Gestão de Partes Interessadas - 26/02/2014 - Evento Técnico Mensal - PMI-MG

2.450 visualizações

Publicada em

Palestra apresentada em 26/02/2014 no Evento Técnico Mensal do PMI-MG sobre Gerenciamento das Partes Interessadas

Publicada em: Negócios
2 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Olá Luis! Uma honra receber seus comentários!
    Comentei sobre algumas abordagens utilizadas na gestão das partes interessadas por algumas empresas que conheci: a high profile, onde a empresa faz questão de divulgar o projeto, com o objetivo de criar expectativa, apoio e comprometimento dos envolvidos e da comunidade. É feita uma preparação para as campanhas, divulgações, eventos, etc.
    O Low Profile é quando a empresa não divulga o projeto externamente para as partes interessadas, mas não nega a iniciativa. A equipe está alinhada com o que deve ser falado sobre o empreendimento, como ele será benéfico para cada grupo de stakeholders, etc.
    Já o 'No Profile' é quando a empresa, apesar de planejar o projeto, nega a stakeholders que pretende executá-lo. Isso leva a maiores riscos, antipatia por parte de stakeholders externos, resistência... Infelizmente ainda existem projetos em que os gestores (ou clientes) acham que é melhor não divulgar, mesmo tendo que realizar trabalhos de campo, entrar com documentação em órgãos regulatórios... Só piora a situação.
    Claro que esses exemplos que eu usei estão mais voltados a projetos de construção. Se vou fazer um projeto de TI de pequeno ou médio porte, muitas vezes não preciso nem divulgar a todas as áreas da empresa, se elas não forem afetadas. Em cada caso, há uma abordagem que se mostra mais viável. Só o 'no profile', que seria ignorar os stakeholders (principalmente os externos) é o que eu acho que só tem desvantagens...
    Abraço!
    Andre Choma
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Excelente, só aprendo com você, gostaria que mais de seus pensamentos no slide 15.
    Luis Augusto dos Santos, MSc, PMP
    Fiscal Council - Past President PMI, Sao Paulo, Brazil Chapter
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.450
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
98
Comentários
2
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gestão de Partes Interessadas - 26/02/2014 - Evento Técnico Mensal - PMI-MG

  1. 1. Palestra: Gerenciamento das Partes Interessadas - Uma Abordagem Prática Evento Técnico Mensal Fevereiro/2014 André Augusto Choma, PMP, PMI-RMP 1
  2. 2. Contextualizando... Como atender as expectativas das suas partes interessadas? Como engajá-las para o sucesso do projeto? 2
  3. 3. 3
  4. 4. Resultado... 4
  5. 5. Agenda • Introdução • Por que gerir as partes interessadas? • O que o Guia PMBOK® sugere? • Case – integração de sistemas Evento Técnico Mensal – Fev/2014 5
  6. 6. Agenda • Introdução • Por que gerir as partes interessadas? • O que o Guia PMBOK® sugere? • Case – integração de sistemas Evento Técnico Mensal – Fev/2014 6
  7. 7. Introdução Quem são as partes interessadas do projeto? Quais são as principais dificuldades em gerenciar as partes interessadas? • Identificá-las • Entender suas expectativas • Incorporar ao escopo do projeto o que é preciso para atender às expectativas e necessidades • Gerenciar as suas expectativas e necessidades de comunicação ao longo do projeto • Gerenciar as mudanças de expectativas Evento Técnico Mensal – Fev/2014 7
  8. 8. Introdução Tratar com as partes interessadas requer habilidades de comunicação por parte do Gerente do Projeto • E por parte da equipe Lembre-se que a necessidade de comunicação dos stakeholders não é uniforme • Lembram do WikiLeaks? Evento Técnico Mensal – Fev/2014 8
  9. 9. 9
  10. 10. Introdução Tratar com as partes interessadas requer habilidades de comunicação por parte do Gerente do Projeto • E por parte da equipe Lembre-se que a necessidade de comunicação dos stakeholders não é uniforme • Lembram do WikiLeaks? • O episódio da ONG Evento Técnico Mensal – Fev/2014 10
  11. 11. Agenda • Introdução • Por que gerir as partes interessadas? • O que o Guia PMBOK® sugere? • Case – integração de sistemas Evento Técnico Mensal – Fev/2014 11
  12. 12. Por que gerir as Partes Interessadas? Elas são parte do projeto E são essenciais para o seu sucesso ou fracasso E elas estão lá, quer você queira ou não! • Ignorar não é uma estratégia! Evento Técnico Mensal – Fev/2014 12
  13. 13. Por que gerir as Partes Interessadas? Algumas estratégias utilizadas por equipes de projetos • High profile Evento Técnico Mensal – Fev/2014 13
  14. 14. High Profile Fonte: globo.com 14
  15. 15. Por que gerir as Partes Interessadas? Algumas estratégias utilizadas por equipes de projetos • High profile • Low profile • “No” profile Evento Técnico Mensal – Fev/2014 15
  16. 16. Fonte: folha.com.br No Profile 16
  17. 17. Por que gerir as Partes Interessadas? Perceberam como muito do que diz respeito à gestão das partes interessadas está ligado à COMUNICAÇÃO? Evento Técnico Mensal – Fev/2014 17
  18. 18. Por que gerir as Partes Interessadas? Fonte: pmcanvas.com.br 18
  19. 19. Agenda • Introdução • Por que gerir as partes interessadas? • O que o Guia PMBOK® sugere? • Case – integração de sistemas Evento Técnico Mensal – Fev/2014 19
  20. 20. O que o Guia PMBOK® sugere? Fonte: Guia PMBOK© 5ª edição (2013) 20
  21. 21. O que o Guia PMBOK® sugere? Fonte: Guia PMBOK© 5ª edição (2013) 21
  22. 22. Agenda • Introdução • Por que gerir as partes interessadas? • O que o Guia PMBOK® sugere? • Case – integração de sistemas Evento Técnico Mensal – Fev/2014 22
  23. 23. Case – integração de sistemas O projeto: • Integrar o ERP XYZ com o sistema de leilão da BM&F ERP Evento Técnico Mensal – Fev/2014 23
  24. 24. Case – integração de sistemas Os desafios: • Técnico: sistemas distintos • Prazo: demanda do negócio para que o projeto fosse entregue em 5 meses • Gestão das partes interessadas: • Acordo com a BM&F • Informação relevante para o mercado • Diversas áreas envolvidas • Empresa de gestão de projetos terceirizada • Recursos cedidos de forma matricial Evento Técnico Mensal – Fev/2014 24
  25. 25. Case – integração de sistemas Evento Técnico Mensal – Fev/2014 25
  26. 26. Case – integração de sistemas Estratégias: • Desafio – Gestão das Partes Interessadas: • Não tínhamos ideia de quem seriam todos os envolvidos • Quatro semanas de identificação das partes interessadas • Perguntas: • Como você se vê afetado pelo projeto? • Em que fase você precisa ser envolvido? • Que requisito de escopo da sua área deve ser considerado? Evento Técnico Mensal – Fev/2014 26
  27. 27. Case – integração de sistemas Estratégias: • Desafio - Técnico: • Diversas reuniões para entendimento do sistema da BM&F e do escopo da integração • Envolvimento de alguns profissionais das áreas matriciais dos melhores • Congelamento do padrão de entrada/saída da BM&F mediante contrato • Formalização do detalhamento do escopo, com validação de técnicos e gestores (prazo) • Detalhamento do cronograma de execução (prazo) Evento Técnico Mensal – Fev/2014 27
  28. 28. Case – integração de sistemas O que foi feito? • Depois da identificação de todos os envolvidos, foi definido o padrão de comunicação • Definida também a frequência • Equipe técnica: reuniões semanais ou quinzenais, dependendo da demanda • Áreas a serem envolvidas durante o projeto: de acordo com o prazo acordado • Todos os envolvidos, principalmente no nível gerencial e executivo: “Informativo do Projeto” Evento Técnico Mensal – Fev/2014 28
  29. 29. Case – integração de sistemas Objetivos do “Informativo do Projeto” • Manter todos os envolvidos informados sobre o andamento do projeto • Promover o projeto internamente • Destacar os avanços do projeto e dar reconhecimento à equipe • Trazer para a equipe as notícias externas sobre o projeto Evento Técnico Mensal – Fev/2014 29
  30. 30. Case – integração de sistemas Outras ações de engajamento das partes interessadas: • Banner na entrada da empresa • Notícia no jornal Valor Econômico Evento Técnico Mensal – Fev/2014 30
  31. 31. Case – integração de sistemas Resultados alcançados • Grande engajamento dos envolvidos • Especialistas técnicos • Disponibilidade das equipes • Inputs no momento adequado • Sentimento de participação • O projeto foi completado “quase” no prazo • No dia do lançamento do projeto, as ações da empresa subiram mais de 3% • O sucesso do projeto foi atribuído pelos clientes à boa gestão das partes interessadas! Evento Técnico Mensal – Fev/2014 31
  32. 32. Fatores críticos de sucesso Entenda que, nos momentos iniciais do projeto, é preciso entender muito bem quem são as partes interessadas, suas expectativas e seu nível de influência. Defina como interagir com as partes interessadas, nos diferentes níveis. Construa uma relação de confiança em um ambiente de transparência. Perceba o ambiente para compreender o quanto suas ações têm correspondido às expectativas. Corrija o rumo quando necessário. Evento Técnico Mensal – Fev/2014 32
  33. 33. Fatores críticos de sucesso E um último alerta: Quase sempre um problema na gestão das partes interessadas aparece “disfarçado”, como: • Mudanças de escopo • Não aceitação do escopo por parte do cliente • Conflitos • Falta de cooperação entre os envolvidos • Atrasos • Etc... Evento Técnico Mensal – Fev/2014 33
  34. 34. Obrigado! André Augusto Choma, PMP, PMI-RMP PMI-MG andre@gestaodeempreiteiros.com.br LinkedIn: www.linkedin.com/pub/dir/Andre/Choma 34

×