Medicina Ortomolecular para uma Alimentação Saudável

3.526 visualizações

Publicada em

Dr. Tsutomu Higashi ministra aula sobre Medicina Ortomolecular para uma Alimentação Saudável para o GRUPO DE AGROECOLOGIA DE MARINGÁ – GAAMA - Universidade Estadual de Maringá. (2009)

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.526
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.240
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Medicina Ortomolecular para uma Alimentação Saudável

  1. 1. Medicina Ortomolecular paraumaAlimentaçãoSaudável<br />Dr. Tsutomu Higashi<br />Medicina Ortomolecular<br />www.ortomoleculardrhigashi.med.br<br />GRUPO DE AGROECOLOGIA DE MARINGÁ – GAAMAUniversidadeEstadual de Maringá<br />
  2. 2. Dr. Tsutomu Higashi <br />4 Pilares da Saúde<br /><ul><li>Dr. Leo Galland </li></ul>Cosmos <br />Social <br />Familiar <br />Consigo Mesmo <br />Dieta <br />Exercício <br /><ul><li>Relaxamento </li></ul>Sono <br />1- Relacionamento<br />2- DIAITA <br />Ar<br />Água <br />Comida <br />Contacto <br />Genoma <br />Proteômica <br />Nutrientes <br />Hábitos <br />3- Meio Ambiente <br />4- Detoxificação <br />
  3. 3. GENESE DOS RADICAIS LIVRES: EXPOSIÇÕES TOXICAS <br />(EXOGENAS E ENDOGENAS)<br />Dr. Tsutomu Higashi <br />INFECÇÃO<br />VIRUS -BACTERIAS <br />MICROORGANISMOS<br />FUNGOS<br />PARASITAS<br />EXOTOXINAS<br />ENDOTOXINAS<br />XENOBIÓTICOS<br />PRODUTOS INDUSTRIAIS<br />(ADITIVOS E RESÍDUOS <br />QUÍMICOS), PESTICIDAS,<br />VOCS, CIGARROS, <br />POLUENTES<br />AMBIENTAIS, ÁGUAS, AR E <br />COMIDAS <br />CONTAMINADAS <br />FÍSICO<br />HIPOXIA <br />ATIVIDADE MUSCULAR<br />INFLAMAÇÃO – LESÃO<br />CIRURGIA - TRAUMA <br />NUTRICIONAL<br />ALCOOL, ÁCIDOS GRAXOS<br />ESSENCIAIS E TRANS. <br />ALIMENTOS COM TEOR DE<br />ANTIOXIDANTE.<br />
  4. 4. Dr. Tsutomu Higashi <br />STRESS OXIDATIVO<br />RL<br />AO<br />NUTRIENTES<br />ENZIMAS<br />RL<br />AO<br />NUTRIENTES<br />ENZIMAS<br />NORMAL<br />(EQUILÍBRIO)<br />STRESS OXIDATIVO<br />(DESEQUILÍBRIO)<br />
  5. 5. Dr. Tsutomu Higashi <br />DESTRUIÇÃO DA MEMBRANA CELULAR SOB EFEITO DOS RADICAIS LIVRES ( ). <br />RADICAIS LIVRES DESORGANIZANDO <br />A ARQUITETURA DA MEMBRANA.<br />FOSFOLIPEDES<br />DE <br />MEMBRANA<br />PROTEÍNAS INTRA<br />MEMBRANAS<br />
  6. 6. PESTICIDAS E DISRUPÇÃO NEURO ENDÓCRINA<br />Dr. Tsutomu Higashi <br />Hipotálamo<br />Hipófise<br />Tireóide<br />Timo<br />Mama<br />Pâncreas<br />Adrenais<br />Ovários <br />Testículos <br />
  7. 7. Dr. Tsutomu Higashi <br />XENOBIÓTICOS E ALTERAÇÃO MITOCONDRIAL<br />Fígado<br />Músculo<br />Esquelético<br />Olho<br />Coração<br />Cérebro<br />Rim<br />Subunidades<br /> DNA Nuclear<br />ATP<br />Pâncreas<br />DNA<br />Mitocondrial <br />Fosforilação<br />Oxidativa<br />Sangue<br />Núcleo do<br />DNA<br />Ouvido Interno <br />(Perda de audição)<br />Colon <br />
  8. 8. Dr. Tsutomu Higashi <br />COMO O ALIMENTO, AMBIENTE TÓXICO E OXIDAÇÃO (RL)<br />AFETAM A EXPRESSÃO GENÉTICA<br />ALIMENTOS, <br />NUTRIENTES E<br />EXPRESSÃO DE<br />ALGUMAS <br />CARACTERÍSTICAS<br />GENÉTICAS<br />MEIO AMBIENTE<br />EX: AGROTÓXITOS <br />FUNÇÃO DO FENÓTIPO<br />INDIVIDUAL (DOENÇAS)<br />GENE CODIFICADO<br />EM DNA CROMOSSOMAL<br />
  9. 9. Pesticidas comprovadamente afetam sistema nervoso <br />central provocando<br />Variedade de doenças degenerativas tais como: <br />Parkinson até distúrbio <br />comportamental<br />Dr. Tsutomu Higashi <br />
  10. 10. EXOTOXIDADE NEURONAL LIGADO A DOENÇA DEGENERATIVA CEREBRAL <br />Receptor NMDA (N metil d-aspartato)<br />Polaminas<br />Na+<br />Ca2+<br />Glutamina <br />Glicina <br />Célula<br />Neuronal<br />PCP<br />NA+<br />ATPase<br />CA2+<br />+<br />ATPase<br />Na+<br />ProteaseFosfolipaseEndonuclear<br />ER<br />+<br />Ca2+<br />AR<br />ATP<br />NO* O*<br /> H2O2<br />sintetase NO<br />O2*<br /> perioxinitrito<br />ONOO *<br />ATPase<br />Superoxido<br />e-<br />Mitocôndria <br />OH-<br />NO2-<br />Dr. Tsutomu Higashi <br />
  11. 11. Diminuição<br />de auto-estima<br />Desordens <br />psicológicas<br />Comportamento <br />Auto destrutivo<br />Comportamento <br />anti-social<br />Muitos projetos<br />Não definidos<br />Esquecimentos<br />Procrastinação <br />Contraventor <br />Automedicação<br />Problema de <br />personalidade <br />Lentidão<br />perfeccionismo<br />Relacionamento <br />Problemático<br />Ansiedade<br />crônica<br />Comportamento <br />Carregado de risco<br />Impulsividade<br /> Inatenção<br />Hiperatividade <br />Vícios <br />Agressão<br />Dificuldade de <br />começar projetos<br />Problema<br />Estrutural <br />do cérebro<br />Extremo<br />mal humor<br />SINAIS <br />E SINTOMAS<br /> Disfunção do <br /> Neurotransmissor<br /> cerebral,<br /> Imuno modulatório;<br /> neuropeptideos e <br /> neurotoxinas<br />Problema<br /> Estrutural<br /> do cérebro<br />MODELO DA MEDICINA <br />FUNCIONAL<br />(ORTOMOLECULAR) <br />Insuficiência<br /> de nutrientes<br />DESORDEM DE ATENÇÃO <br />E <br />HIPERATIVIDADE <br />CEREBRAL<br />MEDIADORES (Efeito Bioquímico)<br /> Disfunção:<br /> Digestão <br /> Absorção <br /> Fígado<br /> Detoxificação<br /> Glicemia regulação <br />Intestino vazado<br />Alergia Ambiental<br />Ambiental/ Intolerância<br />Infecção crônica e <br />Perda de flora normal<br />Distúrbio do Sistema imunológico<br />Disbiose <br /> Intestinal:<br /> Parasita <br /> Bactéria e <br /> Fungo<br />GATILHO (Resultado de problema orgânico)<br />Abuso, negligência<br />ou família <br />“stressora”<br />Toxina Ambiental<br />Insuficiência <br />nutricional<br />Injúria Cerebral<br />Predisposição Genética<br />ANTECEDENTES (Fator de risco básico)<br />
  12. 12. STEP2<br />Dr. Tsutomu Higashi <br /> NA FASE II AS SUBSTÂNCIAS INTERMEDIÁRIAS SÃO BIOTRANSFORMADAS PARA SUBSTÂNCIAS SOLÚVEIS EM H2O, PARA SEREM EXCRETADAS VIA RENAL.<br /> No fígado (fase I) as toxinas são <br />transformadas em substâncias intermediárias <br />ainda tóxicas, sua detoxificação completa <br />será na Fase II.<br />STEP 5<br /> AS TOXINAS RECIRCULAM <br /> NO SANGUE E CONTRIBUEM <br /> AO LONGO DO PRAZO PARA <br /> DESEQUILIBRIO <br /> MOLECULAR DAS <br /> CÉLULAS, PERDA DA<br /> SAÚDE E DA VITALIDADE. <br />STEP 2<br />STEP 3<br />STEP1<br /> No intestino as <br /> toxinas não <br /> excretadas<br /> são absorvidas<br /> e dirigem-se <br /> para o<br /> fígado.<br />STEP 4<br /> AS TOXINAS <br /> NÃO <br /> BIOTRANS-<br /> FORMADAS, <br /> SÃO LEVADAS <br />PARA O FÍGADO, <br />ESTOCADA NO<br />TECIDO GORDUROSO, <br />CÉREBRO E SISTEMA NERVOSO.<br />APÓS A FASE I, SÃO BIOTRANSFORMADAS EM H2O, <br />POR INTERMÉDIO DE NUTRIENTES ANTIOXIDANTES.<br />
  13. 13. BENEFÍCIO DOS PROBIÓTICOS NA SAUDE HUMANA <br />(LACTOBACILUS + FOS)<br />DIMINUIÇÃO DA<br /> RESPOSTA<br /> INFLAMATÓRIA/ ALERGIA<br />ESTIMULAÇÃO DO<br />SISTEMA IMUNE<br />SUPRESSÃO DE <br />PATOGENIAS <br />INTESTINAIS<br />NUTRIENTES PARA <br />CELULAS INTESTINAIS<br />PROBIÓTICOS <br />REMOVER TOXINAS<br /> DERIVADAS DO INTESTINO<br />PROTENÇÃO<br />ANTIOXIDANTE<br />MANUTENÇÃO DE <br />BARREIRA DA<br />MUCOSA INTESTINAL<br />Dr. Tsutomu Higashi <br />
  14. 14. Dr. Tsutomu Higashi <br />MUCOSA INTESTINAL NORMAL<br />Camada da Mucosa<br />Junção Compacta<br />
  15. 15. VAZAMENTO DA MUCOSA INTESTINAL: DENOMINADOR DAS ENFERMIDADES <br />(Ex: Agrotóxicos)<br />Dr. Tsutomu Higashi <br />TÓXICOS<br />
  16. 16. RESULTADO DE PESTICIDAS DETECTADOS EM LEGUMES E HORTALIÇAS COMERCIALIZADAS NA CIDADE DE SÃO PAULO APARTIR DE 1996<br />
  17. 17. RESIDUOS DE PESTICIDAS DETECTADOS EM FRUTAS COMERCIALIZADAS NA CIDADE DE SÃO PAULO APARTIR DE 1994<br />IOF = INSETICIDAS ORGANOFOSFORADOS<br />IOCI = INSETICIDAS ORGANOSCLORADOS<br />F= FUNGICIDAS ORGANICOS<br />
  18. 18. DISTRIBUIÇÃO DE FREQUÊNCIA DE HERBICIDAS CLÍNICA E LABORATÓRIO ORTOMOLECULAR – DIREÇÃO:DR. TSUTOMU HIGASHI (LEVANTAMENTO 26-09-2001 – 30-09-2002 – TOTAL DE 173 PACIENTES )<br />Legenda <br />HERBICIDAS GLOBAIS<br />(149 Casos)<br />86%<br />Atrazina (104 Casos)<br />69,8%<br />Methaclor (99 Casos)<br />66%<br />57%<br />56,3%<br />Glicina ( 85 Casos)<br />54,3%<br />Acil Uréia (84 Casos)<br />48%<br />Bipirídeos (81 Casos)<br />46,3%<br />Fenoxiaceticos (73 Casos)<br />Fomesafen (69 Casos)<br />32,8%<br />Glifosate (49 Casos)<br />Nonil Fenol (18 Casos) <br />12%<br />MÉTODO: ESPECIFICIDADE BIOENERGÉTICAO (BDORT – Y.OMURA – JAPÃO)<br />
  19. 19. DISTRIBUIÇÃO DE FREQUÊNCIA DE INSETICIDAS CLÍNICA E LABORATÓRIO ORTOMOLECULAR – DIREÇÃO:DR. TSUTOMU HIGASHI (LEVANTAMENTO 26-09-2001 – 30-09-2002 – TOTAL DE 173 PACIENTES )<br />Legenda <br />INSETICIDAS GLOBAIS (148 Casos) <br />Grupo C- Organofosforados ( 47 Casos)<br />Methanmidophos<br />Acephates<br />Dimetoato<br />Monocrotophos <br />Parathion<br />85%<br />Grupo A - Organoclorados (27 Casos)<br />Dicofol<br />Endosulfan<br />Lindane<br />Metoxicloro<br />Grupo F – Fungicidas Clorofenetil <br />Tebuconazole (22 Casos)<br />31%<br />Grupo B – Pirotroides ( 20 Casos)<br />Deltamethrin<br />Deltamethrin<br />18%<br />Grupo E – Carbamato ( 18 Casos)<br />Carbamato <br />14%<br />13%<br />12%<br />11%<br />Grupo D – Benzoliuréia (17 Casos)<br />Benzoliuréia<br />MÉTODO: ESPECIFICIDADE BIOENERGÉTICAO (BDORT – Y.OMURA – JAPÃO)<br />
  20. 20.
  21. 21. BIOMAGNÍFICO DE AGROTÓXICO EX.P.CBS<br />
  22. 22. ÁNALISE DE MINERAIS E METAIS TÓXICOS EM MAÇA<br />CONFRONTO ENTRE PRODUTO ORGÂNICO X COMERCIAL<br />
  23. 23. ÁNALISE DE MINERAIS E METAIS TÓXICOS EM TRIGO<br />PRODUTO ORGÂNICO X COMERCIAL<br />
  24. 24. TEOR DE MINERAIS<br />CONFRONTO ENTRE PRODUTOS ORGÂNICOS E COMERCIAIS - EM MILHO<br />ORGÂNICO<br />COMERCIAL <br />X<br />MINERAIS <br />METAIS TÓXICOS <br />CÁLCIO <br />+<br />1800%<br />ALUMÍNIO<br />+<br />80%<br />MANGANÊS <br />+<br />1600%<br />+<br />80%<br />MERCÚRIO <br />+<br />MOLIBDÊNIO <br />490%<br />CHUMBO<br />+<br />0%<br />COBRE <br />380%<br />+<br />MAGNÉSIO <br />+<br />300%<br />SELÊNIO <br />+<br />300%<br />POTÁSSIO <br />+<br />280%<br />
  25. 25. MINERAIS <br />SELÊNIO <br />+<br />220%<br />BORO <br />+<br />110%<br />MAGNÉSIO <br />+<br />50%<br />CÁLCIO <br />+<br />50%<br />MOLIBDÊNIO <br />+<br />50%<br />COBRE <br />+<br />30%<br />30%<br />POTÁSSIO <br />+<br />0%<br />MANGANÊS <br />+<br />TEOR DE MINERAIS <br />CONFRONTO ENTRE PRODUTOS ORGÂNICOS E COMERCIAIS - EM BATATA <br />ORGÂNICO<br />COMERCIAL <br />X<br />METAIS TÓXICOS <br />ALUMÍNIO<br />-<br />40%<br />10%<br />+<br />CHUMBO <br />MERCÚRIO <br />+<br />70%<br />
  26. 26. CLASSIFICAÇÃO DOS ALIMENTOS: VISÃO VITALISTA (Vitalismo: as doenças têm um denominador comum, a diminuição da Vitalidade).<br /><ul><li>BIOGENICOS - “que geram vida”
  27. 27. BIOATIVOS - “que ativam a vida”
  28. 28. BIOESTÁTICOS - “que diminuem a vida”
  29. 29. BIOCIDAS - “que destroem a vida”</li></li></ul><li>BIOGENICOS <br />Ex: Germes, sementes, brotos de grãos de <br />cereais, das leguminosas e das hortaliças. <br />Ricos em elementos micronutrientes.<br />Cenoura <br />Alface<br />
  30. 30. BIOATIVOS<br />Ex: Frutas, ervas, hortaliças, leguminosos, nozes,<br />bagos e grãos de cereais.<br />Os alimentos biogênicos e bioativos são os que <br />têm a vida.<br />Kiwi<br />Cenoura<br />Abóbora<br />Morango<br />Laranja<br />Pêra <br />Banana<br />Melancia<br />
  31. 31. BIOESTÁTICOS <br />Ex: Todos os alimentos armazenados por muito <br />tempo, congelamentos,são alimentos que a vida <br />moderna pressiona o seu uso, são conservas <br />derivadas de carne, leite e derivados.<br />
  32. 32. BIOCIDAS<br />Ex: Açúcar branco, trigo refinado, refrigerantes,<br />margarina e produtos originados de agricultura<br />convencional utilizando agrotóxicos.<br />
  33. 33. 8 das 10 causas de morte estão relacionadas com Erro Nutricional:<br />1. Doença do Coração 36.4%<br />2. Câncer 22.3%<br />3. Doença CV 7.1%<br /> ADR’s??<br /> 4. Acidentes 4.6%<br /> 5. Doença Pulmonar 3.6%<br /> 6. Pneumonia, Gripe 3.3%<br /> 7. Diabete 1.8%<br /> 8. Suicidios 1.5%<br /> 9. Doença Hepática 1.2%<br />10. Arterosclerose 1.1%<br />11. Outras Causas 3.4%<br />We can all be thankful for the miracle of bypass. <br />I don’t think that I could pay my mortgage without it.<br />
  34. 34. GORDURAS SÃO BOAS OU MÁS?<br />Ingestão de gordura tem um impacto direto sob nossa condição corporal em funçao e integridade da membrana celular hormonios e mensageiros celular.<br />LINHAÇA<br />
  35. 35. Linhaça 50%<br />Nozes 5 -20%<br />Canola 10%<br />Peixe de água fria<br />A maioria dos óleos<br /> nos alimentos pertence a<br />Carne vermelha, <br />lácteos e frutos do mar<br /> pertence a<br />Omega 6<br />PG 1 Series<br />Omega 3<br />PG 3 Series<br />Ácido Araquidonico<br /> PG 2 Series<br />
  36. 36. <ul><li>Tipo de Fonte Ancestrais Atuais
  37. 37. Gordura</li></ul> Omega 3 Peixes,Nozes 50% 3%<br /><ul><li> e Sementes </li></ul>Omega 6 Lacteos, Carne 50% 97%<br /> Animal e Óleo <br /> Vegetal <br />A Prescrição Paleolitica, S. Boyd Eaton, M.D.<br />
  38. 38. QUALIDADE DE PRODUTOS<br />Linhaça<br />CURA<br /> Soja e Canola pura<br />Peixe<br />Nozes<br />Algas<br />Semente de Girassol<br />Amêndoas <br />Pássaro selvagem<br />Carne de veado<br />Frango<br />Óleo pressionado mecanicamente *<br />Ovo<br />Manteiga<br />Cordeiro <br />Bife <br />Sementes e nozes torradas<br />Produtos Lácteos<br />Porco<br />Óleo refinado<br />Amido refinado<br />Açúcar <br />Óleo Frito<br />Margarina<br />Álcool <br />MORTE<br />* a fresco conservado em vidro âmbar.(Óleo extra virgem)<br />
  39. 39. Dr. Tsutomu Higashi <br />Theo Colborn<br /> Livro <br />
  40. 40. Dr. Tsutomu Higashi <br />
  41. 41. Pesticida afeta reprodução humana<br />
  42. 42. HIDROTERAPIA DE COLON<br />Dr. Tsutomu Higashi <br />A FUNÇÃO DIGESTIVA É A BASE DA DOENÇA E DA <br />SAÚDE HUMANA.<br />
  43. 43. Dona Maria fato de seus exames estarem normais, não justifica o que a senhora sente.<br />Fadiga, <br />Nausea,<br />Dor de cabeça,<br />Flatulencia,<br />Insonia.<br />
  44. 44. Sintoma de Intoxicação Cronica1. Fadiga2. Disturbio de Sono3. GI disturbios4. Dor de cabeça 5. Sintomas Alergicos6. Confusão - Irritação7. Ansiedade<br />Liang, HK. <br />Clinical evaluation <br />of the poisoned <br />patient and <br />toxic syndromes. <br />Clin Chem. 1996;<br /> 42(8B): 1350-1355<br />
  45. 45. Primeira falencia do ser humano é o inchaço. Agua acumula no espaço intercial para atender o corpo e diluir toxina.<br />CAPILAR<br /><ul><li>O corpo pode ocupar a agua adicional ou pode retirar a agua da celula</li></li></ul><li>Recentes pesquisas sugerem que 90 a 95 % dos cancers são causados por toxinas ambientais.<br />Vincent Castronova , MD, Ph.D, 6th International Symposium on Functional Medicine, May 25, 1999, Tucson AZ<br />
  46. 46. Obrigado a todos pela atenção !<br />www.ortomoleculardrhigashi.med.br<br />

×