Exportação de Frango para a Arábia Saudita

3.669 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.669
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
60
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Exportação de Frango para a Arábia Saudita

  1. 1. No mundo globalizado de hoje temos que estar preparados para lidar com todos os tipos de negócios e pessoas, e não só no mundo do comércio exterior isso deve ser aplicado, devemos levar isso conosco para toda a vida. Karina S. Nascimento
  2. 2. Metodologia Nosso objetivo é evidenciar o processo de exportação de frango congelado para a Arábia Saudita. Objetivo Utilizamos pesquisas em sites, livros especializados e contato com pessoas do setor.
  3. 3. Problematização 1º citar qual legislação a empresa BrFoods deve se adequar; 2º avaliar os procedimentos utilizados pela BrFoods para a exportação. Objetivos específicos A empresa realiza esse processo adequadamente?
  4. 4. A empresa • A BrFoods foi criada 2009 com a fusão das empresas PERDIGÃO e SADIA. • Um dos principais pontos fortes desta organização é a sua cultura organizacional. • Emprega mais de 115 mil funcionários • Atua no segmento de carnes (aves, bovinos e suínos) e laticínios; • É a maior empresa exportadora de proteína do Brasil, principalmente para o oriente médio.
  5. 5. Marketing Segundo Costa e Crescitelli (2007), o Marketing pode ser definido como “Conjunto de atividades que visa à satisfação das necessidades e dos desejos de um ou vários mercados, através da oferta de produtos, adquiridos por um processo de troca.”
  6. 6. Análise SWOT • Pontos fortes e Oportunidades Grande quantidade de clientes; Poder de negociação; Estrutura de exportação; Investimento em infra estrutura no Brasil. • Pontos fracos e Ameaças Dificuldade de integração de cada empresa da BrFoods; Dificuldade na readequação na produção entre as 50 fábricas do Brasil; Novas empresas no mercado;
  7. 7. Os 7 P’s do Marketing • Produto: Exportação de carnes, laticínios e congelados.; • Preço: depende de cada operação; • Promoção: empresa que monopoliza o trabalho, possui sua página na internet com muitas informações; • Praça: localizada em pontos estratégicos para sua maior visibilidade; • Pessoas: funcionários capacitados, que trabalham sempre para atender da melhor maneira seus clientes; • Phisio: um ambiente limpo, seguro e agradável; • Processos: relativo ao processo de exportação segue da seguinte maneira: Negociação com o cliente > Emissão de documentos ( fatura, packinglist,entre outros ) > Transporte e entrega do produto no porto/aeroporto > Desembaraço > Embarque > Chegada/Recebimento > Pagamento.
  8. 8. Logística e Embalagem • Embalagens primárias, secundárias e terciárias; Primárias: envolvem o produto individualmente; Secundárias: além de dar uma maior proteção ao produto promove como ação de marketing; Terciárias: ajuda no manuseio e transporte da carga. • Transporte da carga em containers Reefer; O container Reefer é um equipamento refrigerado utilizado para o carregamento de cargas perecíveis
  9. 9. • Sabemos o quão importante é uma embalagem / rotulagem para o produto, tanto para apelos de marketing, proteção e informação do produto, tais como: validade, data de embalagem, peso, informações nutricionais e técnicas. • Para o produto ser exportado ele precisa atender todas as normas exigidas pelo país importador. Embalagem de exportação
  10. 10. Embalagem de exportação INFORMAÇÕES IMPORTANTES NA EMBALAGEM - dados do exportador; - informações do fabricante; - selo HALAL; - informações nutricionais em árabe; - peso; - modo de descongelamento e preparo; - selo do ministério da agricultura - código de barras. Fonte: reprodução
  11. 11. Container Reefer Existem 3 tamanhos de containers; 20’ , 40’ , 40’ HC. Fonte: reprodução
  12. 12. Sistema de Exportação Devido a sua geografia inóspita e seca, os países do oriente médio possuem pouca produção agrícola, fazendo com que a importação seja uma das maiores prioridades dessa região. Fonte: Reprodução
  13. 13. Documentos necessários para exportação: • A empresa precisa possuir o RADAR; • Fatura Proforma; • Fatura Comercial; • Packing List; • Certificado de Origem; • Conhecimento de embarque; • Nota fiscal; • Certificado de Halal¹. ¹Certificado emitido pelo abatedouro brasileiro de que as aves foram abatidas de maneira exigida pelos importadores. Sistema de Exportação
  14. 14. Halal • Alimentos Halal são aquelas cujo consumo é permitido por Deus segundo a religião muçulmana. • O abate Halal deve ser feito por um muçulmano, em local voltado para a cidade de Meca. O animal deve sofrer o menos possível. O produto halal deve ser mantido e transportado separadamente dos outros. Este é o Selo halal para carnes. Fonte: Reprodução.
  15. 15. Incoterms e NCM • Incoterms são acordos de pagamento feitos entre comprador e vendedor sobre os custos e risco, desde a origem até o seu destino; Na operação são usados FOB OU CFR. • NCM é a classificação da mercadoria a nível internacional, é feita com base no Sistema Harmonizado, composta de 6 dígitos, mais dois , e é usada pelos países integrantes do Mercosul. • NCM do frango congelado inteiro: 0207.11.00
  16. 16. Legislação Aduaneira • Legislação Aduaneira são as leis aplicadas para efeitos fiscais, tributários e legais nas operações de comercio exterior. Aqui seguem dois exemplos: • Portaria n º 210 de novembro de 1998 (MAPA) Determina entre outros o "Regulamento Técnico da Inspeção Tecnológica e Higiênico-Sanitária de Carne de Aves". • Instrução normativa nº 27, de 27 de agosto de 2008 Habilitação para exportação, suspensão de certificação, lista geral de estabelecimentos exportadores e listas específicas de estabelecimentos exportadores. Fonte: MAPA
  17. 17. Regimes Aduaneiros • Segundo Maria Rebono apud Segre (2009), “Denominamos o regime aduaneiro e os tratamentos tributários e administrativos aplicáveis à mercadoria submetidas ao controle aduaneiro.” • A empresa BrFoods utiliza de maquinário importado para realizar seus processos; esse maquinário é composto por peças importadas, quando há algum defeito novas peças são importadas. • É utilizado o regime conhecido como transito aduaneiro; • Trânsito Aduaneiro é um regime que é possível transportar mercadorias de um país a outro sem geração de tributos.
  18. 18. Tecnologia da Informação A Tecnologia da Informação é ferramenta essencial na empresa moderna. Ela garante a agilidade e qualidade na troca de informações, o que é indispensável para uma grande empresa como a BrFoods , e para a área de comércio exterior, que é quase totalmente informatizada. Um exemplo da informatização nesta área é o SISCOMEX.
  19. 19. Todos os processos da BrFoods são informatizados, o que garante à empresa: • Controle dos processos; • Melhor controle do estoque; • Melhor gestão financeira; • Agilidade no serviço; • Redução de custos; • Maior eficiência. Benefícios dos Sistemas Informatizados
  20. 20. Bibliografia • Figura1 http://www.hawamer.com/vb/archive/index.php/t- 984453.html . • Figura 2 . Disponível em: http://pessoas.hsw.uol.com.br/informacoes-arabia-saudita.htm . Acesso em 15 de junho de 2013. • Figura 3. Disponivel em: http://www.dw.de/mercado-de-alimentos- para-mu%C3%A7ulmanos-expande-se-com-forte- participa%C3%A7%C3%A3o-brasileira/a-4490857 . • Figura 4: http://www.sadia.com.br/produtos/188_FRANGO%2BCONGELADO %2BSADIA • Figura 5: http://blogattitude.wordpress.com/category/embalagem/ • Site do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Disponível em: http://extranet.agricultura.gov.br/sislegis- consulta/consultarLegislacao.do?operacao=visualizar&id=8810
  21. 21. Contato dos palestrantes • ANITA CAROLINE DE LIMA E-mail: anita_caroline@live.com • KARINA DOS SANTOS NASCIMENTO Email: karina982@msn.com • RAFAELA SPADA DE BRITO Email: rafaela.unique@hotmail.com • PAULO SÉRGIO F. SAMPAIO JR E-mail: paulosergiofsjr@hotmail.com

×