><li>Artigo 60 - Exagerar a gravidade do diagnóstico ou prognóstico. </li></ul>
  19. 19. <ul><li>Artigo 87 - Remunerar serviços não efetivamente prestados. </li></ul><ul><li>Artigo 88 - Permitir a inclusão de nomes de profissionais que não participaram do ato médico, para efeitos de cobrança de Honorários Médicos. </li></ul>
  20. 20. Ao Auditado <ul><li>Artigo 39 - Receitar ou atestar de forma ilegível ou assinar formulários em branco. </li></ul><ul><li>Artigo 42 - Praticar ou indicar atos médicos desnecessários ou proibidos pela legislação do país. </li></ul><ul><li>Artigo 60 - Exagerar a gravidade do diagnóstico ou prognóstico. </li></ul>
  21. 21. É obrigatório a ambos <ul><li>Artigo 111 - Manter sigilo quanto as informações confidenciais. </li></ul>
  22. 22. Glosas <ul><li>“ Glosar é inútil, pois não retroalimenta.” </li></ul><ul><li>( M. V. Balzan) </li></ul><ul><li>Glosa = impugnar o pagamento. </li></ul>
  23. 23. Caminhos <ul><li>Políticas de Saúde Parceria - era da negociação ( Médico Hospital X Convênio  Protocolos) </li></ul><ul><li>Envolvimento do Usuário </li></ul><ul><li>Revisão do custos dos Processos </li></ul><ul><li>Home Care </li></ul><ul><li>Hospital Dia </li></ul><ul><li>Alta precoce </li></ul><ul><li>Avaliação do nível de satisfação do usuário / Pesquisas de clima interno </li></ul><ul><li>Guidelaines / Protocolos </li></ul>
  24. 24. Resultado da Auditoria do Enfermeiro - Caso de Hospital <ul><li>Resultados Obtidos com Auditoria de Contas Médico-Hospitalares </li></ul><ul><li>Período: 1997 à 1999 </li></ul><ul><li>Valor Médio Conta  Aumento 43% </li></ul><ul><li>Registros inadequados - Enfermagem  Redução 14% </li></ul><ul><li>Problemas Faturista  Redução 32% </li></ul><ul><li>Melhoria Qualidade Conta  Aumento 43% </li></ul>
  25. 25. TIPOS DE ERROS DE ENFERMAGEM <ul><li>QT sem checagem </li></ul><ul><li>QT sem débito das quantidades de frascos utilizados (quimio) </li></ul><ul><li>Medicações e procedimentos sem checagem ou checada e circulada </li></ul><ul><li>Soro sem término </li></ul><ul><li>Falta de registro de procedimento realizados pela enfermagem e/ou falta de justificativa </li></ul><ul><li>Exames realizados sem registro </li></ul><ul><li>Ausência de registro de tempo em Oxigenoterapia, Boletim de Sala, Fototerapia, Sala de Partos, SR, UTI </li></ul><ul><li>Falta de horário em bomba de infusão </li></ul><ul><li>Medicações administradas sem prescrição escrita pelos Médicos </li></ul>

×