STF 102175
INQ/ 3983
3555 - DIRE!'fO PENAL ! CRIMES PRATICkDOS POR F",j"'NC:OmRIOS Pl1Si.:iCOS CONTRJ A
ADMINISTRA~_O EM G...
.~
"'.
•
/.
Se<,:ăo de Processos Originarios Criminais 
TERt'VIO DE ABERTURA
~ d, O~ d, 201~~''~~ o
. ,:o~u~~~D~Jutos do(â...
•
•
DOC.14
(Documentos traduzidos referentes a Ac;ao
Penal 5083838-59.20144047000 - 13a
Vara
Federal de Curitiba)
MINISTER...
Ministerio Publico Federal
PROCURADORIA DA REPUBLICA NO PARANÂ ~~
FORt;A TAREFA "OPERA(:ÂO LAVA JAlO" t 1
EXCELENTisSIMO J...
MINISTERIO PUBlICO FEDERAL
LISTA DE DOCUMENTOS TRADUZIDOS
~ ~
Anexo I d~_Documento
OUT2 Tcoo"ciio Relatario MP Suil'O
OUT3...
MINISTERIO PUBLICO FEDERAL
OUT31 Share Transfer da conta para Fcrnando Soarcs
OUT32 Procura9ao Threc Lions para Fcrnando S...
•
•
•
••
•
Procuradoria Publica Federal
Ministere public de la Confederation
Ministero publico delia Confederazione
Procur...
•
•
SV 150~~0Numero do processo: SV.15.0122-LEN 02 . 101 -0005
baseado em nossa consulta previa, bem coma no seu oficia de...
•
Numero do processo: SV.15.0122-LEN
- em 17/09/2008 ocorreu um pagamento por parte da Three Lions Energy Inc.
para uma em...
•
•
•
••
•
(o~i
Numero do processo: SV.15.0122-LEN
SV.15.0122
02 . 101 -0007
nos documentos bancarios editados de DE MOURA...
•
•
•
••
•
Numero do processo:
SV 15 012~O{(iA
02.101 -0008 • SV.15.0122-LEN
um membra de um exercita, que atuam para um E...
•
•
•
•
•
to4
Numero do processo: SV.15.0122-LEN
SV.15.0122
02.101 -0009
Apos uma respectiva consulta previa, os Senhores ...
•
•
HERITAGE BANK
CONTA
Nome: Forbal
Numero: 0735120
A
Numero da conta: 073512 O
Titular:
Sobrenome: FORBAL, INVESTMENT IN...
o titular se compromete a informar, por iniciativa propria, ao Banco, qualquer
mudan~a. Preencher este formulario com info...
CONTA
Nome: Forbal
HERITAGE BANK W: 0735120
PROCURACAo LIMITADA AGESTÂO DE ATIVOS
Oulorgado por:
FORBAL INVESTMENTINC.
• S...
TIPC1_20150224_00B_0022_F
1. O poder conferido ao(s) Procurador(es) abrange a lodas as opera~es de gest~o consideradas
com...
•
•
6. Devido ao poder outorgado ao(s) Procuradar(es), o Banco fica liberado de Ioda e qualquer obriga4;ao
de assessoramen...
Local e dala:
Monlevideu.30.07.2008
Assinalura do(s) T1tular(es)
FQRBAL
[ASSINATURAI
fASSINATURAJ
Assinatura(s) dO(s) Proc...
•
•
CONTA
Nome: Forbal
HERITAGE BANK 0735120
SIM
CONTRATO DE GARANTIA
Eu/N6s abaixo assinado(s):
FORBAL INVESTMENT INC.
So...
A penhora abrange:
Todos os valores e todos os direitos futuros vinculados, tais como ay6es gratuitas, direitos de
subscri...
•
•
o Banco pOdera, a qualquer tempo, pegar para dep6sito os tltulos penhorados em uma entidade externa;
tera o direito, s...
.MPC1_201S0224_00B_0040J
Toda notifical;aO por parte do BaneD sera consideradas coma efetuada a partir do envio da mesma a...
•
TIPC1_20150224_008_0047J lO~~
CONTA
Nome: Forbal
HERITAGE BANK 0735120
Formularlo de Impostos/lmpostos estadunldense de ...
TIPCl_20150224_008_0040_F
Deve ser preenchido por fundas fiduciarios e estruluras similares.
(X) O titular da conta nao e ...
•
•
BANca HERITAGE
MPC1_20150224_008_0160_F
GESTÂa -1-
CONFERENCIA DE CONTA
CONTA PESSOA JURiDICA
Abertura de conta (X)
At...
BANCO HERITAGE
MPC1_20150224_00B_0161J
GESTĂO-2-
Pessoa juridica oao inscrita no Registro do Comercio: ()SIM ( )NÂO
Identi...
•
•
BANCO HERITAGE
MPC1_20150224_00B_0162Jos1~GESTÂO-3-
4. RELACÂO COM OUTRAS CONTAS JUNTO Ă HERITAGE FINANCE & TRUST COMP...
BANCO HERITAGE
10. ORIGEM DOS ATiVOS
MPC1_20150224_008_0163J
GESTÂO -4-
(expllcac6es gent!ricas como "poupanCa", "heranca"...
•
•
BANCO HERITAGE
VERIFICADO PELO REVISOR:
MPC1_201S0224_008_0164_F ~~1GESTĂO-S-
Recomenda~6es: ____~~~~c-_______________...
•
•
Para
De
Data
Assunto
61, rota de Ch~ne
Caixa Postal 6600
CEP 1211 Genebra 6
Sulca
Tel: +41 (0)582200000
Fax:+41 (0)582...
•
•
Pagina 1 de 2
WQRLD - CHECK
REDUZINDO RISCQS ATRAVES DA INTELIGENCIA
Aviso legal
E eslrilamente proibido divulgar ou c...
Pagina 2 de 2
A categoria e baseada na informa<;:ao presente nas fonles fomecidas.
3) Aviso Legal sobre Informa~âo interli...
•
e.
•
•
•
Pâgina 1 de 1
WORLD - CHECK
REDUZINDO RISCOS ATRAVES DA INTELlG~NCIA
Aviso legal
E estritamente proibido divulg...
Pagina 1 de 2
WORlD - CHECK
REDUZINDO RISCOS ATRAVES DA INTEUGt:NCIA
Avlso legal
E estritamente proibido divulgar ou copia...
•
•
http://www.adr.com/adr?page=comphome&fonntype=2&sile=ADR&ticker=PBR
htlp:/IwoJm.adr.comladr?page adrnews&fonntype=1 &s...
Pâgina 1 de 1
localizador de Pessoas
lOCALIZADOR DE PESSOAS BR PETROBRAS
Lista telefonica Petrobras
NESTOR CUNAT CERVERO
[...
•
•
Banco Herilage S.A.
61 roia de Chene, caixa poslal 6600
CH -1211 Genebra 6, SUiC;A
Tel +41 (0)582200000 Fax +41 (0)582...
MPC1_20150224_00B_0195J
Conclusoes
• Ale o presente momento, năo encontramos circunstancias suspeitas envolvendo a
origem ...
•
•
Pagina 1 de 2
WQRLD - CHECK
REDU21NDO RISCOS ATRAVES DA INTELIGENCIA
Avlso legal
~ estritamenle proibido divulgar ou c...
Pagina 2 de 2
FONTES DE INFORMACĂO:
MARCO 2014:
http://w.w1.folha.uol,com.br/poder/2014/03/1429174-nestor-cervero-apontado...
•
•
Caixa
OK
COS 24
CARTĂO DE VIAGEM PRE-PAGO DOS BANCOS sufc;:os
FORMULARIO DE SOLICITAc;:ĂO
CARTÂO NOVO (X) MUDAN~A DE C...
•
•
Caixa
OK
COB 24
CARTĂO DE VIAGEM PRE-PAGO DOS BANCOS suic;os
FORMULARIO DE SOLICITAC;ĂO
CARTAO NOVO (XI MUDAN~A DECONT...
•
•
Ao
Banco Heritage
Presente
Prezados senhores:
Montevideu, 27 de novembro de 2014
Referencia Conta 735120
Beneficiârio:...
•
•
BANCO HERITAGE
GENEBRA, 14.05.2009
REF: 0735120l001IENOOO9428_000
CAIXA POSTAL 6600,1211 GENEBRA 6
TEL: +41 (0)5822000...
•
•
P.SCHIMID & ASSOCIES SA
Rua da Râtisserie 2
CEP 5469
1211 Genebra 11 *060230500017*
Classlflcaţăo
Nota de Despesas
Uni...
VASSEUR Alain
De:
Data:
Para:
Assunto:
Senhor Pupillo
VASSEUR Alain
quinta-feira, 7 de julho de 2005 17:12
PUPILLO Stephan...
•
•
UBP
UNION BANCAIRE PRIVEE
GENEBRA
RUSSEL CONSULTORES SA
201-0253199
GERENCIADO POR P.SCHMID & ASSOCIADOS SA
Genebra, 5...
•
•
•
••
•
MPC1_20150410_010_0164_F
Pagina 1 de 2
ANTELO Maria-Cristina
De:
Data:
Para:
Assunto:
ANTELO Maria-Cristina
qua...
UBP
UNION BANCAIRE PRIVEE
GENEBRA
RUSSEL CONSULTORES SA
201-0253199
Genebra, 6 de abril de 2009
RE: Atualizacăo de prospec...
96-98 Rua do Rh6ne -CH -1211 Genebra 1- tel. +4122 81921 11 - Fax + 4122 819 22 00 - E-mail ubp@ubp.ch
•
•
30350957878
Inq...
•
•
Carta Registrada
UBP Union Bancaire Privee
Rua do RhOne 96-98
CEP 1320
1211 Genebra 1
Basileia, 2 de dezembro de 2010
...
•
•
MPC1_20150410_010_0198J
Em resposta ii vossa demanda por e-mail de 08.6.2011, envio em anexa os
documentos assinados
R...
UNION BANCAIRE PRIVEE
Verifica~ăo de Identidade do Titular Beneficiărio
(de acordo corn o Acordo sobre Auditoria Juridica)...
•
•
Resolucao do Conselho
N6s abaixa-assinadas, coma membros do canselho da
Russel Advisors SA
Uma empresa organizada e at...
e)abrir contas adicionais, de qualquer tipo, junto ao Banco e locar cofres; ter acesso e
contrale de conteudos de qualquer...
•
•
MPC1_20150410_010_0202J
Cartăo de Assinatura - Orgăos Corporativos
Conta nOI Nome da empresa
Nome
Somente as pessoas a...
UBP
UNION BANCAIRE PRIVEE
EMPFANGSBESTĂnGUNGI NOTA DE RECEB1MENTO
NOTA DE RECEBJMENTOI CONFERMA OI RECEVUTAI ACUSE DE RECI...
•
•
Original
Ref: 253.199 Russel Advisors SA
Prezados Senhores,
'130419000512'
Cart. =ebldB por correl05 .em Originai.
19A...
-130419000512-
Carta recebida f>O' """ea! oem 0/19...13
Original
UBPSA
Sra. Sylvie BRUSA STOCKER
Rua do Rh6ne 96-98
CEP 13...
•
•
•
•
•
•
'130530005382'
A classificar UBP
UNION BANCAIRE PRIVEE
Nota de Patricia Yosbergue
Departamente Jurfdica
Para S...
MPC1_20150410_010_0230J
UBP
Agradeco por me confirmar por e-mail a execuyâo dos ditos pagamentos (corn extrato do swift! s...
•
•
•
P.P. CH-3003 Berna, BA, RD
CARTA REGISTRADA
Union Bancaire Privee UBP SA
CP 1320
1211 Genebra
[Selo: 4 FEV. 2013 [il...
Numera do pracesso: VZ.13.0013-GRS
Alem disso, os custos do pracesso no valor de CHF 20.360,00 foram impostos ao acusado.
...
•
•
•
•
•
•
Procurador Federal:
Procuradoria Publica Federal
Ministere public de la Confederation
Ministero publico delia ...
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Inq 3983 volume6
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Inq 3983 volume6

364 visualizações

Publicada em

Inq 3983 EC

Publicada em: Governo e ONGs
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
364
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Inq 3983 volume6

  1. 1. STF 102175 INQ/ 3983 3555 - DIRE!'fO PENAL ! CRIMES PRATICkDOS POR F",j"'NC:OmRIOS Pl1Si.:iCOS CONTRJ A ADMINISTRA~_O EM GERAL : CORPUPCĂO PASSi:VA 362a - DIRE_ IT,,) PENAL I CR!NES PREVI STOS N/ l EGISL " ~U O ,. A,'";/IO EXTRA·;'r~~Al.~TE 1 CR!MEE' DE "LiWA....._.EI.!"-.1 CULTAC;lC DE BENS, DIREITQS OU VILORES Supremo Tribunal Federal N INQUERITO 3983 Supremo Tribu" al Feda!'81 Inq 0003983 - 09/03/2015 11 :47 0000036-31.2015.1.00.0000 ! I INQUERITO V()LUME06 P!OCED . : DISTRITO FEDERAL DISTRIBUI,ÂO EI-! 09/03/2015 ORIGEM . : PET-5278 - SUPREI·IO TRIBUNAL FEDERAL RELATOR(A): MIN. TEORI ZAVASCKI AUTOR IA/SI IESI l1INISTERIO PUBLICO FEDERAL PROC. IMSI IESI PROCURADOR- GERAL DA REPUBLICA INVEST . IO/SI EDUARDO CUNHA ADV . (A/SI AN'l'ONIO FERNANDO BARROS E S!LVA DE SOUZA' E OUTRO IA/SI INVEST . (/1./5) SOLJ..NGE PERF.IRA DE ALt1EIOA AG.REG. NO INQUERITO INQUERITO 3983 PROC:!D. : ~l:;TRITO FEDERAL ORIGEH . : PE'!'-5278-E'UPR.Eto10 TRIBUNAL FEDERAL RELATOR (A) MIN . TEORI ZAVASCKI .~G1'E. (5) EDUJ,RDO ('TjNHA L)ISTRI3UH;ĂO Ef'l 23/04/2015 ADV. IA/S) AGDO. (l.,'~) ?ROC. {A/Si ( ES) AN10f'l10 Ftm.•'lJANDO BARROS E SILVA DE .sOUZA E OU1'RO(A/S) f'.!lNI3'!'ERIO puaLICO FEDERAL PR()CttRAIJ()~-GER;"L DA REP':J13LICA 30350957878 Inq 3983
  2. 2. .~ "'. • /. Se<,:ăo de Processos Originarios Criminais TERt'VIO DE ABERTURA ~ d, O~ d, 201~~''~~ o . ,:o~u~~~D~Jutos do(â),J- que se llliCIa "Ifolha n° . , . Eu, ~ AA t , Analista/Tecnico Judiciario, lavrei o prefire't~r~ o. 30350957878 Inq 3983
  3. 3. • • DOC.14 (Documentos traduzidos referentes a Ac;ao Penal 5083838-59.20144047000 - 13a Vara Federal de Curitiba) MINISTERIO PUBLICO FEDERAL 30350957878 Inq 3983
  4. 4. Ministerio Publico Federal PROCURADORIA DA REPUBLICA NO PARANÂ ~~ FORt;A TAREFA "OPERA(:ÂO LAVA JAlO" t 1 EXCELENTisSIMO JUIZ DA 13" VARA FEDERAL DA SUBSE<,:Ao JUDICIARIA DE CURITIBA/PR Aulos 0° 5083838-59.2014.404.7000 • AC;ăo Penal • o MINISTItRIO PIJBLICO FEDERAL, pelos Procuradores da Republica ao final subscritos, vem, cm atenr;30 ci decisâo do cvcnto 486 e ci intima9ăo do evento 493, requerer, corn fu1cro 110 art. 236 do CPP, a juntada integral da traducrăo dos documentos cm lingua estrangcira. Para meihor comprcensăo dos documentos, o MPF elaborati a lista constante laga abaixo. Corn efcito, o documentos constantes nos anexos 2 a 38 saa aqueles enviados pelas autoridades sui'Yas Uuntados originalmente nos eventos 448 e 470) e cuja traduerâo foi reputada necessaria pela MPF. la os documentos constantes nos ancxos 39 a 53 săa aqueles cuja traduryâo foi rcquerida pela Defesa (evento 440), c cuja necessidade foi afirmada pela MPF no evento 476. Curitiba,8 de julho de 2015. Orl.odo Marlello Procurador Regional da Rcpubl ica Diogo Caslor de Mattos Procurador Rcpubl ica MPFDocumento elelrânico assinado digila!menle. DalalHora: 081071201515:29:15 Signatârio(a): ORLANDO MARTELLO JUNIOR:621 _ _ _ Certificado: 632cOeOc05add7fb (LPllj 1/3 30350957878 Inq 3983
  5. 5. MINISTERIO PUBlICO FEDERAL LISTA DE DOCUMENTOS TRADUZIDOS ~ ~ Anexo I d~_Documento OUT2 Tcoo"ciio Relatario MP Suil'O OUT3 Abcrtura de conta FORBAL OUT4 f) de ultima beneficiario OUT5 Proeural'ăo gestăo de ativos BALTIC OUT6 Contrato de Garan!ia FORBAL OUT? Declarayăo Năo Estadunidense •OUT8 Aeeount Cheek List OUT9 '" da conta OUTIO Worldeheek Nestor Cerver6 OUTII Worldeheek eomplianee Petrobras OUTl2 Memorandum do banca sobre Pasadena OUTI3 Worldcheck compliancc Nestor Cerver6-Pasadena OUTI4 " Bankers Travel Cash Card - Nestor Cervera OUTI5 Travel Cash Card - pela FORBAL OUTI6 ,'"ccu' de fundas, Alexandre Amaral de Moura OUT17 E-mail transferencia Russell Advisors OUTI8 Resposta compliance Banca UBP •OUTI9 2 e e-mail comol' Banca UBP OUT20 Carta ATAG cancelando ser beneficiaria da Russell OUT21 Carta conta indicando Cerver6 como BO da Russell OUT22 Autoriza<;:ăo transferencia de securities para autra conta OUT23 Parecer Juridica sobre a conta Russell OUT24 Fonnulario de abertura da conta Russell OUT25 Cartâo de assinaturas Russell OUT26 Comr"- da conta Russel Advisors OUT2? Ver de BO eon!a Russell OUT28 "u Tree Lions ta Russell OUT29 E, Three Lions - Russell Advisors OUT3O '01, de abertura Three Lions 2/3 30350957878 Inq 3983
  6. 6. MINISTERIO PUBLICO FEDERAL OUT31 Share Transfer da conta para Fcrnando Soarcs OUT32 Procura9ao Threc Lions para Fcrnando Soares OUT33 Cartao de assÎnaturas Three Lions OUT34 Autorizayăo para Soares usar internet banking Three Lions OUT35 Informayoes de compliance - Thrcc Lions OUT36 Tranfereneia 800 USD Piemonte - Threc Lions OUT37 Ordem de transfcrencÎa Three Lions - Russell OUT38 Transfereneia 75 USD Three Lions - Russell • r:: :: ::. -.::; .~DocumeDtos R;q-';eridos'pelaDefesa + ::::=] Anexo EventolDoc.~mento 0t:iginario OUT39 1 ANEX04 OUT40 1 ANEX05 OUT41 1 ANEX06 OUT42 1 ANEX07 OUT43 1 ANEX08 OUT44 1 ANEX09 OUT45 156 OUT7 OUT46 1560UTl7 OUT47 156 OUT29 • OUT48 156 OUT30 OUT49 156 OUT32 OUT50 1570UT7 OUT51 157 OUTl5 OUT52 157 OUT20 OUT53 157 OUT26 3/3 30350957878 Inq 3983
  7. 7. • • • •• • Procuradoria Publica Federal Ministere public de la Confederation Ministero publico delia Confederazione Procura publica federala P.P. CH-3003 Berna, BA, WII Malote interno Departamento Federal de Justi~a Departamento Extradi~6es 3003 Berna SV. 15 . 0122 . 02 . 101 -0004 Via 6rgaa Central brasileiro competente Ao 6rgao federal brasileiro de persecu~ăa penal competente no casa PETROBRAS Procurador Federal: Stefan Lenz Escriva: Gabriele Beyeler Numere do processo: SV.15.0122-LEN Berna, 26 de maia de 2015 Pedido de assun~âo de persecuc;âo penal Prezadas Senhoras, prezadas Senhores em aplica~ăa - da Lei Federal de 20 de mar~o de 1981 sobre a coopera~ăo juridica em assuntos penais (Lei de Auxilio Judiciario, IRSG, Lei Federal Sui~a SR 351.1), - da Conven9ăo sobre a Combate ă Corrup9ăo de Funcionarios Publicos Estrangeiros em Transas:6es Comerciais Internacionais, firmada em 17 de dezembro de 1997 em Paris (Lei Federal Suic;a SR 0.311.21, entrada em vigor para a Suic;a em 30 de julho do 2000) requer-se no âmbito da investigas:ăo penal contra por causa de Neslor Cunal CERVERO, nascido em 15/08/1951, cidadao brasileiro, R. Garcia D'Avila 25 (Apt. 1202), BR-22421- 010 Ipanema, Rio de Janeire suspeita de lavagem de dinheiro (art. 305 bis paragrafe 1 do C6digo Penal) e suborno de funcionarios alheios (artigo 32septies do C6diga Penal) Procuradaria Publica Federal BA Gabriele Beyeler Traubenstrasse 16 3003 Berna Tel. +41 584620798, Fax +41 584620503 www.bundesanwaltschaft.ch 30350957878 Inq 3983
  8. 8. • • SV 150~~0Numero do processo: SV.15.0122-LEN 02 . 101 -0005 baseado em nossa consulta previa, bem coma no seu oficia de 20 de maio de 2015 (aqui recebido em 22 de maia de 2015), a assun~ăo da persecu~ăo penal, coma ja aventado anteriarmente. 1. Hist6rico processual e sobre os falos 1. Baseado em duas noticias de suspeita de uma institui9ăo de cartâo de credito e do banco Banque Heritage, datadas do final de janeiro de 2015, instruiu-se, em 2 de fevereiro de 2015, uma investiga~ăo penal contra o acusado com a suspeita de lavagem de dinheiro e atos de corrup~ăo. 2. As noticias de lavagem de dinheiro se basearam em amplas reportagens da imprensa que se relacionaram, entre outros, tambem, ao acusado, no contexto do chamado escândalo de corrup~ăo PETROBRAS. Constatou-se que, em meados de dezembro, Nestor Cunat CERVERO (a seguir designado CERVERO), na sua fun9ăo oficial de diretor da PETROBRAS, foi acusado de corrup~ăo passiva e, posteriormente, preso preventivamente, nameadamente em rela9ăo da venda de instala~6es de perfura9ăo da empresa coreana SAMSUNG il PETROBRAS. 3. Desta acusa~ăo do dia 14 de dezembro de 2014, publicada, tambem, na internet e, portanto acessivel publicamente, consta, que os Senhares acusam CERVERO dos seguintes crimes coma representante da semiestatal PETROBRAS, baseada em depoimentos incriminat6rios de coparticipantes, - que ele teria feito um acordo de suborno cam representantes da SAMSUNG, onde, deveria ocorrer a concessăo de dois contratos relativos a instala~6es de perfura~ăo, ap6s o pagamento de considerâveis valores de suborno; - que ele teria recebido montantes de suborno na ordem de aproximadamente US$ 30 milh6es da SAMSUNG apas a cancessăa dos cantratas, atraves de diversas contas bancarias dos intermediârias financeiros Julia Gerin de Almeida CAMARGO (em principia, coacusado confesso na Brasil, em seguida designada CAMARGO) e, posteriormente, Fernando Antanio Falcao SOARES (tambem coacusado no Brasil, a seguir designado SOARES), ambos participantes destes alos de corrup~ăo. 4. Na sua inicial acusat6ria detalhada de 14 de dezembro de 2014 consta, que a SAMSUNG lransferiu aproximadamente US$ 40 milhăes ă Piamonte Investment Corp., empresa controlada por CAMARGO corn conta bancâria em Uruguai, baseado em contratos ficticios de assessoria. Segundo o demonstrativo detalhado na sua inicial acusat6ria, posteriormente, estes valores foram repassados a sociedades offshore, nomeadamente mencionadas, em grande parte com contas bancârias na Sui~a (respectivamente, pessoas cam contas numerârias), entre eles, a Three Lions Energy Inc. cam conta bancaria no banca Credit Suisse. 5. Baseado nos documentos bancârios da Three Lions Energy Inc., levantados e analisados neste contexto junto ao banca Credit Suisse, conseguimos verificar que: - SOARES, incriminado substancialmente por CAMARGO, consta como beneficiario economica da Three Lions Energy Inc. nos documentos bancârios; Pagina 2/6 30350957878 Inq 3983
  9. 9. • Numero do processo: SV.15.0122-LEN - em 17/09/2008 ocorreu um pagamento por parte da Three Lions Energy Inc. para uma empresa offshore panamenha com nome de Russel Advisors SA, corn conla bancaria na UBP, no valor de US$ 75.000,00. 6. °posterior levantamento dos documentos bancarios da Russel Advisors SA na UBP demonstrou, que CERVERO, aqui acusado, ebeneficiario da empresa offshore panamenha Russel Advisors SA. Os depoimentos de CAMARGO segundo a sua acusac;:ao de 14 de dezembro de 2014, que incriminam CERVERO e sao impulados a ele, podem ser corroborados pelos documenlos levanlados na Suiga, ao menos em relagao ao valor de US$ 75.000,00. Portanto, tambem na presente invesligagao existe a forte suspeita, que CERVERO, atraves do recebimenlo de um pagamenlo no valor de US$ 75.000,00 no dia 17/09/2008, esleja culpado da corrupgao passiva no senlido do artigo 322septies, frase 2, do C6digo Penal. 7. As demais contas bancarias suigas, mencionadas Ila sua acusagăo de 14 de dezembro de 2014, foram levantadas e largamente analisadas pela Procuradoria Federal suiga- em parte, em investigagoes penais separadas. A respeito destes pagamentos, nao foi possivel averiguar outras ligagoes a CERVERO ate a data atual. Mas, a idenlificac;ăo de diferentes titulares de conlas bancarias levou ă instruc;:ao de oulras invesligagoes penais separadas contra coparticipantes, que, alualmente estăo em trâmite. 8. Baseado nas supramencionadas informagoes sobre a lavagem de dinheiro no final de janeira de 2015, averiguou-se, que CERVERO manteve mais uma conta bancaria no banca Banque Herilage, em nome da empresa offshore FORBAL INVESTMENT INe. de Belize. O levantamento e a anâlise dos respectivos documentos da conta demonstraram as seguintes entradas em favor de CERVERO: - em 13/05/2009, US$ 299.973,00, oriundos de lai Alexandre Amaral DE MOURA, nascido em 17/06/1966, cidadao brasileiro (em seguida designada de DE MOURA) e, conforme documentos bancârios, proprietario da Comtex Industria &Comercio, com conta no banco Bank Juluis Bar; • - Em 31/10/2012, US$194.000,00, oriundos de Klienfeld Services Ud., cam conla banearia no banco Meinl Bank (Anligua) Ud.; - Em 31/05/2013, US$114.000,00, oriundos de Atlas Assels SA, com conla bancaria no banca Julius Băr, M6naco; - Em 02/08/2012, US$ 62.000,00 e, em 19/03/2014, US$ 5.000,00, oriundos de Inlerbaltic Sociedad de Bolsa de Uruguai, corn conta bancaria no banca Banque Heritage. 9. O fundo economico destes pagamentos nao esta dara e nao parece compativel corn a alividade de CERVERO coma diretor da PETROBRAS. Conforme fontes publicos, a COMTEX Industria & Comercio, que pertence a DE MOURA, e fabricante de sistemas de vigilância e, coma lai, potencial fornecedora da PETROBRAS. A transferencia de DE MOURA para CERVERO no valor de US$ 300.000,00 de 13/05/2009 (descontando as taxas de transferencia), deve ser qualificada coma possivel pagamento de subarno, sobreludo, porque, Pagina 3/6 30350957878 Inq 3983
  10. 10. • • • •• • (o~i Numero do processo: SV.15.0122-LEN SV.15.0122 02 . 101 -0007 nos documentos bancarios editados de DE MOURA, tambem aparece um pagamento no valor de US$ 340.000,00, de 15/04/2009, a uma empresa Ouinus Services SA, para qual Paulo Roberto COSTA - outro acusado principal no escândalo PETROBRAS - assinava como beneficiario economico. Tambem, segundo fontes publicas, o beneficiario economico da Klienfeld Services Ud. seria Augusto Amorim COSTA, acusado no Brasil por ter transferido valores de suborno a funcionarios da Petrobras, por parte da empresa Queiroz Galvao. Portanto, em relac;ăo aos pagamentos supramencionados, efetuados para CERVERO, respectivamente, para a FORBAL Investment Inc. da propriedade deie, tambem ha a suspeita, que se tratava de pagamentos de suborno no sentido do ari. 322septies, frase 2, do C6digo Penal. Mas, a suspeita tambem ejustificada em relac;ăo as entradas de pagamentos por parte da Interbaltic Sociedad de Bolsa, porque esta sociedade se destacou com transac;6es suspeitas, em outras investigac;oes penais, realizadas pela Procuradoria Publica da Suic;a em relayăo a PETROBRAS (no sentido de pagamentos de compensac;ăo), entre outros, tambem ă Sygnus Assets SA, controlada por Paulo Roberto COSTA. Alem disso, os representantes desta empresa, Raul Fernando Davies CELLlNI, Jorge Davies CELLINI e Brande Wincour EDUARDO, sao conhecidos da Procuradoria Publica de outros processos, como chamados Doleiros. 10. Ou CERVERO gastou os pagamentos de provavel suborno que entraram na sua empresa FORBAL Investment Inc. entre o dia 13 de maia de 2009 e o dia 19 de maryO de 2014 (debito por vencimentos de cartao de credito, custos administrativos), ou entăo, ele os transferiu ao exterior, um pouco antes ou ate depois da sua acusayao, nomeadamente corn duas transferencias sobre US$ 50.102,98 (03/12/2014) e US$ 200.097,96 (08/0112015) a Martin GREEN, corn conta bancaria no banco Co-Operative Bank Pic. em Londres. PoJ1anto, ha a suspeita que, desta maneira, os direitos de confisco do Estado foram frustrados e, CERVERO seria culpado da lavagem de dinheiro no sentido do ari. 30SbiS do C6digo Penal. 11. Nao foi mais possivel verificar significativas ativas de CERVERO na Suiya, nao por ultimo, por causa do resultado da suspeitada lavagem de dinheiro. Năo foram apreendidas quaisquer ativa. II. Oetermina~oes penais relevantes conforme o C6digo Penal (StGB) sui~o a. Lavagem de dinheiro (Art. 30SbiS, paragrafo 1 C6digo Penal) 1. Quem praticar um ato, apropriado para frustrar a averiguaqao da origem, da 10calizaQao ou do confisco de ativa, que, sabendo ou supondo, sac oriundos de um crime, e punido com pena privativa de liberdade e multa. b. Suborno de funcionarios alheios (Ari. 322septies C6digo Penal) Quem oferece, promete ou concede uma vantagem indevida a um membro de um ergao judicia/ ou seme/hante, a um funcionario, um perito oficia/mente nomeado, tradutor ou interprete, um arbitra ou Pagina 4/6 30350957878 Inq 3983
  11. 11. • • • •• • Numero do processo: SV 15 012~O{(iA 02.101 -0008 • SV.15.0122-LEN um membra de um exercita, que atuam para um Estado a/helo ou uma organiza~ăo intemacional, no âmbilo de sua funr;ao oficial, para realizar um afo de prevaric8r;ăo ou um afo ou uma omissăo de sua compeffmcia, em tavar deIe pr6pria ou de terceiro, quem eXige, recebe a promessa ou aeella uma vantagem indevida, coma membra de um argăo judicial ou seme/hanle, a um funcionario, um perito oficia/mente nomeado, tradutor ou interprete, um ârbitro ou um membra de um exercita, que afuam para um Estado a/helo ou uma organizar;ao internaciona/, no âmbito de sua fum;ăo oficial, para realizar um afo de prevaricar;ao ou um afo ou uma omissăo de sua compefencia, em tavar deie propria ou de terceiro, 1 e punido corn pena privativa de liberdade de ate cinco anos e multa. c. Prescri9ao (Art. 97, paragrafa 1 da C6diga Penal) o artige 97, paragrafe 1 de C6dige Penal estabelece: 1. A persecu980 penal prescreve em: a. 30 anos, se o crime for punido com pena privativa de liberdade perpetua; b. 15 anos, se o crime for punido cam pena privativa de liberdade com mais de tres anos; c. sete anos, se o crime for punido com outra pena. III. Justificativa do pedido 1. No presente caso, as possiveis atividades de investigac;:ao na Suic;:a saa concluidas. Como unica referencia de CERVERO â SUÎc;:a identificaram-se as contas bancârias, aqui mantidas, as quais foram efetuados os dep6sitos de pagamentos, passiveis a suspeita justificada e, a partir das quais ele efetuou as transac;:6es, passiveis a suspeita justificada. 2. Mesmo a Suic;:a, como no presente caso, sendo o local do ata e, polianto, Estado do local da infrac;:âo, no sentido do artigo 3, em conjunto corn artigo 8 do C6digo Penal, e evidente que a maioria dos delitos tem coma local da infrac;:âo o Brasil, simultaneamente. Portanto, nos presentes fatos relevantes cabe ao Brasil, igualmente, uma competencia de persecuc;:âo penal, da qual os Senhores jâ fizeram uso atraves da acusac;:âo e da prisae de CERVERO. 3. CERVERO e cidadâo brasileiro corn domicflio no Brasil. Ele se encontra na prisâo no Brasil e nâo sera extraditado a Suic;:a. Portanto, cumprem-se as pre-condic;:6es para uma transfere-ncia da persecuc;ao penal no Brasil (Art. 88 lit a IRSG, Lei Federal Suic;:a). 4. No artigo 4, paragrafo 3, da Convenc;:âo sobre o Combate a Corrupc;:âo de Funcionarios Publicos Estrangeiros em Transac;:6es Comerciais Internacionais, firmada em 17 de dezembro de 1997 em Paris, estabelece-se: "Sempre que varias Partes tenham competencia relativamente a uma presumida infracr;ăo visada na presente Convenr;ăo, as Partes envolvidas consultam-se e acordam entre si, a pedido de uma delas, qual deles esta em melhor posit;ăo para exercer o procedimento criminal". Pagina 5/6 30350957878 Inq 3983
  12. 12. • • • • • to4 Numero do processo: SV.15.0122-LEN SV.15.0122 02.101 -0009 Apos uma respectiva consulta previa, os Senhores expressaram a sua disposiyao para uma assunyao de persecuyăo penal no sentido deste pedido, e, segundo o oficio de 20 de maia de 2015, tambem estao dispostos a receber o pedido e os documentos de investigayao sem a traduyao e a cuidar das traduyoes necessarias por conta propria. Nas agradecemos-lhes pela sua atenyăo. Solicita-se, respeitosamente, a respectiva homologayao e a assunyao da investigayao penal contra CERVERO. Cordialmente, Procuradoria Publica BA [Assinatura] Stefan Lenz Procurador Federal [Selo: Procuradoria Publica sui,a] Anexos: - Autos processuais e meios de prova relevantes (digitalizados em midia de dados) Copia (sem anexos) para conhecimento para: - Secretaria da Policia Judiciaria - MROS [Unidade de informayao sobre lavagem de dinheiro] - 6rgao de persecuyao penal competente no Brasil (antecipadamente para conhecimento) Pagina 6/6 30350957878 Inq 3983
  13. 13. • • HERITAGE BANK CONTA Nome: Forbal Numero: 0735120 A Numero da conta: 073512 O Titular: Sobrenome: FORBAL, INVESTMENT INC Nome: Enderet;o: Jasmin Court, Regent 5treet, Belize City, Belize IDENTIFICACAo DO ULTIMO BENEFICIARIO (Formularlo A conforme os Artigos 3 e 4 do CDB) otitular declara (indicar corn um x onde for apropriado): ( ) que o titular e o unica ultima beneficiarlo dos ativos de que se trata (x) que o(s) ultimo(s) beneficiârio(s) dos ativos ejsao Nome completa (ou razao social), data de nascimento, nacionalidade, enderet;o/residencial, pais Nestor Cunat Cervero, 15/08/1951, Brasil Patricia Anne Cunat, 14/03/1956, Brasil Bernardo Cunat Cervero, 24/06/1981, Brasil Todos os tres com o !Ţlesmo enderel):o: R. Garcia D'Avila 25 (apt. 1202) 22421-010 Ipanema, Rio de Janeiro Brasil 30350957878 Inq 3983
  14. 14. o titular se compromete a informar, por iniciativa propria, ao Banco, qualquer mudan~a. Preencher este formulario com informa~âes equivocadas de maneira intencional epunivel, de acorda com o artigo 251 do Codigo Penal Suf~o (falsifica~ăo de documentos), com penas de 5 anos de prisăo. Lugar e data: Montevideu, 08/08/2008 Assinatura do titular: (assinatura) • • 30350957878 Inq 3983
  15. 15. CONTA Nome: Forbal HERITAGE BANK W: 0735120 PROCURACAo LIMITADA AGESTÂO DE ATIVOS Oulorgado por: FORBAL INVESTMENTINC. • Sobrenome(s), Nome(s)/Razăo Social, nacionalidade, data de nascimento/de constituic;ao (doravante o(s) Titular(es)) em tavar de: BALTIC CONSULTING N/A Sobrenome(s), Nome(s)/Razao Social, nacionalidade, data de nascimento/de constituic;âo Tipo de empresa dO(s) Administrador(es) externo(s): (x) Individual () Coletiva Sobre os alivos e valores deposilados no Herilage Bank • (doravante. o Banco) ••• Por meio da presente procura9ăo, o(s) Titular(es), confere(m) ao(s) procurador(es) supramencionado(s) o poder, sem direito de sUbstitui9âo, para representa-Io(s) legalmente, e com efeito vinculante, junto ao Banco, com o mesmo papel do(s) Titular(es), e com o mesmo valor para a gestâo dos ativos existentes, ou futuros; depositados no Banca nas seguintes contas: Nome(s): Forbal Numero: 073.512.0 L·l/4 30350957878 Inq 3983
  16. 16. TIPC1_20150224_00B_0022_F 1. O poder conferido ao(s) Procurador(es) abrange a lodas as opera~es de gest~o consideradas coma as operac;Oes bancârias correntes, as quais, de acorda corn as direlrizes da Associat;ao de Bancos Suh;os, incluem: a) compra e venda de tltulos negociâveis e direitos sobre tftulos (por exemplo: ac;Oes. obrigat;OeS, promiss6rias, emprestimos de trlulos); b) cornpra e venda â vista de moeda estrangeiras ou melais preciosos; e) dep6sitos a praza fixe e investimenlo fiduciărio a praza fixa, por conta e risca do deposilanle (a quantidade, localizal;ăo, moeda, durayăo, taxa de juros, bem como lodos os oulros termos do dep6silo fieam a cargo do Banca) d) a conversao, o usa ou a venda dos direilos de subscrityao; e) operayOes de clImbio a prazo para cobertura de um investimento eXIstente contra as f1utua90es de câmbio das moedas; f) a compra e venda de participa90es em fundos de inveslimentos suit;Os ou estrangeiros autorfzados pela sui98, administrados ou năa por saciedades controladas pela Banco, quer sejam fundas de tltulas mobiliarios ou "outros fundos» de risco comparavel, com excet;ăo aos fundos de bens im6veis; ~ g) opera90es em sociedades de investimentos ou outros instrumentos de investimento coletivo que invistam em opera96es bancanas comuns ou em im6veis; h) emprestimos de tftulos (#securities lending") atraves de sociedades de "clearing b e/ou bancos de compensat;ao, por conta e risco do depositante. 2. O poder do Procurador (dos Procuradores) abrange igualmente as opera90es de cara!er especulativo e de alto risca (operat;5es em derivados padronizados ou năo padronizados, opera90es de especula9ăo de moedas, investimentos em mercados descritos como "emergentes", investimentos em tftulos de empresas năo cotadas, investimentos em fundos de investimentos altemativos e fundos "offshOre», etc) caso o(s) titular(es) tenha(m) devidamente preenchido e assinado o formulchio: "Informatyao/Manda!o - Termos e condi90es sobre transa90es especificas". 3. Salvo instrutyao em contrario (por exemplo, no caso das opera90es mencionadas na se9ăo 2 acima), o(s) Procurador(es) năo estâ/estăo autorizado(s) a: - sacar de qualquer forma, transferir ou penhorar os ativos em conta ou dep6sito dO(s) titular(es) em favor de si mesmo ou de terceiros; - fazer emprestimo corn os valores da conta dO(s) Iftular(es); - obrigar ao(s) titular(es) atraves de qualquer oulro meio. 4. O(s) tltular(es) autoriza(m) o Banco a fornecer ao(s) Procurador(es) todas as informa90es necessanas para o exercfcio de sua funt;ao; o(s) titular(es) exime(rn) o Banco de qualquer responsabilidade a esse respeito. O(s) titular(es) autoriza(m) o Banco a fornecer ao(s) Procurador(es), por conta dO(s) titular{es), uma c6pia do extrato da conta ou dep6sito, bem como das outras informa90es relativas ă(s) conta(s). 5. A assinatura do(s) Pracurador(es), bem como !odas as declara96es ou a90es por ele(s) adoladas, denlrO dos lim'ltes da presente procurat;ao, săo obrigal6rias para o(s) titutar(es) trenle ao Banca. Toda informa9ăo, especifica ou geral, do Banco serâ enviada exclusivamente ao(s) Procurador(es). No que se refere ă gestăo dos ativos, o(s) titular(es) serăo representados pelo(s) Procurador(es). O{s) Procurador(eS) tambem estâ/eslăo autorizado(s) a assinar pelo(s) tltular(es), corn efeitos vinculantes, a qualquer documento cantratual exigido pela Banca ou por um terceiro, para autorizar uma ou mais operat;ăes especificas. l- 2/4 • 30350957878 Inq 3983
  17. 17. • • 6. Devido ao poder outorgado ao(s) Procuradar(es), o Banco fica liberado de Ioda e qualquer obriga4;ao de assessoramento, informat;ao e nOlificacao sobre a gestao dos ativas feita pelo(s) Procurador(es), ou sobre a realizat;ao da cada acao especlfica de gerenciamenlo ou, se for o case, da omissao do mesmo. E responsabilidade dO(s) lilular{es) manter-se informado, buscando lnformacao denlro do tempo adequado, sobre o eslado dos seus alivQs e/ou resultado das operay6es realizadas para sua conta por meic de seu(s) Procurador(es). 7. O Banca age apenas coma banco deposiUirio, nao sendo responsavel pela administra~ao da conla do titular, nao exercendo qualquer contrele sobre a gestao execulada pelo(s) Procurador(es) nem sequer assessorando de forma pontual ou geral, quer seja(m) o(s) titular(es), quer seja(m) o(s) Procurador(es), assim sendo, o Banco năo considerar-se-a como responsavel pelo gerenciamento dos ativos depositados na conta. O Banco năo verifica. nem expressa opin.i!!o sobre a qualifica!;ăo e a adequac;ăo do(s) Administrador(es) nomeado(s) pelo(s) titular(es). 8. O Banco se reserva ao direito de recusar uma opera!;ăo iniciada pelo(s) Procurador(es), caso considere tai medida oportuna, de acorda com sua pr6pria decis!!o, sem que, no entanto, se possa exigir qualquer tipo de responsabilidade. 9. O Banco esta autorizado a cobrar os custos ou comissoes que Ihe sejam devidos dentro das opera!;Oes realizadas pelo(s) Procurador(es), seja ela de qualquer tipo, magnitude ou quantidade. 10. Esta Procura!;ăo anula qualquer outro mandato de gestăo outorgado em favor do Banco, bem como qualquer outra procurayăo anterior. 11. Esta Procura!;ăo podera ser revogada por escrito a qualquer momento, mantendo-se valida ate que o Banco receba lai revoga!;ăo; esta procurat;ao continuara valida mesmo em caso de morte, declara{:ăo judidal de ausi!ncia, incapacitaryăo, quebra ou dissoJur;ao dO(s) tilular(es). Em caso de revogar;ao. o(s) titular(es) recuperara/recuperarao o gerenciamenlo pleno da opera!;oes que eSlejam em processo de execur;ao. 12. Os Termos e Condil;:6es Gerais do Banco tambem se aplicam a esse documento, a c6pia dos mesmos foi recebida pelo(s) titular(es), o(s) quallquais tem conhecimento dos mesmos, os compreendem e aceitam. 13. Todas as relayOes legais entre o(s) t1tular(es) e seu(s) Procurador(es) com o Banco serăo regidas pelas leis suiyas. Todas as relar;ăes entre o(s) tilular(es) de uma conta ou de um dep6silo junlo ao Banco. e do(s) Procurador(es) serăo regidas pelas leis sul{:8s. Fica estabelecido como fora de cumprimento e jurisdil;ăo desle documento o local da sede do Banco ou de sua sucursal com a qual o Clienle manlenha rela{:Oes. O Banco tem o direilo de interpor a{:ăo legal contra o Clienle frenle aos Iribunais compelentes no local de domicilio do Clienle ou peranle qualquer oulro tribunal competente. Neste caso lambem serăo aplicadas as leis sul{:8s. Para clientes domiciliados no exterior, o foro de cumprimento obrigatario sera o mesmo local da sede do Banco ou da sucursal com a qual o C1iente tenha relat;.ăo. L- 3/4 30350957878 Inq 3983
  18. 18. Local e dala: Monlevideu.30.07.2008 Assinalura do(s) T1tular(es) FQRBAL [ASSINATURAI fASSINATURAJ Assinatura(s) dO(s) Procurador(es): SALTle !ASSINATURASI Para registro: •lassinatural Heritage Bank • L·4/4 30350957878 Inq 3983
  19. 19. • • CONTA Nome: Forbal HERITAGE BANK 0735120 SIM CONTRATO DE GARANTIA Eu/N6s abaixo assinado(s): FORBAL INVESTMENT INC. Sobrenome(s), Nome(s)/Razao Social Enderec;o, sede: JASMINE COURT 35A REGENT STREET Rua, cidade, pais CIDADE DE BELlZE. BELIZE Outorgoloutorgamos, a titulo de obrigado, ao Heritage Bank (doravante o Banco) o direito de penhora para garantia de todas as dividas (incluindo os riscos em cursa, assim coma os podem advir da interposir;ăo de recursos), por qualquer que seja seu fundamenta juridica e as operac;5es nas quais se baseie, (por exemplo: contas correntes, operacoes de câmbio, transacoes de bens, execu9âo de ordens da bolsa, etc.) que o Banco tenha, ou possar ter no futuro, contra: Devedor(es): OURSEWES Sobrenome(s), Nome(s)/Razâo Social Endereeo, sede Rua, Cidade, Pais A penhora cobre, alem do capital da divida ou dividas, os juros vencidos ou por veneer, as comissoes, provisoes e os gastos de tada tipa, bem como 05 gastos relacionado5 ao exereieia do direito de penhora ou de cessao de credltos, os gastos judiciais e de execuc;ao forc;ada. O direito de penhora subslstira se mantera mesmo quando os compromissos garantidos sejam resolvidos temporariamente resolvidos, total ou parclalmente. L.1/4 30350957878 Inq 3983
  20. 20. A penhora abrange: Todos os valores e todos os direitos futuros vinculados, tais como ay6es gratuitas, direitos de subscrit;ăo, etc. (incluldos todos os rendimentos recorrentes ou nao, tais como cupons e juros vencidOS, ou năo), creditos, Ululos de credito e de participat;1io, incluldos os derivados de investimentos fiduciarios, metâlicos, nolas de banco, melais preciosos e outros valores, direitos năo materializados em Iftulos, coma trtulos mobiliârios de impressâo futura, as Quantidades em moeda sulc;a e em moeda estrangeira ou seu valor em francos suJt;OS atualmenle ou tuluramenle depositados na minha/nossa conta no Banco, ou a seu nome em oulra insliluit;1io, ou Que sâo, ou sejam no futuro, administrados por minha/nossa conta, pela Banco ou por um terceiro agindo em seu nome, de forma exclusiva ou parciaf, alraves de qualquer denominat;ăo. rodos os bens que, no presente ou no future, encontrem-se por qualquer razăo juridica, direta ou indiretamente em posse ou poder do Banco, incluindo a posse de documentos no sentido amplo do lermo (conhecimento de embarques, certiflcados de dep6sito, warrants, etc.). As penhoras outorgadas a uma das entidades do banco (sede ou filial) garanlem as dlvidas das demais entidades. No caso de troca ou subSlituit;ăo dos bens objeto da penhora, a penhora recaira sobre os novos bens. o Banco definirâ o local de dep6sito dos bens; o dep6sito e transporte dos bens sera realizado exciusivamente por minha/nossa conta e risco, com o compromisso de minha/nossa parte de fazer lodo o necessario para a correta manutent;ăo dos bens e para assegura-Ios corn um seguro, que sera pago por mim/n6s, junlo a uma empresa aceita pela Banco, a fim de cobrir todos os riscos envolvidos; os documentos do seguro serao encaminhados ao Banco, juntamente com as declarat;Oes de cessăo necessarias. No caso de descumprimentos dessas prescrit;Oes, o Banco podera, sem o ser obrigado a isso, assegurar os bens com uma empresa de seguros de sua escolha, sendo que os custos ficarăo por minha/nossa conta. Caso os bens encontrem-se em transporte no momento da penhora, fica estabelecidos o compremisso de ceder em penhora ao Banca os documentos presentes ou fuluros correspondenles (conhecimenlos de embarque, passes de transporte, ap61ices de seguro, certificados de dep6sito, etc.) e o compromisso de ceder imediatamenle ao Banco os direitos presentes ou futuros derivados direta ou indirelamente de tais documentos, especialmenle os direilos frente aos transportadores e ăs empresas de seguro. Cedo/cedemos ao Banco os creditos resultantes de uma eventual venda lotal ou parcial dos bens, assim como lodos os direitos relacionados de forma direta ou indireta corn eles (incluindo-se os direilos por danos e prejuizos ou os elementos conlraluais contra os transportadores, empresas de transporte, deposilârios, seguradoras, etc.); o Banco fica autorizado a notificar essa cessăo aos terceiros devedores. Em relat;1io aos bens imobiliârios inscritos no Registre de Propriedade e aos bens m6veis fomecidos em penhora ou represenlados por litulos ou os ativos enlregues em penhora, estabelece-se o compromlsso de contratar todos os seguros habituais e a ceder os direltos derivados ao Banco, o qual fica autorizado a notificar tai cessăo ăs seguradoras envolvidas. De forma geral, eu me compromelo/n6s nos compromelemos a comunicar imedialamente ao Banco, atraves de carta simples, os alos que năo sejam indicados. Nesse caso, me comprometofnos comprometemos a ceder a penhora em favar de um novo comprador, e a fomecer, assim que solicitado, as declarat;Oes, endossos, e oulros documentos necessârios para o exerclcio do direito de penhora. Os titulos que năo sejam ao portador e os direitos procedentes de cademetas de poupant;a ou cadernetas de dep6sito consignadas ficarăo cedidos ao Banco, de acordo com a art. 901.2 do C6digo Civil SUlt;o. L-2/4 • • 30350957878 Inq 3983
  21. 21. • • o Banco pOdera, a qualquer tempo, pegar para dep6sito os tltulos penhorados em uma entidade externa; tera o direito, sem obrigayao por sua parte, de fazer a cabranya dos creditos penhorados. Se o valor dos ativos penhorados cair para um valor inferior ao da garantia usual ou acordada, ou se, por outras raz6es, o Banca estimar que as garantias outorgadas sejam Insuficientes para cabrir a dlvida, reconheyofreconhecemos que o devedor garantido tera a obrigayao, por melo de um simples requerimento do Banca, ou de reduzir o valor da dlvida mediante reembOISO, ou outorgar novas garantias camplementares de forma a reestabelecer a margem; este ponto sera igualmente valido para os compromissos a prazo. No caso de o devedor nao atender a tai demanda denlro do prazo fixado pela Banco, a dlvida sera plenamente exiglvel de forma imediata e em sua totalidade. Se, por motivos materiais ou jurldicos, năo for posslvel notificaT imediatamente ao devedor sobre a queda do valor da garantia ou no caso de circunstâncÎas extraordinarias, os creditos do Banco serc:io imediatamente exiglveis em sua totalidade. o Banco tera o direito, sem obrigay80 por sua parte, a partir do momento do vencimento da divida ou mesmo antes da data de termino fixada, de executar imediatamenle ou em prazo fuluro a penhora, ou proceder â denuncia, compensar;ao ou cobranya dos credllos penhorados se o consideraT conveniente, sem necessidade de aler-se aos procedimentos previstos na Lei Federal sulya sobre dividas e quebras, e utilizaT tai produlo para o reembolso integral de seus creditos em capital, juros, comisst'ies e gastos. Os itens originados em vendas a descoberto podem ser eliminados pelas correspondentes compras, de acorda com as normas supramencionadas. Caso o Banco tenha recebldo o pedido de năo envlar correspondimcia, o devedor renuncia expressamente, e de forma antecipada, o beneflcio de receber advertencla ou aviso por escrito, autorizando o banco a executar a penhora sem aviso previo. O procedimento exposlo acima em caso de mora total ou parcial da dlvida ou de qualquer oUlra obrigayao. Se o Banca optar por entrar com uma ayao legal, ele podera iniciar um processo ordimlrio sem a necessidade de ler previamente execulado a penhora ou de ter tentado um processo de execuyao da penhora, sem necessidade de ater-se ao art. 41 da Lei Federal suiya sobre dlvidas e quebras. E responsabilidade do Titular realizar tudo que for necessario em relayao aos cancelamenlos. Sorteios. reembolsos e qualquer outra operayao relativa a t1tulos ou direitos nao materializados em titulos, devendo arcar com as consequ~ncias de posslveis omiss5es ou negligencias de sua parte. O Banco tera o direilo de proceder por conta pr6pria, caso considere necessario a fim de salvaguardar seus direitos, sem assumir qualquer responsabilidade. Igualmente, o Banca lera o direito, sem obriga'Yao alguma por sua parte, de cancelar e cobrar os litulos, acordos, creditos, etc. penhorados, bem como de cobrar juros, dividendos. etc. e, no caso de titulos hipotecarios, exercitar - alem dos direitos e poderes definidos no paragrafo seguinte - todos os direitos correspondentes ao credor hipotecario. No casa de penhora de bens im6veis, de litulos hipatecarios e outras crăditos hipotecarios, o banco fica autorizado, sem nenhuma obrigayao por sua parte, a exercer todos os direilos do proprietario do bem penhorado, em especial a cobran'Ya direta dos juros e de oulras entradas de valores, de fazer valer seus direitos a respeito da TeMa de acordo com o art. 806 do C6digo Civil sul'YO e proceder a todos os processos a eles relacionados, por conta do Titular. Se o credor e o devedor, por meio de um titulo hipOlecarios fornecido ao Banco para penhora, sâo a mesma pessoa, assume-se que o titulo hipolecario inclua juros de 10% ao ano desde a data de sua constituiyăo, os quais tambem flcaTao penhorados. L- 3/4 30350957878 Inq 3983
  22. 22. .MPC1_201S0224_00B_0040J Toda notifical;aO por parte do BaneD sera consideradas coma efetuada a partir do envio da mesma ao ultime endereyo fomecido pela Titular ou pele devedor garantido, caso o ultima nao seja um dos consliluinles da penhora. Autorizo/aulorizamos o Banca a fornecer para si mesma ou para outras instituh;oes financelras (bancos, sociedades de compra e venda de ativos ou sociedades gestora de valores ou titulos) os valores penhorados. O BancD pOderâ, a qualquer tempo, passar em penhor ou penhorar os ativos, inclulndo os dep6sltos fiduciărios. lei aplicavel e jurisdl~âo. O contrata sera regido de acorda corn as lels suil;as. O foro de cumprimento e a jurisdh;ăo de tados os procedimentos relaclonados corn esse documente, bem como o foro de demanda Judfciaf para todos os que estejam domlciliados em paises estrangeiros, sera o local da sede do Banco ou da sua filial com a qual o Titular mantenha relac;:oes. O Banca poderâ interpor ac;:ăo legal contra o Titular frente aos tribunais competentes no domicilio do Titular ou perante a qualquer tribunal apropriado. Os Termos e Condic;:oes Gerals do Banco tamMm serao aplicados ao presente contrato, sendo que as c6pias dos mesmos foram recebidas pelo Titular, e este confirma que conhece, compreende e acelta tais condic;:oes. local e data: Monievideu. 30.07.2008, O(s) devedor(es) titular(es) FORBAllNVESTMENT ING. 0(5) devedor{es) garantido(s)o: Mesmo Assinatura(s): (0) Assinaturas diferentes se os ativos penhorados torem fomecidos por um terceiro L- 4/4 • • 30350957878 Inq 3983
  23. 23. • TIPC1_20150224_008_0047J lO~~ CONTA Nome: Forbal HERITAGE BANK 0735120 Formularlo de Impostos/lmpostos estadunldense de reten!;ăo na origeml Sociedades e outros tlpo de entldades ATIVOS E RENDAS SUJEITAS AO IMPOSTO ANTECIPADO ESTADUNIDENSE SIM DECLARACĂO DE NĂO SUJEICĂO - NĂO ESTADUNIDENSE De acorda corn as exigencias da diretriz tributario estadunidense em materia de retenc;ăo de impostos, e corn o fim de permitir ao Heritage Bank (doravante Heritage) definir corn precisăo a situac;ăo e qualificac;ăo do titular da conta, em relac;ăo ă propriedade dos ativos de sua conta como "Năo senda cidadăo estadunidense", e especificamente, corn o objetivo de obter a isenc;âo do impasto antecipado estadunidense de acorda corn o acorda sobre dupla tributac;ăo, o titular da conta abaixo mencionada declara e confirma ao Heritage o seguinte: Numera da conta: 073.512.0 Nome do titular da conta: FORBAL INVESTMENT INC. Personalidade juridica da entidade: Constituida e organizada de acorda corn as leis do seguinte pais: BELIZE 29/04/2008 Sede/Endereco permanente: JASMINE COURT 35 A REGENT STREET 1. Declaral;ăo de que nao eestadunidense Deve ser preenchido por sociedades de capital, sociedades de pessoas, sociedades de investimento coletivo,etc. (Xl O titular da conta e uma sociedade de capital ou de pessoas nao estadunidenses, uma sociedade de investimento coletivo nao estadunidense ou oulro tipo de entidade nao estadunidense. (Xl e e definida como uma entidade sem transpar~ncia fiscal de acorda com a diretriz tributaria estadunidense (ver as explica<;ăes na circlAar W 6999 de 24 de agosto de 2000, editada pela AssociaCâo de Banqueiros Suit;Os). V2 L.l/2 30350957878 Inq 3983
  24. 24. TIPCl_20150224_008_0040_F Deve ser preenchido por fundas fiduciarios e estruluras similares. (X) O titular da conta nao e um funda fiduciarios esladunidense. (X) e e definido como um funda fiduciărio naa transparente, ou seja naa e um funda fiduciărios de um conslituinte, nem de um beneficiario simples de acorda corn a diretriz tribulana estadunidense (ver as explica9{)eS na circular N° 6999 de 24 de ag0510 de 2000, editada pela Associac;ao de Banqueiros Suiyos). 2. Oeclarat;;ăo da condh;ăo de "ultima proprietarlo": o titular declara que, de acorda com a direlriz tributâria esladunidense. e o "ultima proprielărio n de tados os ativQs e de ladas as rendas depositadas na conta. 3. Oeclarat;âo para apllcat;;âo do acorda sobre dupla trlbutacăo: o titular declara que deseja beneficiar-se do acordo sobre dupla tribula~ao, celebrado enlre os Estados Unidos da America e: ( )Sim (X) Nao E, para lanlo, afirma que conhece a clausula sobre a limila~ao de vanlagens aplicaveis do acorda sobre dupla Iribula~ao, e afirma: o titular cumpre os requisitos previstos no referido acordo sobre dupla tribulaCăo para poder beneficiar-se da isen~aO do imposlo esladunîdense retido na origem, incluindo as clausulas antiabuso, e que recebe as rendas na qualidade de "ONimo proprielario", de acorda com o direilo lribulario esladunidense. ( ) Sim 4. Altera.;ăo da sltuat;âo e novas informa.;oes o titular da conla compromele-se a notificar o Herilage, em um prazo de 30 dias, sobre qualquer nova circunslancia que, de acordo corn a diretriz fiscal estadunidense, resulle em uma altera~ao do estatuto de "pessoa nao estadunidense", do estatulo de entidade nao transparenle, ou afete a aplica/fao do acordo sobre dupla Iributat;:ăo. Local e data: Montevideu, 30.07.2008 Assinatura aulorizada do titular: fassinalural Por (sobrenome, nome): LUI$ MARIA PINEYRUA Carqo: Diretor V2 l-2/2 • • 30350957878 Inq 3983
  25. 25. • • BANca HERITAGE MPC1_20150224_008_0160_F GESTÂa -1- CONFERENCIA DE CONTA CONTA PESSOA JURiDICA Abertura de conta (X) Atualizacao de conta ( ) GERENTE: Nikolai Rut!kowski CODIGO E NUMERO DA CONTA: FORBAL 0735120 1. CliENTE APRESENTADO POR: Interbaltic 2. DATA DE ASSINATURA DOS DOCUMENTOS DE ABERTURA (OU DE ATUALIZA<;ĂO) DA CONTA: 1. 2. 3. 37.07.2008 Visita do cliente Visita do Gerenta Por correspondância - legaHzac;ao/autenticac;ao das Assinaturas para abertura de conta (X) SIM () NĂO ()SIM ()NĂO ()SIM ()NĂO ( ) SIM () NĂO 3. TITULAR DA CONTA: Razao Social: FORBAL INVESTMENTS INe. Forma Juridica: Endereco: ~B~e*liz~e~___________________________________ Sede: Belize Pessoa juridica inscrita n"'o-';R"'e!!g"is~tr"'o"'d"o'-::c"o=m"'e"'rc"1"0·"'.------;("X")S"IMc;-;-("")N"A.,.·"O------- De acorda corn o §15 do COB 98, o extrato do Re deve ter no maxima 12 meses Data de inscricao no Registro do Comerclo:~2.,9".0"'4".,,20"'0,,8'______________________ Local: Bellze Numero: ~73~.i06~3~~============================Extrato conferido na data de: ~02.07.2008 L_R_"b_ri_~_d_O_____' ~ffilesrvQ1homedirsDANMy DocumentsCheck-lisle cptesCheck-list comple Personne Morale a corn gerente: ~ 30350957878 Inq 3983
  26. 26. BANCO HERITAGE MPC1_20150224_00B_0161J GESTĂO-2- Pessoa juridica oao inscrita no Registro do Comercio: ()SIM ( )NÂO Identificacâo da pessoa juridica De acorda corn o §15 do CDa 98, o extrato do Re deve ter no maxima 12 meses Certificado: (Xl de constituicăo ( ) de boa reputacăo (Xl de mandato Datado(s) de: 29.04.2008 02.07.2008 Relat6rio do ultimo ano assinado pela 6r9ăo revisor: ( )SIM (X)NĂO Datado(s) de: _______________________ Estatuto () Memorando e Contrata de Sociedade (Xl Qutros documentos equivalentes: Resolucoes do Conselho: (definir) Aprovacao do1° Ciretar Designacăo de representantes legais da pessoa juridica: Luis Maria Pineyrua Pittaluga Campo de atuacăo: ( ) Comercial: (Xl Outro: ) Receita: ) Observac;ăes: o TITULAR CORRESPONDE ADEFINIC;ĂO DE "ENTIDADE NĂO INTERMEDIĂRIA" ( ) SIM () NĂO ()NUS () US Ilffilesrv01homedirsIDANMy DocumentslCheck-liste cpteslCheck-list compte Personne Morale ti com ,--"_"_""_."'_'0__-, EJonforme:gerente: • • 30350957878 Inq 3983
  27. 27. • • BANCO HERITAGE MPC1_20150224_00B_0162Jos1~GESTÂO-3- 4. RELACÂO COM OUTRAS CONTAS JUNTO Ă HERITAGE FINANCE & TRUST COMPANY EQUAL TIPO: Nenhuma 5. TITULAR DE DlREITOS ECONOMICOS SOBRE OS ATIVOS: Sobrenome (em maiusculas): ~C",U"N"A""T,-:"C,:!!E"R,,V,;,E=;Ro.07;,,",",.,.,--,_______ Nome (em malusculas): Nestor + Patricia + Bernardo Enderec;o residencial: R. Garda D'Ăvila 25, Apt. 1202, 22421·010 Ipanema/Rio de Janeiro, RJ Data de Nascimento: 15.08.1951 + 14.03.56 + 24.06.81 Estado Civil: casado Atividade profissional atual: (X) Assalariado Empregador PETRQBRAS Rama PETROLEO Cargo/Fun<;ăo "D"IR"E"'T"O<'R"--____ ( ) Independente Nome da sociedade_______ Rama Receita ( ) Aposentado ________ ( ) Outro Observac;ăes 6. AVALlACÂO DAS POSSES GLOBAIS DO TITULAR DE DIREITO ECONOMICO E ORIGEM: USD 2-3 milhăes 7. ESTIMATIVA DAS RECEITAS ANUAIS E ORIGEM: USD 500-700.000 (salario & bonus) 8. SITUACÂO PESSOAL DO(S) TITULAR(ES) DE DIREITOS ECONOMICOS: O(s) titular(es} de direitos econ6micos (ou pessoas reconhecidamente pr6ximas deles), exerce(m) ou exerceufexerceram um importante papel publica (no mundo cultural, esportivos, etc) ou uma funt;ao publica (dentro de um governo, de uma administrat;ao, de um partida politico, de uma assoclat;ao economica, religiosa, profissional, etc.) na Suit;a ou em outro pais? (X) Nao ( ) Sim, detina: ~v"e"-r!!iti",c",a"d,,o,-____________________ 9. VALOR INICIAL RECEBIDO NA CONTA (Infonnar a moeda): Euro 700.000,00 gerenle: L _R_"_b"_"_dO__ J r:J0nforme: lffilesrv01lhomedirslDAMMy DocumentslCheck-lisle cpteslCheck-list comple Personne Morale;l corn 30350957878 Inq 3983
  28. 28. BANCO HERITAGE 10. ORIGEM DOS ATiVOS MPC1_20150224_008_0163J GESTÂO -4- (expllcac6es gent!ricas como "poupanCa", "heranca" nao saa suficientes) o cllente esta transferindo parte das suas economias para nosso banco. Os fundos tem origem na sua profissâo como diretor da Petrobras e representam cerca de 30-40% dos seus bons os guais ele guar colocar fora do Srasil para diversificacao de Investimentos. 11. PROVENIENCIA DOS FUNDaS (transferencia bancâria: Informar o banca de origem Inieial dos fundas e o pais em que esta esse banca): Banco Brasilelro Se os fundos astaa am ESPECIE, explique a razâo; 12. No caso de Procuracâo Geral, Procural;âo de Administracao ou Oireito de Verificacăo a tereeiros: Indique precisamente as relacoes familiares, profissionais ou outras entre o cocontratante e o(s) procurado(s): A Interbaltic tem um mandato para gerenciar os investimantos dessa conta, bem como os ativos externos do clienta. 13. OBJETIVO DA ABERTURA DA CONTA (tipos de operaţ6es previstas): Investimentos 14. ESSA CONFER~NCIA DEVERA ESTAR OBRIGATORIAMENTE ACOMPANHADA DE UM MEMORANDO ANEXO, O QUAL DEVERA DESCREVER O HIST6RICO DO CLiENTE E • OS FUNDAMENTOS DO PLANO ECON6MICO DESSA RELACÂO • Ver anexo (X) SIM ( ) NĂO CONFIRMACÂO DO GERENTE: C6DIGO DA CONTA: FORBAL N' DA CONTA: -'0"'7"'3"'.5,,1"'1."'0____ O abalxo assinado declara conhecer pessoalmente o cliente e confirma que todas as Infonnac;6es contidas nos documentos da conta e na presente conferimcla de conta estăo completa e săo verdadelras. Gerente: Nlkolai Ruttkowski Asslnatura: lassinaturaJ local e data: Genebra, 05.08.2008 ffllesrv01homedirsDANMy DocumenlslCheck-lisle cplesCheck-list comple Personne Morale a corn L_R_"_b"_."'_dO__~ ~gerenle: ~ 30350957878 Inq 3983
  29. 29. • • BANCO HERITAGE VERIFICADO PELO REVISOR: MPC1_201S0224_008_0164_F ~~1GESTĂO-S- Recomenda~6es: ____~~~~c-_________________________________________ Ok cf anexo Prazo para regulariza1;âo: _______________________________________________ Assinatura: [assinatura] Local e data: Genebra, 01.09.2008 COMITE DE ABERTURA DE CONTA RECOMENDACOES OU PENDENCIAS APONTADAS PELO COMITE DE ABERTURA DE CONTA: Em ardem lilegivelJ. retazer pagina Q 1110 (X) ABERTURA NORMAL ( ) ABERTURA 24 CDB () AGUARDANDO ()RECUSADO PRAZO: __________________________________________________ Local e Data; Genebra. 2 de setembro de 2008 lassinaturaJ [assinatura] Representante da Diretoria Geral Representante da Gerencia lassinatural Revisor VISTO DE ACEITACÂO DO DIRETOR GERAL:___""""'=c:-:::-:-:-________ Carlos C. Esteve L _R_"_b"_.'_'_dO____ j ~ffilesrv01IhomedirsIOANMv DocumentslCheck-lisle cpleslCheck-list comple Personne Morale il corn gerente: ~ 30350957878 Inq 3983
  30. 30. • • Para De Data Assunto 61, rota de Ch~ne Caixa Postal 6600 CEP 1211 Genebra 6 Sulca Tel: +41 (0)582200000 Fax:+41 (0)582200001 VMW.herilage.ch BANCO HERITAGE :Arquiva Central :Nikolai Rullkowski :05.08.2008 : antecedentes da conta Forbal (073.S11) (Nestor Cunat Cervero) A conta da Forbal nos foi apresentada pela Interbaltic, atuando como gerente de ativos externo dessa conta. Ver memarando anexo da Inlerbaltic. o titular beneficiario dessa conta e Neslor Cunat Cervero. um diretor da Petrobras no Rio de Janeira empresa na qual trabalha a cerca de 20 anos. O clienle tem um patrimOnio liquido de 3 milhOes de d61ares e gostaria de abrir uma conta fora do Brasil a fim de diversificar os inveslimentos. O patrimOnio Ilquido do cliente foi construido cam seus ganhos como um importante diretor da Petrabras. O montante inicial a ser transferido sera de €700.000,OO e o cliente passou um mandato de investimenta em name da Interbaltic com quem manteremos um acordo de gerente externa de atlvos. Rafael Gimenez da Surinvesl juntamenle com Raul Davies da Interballic forma visitar o cliente. Todos os documenlos foram assinados nos escril6rios da Surinvest na Montevideu. Encantram-se em anexa as cartas de refer~ncia da Banca Brasileira (Cilibank) juntamente com c6pias da ultima dectaralf80 de impaslo de renda e da falura de servi90s. Atenciasamente, Nikolai 30350957878 Inq 3983
  31. 31. • • Pagina 1 de 2 WQRLD - CHECK REDUZINDO RISCQS ATRAVES DA INTELIGENCIA Aviso legal E eslrilamente proibido divulgar ou copiar o conleudo desse documento para lerceiros, salvo aglmcias regulal6rias. Observacăo (1) Aviso Legal Geral (2) Aviso Legal sobre a Categoria (3) Aviso Legal sobre Informa9ăo interligada IMPRESSO: 06 08-2008 15:14 CET USUARIO: HB002 SOBRENOME: CUNAT CERVERO CATEGORIA (2): INDIVIDUO NOME: Neslor SUBCATEGORIA: PEP LISTA DE FUNCIONĂRIO{S): VULGO: ORTOGRAFIA ALTERNATIVA: CUNAT CERVER6, Nestor CARGO FUNCÂO: Direlor da Empresa IDADE: DATA DE NASCIMENTO: LOCAL DE NASCIMENTOS FALECIMENTO: PASSAPORTE(S): SSN: PAis: BRASIL (BR) LOCAL(IS): BRASIL EMPRESA{S) MENCIONADAS NAS FONTES ABAIXO: PETRQLEO BRASILEIRO SA INFORMACOES O INTERLIGAM A (3): A SEGUINTE INFORMACÂO FOI DIVULGADA EM PELO MENOS UMA DAS FONTES ABAIXO: Direlor Inlernacional da Petrobras (2003- ). Diretor administrativo de Energia da Divisăo de Gils e Energi8a da Petrobras. Ocupou fun90es na firea de energia do Departamento Industrial da Pelrobras (1984-). Engenheiro Quimico. FONTES DE INFORMACÂO: htt(1:ffWv...w.(1etrobras.com.br ARQUIVO httg:tfvN.Nl2.getrobras.com.brlri/ing/(1Qg/NestorCervero.htm ARQUIVO http://vN.NI2.(1etrobras.com.br/ri/ing/GovernancaCorgorativafOrganograma.asp#dir ARQUIVO http://finance.google.comlfinance7g-SAO:PETR4 ARQUIVO Adicionado: 02/04/2007 UID:591815 EI: I Atualizado: 02/04/2007 1) Aviso Legal Geral *Toda informa9ăo identificada ou correlala a esse perfil aparece nas fonles lisladas. N6s nao nos responsabilizamos pelo conleudo de sile e fonles de lerceiros. A informa9ăo correlala e necessariamente breve e deve ser lida pelos usuarios considerando-se o contexto dos delalhes disponfveis nas fontes extemas fornecidas pelos links no hipertexto. Os usuarios lambem devem providenciar conferencias independenles para verificar a informatyâo correlata. 2) Aviso Legal sobre a Categoria HTIPS:Uwww.world-check.com/portal/mod perI/Handler/WorldCheckltem/uid~S91815 06.08.2008 30350957878 Inq 3983
  32. 32. Pagina 2 de 2 A categoria e baseada na informa<;:ao presente nas fonles fomecidas. 3) Aviso Legal sobre Informa~âo interligada Ainda que um indivlduo ou enlldade esteja listado como "lnforma90es o inlerligam a" outros perfis, a natureza dos links varia bastanle e os usuarios nao devem fazer infer~ncias negalivas simplesmenle considerando essa associa9aO. HTIPS://www.world-check.com/porta!/mod perl/Handler/WorldCheckltem/uid-S91815 06.08.2008 • • 30350957878 Inq 3983
  33. 33. • e. • • • Pâgina 1 de 1 WORLD - CHECK REDUZINDO RISCOS ATRAVES DA INTELlG~NCIA Aviso legal E estritamente proibido divulgar ou copiar o conteudo desse documento para terceiros, salvo ag€mcias regulal6rias. observa-.:ăo (1) Aviso Legal Geral (2) Aviso Legal sobre a Categoria (3) Aviso Legal sobre InformaCao interligada I Observal;oes: NOME DE USUARIO: HB002 IMPRESSO: 08-06-2008 14:58 CET NOME: PETROBRAS MODO: Correspond€mcia parcial PETROLEO BRASILEIRO SA EMPRESA 1) Aviso Legal Geral ·Toda informaCâo identificada ou carrelata a esse pertil aparece nas fontes listadas. N6s nao nos responsabilizamos pelo conteudo de site efontes de terceiros. A infoffilaCâo correlata enecessariamente breve e deve ser lida pelos usuârios considerando-se o contexto dos detalhes disponiveis nas fontes externas fomecidas pelos links no hipertexto. Os usuarios tambem devem providenciar confer~ncias independentes para verificar a informa~o correlata. 2) Aviso Legal sobre a Categoria A categoria e baseada na infarma~a presente nas tantes fomecidas. 3) Avlso Legal sobre Informac;ăo interligada Ainda que um indivldua ou enlidade esteja listado como "informacoes o interligam a" outros pertis, a natureza dos links varia bastante e os usuarios nao devem fazer infer~ncias negativas simplesmenle considerando essa assaciacao. HTTPS:Uwww.world-check.cam{portaI{mod perl(NextGen{Search?action-print 08.06.2008 30350957878 Inq 3983
  34. 34. Pagina 1 de 2 WORlD - CHECK REDUZINDO RISCOS ATRAVES DA INTEUGt:NCIA Avlso legal E estritamente proibido divulgar ou copiar o conteOdo desse documento para terceiros, salvo ag~ncias regulat6rias. Observac;ăo (1) Aviso legal Geral (2) Aviso legal sobre a Categoria (3) Aviso legal sobre Informacao interligada IMPRESSO: 08-06-2008 14:58 CET USUARIO: HB002 SOBRENOME: PETROLEO BRASILEIRO SA NOME: LISTA DE FUNCIONÂRIO(S): VULGO: PETROBRAS ORTOGRAFIA ALTERNATIVA: CARGO IDADE: LOCAL DE NASCIMENTOS PASSAPORTE(S): SSN: LOCAL(IS): REINO UNIDO JAPĂO BRASIL EUA EMPRESA(S) MENCIONADAS NAS FONTES ABAIXO: PETROLEO BRASILEIRO SA INFORMACOES O INTERLIGAM A (3): CATEGORIA (2): COORPORAc;AO SUBCATEGORIA: PEP FUNCÂO: DATA DE NASCIMENTO: FALECIMENTO: pAlS: BRASIL (BR) GABRIELLI DE AZEVEDO Jose Sergio VANA ROUSSEF Dilma A SEGUINTE INFORMACÂO FOI DIVULGADA EM PELO MENOS UMA DAS FONTES ABAIXO: [BIOGRAFIA] A Pelr61eo Brasileiro SA (uma companhia de petr61eo estatal). Corn sede no Rio de Janeiro, escrit6rios em Londres, Novos York e Japao. As principais atividades do Grupo incluem pesquisa, exploraeao, extra9ăo, distribuir,:ao, Importa9ăo, exportacao, produ9ăo, refinamento, transporte e venda de petr61eo brute e seus subprodutos. Os produtos Incluern destilados leves (gasolina, nafla), destilados medlos (6leo diesel. querosene) e produtos pesados (6leo cornbustlvel, arom~Ucos). Tambem participa da exploracao do g~s natural, transporte marftimo, fertilizantes, etc. Organizada em 4 divisOes de neg6cios, 2 divisoes de apolo e 7 unidades corporativas. Opera no mercado internacional, coma por exemplo, na Angola, Argentina, EUA. Mexico, Nigeria, Peru, China e Ira. [IDENTIFICAQĂOj A Presidente e Dilma Vana Roussef, O Presldente e CEO e Jose Gabrielli de Azevedo (ju12005 -). [INFORMAQOES] Mar 2005 - o grupo adquiriu Baixada Santlsta Energia Ltda. Abr 2005 - adquiriu Sociedade Fluminense de Energia Uda (SFE), Jun 2005 - adqulriu Termoceara Ltda e 5283 Partlclpar,:Oes Uda. Out 2006 - ameaeou reUrar Petrobras da Bollvia, caso nao se consegulsse nenhuma negociaeao sobre novos contratos de 61eo e g~s. Jul2007 - informou que 3 executivos foram apreendidos durante a Operacao Aguas Profundas, devido a suposta corrupr,:ao na Petrobras e em ou!ras companhias, envolvendo US$ 170 mi desviados por melo de 2 contratos. Aiguns fundos foram supostamente doados para as campanhas eleltorais de diversos politicos, o que sera Invesllgado mais profundamente. O CEO informou que serâ efetuada uma investiga~o e uma vistoria do Tribunal de Conlas da UniM (TCU) (auloridades brasileiras). FONTES DE INFORMACÂO: hItD:fObQnline.terra.com.brfextra/2007f07f11fe11 076003 html hltp"Jlw.wI.2,petrobras.com.brlingieslindex.asp HTIPs:llwww.world-check.com/oortal/mod perl/Handler/WorldCheckltem/uid-S9181S 08.06.2008 ARQUIVO ARQUIVO • .- • • • 30350957878 Inq 3983
  35. 35. • • http://www.adr.com/adr?page=comphome&fonntype=2&sile=ADR&ticker=PBR htlp:/IwoJm.adr.comladr?page adrnews&fonntype=1 &site=ADR&ticker=PBR htlp:/lvNNI.plattS.Comltop2SQlpetrobras.xml http://vMv.r.thebanker.comlnellSfful!s!my.ohplaid/17991 http://wv.N.J.canalenergla.com.brlzpublisherlmaterias/Negoclos.aSp?ld=47740 http://www2.petrobras.com.brfPelrobraslingles/perfillperadministaeao.htm http://www.bloombero.ccm/appS/neINS?pid=100D086&id=aTmjlcJKPXdk&refer=latin america http://wIN/2.petrobras.com.brfPelrobraslinqles/perfillperindex.htm Adlc/onado: 19106/2006 UIO; 461099 El: E Atualizado: 16/0712007 1) Aviso Legal Geral Pagina 2 de 2 ARQUIVO ARQUIVO ARQUIVO ARQUIVO ARQUIVQ ARQUIVO ARQUIVO ARQUIVO ·Toda informat;ao idenlificada ou correlata a esse periil aparece nas fontes rlstadas. N6s n;!io nos responsabilizamos pelo conteudo de site e fontes de terceiros. A infonnaţăo correlala e necessariamenle breve e deve ser lida pelos usuarios considerando-se o contexto dos detalhes disponlveis nas fonles externas fornecidas pelos jinks no hipertexto. Os usuMos tambem devem providenciar conferencias independentes para verificar a informa~o correlata. 2) Avlso Legal sobre a categoria A categoria e baseada na infonnaţăo presente nas fonles fomecidas. 3) Avlso Legal sobre Informacao interllgada Ainda que um indivlduo ou entidade eSleja listado como "Informaeoes o interligam a" outros perfis, a natureza dos links varia bastante e os usuarios năO devem fazer inferencias negativas simplesmenle considerando essa associatyăo. HTTPS://www.worJd-check.com/portal/mod perl/Handler/WorldCheckltem/uid-S91815 08.06.2008 30350957878 Inq 3983
  36. 36. Pâgina 1 de 1 localizador de Pessoas lOCALIZADOR DE PESSOAS BR PETROBRAS Lista telefonica Petrobras NESTOR CUNAT CERVERO [foto] Alterar Cados Matrlcula: Chave: lotacăo: Hierarquia: C. Custo SAP/R3: Cargo: FunCăo: Servil;o: Im6vel: Andar: Sala/Ala: Rota: Telefone: Fax: E-mail: Data de Nasclmento: Tipo: ATENCÂO: 0033332 DPC4 OFIN - DJRETOR FINANCEIRO DFIN DFOOOOOOOO PROFISSJQNAl F FAIXA OIRETOR EDIFICIO HORTA BARBOSA o O 15/08 DIRIGENTE Em caso de informacCies incorretas ou incompletas, favor contatar apolo ao usuario. no telefone (21) 3878-4949 (roia 816) [voltar] http://brlocalizarpessoa.br-petrobras.com.br/LP20.asp?MATRICULA=33332&NOME... 14/5/2008 • • 30350957878 Inq 3983
  37. 37. • • Banco Herilage S.A. 61 roia de Chene, caixa poslal 6600 CH -1211 Genebra 6, SUiC;A Tel +41 (0)582200000 Fax +41 (0)58220 0001 lMWI.herilage.ch MEMORANDO Para C6pia para De Oala Histarico :Comitl: AML : Jean-Luc Schneebeli :15.05.2014 BANCO HERITAGE • Neslor C. e um dos 3 tilulares beneficiarios da conta 0735120. Essa conla foi aberta em setembro de 2008. Em 15.05.20010 os alivos deposilados nessa conla correspondem a CHF 280k. • Neslor C. era o Diretor Inlernacional da Pelr61eo Brasileiro (Petrobras) de 2003 a 2008, e o Direlor Financeiro da Petrobras Dislribuidora SA (uma subsidiaria da Petrobras) de 2008 a margo de 2014. A Pelrobras Dislribuidora SA ea maior distribuidora de combusUvel no Brasil. Possui mais de 7.000 pOSlos de gasolina e aproximadamente 40% do mercado. Em marco de 2014 ele foi demitido do seu cargo ap6s o inicio das invesligacăes concementes a um possivel superfaluramento na aquisÎcăo da refinaria em Pasadena, em 2006. • Essa refinaria em Pasadena foi comprada da Aslra Oii pela Petrobras em 2006. A Petrobras pagou 360 milhOes por 50% da refinaria. De acorda cam processo, a Pelrobras teria gaslo USD 820 milhOes a mais para adquirir a oulra melade da reflnaria devido a uma clausula, que a obrigava a faze-Io frenle a divergl:ncias corn a Aslra Oii e uma Clausula Marlim que garantia um lucra anual mfnimo de 6,9% para a Astra OiI. • Os crrticos de tai transayao alegam que o valor pago pela refinaria esta absurdamente superfalurado. DUma Roussef, que esla em campanha pela sua reeleicăo, era um dos membros da adminislracao da empresa quando decidiu-se pela compra da refinaria Pasadena. Em sua defesa, ela informau que a dila opeă.o e a Clausula Marlim nM conslavam do relal6rio que Ihe foi entregue por Nestor C. Em testemunho perante o Cangressa, Neslor C. afirmau que as clausulas omitidas nao eram significantes. • O EAM mencionou que săo aguardadas mais notlcias na imprensa no futuro e que e bem provavel Que se instale uma Comissăo Parlamentar de Investigacăa para investigar o relacionamenlo entre o governo e a Petrobras vislo Que 2014 e um ano de eleică.o. • Martin Brenner, direlar da EAM Desk, fez uma revisao de Ioda a informacăo publicamenle disponfvel sobre Neslar C.. Ele concluiu que Nestor C. foi ouvido pela Congresso na condicăo de leslemunha e que ele nao Ieria sido acusado por nenhum alo ilegal. • As crfticas quanta â compra da refinaria Pasadena ocorreram durante a eleică.o presidencial brasileira. • Um artigo menciona que U a refinana Pasadena pode vir a ser a melhor neg6cio em refinaria que a empresa fez nas ultimas 3 decadas" pois a Pelrobras esla pagando bem mais por refinarias novas no Srasil. 30350957878 Inq 3983
  38. 38. MPC1_20150224_00B_0195J Conclusoes • Ale o presente momento, năo encontramos circunstancias suspeitas envolvendo a origem e a fonle dos ativos depositados no Banca Heritage. Ne entanto, o relat6rio MROS nao parece apropriado. • O Banca Heritage decidira se maniera o relacionamento corn Nestor C. • Se o relacionamento for mantido, o mesmo deverâ ser classificado coma PEP e revisOes regulares feilas e documentadas pela EAM Desk a fim de seguir a evolw;ao do tema. Essas revisOes podem fundamentar as suspeitas de que os alivos depositados no Banca Heritage, originam-se de um crime, o setor de verific8yao deve ser informado imediatamente. [assinatura] Jean-Luc Schneebeli • • 30350957878 Inq 3983
  39. 39. • • Pagina 1 de 2 WQRLD - CHECK REDU21NDO RISCOS ATRAVES DA INTELIGENCIA Avlso legal ~ estritamenle proibido divulgar ou copiar o conteudo desse documenta para lerceiros, salve ag~ncias regulal6rias. Observa~ăo (1) Aviso legal Geral (2) Aviso Legal sobre a Categoria (3) Avisa legal sobre Informayăo inlerligada IMPRESSO; 24-04-14 07:30 UTC USUARIO: HBOa7 SOBRENOME: CUNAT CERVERO NQME: Neslor CONFERENCIA MUNDIAL DE PALAVRAS-CHAVES: VULGO: ORTOGRAFIA ALTERNATIVA: CUNAT CERVERO, Nestor CARGO DATA DE NASCIMENTO: IOADE: lOCAL DE NASCIMENTQS PASSAPORTE(Sj: 5SN: 371.381.207-10 NUMERO(Sj DE IOENTIFICAI;ĂO: BRASIL CPF CIDAOANIA(Sj: BRA$IL (BR) ENDERECO(S): Pasadena, Texas - EUA Rio de Janeiro, Rio de Janeiro - BRASIL EMPRESA(SI MENCIONADAS NAS FONTES ABAIXO: PETROLEO DISTRIBUIDORA SA PETROLEO BRASILEIRO SA INFORMAC;OES O INTERLIGAM A (3): CATEGORIA (2): INDIVIDUO SUBCATEGORIA: PEP FUNCAo: Ex-alto funcionârio - SQE FALECIMENTO: 371.381.207-10 A SEGUINTE INFORMACAo FOI DIVULGADA EM PELO MENOS UMA DAS FONTES ABAIXO: [BIOGRAFIA] Diretor Financeiro da Petrobras Distribuidora SA (BR) (SOE) (2008- Mar 2014). Diretor Internacional da Petr61eo Brasilelro SA (Petrobrâs) (SOE) (2003-2008). Ex Diretor administratlvo de Energia da Divisao de Gâs e Energia da Pelrobras (publicado em marr;o de 2008). Ex Conselheiro do Diretor Executivo para Desenvolvimenlo de Novos NegOclos na Petr61eo Brasileiro SA (plblicado em mar(ţo de 2008). Engenheiro Oulmico. (IDENTlFICAC;Ao] Idenlifica~o tiscal nO: 371.381.207-10 [PUBLtCACOES] Mar 2014 - Demitido do cargo ap6s iniciadas as investigar;:oes sobre superfaturamento na aqulslr;:ao da refrnarla de Pasadena (2006). [OBSERVACOES] Nenhuma informa~o adiclonal foi encontrada e se esse perfil contiver alega96es negativas, deve-se assumir que tais a!egaţOes sac negadas. A precisao das informar;:Oes encontradas nas fontes subjacentes devem ser verificadas juntamente corn o perfil do sujeito anles de que se tome qualquer medida. De acordo com nossos Termos e Condl96es, salvo vo~ seja legalmenle obrigado a faza-Io, esse perfil e a identidade no World-Check nao devem ser divulgados. HTIPS:/Iwww.world-check.com/frontend/profile/591815 24.04.2014 30350957878 Inq 3983
  40. 40. Pagina 2 de 2 FONTES DE INFORMACĂO: MARCO 2014: http://w.w1.folha.uol,com.br/poder/2014/03/1429174-nestor-cervero-apontado·responsavel·por-erro-da-Detrobras-e- exonerado.shtml AGOSTO 2013: htlp:llwww.br.(om.br/WfJ$/~POrt.ateonteldO/nome/lut:lp/eS/F2BJS4JAAAXP49~.jJsaIEBBehloQyCQokylFIl7tePuMZ,o.cw· G3117bJ3-()4se·Q~C.kncl4rm{M~0s3y9Yo)9wtOOzSIQQJ(LV6COFJElI7R61· ~SQ9t1'VWAlle6CJ'mulGeZ"'QP892KZ8MIOClSl"t«IpJftR.4WZ"l-pOil143Lf(1:SclTgK18· ~MQOJI9ADS41wJ3h8klhnbOwtrtlPehOmJtuutt1uExeQVlGZSVf04lJcltlll11Idp3YjWwBEmaSkB3pKQlCpwil-SleclSK419vFC6wAQIIf MltvPOqY51Om1V4JlebU65dIclKkkl.....lIti· EJICVyTPolSeVMlrdQlev4<l04xlWSb4cLrHdel(lht2QJ~S4aOrolOOy~XPM·_crJSOMsMJlfnblPliNFTTJT"OzK<lMClbZGlCt9uVcŞUT 6bfwIwHPs1Cp4CI.GetZPKlxlkHlUltnpxlklc1vp4SEJlkK)6b· JPW_'8uO~I)(fLZilR"TClJrcnosIJ91KXmJGF6q02Dl~0L814uROrvOvRJCPFHda56640_JFYJrl'WMffllWUCot·bqrduc){H5mq­ IcpcXJSIlfQupSvleOynQryVlSFUqq,L·OOrxXMYPnKOywcu2VT1tHwSg6tdeco· Hf60PcnUl/cllJ/dlJL010UONtbUEht3dPbO)l(aWNSnlOSv80QzROfVeZ~83X~PSlUwROJJTTBVU!!lWSUROR.ISfJl.OUSWAOlyUwcG9yd GF'I(ZRlKZNvbnRldWA....]TBhl(lNvb)(B~bmhpVSIJllfblJnYWS...ZlJhbWaMH8yZXNplGVuV2lhK2)rZGlv2XRvr;m11f http$:l/contls.t(u.'II0'I.bt/lur1:l/SvtHlghLlght1blbJ_lon!4-BE98JBF4FE295202B9458545SD49440C?kC'Y_REI.ACA().LEGAOO_ Sln4&telrtO_SOS24'4J2S31413431l119JllOlO)4l82i1&sort_OTP.ElEVANOA&.ordem.OESC&~$e$.ACOROAO-L~ lboa:tSAo-LfGAOO'IolbREt.ACAO-lEG"OO'MolbACOItDAO·RfLACAO·~]b&hIgIlUght-&po$leaoOowmentoaO MARce 2009 http://w.tNa..petrobras.com.br/ri/spiclbco arglNovaDiretoria3mar08Port.pdf http://WJNJ.downstreamtoday.comlnews/artic!e.aspx?a Id=9096 hup://w.Nw.africanoiljoumal.com/03.06-2008 petrobras.htm ABRIL 2007: http://I.vv.w2.petrobras.com.br/ri/ing/GovernancaCorporativa/Organograma.asp#dir http://finance.google.com/finance7q-SAO:PETR4 http://w...vI..v2.petrobras.com.brfrjJing/pop/NestorCervero.htm http://v.tww.pelrobras.com.br Adlclonado: 0210612006 UIO: 591815 EI: M Atuallzado: 26/03/2014 1) Aviso Legal Geral 'Toda informayao idenlificada ou correlata a esse pertil aparece nas fonles listadas. N6s nao nos responsabilizamos pelo conteudo de sile e fonles de lerceiros. A informar;ăo correlata e necessartamenle breve e deve ser lida pelos usuarios considerando-se o conlexto dos delalhes disponiveis nas fonles externas fornecidas pelos links no hipertexto. Os usuarios lambem devem prov'rdenciar conferlmcias independenles para verificar a informayao correlata. 2) Aviso Legal sobre a Categoria A categoria e baseada na informavao presente nas fonles fomecidas. 3) Avlso Legal sobre Informacao InterJigada Ainda que um indivlduo ou entidade esteja listado como ~Informat;lles o interligam a~ outros perfis, a nalureza dos links varia baslante e os usuarios nao devem fazer inferMcias negativas simplesmenle considerando essa assoCÎ~9aO. HTIPS:Uwww.world-check.com/frontend/profile/S91815 24.04.2014 • • 30350957878 Inq 3983
  41. 41. • • Caixa OK COS 24 CARTĂO DE VIAGEM PRE-PAGO DOS BANCOS sufc;:os FORMULARIO DE SOLICITAc;:ĂO CARTÂO NOVO (X) MUDAN~A DE CONTA ( ) ITITULAR DO CARTÂO PRE-PAGO INESTOR CUNAT CERVERO (X) Sr. ( ) Srta. ()Sra. RUA/N2 Rua. Garda D'Avila 25 (Apto. 1202) CEP/CIDADE/PAfs 22421-010 Ipanema, Rio de Janeiro DATA DE NASCIMENTO 15/08/1951 NACIONALIDADE Brasil N9CARTĂO 5307 7225 0002 8869 MOEDA DO CARTĂO () CHF (X)EUR ()USD VAlOR A SER CARREGADO 10.000 (Min. 5.000; Max. 10.000) N9DACONTA 0735120.0002 o titular do cartao pre-pago confirma que ele/ela recebeu os Termos e Condit;6es Gerais de uso do Cartao de Viagem Pre-Pago dos Banca!> Suft;os e que os aceitou como vinculantes. As Condit;oes mantem-se validas para todos os futuros Cartoes de Viagem Pre-pagos emitidos para o referido titular. o titular do cartao podera recarregar seu Cartao de Viagem pre-Pago a qualquer momente no mesmo local em que o adquiriu. Como regra, o titular pagara uma taxa de 1% sobre o valor da recarga e estara apte para sacar os valores em moeda local na proxima vez que viajar. local e Data Assinatura do titular do cart~o Rio de Janeiro, 01.11.13 [assinaturaJ Local e Data Assinatura do Clierlte!. Zurigue.12.11.13 [assinaturaJ Local e Data Assirlatura do Gerente/Assisterlte de Relacionamerltos • ,. peRas se il (lieRte e a titular lIa (artaa fare"" lIesse3s lIifereRtes Stefan Heule 30350957878 Inq 3983
  42. 42. • • Caixa OK COB 24 CARTĂO DE VIAGEM PRE-PAGO DOS BANCOS suic;os FORMULARIO DE SOLICITAC;ĂO CARTAO NOVO (XI MUDAN~A DECONTA ( ) ITITULAR DO CARTĂO PRE-PAGO INE5TOR CUNAT CERVERO ( X) Sr. ( ) Srto. ()Sro. RUA/N9 Rua. Garda D'Avila 25 (Apto.1202) CEP/CIDADE/PAfs 22421-010 Ipanema, Rio de Janeiro DATA DE NA5CIMENTO 15/08/1951 NACIONALIDADE Brasil N'CARTĂO 5307 7225 0002 8869 MOEDA DO CARTĂO () CHF (X)EUR ()USD VAlOR A SER CARREGADO 10.000 (Min. 5.000; Max. 10.000) Ne DA CONTA 0735120.0002 o titular do cartao pre-pago confirma que ele/ela recebeu os Termos e CondÎt;oes Gerais de uso do Cartao de Viagem Pre-Pago dos Bancos Suit;os e que os aceitou como vinculantes. As Condit;oes mantem-se validas para todos os futuros Cartoes de Viagem Pre-pagos emit'ldos para o referido titular. o titular do cartao podera recarregar seu Cartao de Viagem Pre-Pago a qualquer momento no mesmo local em que o adquiriu. Como regra, o titular pagara uma taxa de 1% sobre o valar da recarga e estara apta para sacar os valores em moeda local na proxima vez que viajar. Local e Data Assinatura do titular do cartao Rio de Janeiro, 01.11.13 [assinatural Local e Data Assinatura do Cliente.!. Zurigue.12.11.13 [assinatural local e Data Assinatura do Gerente/AssisteMe de Relacionamentos • "lIeRas se a (1leAle Il a titijlar Ela saotila fareR1l1essaas ElifereAles Stefan Heule 30350957878 Inq 3983
  43. 43. • • Ao Banco Heritage Presente Prezados senhores: Montevideu, 27 de novembro de 2014 Referencia Conta 735120 Beneficiârio: FORBAL INVESTMENTS INC. Conta N° 0735120 Nome da conta: Forbal Dac Tipa -=-:-:-,7C!1",C::-:c-_~ OP. N' CA0099736 Data e vîsta : 01/12/14 Stefan Heule Venho por meio desta instrui-Ios sobre a recarga dos dois cartâes pre-pagos (travel cash) emitidos para minha conta supramencionada, sendo USD 10.000 no cartăo pre-pago numero 5307 7232 0002 1224 e EUR 10.000 no cartăo pre- pago numero 5307 7229 0002 8869 Cordialmente, P/Forbal Investments Inc. Luis Piiierua [ileglvel] OK Stefan Heule 30350957878 Inq 3983
  44. 44. • • BANCO HERITAGE GENEBRA, 14.05.2009 REF: 0735120l001IENOOO9428_000 CAIXA POSTAL 6600,1211 GENEBRA 6 TEL: +41 (0)582200000 VAT N° 314 299 TITULAR DA CONTA FORBAL 0735120.0003. USD RECEBIMENTO DE FUNDOS AVISO DE CREDITO POR ORDEM DE ORIGEM RECEBEMOS DESTINO COMUNICA9ĂO ICH4808515001561482002 AMARAL DE MOURA ALEXANDRE ADDR-N°; 446217 N° EN0009428.000 BANCO JULIUS BAER AND CO. LTD., ZURIQUE USD 299.973,00 CITIBANK NOVA YORK ISN 045755 OSN 031192 SSN 0232478 SWF OF 09/05/13 SEU NUMERO DE RELACIONAMENTO Ee IBAN CH04 0878 8007 3512 0000 3 CREDITO CONTA 0735120.0003 USD 299.973,00 AV1SO SEM ASSINATURA ORIGINAL - 12 DATA·VALOR 13.05.2009 E. &0. E, 30350957878 Inq 3983
  45. 45. • • P.SCHIMID & ASSOCIES SA Rua da Râtisserie 2 CEP 5469 1211 Genebra 11 *060230500017* Classlflcaţăo Nota de Despesas Union Bancaire Privee Ale Sr. Stephane Pupillod 96-98 Rua do Rh6ne 1211 Genebra 11 Genebra, 16 de janeiro de 2006 Referencia: 253.199 Russel Advisors N° relacao: 253.199-0 Prezados Senhores, De acordo com a autoriza(:ăo de 07 de junho de 2005, n6s solicitamos que efetuem o pagamento no valor de USD 8.601,00 o qual devera ser debitado da conta supramencionada e creditado em favor de P.Schmid & Associes SA, conta n° 161331-62 junto ao Credit Suisse Privat Banki~g, em Genebra. Atenciosamente, P. Schmid &Associes SA [assinatura] 30350957878 Inq 3983
  46. 46. VASSEUR Alain De: Data: Para: Assunto: Senhor Pupillo VASSEUR Alain quinta-feira, 7 de julho de 2005 17:12 PUPILLO Stephane Russel Advisors SA Venho informa-Io da decisâo, tomada essa manhâ pela delegac;âo do COC, de submeter a conta supramencionada ao pr6ximo COC de 12.07.2005 para decidirem sobre a abertura de uma conta por um classificado coma "alto risco". Atenciosamente Alain Vasseur Unien Bancaire Privee Apoio Juridico I SECU Tel: +41 22819.23.36 Fax: +41 22819.28.51 Email: vas@ubp.ch 07.07.2005 • • 30350957878 Inq 3983
  47. 47. • • UBP UNION BANCAIRE PRIVEE GENEBRA RUSSEL CONSULTORES SA 201-0253199 GERENCIADO POR P.SCHMID & ASSOCIADOS SA Genebra, 5 de fevereiro de 2008 Informa<;ăo sobre uma pessoa que ordena uma transferencia de fundas Prezado(a) Senhor(a) Em obedi~ncia as leis SUf.y8S vigentes, o Banca tornece apenas o nome da pessoa que solicita uma transferância de fundos o numere de identificacâo da transacâo nas mensagens enviadas sobre transferâncias de fundas para outro pais. De acorda corn uma mudan/f8 na legi5la9:10 de varios paises desde Dezembro de 2007 - em particular nos palses da Uniâo Europeia - e para garantir a melhor execU(;:ao posslvel, o Banca agora e obrigado a mencionar, tambem, o International Bank Account Number - Numero de Conta 8ancaria Inlernacional (IBAN), ao executar as transfe~ncias para aqueJes paises. Alem disso, tambem poderă ser solicitado que o banco do beneficiario fornec;a o enderec;o da pessoa que solicitou a ordem. A legislac;âo Suic;a estară de acordo com essa regulac;âo. provavelmente ate o fim do primeiro semestre de 2008. Portanto, o Banco ira, a partir de entâo, tornecer o IBAN, o nome da pessoa que solicitou a ordem de transferMcia e o numero de identificaC;âo da transac;ao juntamente com todas as transfer~ncias de fundos feitas para autro pafs. Tambem forneceră o enderec;o da pessoa que solicitou a transfer~ncia, quando assim for requisitado. Para transfer~ncias dentro da SufC;a. o Banca devera fornecer apenas o IBAN ou o identificador Onico. O nome da pessoa que solicitou a transfer~ncia eseu enderec;o apenas serâo fornecidos quando requisitados. Agradec;o pela compreensâo, UNION BANCAIRE PRIVEE 96-98 Rua do RhOne _ CH -1211 Genebra 1 - tel. +4122 819 21 11 - Fax + 4122 819 22 00 - E-mail ubp@ubp.ch 30350957878 Inq 3983
  48. 48. • • • •• • MPC1_20150410_010_0164_F Pagina 1 de 2 ANTELO Maria-Cristina De: Data: Para: Assunto: ANTELO Maria-Cristina quarta-feira, 15 de julho de 2009 08:34 DEON Anna RE: Conta Russe[ Advisors Bom dia Senhora, ·092010500333* Classlficacăo Em resposta a vossa solicita~ao, envio abaixo as informaţOes do gerente externa. As mesmas serao anexadas ao arquivo para classificayăo Cordialmenle Cristina Antelo Associado Gerenciamento de Ativos Externos Union Bancaire Privee Rua do Rhâne 96-98 ICEP I CH - 1211 Genebra 1 Tel: +415881923091 Fax: +41588192204 ant@ubp.ch ININW.ubp.ch De: Data: Para: Assunto: Boa nOite, hmalaer@pschmid.ch (email: hmalaer@pschmid.ch) ten;:a-feira, 14 de julho de 2009 18:37 ANTELO Maria-Cristina RE: RUSSEL ADVISOR De acorda corn nOSSQS dados, o pagamento desses USD 75.000,00 corresponde a um adiantamenlo de capital para a criat;ăo de uma Sociedade de Consultoria da ADE de Russel Advisors Atenciosamente H. Malaer De: Data: Para: Assunto: Agradeco 15.07.2009 DEON Anna quinta-feira, 11 de junho de 2009 16:54 ANTELO Maria-Cristina RE: Conta Russel Advisors M.C. ANTELD 2309 Para arquivar N' TERCEIR08: 0253199 Data doc.: 15/07/09 Assunto: corrobora9ao 8/$ 75.000.00 Entrada de fundos 30350957878 Inq 3983
  49. 49. UBP UNION BANCAIRE PRIVEE GENEBRA RUSSEL CONSULTORES SA 201-0253199 Genebra, 6 de abril de 2009 RE: Atualizacăo de prospecto, Caracterlstlcas e Riscos de Certas Operac;6es Financelras Prezado Clienle E corn imensa prazer que enviamas em anexo a nava versl!io do prospecto Caracteristlcas e Riscos de Certas OperacOes Financelras. o prospecto foi adaptado de acorda corn o desenvolvimento do mercado, e, ao contraria da versao anterior, ele tambem le dara informarrOes sobre os riscos associados ao alo de investir nos seguintes produtos: Produlo$ estruturados; Produlos financeiros ou de transfer~ncia de risca; Investimenlos altemativos. Goslariamos de chamar sua atenr;ao para o fato de que o prospecto nao considera as incidMcias fiscais ou legais das operat;6es corn trlulos, tais coma os encargos para declara<;ăo de propriedade. Soticitamos que voct! leia atentamente este documenta e que esclare<;a qualquer duvida remanescentes cam seu gerente de relacionamento. Cordialmente, UNION BANCAIRE PRIVEE • • • •• • 30350957878 Inq 3983
  50. 50. 96-98 Rua do Rh6ne -CH -1211 Genebra 1- tel. +4122 81921 11 - Fax + 4122 819 22 00 - E-mail ubp@ubp.ch • • 30350957878 Inq 3983
  51. 51. • • Carta Registrada UBP Union Bancaire Privee Rua do RhOne 96-98 CEP 1320 1211 Genebra 1 Basileia, 2 de dezembro de 2010 Russel Advisors SA Conta Bancaria Prezados Senhores -130419000512- Carta reeebida por oorreios sem origlnals Informamos que a ATAG Private Client Services Ud. nao emais uma signatâria da(s} conta(s) da entidade RUSSEL ADVISORS SAl Panama (a "Companhia"), e que esla e uma decisao com efeito imediata. Solicitamos, portanto, que apaguem/cancetem o norne da ATAG Private Client Services Ud. da(s) referida(s) conta(s) e que por gentileza enviern-nos tai cancelamento por escrito. Pedimos lambem que nao mais nos remetam correspond€mcia sobre tais contas. Para a atualizacăo dos seus arquivos, informa que o endereco registrado da Companhia e o seguinte; AlC Quijano & Associates Salduba Building 3° Andar Caixa Postal 0816-02884 Panama Republica do Panama Desde ja agrader.;:o pelo empenho Cordialmente, ATAG Private Client Services Ltd. H. Borer M. Hostansky ATAG Private Client Services Ud. Rua Jakobs-Strasse 17, CH-4052 Basileia, Fone: +41 61 5646565, Fax +41615646560, info@atag-pcs.ch 30350957878 Inq 3983
  52. 52. • • MPC1_20150410_010_0198J Em resposta ii vossa demanda por e-mail de 08.6.2011, envio em anexa os documentos assinados RUA DA ROTISSERIE 2 CAIXA POSTAL 5469 1211 GENEBRA 11 Corn os comprimentos de PSCHMID & ASSOCIES TEL: 022 310 58 58 TEL: 0223105860 E-mail: pschmid@pschmid.ch 30350957878 Inq 3983
  53. 53. UNION BANCAIRE PRIVEE Verifica~ăo de Identidade do Titular Beneficiărio (de acordo corn o Acordo sobre Auditoria Juridica) N° conta/Nome 0253199/RUSSEL ADVISORS S.A. Parte(s) Contratante(s) 1 2 3 4 A Pelo presente documenta as partes contratantes declaram que 0(5) individuo(s)/pessoa9 juridica{s) listadas abaiixxo a/saa 0(5) titular(es} beneficiario(s} dos ativos depositados na conta referida om epigrafe. CaSO a parte contratante seja, tambem o unica titular beneficiarie dos ativos, as informa!;oes das partes contratantes devem ser expostos abaixo: Sobrenome e nome (ou nome da er'npresa), data de nascimento, nacionalidade(s), enderer;:o/sede, pafs. CUNAT CERVERO NESTOR, 15.08.51, BRASILEIRO, CEP 22420-042, RUA GARCIA D'AVILA 25 - APTO 1202, RIO DE JANEIRO, BRASIL CUNAT CERVERO PATRICIA ANNE, 14.03.56, BRASILEIRA, CEP 22420-042 RUA GARCIA D'AVILA 25 -APTO 1202, RIO DE JANEIRO, BRASIL As partes contratantes comprometem-s a informar imediatamente ao Banca sobre qualquer mudanya. Inserir intencionalmente informal1aO falsa nesse formulario e crime (art. 251 do C6digo Penal Suftya, falsificar;,ao de documentos, com pena prevista de ate 5 anos de pris,ao ou multa) Data 07.11.2011 Assinatura(s) da(s) parte(s) contratante(s). 1 (assinatura] 2 (assinatura] 3 4 UBP • • 30350957878 Inq 3983
  54. 54. • • Resolucao do Conselho N6s abaixa-assinadas, coma membros do canselho da Russel Advisors SA Uma empresa organizada e atuanda de acorda cam as leis da Republica do Panama (daravante "a empresa"), pela presente documento consentimos na ado9ăo da seguinte resolu9ăO 1. A empresa eslabelece relaţoes de neg6cios corn a Union Bancaire Privee (doravante o Banco), de acorda corn os termos comuns e corn as Condi<;ăes Gerais do Banca, 2. As seguintes pessoas ficam autorizadas de assinarem em nome da empresa, sem direilo de substitui~o: Nome Regime de asslnaturas 1. [assinatura] (X) individual () conJunta () Conjunta corn 0° 2. [assinatura] (X) individual () conjunta ( ) Conjunta corn 0° 3. () individual () conjunta () Conjunta corn 0° 4. ( ) individual () conjunta () Conjunta com 0° para todas as operaţ6es da Empresa, em especial, mas năo exclusivamente: a) assinar qualquer formulario do Banco para abrir e/ou operar a conta da Empresa junlo ao Banco; b) sacar, assinar, negociar, endossar, descontar, aceitar ou entao lidar com cheques, letras de cambio, ou oulros instrumentos financeiros, alem de assinar ordens de pagamento ou retirar fundos; c)tratar do adiantamentos fornecidos pelo Banco aempresa tais como emprestimos ou cn§dito; penhorando, hipotecanda, cabrando, assinando, transferindo, endossanda, elou passando ativos da empresa, em bens ou tftulos, ou qualquer rendimento da empresa incluso, coma forma de garantia para emprestimos elou creditos cantratados pela empresa junto ao Banco, ou par terceiros junto ao Banco, ou coma garantia por obrigaţ6es de lerceiros ou passivos de terceiros. d) dispor livremenle da supramencionada conta em nome do abaixo assinado e, em particular, administrar os ativos e fundas em dep6sito, providenciando tedas 35 operaţ5es relacionadas a garanlias, ativos e dinheiros em especie, realizando transfer~ncias lolais ou parciais e reliradas de alivos, assinando-as, e investindo e penhorando Ioda ou parte dos alivos na conta acima, e dando ao Banco ou a terceiros qualquer mandate, tais como mandato de gerenciamenlo ou autorizaţăo para consultar a conta; 1/2 30350957878 Inq 3983
  55. 55. e)abrir contas adicionais, de qualquer tipo, junto ao Banco e locar cofres; ter acesso e contrale de conteudos de qualquer cotre ou outro instrumento de seguranC;a; f)retirar ou gerenciar qualquer propriedade ou garantia da Empresa, assinando qualquer indenizaC;ăo ou conlra-indenizaC;ăo ao Banco; organizar-se para obter credilos ou a emissăo de garantias pela Banco e dar instruc;Oes em nome da Empresa no que concerne a compras, cămbio, venda ou oulro tipo de negociaC;ăo com aC;Oes, titulos, opc;Oes , mercado de ac;Oes, ou oulras garantias e derivativos; g)assinar contralos com o Banco em nome da Empresa para a compra e/ou venda de divisas estrangeiras, tanto avista quanto a prazo; h)tratar de todas as transaC;Oes bancarias gerais em favor da Empresa, bem como nos casos em que a Empresa interceda em tavor de terceiros sem qualquer beneficio ou compensaC;ăo. 3.Todas os acordos ou documentos assinados pela empresa, inc1uindo atos ou intercessOes de qualquer natureza em favor de terceiros, relacionada a quaisquer transac;Oes bancaria, ficam tIJ expressamente ratificadas pela Empresa. 4.A empresa deve indenizar o Banco em relac;ăo a qualquer perda, dano, reclamac;Oes ou responsabilidade resultante de aC;ăo do Banco em tunc;ăo da presente resoluc;ăo . 5. Fica estabelecido que a presente resoluC;ăo devera manter-se em vigor ate que seja enviado ao Banco, por escrito, informaC;ăo modificando-a ou rescindindo-a, e tai recepC;ăo năo atelara qualquer aC;ăo lomada pela banca anteriormente. 6. Ademais, fica estabelecido que as pessoas abaixo assinadas estăo autorizadas a adolar essa resoluc;ăo. 7. Fica estabelecido e certificado pelas pessoas abaixo assinadas que a presente resoluC;ăo esta em contormidade corn o Estatuto da Empresa ou e nenhum voto ou consentimento dos titulares e necessario para autorizar sua adoc;ăo. Local e Data RIO DEJANEIRO 07.11.2011 Nome Cargolfum;ilo Asslnatura CUNAT CERVERO NESTOR lassinalura] CUNAT CERVERO PATRICIA ANNE [assinaturaj 2/2 • 30350957878 Inq 3983
  56. 56. • • MPC1_20150410_010_0202J Cartăo de Assinatura - Orgăos Corporativos Conta nOI Nome da empresa Nome Somente as pessoas abaixo assinadas vinculam a empresa de forma valida e sem limitar.;:âo frente ao Banco. Em especial, elas podem usar contas abertas no nome da empresa, contratar emprestimos em seu nome, assinar notas e letras de cambio, hipotecar propriedades, dispar, penhorar ou relirar ativos e garantias: Asslnatura Exemplo de asslnaturas CUNAT CERVERO NESTOR (Xl individual () conjunta () Conjunta corn [assinatura] "CUNAT CERVERO PATRICIA (X) fndividual ANNE () conjunla () ConJunta corn [assinatura] "() individual () conjunta () Conjunta corn "() Individual () conJunta () Conjunta com " Favor marcar corn um X, conforme necessario ( ) Complementa um ou mais cartOes de assinatura exislenles (X) Substitui tados os cartfies de assinatura existentes. A(s) assinatura(s) adma. coordenam todos os relacionamentos com o Banca e deve permanecer valida, independente de informa~Oes inclusas no Registro de Comercio ou em qualquer outra publica~ăo oficial, desde que sua revoga~ao nao seja explicitamente notificada ao Banco. O Registro do Comercio ou outras publica~Oes oficiais podem ou nao revelar a autoridade das pessoas supramencionadas de assinar em nome da empresa, o abaixo assinado, no entanto, garante sua autoridade. A empresa abaixo assinada atesta a autenticidade da(s) assinatura(s) acima e validade da autoridade conferida a essas pessoas. Alem disso, as Condi~Oes Gerais do Banca saa aplicaveis, particularmenle a clâusula sobre o foro de qualquer processo judicial Local e Data Assinatura(s) corporativa(s) [assinatura] [assinatura] UBP 30350957878 Inq 3983
  57. 57. UBP UNION BANCAIRE PRIVEE EMPFANGSBESTĂnGUNGI NOTA DE RECEB1MENTO NOTA DE RECEBJMENTOI CONFERMA OI RECEVUTAI ACUSE DE RECIBO NomeNomame Sobrenomel Nome SobrenomeJ Nome Nome/Cognome SobrenomefNome Kont-Nr/Conta nQ Conta nOI N° da conta N° da conta CUNAT CERVERO NESTQR CUNAT CERVERO PATRICIA 253199 Ich bestatlge hlermit. Dass ich die gedruckle Ausgabe der folgenden Dokumente emalten habe und/oder dass ich Uber die ertirderlrchen eleklronlschen Kommunikationsmittel verfUge, um auf ihre elektroniscile Ausgabe zuzugreifen, die auf der Website der Bank (WMY.ubpbank.com) zur Verfogung stehl: Information der SBVg Uber dle Bekanntgabe vun Kundendaten im ZahlungsverXehr, bei Wertschriften und anderen Transaklionen im Zusammenhang mii SWIFT (SBVg: Schweizerische Bankiervereinigung); Merkmale und Rlslken von bestimmten Finanzgeschll.flen. Ich verpftlchte mlch, vor der Durchfuhrungvo Uber weisunge oder Transktionenen den Inhalt dieser Dokumente zur Kenntlnis zu nehmen. Confirmo o recebimen!o as c6pias dos seguintes documentos e/ou que e posso acessar sua vers.!io eletrOnica, as quais est.!io disponlvels no site do banco (wtm ubpbank,com): Informac.!io da ASB sobre os dados do cUente para pagamentos, transacOes com tltulos e outras transaCoes relaclonadas que usom SWIFT (ASB: Associao;:iio Sulo;:a de Elanqueiras); Caracteristicas e riscos de certas operacOes financeiras. Comprometo-me a canhecer o conteudo de lais documentos arites de efetuar qualquer transferencia ou operaeao de investimento. Confirma a receblmento ,~~]~~~j~~~~~d~,~,"~m~;,~ot~'~'~'~'i'r";q;":;,~;,;~possa acessar sua vers.!io eletrOnica, as quaisesUlo disponlveis no site do Informar,:.!io da ASB , transacOes com tJtulas e outras transaeOes relacionadas que usam Banqueiros)·, Caracteristicas e riscos de certas operacOes I Comprometo-me a conhecer o conteudo de tais documentos antes de efeluar qualquer transferencia ou operaeao de investimento. Confermo di avere ricevulo la versione cartacea dei seguentl documenti e/o di disporre dei mezzi tecniel Che mi permenono dl accedere aIIa loro versione elenronica, consuflabile nel sito Internet delia banca (w.w.t.ubpbank.com): Infarmazione dell'ASB sulla comunicazione del dati di clienti nell'ambito del traffico dei pagamenti conche di transazlonl dl titoll e dl altro tlpo in combinazione com SWIFT (ASB: AssoelaZtONE Svizzera dei banchien): Caratteristiche e rischi'speellid a determinate operazioni linanziarie. M'impegno a prendere alto del contenuto dei suddetti documenti prima di effettuare qualsiasi bonifico o operazlone d'investimento. Confirmo o recebimenlo as c6pias dos seguinles documentos e/ou que e posso acessar sua vers.!io eletrOnica, as quais esl.!io disponlveis no site do banco (w,y,y.ubpbank.com): Informac.!io da ASB sobre os dados do cliente para pagamentos, transar,:6es com tltulos e oulras transar,:Oes relaclonadas que usam SWIFT (ASB: Assodac.!io Su1ca de Banqueiros); • Caracteristlcas e riscos de certas operaeOes financeiras. Comprometo-me a conhecer o conleUdo de tais documentos anles de efetuar quatquer transferencîa ou aperac.!io de investimento. Ort/DalumllocallOala LocaUOatalluogolOata LocaUOala Unlerschriftlassinalura Assinatura/assinatura Assinalura Rio de Janelro 07.11.2011 • • 30350957878 Inq 3983
  58. 58. • • Original Ref: 253.199 Russel Advisors SA Prezados Senhores, '130419000512' Cart. =ebldB por correl05 .em Originai. 19AVR2Q1307:24285761 UBP SA Sra. Sylvie BRUSA STOCKER Rua do Rh6ne 96-98 CEP 1320 1211 Genebra 1 Genebra, 8 de Abril de 2013 Venho, por meic desla, solicitar que transflram para a minha conta as seguintes securities: 527.000 shs HERMES NEUTRAL USD 137.320 shs HERMES ASIAN USD Para: Nome da conta: PSA Valorisations SA Numero da Conta: 201 0273832 UBP Genebra Oesde ja agradet;o pela execuryao da solicitacao adma Cordialmente, [assinatura] 30350957878 Inq 3983
  59. 59. -130419000512- Carta recebida f>O' """ea! oem 0/19...13 Original UBPSA Sra. Sylvie BRUSA STOCKER Rua do Rh6ne 96-98 CEP 1320 1211 Genebra 1 e Genebra, 8.04.2013 Ref: 253.199 Russel Advisors SA Prezada Senhora, Venho, por meia desta, solicitar que feche a conta abaixo e transfira tados os ativos presentes para a conta ~ClienlesH do beneficîârio abaixo. Elude Poncel Turrettini Arnaudruz Neyroud & Associes lBAN : CH40 0483 5020 6103 1100 O Credit Suisse Genebra Cordialmente, [assinalura] Nao executar antes do pagamento da PSA vaJorisations LODH Grata [assinatura] • 30350957878 Inq 3983
  60. 60. • • • • • • '130530005382' A classificar UBP UNION BANCAIRE PRIVEE Nota de Patricia Yosbergue Departamente Jurfdica Para Sylvie Brusa-Stocker Genebra 05.02.2013 10 Russel Advisors SA A classificar N" DA CONTA: 201/025 31 99 Data do dac: 5.2.2013 Assunto: Nota Jurfdica Assunto: Conta Russel Advisors S.A. 0° 201/0253199 e conta Likeslde Assets Corp 0° 201-254796 (documentacao juridica de Sara Tavares) Prezada Sylvie, Recebemos em 4 de fevereiro de 2013: 1) As instrw):ăes escrilas enviadas por Philippe Neyroud (advogado de Russel & Llkeside) assinadas por CUNAT CERVERO, portanto validas do panto de vista bancario. A qual consiste em: 1)converter !ados os ativos das 2 contas Russel Advisors SA e Likeside Assets Corp em CHF. 2) transferir CHF 50.000,00 ă conta Children Action 0° 6104322 junto a HSBC Banco Particular (Su1ca) SA Paradeplatz 5,8027 Zurique - SWIFT BUCCHGG - ND IBAN: CH9708689050915921170 corn a mencao "doacăo". K-640131-01 II)As inslrucOes do Ministerio Publico da Confederacăo correspondente ao ponto 3 e 4 da carta do Sr. Ph Neyroud. 11/02/13 3)Transferir o valor de CHF466.000,00 (correspondente a conversăo de USD 505.587,00 em francos suICOS), e atualmente presente na conta Russel Advisors S.A. nD201-0253199, ao Ministerio Publico de acorda corn as coordenadas de transferencia abaixo: K-931330 val. 01103/2013 Eidgenossiche (Eidg) Finanzverwalfung Finanz und Rechnungswesen 3003 Bern Remarque Vermerk: 2009307223 EJPDVZ. 13.0012-GRS (Zwingendauzugeben) Junto a POSTFINANCE IBAN CH 66 0900 0000 3031 04461 4)Transferir por debito na conta Russel Advisors SA o valor de CHF 20.360,00 Aconta cheque postal do Ministerio Publica da Confederacăo Postkonto der Bundesanwaetschaft K-640153-01 N" 30-238558-2 Nota Vermerk: VK CERVERO - SV 10.0033-LEN Para transferencla para a conta do Sr. Neyroud, aguarde e verifique corn o gerente externo Sr. Schmid. Ele vira em 18 de marCo de 2013 as 15h para Em anexo: falar sobre [ilegivel) com Sylvie+ Patricia Yosbergue. 1) o original das instrucăes do Sr. Philippe lIeyrouo. 2) O original das instrw;:ăes (em aJemăo) do Ministerio Publico da Confederacăo, ambos escaneados pela GED UNION BANCAIRE PRIVEE, UBP SA Genebra Rua do Rh6ne 96-981CEP 1320 11211 Genebra1, SufCa Tel: +41 5881921 11 IFax: +41 588192200 ubp@ubp.ch 1www.ubp.com 30350957878 Inq 3983
  61. 61. MPC1_20150410_010_0230J UBP Agradeco por me confirmar por e-mail a execuyâo dos ditos pagamentos (corn extrato do swift! sic se posslvel) vista que necessito confirmar a informaCao ao Ministerio Publico. Uma vez executadas as transfer~ncias das 2 contas da Russel Advisors SA e Likerside Assets Corps elas poderao ser desbloqueadas. Procederei ao desbloqueio dos recebimentos das confirmar;oes do pagamento. Anexos mencionados [assinatura] Patricia Yosbergue • • • • • • 30350957878 Inq 3983
  62. 62. • • • P.P. CH-3003 Berna, BA, RD CARTA REGISTRADA Union Bancaire Privee UBP SA CP 1320 1211 Genebra [Selo: 4 FEV. 2013 [ilegivel]) Numero do processo: VZ.13.0013-GRS Sua referencia: Nossa referencia: GRS Berna, 31 de janeiro de 2013 Procuradoria Publica Federal Ministere public de la Confederation Ministero publico delia Confederazione Procura publica federala CERVERO Nestor Cunat, nascido em 15/08/1952 Execucăo da Ordem de arquivamento de 11 de janeiro de 2013 • Prezadas Senhoras, prezados Senhores, • • Conforme o ari. 437 fi. do C6digo de Processo Penal de 5 de outubro de 2007 (StPO', SR 312.0), a ordem de arquivamento supramencionada transitou em julgado e se tornou executavel. Conforme o ponto 4 da ardem de arquivamento e conforme o ari. 70, paragrafo 1, do C6digo Penal (StGB, SR 311.0), os ativos apreendidos no valor de US$ 505.587,00, que se encontram no seu banca na seguinte conta bancaria, devem ser confiscados e convertidos em CHF, pela taxa cambial do dia: - 201-0253199 (em nome de Russel Advisors SA) Pedimos aos Senhores a transferir os ativos supramencionados aseguinte conta bancaria no Banco Nacional da SulCa (Schweizerische Nationalbank), em nome da Gestăo Financeira da Confederacilo: Postfinance -IBAN CH66 0900 0000 3031 0446 1 em nome de: Observacăo Gestilo Financeira da ConfederaCilo [Eidg. Finanzverwaltung] Servico de Financas e Contabilidade [Finanz- und Rechnungswesen] 3003 Berna 2009307223 EJPD VZ.13.0012-GRS (informar obrigatoriamentel) Procuradoria Publica Federal BA Traubenstrasse 16 3003 Berna Tel. +41313237447, Fax +41313229871 www.bundesanwaltschaft.ch 30350957878 Inq 3983
  63. 63. Numera do pracesso: VZ.13.0013-GRS Alem disso, os custos do pracesso no valor de CHF 20.360,00 foram impostos ao acusado. Conforme o panta 6 da ardem, os mesmos devem ser pagos, igualmente da conta bancaria supramencionada. Pedimos aos Senhores, respeitosamente, a transferir este valor aconta postal da Procuradoria Federal N° 30-238558-2 (Observa~ao: VK CERVERO - SV.1 0.0033- LEN). Alem disso, pedimos-Ihes a confirmar a execu9ao da ordem de pagamento de 10 de janeiro de 2013 (conforme o panta 3), bem coma a liberacăo das contas bancarias (conforme os pontos 5 e 6). Agradecemos, desde ja, o seu esfor90 neste assunto e permanecemos Cordialmente, Procuradoria Federal BA [Assinatura] Susanne Greiner Diretora Execu9ăo de Senten9a & Gerenciamento de Ativos [Sela: PROCURADORIA FEDERAL DA SUiC;;A] Anexo: - C6pia da ardem de arquivamento de 11 de janeiro de 2013 (no dispositivo) Copia: - Neyroud Philippe, Avocat, 8-10, rue de Hesse, Case Postale 5715,1211 Geneve 11 - Setefan Lenz, Procurador Federal, Procuradoria Federal - Diretor Financeiro BA Adrian Karlen, Centro Especializado de Finan9as EJPD - para o contrale da entrada de pagamento dos custos processuais no valor de CHF 20.360,00 e cam a soiicita9ăo de informar a entrada do pagamento 2/2 • • • • • • 30350957878 Inq 3983
  64. 64. • • • • • • Procurador Federal: Procuradoria Publica Federal Ministere public de la Confederation Ministero publico delia Confederazione Procura publica federala Procurador Geral da UniM: Stefan Lenz Walter MOder Gabriele Beyeler SV.10.0033-LEN Relatara: Numero do processo: Berna, 11 de janeiro de 2013 Ordem de arquivamento Ar!. 319 ff, C6digo de Processo Penal na investiga9ăo penal Acusado Defesa: Infra9ăo penal: Nestor Cunat CERVERO, nascido em 15/08/1952, cidadăo brasileiro, damiciliado na Rua Prudente Morais 1256, Apt· 802 Ipanema, BR - Rio de Janeiro Philippe Neyroud, avocat, 8-10, rue de Hesse, Case Postale 5715, 1211 Geneve 11 Lavagem de dinheiro conforme art. 305b ;" ponto 2, do C6digo Penal 1. Observa90es preliminares 1. 2. .. ", Procuradaria Publica Federal BA Traubenstrasse 16 3003 Berna Tel. +41 31 3237447, Fax +41 31 3229871 VfflW.bundesanwaltschaft.ch 30350957878 Inq 3983

×