LIVRO VERDE DO ETANOL 
1 
XXV Fórum Nacional 
Seção II: 
Alta Prioridade à Inovação: Chave do 
Desenvolvimento Moderno 
Ju...
LIVRO VERDE DO ETANOL 
“ Se os conceitos tivessem analogias urbanas, a inovação 
poderia ser assemelhada a uma dessas praç...
Inovação: Mais de uma década de Legislação e Policy 
LIVRO VERDE DO ETANOL 
3 
2013 
2011 
2010 
2008 
2007 
2005 
2004 
1...
LIVRO VERDE DO ETANOL 
4 
Programas, Linhas e Produtos BNDES para Inovação (*) 
PROFARMA PROTVD 
Prog. de Apoio à 
Eng. Au...
LIVRO VERDE DO ETANOL 
5 
Apoio Federal à Inova çVãoE:R 20D0E0 aD 2O01 0ETANOL 
Fonte: Delgado, V. (2012): “2000-2010: Uma...
LIVRO VERDE DO ETANOL 
6 
33 
Desembolsos do BNDES 
para Inovação (*) 
128 
2.232 
2.500 
2.000 
1.500 
1.000 
500 
0 
200...
Pintec: Fatos Estilizados (1/2) 
LIVRO VERDE DO ETANOL 
7 
Taxa Inovaçao (% Empresas) 
31,52 33,27 33,36 
38,11 
1998-2000...
LIVRO VERDE DO ETANOL 
Portugal, 0,45, 0,76 
8 
Finlandia, 0,31, 2,77 
EUA, 0,21, 2,00 
China, 0,18, 1,08 
OCDE, 0,13, 1,6...
LIVRO VERDE DO ETANOL 
9 
Inova-Empresa: Indução ao Investimento Empresarial 
em Inovação Tecnológica 
 Obje vo: Inves men...
LIVRO VERDE DO ETANOL 
10 
PAISS: Alavancagem d Ve EReRcDurEso sDO PRÉ-PAISS: Carteira do BNDES e FINEP para novas 
rotas ...
LIVRO VERDE DO ETANOL 
11 
PAISS: Reposicionamento VdoE BRrasDil E- E tDanOol 2EGTANOL 
Como resultado da indução dos inve...
LIVRO VERDE DO ETANOL 
12 
Impactos do Etanol 2G 
Etanol 2G tem potencial para aumentar em até 
45% a produtividade atual....
LIVRO VERDE DO ETANOL 
Demanda: Investimento Potencial (difusão): 
13 
Impactos do Etanol 2G: Investimentos, Competitivida...
LIVRO VERDE DO ETANOL 
14 
“ A lógica e os dados servem para 
questionar. O que produz é a imaginação ” 
Antonio Barros de...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Alta prioridade à inovação: chave do desenvolvimento moderno - Julio Ramundo

578 visualizações

Publicada em

Publicada em: Economia e finanças
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
578
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Alta prioridade à inovação: chave do desenvolvimento moderno - Julio Ramundo

  1. 1. LIVRO VERDE DO ETANOL 1 XXV Fórum Nacional Seção II: Alta Prioridade à Inovação: Chave do Desenvolvimento Moderno Julio Ramundo Rio de Janeiro, 14 de Maio de 2013
  2. 2. LIVRO VERDE DO ETANOL “ Se os conceitos tivessem analogias urbanas, a inovação poderia ser assemelhada a uma dessas praças em forma de estrela, como a De Gaulle em Paris e a Raul Soares em Belo Horizonte, as quais aportam avenidas vindas de diversos lugares, juntam-se e, a seguir, continuam seu percurso rumo a destinações divergentes. ” Fabio Erber (2010), “Inovação Tecnológica na Indústria Brasileira no Passado Recente: Uma Resenha da Literatura Econômica”, in Textos para Discussão Cepal-Ipea, no 17. 2
  3. 3. Inovação: Mais de uma década de Legislação e Policy LIVRO VERDE DO ETANOL 3 2013 2011 2010 2008 2007 2005 2004 1999 Inova-Empresa, Embrapii PBM, MEI Comitê Pró-Inovação, Margens de Preferência (Lei 12.349/2010) PDP Regulamentação FNDCT (11.540/07) Lei do “Bem” (11.196/05) PITCE, Criação da ABDI, Lei da Inovação (10.973/04) Lei dos Fundos Setoriais
  4. 4. LIVRO VERDE DO ETANOL 4 Programas, Linhas e Produtos BNDES para Inovação (*) PROFARMA PROTVD Prog. de Apoio à Eng. Automo va Linha Inovação Tecnológica Linha Capital Inovador FUNTEC CRIATEC PROSOFT (1997) Inovação Produção e Inovação PD&I Novo PROSOFT 2011-12 2008-10 2004-07 Fins 90 Pro-Aeronáu ca Cartão BNDES PSI Inovação PSI BK TIC Tecn. Nacional Pró-Engenharia Pró-Plás co Inovação Produção BNDES P&G PAISS Inovação nos Programas do BNDES
  5. 5. LIVRO VERDE DO ETANOL 5 Apoio Federal à Inova çVãoE:R 20D0E0 aD 2O01 0ETANOL Fonte: Delgado, V. (2012): “2000-2010: Uma Década de Apoio Federal à Inovação no Brasil”, in Revista do BNDES, n. 37, Junho de 2012.
  6. 6. LIVRO VERDE DO ETANOL 6 33 Desembolsos do BNDES para Inovação (*) 128 2.232 2.500 2.000 1.500 1.000 500 0 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 Fonte: elaboração própria a partir de dados da Área de Planejamento do BNDES. (*) não inclui aquisição de máquinas e equipamentos (BNDES-FINAME) ou desembolsos em operações de renda variável. R$ milhões Apoio do BNDES à Inovação Foco em Inovação através de Investimentos diretos no Capital de Empresas em 2012 • 77% dos investimentos foram em Empresas com ênfase em Inovação e Tecnologias Limpas (R$ 1,44 bi do total de R$ 1,87 bi) • Para cada 1 real do BNDES, outros 4 reais serão investidos por coinvestidores (R$ 9,57 bi no total) ... e também através de Fundos de Investimento 2007 2012 # de fundos 24 32 # de empresas investidas 70 204
  7. 7. Pintec: Fatos Estilizados (1/2) LIVRO VERDE DO ETANOL 7 Taxa Inovaçao (% Empresas) 31,52 33,27 33,36 38,11 1998-2000 2001-2003 2003-2005 2006-2008
  8. 8. LIVRO VERDE DO ETANOL Portugal, 0,45, 0,76 8 Finlandia, 0,31, 2,77 EUA, 0,21, 2,00 China, 0,18, 1,08 OCDE, 0,13, 1,63 Brasil, 0,04, 0,53 3,0 2,5 2,0 1,5 1,0 0,5 0,0 0,00 0,05 0,10 0,15 0,20 0,25 0,30 0,35 0,40 0,45 0,50 Pintec: Fatos Estilizados (2/2)
  9. 9. LIVRO VERDE DO ETANOL 9 Inova-Empresa: Indução ao Investimento Empresarial em Inovação Tecnológica Obje vo: Inves mento em inovação para elevar a produ vidade e a compe vidade da economia brasileira Amplia o patamar de recursos disponíveis e inves mentos Induz e prioriza projetos de maior risco tecnológico Focaliza em áreas e temas estratégicos Coordena agentes de financiamento e instrumentos de apoio R$ 32,9 Bilhões Agropecuária Petróleo e Gás Energia TICs Saúde Aeroespacial e Defesa Novo modelo de ar culação e fomento conjunto à inovação Sustentabilidade Socioambiental
  10. 10. LIVRO VERDE DO ETANOL 10 PAISS: Alavancagem d Ve EReRcDurEso sDO PRÉ-PAISS: Carteira do BNDES e FINEP para novas rotas tecnológicas da ordem de R$ 100 milhões PÓS-PAISS: Crescimento de quase 30x Apenas 1/3 da demanda voltada para 2G e novos produtos – bioquímicos
  11. 11. LIVRO VERDE DO ETANOL 11 PAISS: Reposicionamento VdoE BRrasDil E- E tDanOol 2EGTANOL Como resultado da indução dos investimentos em PD pelo PAISS, o Brasil se reposicionou na corrida mundial pelo Etanol 2G. Fonte: Biofiuels Digest, FO Lichts e BNDES (*) Estimativa para 2014, gerada em 2010. PRE-PAISS PÓS-PAISS Piloto 2 3 Demonstração 2 Comerciais 3 Fonte: BNDES, Departamento de Biocombustíveis.
  12. 12. LIVRO VERDE DO ETANOL 12 Impactos do Etanol 2G Etanol 2G tem potencial para aumentar em até 45% a produtividade atual. Fonte: CGEE.
  13. 13. LIVRO VERDE DO ETANOL Demanda: Investimento Potencial (difusão): 13 Impactos do Etanol 2G: Investimentos, Competitividade e Sustentabilidade Bilhões de litros Demanda 2021 (EPE) 68,5 Export. Potencial 2021 (BNDES) 11,5 Produção Total 2021 80,0 Fonte: BNDES, Departamento de Biocombustíveis Para o mesmo crescimento... Sem 2G Com 2G Economia Novas usinas 138 56 82 Cana processada (MTC) 552 224 328 Área de cana (Mha) 7.886 3.200 4.686 R$ bilhões Retrofit de 400 usinas 72,0 56 novas unidades integradas (1) 68,0 TOTAL 140,0 Fonte: BNDES, Departamento de Biocombustíveis (1) unidades de 4MM de toneladas, 1G+2G Estimativa de Impactos/Benefícios:
  14. 14. LIVRO VERDE DO ETANOL 14 “ A lógica e os dados servem para questionar. O que produz é a imaginação ” Antonio Barros de Castro, in “Conversas com Economistas Brasileiros”, Editora 34, São Paulo 1999

×