Taxa de sobrevivência    de empresas  Região de São José do Rio PretoEmpresas registradas em 2005 e 2006             Maio ...
Metodologia (I)•    São consideradas em atividade (sobreviventes) as empresas     classificadas como “ativas” no cadastro ...
Sobrevivência das MPEs no Brasil
Taxa de Sobrevivência das MPEs por Estado
Número de empresas                               registradas em 2005 e 2006 Por Setores          Região de São José do Rio...
Taxa de sobrevivência                                            até dois anos no mercado      Por Setores          Região...
Taxa de sobrevivência                                     até dois anos no mercadoPor Setores                        Estad...
Conclusões (I)• Para a região de São José do Rio Preto, a taxa de sobrevivência  das empresas com até dois anos no mercado...
Conclusões (II)• O valor da taxa de sobrevivência, por região, é relativamente  estável entre o ano de 2005 e 2006, tanto ...
Orientações do Sebrae                                            para reduzir MortalidadeIdentificação da oportunidade de ...
10 Dicas para Reduzir                               a Mortalidade de Empresas1                           Planeje-se sempre...
Obrigadobcaetano@sebraesp.com.br    twitter.com/bcaetano facebook.com/bcaetano1
Taxa de sobrevivência das empresas de São José do Rio Preto e região registradas em 2005 e 2006
Taxa de sobrevivência das empresas de São José do Rio Preto e região registradas em 2005 e 2006
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Taxa de sobrevivência das empresas de São José do Rio Preto e região registradas em 2005 e 2006

301 visualizações

Publicada em

Pesquisas do Sebrae-SP indicaram que na região de São José do Rio Preto a taxa de sobrevivência das empresas com até dois anos no mercado foi de 69,9% para os empreendimentos com registro em 2005 e de 73,7% nos negócios registrados em 2006.
(Apresentação feita em maio de 2012)

Publicada em: Economia e finanças
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
301
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Taxa de sobrevivência das empresas de São José do Rio Preto e região registradas em 2005 e 2006

  1. 1. Taxa de sobrevivência de empresas Região de São José do Rio PretoEmpresas registradas em 2005 e 2006 Maio | 2012
  2. 2. Metodologia (I)• São consideradas em atividade (sobreviventes) as empresas classificadas como “ativas” no cadastro da RFB: registradas em 2005 e que entregaram a declaração do Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) nos anos de 2006 e 2007; registradas no ano de 2006 e que entregaram a declaração do IRPJ em 2007 e 2008.• Setores: Uso da Classificação Nacional de Atividade Econômica (CNAE), com exclusão da agropecuária.** No caso da agropecuária, muitos empreendimentos operam com registro em órgãos estaduais.
  3. 3. Sobrevivência das MPEs no Brasil
  4. 4. Taxa de Sobrevivência das MPEs por Estado
  5. 5. Número de empresas registradas em 2005 e 2006 Por Setores Região de São José do Rio PretoAno/ Setor 2005 2006Indústria 423 316Comércio 3.039 2.735Serviços 1.698 1.617Total 5.160 4.668 Fonte: Elaborado pelo Sebrae-SP a partir de dados da RFB.
  6. 6. Taxa de sobrevivência até dois anos no mercado Por Setores Região de São José do Rio Preto90% 81,3%80% 73,0% 73,4% 72,8% 72,9% 73,7% 69,9%70% 68,0%60%50% Indústria Comércio Serviços Todas as empresas 2005 2006 Fonte: Elaborado pelo Sebrae-SP a partir de dados da RFB.
  7. 7. Taxa de sobrevivência até dois anos no mercadoPor Setores Estado de São Paulo 80% 78,2% 78% 76,9% 76,9% 77,0% 76% 75,2% 74,6% 74,4% 73,8% 74% 72% 70% Indústria Comércio Serviços Todas as empresas Registradas em 2005 Registradas em 2006 Fonte: Sebrae-NA. Taxa de sobrevivências das empresas no Brasil.
  8. 8. Conclusões (I)• Para a região de São José do Rio Preto, a taxa de sobrevivência das empresas com até dois anos no mercado, que obtiveram registro no CNPJ foi: 69,9% para as empresas com registro em 2005; 73,7% para as empresas com registro em 2006.• Na região, por setores, as taxas de sobrevivência da indústria são ligeiramente superiores à média, enquanto as taxas de sobrevivência do comércio são ligeiramente menores que a média.• Quanto à taxa de sobrevivência por setores, o mesmo padrão ocorre no estado de São Paulo como um todo.
  9. 9. Conclusões (II)• O valor da taxa de sobrevivência, por região, é relativamente estável entre o ano de 2005 e 2006, tanto por setores, como para a média da região.• A questão do fechamento das empresas jovens (em seus dois primeiros anos no mercado) aparece como fenômeno que atinge todas as regiões e setores, conforme é possível observar pela comparação com as taxas médias de sobrevivência para o estado de São Paulo.
  10. 10. Orientações do Sebrae para reduzir MortalidadeIdentificação da oportunidade de negócio identificar seu diferencial ter afinidade e gostar de atuar no segmento escolhido buscar conhecimento atualizado do ramo avaliar oportunidades de negócios pertinentesEstudo de viabilidade Mercado: estudar demanda, fornecedores, concorrência Finanças: investimento inicial, preço justo para cobrir os custos e gerar lucroCapacitação Empresarial profissionalização continuada da gestão perfil empreendedor
  11. 11. 10 Dicas para Reduzir a Mortalidade de Empresas1 Planeje-se sempre2 Respeite sua capacidade financeira3 Não misture as finanças da empresa com finanças pessoais4 Fique de olho na concorrência5 Prospecte novos fornecedores6 Tenha controle do seu estoque7 Marketing não se resume a anúncio, invista em outras estratégias8 Inove, mesmo que seja um produto/serviço de sucesso9 Invista sempre na formação empresarial10 Seja fiel aos seus valores e do seu negócio
  12. 12. Obrigadobcaetano@sebraesp.com.br twitter.com/bcaetano facebook.com/bcaetano1

×