EXPANSÃO MARÍTIMO-COMERCIAL EUROPÉIA
(Séc. XV-XVI)
AS GRANDES NAVEGAÇÕES DESENCADEARAM
UM DOS PROCESSOS MAIS IMPORTANTES DE
TRANSFORMAÇÃO HISTÓRICA.
A conquista dos mares de...
Antecedentes (séc. XI ao
XIV):
 Comércio de especiarias das Índias à Europa -
vários intermediários:
Rota terrestre pela...
Objetivos das viagens
marítimas:
 Controlar as rotas de comércio no ponto de
origem.
 Obter especiarias, porcelana, tapetes, metais,
escravos.
• Conquistar terras (nobreza portuguesa).
• Propagar a fé cristã.
“Viemos buscar cristãos e especiarias”
Vasco da Gama nas...
A força do imaginário europeu
Reinos fantásticos (Preste João),
“paraíso terrestre”, seres disformes
estimulavam a curiosi...
Razões do pioneirismo
português: Precoce centralização monárquica (séc. XII).
 Posição geográfica privilegiada.
 Apoio da Igreja católica.
 Necessidade de buscar produção e riqueza fora
do reino.
 Mentalidade expansionista: “ousadia de um país
pequeno”
 Existência de uma rica e dinâmica burguesia
 Revolução de Avi...
As viagens de navegação ibéricas e
a partilha da Terra
Estratégia portuguesa para chegar ao oriente:
circunavegação da Áfr...
•1415 = conquista de Ceuta (entreposto1415 = conquista de Ceuta (entreposto
comercial dos árabes).comercial dos árabes).
 1415/1488: expansão e comércio na costa
ocidental da África – feitorias
 1488: Bartolomeu Dias dobra o cabo da Boa
Esperança
 1492: Colombo chega à América a serviço da
Espanha = rota ocidental.
 1493: Bula Inter Coetera
 1494:Tratado de Tordesilhas
 1498: Vasco da Gama chega a Calecute (Índia)
 1500: Cabral chega ao Brasil.
 1519/1522: Fernão de Magalhães a serviço da Espanha -
1ª viagem de circunavegação da Terra.
Reflexos da expansão
marítima:
 Crescimento do mercado europeu e mundial.
 Ampliação do mundo conhecido.
 Transferência...
 Colonização da América.
 Afluxo de metais preciosos para a Europa.
 Revolução dos preços.
 Europeização do mundo.
 R...
EXPANSÃO MARÍTIMO-COMERCIAL EUROPÉIA (Séc. XV-XVI)
EXPANSÃO MARÍTIMO-COMERCIAL EUROPÉIA (Séc. XV-XVI)
EXPANSÃO MARÍTIMO-COMERCIAL EUROPÉIA (Séc. XV-XVI)
EXPANSÃO MARÍTIMO-COMERCIAL EUROPÉIA (Séc. XV-XVI)
EXPANSÃO MARÍTIMO-COMERCIAL EUROPÉIA (Séc. XV-XVI)
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

EXPANSÃO MARÍTIMO-COMERCIAL EUROPÉIA (Séc. XV-XVI)

3.129 visualizações

Publicada em

EXPANSÃO MARÍTIMO-COMERCIAL EUROPÉIA
(Séc. XV-XVI)

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.129
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.557
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
40
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

EXPANSÃO MARÍTIMO-COMERCIAL EUROPÉIA (Séc. XV-XVI)

  1. 1. EXPANSÃO MARÍTIMO-COMERCIAL EUROPÉIA (Séc. XV-XVI)
  2. 2. AS GRANDES NAVEGAÇÕES DESENCADEARAM UM DOS PROCESSOS MAIS IMPORTANTES DE TRANSFORMAÇÃO HISTÓRICA. A conquista dos mares deu à Europa a primazia universal por séculos.
  3. 3. Antecedentes (séc. XI ao XIV):  Comércio de especiarias das Índias à Europa - vários intermediários: Rota terrestre pela Ásia controlada pelos árabes; Mar Mediterrâneo controlado pelos genoveses e venezianos.
  4. 4. Objetivos das viagens marítimas:  Controlar as rotas de comércio no ponto de origem.
  5. 5.  Obter especiarias, porcelana, tapetes, metais, escravos.
  6. 6. • Conquistar terras (nobreza portuguesa). • Propagar a fé cristã. “Viemos buscar cristãos e especiarias” Vasco da Gama nas Índias
  7. 7. A força do imaginário europeu Reinos fantásticos (Preste João), “paraíso terrestre”, seres disformes estimulavam a curiosidade pelo desconhecido.
  8. 8. Razões do pioneirismo português: Precoce centralização monárquica (séc. XII).
  9. 9.  Posição geográfica privilegiada.  Apoio da Igreja católica.  Necessidade de buscar produção e riqueza fora do reino.
  10. 10.  Mentalidade expansionista: “ousadia de um país pequeno”  Existência de uma rica e dinâmica burguesia  Revolução de Avis (1385) - dinastia de reis empreendedores
  11. 11. As viagens de navegação ibéricas e a partilha da Terra Estratégia portuguesa para chegar ao oriente: circunavegação da África.
  12. 12. •1415 = conquista de Ceuta (entreposto1415 = conquista de Ceuta (entreposto comercial dos árabes).comercial dos árabes).
  13. 13.  1415/1488: expansão e comércio na costa ocidental da África – feitorias
  14. 14.  1488: Bartolomeu Dias dobra o cabo da Boa Esperança
  15. 15.  1492: Colombo chega à América a serviço da Espanha = rota ocidental.
  16. 16.  1493: Bula Inter Coetera  1494:Tratado de Tordesilhas
  17. 17.  1498: Vasco da Gama chega a Calecute (Índia)
  18. 18.  1500: Cabral chega ao Brasil.
  19. 19.  1519/1522: Fernão de Magalhães a serviço da Espanha - 1ª viagem de circunavegação da Terra.
  20. 20. Reflexos da expansão marítima:  Crescimento do mercado europeu e mundial.  Ampliação do mundo conhecido.  Transferência do eixo comercial do Mediterrâneo para Atlântico.  Declínio das cidades italianas.  Fortalecimento dos Estados europeus atlânticos.
  21. 21.  Colonização da América.  Afluxo de metais preciosos para a Europa.  Revolução dos preços.  Europeização do mundo.  Restabelecimento da escravidão.  Enriquecimento da burguesia.  Revolução Comercial.  Mercantilismo.  Desenvolvimento do capitalismo comercial.

×