Os pinheiros sabem quando é Páscoa

331 visualizações

Publicada em

Publicada em: Dados e análise
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
331
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Os pinheiros sabem quando é Páscoa

  1. 1. Ano passado, num domingo próximo da Páscoa num dos passeios "para parte incerta", o meu marido dirigia serenamente, enquanto eu contemplava a paisagem.
  2. 2. A certa altura, notei que o meu marido olhava fixamente para o alto em direção a esquerda e a direita do carro. Isso assustou-me visto que ele deveria estar atento à condução.
  3. 3. Perguntei-lhe o que é que estava a ver e ele disse-me pacificamente: -"Nada". E os seus olhos voltaram-se para a estrada que tinha à sua frente.
  4. 4. Alguns minutos depois, voltei a olhar para o meu marido e vi uma lágrima que corria pela sua face. Perguntei-lhe se havia algum problema.
  5. 5. Desta vez disse-me: "Estava a pensar no Pop e na história que ele uma vez contou-me". Quis então saber a história e por isso pedi-lhe que a partilhasse comigo.
  6. 6. Muito emocionado ele começou a contar... -"Quando tinha 8 anos aproximadamente, o Pop e eu fomos pescar e a certa altura ele me disse que os pinheiros sabem quando é a Páscoa."
  7. 7. Sem entender o que meu marido dizia, quis saber um pouco mais.
  8. 8. Ele continuou: -"Os pinheiros têm os novos rebentos semanas antes da Páscoa. Se olhares para os topos dos pinheiros duas semanas antes, verás pequenos rebentos amarelos.
  9. 9. À medida que nos aproximamos do domingo de Páscoa, o rebento mais alto se ramificará e formará uma cruz.
  10. 10. Até que o domingo de Páscoa venha, verás que a maioria dos pinheiros terá cruzes amarelas pequenas nas pontas dos seus ramos."
  11. 11. Foi então que, nessa altura, eu olhei pela minha janela, levantei os olhos e não pude acreditar no que via...
  12. 12. Era uma semana antes da Páscoa, e podia ver-se os pinheiros com os seus rebentos amarelos a apontar para o Céu.
  13. 13. Os mais altos brilhavam à luz do sol como filas de minúsculas cruzes douradas.
  14. 14. E eu só pude exclamar: -"Oh, Senhor, quão bela é a Tua arte !!!"
  15. 15. Texto – desconheço autoria Imagens da Internet Música – Murmures (Richard Clayderman)

×