Apresentação Cadbury97

1.961 visualizações

Publicada em

Cadburry presentation, for marketing class at ESPM - RS

Publicada em: Diversão e humor, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.961
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
17
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
40
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação Cadbury97

  1. 1. POR BRUNO CELIDONIO E LUCAS DE A. COSTA
  2. 3. EMPRESA
  3. 4. <ul><li>Resultado de fusão em 1969 entre a “Schweppes” (empresa originalmente de água mineral fundada em 1783) com empresa de varejo especializada em produtos de cacau, fundada em 1824, por John Cadbury; </li></ul><ul><li>Marcas tradicionais (algumas criadas entre o final do século 19 e início do século 20); </li></ul><ul><li>“ Cadbury Dairy Milk” e a “Dr. Pepper”; </li></ul><ul><li>Recente estratégia agressiva de aquisição (20 anos); </li></ul>
  4. 5. <ul><li>“ Cadbury Schweppes” - empresa multinacional de origem Inglesa; </li></ul><ul><li>Negócio: Indústria alimentícia; </li></ul><ul><li>Segmento: Chocolates, balas, gomas de mascar, confeitos e bebidas; </li></ul><ul><li>líder mundial em market-share (chocolate, bala e goma de mascar); </li></ul><ul><li>atuação global; </li></ul>
  5. 6. <ul><li>“ Americas Beverage” : Estados Unidos, Canadá e México (Dr. Pepper, 7Up, Snapple e Mott’s) – mais rentável ; </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>“ Americas Confectionary”: Estados Unidos, Canadá, México, Brasil e Argentina (Trident, Bubbaloo, Halls, Clorets e Cadbury); </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>“ Europe, Middle East and Africa”: Europa Ocidental e Oriental, Continente Africano, Inglaterra, Irlanda, Rússia, Espanha, França, Polônia, África do Sul e Egito – maior faturamento ; </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>“ Asia Pacific”: Ásia e Oceania. Os principais mercados são: Nova Zelândia, Japão, Índia, China, Tailândia, Malásia e Indonésia; </li></ul>
  6. 7. <ul><li>Chocolates vem perdendo relevância nos últimos anos para os negócios de Chicletes e Balas, mas ainda é a categoria mais expressiva no faturamento da empresa; </li></ul><ul><li>segmento de balas manteve-se praticamente estável no mesmo período; </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>Do ponto de vista de região geográfica, verifica-se que a divisão América ganhou importância; </li></ul><ul><li>“ Europe, Middle East and Africa” apresentou recuo de importância; </li></ul>
  7. 8. <ul><li>  </li></ul><ul><li>Grande mudança estrutural - compra da “Adams” em 2003; </li></ul><ul><li>Grande relevância no continente americano (representa cerca de 75% do faturamento global da operação), tanto nos Estados Unidos e Canadá (cerca de 60% da operação no continente) como em países em desenvolvimento como México, Brasil, Argentina e Colômbia (representando os demais 40%); </li></ul><ul><li>A empresa detém atualmente 17% do market-share de confeitos na América Latina; </li></ul><ul><li>Este valor é mais do que o dobro do principal concorrente - mesmo a empresa não atuando no mercado de chocolates; </li></ul>
  8. 9. <ul><li>Detém atualmente 17% do market-share de confeitos na América Latina (mais que o dobro do principal concorrente, mesmo a empresa não atuando no mercado de chocolates); </li></ul><ul><li>Em relação aos concorrentes, apresenta um melhor equilíbrio entre as três categorias que compõem o mercado de confeitos: chocolates, balas e gomas de mascar; </li></ul><ul><li>A “Cadbury” detém no mercado global a liderança do segmento de balas, vice-liderança em gomas e quarta posição em chocolates; </li></ul>
  9. 10. <ul><li>inovações na linha de chocolates premium sob a marca “Cadbury”; </li></ul><ul><li>Novidades: “Cadbury Delight” (Ovo de Páscoa de alto valor agregado), “Snaple” (chocolate de waffle para consumo compartilhado), Versões luxuosas de “Roses and Flakes”; </li></ul><ul><li>“ Cadbury Dairy Milk” - marca de 100 anos de idade com posicionamento de “Tradição Histórica”; </li></ul><ul><li>Crescimento privilegia presença em todos os segmentos do mercado “Confeitos”; </li></ul>
  10. 11. DADOS
  11. 12. PERCEPÇÃO DA MARCA
  12. 13. ESTRATÉGIA
  13. 14. <ul><li>Entrada no mercado nacional, uma vez o mercado brasileiro de crescimento estável no que tange ao consumo deste tipo de produto, além de representar significativo mercado (porém ainda com grande potencial de crescimento); </li></ul><ul><li>Necessidade de bases de produção – compra de empresa produtora no país; </li></ul><ul><li>Não há necessidade de importação de chocolates, o que acarreta em preços mais acessíveis e produção em escala; </li></ul><ul><li>Investimento na compra da Neugebauer; </li></ul>
  14. 15. <ul><li>Vantagens: </li></ul><ul><li>Capacidade de produção em larga escala; </li></ul><ul><li>já possui indústrias de chocolate (já pronta com a produção da empresa adquirida); </li></ul><ul><li>posição estratégica na região sul (consumidora potencial); </li></ul><ul><li>clima frio, o que acarreta em maior atração de consumidores; </li></ul>
  15. 16. <ul><li>Justifica-se ainda a compra da Neugebauer (empresa conhecida e de tradição) embora o foco atual da comprada seja no preço mais barato; </li></ul><ul><li>Pretensão de permanecer com a marca de chocolates Neugebauer para o segmento de menor renda, com preços mais acessíveis; </li></ul><ul><li>Inserção no mercado nacional pode representar uma competição diferenciada, já que não teria foco funcional, mas posicionada para consumidor; </li></ul>
  16. 17. <ul><li>Posicionamento no mercado nacional: </li></ul><ul><li>Linha sofisticada, com chocolates com alto teor de cacau, chocolates ao leite e com avelã; </li></ul><ul><li>A marca não será relacionada ao portfólio de produtos da ADAMS e nem da Neugebauer; </li></ul><ul><li>Adotará sua marca original, de nome Cadbury; </li></ul>
  17. 18. <ul><li>Os produtos terão sua linha traduzida para o português; </li></ul><ul><li>Percepção alta: tradicional, de alto valor no exterior, chamando atenção do brasileiro; </li></ul><ul><li>Barras de “luxo”, não tão exclusivas e caras quanto as de luxo da Hersheys, mas com preços mais elevados; </li></ul><ul><li>Enfoque em suas especialidades, tabletes e candy bar (66% do mercado nacional); </li></ul><ul><li>Não focar apenas em bombons (dominância Nestlé e Lacta); </li></ul>
  18. 19. <ul><li>PREÇO: Um pouco acima do preço médio do mercado; </li></ul><ul><li>DISTRIBUIÇÃO: Aposta em grande varejo, aproveitando o poder de barganha da empresa, varejo em larga escala, supermercados, pequenos estabelecimentos (delicatessens); </li></ul><ul><li>PROMOÇÃO: Voltada para público mais sofisticado, diferenciando da maioria dos produtos encontrados no país, através de veiculação em revistas e televisão; </li></ul><ul><li>Gôndolas e displays estilizados de acordo com o brand ; </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>  </li></ul>
  19. 20. OUTROS PRODUTOS
  20. 21. OBRIGADO

×