O CONHECIMENTO ÉPRODUZIDO PARA SERVENDIDOJEAN-FRANCOIS LYOTARD(1924-1998)
Em Contexto• Área Epistemologia• Abordagem Pós-modernismo
ANTES• 1870 O termo ‘pós-modernismo’ é usado pelaprimeira vez no contexto da crítica da arte.• 1939-45 Avanços tecnológico...
DEPOIS• 1984 O crítico literário norte-americanoFredric Jameson escreve Pós-modernismo: alógica cultural do capitalismo ta...
Oconhecimentoé produzidopara servendido.A Tecnologia docomputadortransformou oconhecimentoem informaçãoque.......pertence ...
• Quando oconhecimento virainformação deixa de sermatéria indefinível damente: torna-seproduto passível decompra e venda.
• O pós-moderno é uma questão de‘incredulidade em relação as Metanarrativas’.Metanarrativas são históriassingulares, abran...
• O Marxismo (a visão de que a história podeser vista como uma série de lutas entre classessociais) é um exemplo de metana...
Conhecimento exteriorizado• Nossa incredulidade em relação a essasmetanarrativas é resultado da mudançaextrema das tecnolo...
• O conhecimento se exterioriza, não é maisalgo que se desenvolve na mente, algo capazde nos transformar. O conhecimento t...
• Quando deixamos de fazer perguntas taiscomo ‘isso é verdadeiro?’, e começamos aquestionar ‘como isso pode ser vendido?’,...
Jean-François Lyotard• Nasceu na França, estounaSorbonne, lecionandofilosofia vários anos.Envolveu-se com apolítica radica...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Jean francois lyotard

870 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
870
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jean francois lyotard

  1. 1. O CONHECIMENTO ÉPRODUZIDO PARA SERVENDIDOJEAN-FRANCOIS LYOTARD(1924-1998)
  2. 2. Em Contexto• Área Epistemologia• Abordagem Pós-modernismo
  3. 3. ANTES• 1870 O termo ‘pós-modernismo’ é usado pelaprimeira vez no contexto da crítica da arte.• 1939-45 Avanços tecnológicos na 2 GMlançam bases para a revolução doscomputadores no século XX• 1953 Ludwing Wittgenstein escreve emInvestigações filosóficas sobre ‘jogos delinguagem’, ideia que Lyotard usa paradesenvolver a noção de metanarrativas.
  4. 4. DEPOIS• 1984 O crítico literário norte-americanoFredric Jameson escreve Pós-modernismo: alógica cultural do capitalismo tardio.• A partir de 1990 A internet oferece acessoinédito à informação.
  5. 5. Oconhecimentoé produzidopara servendido.A Tecnologia docomputadortransformou oconhecimentoem informaçãoque.......pertence agrandescorporaçõesEssa informaçãoé julgada porseu valorcomercial, nãopor suaverdade....é arquivadaem bancos dedados
  6. 6. • Quando oconhecimento virainformação deixa de sermatéria indefinível damente: torna-seproduto passível decompra e venda.
  7. 7. • O pós-moderno é uma questão de‘incredulidade em relação as Metanarrativas’.Metanarrativas são históriassingulares, abrangentes, que tentam resumir atotalidade da história humana ou que buscamincluir todo o nosso conhecimento em umúnico sistema.
  8. 8. • O Marxismo (a visão de que a história podeser vista como uma série de lutas entre classessociais) é um exemplo de metanarrativa.Outro exemplo: a ideia de que a história dahumanidade é a história do progresso rumoao conhecimento e à justiça social maisprofundos, ocasionados por melhorconhecimento científico.
  9. 9. Conhecimento exteriorizado• Nossa incredulidade em relação a essasmetanarrativas é resultado da mudançaextrema das tecnologias que utilizamos, oscomputadores transformaram nossasatitudes, ao mesmo tempo que oconhecimento se tornou informação que podeser arquivada em banco dedados, deslocada, comprada e vendida, ouseja, ‘mercantilização do conhecimento’.
  10. 10. • O conhecimento se exterioriza, não é maisalgo que se desenvolve na mente, algo capazde nos transformar. O conhecimento tambémse desconecta das questões sobre averdade, ele é julgado não em termos doquanto é verdadeiro, mas em termos do quãobem serve a certos fins.
  11. 11. • Quando deixamos de fazer perguntas taiscomo ‘isso é verdadeiro?’, e começamos aquestionar ‘como isso pode ser vendido?’, oconhecimento torna-se um produto. Uma vezque isso acontece as corporações privadaspodem controlar o fluxo deconhecimento, decidindo quem pode acessarqual tipo de conhecimento, e quando.
  12. 12. Jean-François Lyotard• Nasceu na França, estounaSorbonne, lecionandofilosofia vários anos.Envolveu-se com apolítica radical deesquerda, mas seudesenvolvimentofilosófico o levou adesilusão com omarxismo.

×