Literatura midiática

403 visualizações

Publicada em

Material utilizado na

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
403
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Literatura midiática

  1. 1. VOZES DA LITERATURA MARCELO TRUIZ
  2. 2. <ul><li>O QUE É LITERATURA MIDIÁTICA ? </li></ul><ul><li>Está ligada a uma variedade de correntes de pensamento que estudam a linguagem com que os autores contemporâneos realizam seus livros; </li></ul><ul><li>É a modernização da leitura das tribos leitoras, que usam a linguagem no texto com o auxílio de mídias; </li></ul><ul><li>É a literatura veiculada nas Mídias – Tv, rádio, internet, jornal online. </li></ul>
  3. 3. <ul><li>O QUE É LITERATURA MIDIÁTICA ? </li></ul><ul><li>Relaciona literatura às artes gráficas, sonoras, visuais e à tecnologia informatizada; </li></ul><ul><li>A oficina está organizada de forma a entendermos a relação: </li></ul><ul><li>Literatura e Artes Gráficas </li></ul><ul><li>Literatura e Artes Visuais </li></ul><ul><li>Literatura e artes sonoras, relacionando-as às mídias que lhes dão suporte. </li></ul>
  4. 4. Então Literatura Midiática é: Uma forma de literatura que se serve dos avanços tecnológicos oportunizados pela eletrônica e pela informática, que alteraram os procedimentos na veiculação e difusão da comunicação literária
  5. 5. LITERATURA E ARTES GRÁFICAS Em Literatura e artes gráficas, acompanharemos a evolução da literatura desde a oralidade até os livros eletrônicos;
  6. 6. LITERATURA E ARTES GRÁFICAS Oralidade – Sucumbe a partir do aparecimento da escrita, como suporte das escritas literárias, principalmente os escritos da Igreja, por exemplo os de Santo Agostinho.
  7. 7. LITERATURA E ARTES GRÁFICAS Livro impresso – o primeiro publicado foi a Bíblia, composta e impressa por Johannes Gutenberg (1390-1468), o inventor da imprensa, entre 1450 e 1455. Foram cinco anos para uma edição de poucas unidades, e apenas 200 livros foram publicados e disponibilizados a um custo baixo para que os populares pudessem adquiri-los.
  8. 8. LITERATURA E ARTES GRÁFICAS A escrita foi em direção a uma sofisticação que a tornou cada vez mais complexa, necessitando de vários reajustes durante sua caminhada evolutiva, o que a levou a experimentar novos estilos na tentativa de simplificar seu modus operandis .
  9. 9. LITERATURA E ARTES GRÁFICAS Os cadernos de caligrafia, surgidos no século XVI, ajudaram na fixação desses vários estilos, como este que agora usamos e chamamos de „ itálico’ . A escrita começa a promover a leitura solitária dos manuscritos, afastando cada vez mais o autor do ouvinte não-letrado, que passa a depender do olhar “alfabetizado” dos leitores desses textos.
  10. 10. LITERATURA E ARTES GRÁFICAS Livro eletrônico – representa bem a velocidade com que as coisas acontecem e como homem lida com elas. É um dispositivo eletrônico, tmbém chamado e-book, é um livro digital que se pode ler na tela do computador.
  11. 11. LITERATURA E ARTES GRÁFICAS
  12. 12. LITERATURA E ARTES VISUAIS <ul><li>Literatura e artes visuais </li></ul><ul><li>Neste tipo de Literatura o aprendizado se voltará para a ilustração livresca, a potencialidade visual das palavras e a pintura ligada aos textos literários. </li></ul><ul><li>Vejamos uma ilustração. </li></ul>
  13. 14. <ul><li>ilustração vem das iluminuras e das gravuras feitas pelos escribas da idade média, surgiram como suporte de comunicação literária na forma de manuscritos. a iluminação que as imagens davam ao texto complementava o entendimento dos raros leitores de então. Reprodução do que já dito. </li></ul>LITERATURA E ARTES VISUAIS
  14. 15. A figura do ilustrador de livros está, na maioria dos casos, ligada à do artista plástico. mas a confluência nem sempre acontece. na maioria dos casos, o ilustrador é muito mais um artista gráfico, especialista em lidar com textos literários, que um pintor de quadros. LITERATURA E ARTES VISUAIS
  15. 16. LITERATURA E ARTES VISUAIS POESIA VISUAL
  16. 17. LITERATURA E ARTES VISUAIS POESIA VISUAL
  17. 18. LITERATURA E ARTES VISUAIS O Poema Visual utiliza, com rara felicidade, a combinação dos signos verbais com a expressividade da linguagem icônica. Assim os dois códigos, o digital e o icônico, se combinam à perfeição para traduzir imagens poéticas e juízos críticos.
  18. 19. GREENWICH MERIDIAN TIME GO BR IBGE CEG ABDE ICM IR UCG TG UFG AGL P T UBEGO IHGG IAPC CX UDN A G I I PASE A I - I C E B ACEBU AI-R PQP PDC I A C P U C C I I C U P ABI IR GMT FALP ACL TRU USU Pt CNPq Dr PIS SERJ UFRJ PASEP RJ CLF SI VEMB GM T (TELES, Gilberto Mendonça. Os melhores poemas )
  19. 20. LITERATURA E ARTES SONORA Literatura e artes sonoras – A poesia, visual e sonora por natureza, deu a músicos e intérpretes um vasto campo para experimentações e invenções com a sonoridade.
  20. 21. LITERATURA E ARTES SONORA No Brasil temos a grande contribuição da poesia concreta no incitamento às novas formas musicais, nascidas no ventre das vanguardas históricas do modernismo inicial.
  21. 22. LITERATURA E ARTES SONORA Poesia sonora Não é uma das missões mais fáceis. Porque “sonora‟ quer dizer muito mais que simplesmente oralizada e registrada em áudio.
  22. 23. LITERATURA E ARTES SONORA A experimentação com a voz é que é a grande sacada nos ensaios e insights sonoros. Os recursos midiáticos, neste caso, são LITERATURA E NOVAS MÍDIAS. Poesia sonora pode ter várias definições e manifestações. Mas alguns pontos são comuns em qualquer de suas vertentes.
  23. 24. LITERATURA E ARTES SONORA A poesia sonora faz parte das muitas tendências estéticas ligadas à literatura contemporânea. As vanguardas ligadas à poesia avançam em blocos experimentais diferenciados e interligados (verbal, vocal e visual) que confirmam a poética da simultaneidade reinante em nossos dias.

×