Crânio

22.765 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina, Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
22.765
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
97
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
301
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Crânio

  1. 1. <ul><ul><li>Professora : Ariane Guimarães Costa Penna </li></ul></ul>RADIOLOGIA MÉDICA: estudo do Crânio 1 3 2
  2. 2. Introdução <ul><li>O crânio é uma das partes do corpo humano de maior dificuldade para se radiografar. </li></ul><ul><li>Atualmente, técnicas sofisticadas como RM e TC têm substituído a radiografia convencional. </li></ul><ul><li>Entretanto, em situações específicas, na indisponibilidade destas outras técnicas, a radiografia convencional do crânio é ainda muito utilizada. </li></ul>
  3. 3. Anatomia básica do crânio Créditos: BONTRANGER, pág. 354.
  4. 4. Calota craniana Créditos: BONTRANGER, pág. 354.
  5. 5. Assoalho Créditos: BONTRANGER, pág. 354.
  6. 6. Topografia do crânio Créditos: BONTRANGER, pág. 363.
  7. 7. Linhas de posicionamento Créditos: BONTRANGER, pág. 364.
  8. 8. Incidências básicas <ul><li>AP axial (método de Tawne). </li></ul><ul><li>Lateral. </li></ul><ul><li>PA axial (método de Caldwell). </li></ul><ul><li>PA. </li></ul>Créditos: BONTRANGER, pág. 370 a 373.
  9. 9. Lateral <ul><li>Posicionamento : PMS paralelo ao filme. </li></ul><ul><li>Corpo obliquado. </li></ul><ul><li>Lado de interesse próximo ao filme. </li></ul><ul><li>LIP perpendicular à mesa. </li></ul><ul><li>RC : perpendicular, incidindo 5 cm acima do Meato acústico externo. </li></ul>
  10. 10. Visualização das estruturas: Lateral
  11. 11. PA <ul><li>Posicionamento : flexionar o pescoço para alinhar LOM perpendicular ao filme. </li></ul><ul><li>Apoiar a fronte e o nariz do paciente contra a mesa. </li></ul><ul><li>MAE’S à mesma distância da mesa. </li></ul><ul><li>RC : perpendicular, incidindo paralelo à LOM centralizado para sair na glabela. </li></ul>
  12. 12. Visualização das estruturas: PA
  13. 13. ERROS Brincos!
  14. 14. Mais ERROS
  15. 15. E mais ERROS! Placa de Identificação!
  16. 16. BIBLIOGRAFIA <ul><li>WAYNE STATE UNIVERSITY. Radiologic Anatomy . Detroit: Detroit Medical Center. Disponível em: </li></ul><ul><li>http://www.med.wayne.edu/diagRadiology/Anatomy_Modules/Page1.html . </li></ul><ul><li>Acesso em: 08 dez. 2007. </li></ul><ul><li>2. UNIFORMED SERVICES UNIVERSITY DEPARTMENT OF RADIOLOGY AND RADIOLOGICAL SCIENCES . Radiologic Anatomy Browser ™. Bethesda: Maryland. Disponível em: </li></ul><ul><li>http://rad.usuhs.edu/rad/iong/index.html . </li></ul><ul><li>Acesso em: 08 dez. 2007. </li></ul><ul><li>3. ANATOMY ATLASES . Atlas of Human Anatomy . © 1995-2007, curated by Ronald A. Bergman, Ph.D . Disponível em: </li></ul><ul><li>http://www.anatomyatlases.org/ . </li></ul><ul><li>Acesso em: 09 dez. 2007. </li></ul>
  17. 17. BIBLIOGRAFIA <ul><li>4. CENTER OF BIOSTRUCTURE OF MEDICAL UNIVERSITY OF WARSAW . Atlas of Radiological Anatomy . Varsóvia: Department of Anatomy. Disponível em: </li></ul><ul><li>http://anatomy.ib.amwaw.edu.pl/index_en.htm . </li></ul><ul><li>Acesso em: 09 dez. 2007. </li></ul><ul><li>5. BONTRANGER, K.L . Tratado de Técnicas Radiológicas e Base Anatômica . Rio de Janeiro: Ed. Guanabara Koogan, 2003. p. 354-378. </li></ul>

×