Movimentos Sociais
RMJ
O que são movimentos sociais?
• Os movimentos sociais são ações coletivas
com o objetivo de manter ou mudar uma
situação. ...
O que são movimentos sociais?
• Os movimentos sociais não são predeterminados,
dependem das condições em que se
desenvolve...
Movimentos sociais no Brasil
• Durante o período colonial (1500-1822) os
movimentos sociais mais significativos foram: os
...
Movimentos sociais no Brasil
• Ocorreram, no Brasil colonial, dois
movimentos pela independência em relação à
Portugal: a ...
Movimentos sociais no Brasil
• No período imperial (1822-1889) ocorreram
movimentos pelo fim da escravidão e contra a
mona...
Movimentos sociais no Brasil
• Alem dessas revoltas regionais, dois grandes
movimentos sociais, a partir de 1850 alcançara...
Período Republicano
• Guerra de Canudos (1893-1897)
• Guerra de Contestado (1912-1916)
• Movimentos de caráter urbano:
• G...
República Varguista
• 1930-1945: Movimento da Ação Integralista –
tendência fascista
• Criação da UNE, em 1937 no I Congre...
República fardada
• Golpe militar em 1964
• Movimentos armados (rurais e urbanos) de contestação ao regime
– seqüestros e ...
Movimentos sociais contemporâneos
• A partir de 1970, surgiram uma série de movimentos pela conquista
de novos direitos: M...
Movimentos sociais contemporâneos
• MST: Em parceria e contra o poder público / dentro e fora da lei;
•
• Afroreggae: Em p...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Mov soc

9.940 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
9.940
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
192
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mov soc

  1. 1. Movimentos Sociais RMJ
  2. 2. O que são movimentos sociais? • Os movimentos sociais são ações coletivas com o objetivo de manter ou mudar uma situação. Podem ser locais, regionais, nacionais e internacionais. Além de movimentos organizados, existem os chamados conjunturais, pois duram alguns diais e desaparecem, surgindo depois, com novas formas de expressão.
  3. 3. O que são movimentos sociais? • Os movimentos sociais não são predeterminados, dependem das condições em que se desenvolvem, das forças sociais e políticas que os apoiam ou confrontam. Os movimentos são sempre de confronto político e tem uma relação com o Estado, seja de oposição ou de parceria, de acordo com seus interesses. Alguns movimentos procuram disseminar visões de mundo diminuindo preconceitos e discriminações como os movimentos étnico, gay, feminista e pela paz contra a violência.
  4. 4. Movimentos sociais no Brasil • Durante o período colonial (1500-1822) os movimentos sociais mais significativos foram: os povos indígenas que lutaram do século XVI ao século XVIII para não ser escravizados e manter suas terras e seu modo de vida; e os dos africanos escravizados que faziam revoltas e formavam quilombos, que existiram do século XVII até o fim da escravidão. O mais significativo foi o dos Palmares, que começou por volta de 1630 e foi mantido até 1694 e teve de 20 a 30 mil habitantes.
  5. 5. Movimentos sociais no Brasil • Ocorreram, no Brasil colonial, dois movimentos pela independência em relação à Portugal: a Inconfidência Mineira (1789-1792) e a Conjuração Baiana (1796-1799), ambos tinham por base as idéias da Revolução Francesa. No entanto, o primeiro propunha a independência, um governo republicano, mas não o fim da escravidão, e o baiano defendia a independência, mas não o fim da escravidão.
  6. 6. Movimentos sociais no Brasil • No período imperial (1822-1889) ocorreram movimentos pelo fim da escravidão e contra a monarquia, tendo como objetivo a instauração de uma república no Brasil. Os mais expressivos foram: Cabanagem (1835- 1840), Balaiada (1839), Confederação do Equador (1824), Revolução Praieira (1848), Revolta dos Males (1835), Sabinada (1837- 1838) e Guerra dos Farrapos (1835-1845).
  7. 7. Movimentos sociais no Brasil • Alem dessas revoltas regionais, dois grandes movimentos sociais, a partir de 1850 alcançaram âmbito nacional: o movimento abolicionista e o republicano. O primeiro agregou políticos, intelectuais, poetas e romancistas, e muitos negros libertos. O segundo foi dominado pelos segmentos mais ricos da sociedade como os grandes proprietários de terra. Ambos utilizaram a imprensa e a discussão e conseguiram seus objetivos: o fim da escravidão, em 1888 e a implantação da República, em 1889. •
  8. 8. Período Republicano • Guerra de Canudos (1893-1897) • Guerra de Contestado (1912-1916) • Movimentos de caráter urbano: • Greves operárias de influência anarquista • Tenentismo – movimento político-militar •
  9. 9. República Varguista • 1930-1945: Movimento da Ação Integralista – tendência fascista • Criação da UNE, em 1937 no I Congresso Nacional dos Estudantes, organizado na Casa do Estudante do Brasil no Rio de Janeiro. • 1946-1964: nova constituição, campanha pela naciolanização do petróleo e movimentos agrários (a partir de 1955 Ligas Camponesas) • Greves, formação de sindicatos e centrais sindicais • 1962 – primeira greve nacional
  10. 10. República fardada • Golpe militar em 1964 • Movimentos armados (rurais e urbanos) de contestação ao regime – seqüestros e roubos a banco. • Campo – movimentos de guerrilheiros – Guerrilha do Araguaia – apoiada pelo PCdoB. • Movimentos políticos pela democratização: movimento pela anistia; movimento Diretas Já (1983-1984), movimento pela Constituinte (1985-1986), Movimento Estudantil, • Outros movimentos importante desta época: movimentos grevistas em SP, principalmente no ABCD (trabalhadores industriais) – destes movimentos nasceram a CUT e o PT. • No campo, Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) – surgido a partir de 1979 com o apoio de parte da Igreja Católica (Pastoral da Terra).
  11. 11. Movimentos sociais contemporâneos • A partir de 1970, surgiram uma série de movimentos pela conquista de novos direitos: Movimento ambiental, Movimento feminista, Movimento GLBTT, Movimento Negro, Movimento dos Indígenas, Movimentos dos Sem-teto. • Estes movimentos são um meio de a população organizada participar politicamente, sem que precise estar necessariamente ligada às estruturas estatais de poder. O que importa é ir além da legislação existente, procurando construir espaços políticos públicos. O movimento social pode atuar de diversas formas: em parceria com o poder público e/ou iniciativa privada; Contra ações do poder público; Resolução de problemas visando iniciativas que caberiam ao Estado (por exemplo: Associação de moradores, ONGs etc); Sociedade civil: recebendo doações de pessoas físicas ou empresas;Dentro ou fora da lei, como por exempo:
  12. 12. Movimentos sociais contemporâneos • MST: Em parceria e contra o poder público / dentro e fora da lei; • • Afroreggae: Em parceria com o poder público e com a iniciativa privada / dentro da lei / iniciativas que caberiam ao Estado – por exemplo: educação profissional. • • Congresso Nacional Africano (CNA): Em meio ao APARTHEID na África do Sul, atuou fora da lei tendo seu líder Nelson Mandela preso por 27 anos; • • Panteras Negras (EUA): luta armada ao longo dos movimentos pelos direitos civis nos EUA; • • Greenpeace: sociedade civil / dentro e fora da lei. •

×