CAMARJ NOTÍCIAS JUNHO 2011

0 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
0
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
0
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

CAMARJ NOTÍCIAS JUNHO 2011

  1. 1. I nf o r m atIv o m e n s al | n º 4 | Ju nho de 2011CamarJ faZ ConvÊnIoCom naturatIvaPensando na saúde e na qualidade de vida de o paciente tenha que comprar vários remédiosseus associados, a Diretoria da CAMARJ tra- e ingerir muitas cápsulas.balha para oferecer os melhores serviços exis-tentes no mercado. E com satisfação anuncia o Carina lembra que a compra de medicamentosnovo convênio: a rede de farmácias de manipu- manipulados requer prescrição médica, o quelação Naturativa, que oferece aos associados dá segurança ao paciente.10% de desconto em todos os produtos: medi-camentos sob encomenda (alopatia e homeo- Novos produtospatia), suplementos nutricionais e cosméticos. Além dos medicamentos, a Naturativa ofere- ce uma linha de produtos industrializados queA Naturativa é uma empresa premiada, possui engloba complementos nutricionais e cosmé-certificação ISO 9001 (ABNT – INMETRO) e ticos. O próximo lançamento, revela Carinatem todos os produtos aprovados pela ANVI- Gurgel, é um creme hidratante que atua porSA. Atualmente dispõe de oito lojas - Tijuca, 24 horas, o Ureadvanced.Ipanema, Barra, Copacabana, Centro, Madu-reira, Ramos e Bonsucesso - e de uma rede - É um produto que nutre a pele e traz um viçode atendimento específica para orientação aos imediato. Quem experimenta, compra - garante.médicos. Uma equipe de farmacêuticos podeser contatada por telefone para esclarecimen- Dentre os complementos alimentares, a novi-tos sobre fórmulas e dosagens. dade será uma cápsula de cálcio, cujo diferen- cial é a textura mole, que facilita a digestão e aSobre a manipulação de medicamentos, Carina absorção da substância.Gurgel, uma das farmacêuticas da rede, afirmaque a fabricação de remédios customizados é Para conhecer mais sobre a Naturativa e seusa nova tendência na medicina: produtos acesse o site www.naturativa.com.br, ou ligue para 2560-3557. Em breve, os asso- - Cada pessoa tem um organismo diferente e ciados receberão as carteirinhas de descontoum metabolismo próprio. As fórmulas manipu- pelo correio.ladas levam em conta essas particularidades epropiciam tratamento personalizado. Tambémfacilitam o tratamento, pois podem unir váriosmedicamentos numa só fórmula, evitando que LEIA MAIS novo Credenciado Entrevista CamarJ fornece 2ª hospital são vicente dia Internacional dose da vacina contra de Paulo do diabético hepatite a e B
  2. 2. CamarJ no novo CredenCIado Celular hosPItal sÃo vICente de Paulo Visando a máxima transparência e uma comuni- A partir de agora, a CAMARJ conta com procedimentos cirúrgicos. O objetivo é ob- cação direta e eficiente, a CAMARJ informa que novo credenciado, o HOSPITAL SÃO VI- servar alterações e possíveis complicações passará a enviar por SMS (serviço de mensagem CENTE DE PAULO, situado na Rua Dr. nas primeiras 24 ou 48 horas. de texto) notícias importantes aos associados. Satamini, 333, Tijuca, Rio de Janeiro/RJ. Serão atendidos na nova unidade pacien- Os usuários dos serviços Nextel e Claro rece- O Hospital São Vicente de Paulo é um hos- tes recém-operados que tenham doenças berão a mensagem enviada por um número de pital geral, contando com estrutura mo- crônicas, como hipertensão e diabetes, ou celular aleatório, totalmente seguro. Os usuá- derna e equipamentos de última geração, tenham sido submetidos a cirurgias de alta rios das demais empresas de telefonia móvel tendo sido certificado em 2007 pelo Con- complexidade. O novo Pós-Operatório irá receberão a mensagem com identificação do sórcio Brasileiro de Acreditação (CBA) – atender a crescente demanda do hospital e remetente: CAMARJ. elevar a segurança do paciente, que conta- órgão brasileiro ligado à Joint Commission rá com um espaço livre de infecção. A novidade tem estreia marcada: 27 de junho, International, a maior e mais antiga comis- data do início da aplicação da 2ª dose da vaci- são acreditadora dos Estados Unidos. Conheça mais sobre o hospital no site na contra Hepatite A e B na sede da CAMARJ. www.hsvp.org.br Todos os 325 associados que receberam a 1ª O Centro de Terapia Intensiva do Hos- pital São Vicente de Paulo (HSVP), no Rio dose serão comunicados por SMS para que não de Janeiro, acaba de ser ampliado e passa esqueçam que sem a 2ª dose a vacina é ineficaz. a contar com uma nova unidade voltada ao monitoramento de pacientes logo após KIt BeBÊContas da CamarJ sÃo CamarJaProvadas Por unanImIdade Os novos e pequeninos membros da fa- mília CAMARJ merecem ser recebidosEm Assembléia Geral Ordinária, realizada dia que também é de superávit, não obstante os com todo carinho e muito conforto. Ga-10 de junho, foi aprovado por unanimidade o constantes reajustes dos serviços credencia- rantir saúde perfeita para o bebê é pre-balanço financeiro de 2010 da CAMARJ, que dos, que dificultam o equilíbrio entre as despe- parar um adulto em seu pleno potencial.apresentou saldo positivo. Os Conselhos Fiscal sas e a receita da CAMARJ. Para o associado que acabou de au-e Consultivo apresentaram pareceres, também Este resultado é reflexo de uma gestão compro- mentar a família, uma boa notícia: vocêunânimes, recomendando a aprovação irrestri- metida com a excelência na administração dos tem até sessenta dias para inscrever seuta das contas. bebê sem necessidade de perícia médi- recursos da CAMARJ, somando-se ao resultado ca. Ainda leva, de mimo, um kit bebê daTambém foi aprovada por unanimidade a previ- positivo da gestão anterior. O relatório detalha- Granado Pharmácias, com sabonetes desão orçamentária para este exercício de 2011, do será enviado em breve aos associados. glicerina (líquido e em barra), óleo suave, loção hidratante, xampu e talco. No momento da inscrição do novo e pequenino associado, peça o seu kit na secretaria da CAMARJ. CellPreserve A CAMARJ também está em negocia- ofereCe ção com a Granado para a ampliação da parceria e a concessão de descontos Curso Para aos associados na aquisição dos produ- tos nas farmácias próprias. Gestantes A CAMARJ comunica que a Cell Preseve – Banco de Células Tronco ofereceu um curso gratuito para gestantes no dia 2 de julho (sábado). O evento ocorreu das 9h às 13h horas, no Centro Empresarial Mário Henrique Simonsen, na Av. das Américas, 3434, Barra da Tijuca/RJ. Houve palestras com especialistas sobre os temas “Nutrição na gestação”, “Células-tronco”, “A relação mamãe e bebê – aspectos psicológicos” e “Amamentação e cuidados com o bebê”. Novos cursos serão divulgados em breve.
  3. 3. dIa InternaCIonal do dIaBÉtICo E n trevis taDia 27 de junho é o Dia Internacional do Diabético. A doença, bastante comum, pode sercontrolada com boa alimentação e exercícios físicos. Quem explica é o Dr. Arthur Baeta,endocrinologista credenciado pela CAMARJ, que atende em seu consultório em Niterói.Dr. Arthur, o que é diabetes? E quais os principais sinais da doença?É um distúrbio metabólico que leva ao aumen-to da quantidade de glicose (açúcar) no sangue. Normalmente a quantidade de glicose no san- gue em jejum é de 70 a 100 mg/dL. Quando dICasCostuma haver distúrbios associados, como está acima de 200 mg/dL, há maior eliminaçãoaumento de gorduras no sangue. Ocorre por- de glicose pela urina, o que faz com que o in- Para quem tem diabéticosque há ação deficiente do hormônio insulina, divíduo urine mais. Com essa perda de líqui- na famíliaproduzido no pâncreas, e principal hormônio do, há aumento de sede. E, como há perda de • Checagem periódica de glicose noregulador do metabolismo da glicose. energia, a fome também aumenta. Mesmo as- sangue, para os adultos. sim, pode haver emagrecimento, pois a energia • Manutenção do peso adequado.Diabetes é problema de saúde bastante comum. dos alimentos não é bem aproveitada.De acordo com o IDF (International DiabetesFederation), há mais de 250 milhões de diabé- No diabetes tipo 2, de evolução lenta, podem Para quem já tem diabetesticos no mundo. No Brasil as estatísticas não não ocorrem estes sintomas. É comum desco- • Sempre tirar as dúvidas com o médi-são atualizadas, porém estima-se que ocorra em brir-se diabético em exames de rotina - peri- co. Não há perguntas tolas. O lugar11% das pessoas acima de 40 anos. Cerca de ódicos de emprego, por exemplo. Se a glicose certo para tirar dúvidas é durante ametade pode não saber que tem o problema. em jejum, em duas ocasiões, estiver acima de consulta. E atenção: cuidado com re- 126 mg/dL, considera-se que a pessoa tem dia- ceitas de vizinhos “experientes”! betes. Se estiver entre 100 e 126 mg/dL podeQuais os tipos de diabetes? • Conhecer os seus medicamentos: em ser sintoma de diabetes, e a dúvida deve serDiabetes é um grupo de doenças que têm em esclarecida por meio de teste de sobrecarga doenças como diabetes e hipertensão,comum o aumento da glicose no sangue. Há quem executa o tratamento é o pa- de glicose solicitado pelo médico.dois tipos principais. O mais comum é o Tipo 2, ciente no seu dia-a-dia, ao seguir asem cerca de 90% dos casos. Costuma aparecer orientações dadas. É comum o pacien-com o avançar da idade, e tem evolução mais É possível prever se a pessoa se tornará te chegar na consulta e não saber oslenta. É uma doença genética e, na maioria dos diabética? nomes dos medicamentos que usa.casos, há história do problema entre familiares. No caso do diabetes tipo 1 não há como pre- • Conhecer os números: o tratamentoEm geral está associado ao excesso de peso, ver, portanto não existe estratégia de preven- do diabetes tem alvos a serem atin-e o emagrecimento faz parte do tratamento. ção. No caso do tipo 2, mais comum, a ocor- gidos. Alguns são medidos em núme- rência de um caso na família (pais, irmãos) faz ros: valor da glicose, do colesterol, daO diabetes Mellitus tipo 1 é menos frequente com que o indivíduo tenha mais chance de pressão, etc. Discutir sobre esses nú-– cerca de 5 a 10% dos casos. Embora possa desenvolver o problema. Assim, podem-se es- meros com o médico.ocorrer em qualquer idade, aparece com maior tabelecer estratégias de prevenção.frequência entre a infância e adolescência. Nes- • Ler sobre a doença em fontes confiá-te tipo há redução da quantidade de células beta veis. Nos sites de Sociedades Médicas Numa família com vários casos, deve haverdo pâncreas, que produzem insulina. Chega um sempre há links para os pacientes. controle de peso e redução do sedentarismo,determinado momento em que a insulina é in- para reduzir a sobrecarga sobre o pâncreas esuficiente, e surge a glicose alta no sangue. o impacto da doença. A orientação alimentar adequada facilita este equilíbrio. Também pela alimentação pode-se Nas mulheres pode ocorrer uma forma de controlar o peso, o que ajuda no tratamento. diabetes que aparece somente na gravidez. É a A segunda perna do banquinho é a atividade diabetes gestacional, que requer muita atenção física. Com o exercício há melhor aproveita- e costuma regredir após o parto. Aparece em mento dos alimentos e a insulina funciona mulheres que tem mais chance de tornarem-se melhor (atua na célula muscular). Resultado: diabéticas ao longo da vida. acumulamos menos energia sob a forma de gordura corporal. Há inúmeros outros bene- fícios associados aos exercícios (circulatórios, Como é o tratamento? cardiorrespiratórios, mentais, etc.) A terceira Costumo utilizar uma imagem, a do banquinho perna é a utilização adequada dos medicamen- de três pernas. Uma é a alimentação. Quando tos: em doses corretas e pelo período adequa- nos alimentamos há elevação da glicose no san- do, conforme orientação médica. gue, equilibrada pela ação da insulina, que faz com que haja aproveitamento adequado dos nutrien- Um banquinho deve ter as três pernas equili- tes. No diabetes, com a ação inadequada da in- bradas, ou tomba. Não adianta, por exemplo, sulina, a glicose tende a subir com a alimentação querer compensar excessos alimentares ou - mesmo quando não se consomem açúcares. falta de exercícios com medicamentos. Leia também o artigo sobre o Dia Internacional de Combate às Drogas no site www.camarj.com.br “Álcool e Drogas: um problema novo?”, Dra. Selene Franco Barreto e Dra. Ana Paula Barros Teixeira
  4. 4. CamarJ forneCe vaCIna Para assoCIados vIaJantes da CooPeratIva dos defensoresEm razão do surto de sarampo e rubéola na são varia de quatro a seis dias antes do apa- de gânglios e artralgia. O período de transmis-Europa, a CAMARJ está fornecendo vacina recimento do exantema até quatro dias após são é de cinco a sete dias do aparecimentotríplice (sarampo, rubéola e caxumba) para os o surgimento das manchas. A vacina é o meio de machas avermelhadas. A transmissão ocor-associados que integram o grupo de viagem à mais eficaz de prevenção. re de pessoa a pessoa por meio de secreçõesGrécia e Turquia da COODPERJ – Coopera- expelidas pelo doente ao tossir, falar e respirar.tiva de Crédito dos Defensores Públicos do De 2001 a 2005, o Brasil apresentou apenasEstado do Rio de Janeiro. 10 casos de sarampo, dos quais quatro foram Outra forma de transmissão é por via sanguí- importados (Japão, Europa e Ilhas Maldivas) e nea, o que ocorre somente quando mulheresO Ministério da Saúde recomenda que todos seis casos eram associados a essa importação. grávidas adoecem e transmitem para o feto. Aos viajantes sejam vacinados contra sarampo infecção na gravidez acarreta inúmeras compli-e rubéola. Em 2006, foram registrados 57 casos na Bahia com cações para os recém-nascidos, como malfor- fonte de infecção desconhecida, com identificação mações congênitas, principalmente cegueira eSarampo – Doença aguda, altamente con- de genótipo que ainda não tinha circulado no país. surdez. A vacina também é o meio mais eficaztagiosa, transmitida por vírus. Os sintomas Em 2010, foram confirmados 68 casos (no Pará, de prevenção.mais comuns são febre, tosse seca, exantema Rio Grande do Sul e Paraíba) – todos importados(manchas avermelhadas), coriza e conjuntivite. ou associados a esses casos importados. O Ministério da Saúde e a ANVISA tambémA transmissão ocorre de pessoa a pessoa, por recomendaram que não sejam consumidosmeio de secreções expelidas pelo doente ao Rubéola – Transmitida por vírus, os sintomas vegetais crus, em razão do surto da bactériatossir, falar ou respirar. O período de transmis- mais comuns são febre e exantema, inflamação E.coli na Alemanha.CamarJ forneCe 2ª dose davaCIna Contra hePatIte a e B voCÊDe 27 de junho a 8 de julho, a CAMARJ realizaaplicação da 2º dose da vacina contra HepatiteA e B para os 325 associados que receberam a que impedem uma nova infecção. A prevenção da doença pode ser feita com a vacina, deixan- do imunidade por 10 anos. saBIa?aplicação da 1ª dose. Hepatite B é uma infecção provocada por vírusHepatite A é uma infecção provocada por vírus (VHB). É uma das doenças mais frequentes do(VHA), que normalmente entra no organismo mundo contemporâneo, uma infecção grave quepelo sistema digestivo. É uma doença conside- deixa sequelas pelo resto da vida. O vírus trans-rada aguda que se cura rapidamente, na maio- mite-se através do contato com sangue e fluidosria dos casos. Após a cura, o vírus desaparece corporais de uma pessoa infectada, da mesma A CAMARJ concede empréstimo semdo organismo e surgem anticorpos protetores maneira que o vírus HIV. Contudo a prevenção juros ou encargos aos associados, para contra o vírus da Hepatite B está ao nosso al- cance através da vacina, que tem uma eficácia a hipótese de reembolso não integral de superior a 95% por um período de até 10 anos. procedimento cirúrgico e anestesiológico autorizado e coberto pela CAMARJ, do A vacina é indicada para indivíduos com idade a partir de 12 meses. Não apresenta contra valor restante até o limite de 5 (cinco) indicação, sendo administrada em três doses. vezes o valor a ser reembolsado. A aplicação está sendo realizada de segunda Mais um benefício a sexta, das 10h às 17h, na sede da CAMARJ. Dúvidas, entrar em contato com a Coordena- exclusivo CAMARJ! doria Médica, no telefone (21) 2533-4334. Você conhece algum Defensor Público A aplicação da 3ª e última dose ocorrerá entre que não seja associado da CAMARJ? os dias 28 de novembro e 9 de dezembro, tam- Mostre-lhe nossos benefícios exclusivos! bém na sede da CAMARJ. Exp e d i e nt e Conselho Diretor Drª Thais Moya (Presidente), Dr. Marcílio André da Silva Penido Dutt Ross, Dr. Lucano Antony, Dr. Dacio da Costa Guerra, Drª Elaine Maria de Farias Fernandez, Vieira (Diretor Vice-Presidente), Drª Edna Miudin Guerreiro Drª Gabriela Varsano Cherém, Dr. Oswaldo Deleuze CAMARJ | Caixa de Assistência aos Membros da (1º. Diretor Tesoureiro), Drª Maria Inês Câmara de Araújo Raymundo, Drª Mariza Celente Pires Cassús (2º. Diretor Tesoureiro), Dr. Leandro Santiago Moretti (1º. Assistência Judiciária do Estado do Rio de Janeiro Diretor Secretário), Dr. Cristian Pinheiro Barcelos (2º. Suplentes Diretor Secretário), Drª Adriana Araújo João (1º. Diretor Dr. Nelson Ribeiro Cassús, Dr. Francisco Messsias Sede de Benefícios), Drª. Luciana Telles da Cunha (2º. Diretor de Neto, Dr. Helvécio Ribeiro Guimarães, Drª Juliana Rua do Carmo n° 7 - 2° Andar - Centro Benefícios) Bastos Lintz, Dr. Dirceu Ramos Neves Rio de Janeiro - RJ - Tel: 2533-5995 Conselho Consultivo Conselho Fiscal Coordenadoria Médica Drª Zady de Andrade Ramos (Presidente), Drª Jane Dr. Francisco Bastos Viana de Souza (Presidente), Drª Laís Av.Almirante Barroso n° 63 - Grupo 503 - Centro Rezende Medina (Vice-Presidente), Drª Maria Leonor Tomaz Magalhães Tracy, Drª Carmen Lúcia do Passo Rio de Janeiro - RJ - Tel: 2533-4334 Fragoso de Queiroz Carreira, Dr. Fabiano de Carvalho Sede Campestre Oliveira, Dr. José Fontenelle Teixeira da Silva, Drª Silvia Suplentes Rua Jordão n° 476 - Taquara Maria Nascimento Teixeira, Drª Lina Vilalva, Drª Bernardett Drª Carolina de Souza Crespo Anastácio, Drª Renata Rio de Janeiro - RJ - Tel: 2423-2921 / 2443-4107 de Lourdes Cruz Rodrigues Espírito Santo, Drª Paula Gonçalves dos Santos Bifano, Dr. Marcos Coelho Aires

×