O  M I L A G R E  DAS  ROSAS
O MILAGRE DAS ROSAS
<ul><li>D. Isabel, a esposa de D. Dinis, ocupava o seu tempo a fazer bem a todos os que a rodeavam, visitando e tratando d...
<ul><li>Conta a lenda que o rei, que tinha muito mau génio apesar de ser também bondoso, irritou-se por ver a rainha sempr...
<ul><li>Certo dia, viu-a sair do palácio às escondidas, foi atrás dela e perguntou-lhe o que levava escondido por baixo do...
<ul><li>De olhos baixos, a rainha Santa Isabel abriu o avental e o pão tinha-se transformado em rosas, tão lindas como jam...
D. DINIS <ul><li>O sexto rei de Portugal. Filho de D. Afonso  /// e da infanta Beatriz de Castela, neto de Afonso x de Cas...
D. ISABEL <ul><li>Filha do rei Pedro III de Aragão e de Constança da Sicília. </li></ul><ul><li>Casou-se com o soberano po...
BIBLIOGRAFIA <ul><li>www.acompanhamento-eb1.rcts.pt/visitas/ </li></ul><ul><li>www.preca.blogspot.com  </li></ul><ul><li>w...
<ul><li>Trabalho elaborado por: </li></ul><ul><li>Ana Rita  n.º 1 </li></ul><ul><li>Lukene  n.º 10 </li></ul><ul><li>4.º A...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Milagre das rosas

3.469 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.469
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
27
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Milagre das rosas

  1. 1. O M I L A G R E DAS ROSAS
  2. 2. O MILAGRE DAS ROSAS
  3. 3. <ul><li>D. Isabel, a esposa de D. Dinis, ocupava o seu tempo a fazer bem a todos os que a rodeavam, visitando e tratando doentes e distribuindo esmolas pelos pobres. </li></ul>O MILAGRE DAS ROSAS
  4. 4. <ul><li>Conta a lenda que o rei, que tinha muito mau génio apesar de ser também bondoso, irritou-se por ver a rainha sempre misturada com mendigos, e proibiu-a de dar mais esmolas. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>Certo dia, viu-a sair do palácio às escondidas, foi atrás dela e perguntou-lhe o que levava escondido por baixo do manto. </li></ul><ul><li>Era pão para distribuir pelos pobres. Mas ela, aflita por ter desobedecido ao rei, disse: </li></ul><ul><li>- São rosas, Senhor! </li></ul><ul><li>- Rosas? Rosas em Janeiro? - duvidou ele - Deixai-me ver! </li></ul>
  6. 6. <ul><li>De olhos baixos, a rainha Santa Isabel abriu o avental e o pão tinha-se transformado em rosas, tão lindas como jamais se viu . </li></ul><ul><li>FIM </li></ul>
  7. 7. D. DINIS <ul><li>O sexto rei de Portugal. Filho de D. Afonso /// e da infanta Beatriz de Castela, neto de Afonso x de Castela ,foi aclamado rei em Lisboa em 1279. </li></ul><ul><li>Foi cognominado o Lavrador ou o Rei Agricultor pelo impulso que deu no reino na aquela actividade e ainda Rei-Poeta ou Rei-trovodor pelas cantigas. </li></ul><ul><li>Primeiro rei português a assinar os seus documentos com o nome completo. </li></ul>
  8. 8. D. ISABEL <ul><li>Filha do rei Pedro III de Aragão e de Constança da Sicília. </li></ul><ul><li>Casou-se com o soberano português D. Dinis em Barcelona, aos 11 de Fevereiro de 1288. </li></ul><ul><li>Chamavam-lhe Rainha da Paz. </li></ul><ul><li>Faleceu pouco tempo depois, em Estremoz, em 4 de Julho </li></ul><ul><li>de 1336. </li></ul>
  9. 9. BIBLIOGRAFIA <ul><li>www.acompanhamento-eb1.rcts.pt/visitas/ </li></ul><ul><li>www.preca.blogspot.com </li></ul><ul><li>www.nsantaisabel.com </li></ul>
  10. 10. <ul><li>Trabalho elaborado por: </li></ul><ul><li>Ana Rita n.º 1 </li></ul><ul><li>Lukene n.º 10 </li></ul><ul><li>4.º A </li></ul>

×