Grécia antiga 1

287 visualizações

Publicada em

Resumo da Grécia Antiga

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
287
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Grécia antiga 1

  1. 1. 1 A Civilização Grega Clássica  Localização:  Parte meridional da península balcânica, litoral da Ásia Menor e ilhas do Mar Egeu.
  2. 2. 2 A Civilização Grega Clássica
  3. 3. 3 A Civilização Grega Clássica  Território montanhoso e marítimo.  Solo pobre e seco  Meio caminho entre Oriente e Ocidente.  Navegação e comércio marítimo.
  4. 4. 4 A Civilização Grega Clássica  Divisão histórica:  Período Pré Homérico (XX a XII aC)  Período Homérico (XII a VII aC)  Período Arcaico(VII a VI aC)  Período Clássico (V a IV aC)  Período Helênico (IV a II aC)
  5. 5. 5 Período Pré Homérico (Séc. XX a XII aC)  Grécia se origina da civilização cretense e grupos nômades nórdicos e alpinos  Invasão dos Aqueus: fundação de Micenas. Conquista de Tróia  Invasão posterior da eólios, jônios e dórios. Estes destruíram a civilização creto- miscênica, além de diminuírem práticas culturais e comércio.
  6. 6. 6 Período Homérico (Séc. XII a VII aC)  Relata nas obras de Homero: Ilíada e Odisséia.  Constituição dos genos (grupo numeroso de famílias descendentes de um ancestral comum). Patriarcalismo.  Crescimento demográfico torna produção agrícola insuficiente, o que gera fome e marginalização.
  7. 7. 7 Período Arcaico (Séc. VIII a VI aC)  De genos a fátrias, de fátrias a tribos.  Para defesa, o poder político é construído nas partes altas (acrópoles).  Constituem-se as pólis, com ágoras, ginásios, teatros e reservatórios.
  8. 8. 8 Período Arcaico (Séc. VIII a VI aC)  Eram independentes, e evoluíram em geral da monarquia para a oligarquia.  Atenas: da oligarquia a democracia.  Colonizaram a Ásia Menor, regiões do sul da Gália (Marselha e Córsega, atual França) e sul da Península Itálica (Magna Grécia).
  9. 9. 9 Período Arcaico (Séc. VIII a VI aC)  Colônias gregas suprem necessidades agrícolas.  Comércio leva ao surgimento da moeda.  Diferenciação entre Atenas e Esparta.
  10. 10. 10 Atenas  Séc XI a VIII: Basileus (rei) subordinado a um conselho de nobres (areópago).  Séc VIII e VII: Oligarquia. Arcontado, grupo de magistrados (famílias ricas).
  11. 11. 11 Atenas  Reforma de Dracon:  estado, e não mais eupátridas (descendentes dos fundadores), instituem as leis.  Reformas de Sólon:  fim da escravidão por dívidas;  devolução de terras aos camponeses endividados;  resgate de atenienses escravizados ao estrangeiro;
  12. 12. 12 Atenas  Reformas de Sólon: Cidadãos divididos censitariamente no Conselho dos Quatrocentos (ou Bulé); Camponeses e assalariados votam na Eclésia (Assembléia do Povo).
  13. 13. 13 Atenas  Com a derrubada do Arcontado, inaugura- se a tirania. Reformas sociais foram aprofundadas: terras férteis e crédito aos camponeses; Em 510 aC, eupátridas restauram o regime oligárquico.Um ano depois, uma revolta social leva Clístenes ao poder.
  14. 14. 14 Atenas  Conselho dos Quinhentos elabora as leis.  A Eclésia aprova as leis (principal órgão decisório): 10 % dos habitantes (Metecos, escravos e mulheres não participavam).  Criação do Ostracismo.
  15. 15. 15 Esparta  Fundada pelos dórios século IX aC.  Agricultura, atividade predominante.  Militarista e conservadora:  Espartanos (descendentes dos dórios)  Periecos (aqueus): livres, sem poder político.  Hilotas: atacados anualmente como exercício militar.  Aprendizagem militar – educação para serem guerreiros.
  16. 16. 16 Esparta  Diarquia: poder hereditário, questões militares e religiosas.  Gerúsia: Os dois reis e 28 anciãos (criam as leis).  Apela: Cidadãos com mais de 30 anos. Ratificadora da Gerúsia.  Éforo: 5 magistrados, eleitos pela apela, que governavam.
  17. 17. 17 Período Clássico Séculos V e IV a C  Apogeu da cultura grega, especial Atenas.  Guerras Médicas: organização da Confederação de Delos.Predomínio de Atenas.  Péricles:  Maior participação dos mais pobres.  Paz com os persas.  Templos e outras construções.
  18. 18. 18 Período Clássico Séculos V e IV a C  Esparta: Confederação do Peloponeso.  Guerra de 431 a 404 aC. Vitória Espartana.  Em 371, Tebas prevalece. Nove anos depois, Atenas e Esparta derrotam Tebas.  Conflitos levam às vitórias de Felipe II sobre as Pólis.
  19. 19. 19 Império de Alexandre Magno (336-323 aC)  Macedônia: agricultura e pecuária.  Após o assassinato de Felipe II, Alexandre amplia e consolida o Império Macedônico.  Pérsia, Fenícia, Egito, Síria, Índia : maior império da Antiguidade.
  20. 20. 20 Cultura grega  Mitologia grega. Deuses antropomórficos. Olimpíadas para Zeus.  Surgimento da filosofia: visão racional  Cosmogonia nos pré-socráticos.  Sofistas: ênfase na oratória e poder.  Sócrates, Platão e Aristóteles.  História: Heródoto e Tulcídedes.
  21. 21. 21 Cultura grega  Artes: exaltação à moderação, amor à vida e exaltação ao belo. Expressão da natureza humana.  Arquitetura: estilos dóricos, Jônicos e Coríntio.  Cerâmica: cenas mitológicas e o cotidiano.
  22. 22. 22 Cultura grega  Literatura: épica (Homero e Hesíodo)  Teatro: tragédia e comédia. Ésquilo, Sófocles, Eurípedes, Aristófanes.  Medicina: Hipócrates.

×