MBA (GC)

158 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
158
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

MBA (GC)

  1. 1. GRUPO I – Globalização e concorrência MBA 2010 / 2011 GRUPO I – Bruno Branco, Leonor Santos, Lourenço Campos, Nelson Moreira, Rui Ramos
  2. 2. GRUPO I – Globalização e concorrência Pág. 2 / 21 MATERIALI MATERIAIS AUSILIARI AUXILIARES PER PARA A EDILIZIA E CONSTRUÇÃO E INDUSTRIA INDUSTRIA GRUPO I – Bruno Branco, Leonor Santos, Lourenço Campos, Nelson Moreira, Rui Ramos
  3. 3. GRUPO I – Globalização e concorrência Pág. 3 / 21 HISTÓRIA A história da Mapei é a história de uma família de empresários de Milão – a família Squinzi – que em 1937 fundou uma pequena empresa de produção de tintas, rebocos coloridos e adesivos para cerâmica e levou a empresa ao sucesso, transformando-a no maior produtor mundial de adesivos, impermeabilizantes e produtos químicos para a construção. Apostando na investigação científica, na especialização dos produtos e na internacionalização, Giorgio Squinzi, à frente do grupo desde 1984, tem continuado a expansão da Mapei, impondo no mundo inteiro novos standards qualitativos nos produtos para construção.
  4. 4. GRUPO I – Globalização e concorrência Pág. 4 / 21
  5. 5. GRUPO I – Globalização e concorrência Facturação 2.000 M€ 10 centros de I&D Investimento I&D 100 M€ Colaboradores 7.000 Colaboradores I&D 840 Pág. 5 / 21
  6. 6. GRUPO I – Globalização e concorrência PILARES SUCESSO 1. Ser o melhor fornecedor dos nossos clientes. 2. Construir uma relação de parceria com os nossos fornecedores estratégicos. 3. Estar sempre um passo à frente. 4. Manter sólidas fundações financeiras. 5. Inovar constantemente. 6. Aperfeiçoar todos os nossos procedimentos por meio de controlo de qualidade. 7. Construir uma equipa ganhadora e comprometida. 8. Estar à frente em termos de segurança ambiental e de saúde. 9. Estar determinados em alcançar a excelência. 10. Comunicar sempre a verdade. Pág. 6 / 21
  7. 7. GRUPO I – Globalização e concorrência Pág. 7 / 21 CONCORRÊNCIA E COMPETITIVIDADE Concorrência – “rivalidade” existente entre os vários agentes económicos, onde deverá ser garantida a independência e a liberdade de acção para os . intervenientes. Numa lógica de mercado concorrencial, as empresas funcionam em ambiente de estabilidade, de cooperação e de concorrência. Sempre que a estabilidade desse mercado se torna incerta várias acções podem ser tomadas. São elas: -A fusão -A cooperação -A liderança e orientação dos concorrentes -A internacionalização / Globalização Modelo E-C-R (Estrutura-Comportamento-Resultado) Este modelo diz que o comportamento de uma empresa é influenciado por todas as condições que determinam a estrutura de mercado.
  8. 8. GRUPO I – Globalização e concorrência Pág. 8 / 21 Modelo E-C-R Estrutura de Mercado -Dimensão do Mercado (nº de compradores e nº de vendedores) -Diferenciação do produto . -Barreiras à entrada (através de economias de escala, diferenciação do produto, acesso a canais de distribuição, produtos existentes, regras governamentais, etc) -Estrutura de Custos -Presença de concentrações (fusões, cooperações, etc.) Analise Global do Sector de Actividade – 5 Forças de Porter Entrada de novos concorrentes – não existem barreiras significativas Entrada de novos produtos – não existem barreiras significativas
  9. 9. GRUPO I – Globalização e concorrência Pág. 9 / 21 Modelo E-C-R Analise Global do Sector de Actividade – 5 Forças de Porter . Poder negocial dos clientes – não é elevado nem restritivo Poder negocial dos fornecedores – centra-se nas matérias primas e na logística Rivalidade na industria – é muito elevada e pouco atractiva
  10. 10. GRUPO I – Caso MAPEI Pág. 10 / 21 Modelo E-C-R -Comportamento – consiste na postura da empresa em relação ao mercado onde está inserida. O número de empresas existentes no mercado e o seu comportamento determina o processo de . tomada de decisão. Exemplo da postura da MAPEI perante o mercado é o seu contributo para uma construção sustentável. Classificação EC1 Tecnologia BioBlock ® Produtos que contribuem para uma construção sustentável, relativamente à:  Defesa dos recursos naturais não renováveis  Segurança do ambiente, da saúde do aplicador e do utente final Tecnologia DustFree ®
  11. 11. GRUPO I – Globalização e concorrência Pág. 11 / 21 Modelo E-C-R -Resultados – efeitos do funcionamento de determinada estrutura de mercado. Os mercados competitivos tendem para a eficiência, são por isso desejáveis, havendo mesmo por parte dos governos o incentivo ao cumprimento de leis anti-monopólio. . A estratégia competitiva das empresas implica um posicionamento de forma a minimizar o valor das características que o distinguem dos seus concorrentes. De seguida, apresentamos a análise PESTA para a MAPEI, com o intuito de identificar factores que podem ter impacto nos resultados.
  12. 12. GRUPO I – Globalização e concorrência Pág. 12 / 21 Principais concorrentes por linha de negócio Cerâmica Construção Resilientes Adjuvantes para betão Adjuvantes para cimento Obras subterrâneas
  13. 13. GRUPO I – Globalização e concorrência 4.1 Internacionalização . Pág. 13 / 21
  14. 14. GRUPO I – Globalização e concorrência Pág. 14 / 21 Os objectivos da internacionalização da Mapei são a abertura de novos mercados, . a partilha do saber e da experiência e o profundo conhecimento de qualquer país através da maior proximidade às exigências locais e minimizar os custos de transporte. No final de 2009, tem 63 filiais, com 10 laboratórios de investigação e desenvolvimento, 56 fábricas, cada uma com um laboratório de controle de qualidade. O número de colaboradores está a aumentar drasticamente: à quinze anos atrás havia 512 em 2010 superaram os 7.000, dos quais 12% estão adstritos à investigação.
  15. 15. GRUPO I – Globalização e concorrência Pág. 15 / 21
  16. 16. GRUPO I – Globalização e concorrência I&D 10 Centros de I&D em todo o Mundo : (Milão,Villadossola,Toulouse, Wiesbaden, Laval, Deerfield Beach,Sagstua) Alta Tecnologia. Intercambiocolaboração Pesquisa Cientifica - 63 unidades fabris que operam em 35 Países diferentes em todos os continentes. - 7 000 colaboradores, sendo que por dia são expedidas mais de 17 mil toneladas de produtos das empresas Mapei, para mais de 50.000 clientes em todo o Mundo, atingindo um volume de vendas global de 2,0 bilhões de Euros. Pág. 16 / 21
  17. 17. GRUPO I – Globalização e concorrência Pág. 17 / 21 Internacionalização 2009 2010 MAPEI - África do Sul MAPEI - México MAPEI - Croácia Polyglass – Itália, Roménia e USA MAPEI - Bulgária Mapintec – Itália BetonTechnik – Austria APAC - USA
  18. 18. GRUPO I – Globalização e concorrência Vantagens 1. Capacidade de standardizar a oferta de produtos a consumidores globais 2. Explorar eficiências a uma escala global 3. A centralização permite a concentração de recursos e o rápido desenvolvimento e difusão de novos produtos Pág. 18 / 21
  19. 19. GRUPO I – Globalização e concorrência Desvantagens 1. Standardização não reconhece as preferências locais 2. Organização é dominada pela cultura de uma única nação 3. A centralização das funções e do poder dificulta a reacção a estímulos externos identificados nos mercados exteriores Pág. 19 / 21
  20. 20. GRUPO I – Globalização e concorrência Visão actual do grupo Pág. 20 / 21
  21. 21. GRUPO I – Globalização e concorrência Pág. 21 / 21 Estratégia para o futuro 2011 Brasil? Panamá? Índia? Japão? Coreia do Sul?

×