Pmbok5 escopo

773 visualizações

Publicada em

projetos de gerenciamentos

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
773
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
36
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pmbok5 escopo

  1. 1. 5 GERENCIAMENTO DE ESCOPO
  2. 2. Agenda  Planejamento do Escopo  Definição do Escopo  Criação da EAP (Estrutura Analítica do Projeto)  Verificação do Escopo  Controle do Escopo  Exercícios
  3. 3. Objetivos  Apresentar os processos, ferramentas e técnicas utilizadas para gerenciar o escopo de um projeto
  4. 4. Ao final desta aula você será capaz de...  Organizar e estruturar todo o trabalho necessário para a realização do projeto  Diferenciar escopo do projeto de escopo do produto  Formalizar a autoridade do gerente de projetos  Controlar as mudanças no escopo do projeto  Formalizar a aceitação dos resultados
  5. 5. Escopo do Projeto x Escopo do Produto Escopo do Produto são características e funcionalidades que caracterizam o produto ou serviço Escopo do Projeto é todo o trabalho que terá que ser realizado para produzir o produto ou serviço Medido através do requisitos do produto Medido através do plano de gerenciamento do projeto
  6. 6. O que é Gerência de Escopo do Projeto? É a gerência que tem o papel de garantir que o projeto realize todo e somente o trabalho necessário para o seu sucesso
  7. 7. Características  Define e controla o que será incluído ou não no projeto  Inclui somente os artefatos para gerenciar o escopo do projeto e não do produto  Verifica constantemente para ter certeza que todo o trabalho necessário está sendo realizado  Impedi a realização de trabalho extra que não faça parte do projeto (gold plating)
  8. 8. Relembrando Iniciação Planejamento Monitoramento e Controle Execução Encerramento
  9. 9. Fluxograma de processo do gerenciamento do escopo do projeto
  10. 10. Considerações finais  Cada fase do gerenciamento de escopo pode ser executada:  mais de uma vez  por mais de uma pessoa
  11. 11. 5.1 PLANEJAMENTO DO ESCOPO EDUARDO MATOS Gerenciamento de Escopo de Projeto
  12. 12. Sub-agenda  Por quê?  Como?  Elementos principais  Entradas  Ferramentas eTécnicas  Saídas (Project Charter)  Templates  Exemplos
  13. 13. Por quê?  É o processo responsável por formalizar a existência de um projeto ou que o mesmo deva continuar na próxima fase
  14. 14. Como?  Definir o escopo do projeto  Desenvolver a declaração do escopo detalhada do projeto  Definir e desenvolver a EAP  Verificar o escopo do projeto  Controlar o escopo do projeto
  15. 15. Gerenciamento do Escopo Hermano Perrelli | CIn-UFPE 17 Elementos do Processo de Iniciação
  16. 16. Entradas  Descrição do Produto  Documento extremamente importante contendo a descrição do produto ou serviço que será gerado pelo projeto  Deve conter o relacionamento claro com o negócio que será beneficiado com a sua criação  Esta descrição deverá ser detalhada à medida que o projeto for evoluindo  A forma e conteúdo variam, mas deve prover informação suficiente para suportar o planejamento do projeto
  17. 17. Entradas  Plano Estratégico  O projeto a ser desenvolvido deve estar alinhado com o plano estratégico da empresa  Critérios para seleção do projeto  Critérios definidos para escolha de projetos (financeiro, mercado, etc)  Informações históricas  Sobre resultados de seleções anteriores de projetos  Sobre desempenho de projetos anteriores  Sobre os resultados de fases anteriores do projeto
  18. 18. Ferramentas e Técnicas  Métodos para seleção do projeto (modelos de decisão)  Visa a mensuração do projeto para efeitos de comparação durante a seleção. Duas categorias:  Mensuração do benefício (abordagem comparativa)  Peer review  Modelos de pontuação (scoring models)  Modelos econômicos  Benefícios comparados a custos  Otimização restrita (abordagem matemática)  Programação linear  Programação inteira  Programação dinâmica  Programação multi-objetivo
  19. 19. Ferramentas e Técnicas  Avaliação especializada  Julgamento de especialistas e consultores pode ajudar na decisão de fazer ou não o projeto  Experts:  Colegas ou outras unidades da empresa  Consultores  Stakeholders, incluindo os clientes  Associações técnicas
  20. 20. Saídas  Plano de gestão de escopo do projeto  Definido  Documentado  Verificado  Gerenciado  Controlado
  21. 21. Saída Principal
  22. 22. O que é Project Charter? Documento que formaliza a existência de um projeto e estabelece a autoridade e responsabilidade do gerente de projeto para a realização das atividades
  23. 23. Conteúdo do Project Charter  Identificação da autoridade do gerente sobre o projeto para alocação de recursos  Incluir referências para outros documentos contendo:  A necessidade e relacionamento com o negócio que o produto/serviço pretende atender  Resumo do produto  Descrição do produto ou serviço  Motivação para o seu desenvolvimento
  24. 24. Project Charter nas Empresas O contrato assinado para um projeto pode servir como project charter
  25. 25. Project Charter é...  Criado por um gerente externo ou de um nível alto na empresa e não pelo gerente de projetos ou pela equipe  Criado durante a fase inicial  Não é evolutivo  Não necessita de atualizações quando ocorrem mudanças no projeto
  26. 26. Outras Saídas  Project manager identified/assigned  Restrições  Premissas
  27. 27. Templates de Plano de Escopo de Projeto  Template 1  Template 2  Template 3  Template 4
  28. 28. Exemplos de Plano de Escopo de Projeto  ANA (Agência Nacional de Águas)  Site  Ethernet
  29. 29. 5.2 DEFINIÇÃO DO ESCOPO IGOR EBRAHIM Gerenciamento de Escopo de Projeto
  30. 30. 5.2. Definição do Escopo  Durante o planejamento, o escopo do projeto é definido e descrito com mais detalhes do que em sua análise preliminar porque mais informações são conhecidas:  Desejos e necessidade dos stakeholders são convertidas em requisitos  Hipotéses e restrições são reavaliadas e outras são acrescentadas caso haja necessidade
  31. 31. 5.2. Definição do Escopo
  32. 32. 5.2. Definição do Escopo  Inputs (Entradas)  ProcessoOrganizacional  ProjectCharter  Declaração Preliminar de Escopo de Projeto  Plano de Gerenciamento de Escopo de Projeto  Mudanças Aprovadas  Geralmente são identificadas e aprovadas com o projeto em andamento
  33. 33. 5.2. Definição do Escopo  Ferramentas eTécnicas  Análise do Produto  Cada área de atuação possui um ou mais métodos de transformar objetivos de projeto em requisitos  Identificação deAlternativas  Técnica usada para identificar outras maneiras de executar o projeto. Exemplo: Brainstorm e Lateral Thinking  Julgamento de Especialista
  34. 34. 5.2. Definição do Escopo  Ferramentas eTécnicas (cont.)  Análise dos Stakeholders  Seleciona, prioritiza e quantifica as necessidades e os desejos dos stakeholders para criar os requisitos  Expectativas não-quantificáveis, tais como a satisfação do cliente, são subjetivas e implicam em um elevado risco de serem bem sucedidas
  35. 35. 5.2. Definição do Escopo  Outputs (Saídas)  Declaração de Escopo de Projeto  Mudanças Solicitadas  Atualização do Plano de Gerenciamento de Escopo de Projeto
  36. 36. 5.2. Definição do Escopo  Exemplos:  http://www.scribd.com/doc/2472404/Plano-de- Gerenciamento-do-Escopo-V3  Exemplo 2  Exemplo 3  Templates:  Template 1  Template 2  Template 3
  37. 37. 5.4 VERIFICAÇÃO DE ESCOPO PEDROVINICIO Gerenciamento de Escopo de Projeto
  38. 38. 5.4 Verificação de escopo  A verificação do escopo é o processo de obtenção da aceitação formal pelas partes interessadas do escopo do projeto terminado e das entregas associadas.  Revisão de entregas  Verificação de escopo ≠ Controle de qualidade
  39. 39. 5.4 Verificação de escopo
  40. 40. 5.4 Verificação de escopo  Entradas  Declaração do escopo do projeto  descreve o produto do projeto a ser revisado e os critérios de aceitação do produto  Dicionário da EAP  Verifica se as entregas produzidas e aceitas estão no escopo aprovado do projeto  Plano de gerenciamento do escopo do projeto  Melhor descrito na seção 5.1.3.1.  Entregas  As que foram terminadas total ou parcialmente
  41. 41. 5.4 Verificação de escopo  Ferramentas eTécnicas  Inspeção  Medição  Exame  Verificação
  42. 42. 5.4 Verificação de escopo  Saídas  Entregas aceitas  Documentação de quais entregas foram aceitas e quais não foram  Mudanças solicitadas  Serão processadas pelo Controle integrado de mudanças  Ações corretivas recomendadas  Melhor descritas na seção 4.5.3.1
  43. 43. 5.4 Verificação de escopo  Referências  PMBOK – 3 edição  Escopo ou desejo?Como atender com sucesso? (Walther Krause)
  44. 44. 5.5 CONTROLE DO ESCOPO RODOLFOVASCONCELOS Gerenciamento de Escopo de Projeto
  45. 45. 5.5 Controle do Escopo  O controle de escopo trata de:  Lidar com fatores que criam mudanças no escopo do projeto  Controlar o impacto destas mudanças  Garante que as mudanças solicitadas sejam processadas pelo controle integrado de mudanças do projeto  Mudanças não controladas são freqüentemente chamadas de aumento de escopo do projeto
  46. 46. 5.5 Controle de Escopo
  47. 47. 5.5.1 - Entradas  Declaração do Escopo do Projeto  EstruturaAnalítica de Projeto (EAP ouWBS)  Dicionário da EAP  Plano de gerenciamento do escopo do projeto
  48. 48. 5.5.1 - Entradas  Relatórios de desempenho  Desempenho do trabalho do projeto (ex.: entregas concluídas)  Solicitações de mudanças aprovadas  Informações sobre o desempenho do trabalho  Progresso, entregas, estimativas para terminar, atividades iniciadas, adequação a padrões de qualidade, etc
  49. 49. 5.5.2 – Ferramentas e técnicas  Sistema de controle de mudanças  Documentado no plano de gerenciamento de escopo do projeto  Para um contrato, o sistema deve estar em acordo com as cláusulas  Análise da variação  Usa medições de desempenho do projeto em relação à linha de base do escopo  São necessárias ações corretivas?
  50. 50. 5.5.2 – Ferramentas e técnicas  Replanejamento – mudanças aprovadas podem impactar:  Na EAP, no dicionário da EAP  Na declaração de escopo do projeto  No plano de gerenciamento de escopo do projeto  Sistema de gerenciamento de configuração  Documentação e consideração das mudanças
  51. 51. 5.5.3 - Saídas  Declaração do escopo do projeto (atualizada)  EAP (atualizada)  Dicionário da EAP (atualizado)  Linha de base do escopo (atualizada)  Mudanças solicitadas
  52. 52. 5.5.3 - Saídas  Ações corretivas recomendadas  Plano de gerenciamento do projeto  Declaração do escopo do projeto  Ativos de processo organizacionais (atualização)  Plano de gerenciamento de projeto (atualizações)
  53. 53.  Referências  PMBoK Guide – 3ª. edição

×