Virtualização - Máquinas Virtuais

451 visualizações

Publicada em

Slide sobre virtualização

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
451
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
31
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Virtualização - Máquinas Virtuais

  1. 1. Virtualização Sistemas Operacionais
  2. 2. A virtualização É basicamente a simulação de uma plataforma de hardware, sistema operacional, dispositivo de armazenamento ou recursos de rede a partir de uma única máquina.
  3. 3. A virtualização • Possuem quase todos os recursos de seu sistema operacional podem ser utilizados, sendo possível conectá-las em rede, instalar programas, etc. • O principal motivo do surgimento é que antigamente não havia a possibilidade de adquirir e usar um software, pois este era acompanhado de bibliotecas e outros recursos que ficavam quase que exclusivo ao computador para qual foi desenvolvido originalmente.
  4. 4. Funcionalidades e locais de uso: As máquinas virtuais tem varias funções, como: • Consolidação de servidores – Economia de hardware • Consolidação de aplicação – Sem necessidade de um hardware específico • Ensino e aprendizagem – Uso para ensino em sala de aula • Ambientes múltiplos de execução – Disponibilidade de aplicações e migrações de software • Debbuging – Desenvolvimento de aplicações • Testing – realização de testes específicos
  5. 5. Vantagens A utilização de máquinas virtuais traz alguns fatores como vantagens, como por exemplo: • Manutenção simples. • Confiança e disponibilidade. • Economia de espaço físico. • Redução de gastos. • Compatibilidade com outras plataformas. • Segurança de dados e isolamento de máquinas, sem intervenção de outras. • Instalações simples. • Facilidade na recuperação de dados. • Facilidade em fazer backup.
  6. 6. Desvantagens Também apresentam outros fatores como desvantagens: • Desempenho: a virtualização exige uma boa conexão com a internet e um bom hardware. • Gerenciamento: é necessário sempre um monitoramento de seus servidores virtuais. • Alto consumo de memória RAM. • Alto consumo de espaço no HD.
  7. 7. Tipos de virtualização • A virtualização Assistida por hardware é quando é disponibilizado algum recurso físico, diretamente para a utilização da máquina virtual. Como por exemplo, uma placa de vídeo, placa de rede, etc. • A virtualização Total é quando o hypervisor virtualiza todo o ambiente, de modo que as máquinas virtuais acreditem que estão em um hardware real. Este modelo é o modelo de virtualização mais comumente utilizado hoje em dia.
  8. 8. Tipos de virtualização • Com a Para-virtualização, o hypervisor deixa que as máquinas virtuais saibam que estão sendo virtualizadas. Assim, a máquina que esta a ser virtualizada coopera com o hypervisor aumentando a eficiência do sistema. O Xen, por exemplo, utiliza deste modelo de virtualização. Mas, já o Windows não é aproveitado neste modelo, pois tem seu código fonte fechado e não pode ser modificado para ser para-virtualizado. Entretanto, na plataforma de virtualização da Microsoft, as Vms se aproveitam deste modelo, já que são produtos da mesma empresa.

×