REFRAÇÃO DA LUZ
À passagem da luz de um meio para outro damos o nome de refração.
Quando a luz passa de um meio material para outro meio o...
LUZ
Há desvio
R.I
R.R
Quando a luz índice obliquamente à superfície de separação de dois meios
transparentes, a refração é...
ar
água
R.I
R.R
Quando a luz incide perpendicularmente à superfície de separação de dois meios
transparentes, a refração n...
A refração sempre vem acompanhada da reflexão.
• parte da luz é refletida;
• parte da luz é absorvida;
• parte da luz é
re...
ÍNDICE DE REFRAÇÃO
Ao mudar de meio, a luz muda de velocidade. Isto é de certa forma esperado, pois
ao aumentarmos a densi...
ÍNDICE DE REFRAÇÃO RELATIVO
RI
RR
NORMAL
AR
ÁGUA
RI : RAIO INCIDENTE
RR : RAIO REFRATADO
LEIS DA REFRAÇÃO
I
R
Normal
Raio
incidente
Raio
refratado
1ª Lei: O raio incidente, a reta normal ao ponto de incidência e o
raio refratado...
RI
RR
NORMAL
AR
ÁGUA
i
r
i = ângulo de incidência
r = ângulo de reflexão
Alterando o ângulo “i” haverá uma alteração no ân...
I
R
Normal
i
r
Raio
incidente
Raio
refratado
Meio 1
Meio 2
2 a Lei: O produto do índice de refração absoluto de um meio pe...
Casos de Refração
I
R
Normal
i
r
Raio
incidente
Raio
refratado
a) Luz passando do meio menos para o meio mais
refringente:
Neste caso podemo...
I
R
Normal
i
r
Raio
incidente
Raio
refratado
Neste caso podemos dizer que o raio
refratado afasta-se da normal
b) Luz pass...
I
R
Normal
i=0º
r=0º Raio
refratado
Neste caso teremos uma refração
sem desvio
Incidência perpendicular:
Raio
incidente
REFLEXÃO TOTAL
Considere um raio de luz se propagando de um meio menos refringente ( nar=1)
para um meio mais refringente ...
Agora vamos fazer o caminho inverso, ou seja, vamos fazer a luz se refratar da
água para o ar e pelo princípio da reversib...
Considere dois meios homogêneos e transparentes A e B, tal que nA > nB e com a
luz se refratando de A para B.
Aplicando a ...
OBS:
O fenômeno da Reflexão Total(ou
Reflexão Interna) só pode acontecer
quando o raio incidir em um meio
menos refringent...
1. Em um experimento, a luz atravessa uma placa de
vidro com velocidade igual a 2 . 108m/s . Sabendo que a
velocidade da l...
2. A figura mostra um raio de luz monocromática que se
propaga no ar formando um ângulo de 30° com a
superfície. Quando o ...
3. O ângulo limite para determinado par de meios é 45°.
Determine o índice de refração relativo entre eles.
Refração da luz 3º ano sandiego 001
Refração da luz 3º ano sandiego 001
Refração da luz 3º ano sandiego 001
Refração da luz 3º ano sandiego 001
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Refração da luz 3º ano sandiego 001

1.330 visualizações

Publicada em

física, refração

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.330
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
28
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Refração da luz 3º ano sandiego 001

  1. 1. REFRAÇÃO DA LUZ
  2. 2. À passagem da luz de um meio para outro damos o nome de refração. Quando a luz passa de um meio material para outro meio ocorre duas coisas. A primeira é que a velocidade da luz muda. A segunda é que quando a incidência é oblíqua, a direção de propagação também muda. CONCEITO DE REFRAÇÃO Refração da luz ao passar do ar para a água
  3. 3. LUZ Há desvio R.I R.R Quando a luz índice obliquamente à superfície de separação de dois meios transparentes, a refração é acompanhada de mudança na direção de propagação da luz.
  4. 4. ar água R.I R.R Quando a luz incide perpendicularmente à superfície de separação de dois meios transparentes, a refração não é acompanhada de mudança na direção de propagação da luz.
  5. 5. A refração sempre vem acompanhada da reflexão. • parte da luz é refletida; • parte da luz é absorvida; • parte da luz é refratada(atravessa).
  6. 6. ÍNDICE DE REFRAÇÃO Ao mudar de meio, a luz muda de velocidade. Isto é de certa forma esperado, pois ao aumentarmos a densidade de um meio maior será a dificuldade de propagação nele. A velocidade da luz no vácuo é a maior que qualquer objeto pode atingir. Simbolizamos por “c” a velocidade da luz no vácuo. Num outro meio qualquer a velocidade da luz (V) é menor que “c”. O índice de refração de um meio é a razão entre a velocidade da luz no vácuo e a velocidade da luz no meio considerado. n = C V O índice de refração não tem unidade, é uma grandeza adimensional. c = velocidade da luz no vácuo (m/s) c = 3 x 108 m/s v = velocidade da luz no meio (m/s) UNIDADE: c  m/s v  m/s n = c  m/s V  m/s
  7. 7. ÍNDICE DE REFRAÇÃO RELATIVO
  8. 8. RI RR NORMAL AR ÁGUA RI : RAIO INCIDENTE RR : RAIO REFRATADO LEIS DA REFRAÇÃO
  9. 9. I R Normal Raio incidente Raio refratado 1ª Lei: O raio incidente, a reta normal ao ponto de incidência e o raio refratado, estão no mesmo plano.
  10. 10. RI RR NORMAL AR ÁGUA i r i = ângulo de incidência r = ângulo de reflexão Alterando o ângulo “i” haverá uma alteração no ângulo “r”.
  11. 11. I R Normal i r Raio incidente Raio refratado Meio 1 Meio 2 2 a Lei: O produto do índice de refração absoluto de um meio pelo seno do ângulo que a luz forma com a normal nesse meio, é constante para os dois meios: n1 x sen i = n2 x sen r
  12. 12. Casos de Refração
  13. 13. I R Normal i r Raio incidente Raio refratado a) Luz passando do meio menos para o meio mais refringente: Neste caso podemos dizer que o raio refratado aproxima-se da normal
  14. 14. I R Normal i r Raio incidente Raio refratado Neste caso podemos dizer que o raio refratado afasta-se da normal b) Luz passando do meio mais para o meio menos refringente:
  15. 15. I R Normal i=0º r=0º Raio refratado Neste caso teremos uma refração sem desvio Incidência perpendicular: Raio incidente
  16. 16. REFLEXÃO TOTAL Considere um raio de luz se propagando de um meio menos refringente ( nar=1) para um meio mais refringente ( nágua=1,33). Nesse caso o raio refratado r se aproxima da normal. (figura 1). Aumentando o ângulo de incidência para i’, o ângulo de refração aumenta para r’ (figura 2). O máximo de aumento do ângulo de incidência ocorre na figura 3, onde i’’ = 90o e que corresponderá a um ângulo de refração r’’. Nesse caso, o raio de luz incide praticamente paralelo à superfície da água (incidência rasante) e não é mais possível aumentar o ângulo de incidência.
  17. 17. Agora vamos fazer o caminho inverso, ou seja, vamos fazer a luz se refratar da água para o ar e pelo princípio da reversibilidade a luz percorre o mesmo caminho das figuras anteriores, só que no sentido inverso. Verifique na figura 3 que, quando a luz incide na superfície da água com ângulo r’’, ela se refrata no ar praticamente paralelo à superfície da água (emergência rasante). Nesse caso específico, denominamos r’’ de ângulo limite L. A partir daí começa o que denominamos de reflexão total. Para qualquer ângulo de incidência maior que o ângulo limite L ( i > L), o raio de luz sofre reflexão total ou reflexão interna retornando à água tal que i = r .
  18. 18. Considere dois meios homogêneos e transparentes A e B, tal que nA > nB e com a luz se refratando de A para B. Aplicando a lei de Snell-Descartes na figura acima, temos: nA.sen L = nB.sen90o nA.sen L = nB.1 A B n n Lsen Cálculo do ângulo limite:
  19. 19. OBS: O fenômeno da Reflexão Total(ou Reflexão Interna) só pode acontecer quando o raio incidir em um meio menos refringente. E só acontece quando o ângulo de incidência for maior que o ângulo limite (L)
  20. 20. 1. Em um experimento, a luz atravessa uma placa de vidro com velocidade igual a 2 . 108m/s . Sabendo que a velocidade da luz no vácuo é de 3 .108 m/s , qual o índice de refração do vidro?
  21. 21. 2. A figura mostra um raio de luz monocromática que se propaga no ar formando um ângulo de 30° com a superfície. Quando o raio passa a incidir no outro meio o ângulo de refração observado é de 60°. A partir destas informações calcule: (a) O índice de refração da luz no segundo meio. (b) A velocidade da luz neste meio.
  22. 22. 3. O ângulo limite para determinado par de meios é 45°. Determine o índice de refração relativo entre eles.

×