Apresentação sobre RDF - disciplina in940 - por bifm

182 visualizações

Publicada em

Apresentação (aula) sobre Triplas RDF - Web Semântica.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
182
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação sobre RDF - disciplina in940 - por bifm

  1. 1. de 62 wwwwww Web Semântica: Triplas RDF Disciplina de Pós-Graduação – Banco de Dados - IN940 Profa. Ana Carolina Salgado, PhD. Prof. Fernando da Fonseca de Souza, PhD. Bruno Iran Ferreira Maciel, MSc. Candidate UFPE Junho de 2012 cin.ufpe.br 1
  2. 2. de 62 Guia IntroduçãoIntrodução MotivaçãoMotivação N3 ou Notation 3N3 ou Notation 3 N-TripleN-Triple RDF/XMLRDF/XML TurtleTurtle Tripla RDFTripla RDF Representar conhecimentoRepresentar conhecimento Web SemânticaWeb Semântica JenaJena R2R ServerR2R Server RDF é um padrão para descrever recursos na WebRDF é um padrão para descrever recursos na Web Capacidade de reutilizaçãoCapacidade de reutilização NotaçãoNotação O que é?O que é? RDF/JSONRDF/JSONObjetivoObjetivo AplicaçãoAplicação FerramentasFerramentas Considerações finaisConsiderações finais ReferênciasReferências 2
  3. 3. de 62 Introdução 3
  4. 4. de 62 RDF “Resource Description Framework” É um padrão para descrever rescursos na web. 4
  5. 5. de 62 É uma recomendação do W3C para a padronização de descrições de metadados para recursos baseados na Web. 5
  6. 6. de 62 O que é um recursos na web? R: qualquer coisa que tenha identidade. 6
  7. 7. de 62 http://1.bp.blogspot.com/-YgD75pK22R0/T5r0usBxjsI/AAAAAAAAER8/o8QWcbDLd-4/s1600/gato.JPG http://2.bp.blogspot.com/-ug4d-jdBV2g/T5r0von247I/AAAAAAAAESE/nGcO7bWHm_M/s1600/gato1.jpg http://4.bp.blogspot.com/-rI2Xr9cDIQ0/T5r05LswlyI/AAAAAAAAEUE/c6-6F-Yj8-A/s1600/gato24.jpg http://4.bp.blogspot.com/-xcTamYm1jPE/T5r00HXLBpI/AAAAAAAAES8/STPBofLGKvo/s1600/gato16.jpg 7
  8. 8. de 628
  9. 9. de 629
  10. 10. de 6210
  11. 11. de 62 Segundo a RFC 2396: Um recurso pode ser qualquer coisa que tenha identidade. Nem todos os recursos são da rede "recuperáveis"; por exemplo, seres humanos, corporações, e livros encadernados em uma biblioteca também pode ser considerado recursos. Um recurso na web é identificado por uma URI. http://www.ietf.org/rfc/rfc2396.txt 11
  12. 12. de 62 Uma Tripla RDF _ _ _ _ _ _ 12
  13. 13. de 62 Uma Tripla RDF É um bloco básico em RDF, composta por recursos, propriedades e declarações. (Antoniou and van Harmelen, 2008) 13
  14. 14. de 62 Cada tripla pode ser interpretada como uma afirmação sobre um recurso. 14
  15. 15. de 62 Ela representar de maneira padronizada a semântica de um determinado domínio. 15
  16. 16. de 62 Motivação 16
  17. 17. de 62 Descrever dados e metadados de uma forma coerente de acesso aos padrões de metadados ( namespaces*) publicados na Web. 17
  18. 18. de 62 Exemplo de código XML que utiliza três diferentes namespaces. 18
  19. 19. de 62 Tripla RDF 19
  20. 20. de 62 A idéia do RDF é a descrição dos dados e dos metadados por meio de um esquema de “triplas” de recurso-propriedade-valor, e uma forma coerente de acesso aos padrões de metadados ( namespaces*) publicados na Web. 20
  21. 21. de 62 As propriedades do RDF são um tipo especial de recurso e são identificadas por URI. 21
  22. 22. de 62 Tripla RDF Descrevem relações entre recursos. Exemplo: tem um nome, tem um email, etc 22
  23. 23. de 62 URI A Uniform Resource Identifier (URI) é uma cadeia de caracteres, usada para identificar ou determinar um recurso na Web. 23
  24. 24. de 62 URI Uma URI é composta por um localizador (URL) ou um nome (URN), ou ainda, de ambos. 24
  25. 25. de 62 URL A Uniform Resource Locator (URL), é um método de encontrar um recurso. URN A Uniform Resource Name (URN) define a identidade de um recurso. 25
  26. 26. de 62 A URN identifica um recurso pelo nome através de um namespace, mas não define qual recurso vai precisar. Você encontra o URN em esquemas XML. urn:<namespace>:<string> 26
  27. 27. de 62 A URL é a parte mais especializada da URI que define exatamente o local do recurso. A URL mostra exatamente qual item você vai pegar. <protocol>:// <host> [:<port>] [<path> [? <query>]] 27
  28. 28. de 62 1 de 4 Exemplo de URL http://www.cin.ufpe.br/~bifm/cv/cv1.pdf Servidor CIn.ufpe.br Protocolo HTTP Diretórios ~bifm cv cv1.pdf 28 Arquivo
  29. 29. de 62 Exemplo de URN Exige um resolver. urn:isbn:04045065 Resolver Endereço Servidor 29
  30. 30. de 62 Exemplo de PURL (URL Persistente) Exige um resolver. http://purl.oclc.org/bifm/cv Resolver Endereço Servidor Ativo desde Abril de 1996 http://cin.ufpe.br/~bifm/cv URN:/ org / oclc / purl / bifm / cv 30
  31. 31. de 62 Uma Tripla RDF É um modelo que contém um conjunto de declarações. Declaração = (sujeito, predicado, objeto) Sujeito é um recurso Predicado é um recurso (propriedade) Objeto é um recurso ou um literal (valor) 31
  32. 32. de 62 Tripla RDF As declarações em RDF são as propriedades dos recursos. Uma declaração é uma tripla consistindo de um sujeito, um predicado e um objeto. Sujeito Objeto Predicado 32
  33. 33. de 62 Tripla RDF Essa tripla é descrita por P(S,O), onde S significa um sujeito contendo um predicado ou atributo P com valor O. Os valores O podem ser outros recursos ou literais (strings). Grafo de triplas (sujeito, predicado e objeto). 33
  34. 34. de 62 A posição dos elementos P(S,O) define a semântica da afirmação. Sujeito Objeto Predicado 34
  35. 35. de 62 Na posição do sujeito, está o recurso sobre qual a afirmação está sendo feita. Sujeito Objeto Predicado 35
  36. 36. de 62 O predicado é outro recurso que denota uma propriedade do sujeito e o relaciona através dessa propriedade com o objeto. Sujeito Objeto Predicado 36
  37. 37. de 62 O objeto pode por sua vez ser outro recurso ou possuir um valor literal. Sujeito Objeto Predicado 37
  38. 38. de 62 Um exemplo de uma afirmação representada através de uma tripla RDF pode ser: “Fernando é professor de Elyda.”, que seria representada da seguinte forma: 38
  39. 39. de 62 • Sujeito: http://example-domain.com/people/fernando (URI do recurso que representa Fernando) • Predicado: http://teacher-ontology/predicates/isTeacherOf (URI do recurso que define uma relação de professor) • Objeto: http://example-domain.com/people/elyda (URI do recurso que representa Elyda) 39
  40. 40. de 62 Uma base RDF que utilize a ontologia apresentada como exemplo e possua a afirmação “Fernando é professor de Elyda” poderia ser composta das seguintes cinco triplas: 40
  41. 41. de 62 Sujeito: <http://example-domain.com/people/fernando> Predicado: <http://www.w3.org/1999/02/22-rdf-syntax-ns#type> Objeto: <http://family-ontology/classes/Person> Sujeito: <http://example-domain.com/people/fernando> Predicado: <http://www.w3.org/2000/01/rdf-schema#label> Objeto: Fernando Sujeito: <http://example-domain.com/people/elyda> Predicado: <http://www.w3.org/1999/02/22-rdf-syntax-ns#type> Objeto: <http://family-ontology/classes/Person> Sujeito: <http://example-domain.com/people/elyda> Predicado: <http://www.w3.org/2000/01/rdf-schema#label> Objeto: Elyda Sujeito: <http://example-domain.com/people/fernando> Predicado: <http://teacher-ontology/predicates/isTeacherOf> Objeto: <http://example-domain.com/people/elyda> 41
  42. 42. de 62 Notações 42
  43. 43. de 62 Notações para representar Triplas RDF. N3 ou Notation 3 N-Triple RDF/XML Turtle/N3 RDF/JSON 43
  44. 44. de 62 Notações para representar Triplas RDF. N3 ou Notation 3 (Berners-Lee, 1998), Nesta sintaxe, o sujeito, predicado e objeto são separados por espaços, e a tripla é encerrado com um ponto (.). Um exemplo real de N3 seria: <http://weblog.burningbird.net/fires/000805.htm> <http://purl.org/dc/elements/1.1/creator> Shelley. 44
  45. 45. de 62 Notações para representar Triplas RDF. N-Triples é um subconjunto do N3, ele suporta o mesmo formato de triplas RDF. É possível observar que, nessa notação, os URIs dos recursos são repetidos várias vezes. Exemplo de documento RDF em notação N-TRIPLES. 45
  46. 46. de 62 Notações para representar Triplas RDF. N-Triples - Para facilitar o uso de URIs, estes são substituídos por QNames (XML qualified names). Em um arquivo RDF podem ser definidos namespaces e os QNames utilizam-os para simplificar os URIs. Exemplo de documento RDF em notação N-TRIPLES, utilizando QNames. 46
  47. 47. de 62 Notações para representar Triplas RDF. RDF/XML descreve as triplas em XML. Exemplo de documento RDF em notação RDF/XML. 47
  48. 48. de 62 Notações para representar Triplas RDF. Turtle possue foco na abreviação do código. Exemplo de documento RDF em notação Turtle/N3, utilizando QNames. 48
  49. 49. de 62 Notações para representar Triplas RDF. RDF/JSON Exemplo de documento RDF em notação RDF/JSON. 49
  50. 50. de 62 Aplicação 50
  51. 51. de 62 Para que seja possível a implementação da Web Semântica, bem como das outras gerações da Web. 51
  52. 52. de 62 Linked Data 52
  53. 53. de 62 Ferramentas 53
  54. 54. de 62 Jena Basicamente é um framework que implementa o protocolo SPARQL para consulta em dados RDF. 54
  55. 55. de 62 Hercules É um compacto e livre framework JavaScript para construir aplicações da Web Semântica. Hércules oferece APIs simples para manipular os dados da Web Semântica relacionados, tais como RDF, RDFS e SPARQL. 55
  56. 56. de 62 R2R Server Transformação de conjuntos de dados RDF utilizando linguagem de mapeamento especifica semelhante a do SPARQL. 56
  57. 57. de 62 Considerações Finais 57
  58. 58. de 62 RDF possui como propósito a descrição dos recursos com informação que possa ser interpretada por aplicações, e não apenas exibidas para seres humanos. 58
  59. 59. de 62 O conceito de triplas pode ser considerado o “conceito chave” da Web Semântica. 59
  60. 60. de 62 Obrigado 60
  61. 61. de 62 Referências 61
  62. 62. de 62 Referências http://planetrdf.com/guide/ http://purl.oclc.org/docs/long_intro.html http://www.dajobe.org/2003/11/ntriplesplus/ http://www.w3.org/DesignIssues/Notation3.html 62

×