SÃO PAULO
®
Defesa da verdade e do desenvolvimento de São Miguel e região -  2031-2364 e 2513-0928 - raleste@gmail.com
AN...
2 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015
Atualidades
Circulação: São Miguel, ITAQUERA, vILA Jacuí,
jd. hele...
3JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015
Destaque Local
Escolas do bairro de Limo-
eiro em São Miguel Paulis...
4 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015
Comunidade
O Centro Educacional da
criança e adolescente  Ade-
mir...
5JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015
Comunidade
Uma câmera de segurança
registrou a agressão sofrida por...
6 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015
Politica
Na segunda-feira (09/11), o
vereador Adolfo Quintas reali...
7JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015
Variedades
Quem mora nas grandes
cidades com certeza já matou a
sed...
JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 20158
a manhã de domingo (08), o
Grupo Acontece de Jornais
e Revista rece...
9JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015
José Anito Es-
teves - Diretório do
PSDB São Miguel
- Você como líd...
10 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015
Saúde
Com a chegada do verão e
período de férias, muitas pes-
soa...
11JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015
LANÇAMENTO EM GUAIANAZES
Ilustração artística da fachada
2DORMS.
D...
12 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015
Feminíssima
Se você adora a maneira
como seus cabelos ficam quan-...
13JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015
Esportes
DIÁRIO DE S. PAULO - QUINTA-FEIRA / 12 DE NOVEMBRO DE 201...
14 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015
DIÁRIO DE S. PAULO - QUINTA-FEIRA / 15 DE OUTUBRO DE 2015 29
horó...
15JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015DIÁRIO DE S. PAULO - QUINTA-FEIRA / 15 DE OUTUBRO DE 2015 27
diário...
16 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Acontece 393

45 visualizações

Publicada em

Jornal Acontece Agora 393

Publicada em: Design
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
45
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Acontece 393

  1. 1. SÃO PAULO ® Defesa da verdade e do desenvolvimento de São Miguel e região -  2031-2364 e 2513-0928 - raleste@gmail.com ANO XX - No 393 Capela de São Miguel Aracanjo, construída no século XVI pelos índios jesuítas. É uma das mais antigas capelas de São Paulo. No coração de São Miguel Paulista, um marco histórico do Brasil. DISTRIBUIÇÃO GRATUITATIRAGEM: 40 MIL 01 à 15 de Novembro de 2015 João Doria participa do “Roda Viva” do Grupo Acontece Na manhã de domingo (08), o Grupo Acontece de Jornais e Revista rece- beu a visita do pré can- didato a prefeito de São Paulo João Doria Junior do PSDB. O empresário e apresentador foi con- vidado a participar do Programa Roda Viva pelo diretor Divaldo Rosa. No encontro, Doria se reu- niu com lideranças locais para discutir propostas, projetos e objetivos de se candidatar à prefeitura de São Paulo. João Doria Jr. é filho de João Doria, um dos pu- blicitários mais influentes no Brasil. É casado e pai de três filhos. Foi secretá- rio de turismo e presiden- te da Paulistur, entre 1983 e 1985, na gestão de Má- rio Covas,  na  Prefeitura de São Paulo. PÁGINAS 8 e 9 Distrito de Mariana atingido em Minas Gerais deve acabar Na terça-feira, 10, o co- ordenador da Defesa Civil de Minas, coronel Helber- th Figueiró de Lourdes, afirmou que, mesmo após encerradas as buscas por vítimas na região, vai re- comendar que ninguém volte para o distrito. Mesmo se houver con- dições de os moradores voltarem, vou sugerir que isso não aconteça.” PÁGINA 2 Escolas de São Miguel realizam “Rua da Leitura” PÁGINA 3 PÁGINA 6 DIÁRIO DE S. PAULO - QUINTA-FEIRA / 12 DE14 esportes ELIMINATÓRIAS / ARGENTINA X BRASIL da DIÁ Golaço fosse “Por que go?”, bri ao ser p golaço m pelo Bar de sema tornam o um gol p diria Dad mais imp to, melh Chega de guerra PauloWhitaker/Reuters Dunga vai apostar em Daniel Alves mais uma vez na lateral direita PÁGINA 13 Chega de GuerraApesar do histórico de brigas e polêmicas envolvendo os jogos entre Argentina e Brasil, Dunga aposta em respeito para o clássico Reprovação a Haddad atinge maior nível e chega a 49% Pesquisa anterior mostrava que 44% consideravam gestão ruim ou péssima. Paulistanos se dividem sobre redução de velocidade e Av. Paulista fechada
  2. 2. 2 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015 Atualidades Circulação: São Miguel, ITAQUERA, vILA Jacuí, jd. helena, v. curuça E GUARULHOS Diretor: Divaldo Rosa Adm. e Financeiro: Ademyr Rodrigues Depto. Comercial: João Vitor, Ariane Andrade e Eduardo Rocha Jornalista FL: Silmara G. Nunes Revisão: Suseli Corumba Fotos: Eduardo Rocha Diagramador: Sergio Avante Depto. Jurídico: Agilson M. Oliveira Distribuição: Mart Press Distribuidora Impressão: As matérias assinadas são de exclusiva responsabilidade dos colaboradores e não representam, necessariamente, a opinião do Jornal. Os nomes dos colaboradores e representantes comercias não mantém vínculo empregatício com a empresa. A J O R L E S T E O jornal Acontece Agora é Filiado à Associação dos Jornais da Zona Leste Av. dos Guachos, 166 - Vila Curuça Cep: 08030-360 Itaim Paulista – SP E-mail: raleste@gmail.com site: www.grupoacontece.com.br REDAÇÃO E PUBLICIDADE 2031-2364 | 2513-0928Patente: PROC. 830024034 Classe 16 RPI RM 2087 Tiragem: 40.000 exemplares cnpj: 03.115.443/0001-16 Em defesa da verdade e do desenvolvimento de São Miguel e Região Uma parceria entre: Rede Bom Dia, Diário de S. Paulo e Jornal Acontece Agora Ed. 393 - 1a Quinzena de Novembro/2015 Banca Braguinha Rua Santa Rosa de Lima, 874 Pq. Pauistano. Banca Cultural Av. Marechal Tito, 1300 São Miguel Banca da Estação Rua Conceição de Almeida, 248 - Vila Mara Banca do Mercadão Av. Marechal Tito, 567 São Miguel Banca do Tom Rua São Gonçalo do Rio das Pedras, 800 Banca Naguno Pça. Francisco Pereira, 80 Vila Curuçá Banca Nova Geração Av. Marechal Tito, 686 São Miguel Banca Oliveira Av. Oliveira Freire, 604 Padaria Nova Unida Av. Pires do Rio, 2681 São Miguel Revistaria Cavoa Rua Cavoá, 425 Vila Curuçá Sebo Papel & Caneta Rua Pedro Soares de Andrade, 221 - Vila Rosaria Subprefeitura de São Miguel R. Dona Ana Flora Pinheiro de Souza, 76 - Vila Jacuí Na terça-feira, 10, o coor- denador da Defesa Civil de Minas, coronel Helberth Fi- gueiró de Lourdes, afirmou que, mesmo após encerra- das as buscas por vítimas na região, vai recomendar que ninguém volte para o distrito. “Há quatro ou cinco metros de lama compacta em Bento Rodrigues. Mesmo se houver condições de os moradores voltarem, vou sugerir que isso não aconteça.” Bento Rodrigues - que na verdade é um subdistrito de Camargos, este sim, distrito de Mariana - tinha aproxima- damente 600 habitantes antes da tragédia. Foi fundado no século 18, no início da explo- ração de ouro que tinha Ouro Preto como principal centro. ceberão dinheiro, se serão ad- quiridas moradias em outros locais.” Na segunda-feira, o Ministério Público em Maria- na informou que vai pedir à Justiça que determine o paga- mento imediato de um salário mínimo por família atingida, por tempo indeterminado. Resgate: nesta ter- ça, a prefeitura de Maria- na confirmou a morte de Emanuele Vitória Fernan- des, de 5 anos, e o resgate de mais um corpo, perto da represa do Fundão, a pri- meira que rompeu. A víti- ma foi levada para o necro- tério de Mariana e passará por processo de identifica- ção. Até agora, a prefeitura confirma seis mortos na tragédia. Há ainda outras 21 pessoas desaparecidas. A lista foi reduzida após pessoas que estavam re- lacionadas terem sido en- contradas por parentes. Distrito atingido em Minas deve acabar Mariana: atingidos pelos rejeitos de minério de ferro das barragens da empresa Samarco que se romperam não retornarão às suas casas Se a recomendação da Defesa Civil for seguida, a localidade, que nasceu com a mineração do ouro, morrerá com a do minério de ferro. A Mina da Alegria, nome dado ao complexo do qual fa- ziam parte as duas barragens que ruíram, começou a ser explorada em 1992. O com- plexo tem reservas estimadas em 400 milhões de toneladas de minério de ferro. São reti- rados atualmente da mina 10 milhões de toneladas do me- tal por ano. O coronel afirma que o mais importante no momen- to é saber como a empresa se posicionará em relação à indenização que será dada às famílias que perderam suas casas. “É preciso saber se re-
  3. 3. 3JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015 Destaque Local Escolas do bairro de Limo- eiro em São Miguel Paulista comemoram juntas o “Festival do Livro e da Literatura de São Miguel Paulista” com muita di- versão e entretenimento para todos da comunidade. Na última sexta-feira (06), as três escolas públicas do bair- ro de Limoeiro (EMEI Epitácio Pessoa, Escola Estadual Reve- rendo José Borges dos Santos Junior e Escola Estadual Pro- fessor Roberto Faggioni) reali- zaram o projeto “Rua da Leitu- ra” para os alunos, pais e todos da comunidade. O evento aconteceu duran- te todo o dia 06 e 07, a ativida- de foi realizada na Rua Daniel Acioni, em frente à EMEI Epi- tácio Pessoa e mais de 100 pes- soas passaram pelo local para conferir as atrações do dia. Sendo realizado pela pri- meira fez, o projeto levou o nome “Rua da Leitura”, pois a intenção era que acontecesse ao ar livre e com acesso para todos da comunidade e teve como principal objetivo, segundo as organizadoras, trazer acesso à leitura de uma maneira simples e ao mesmo tempo prazerosa. Na opinião da diretora da EMEI Epitácio Pessoa, Ma- ria Claudia Vieira Fernandes, a atividade foi uma iniciativa das três escolas, tudo para pro- porcionar um bom desenvolvi- mento entre alunos, pais, pro- fessores e comunidade. “Fico bastante satisfeita com o resul- tado de hoje, foi a primeira vez que realizamos esta programa- ção, teve família que trouxe 10 livros para colaborar com nos- sas atividades. Tivemos nosso recital de poesias em que as próprias mães participavam. Foi muito legal e pretendemos fazer outras vezes”, garantiu a diretora Maria Claudia. Durante o evento barracas foram expostas na entrada do colégio e todos os interessa- dos puderam escolher o livro e Na última quinta-feira (5), o prefeito Fernando Ha- ddad, acompanhado pelo se- cretário municipal de Saúde Alexandre Padilha, visitou o hospital Dia Hora Certa em São Miguel Paulista. Segundo a assessoria da pre- feitura de São Paulo, o principal objetivo é entregar até o final desta gestão 30 equipamentos de saúde como este e através disto ampliar o número de ci- rurgias realizadas na capital. Atualmente a rede conta com 13 unidades. “Nós visita- mos o Hospital Dia, que agora entra em uma fase nova. Daqui para o final do ano que vem nós vamos entrar em uma fase também trocá-lo com os ami- gos presentes. Livros foram pendurados em árvores e com muita curiosidade os alunos que ali chegavam podiam se aconchegar sob a tenda literá- ria para ouvir o recital de poe- sias e contação de histórias. Para a coordenadora da escola Reverendo José Borges, Maria Aparecida, este projeto é uma forma de apresentar a lei- tura para todos, “hoje nós esta- mos ousando com este evento, pois já temos diversos traba- lhos de leitura dentro das salas de aula. A diferença está sendo em agregar o interesse da leitu- ra cada vez mais na vida de nos- sos alunos, e com isto, juntar a família inteira para fazer parte desta atividade extracurricular. O desafio principal da direção é trazer os pais para fazer par- te do projeto juntamente com o filho e esta participação dos pais lendo para seus filhos é muito significativa, isto é, con- de correção na fila de cirurgias. Nós já resolvemos os problemas de exames, derrubamos a fila de exame, mas agora a gente está contratando profissionais parceiros e servidores públicos para derrubar a fila de cirur- gias”, afirmou o prefeito Fer- nando Haddad. Localizado na Rua Professor Antonio Gama de Cerqueira, o Hospital Dia São Miguel da Rede Hora Certa conta com três centros cirúrgi- cos, cada um deles com capaci- dade de realizar 2.000 cirurgias por ano. Apenas nos meses de setembro e outubro deste ano, 320 procedimentos cirúrgicos foram realizados no local, sendo que no primeiro semestre deste Prefeito e secretário da saúde visitam hospital Dia Hora Certa ano foram 396. A unidade pas- sou por uma reforma para sua ampliação e foi entregue em ja- neiro deste ano. De acordo com o secretário Alexandre Padilha, um novo modelo de contrata- ção adotado pela administra- ção contribui para a ampliação dos procedimentos. “Nós con- tratamos o pacote inteiro do diagnóstico, da cirurgia e do pós-operatório. Quando isso acontece separado, muitas vezes o médico faz o diagnóstico, mas não consegue marcar a cirur- gia. Isso dá mais velocidade aos atendimentos, combinando a ocupação dos espaços com essa unidade modular do Hospital Dia”, afirmou Padilha. Escolas de São Miguel realizam “Rua da Leitura” tribui para a educação familiar. Queremos no futuro próximo criar adultos leitores”, explica a coordenadora. Outro destaque da progra- mação foi a exposição dos tra- balhos artísticos feitos pelos alunos em salas de aulas, que ficaram expostos nos pátios das escolas para serem assisti- dos pelos alunos, pais e convi- dados. Com muita dedicação, a professora de educação infantil Amanda Cruz Lopes se diz bas- tante orgulhosa com os resulta- dos da programação do festival do livro. “Aqui é o resultado do nosso trabalho, é uma forma de mostrar o que a criança faz e produz na sala de aula. Cada Cantinho que está aqui tem a marca de um aluno nosso. Acho muito importante que a família aprecie o trabalho fei- to por eles, porque isto é uma forma de motivá-los”, finaliza a professora.
  4. 4. 4 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015 Comunidade O Centro Educacional da criança e adolescente  Ade- mir De Almeida Lemos  em parceria com a Associação Camélias, no Jardim das Ca- mélias também participou do festival de Livros da Funda- ção  Tide  Setubal  edição 2015. Por conta das chuvas o even- to que aconteceria na Pra- ça Camélias Transpetro, na Rua Mirassol Doeste foi trans- ferida para a quadra do ONG. Com o tema voltado para poesia de cordel, várias intervenções foram apresentadas pelos edu- cadores sob direção de: Cláudia, Denise, Tatiane, Aline Vieira. Ainda teve apresentação de poemas de cordel musicadas pela cantora Lika Rosa. Cultu- ra, entretenimento, e respon- sabilidade social! O Jardim Pedro Nunes não O Buraco d`Oráculo realizou o “Café Teatral” de lançamento da publicação Caderno de Tra- balho II - revisitar os caminhos, fortalecer as pontes. Um relato das atividades realizado durante 18 meses de execução do projeto.  Produtores culturais, artistas e amigos participaram do encer- ramento do projeto Re Praça atividade que faz parte do Pro- jeto 15 Anos: Buraco na Histó- ria - revisitar os caminhos, for- talecer os laços, realizada com recursos público do Programa de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo. Após passar pela Vila Mara Ocupação Cultural Casarão, Casa de Cultura de São Miguel, Jardim das Oliveiras, Jardim das Camélias, Parque Cruzei- ro do Sul, Parque Raul Seixas, Coletivo no Batente, Coletivo Alma, Mostra Perus, CEU 3 Pontes, Vila Santa Inês, Lar- go do Rosário, União de Vila Nova, Cidade Tiradentes e Ci- dade Nova São Miguel, passan- do pela última vez na Vila Sil- via, região da Casa d`Oráculo. O livro terá sua impressão con- cluída ainda este ano e será am- plamente divulgada na região. ficou pra trás. A EMEF Dou- tor Pedro Aleixo apresentou o projeto JOVENS ESCRITORES na praça em frente ao posto de Saúde na Rua José Bargas. Sob orientação da professora Angela os alunos da 5ª série apresenta- ram uma interpretação de rádio novela, relembrando os bons tempos do rádio, mergulhando nos tempos antigos. Teatro, do- ação e troca de livros e muitas outras atrações fizeram parte do evento que contou com todos os alunos residentes do Jardim das Camélias, Pedro Nunes, Parque Cruzeiro e Santa Inês. “A gente fica muito mais interessado na literatura além de fazer teatro com nossos amigos e falar das coisas que fazem bem para as pessoas”, explicou Felipe Ar- canjo aluno da 5ª série da escola Pedro aleixo. Jardim das Camélias participa de Festival de livros Sobre o projeto: ini- cialmente realizado como Feira do Livro no Clube da Comuni- dade Tide Setubal, o Festival do Livro e da Literatura de São Mi- guel Paulista ganhou as ruas no bairro em 2010. Desde então, nos três dias de festa, as árvores amanhecem carregadas de fru- tos literários, livros doados que podem ser “colhidos” pela co- munidade. Praças, ruas, pontos de ônibus e escolas somam mais de 20 pontos no mapa do even- to, que são tomados por uma programação com contações de história, intervenções artísticas, saraus, conversas com autor, cortejos literários, oficinas de criação literária, mediações de leitura, ônibus biblioteca, pro- gramas de rádio de rua.   Professores, educadores, alunos, bibliotecários, coletivos culturais, organizações locais, universidades se unem à Fun- dação Tide Setubal para fazer desses três dias um grande encontro com a literatura. O evento reúne cerca de 10 mil pessoas por edição e já levou a São Miguel autores como: Caco Barcelos, Juca Kfouri, Ivana Ar- ruda Leite, Pedro Bandeira, Fer- reira Gullar, Ignácio de Loyola Brandão, Fabricio Carpijenar, entre outros. Buraco d`Oráculo realizou o “Café Teatral” Dois homens foram presos após roubarem um carro com um bebê a bordo, na manhã de quinta-feira (6). Os crimi- nosos foram detidos após ca- potarem o veículo na Avenida Marechal Tito. De acordo com a polícia, o roubo ocorreu na região de São Miguel Paulista. Minutos depois, os bandidos capota- ram o veículo com a criança dentro. O bebê foi socorrido Ladrões capotam carro roubado com bebê dentro pelos policiais. Não há infor- mações sobre o estado de saú- de dele e ainda não se sabe se ocorreu um sequestro relâm- pago.  Cinco viaturas do Corpo de Bombeiros foram acionadas para atender a ocorrência. Uma das vítimas foi levada para o pronto socorro Tide Setubal e a outra foi socorrida pelo Samu. O caso deve foi registra- do no 59° DP (Jardim dos Ipês).  Roubo ocorreu na região de São Miguel Paulista; criança foi socorrida
  5. 5. 5JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015 Comunidade Uma câmera de segurança registrou a agressão sofrida por dois torcedores dos Santos, na noite deste domingo (8), em um posto de combustível nas esquinas das avenidas São Mi- guel e Boturussu. A suspeita é a de que os agressores sejam tor- cedores do Palmeiras. O taxista Gerson Ferreira de Lima foi atingido por uma paulada na cabeça e ficou de- sarcodado. Ele está internado em estado gravíssimo na UTI do Hospital Santa Marcelina. O amigo dele, que não teve o nome divulgado, recebeu um soco no rosto e em seguida ele também é atingido por duas pauladas. Ele teve ferimentos leves, foi internado e já rece- beu alta. Segundo a investigação, um grupo de torcedores do Palmeiras chegou ao local en- quanto as duas vítimas, que tinham acabado de participar de um churrasco, foram abor- dadas pelos agressores. Eles tinham comprado cerveja na loja de conveniência do posto de combustível.  No vídeo é possível ver que dois agressores não falam nada para as vítimas e já par- tem para cima da dupla tor- cedora do Santos. A primeira cai no chão após receber um soco no rosto. Logo em se- guida, o taxista é atingido por uma paulada na cabeça e cai desmaiado. De acordo com a polícia, antes de ir ao posto de combustível, Lima havia dei- xado o filho em casa. A primeira vítima agredida com um soco ainda tenta se levantar, é atingida por duas pauladas e perseguida pelos Câmera flagra torcedores do Santos sendo agredidos Crime ocorreu em posto de combustível, no domingo (8). Uma das vítimas está internada em estado gravíssimo e outra foi liberada. agressores. Tanto as vítimas como os agressores não usa- vam uniformes de torcidas or- ganizadas. Apenas o taxista usava camisa do Santos e um dos agressores usava camisa do Palmeiras. “Ainda precisamos configurar se foi uma briga de torcidas”, disse  Regina Celia Issi, delegada o 62º Distrito Policial. Universo Masculino Os fios brancos apareceram antes do esperado? Calma, não é o fim do mundo. Aprenda a escolher os produtos certos para mantê-los (ou eliminá-los!) Se há algum tempo cabelo branco era sinônimo de expe- riência, hoje pode ser um item a mais de estilo ou uma chance para promover aquela transfor- mação de visual. Os fios podem começar a surgir antes do espe- rado – em geral, por volta dos 40 anos. Mas, é normal encon- trar pessoas com a metade des- sa idade (e até menos!) já com os primeiros brancos. O que dá abertura para uma série de dú- vidas: isso é normal?, precisa procurar um médico?, quais são as causas disso? No começo: os fios bran- cos surgem por conta da mela- nina, uma espécie de pigmento natural produzido por células chamadas melanócitos. A taxa de produção de melanina varia de pessoa para pessoa, e é deter- minada pela herança genética de cada um. Ou seja: o período da vida em que seus pais e avós começaram a ficar grisalhos dá uma boa ideia de quando vai chegar a sua hora. Segundo os dermatologistas, ainda não há nenhuma comprovação de que o estresse aumentaria o volume de fios brancos. Mas, atenção: esse é um fator que, em muitos homens, causa queda de cabelos – e, claro, os fios coloridos têm mais chances de cair –, o que dá a impressão de que o branco do- minou a cabeça. Cuidados básicos: se você quer assumir os fios bran- cos, não basta apenas deixar a raiz branca tomar conta. Os ca- belos grisalhos precisam de ain- da mais cuidados. Com o passar do tempo, os eles tendem a fi- Deu branco no cabelo: o que fazer car com um aspecto amarelado. Por isso, há xampus específicos para reavivar os tons brancos e cinzas do cabelo. Hidratar é ne- cessário, afinal, manter a saúde e a maciez do cabelo também é muito importante – sem contar que existe uma variedade de outros produtos destinados aos cabelos grisalhos. Tintura x Tonalizante: enquanto alguns preferem assu- mir, outros preferem se livrar. Se esse é o seu caso, o mercado de cuidados com o cabelo grisa- lho é vasto e oferece uma infi- nidade de produtos que podem ajudar a transformar completa- mente o visual. Para esconder os brancos, há duas opções pos- síveis: a tintura e o tonalizante. Para quem já está com mais de 50% da cabeleira branca, vale investir na tintura. Isso por- que ela contém mais pigmento na fórmula, além de elementos químicos mais potentes – como a amônia – que penetram mais fundo nos fios, garantindo um efeito prolongado. Já o tonali- zante é indicado para os primei- ros fios brancos. É uma solução menos agressiva (não contém a amônia) porém menos dura- doura: é preciso usar o produto a cada 30 dias, em média.
  6. 6. 6 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015 Politica Na segunda-feira (09/11), o vereador Adolfo Quintas reali- zou encontro com cerca de 250 pessoas, entre elas, comercian- tes, empresários, profissionais liberais e lideranças locais no Rotary Club São Paulo de São Miguel Paulista. O objetivo do evento foi apresentar o pré-can- didato a prefeito de São Paulo pelo PSDB, Andrea Matarazzo. Compuseram a mesa da reunião o vice-presidente do SINTHORESP, Gilberto José da Silva, o vice-presidente do SINDAUTOESCOLA, Mag- nelson Carlos de Souza, o ge- rente da Sabesp região Auto Tiete, Eduardo Camargo, o superintendente da Sabesp São Miguel Paulista, Marcio Gon- çalves, o maçom Aurelino de Andrade e a professora e espo- sa do vereador Adolfo Quintas, Yolanda Quintas. No encontro o pré-candi- dato Andrea Matarazzo falou da sua experiência na admi- nistração pública e apresentou A reprovação à gestão do prefeito de  São Paulo,  Fernan- do Haddad (PT), alcançou seu maior nível desde o início do mandato, em 2013. Segundo pesquisa do Datafolha publica- da nesta segunda-feira (2) pelo jornal “Folha de S. Paulo”, 49% dos paulistanos consideram a administração ruim ou péssima. A pesquisa do Datafolha re- alizada entre os dias 28 e 29 de outubro com pouco mais de mil pessoas mostra uma piora de 5 pontos percentuais em relação à pesquisa anterior, de feverei- ro, quando 44% dos paulistanos reprovavam a administração. A insatisfação supera também a marca de 47% verificada em ju- lho de 2014, a pior avaliação do prefeito até então. A piora da avaliação aconte- ce a menos de um ano das elei- ções municipais de outubro do ano que vem, na qual o prefeito poderá tentar sua reeleição. O resultado da nova pes- quisa de avaliação da gestão de Haddad é: Ótimo/bom: 15%, Regular: 34%, Ruim/péssimo: 49%, Não sabe/não respondeu: 2%. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, e o nível de con- fiança da pesquisa é de 95%. Medidas polêmicas: a pesquisa avaliou também a Localizado no Distrito de São Miguel Paulista, Zona Leste de São Paulo, o bair- ro de União de Vila Nova tem passado nos últimos anos por mu- danças significativas, como o objetivo de proporcionar melhor qualidade de vida aos seus moradores. A mais recente está sendo co- locada em prática pela Secretaria de Serviços, por meio do Depar- tamento de Iluminação Públi- ca (Ilume). No local, está sendo implantando 712 novos pontos de iluminação com lâmpadas de vapor de sódio, ao custo de cerca de R$ 2,5 milhões. As obras de- vem ser concluídas até o final de dezembro. Na região, a ponte que faz a ligação entre São Paulo (Rua Assis Ribeiro) e Guarulhos (Avenida Santos Dumont) sobre o Rio Tietê ganhará 20 novos pontos de iluminação. A praça instalada na Avenida Caio de Almeida Prado, esqui- na com Valter Sampaio, ou- tros 19 pontos. Vale ressaltar que desde 2013 (início da gestão Fernando Haddad), a região de São Mi- guel Paulista foi contemplada com 7.035 remodelações (subs- VIVER EM SEGURANÇA STF decide sobre acesso policial em domicílio sem autorização judicial Emanuel de Aquino Lopes O Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF), neste mês,  firmou a tese de que “a entrada forçada em domicí- lio sem mandado judicial só é lícita, quando amparada em fundadas razões, devidamente justificadas a posteriori, que indiquem que dentro da casa ocorre situação de flagrante delito, sob pena de respon- sabilidade disciplinar, civil e penal do agente ou da auto- ridade e de nulidade dos atos praticados”. Por decorrencia, entre os crimes permanentes, para efeito de aplicação da tese, estão o depósito ou porte de drogas, extorsão mediante sequestro e cárcere privado, ou seja, situações que exigem ação imediata da polícia. Ha- verá jurisprudência sobre o tema com o tempo. “Com ela estar-se-á valorizando a pro- teção à residência, na medida em que será exigida a justa causa, controlável a posteriori para a busca. No que se refere à segurança jurídica para os agentes da Segurança Pública, ao demonstrarem a justa cau- sa para a medida, os policiais deixam de assumir o risco de cometer o crime de invasão de domicílio, mesmo que a dili- gência venha a fracassar”. Emanuel de Aquino Lopes é Coronel da Reserva da Policia Militar, Mestre em Ciências Po- liciais de Segurança e Ordem Pú- blica, especializado em Direitos Humanos pela Fundação Getú- lio Vargas, membro do Núcleo de Projetos Estratégicos – ISAE Amazônia e do Luxembourg Brasil Business Council. (email: majaquino@yahoo.com.br) União de Vila Nova ganha 712 pontos de iluminação tituição de lâmpadas de vapor de mercúrio por de vapor de só- dio, que são mais econômicas e iluminam melhor), 229 amplia- ções (instalação de novos pon- tos) e 355 pedonais (iluminação voltada para a calçada). “Esses números atestam nossa preocupação de tornar a região de São Miguel Paulis- ta mais iluminada e, com isso, proporcionar mais qualidade de vida aos moradores”, enfa- tiza Simão Pedro, secretário de Serviços. Desde 2013, cerca de 45 mil pontos de iluminação foram incorporados ao parque lumi- notécnico da cidade, hoje com- posto por aproximadamente 620 luminárias. A meta inicial era chegar a 18 mil unidades até 2016, mas o objetivo foi ultra- passado logo no primeiro ano. Também por meio de um pro- grama de eficientização, o obje- tivo era chegar a 120 mil pontos. Porém, está na casa dos 250 mil.  Simão Pedro Andrea Matarazzo se reúne com empresários e lideranças de São Miguel suas propostas para a Cidade de São Paulo, também ouviu os descontentamentos dos em- presários e comerciantes com relação à gestão do prefeito Haddad, assim como todas as dificuldades que enfrentam na região da Zona Leste. Segundo o anfitrião do encontro, essa é a oportunida- de para que São Paulo volte se desenvolver. “Precisamos ter na administração da nossa ci- dade um líder com experiência e conhecimento, e esse homem é Andrea Matarazzo. Ele já pas- sou por diversos cargos públi- cos e conhece todos os cantos de São Paulo, está preparado para ser o melhor prefeito da história”, afirmou o vereador Adolfo Quintas. Reprovação a Haddad atinge maior nível e chega a 49% Pesquisa anterior mostrava que 44% consideravam gestão ruim ou péssima. Paulistanos se dividem sobre redução de velocidade e Av. Paulista fechada opinião dos paulistanos em re- lação a medidas adotadas pelo prefeito nos últimos meses. Os munícipes ficaram divididos em relação à redução da velocidade máxima nas principais avenidas da cidade – 47% são a favor e 47% são contrários. A maior aprovação, 52%, deu-se entre os mais pobres (renda familiar até dois salários mínimos) e me- nos escolarizados (ensino fun- damental). Já a maior rejeição, 53%, está entre os que ganham mais de cinco salários mínimos. Também houve empate téc- nico no quesito fechamento da avenida Paulista para carros aos domingos. Manifestaram-se fa- voravelmente 47% dos entrevis- tados, enquanto 43% disseram ser contra o fechamento. Já o apoio à criação de ci- clovias despencou de 80% para 56% em relação à pesquisa an- terior. Além disso, a porcen- tagem de pessoas contrárias às faixas para bikes subiu de 14% para 39%. Os mais jovens, com idades de 16 a 24 anos, são o grupo mais favorável – 73%. A assessoria de comunicação da Prefeitura informou que não irá comentar o estudo.
  7. 7. 7JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015 Variedades Quem mora nas grandes cidades com certeza já matou a sede com a cana moída na hora nas barraquinhas das feiras-li- vres. Já quem vive no interior certamente viu canaviais gi- gantescos e quem sabe até teve a sorte de experimentar a plan- ta logo depois de ser colhida. A cana-de-açúcar foi a pri- meira cultura trazida para o Brasil pelos portugueses no período colonial. O cultivo deu tão certo por aqui que o país é o maior produtor do mundo. Um cenário que tem tudo para continuar em expansão. Uma estimativa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abas- tecimento prevê que até 2019 a produção deve crescer 3,25%. Se no campo o cultivo do produto é um bom negócio, para o corpo o consumo tam- bém representa benefícios. O caldo da cana, que é conhecido como garapa em algumas regi- ões, é fonte das vitaminas A, B e C, que ajudam, por exemplo a aumentar a resistência do cor- po, a equilibrar o sistema nervo- so e melhorar a cicatrização. Ele tem alto teor de minerais como o ferro, cálcio, potássio e mag- nésio, que fortalecem os ossos, são indispensáveis na formação do sangue, isso só para citar al- gumas características.  A cana pode ser uma aliada importante para quem tem um dia a dia agitado. A explicação é simples: ela ajuda a repor as energias. Quando há um gasto calórico grande, o corpo usa a energia acumulada nas célu- las musculares. Se as reservas acabam, o organismo começa a queimar massa muscular. O caldo de cana tem a proprie- Pais, alunos e professores da rede estadual protestaram, na terça-feira (6), contra as mu- danças que o governo de São Paulo pretende promover para reestruturar o ensino das esco- las paulistas. Entre as medidas estaria a desativação de algumas unidades de ensino De acordo com Polícia Mi- litar (PM), os manifestantes co- meçaram a se reunir em frente ao Museu de Artes de São Paulo (Masp) por volta das 8h30. Após bloquear totalmente a passagem dos motoristas na direção da Rua da Consolação, o grupo co- meçou, às 9h, uma passeata. Eles caminharam até a sede da Secretaria Estadual de Edu- cação, na Praça da República, onde o protesto deve ser encer- rado. A maior parte dos estu- dantes chegou ao local por volta das 12h, após passar pela Rua da Consolação e Avenida Ipiranga. Segundo a Secretaria da Edu- cação, representantes dos alunos e de entidades foram recebidos durante a tarde pelo secretário Herman Voorwald. Na reunião, Caldo de cana é repositor natural de energia Bebida representa um combustível para o corpo com gosto de infância dade de repor rapidamente a energia por causa de seus açú- cares – sacarose, glucose e fru- tose, auxiliando a evitar a perda de músculos. As propriedades do caldo de cana como com- bustível para o corpo já foram tema de uma pesquisa desen- volvida pela Universidade Esta- dual de Campinas (Unicamp). Os pesquisadores acompanha- ram a rotina dos jogadores da Ponte Preta para saber como o corpo deles reagia diante de tantos exercícios. Eles analisa- ram o nível de ureia no sangue dos atletas logo após os treina- mentos. Essa substância ajuda a avaliar se existe ou não perda muscular. Substituindo os su- plementos energéticos indus- trializados por uma rodada de garapa ao fim de cada treino os pesquisadores concluíram que os índices de ureia no sangue diminuíram, o que significa uma menor queima de massa muscular. Na prática, eles pas- saram a ser capazes de correr mais, sem perder músculos, melhorando o rendimento.   O sabor doce é uma das principais características da cana. Ela tem outras vantagens: é natural, possui o chamado “açúcar bom” e até proprieda- des antioxidantes.  Grupo protesta contra mudanças em escolas estaduais em SP Pais, alunos e docentes protestam contra reestruturação da rede de ensino. Ato aconteceu na Av. Paulista e seguiu até o Centro. segundo a pasta, foi apresentado “com detalhes o projeto de reor- ganização da rede estadual”. “A proposta é ampliar em São Paulo o número de unidades de ciclo único. Ou seja: uma escola de Ensino Fundamental para crian- ças e outra adequada aos jovens do Ensino Médio”, afirmou a se- cretaria em nota. Outros protestos: na Avenida General Ataliba Leonel, no Tucuruvi, Zona Norte de São Paulo, outro grupo protestava, no começo da tarde desta terça, contra as possíveis mudanças acarretadas pela reestruturação da rede estadual de ensino. Às 15h, os manifestantes se reuniam próximo à esquina com a Rua Tomé Portes. Ambas as vias estavam interditadas no local por conta do ato. Na noite de segunda (5), estudantes da Escola Antonio Cândido Barone, da Vila For- mosa, também promoveram uma manifestação na Zona Les- te da capital. Os alunos ficaram sabendo  do possível fechamen- to da unidade e protestaram ocupando, com faixas e carta- zes, a Avenida Celso Garcia. Reestruturação do ensino A medida visa reorganizar a distribuição dos alunos nas es- colas. As unidades passarão a atender exclusivamente um dos três ciclos de ensino: o primei- ro, que abrange os alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamen- tal; o segundo, com alunos do 6º ao 9º ano do fundamental; e o terceiro, que reúne os três anos do ensino médio. Atualmente, algumas escolas da rede estadual atendem alunos de mais de um dos ciclos. Para a Secretaria Estadual da Educação, o ideal é que as escolas recebam apenas estudantes de um dos ci- clos e, desta forma, estejam mais focadas no aprendizado da faixa etária que atende. A expectativa do governo é de que até mil es- colas sejam atingidas com a mu- dança. Segundo a assessoria de imprensa da pasta de educação, os alunos que vão precisar ser transferidos serão matriculados em escolas que ficam até no má- ximo 1,5 quilômetro de suas ca- sas. Eles serão informados sobre o endereço da nova unidade até o mês de novembro. Governo garante va- gas: de acordo com Sandoval Cavalcante, dirigente regional de ensino, “nenhum aluno fica- rá sem vaga”. O representante da Secretaria Estadual de Edu- cação ressaltou também que ne- nhum espaço escolar será inuti- lizado. Segundo ele, em caso de “disponibilização” de unidades, elas serão utilizadas para outros serviços de educação. Ou seja, se forem desativadas, as escolas serão transformadas em creches ou Etecs, por exemplo.
  8. 8. JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 20158 a manhã de domingo (08), o Grupo Acontece de Jornais e Revista recebeu a visita do pré candidato a prefeito de São Paulo João Doria Junior do PSDB. O empresário e apresentador foi con- vidado a participar do Programa Roda Viva pelo diretor Divaldo Rosa. No en- contro, Doria se reuniu com lideranças locais para discutir propostas, projetos e objetivos de se candidatar à prefeitura de São Paulo. João Doria Jr. é filho de João Doria, um dos publicitários mais influentes no Brasil. É casado e pai de três filhos. Foi se- cretário de turismo e presidente da Pau- listur, entre 1983 e 1985, na gestão de Má- rio Covas, na Prefeitura de São Paulo. Foi presidente da  Embratur  e do Conselho Nacional de Turismo entre os anos de 1986 e 1988, no governo do presidente José Sarney. Em 2007, ele foi um dos idealizadores e principais líde- res do Movimento Cívico pelo Direito dos Brasileiros. É presidente do GRUPO DORIA, fundador e presidente do LIDE - Grupo de Líderes Empresariais. É membro do Conselho Deliberativo do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo.  Em 2012, pelo quarto ano consecuti- vo, foi eleito uma das 100 pessoas mais influentes do Brasil e do mundo, pela revista Isto É. Em 2014, foi eleito pelo segundo ano consecutivo um dos 100 líderes de melhor reputação do Brasil, em pesquisa feita pela empresa europeia Merco, publicada no Brasil pela Exame. “Felicidade é fazer o que se gosta, aliás não tem possibilidade de se adqui- rir sucesso fazendo aquilo que você não gosta. Estou fazendo o que gosto, sou filho de um político e gosto de política. Sou filiado do PSDB e acho importante a política nas nossas vidas. Amo o que faço e só tomei a função de gestar a pre- feitura porque quero mudar o serviço público. Vamos governar para todos, diferente do PT, que prioriza os que vo- taram nele, isso é política antiga”. Doria afirmou ainda ser contra a reeleição e afirmou o compromisso de que, se elei- to, irá trabalhar para 04 anos com re- sultado de 08. “Sou contra a reeleição, pretendo trabalhar para 4 anos virarem 8 anos. E os que vierem conosco terão que ser descentes, eu trabalho 18 horas por dia e na prefeitura isto não vai ser diferente. Nossa proposta é revolucio- nar, trabalhar com inovação e tecnolo- gia”, frisou ele. Jairo Pereira de Oliveira - Delegado de Itaquera: Com toda esta inovação tecnológica que irá ser implantada mi- nha preocupação é com o atendimento ao idoso e sua quali- dade de vida. João Doria: A questão do idoso, pri- meiro, é que ele precisa ser respeitado. Precisa de um nível de atenção diferen- ciado e isto não é um privilégio, mas sim, um direito conquistado. E digo mais, não é só na saúde, na mobilidade urbana, edu- cação, lazer e precisamos mudar isto. Na questão da tecnologia, este projeto “São Paulo Digital” irá ajudar a diminuir as filas nos hospitais, pois a partir do mo- mento que o cidadão for cadastrado, ele saberá quando e o horário que ele será atendido, pois não faz o menor sentindo pessoas com maiores idades, pessoas com crianças, ficarem em filas de duas, três e quatro horas. E pelo celular isto facilitará o serviço e atendimento prioritário. Dr. Luiz Carlos Silva - Advogado: João, você se compromete, num caso de erro de planejamento de sua equipe, você renun- ciaria? O modelo de curral eleitoral será o mesmo? João Doria: Não renunciaria. O erro faz parte, é ruim, mas faz parte. O que temos que saber é reconhecer o erro com humildade, pra aceitar e aprimorar. Vamos tentar fazer com que os erros possam ser diminuídos e até eliminados. Já para a segunda questão quero deixar bem claro que não haverá cur- ral eleitoral, tem que trabalhar muito pra se eleger, não vai ter curral eleitoral, agora ser dono de Subprefeitura, o dono serão as co- munidades onde elas estão. Avelázio Jacobi- na: Nós queremos a retomada da Praça do Forró. E também precisamos presti- giar a escola que leva o nome de seu pai “Dep. João Dória”. João Doria: Va- mos retomar sim, vamos discutir sobre isso no auditório da FMU sobre a praça, já que é uma coisa boa e positiva. E com relação à escola que leva o nome do meu pai é um grande orgulho, estamos precisando fazer uma nova visita lá, doamos todo o sistema de tecnologia que tem lá e se pudermos va- mos modernizar, nos sentimos muito hon- rados com a homenagem. João Doria participa do “Rod NN
  9. 9. 9JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015 José Anito Es- teves - Diretório do PSDB São Miguel - Você como líder do grupo Lide, como vai ser sua visão para trazer os empresá- rios aqui para a zona leste? João Doria:Esta foi uma boa pergunta, temos que criar oportunidade de emprego para a própria região, não faz sentido esse deslocamento de 4 horas para trabalhar, as pessoas precisam trabalhar próximas de suas casas. Vamos fazer o melhor diagnós- tico possível, seja por indústrias ou comér- cios. Vamos buscar todas as informações possíveis para estimular o comércio aqui na região, e vamos criar o comércio digital, por aqui você pode render, por exemplo, a pessoa quer criar uma indústria de Bonés, você vai colocar na internet. Na prefeitura teremos um programa chamado Empre- endedores SP, e em 48 horas você terá seu certificado digital, e então terá mais facili- dade de vender seus produtos. Eu acredito que não seja difícil criar boas ideias, o di- fícil é vencer a pre- guiça e buscar ter a iniciativa. Professor José Luiz Zanzini - Sou filiado ao PV, gos- taria de saber se o PSDB vai sair com ficha limpa ou fará da Viva” do Grupo Acontececoligações com outros partidos? E sendo eleito prefeito, você vai receber a maior bomba que são os cofres vazios e uma dívi- da gigantesca, e só 17% da população pau- lista pagando IPTU, então você terá 10% dos recursos para administrar. Sem muitos recursos, como pretende enfrentar esses problemas? João Doria: Vou fazer exatamente como fez Montoro e Mario Covas. Covas que não tinha dinheiro quando assumiu, ele em gestão, primeiro cortou despesas e en- xugou a máquina, reduziu todos os serviços e gastos e fez um excelentíssimo trabalho. E administrou como tinha que administrar e é isto que nós vamos fazer. Eu não vou ficar na minha gestão só criticando o meu antecessor, isto não vai resolver o problema da cidade. Precisamos buscar uma adminis- tração eficiente e criativa diferenciada. Em relação à coligação, eu gosto muito do PV, pessoalmente tenho uma enorme simpatia pelo programa do PV, além de ser muito amigo do Pena. Podemos ter coligação? Po- demos sim, mas com ficha limpa. Não tem nenhuma hipótese de colocar ou como can- didato ou dentro de um corpo de uma cam- panha pessoas que não têm a ficha limpa. E isso é inadmissível. Carlos Augusto Martins - A renda vinda do turismo é muito importante já que São Paulo é a cidade que rece- be mais turistas no Brasil, qual sua visão para a retomada des- sa cidade futurista? João Doria: Boa pergunta. O Turismo é essencial e São Paulo recebe mais turistas do que o Rio de Janeiro, porque aqui é um turis- mo de negócios, um turismo que tem uma receita mais elevada do que aquela do lazer. E por isso, uma das medidas que vamos tomar, caso o prefeito não tome, e se tomar está de parabéns, será privatizar o Anhembi, assim como o estádio do Pacaembu e Interlagos, isto é a condição mais adequada de ampliar a geração de congressos, feiras e eventos que é a grande vocação da cidade de São Paulo. Quero deixar claro também que eu sou a favor do sistema UBER compartilhadamente com os mais de 35 mil taxistas. Eu não fico em cima do muro de nada, eu tomo decisões e assumo as decisões que tomo. Aproveito para convidar a todos para que no dia 12 do próximo mês, no auditório da FMU, esta- remos discutindo sobre isto: turismo, lazer, esporte e cultura. Leandro Albu- querque - Gosta- ria de saber sobre a alfabetização nas escolas, e em rela- ção à Guarda Civil Metropolitana, só temos 3.000 na ati- va hoje, e se você vai voltar à origem como era de prevenção delas nas escolas? João Doria: Educação não é a área de pior desempenho da prefeitura, a educação é razoável, tem deficiências tem, mas preci- samos aumentar as salas de aula e a quali- dade de ensino, precisamos avaliar melhor os professores. Sobre a Guarda Civil, vamos reestudar esse assunto com cuidado. O que vamos fazer é mudar essa situação de 7000 e menos da metade na prática, está errado, vamos reestudar esse assunto. Vai ser uma outra Guarda Civil Metropolitana com ní- vel de desempenho, de orgulho e de efici- ência. Marcelo Doria - Empresário - Acho que o ambiente aqui é hostil para quem quer empreender. Sabemos que admi- nistração pública e privada são dis- tintas, como trazer para administração pública a eficiência da administração privada dentro de um am- biente tão democrático? João Doria:Profissionalismo, eficiência e liderança. O funcionalismo público, ao contrário do que muita gente imagina, não é composto por um bando de preguiçosos e corruptos, isto não é verdade, a minoria tem esse comportamento, mas a expressiva maioria é composta por gente do bem, com vontade de fazer, com índole boa e com vontade de realizar, falta liderança, falta exemplo para que todos tenham orgulho de ser funcionário público da prefeitura de São Paulo. Estudante Ma- theus Santana - A visão que muitas pessoas têm do PSDB é uma visão um tanto elitista. Como você vai fazer em relação ao social? João Doria: Não vou ter medo de ino- var. Vamos fazer uma gestão totalmente di- ferenciada de inovação, e o jovem terá uma função muito importante. Quero frisar e deixar bem claro que não vamos ter secre- tárias diversificadas, porque todo mundo tem que fazer parte do governo, sejam eles: negros, mulheres, jovens etc. Todos devem participar ativamente do governo, isto é fa- zer uma política moderna e inovadora, po- lítica para todos e não elitista, independente da classe social quem vai levar essa bandeira do “Cidade Digital” são os jovens. Líder Comuni- tária Marli Macha- do - Eu represento o público feminino da Zona Leste, eu so- nho em montar uma creche do idoso e sabemos o quanto é difícil esta interven- ção junto à prefeitu- ra. Como poderemos ter este acesso na sua gestão? João Doria: Quanto ao tema das mu- lheres, quero frisar que as mulheres vão ter um papel muito importante, a priori- dade será para as mulheres. E só vamos buscar homens se não encontrarmos mu- lheres capacitadas para exercer. Teremos um programa voltado para as pessoas da maioridade, porém não vai ser chamado de creche do idoso, mas já adianto que te- remos sim toda atenção para com o públi- co da terceira idade.
  10. 10. 10 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015 Saúde Com a chegada do verão e período de férias, muitas pes- soas optam por aproveitar o calor e o tempo livre para pra- ticar atividades físicas. A fim de evitar surpresas e possíveis contusões, duas medidas sim- ples e rápidas devem ser obser- vadas: o aquecimento e o alon- gamento.   Estudos comprovam que o aquecimento pré-atividade física é fundamental para au- mentar a temperatura do corpo e consequentemente o meta- bolismo das células. Pesquisas demonstram aumento de 13% na liberação de oxigênio do sangue para os músculos a cada grau acrescido à temperatura corporal.   Por outro lado, o alonga- mento previne lesões por esti- ramento – quando o músculo é solicitado abruptamente. Tra- ta-se de um tipo de exercício fí- sico indicado para manutenção ou melhora da flexibilidade, que pode ser feito de forma di- nâmica ou estática. No alonga- mento dinâmico, o indivíduo assume posição alongada a par- tir da repetição de exercícios e movimentos praticamente sem nenhuma carga. Já nos exercí- cios de alongamento estático, o indivíduo mantém a posição com o membro esticado, sem nenhuma ajuda além da pró- pria contração. Neste caso, os alongamentos são difíceis de manter por mais de 10 segun- dos. Segundo especialistas os alongamentos também tra- zem benefícios como redução das tensões musculares, re- laxamento do corpo e maior consciência corporal, além de prepararem o corpo para ativi- dades físicas, ativarem a circu- lação e deixarem os movimen- tos mais soltos e leves.   Vale ressaltar que é ne- cessário primeiro aquecer e depois alongar a musculatura. Do contrário, o músculo pode correr risco de lesão, tendo em vista que a transmissão neural para a contração muscular é mais rápida e eficiente quando o mesmo está aquecido.  Para quem vai correr, por exemplo, o aquecimento é in- dispensável. O ideal é aquecer primeiro fazendo movimentos suaves dos membros e depois com um trote de corrida, sem intensidade, de 3 a 5 minutos. Já quem optar por exercícios de musculação, o aquecimento deve ser no próprio aparelho, porém com cargas mais leves.  Logo após a prática de ati- vidade física, os alongamentos também são indicados. A mus- culatura foi submetida a várias Aqueçaealongueantese duranteasatividadesfísicas contrações e está mais quente e mais preparada para o alonga- mento mais eficiente. A reco- mendação é ainda mais impor- tante para aqueles indivíduos bem encurtados, pois correm risco maior de apresentar lesão. 
  11. 11. 11JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015 LANÇAMENTO EM GUAIANAZES Ilustração artística da fachada 2DORMS. DOCUMENTAÇÃO$ GRÁTIS SUBSÍDIO DE ATÉ R$ 25 MIL* TRAGA A DOCUMENTAÇÃO DOS ENVOLVIDOS NA COMPRA • CPF E RG • CERTIDÃO DE ESTADO CIVIL • CARTEIRA DE TRABALHO • COMPROVANTE DE RESIDÊNCIA • COMPROVANTE DE RENDA (3 ÚLTIMOS CONTRACHEQUES OU 6 ÚLTIMOS EXTRATOS BANCÁRIOS) • EXTRATO DO FGTS (SE TIVER) • DECLARAÇÃO COMPLETA DE IMPOSTO DE RENDA LIGUE 4003-2230 OU ACESSE tenda.comMemorial de Incorporação do Residencial Mirante Guaianazes registrado em 26/10/2015, sob o R.05, da matrícula nº 181.788, do 7º Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de São Paulo - SP. *O subsídio que será concedido pelo programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV) ficará sujeito à análise prévia da renda familiar, conforme dispõe a lei 11.977, de 7 de julho de 2009. **Consulte tabela de preços vigente e condições de pagamento com os consultores de vendas. Os acessórios de produção, móveis, revestimentos de piso e parede, forros, luminárias, painéis, armários e equipamentos são meramente ilustrativos e não fazem parte do contrato de aquisição. O detalhamento dos serviços, equipamentos e acabamentos, que farão parte deste empreendimento, consta no memorial descritivo, na convenção de condomínio e no compromisso de compra e venda. A vegetação que aparece na imagem está em porte adulto, o qual será atingido após alguns anos da entrega do empreendimento. INCORPORAÇÃO E CONSTRUÇÃOFINANCIAMENTO CRECI/SP 19766-J Imagemilustrativa NOVA LOJA GUAIANAZES RUA PROF. MELO PAIVA, 104 - LOJA 1 - VILA LOURDES COM O MENOR PREÇO DA REGIÃO. SAIA JÁ DO ALUGUEL! 1.000,00 R$ ENTRADAA PARTIR DE **
  12. 12. 12 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015 Feminíssima Se você adora a maneira como seus cabelos ficam quan- do estão molhados, aproveite! Além de economizar o tempo da secagem, com o Wet Hair você terá penteados fashions e desco- lados naqueles dias em que mo- delar os fios está fora de ques- tão, ficará com um visual super em alta sim, e o melhor: dá para fazer tudo em casa. Apesar de serem simples, e muitos pente- ados bastante fáceis de realizar, alguns segredos usados pelos hairstylists nos melhores salões fazem toda a diferença no aca- bamento e na durabilidade do seu look molhado. Um produto indispensável para acabamento molhado é o gel. Ele garante o penteado a noite toda e o bri- lho característico. Vale finalizar com hair spray para fixar me- lhor e ajudar a secar mais rápi- do o gel. Quer coisa melhor do que penteados que podemos fa- zer sem problemas em nós mes- mas? Separamos cinco estilos tudo-de-bom para você arrasar sem trabalho: Coque e rabo de cavalo: o coque ou rabo de cavalo com divisão ao meio está em alta, e apareceu em muitas passarelas internacionais. Ele ensina: Divi- da os fios ao meio e atente a uma risca perfeita. Depois, separe os Penteados molhados: economize tempo com estilo! fios em volta da risca e prenda todo o restante em rabo. Já fa- zendo o acabamento, prenda os fios que estão à volta da risca com gel no rabo de cavalo. Solto e molhado: um cabelo bastante fácil de se fazer e deixar os fios bem lisos, po- dendo até ser chapeados. Pen- teia-se tudo para trás e passa-se o gel distribuindo bem com um pente até a metade da cabeça e para trás das orelhas, deixe todo o resto seco e bastante liso. Dicas express que não podem faltar: • No penteado molhado, a finalização é muito impor- tante para não deixar o ca- belo com aspecto de sujo. Por isso, nada de excessos. • Para você não errar, aposte no gel mais próximo à raiz, deixe o restante dos fios com aspecto mais natural. • Leave-in, mousse, gel e ati- vador de cachos e ondas são fundamentais! Nunca pense em deixá-los de lado • Ao usar o gel, não deixe os cabelos com o produto por mais de um dia. O resíduo danifica os fios a textura do cabelo não fica legal
  13. 13. 13JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015 Esportes DIÁRIO DE S. PAULO - QUINTA-FEIRA / 12 DE NOVEMBRO DE 201514 esportes ELIMINATÓRIAS / ARGENTINA X BRASIL da SELEÇÃO DIÁRIO Golaço_ Ah, se fosse comigo... “Por que ele não faz comi- go?”, brincou o técnico Dunga, ao ser perguntado sobre o golaço marcado por Neymar pelo Barcelona no último fim de semana. “Essas coisas tornam o futebol bonito. Foi um gol plástico. Mas, como diria Dadá: gol é gol. Isso é o mais importante. Se for boni- to, melhor ainda”, completou. Polêmica_ Zagueiro desmente ‘Olé’ A bola ainda nem tinha rolado no Estádio Monumental de Nuñez, mas já havia polêmica envolvendo Brasil e Argentina. Ontem, a CBF divulgou nota oficial na qual o zagueiro Da- vid Luiz (foto) desmentiu uma declaração atribuída a ele pe- lo jornal argentino “Olé” na qual o defensor teria dito que “sem Messi, (os argentinos) não são os melhores”. Treino_ Careca no time de Neymar Ontem, a seleção brasileira fez seu último treino antes do embarque para Buenos Aires, no Itaquerão. O técnico Dunga não quis entregar a escalação e, quando os jornalistas foram liberados para acompanhar a sessão, a seleção fazia um recreativo 11 contra 11, em campo reduzido e com o ex- jogador Careca (foto) jogando na equipe de Neymar. PauloWhitaker/ReutersAndréMourão/MoWAPress Chega de guerraApesar do histórico de brigas e polêmicas envolvendo os jogos entre Argentina e Brasil, Dunga aposta em respeito para o clássico desta noite. Desempenho recente sob o seu comando favorece os brasileiros Marta Teixeira marta.teixeira@diariosp.com.br Emcampoouforadele,arivali- dadeentreBrasileArgentinano futebolsemprefoiferrenha.Ao longo da história, duelos entre asduasseleçõesjásetransfor- maram em verdadeiras bata- lhascampaisemquesobraram sopapos para todos os lados, manifestaçõesderacismoeaté pernas quebradas (relembre algunsepisódiosaolado). Mas neste tempo em que o politicamente correto impera, até mesmo essa rivalidade é vista com outros olhos. Acos- tumado à intensidade das dis- putasentreosdoispaísesdesde o tempo em que era jogador, o hoje técnico Dunga é um dos queacreditaemtalmudança. “Anteseraguerra,agoraéjo- go profissional. Tem respeito mútuo”,acreditaotreinador. Mesmo assim, o assunto ga- nhou espaço especial na pre- paração brasileira para o en- BATALHASMEMORÁVEIS 1 Final do Sul- Americano de 1937 O brasileiro Carnera deu um pon- tapé em Varallo, que revidou com socos. A torcida invadiu o grama- do e a polícia teve de intervir. O jogo terminou 0 a 0. 2Final do Sul- Americano de 1946 Jair Rosa Pinto quebrou a perna do zagueiro Salomón em uma di- vidida. Houve briga entre jogado- res, invasão da torcida e até agressão de policiais aos brasilei- ros. A partida recomeçou após 1h20. Argentina venceu por 2 a 0. 3Segunda fase da Copa de 1978 O jogo ficou conhecido como Ba- talha de Rosário, mas as tensões começaram antes. No trajeto até o estádio, o ônibus dos brasileiros foi apedrejado. Em campo, um festival de botinadas e cotovela- das que terminou em 0 a 0. 4Partida ‘amistosa’ em 2012 O zagueiro Lavezzi deu um soco e um puxão de cabelo do lateral Marcelo durante uma disputa de bola. Os dois foram expulsos e os “hermanos” venceram por 4 a 3. controdehoje.Afinal,acatim- ba sul-americana nunca pode ser ignorada. “Temos conver- sado que há essa rivalidade, mas o jogador brasileiro sabe fazer uma coisa: jogar futebol. Temdeseconcentrarnisso.Sa- bemos que haverá pressão da torcida,porquevivemummo- mento delicado, mas é uma grandeseleção”,destaca. SEM ALIVIAR/ Mas apesar de todaaexpectativaderespeitoe civilidadeemcampo,oex-za- gueiro sabe que não vai haver facilidade em Buenos Aires. Ainda sem nenhuma vitória nas Eliminatórias, a Argentina entrará em campo no Monu- mental de Nuñez ainda mais pressionadadoqueoBrasil. “Eles vão jogar firme e duro. Querem ganhar do Brasil, as- sim como nós queremos ven- ceraArgentina.Temosdeestar preparados para superá-los”, avisaotreinador,quenãocon- sidera o resultado da partida como decisivo para seu futuro no comando da seleção, como chegouaserespeculadorecen- temente. “Especulação não temoquefalar.Énormal.Fala- mosemtrabalhodelongopra- zo.Ninguémémágico.” Com catimba ou sem, o his- tórico recente favorece Dunga no clássico. Em cinco partidas contra os “hermanos”, soma quatrotriunfoseumempate. Altoastralrende piadadeEliascom colegasdoSantos n Bom ambiente, resenha entre amigos e algumas provocações. Segundo o volante Elias, o clima durante os treinos antes da via- gem para o jogo desta noite con- tra a Argentina não poderia ser melhor. A seleção usou as insta- lações do Corinthians para fazer sua preparação, o que rendeu uma provocação dos jogadores do Timão aos companheiros que defendem o Santos. “Nós, do Corinthians, nos sen- timos em casa. É gratificante. Sempre rola brincadeiras. Fala- mos para o pessoal do Santos fi- car à vontade, porque eles não têm essa estrutura toda lá em- baixo”, brincou o meio-campista. A reação santista foi ironizar a situação. “Mais um dia de ótimos ares na santástica estrutura do CT Rei Pelé”, publicou o clube, juntamente com foto do centro de treinamento, no Facebook. Hoje contra os “hermanos”, Elias espera que o astral positivo dos últimos dias ajude a seleção. “Esperamos que os bons ares daqui possam ser levados para a seleção. Queremos vencer. Se fi- zermos um grande jogo contra um adversário da mesma quali- dade, dá confiança para a se- quência da competição”. CASOSDEFAMÍLIA “Seleção é como um filho. Você pode reprovar seu filho, mas não deixa de amá-lo nunca” _Dunga Sobre o apoio do torcedor à seleção PauloWhitaker/Reuters Dunga vai apostar em Daniel Alves mais uma vez na lateral direita ELIMINATÓRIAS - BRASIL X ARGENTINA
  14. 14. 14 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015 DIÁRIO DE S. PAULO - QUINTA-FEIRA / 15 DE OUTUBRO DE 2015 29 horóscopopor João Bidu ÁRIES (21/3 a 20/4) Terá mais disposição para cortar o que não usa e jogar fora. É hora de abrir es- paço para coisas novas. Aproveite para se livrar de velhos hábitos e cuidar da saúde, isso se refletirá na sua imagem. TOURO (21/4 a 20/5) Mergulhar no trabalho e encarar até as tarefas mais chatas não vai parecer o fim do mundo. Se puder contar com o apoio dos colegas, melhor ainda! Nos estudos, vai contar com ajuda da sorte. GÊMEOS (21/5 a 20/6) Você terá energia para terminar tarefas, dar uma ajuda aos colegas ou redobrar os cuidados com a saúde. Também vai esbanjar charme por aí, o que abre muitas portas em vários setores. CÂNCER (21/6 a 21/7) Procure dar atenção extra à sua casa ou aos familiares, que andam sentindo sua falta. Terá facilidade para conhecer pessoas e algumas delas podem se tornar importante em sua vida. LEÃO (22/7 a 22/8) No trabalho, vale a pena resgatar ideias antigas e reapresentá-las. Você pode explorar sua habilidade com as palavras para ampliar contatos, enviar informa- ção e lidar com papelada. VIRGEM (23/8 a 22/9) Não falta habilidade para cuidar do que é seu e até engordar a conta bancária. Você se sentirá à vontade para conver- sar com quem não conhece, além de expressar opiniões com desenvoltura. LIBRA (23/9 a 22/10) Você conta com muita força para correr atrás das suas metas. Cuidar melhor do seu dinheiro e colocar as contas na ponta do lápis pode ser uma boa. En- cante o par com sua vivacidade. ESCORPIÃO (23/10 a 21/11) A Lua está estimulando sua busca por projetos pessoais. Mas é melhor agir com cautela e ouvir seu sexto sentido, que está mais sensível. O diálogo com a turma ganha novo ânimo. SAGITÁRIO (22/11 a 21/12) O bom aspecto entre Marte e Plutão fa- vorece seus planos profissionais. O final do dia será o melhor momento para quem pensa em negociar um aumento. Mas é melhor não chamar a atenção. CAPRICÓRNIO (22/12 a 20/1) Não falta garra e ambição para ir atrás de uma boa posição social. Com uma grande ajuda dos amigos, será mais fácil chegar lá. Bom dia para se dedicar aos estudos e até iniciar um curso. AQUÁRIO (21/1 a 19/2) Com dedicação e algumas mudanças sutis, pode chegar mais longe. Sua cu- riosidade continua em alta: aproveite para trocar informações, experiências e aprender mais. Sensualidade não falta. PEIXES (20/2 a 20/3) Trabalhar em grupo será produtivo. Es- tará aberto a mudanças, seja na vida profissional, pessoal e outras áreas. Passar tempo na companhia dos ami- gos fortalece laços e aquece o coração. Cruzadas passatempo Soluções Sete erros Sudoku O conteúdo de Passatempo é fornecido pela www.coquetel.com.br Preencha os espaços vazios com algarismos de 1 a 9. Os algarismos não podem se repetir nas linhas verticais e horizontais, nem nos quadrados menores (3.3). Divirta-se
  15. 15. 15JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015DIÁRIO DE S. PAULO - QUINTA-FEIRA / 15 DE OUTUBRO DE 2015 27 diáriodafama Fica a dica, Joelma! n Ela é linda, está com tudo em ci- ma e ainda entende tudo de relacio- namentos. Tocada com a situação de Joelma, que foi traída por Chim- binha, a coach Vanessa Oliveira deu dicas para a cantora superar este momento difícil. A primeira delas, inclusive, ela já não cumpriu. “Não torne público os problemas do ca- sal, as outras pessoas não preci- sam saber tudo o que houve”, en- sinou Vanessa, que ressaltou a im- portância do bom senso. “Agir com profissionalismo convém, em res- peito a história construída ao longo dos anos.” Por fim, a gata, expert no amor, aconselhou Joelma a não se fazer de vítima. Preta fará todo mundo dançar n Preta Gil vai se apresentar no próximo dia 22, no Jockey Club em São Paulo. O show da cantora acon- tece logo após a exibição do longa “Dirty Dancing”, sucesso dos anos 1980. Preta será a atração principal do primeiro dia do Vivo Open Air, maior festival de cinema a céu aberto do mundo. Que moral! A gata disse que a cantora precisa investir em si mesma e contar com as amigas ‘Assusta um pouco fazer n Em “Totalmente Demais”, Ma- rat Descarts vai dar vida a Pietro, um diretor de arte talentoso e ir- reverente que será o braço direito de Carolina (Juliana Paes) na re- vista. Na foto, o ator aparece ca- racterizado como o personagem da próxima trama das 19h. Japa volta a fazer balé Braço direito de Juliana n Dias depois de celebrar seu aniversário de 47 anos, em gran- de estilo, Andréa Nóbrega reve- lou ter sentido o peso da idade. “Comemorei com meus amigos mais chegados, com meus filhos (os gêmeos Maria Fernanda e João Victor), com o Carlos Alber- to (marido)... Mas assusta um pouco fazer 47 anos porque da- qui a pouco estou com 50. Senti o peso (risos)”, confessou a atriz. n Para manter a jovialidade e a boa forma física, à beira da meia- idade, Andréa mudou os hábitos. “As coisas já estão mais lentas (ri- sos). Não adianta só a dieta, sem acompanhamento de exercícios”, declarou. “Pra perder uns quilinhos a mais, tirei tudo que é carboidrato. Já perdi 5 kg, estão faltando qua- n Sabrina Sato voltou no tempo. A bela estrelou a campanha da Koleston e fez um vídeo para mostrar os no- vos tons de vermelho. Nas imagens, ela retomou uma paixão antiga: o balé clássico. “Acredito que a dança é o complemento perfeito na construção da minha autoes- tima. Com o balé me sinto li- vre, forte e muito feminina”, declarou a apresentadora. Divulgação RenatoRochaMiranda/TVGlobo Divulgação Andréavailançar umagrifedebolsas embreve.Oprojeto estáemandamento SUCESSO DE VENDAS O livro de Andressa Urach está entre os mais vendidos do ano, incluindo os títulos estrangeiros. Até agora, foram mais de 400 mil exemplares. Flávia exalta nova novela n A novela “Eta Mundo Bom”, próxi- ma das 18h, deu seu pontapé inicial. Walcyr Carrasco se reuniu, pela pri- meira vez, com o elenco da trama. Flávia Alessandra elogiou o novo tra- balho. “‘Êta Mundo Bom‘ saindo do papel. Ansiosa com esse novo traba- lho, os capítulos estão incríveis”, es- creveu a atriz no Instagram. NEM PINTADA DE OURO Recém-separada, a ex-BBB Priscila Pires desabafou nas redes sociais e disse que o ex-marido não a deixou sequer buscar seus pertences em casa. pegou bem pegou mal Divulgação No ar na “Praça É Nossa”, a atriz quer fazer teatro em 2016 por Camila Juliotti camilaj@diariosp.com.br Reprodução/Instagram 47 anos’tro”, disse, orgulhosa. n Com um problema de coluna que teve, que a deixou de mo- lho por três meses, a atriz pre- cisou mudar também os exer- cícios. “Parei com a muscula- ção e com a zumba. Meu médi- co pediu para eu voltar a cami- nhar por 30 minutos e fazer pi- lates. Faço a caminhada de se- gunda a sexta e o pilates três vezes por semana”, explicou. n Após ter reatado com Carlos Alberto de Nóbrega (eles ficaram cinco anos separados), Andréa revelou que as coisas em casa estão melhores do que antes. “Foi muito bom ter passado o aniversário com ele. Foi a primei- ra vez depois dos cinco anos. Ele está muito fofo. Eu falo assim: ‘Carlos, quero isso’. E ele vai lá e compra (risos). Acho que ele está dando mais valor pela nossa vol- ta. Ele está firme e forte. Sei que é difícil pra ele, mas ele está apoiando tudo que estou fazen- do”, contou, apaixonada. Giro dos Famosos
  16. 16. 16 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 2015

×