Nome: Marco Araújo
Data: 10/11/2009


Núcleo gerador – Saberes fundamentais (DR2)
Competências – Recorrer a processos e mé...
são colocadas no final.


Como a água é um bom solvente, as águas subterrâneas, consoante o tipo de solos
que atravessam, ...
1.1 Qual a diferença entre águas duras e águas macias?

A diferença entre águas macias e águas duras é a seguinte: as água...
Resposta: talvez misturando a água com detergente, se a água fizer muita espuma
a água é mais macia, se fizer pouca, é por...
2.4. A quantidade de embalagens de 20 kg necessárias para um mês.


336kg:20kg=16,8 Embalagens
Resposta: por mês serão nec...
4. A seguinte informação encontra-se no rótulo de uma embalagem de 600g de
detergente em pó.
Supondo que efectua uma máqui...
600g:40g=15
Resposta: a embalagem dura 15 dias.


4.4. Quantas embalagens de detergente deverá comprar por mês?


30:15=2
...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Dr2+CiêNc stc marco

1.001 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.001
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
199
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Dr2+CiêNc stc marco

  1. 1. Nome: Marco Araújo Data: 10/11/2009 Núcleo gerador – Saberes fundamentais (DR2) Competências – Recorrer a processos e métodos científicos para a actuação em diferentes domínios da vida social. Critério de evidência (Ciência) –Actuar de forma a valorizar o papel das várias componentes na prática científica, em particular, experimentação e teoria, valorizando em simultâneo o papel da representação matemática como suporte para a explicação e previsão dos factos. A D.ª Carla está preocupada. A sua patroa vai abrir uma outra loja numa outra zona do país. A nova loja será no Porto e à D.ª Carla foi incumbida a tarefa de selecção dos detergentes. Inicialmente a D. Carla não percebeu o porquê desta tarefa. ― Então mas no Porto não existem os detergentes que utilizamos nesta loja? questionou a D.ª Carla. ― Existir, até existem! ― respondeu a sua patroa com um sorriso nos lábios. ― O problema é que na zona do Porto as águas são mais macias. E, como tal os detergentes e as quantidades de detergentes terão que ser ajustadas de forma a não termos prejuízos. explicou. Foi então que a D.ª Carla se lembrou que nas embalagens de detergentes existem algumas informações sobre a dureza das águas e as dosagens de detergentes aconselhadas a que ela nunca deu muita importância. Assim que chegou a casa, a D.ª Carla pegou na embalagem do seu detergente da roupa, leu o rótulo com atenção e concluiu: Quanto maior for a dureza da água maiores as doses de detergente a serem utilizadas para que a lavagem seja eficiente. 1. Leia com atenção o texto que se segue e responda às questões que lhe Animador Sócio Cultural STC – Saberes Fundamentais (DR2)
  2. 2. são colocadas no final. Como a água é um bom solvente, as águas subterrâneas, consoante o tipo de solos que atravessam, contêm muitas substâncias dissolvidas. As águas que atravessam solos calcários, ricos em sais de cálcio e magnésio, são, designadas por águas duras, enquanto que as que atravessam solos basálticos, areníticos e graníticos, pobres nestes sais, são águas consideradas macias. A análise de águas das diferentes regiões do nosso país mostra que estas possuem quantidades de sais de cálcio e magnésio variáveis, que permitem distingui-las em função da sua dureza. No norte do nosso país, as águas são macias, aumentando a sua dureza à medida que avançamos para sul. A dureza de uma água exprime-se em miligramas de sais de cálcio e magnésio dissolvidos por litro de água, permitindo distinguir claramente entre águas duras ou macias. Existem valores máximos para este parâmetro, que não devem ser ultrapassados, principalmente quando a água é utilizada para fins industriais. O modo como fazem espuma também permite distinguir as águas quanto à sua dureza: a água dura diminui o poder espumante do sabão, enquanto que a água macia o aumenta. A utilização de águas duras traz inconvenientes. Nas regiões onde são comuns, formam-se depó- sitos esbranquiçados nas paredes dos recipientes onde a água ferve e também depósitos calcários nas máquinas de lavar e nas canalizações, danificando-as. A nível industrial, os depósitos calcários que podem ocorrer nos tubos de aquecimento obrigam a um maior dispêndio de energia para aquecimento de águas e ao risco de explosões por estrangulamentos provocados em tubos e caldeiras. Existem métodos para diminuir a dureza das águas, normalmente por adição de substâncias que reagem com os sais de sódio e magnésio. Por exemplo, os canalizadores removem os precipitados de carbonato de cálcio (CaCO3) adicionando ácido clorídrico (HCl), que reage com o carbonato de cálcio de acordo com a reacção química traduzida por: 2 HCl (aq) + CaCO (s) → CaCl (aq) + CO (g) + HO (l) Animador Sócio Cultural STC – Saberes Fundamentais (DR2)
  3. 3. 1.1 Qual a diferença entre águas duras e águas macias? A diferença entre águas macias e águas duras é a seguinte: as águas duras, atravessam solos calcários, são ricos em cálcio e magnésio, as águas macias, como atravessam solos basálticos areníticos e graníticos são pobres nestes sais. 1.2. Quais as consequências da utilização prolongada de águas duras nas máquinas de lavar roupa e loiça? As consequências são as seguintes: como o calcário da água vai-se acumulando nas paredes da canalização, se a água for dura, e não usar um anticalcário estas ficam danificadas, podendo mesmo haver risco de explosão. 1.3. A água da região onde vive é considerada macia ou dura? Sendo a minha região o Norte de Portugal a água é considerada macia, porque nesta região não abunda o calcário. 1.4. De que forma, estando em casa e, de uma forma relativamente simples, poderemos saber que tipo de água corre nas nossas torneiras? Animador Sócio Cultural STC – Saberes Fundamentais (DR2)
  4. 4. Resposta: talvez misturando a água com detergente, se a água fizer muita espuma a água é mais macia, se fizer pouca, é porque a água é dura. 1.5 Em que loja, em Almada ou no Porto serão maiores as despesas com detergente, supondo que serão lavadas o mesmo número de peças com o mesmo grau de sujidade? Justifique a sua resposta. Resposta: na loja em Almada, as despesas serão maiores vistos a água desta zona ser considerada muito mais dura. Sendo esta mais dura irá precisar de mais detergente, para lavar a mesma quantidade de roupa. 2. As embalagens industriais de detergente têm dimensões muito maiores que aquelas que utilizamos em nossa casa. Supondo que uma embalagem industrial tem 20 kg de detergente sólido e que cada dose de detergente utilizada na loja é de 200g e que por dia são utilizadas cerca de 14 doses de detergente em cada uma das 4 máquinas que a loja possui determine: 2.1. A quantidade de detergente gasta, em média, em kg, em cada uma das máquinas. 200g=0,2kg 14x0,2kg=2,8kg Resposta: em média gasta 2,8kg 2.2. A quantidade de detergente gasta por dia, em kg. Resposta: gasta por dia2,8kgx4=11,2kg 2.3. A quantidade gasta num mês, em kg. Resposta: gasta por mês11,2kgx30=336kg Animador Sócio Cultural STC – Saberes Fundamentais (DR2)
  5. 5. 2.4. A quantidade de embalagens de 20 kg necessárias para um mês. 336kg:20kg=16,8 Embalagens Resposta: por mês serão necessárias 17 embalagens 3. Devido ao facto de, no Porto, a água ser mais macia, são gastos menos 30% de detergente na loja do Porto relativamente à loja de Almada. 3.1. Qual a massa, em g, de uma dose na loja do Porto? 200gx0.3=60g 200-60=140g Resposta: a massa de uma dose na loja do Porto é de 140g 3.2. Quantas embalagens de 20 kg são necessárias para um mês na loja do Porto? 16,8x0,30=5.04 16,8-5.04=11.76 Resposta: são necessárias 12 embalagens 3.3. Se cada embalagem de detergente tiver um custo de 25€ quanto gasta a mais a loja de Almada na aquisição de detergente para um mês? 17x25€=425€ 12x25€=300€ 425€-300€=125€ Resposta: a loja de Almada gasta mais 125€ 3.4. Poderão os preços praticados na lavandaria de Almada ser aplicados na loja do Porto? Justifique a sua resposta. Resposta: os preços não poderão ser os mesmos visto em Almada a água ser mais dura e ter de gastar mais detergente nas mesmas quantidades de roupa lavada. Animador Sócio Cultural STC – Saberes Fundamentais (DR2)
  6. 6. 4. A seguinte informação encontra-se no rótulo de uma embalagem de 600g de detergente em pó. Supondo que efectua uma máquina de roupa por dia e que a sua máquina gasta cerca de 8 litros de água em cada lavagem, determine: 4.1. A quantidade de água, em litros, que gasta mensalmente. 8lx30=240l Resposta: gasta 240l de água. 4.2. A quantidade de detergente, em g, que gasta mensalmente. 5gx8l=40g 40gx30=1200g Resposta: gasta mensalmente 1200g de detergente. 4.3. Quanto tempo dura a embalagem de detergente? Animador Sócio Cultural STC – Saberes Fundamentais (DR2)
  7. 7. 600g:40g=15 Resposta: a embalagem dura 15 dias. 4.4. Quantas embalagens de detergente deverá comprar por mês? 30:15=2 Resposta: por mês deverá comprar 2 embalagens. Adaptado de curso EFA Escola EB 2,3 Anselmo de Andrade Animador Sócio Cultural STC – Saberes Fundamentais (DR2)

×