Plano de gestao 2014 2017 final-pdf

989 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
989
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
432
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Plano de gestao 2014 2017 final-pdf

  1. 1. PLANO DE GESTÃ0 2014-2017 Chapa: Orgulho de Ser Ufopa! Prof. Dr. Aldo Gomes Queiroz Candidato a Reitor Profa. Dra. Honorly Kátia Mestre Corrêa Candidata a Vice-Reitora
  2. 2. Orgulho de Ser UFOPA! UFOPA A UNIVERSIDADE DA INTEGRAÇÃO AMAZÔNICA PLANO DE GESTÃ0 2014-2017 Perspectivas, Temas Estratégicos, Objetivos, Missão e Visão de Futuro Chapa: Orgulho de Ser Ufopa! APRESENTAÇÃO Aldo Gomes Queiroz e Honorly Kátia Mestre Corrêa, candidatos a Reitoria da UFOPA apresentam à comunidade acadêmica o Plano de Gestão para o quadriênio 2014-2017. Este documento, que tem como uma das referências, o Plano de Desenvolvimento Institucional da UFOPA (PDI) 2012-2016, foi construído com a real contribuição dos docentes, técnico-administrativos em educação e discentes que estabeleceram como propósito a produção, difusão do conhecimento, contribuição para a cidadania, inovação e desenvolvimento da Amazônia, de forma a se consolidar como uma referência na formação interdisciplinar integrando sociedade, natureza e desenvolvimento. O PDI tem como uma das referências os valores fundamentais da instituição tais como: respeito, pluralismo, responsabilidade social e ambiental, transparência, identidade institucional, interdisciplinaridade, lealdade, inclusão e ética. 2
  3. 3. Orgulho de Ser UFOPA! Perspectivas, Temas Estratégicos e Objetivos No momento que a UFOPA completa 4 (quatro) anos de criação e implantação é possível constatar o quanto avançamos na criação e ampliação de oportunidades de acesso ao ensino superior de graduação e pós-graduação, à pesquisa, à extensão universitária e geração de oportunidades de empregos de qualidade para a sociedade da região conquistar uma vida mais digna. Estamos efetivamente contribuindo para o desenvolvimento regional com sustentabilidade, redução da pobreza e das desigualdades sociais, políticas e econômicas. Finalmente os jovens da região passaram a dispor de uma Universidade Federal cuja qualidade acadêmica é nacionalmente reconhecida. Esses avanços foram possíveis principalmente pela competência do pessoal envolvido: conhecimento, experiência, talento, compromisso e dedicação de cada professor, técnico-administrativo e da especial participação dos discentes nas atividades de ensino, pesquisa, extensão e inovação. Na oportunidade, convidamos todos os membros da comunidade acadêmica a aumentar a disposição de enfrentar os desafios impostos para todos nós no processo de implantação e consolidação desta que é a primeira universidade pública federal no interior da Amazônia brasileira, com a finalidade de inovar o percurso acadêmico e promover um desenvolvimento com sustentabilidade. Tendo como base os interesses institucionais quanto a perspectivas, temas e objetivos estratégicos, este Plano de Gestão visa iniciar a discussão de 5 (cinco) eixos estratégicos para a universidade contribuir de forma efetiva para o desenvolvimento regional: 3
  4. 4. Orgulho de Ser UFOPA! 1. Excelência no Ensino, Pesquisa, Extensão e Inovação; 2. Excelência na Gestão Acadêmica e Administrativa; 3. Gestão de Pessoas; 4. Infraestrutura Física e Tecnológica; 5. Orçamento; 1. Excelência no Ensino, Pesquisa, Extensão e Inovação O aspecto mais essencial para que uma Universidade cumpra correta e eficientemente sua função é garantir a melhor formação superior para os cidadãos em sua área de atuação. Neste sentido, tanto na graduação quanto na pós-graduação, o foco do ensino na UFOPA é a abordagem interdisciplinar, flexibilidade curricular, a formação continuada e mobilidade acadêmica. A organização administrativa e acadêmica da UFOPA em 1 (um) Centro de Formação Interdisciplinar e 5 (cinco) institutos temáticos: Instituto de Ciências da Educação (ICED), Instituto de Ciências da Sociedade (ICS), Instituto de Biodiversidade e Floresta (IBEF), Instituto de Ciência e Tecnologia das Águas (ICTA) e Instituto de Engenharia e Geociências (IEG) criam um ambiente favorável ao diálogo e a integração dos componentes curriculares dos Projetos Pedagógicos de Cursos (PPC’s), das iniciativas de pesquisa, articulação com a sociedade e inovação de processos e serviços. Desta forma, a Universidade deve ofertar à sociedade cidadãos bem formados, autônomos, e adaptados aos tempos contemporâneos, capazes de atuar de forma eficaz junto a diversidade sócio-cultural que o mundo do trabalho oferece. Todos estes aspectos devem ser valorizados ao longo de seu percurso na instituição, por meio dos componentes curriculares variados, flexíveis e bem ajustados à diversidade aos quais o estudante se dedicará, e que lhe possibilitará desenvolver valores de competência, ética e solidariedade. Neste 4
  5. 5. Orgulho de Ser UFOPA! sentido, é imprescindível:  Garantir Formação Geral que para permitir visão de campos de conhecimentos interdisciplinares que viabilizem a integração entre os profissionais de variadas especialidades e dos inúmeros aportes de diferentes conteúdos para a melhor eficiência de sua atuação profissional e social;  Seguir o percurso acadêmico para uma Formação Específica, aprofundando seus conhecimentos e disciplinas com maior focalização de interesses, de modo a poder assumir uma profissão mais especializada;  Cumprir seu percurso acadêmico e voltar à Universidade para novos percursos, aperfeiçoamentos e aquisição de novas competências por meio de educação Continuada;  Formar cidadãos que tenham uma Formação Acadêmica e Científica, que efetivamente contribua com a sustentabilidade do desenvolvimento da Amazônia, integrando o desenvolvimento econômico à sua rica diversidade cultural e preservação ambiental;  Consolidar os cursos de Licenciaturas Integradas e Bacharelados já existentes,  Consolidar os mestrados existentes (PGRNA; PGRACAM, PG Biociências, PG em Educação) e doutorado (SND), além do mestrado profissionalizante de Matemática (PROFMAT), já criados pela UFOPA;  Incentivar a nucleação de novos grupos de pesquisa que permitam a criação de outros programas em áreas estratégicas de qualificação profissional e fortalecimento da carreira científica;  Intensificar as ações junto ao CNPq, CAPES/MEC, MCTI para implementação do Programa de Atração e Fixação de Pesquisadores na Amazônia; 5
  6. 6. Orgulho de Ser UFOPA!  Consolidar em parceria com a CAPES e Unidades Acadêmicas o Programa de Formação Doutoral Docente – Prodoutoral;  Consolidar os ciclos de formação – graduação e pós graduação, de maneira a permitir que alunos possam acessar a pósgraduação ao concluir graduação;  Ampliar o acesso e a oferta aos diferentes níveis de ensino e diversificar as oportunidades educacionais;  Fortalecer e criar novos Projetos Pedagógicos (PPC’c) de Cursos voltados para as temáticas e necessidades regionais;  Fortalecer a integração com a Educação Básica;  Consolidar o Programa Ciência sem Fronteiras e o Programa Jovens Talentos para a Ciência;  Consolidar e aprimorar os mecanismos de acompanhamento de estágios para os cursos de licenciatura e de bacharelados oferecidos pela UFOPA, nas modalidades presencial e a distância;  Consolidar pólos UAB na região e fomentar ofertas de cursos de formação continuada a distância;  Ampliar a discussão entre Inovação e Sociedade, com a criação de um Conselho Interistitucional de Pesquisa e Extensão do Parque de Ciência e Tecnologia do Tapajós;  Criar um Fórum de Pesquisa, Extensão e Inovação;  Criar mecanismos internos de Fomento a Pesquisa;  Consolidar políticas de Programa de Extensão;  Continuar o processo de implantação do Instituto de Saúde Coletiva (ISCO), que deverá oferecer cursos de Medicina, Farmácia e Nutrição;  Ampliar o acesso e a oferta aos diferentes níveis de ensino e diversificar as oportunidades educacionais;  Apoiar os Programas de Monitoria e de Tutoria Docente como mecanismos de acompanhamento do desempenho dos alunos e apoio pedagógico; 6
  7. 7. Orgulho de Ser UFOPA!  Fortalecer o Programa de Formação de Professores da Educação Básica (PARFOR);  Criar mecanismos de participação e inclusão de alunos do PARFOR em projetos de pesquisa (especialmente aqueles voltados a novas tecnologias educacionais) e extensão;  Criar o Fórum Permanente de Graduação e Licenciaturas da UFOPA;  Estimular a participação da UFOPA em todos os programas de fortalecimento das licenciaturas promovidos pela CAPES e pelo MEC, tais como: PIBID, Mais Educação, PRODOCÊNCIA, Novos Talentos, LIFE, entre outros;  Aumentar a visibilidade da UFOPA nas escolas públicas da região, com a finalidade de ampliar a participação dos alunos do ensino médio no ENEM para ingresso na instituição;  Ampliar das condições de acesso e permanência aos estudantes portadores de necessidades especiais;  Apoiar atividades de recepção aos estudantes ingressantes na instituição;  Investir na aquisição, desenvolvimento e utilização de novas tecnologias e metodologias educacionais;  Ampliar e dar maior visibilidade científica ao programa de Iniciação Científica, buscando aumentar o número de bolsas;  Intensificar a articulação com organizações públicas e privadas, terceiro setor, organismos de pesquisa e de fomento, nacionais e internacionais;  Apoiar a criação de novos programas de pós-graduação stricto sensu interdisciplinares;  Apoiar a criação de novos cursos de pós-graduação lato sensu, presenciais e a distância;  Ampliar o apoio a intercâmbios entre pesquisadores da UFOPA e outras instituições nacionais e internacionais, visando à 7
  8. 8. Orgulho de Ser UFOPA! expansão das atividades de cooperação e uma maior inserção da Universidade no cenário científico nacional e internacional;  Apoiar a publicação de artigos e outros produtos de pesquisas em âmbito nacional e internacional, fornecendo apoio financeiro para tradução e taxas de publicação;  Ampliar e valorizar as ações de interação entre estudantes de graduação e pós-graduação (fóruns, seminários, encontros);  Estimular a criação e regulamentar a gestão de laboratórios multiusuários;  Estabelecer uma política de propriedade intelectual e transferência de tecnologia;  Dar prosseguimento à implantação do Parque Tecnológico do Tapajós e fomentar e ampliar o apoio aos laboratórios capazes de promover ações em inovação e transferência tecnológica;  Ampliar parcerias/intercâmbios com órgãos públicos de Cultura, Secretarias, Ministérios e instituições ligadas à cultura local, regional, nacional e internacional, visando à valorização e divulgação das manifestações culturais das populações;  Estimular a elaboração de Projetos de Extensão para captar novos recursos para a realização de ações de extensão e cultura;  Estimular o desenvolvimento de atividades culturais em todas as unidades da UFOPA;  Ampliar os espaços para a difusão das manifestações culturais;  Ampliar o intercâmbio cultural e parcerias entre a UFOPA e a sociedade;  Consolidar e ampliar as ações do Museu Arqueológico;  Incentivar e ampliar a participação dos estudantes no Programa de Língua Estrangeira;  Aprimorar os mecanismos de acompanhamento dos alunos com bolsa permanência visando à aprendizagem, redução da evasão e repetência; 8
  9. 9. Orgulho de Ser UFOPA! 2.Excelência na Gestão Acadêmica e Administrativa Com a finalidade de atender as atividades de ensino, pesquisa, extensão e inovação, a UFOPA é composta de administração superior, unidades acadêmicas, órgãos suplementares, e câmpus fora de sede. Essa estrutura organizacional está em constante aperfeiçoamento na busca de integrar, alinhar as ações de planejamento da instituição com as unidades acadêmicas e administrativas, sistematizar, integrar e proteger a informação, institucionalizar a política de comunicação e buscar excelência na gestão para produzir resultados para a sociedade, cumprir o seu propósito e ser uma referência na formação interdisciplinar para ajudar a promover desenvolvimento com sustentabilidade. Nesse aspecto, vamos desenvolver as seguintes ações:  Implantar um modelo de gestão, alinhando as ações de cada unidade missão institucional, visão de futuro e aos objetivos institucionais, a fim de criar uma cultura orientada para resultados;  Organizar e hierarquizar o acesso e a disponibilidade da informação alinhada à política de segurança institucional;  Dar prosseguimento na implantação do Sistema de Gestão por Competência;  Estabelecer procedimentos de comunicação efetivos e canais adequados para difundir e disseminar as informações institucionais;  Aperfeiçoar o processo de aquisição de livros para a Biblioteca;  Fortalecer o processo de Avaliação Institucional;  Fortalecer a Ouvidoria;  Fortalecer o Acesso à Informação  Dar prosseguimento ao processo de implantação do Escritório de Projetos; 9
  10. 10. Orgulho de Ser UFOPA!  Ampliar as ações para a captação de recursos por meio de emendas parlamentares e participação em Editais Nacionais.  Aprimorar o sistema de segurança por meio de ações preventivas e instalação de sistemas de segurança eletrônica;  Concluir o manual para a comunidade universitária, contendo orientações de segurança nos câmpus;  Aperfeiçoar os editais para contratação de serviços terceirizados de limpeza e segurança e aprimorar os métodos para uma gestão mais eficiente dos contratos;  Criar um Grupo de Trabalho responsável pela formulação, implementação, monitoramento, avaliação de ações afirmativas na UFOPA, bem como de ações voltadas à garantia da cidadania e dos direitos humanos de pessoas com vulnerabilidade social, negras, quilombolas, indígenas, deficientes, obesas, LGBT, idosos, estrangeiros, entre outras integrantes de grupos socialmente discriminados;  Ampliar o conjunto de ações afirmativas relativas ao ingresso, acolhimento e permanência nos cursos de graduação da UFOPA aos estudantes sujeitos a vulnerabilidade social;  Fortalecer o grupo de acompanhamento dos estudantes cotistas da UFOPA, como forma de definir políticas de apoio e orientação a esses estudantes;  Estimular a participação a participação dos estudantes nas políticas de esporte universitário.  Definir estratégias de comunicação, visando à definição de públicos-alvo, adequação de mídias e linguagens;  Ampliar a visibilidade da UFOPA no cenário local, regional, nacional e internacional;  Aperfeiçoar a comunicação institucional com os estudantes, os professores e os técnico-administrativos em educação em atividade, os aposentados e os pensionistas; 10
  11. 11. Orgulho de Ser UFOPA!  Organizar visitas periódicas às unidades para divulgar o fluxo das informações;  Apoiar a produção de vídeo institucional;  Aperfeiçoar o envio de sugestões de pauta para a imprensa, com base na agenda de eventos e nos projetos de ensino, pesquisa, extensão, inovação e cultura;  Manter a periodicidade mensal do Jornal da UFOPA;  Criar o Conselho Editorial da UFOPA;  Manter a publicação do Boletim de Serviço da UFOPA;  Ampliar o relacionamento com os veículos de comunicação local;  Criar a Comissão para e elaboração de projeto visando a implantação de uma rádio universitária;  Criar no site institucional links específicos que permitam a discentes obter maior acessibilidade digital a informações acadêmicas e administrativas;  Implantar sistema de acompanhamento psicopedagógico para estudantes. 3.Gestão de Pessoas Pessoas com competência pessoal, social, cognitiva e produtiva são os ativos mais importantes no desenvolvimento de uma universidade. Nesse aspecto a UFOPA teve sucesso nos resultados dos concursos públicos realizados tanto para docentes quanto para técnico- administrativos em educação. Para garantir o desenvolvimento dos processos internos com a finalidade de produzir resultados para a sociedade e cumprimento da missão e buscar a visão de futuro da instituição é imprescindível: 11
  12. 12. Orgulho de Ser UFOPA!  Implementar Mestrado Interinstitucional para qualificação de técnico- administrativos em educação;  Estimular a participação dos servidores nos cursos de capacitação tendo como referência a lacuna de competência para desenvolvimento das funções;  Fortalecer a atuação do Sistema Integrado de Atenção à Saúde do Servidor – SIASS;  Apoiar o desenvolvimento das atividades sobre a saúde do trabalhador, a interface trabalho e saúde e as relações interpessoais;  Aperfeiçoar os processos de realização e ampliação de concursos públicos para atrair e fixar servidores comprometidos com o desempenho da instituição;  Estimular a discussão sobre flexibilidade do horário de trabalho;  Ampliar e aperfeiçoar a capacitação e qualificação de servidores docentes e técnico-administrativos em educação considerando as competências atuais, as metas da instituição e ascensão na carreira;  Implementar processo de capacitação contínua dos técnicoadministrativos em educação com a finalidade de garantir maior qualificação, eficiência e agilidade na execução das diversas atividades;  Implementar a gestão por competência com a finalidade de melhorar a qualidade e o desempenho institucional;  Implementar mecanismos de motivação e valorização dos servidores tornando os ambientes de trabalho adequados e agradáveis para possibilitar bom desempenho e satisfação profissional;  Aperfeiçoar critérios de lotação, remoção e redistribuição de pessoal.  Aperfeiçoar os critérios de avaliação dos servidores; 12
  13. 13. Orgulho de Ser UFOPA! 4. Infraestrutura Física e Tecnológica A Infraestrutura física e tecnológica tem um papel importante como suporte aos docentes e técnicos administrativos em educação processo de desenvolvimento de iniciativas com a finalidade de produzir resultados com qualidade para a sociedade. Essa infraestrutura envolve salas de aulas, laboratórios, salas para professores, banheiros, bibliotecas, áreas de esporte e lazer, salas administrativas, urbanização, salas para teleconferências, redes lógicas, redes de telefonia. Considera-se fundamental consolidar a estrutura multicâmpus da UFOPA, e a todos os câmpus será garantido a mesma política de excelência acadêmica e científica da sede de Santarém. Campus Santarém Unidade Rondon:  Construir novo Bloco de salas de aulas e laboratórios;  Concluir a modernização da infraestrutura elétrica, lógica, sistemas hidrossanitários, drenagem pluvial, tratamento de água, esgoto e urbanização;  Construir sala para representação estudantil (DCE);  Ampliar a Biblioteca Setorial. Unidade Tapajós  Acelerar a construção dos Blocos Modulares dos Institutos, os quais abrigarão as salas de aulas, laboratórios de pesquisa e de ensino, salas para docentes, espaços administrativos, entre outros; 13
  14. 14. Orgulho de Ser UFOPA!  Construir a Biblioteca Central;  Construir Ginásio Poliesportivo;  Construir o bloco do Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação (CTIC);  Construir Bloco para a Superintendência de Infraestrutura (SINFRA)  Construir Garagem e Almoxarifado;  Construir o prédio da Reitoria, que abrigará as Pró-Reitorias e demais instâncias da Administração Superior.  Construir espaços para Laboratórios de Ensino e Pesquisa PCTI:  Acelerar as obras de construção do Parque de Ciência e Tecnologia e Inovação do Tapajós (PCTI-Tapajós), que contemplarão: Concluir a implantação do Laboratório de P & D de Bioativos; Construção do Laboratório de P & D de Aquicultura; Construção do laboratório de P & D de Biotecnologia Animal; Construção do laboratório de P & D em Hortifruticulturas Tropicais Outras Unidades:  Acelerar a implantação das Unidades Experimentais Fazenda Curupira e Fazenda Picapau; 14
  15. 15. Orgulho de Ser UFOPA! Para todas as Unidades  Articular a aceleração do processo de implantação da rede metropolitana de Santarém que deverá aumentar a banda e a capacidade de transmissão disponível para 622 Mb.  Consolidar e ampliar o transporte entre as unidades da UFOPA em Santarém.  Acelerar a construção do restaurante universitário e implantar estratégias para setorizar a distribuição das refeições na Unidade Rondon. Câmpus Fora de Sede  Acelerar a construção do Bloco Modular do Câmpus de Jurutí;  Construir os Blocos Modulares dos câmpus de Monte Alegre, Óbidos, Alenquer e Itaituba;  Ampliar o Câmpus de Oriximiná;  Construir Laboratórios de Ensino e Pesquisa em todos os câmpus;  Ampliar as redes lógicas em todos os câmpus. 5. Orçamento O orçamento prevê todos os recursos para financiar as despesas com custeio e investimentos da Universidade. É composto de dotações consignadas no Orçamento Geral da União, créditos adicionais, transferências e repasses que lhe forem concedidos pela União, Estados e Municípios, ou por quaisquer entidades públicas ou privadas. Nos recursos provenientes de convênios, acordos e contratos, celebrados com entidades ou organismos nacionais e internacionais, 15
  16. 16. Orgulho de Ser UFOPA! assim como nas receitas eventuais, a título de retribuição por serviços prestados a terceiros, ou na arrecadação de receitas decorrentes de serviços administrativos, deve ser observada a legislação aplicável. Dessa forma, o orçamento total da UFOPA é composto pelos recursos transferidos pelo Ministério da Educação (Recursos do Tesouro), recursos diretamente arrecadados (Recursos Próprios) e receitas de convênios. Existe a possibilidade de receitas oriundas de descentralização de créditos pela aprovação de Planos de Trabalho junto a órgãos do governo. As despesas são fixadas e fundamentam-se em programas e ações previstos no Plano Plurianual (PPA) e pelo Ministério da Educação. Normalmente, são despesas destinadas a três Grupos de Natureza de Despesas: pessoal e encargos sociais (ativos, inativos, pensionistas e professores substitutos), outros custeios (pagamentos dos benefícios aos servidores e seus dependentes, além da manutenção da instituição) e capital (obras e instalações, equipamentos e material permanente). O plano de investimentos da UFOPA fundamenta-se na consolidação da estrutura física, tecnológica e no desenvolvimento das ações de ensino de graduação, pós-graduação, produção de conhecimento, inovação e gestão nos diversos campus da Universidade. O Plano de Gestão Orçamentária (PGO) da Universidade é um instrumento de planejamento que tem por objetivo nortear a execução orçamentária em determinado exercício. A sua elaboração ocorre concomitantemente a elaboração da proposta de lei orçamentária anual, e nele são estabelecidos valores máximos que a instituição poderá executar no ano. A composição do PGO está alinhada aos programas e ações vinculados ao Ministério da Educação. A distribuição do crédito orçamentário é realizada por meio 16
  17. 17. Orgulho de Ser UFOPA! de ações internas da Instituição. Para garantir o desempenho das unidades da UFOPA pretendemos:  Elaborar, de forma participativa, uma matriz de descentralização de recursos orçamentários com a finalidade de garantir recursos financeiros que assegurem a implementação e o alcance da estratégia organizacional;  Desenvolver mecanismos de captação de recursos através de editais, planos de trabalhos e cooperação com outras instituições para o desenvolvimento de atividades de ensino, pesquisa, extensão e inovação;  Aumentar a publicidade da aplicação dos recursos financeiros da instituição;  Atuar nas agências de fomento buscando a ampliação do fomento à pesquisa e do número de bolsas de pós-graduação e iniciação científica. *** 17

×