Alexandre Heinermann 1645 Sala B

810 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
810
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Alexandre Heinermann 1645 Sala B

    1. 1. KPMG Global Sustainability Services TM APIMEC, RIO DE JANEIRO, 21 de agosto de 2008 Como as Mudanças Climáticas Afetam seus Negócios
    2. 2. Metodologia da Pesquisa <ul><li>Custos macro-econômicos das mudanças climáticas e impactos nos negócios </li></ul><ul><ul><li>Custos macro-econômicos estimados são altos em decorrência das mudanças climáticas. </li></ul></ul><ul><ul><li>Nossa pesquisa anterior (KPMG & GRI, 2007) já observava que as empresas entendiam as mudanças climáticas como oportunidades de negócios. </li></ul></ul><ul><li>Os riscos estão começando a se materializar </li></ul><ul><li>Falta de conhecimento, em geral, no nível setorial </li></ul>
    3. 3. <ul><li>Determinação do risco: </li></ul><ul><ul><li>Análise de 50 relatórios de riscos provenientes das mudanças climáticas / impactos econômicos </li></ul></ul><ul><ul><li>Entrevistas com 11 especialistas internacionais em gestão de riscos e/ou setores da economia </li></ul></ul><ul><li>Determinação do nível de preparação baseado no CDP 5 – Carbon Disclosure Project </li></ul>Metodologia da Pesquisa
    4. 4. Quatro tipos de riscos identificados <ul><li>Riscos Diretos </li></ul><ul><li>Físicos </li></ul><ul><li>Riscos Indiretos </li></ul><ul><li>Regulatórios </li></ul><ul><li>Reputacional </li></ul><ul><li>Litígios </li></ul>
    5. 5. Riscos Físicos <ul><li>Impactos relacionados ao Clima </li></ul><ul><li>Efeitos de Longo Prazo (ex.: escassez de água, degradação das terras) </li></ul><ul><li>Riscos empresariais: </li></ul><ul><ul><li>Danificação de ativos </li></ul></ul><ul><ul><li>Aumento de prêmios de seguros </li></ul></ul><ul><ul><li>Queda dos preços dos Imóveis (ex.: setor de turismo) </li></ul></ul><ul><ul><li>Realocação forçada das operações </li></ul></ul><ul><ul><li>Aumento das commodities </li></ul></ul><ul><ul><li>Doenças </li></ul></ul><ul><li>Implicações para as seguradoras: </li></ul><ul><ul><li>Crescimento das perdas das seguradoras decorrentes dos desastres naturais de menos que USD 4 bilhões em 1970 para acima de USD 100 bilhões em 2005 </li></ul></ul><ul><ul><li>Aumento dos catastrophe bonds desde 1999 </li></ul></ul><ul><li>Medidas de Proteção: </li></ul><ul><ul><li>Planejamento Regional, Códigos da Construção Civil, etc. </li></ul></ul><ul><ul><li>Adaptação de modelos dos negócios (ex.: agro-negócio: cultivo de variedades com alta resistência a secas) </li></ul></ul>
    6. 6. Riscos Regulatórios <ul><li>Potencial redução de emissões através das regulamentações: </li></ul><ul><ul><li>12 políticas propostas nos EUA, Europa e China que reduziriam 40% das emissões globais até 2030 (International Energy Agency) </li></ul></ul><ul><li>Acima de 2.000 políticas propostas </li></ul><ul><ul><li>Incertezas nos negócios </li></ul></ul><ul><ul><li>As organizações precisam se antecipar e se preparar para as mudanças regulatórias </li></ul></ul>
    7. 7. Riscos Reputacionais <ul><li>Proatividade: </li></ul><ul><ul><li>Diminuição da confiança dos consumidores e do valor da marca </li></ul></ul><ul><ul><li>Perda de reputação com alguns stakeholders do setor financeiro, governamentais, empregados e media. </li></ul></ul><ul><li>Setores com riscos mais altos: </li></ul><ul><ul><li>Indústrias com altos níveis de emissões </li></ul></ul><ul><ul><li>Empresas com muita interface com consumidores finais </li></ul></ul><ul><li>Crescem as expectativas de tomada de ações além da conformidade legal nos setores com riscos mais altos </li></ul><ul><li>Necessidade de ações corretas no momento adequado: </li></ul><ul><ul><li>Aumento do consumo consciente </li></ul></ul><ul><ul><li>Medidas para economia de energia </li></ul></ul><ul><ul><li>Medidas de responsabilidade sócio-ambiental </li></ul></ul>
    8. 8. Riscos de Litígios <ul><li>Limitado aos EUA </li></ul><ul><li>Aumento na legislação leva ao aumento dos riscos de litígios… </li></ul><ul><li>… mas os riscos de litígios também são catalisadores das regulamentações: </li></ul><ul><ul><li>A Suprema Corte Americana em Massachusetts e a Environmental Protection Agency reconheceu o CO 2 como um poluente </li></ul></ul><ul><li>Categorias de potenciais processos decorrentes das mudanças climáticas: </li></ul><ul><ul><li>Controle de Créditos de Carbono </li></ul></ul><ul><ul><li>Ações voltadas aos países poluentes </li></ul></ul><ul><ul><li>Maiores exigências de disclosure dos gases de efeito estufa </li></ul></ul>
    9. 9. Nível de preparação dos setores para enfrentar os riscos relacionados às mudanças climáticas <ul><li>Classificação dos setores: </li></ul><ul><li>‘ Zona de Perigo’: risco é maior que o nível de preparação </li></ul><ul><li>‘ Meio do Caminho’: risco é aproximadamente igual ao nível de preparação </li></ul><ul><li>‘ Zona de Segurança’: Nível de preparação razoavelmente alto para riscos relativamente baixos </li></ul>
    10. 10. Setores na ‘Zona de Perigo’: além dos setores previstos <ul><li>Transporte </li></ul><ul><ul><li>Baixo nível de preparação para riscos regulatórios altos (ex. Taxas de combustível) </li></ul></ul><ul><ul><li>Distribuição significativa dos riscos entre os sub-setores: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Alto risco no transporte aéreo e rodoviário </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Oportunidades para transporte público e ferrovias </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Outros riscos sub-estimados: riscos físicos (eventualmente levando a atrasos, cancelamentos e acidentes) </li></ul></ul><ul><li>Setor Financeiro </li></ul><ul><ul><li>Riscos Indiretos são predominantes </li></ul></ul><ul><ul><li>Bancos Globais estão mais preparados que bancos locais </li></ul></ul><ul><ul><li>Baixo conhecimento e gerenciamento de riscos relacionados a mudanças climáticas nos portfolios de investimento </li></ul></ul><ul><li>Turismo </li></ul><ul><ul><li>Riscos físicos são predominantes </li></ul></ul><ul><ul><li>Riscos Reputacionais </li></ul></ul><ul><li>Sáude </li></ul><ul><ul><li>Impactos relacionados ao Clima (Epidemias, complicações) </li></ul></ul><ul><ul><li>Setor não tem se preparado em relação aos riscos financeiros </li></ul></ul><ul><ul><li>Poucas análises em outros riscos </li></ul></ul>
    11. 11. Próximos Passos <ul><li>Ações nos níveis setoriais: </li></ul><ul><ul><li>Necessidade de melhor entendimento dos riscos de negócio em setores específicos </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Melhorar a metodologia de identificação dos riscos e preparação para mitigá-los ou minimizá-los </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Estender as avaliações de riscos físicos a todos os setores vulneráveis </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Melhorar as análises de riscos existentes </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Melhorar a quantificação dos riscos relacionados a mudanças climáticas considerando os impactos na reputação </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Avaliar riscos de litígios em setores específicos </li></ul></ul></ul><ul><li>Ações individuais: </li></ul><ul><ul><li>Investir na identificação e no gerenciamento de riscos </li></ul></ul><ul><ul><li>Investir em oportunidades </li></ul></ul><ul><ul><li>Divulgar as ações </li></ul></ul>
    12. 12. The information contained herein is of a general nature and is not intended to address the circumstances of any particular individual or entity. Although we endeavor to provide accurate and timely information, there can be no guarantee that such information is accurate as of the date it is received or that it will continue to be accurate in the future. No one should act on such information without appropriate professional advice after a thorough examination of the particular situation. © (2008) KPMG Sustainability B.V., a Dutch limited liability company and a member firm of the KPMG network of independent member firms affiliated with KPMG International, a Swiss cooperative. All rights reserved. Obrigado! Alexandre Heinermann Sócio KPMG Sustainability Membro da KPMG Global Sustainability Services TM Tel. (11) 2183-3309 [email_address] Pesquisa disponível para download em www.kpmg.nl/sustainability.

    ×